Página 1 dos resultados de 29 itens digitais encontrados em 0.048 segundos

Estudo das propriedades eletrônicas e ópticas de filmes e dispositivos poliméricos.; Study of electronic and optical properties of polimeric films and polimeric devices.

Bianchi, Rodrigo Fernando
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/01/2002 PT
Relevância na Pesquisa
16.79186%
Nesse trabalho apresentamos o estudo das propriedades ópticas e elétricas de filmes e dispositivos eletrônicos de polímeros luminescentes, poli(p-fenilenovinilenos) - PPVs, semicondutores, polianilinas - PANI, e derivados desses dois polímeros. São apresentadas todas as etapas de preparação e caracterização dos dispositivos, desde as rotas de síntese dos polímeros, até a modelagem de dispositivos eletroluminescentes e de transistores de efeito de campo. Os filmes luminescentes foram caracterizados por propriedades de absorção e emissão ópticas, e função pseudo-dielétrica, mostrando dependência com a presença de grupos laterais. Filmes de PANI, por sua vez, foram caracterizados através de medidas de condutividade complexa, e os resultados obtidos mostram-se típicos de sistemas sólidos desordenados. Para interpretá-las, foi utilizado o modelo de distribuição aleatória de barreiras de energia livre (random free energy barrier model - RFEB) aplicado como ajuste aos resultados experimentais. Outra característica importante dos PPVs, estudada nessa tese, foi à degradação em condições ambientais sob iluminação. Esse efeito foi acompanhado por medidas de absorção óptica e de elipsometria, mostrando que a combinação dos efeitos do oxigênio e da luz é a principal responsável pela degradação desse material. Para explicar tal efeito...

Adsorção e fluorescência em filmes automontados de polianilina (PAN) e poli(p-fenileno vinileno)(PPV); Adsorption and fluorescence in layer-by-layer films of polyaniline and poly(p-phenylene vinylene)

Pontes, Ricardo Scudeler
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/04/1999 PT
Relevância na Pesquisa
17.815781%
A técnica de automontagem [Self-Assembly (SA)] tem sido largamente empregada na fabricação de estruturas supramoleculares de polímeros condutores que requerem controle molecular. O paradigma implícito no método de automontagem é a adsorção espontânea de camadas carregadas com cargas opostas, conduzindo assim a um filme de multicamadas formado pela alternância de policátions e poliânions. Nesta dissertação, são empregados dois tipos de polímeros conjugados e seus derivados que são identificados por suas famílias, que são a da polianilina (PAn) e a do poli(pfenileno vinileno) (PPV). São enfatizados os processos de adsorção para as polianilinas e precursores do PPV, propondo-se um mecanismo de adsorção não autolimitada sustentado por condições de não equilíbrio. O processo não autolimitado comprova que a adsorção pode ser controlada por outras interações que não a eletrostática, como as pontes de hidrogênio que são comuns nas polianilinas, e/ou por interações típicas de dispersões coloidais, visto que os polímeros se agregam em solução. Este novo método pode ter grande impacto na fabricação de estruturas supramoleculares porque podem ser obtidos filmes espessos de uma única camada com controle em nível molecular. A desvantagem deste método está na obtenção de filmes não uniformes...

Estudo teórico de formas condensadas de polianilinas; Theoretical study of condensed forms of polyanilines

Dávila, Liliana Yolanda Ancalla
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/11/2005 PT
Relevância na Pesquisa
16.79186%
Neste trabalho estudamos o efeito de empacotamento, em diferentes formas condensadas, sobre as propriedades estruturais e eletrônicas de um polímero orgânico conjugado, a polianilina, através de simulações teóricas. A metodologia teórica empregada depende do número de átomos nos sistemas escolhidos, e das propriedades investigadas. Assim, para os filmes com milhares de átomos, utilizamos métodos clássicos para a obtenção das propriedades estruturais. Já para o estudo das propriedades eletrônicas, utilizamos métodos quânticos aplicados a sistemas cristalinos. Para estudar as propriedades estruturais em filmes de polianilina, foi necessário parametrizar um campo de força, e escolhemos o UNIVERSAL1.02 (UFF). Os testes iniciais com o novo campo, UFFn, em sistemas cristalinos de polianilina foram promissores, e pudemos obter simulações de filmes realísticos homogêneos, tanto para sistemas reduzidos como oxidados. A densidade obtida para os sistemas poliméricos representam muito bem o valor experimental, e resultados de raios-X e função de distribuição radial são muito semelhantes aos encontrados na literatura. Através do método ab initio SIESTA, estudamos as propriedades estruturais e eletrônicas de sistemas moleculares e cristalinos lD e 3D de polianilina...

Proteção contra a corrosão das ligas de alumínio AA7075-T6 e AA8006-F utilizando bicamadas do tipo polianilina e camadas de cerato; Corrosion protection of AA7075-T6 and AA8006-F aluminum alloys using bi-layers based on polyaniline and cerium conversion layers

Bisanha, Leandro Duarte
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/01/2014 PT
Relevância na Pesquisa
16.79186%
O desenvolvimento de novos revestimentos ou métodos de proteção considerados ambientalmente amigáveis é extremamente importante para a substituição das eficientes camadas de conversão do cromo, as quais são amplamente utilizadas para proteção anticorrosiva do alumínio e suas ligas. Entre as alternativas relatadas na literatura, podemos destacar a aplicação de filmes de polianilina (PAni) e o uso de camadas de conversão de cério. Neste trabalho é proposta a utilização de revestimentos do tipo bicamadas formada pela combinação de: 1) duas camadas de polianilina ou 2) camadas de conversão de cério (depositadas pelo método electroless ou catodicamente) e filmes de PAni para proteção contra a corrosão das ligas de alumínio AA7075-T6 e AA8006-F em meio aquoso contendo íons cloreto. Nos ensaios de corrosão foram utilizados o monitoramento do potencial de circuito aberto e a polarização potenciodinâmica em meio de NaCl 0,6 mol L-1. A superfície das ligas com e sem os recobrimentos foram analisadas por microscopia óptica e microscopia eletrônica de varredura. Também foi realizado o teste de aderência dos filmes de PAni presentes nas bicamadas sobre as ligas estudadas. O revestimento bicamada composto por uma camada de filme de PAni quimicamente depositada e um filme casting de PAni apresenta excelente aderência sobre as ligas AA7075-T6 e AA8006-F e combina a proteção oferecida pelos filmes casting com a boa aderência dos filmes de PAni depositados quimicamente. O uso da bicamada de cerato electroless e PAni apresenta propriedades anticorrosivas inferiores quando comparadas ao filme de PAni aplicado diretamente sobre o substrato metálico...

Caracterização das propriedades físicas de polianilinas utilizando técnicas espectroscópicas; Not available

Albuquerque, Jose Eduardo de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/06/1996 PT
Relevância na Pesquisa
17.463809%
As polianilinas são polímeros condutores contendo elétrons Π, sendo diferentes de outros membros desta classe de polímeros por apresentarem um átomo de nitrogênio entre os anéis-fenil constituintes, quebrando a conjugação da cadeia. A flexibilidade química fornecida por esse átomo de nitrogênio na cadeia permite acesso a vários estados de oxidação distintos: as bases leucoesmeraldina, esmeraldina e pernigranilina. Essas bases podem-se converter uma nas outras por reações de oxi-redução. Neste trabalho, estudamos o processo de conversão de uma base em outra, usando o oxidante peroxidissulfato de amônia ou o redutor ácido ascórbico (vitamina C). Este estudo foi realizado com o uso da espectroscopia de absorção ótica na região ultravioleta-visível. A base esmeraldina pode ser protonada em soluções ácidas, com a conseqüente alteração da cadeia polimérica, tomando o polímero de isolante para condutor elétrico. A condutividade elétrica aumenta, nesse processo, em mais de dez ordens de grandeza. Por outro lado, as propriedades térmicas não se alteram muito com o estado de protonação do polímero. Estudamos as propriedades térmicas através das técnicas fototérmicas: as espectroscopias Fotopiroelétrica e Fotoacústica. Essas técnicas mostraram ser de grande utilidade no estudo das propriedades térmicas e óticas das polianilinas nãoprotonadas e protonadas com o uso de ácido clorídrico. Realizamos medidas espectroscópicas e de sinal versus freqüência de modulação da luz. Usamos o modelo de Mandelis-Zver baseado nas equações de difusão de calor na condição de detetor termicamente espesso para o ajuste teórico-experimental...

Estudos de filmes de polímeros condutores por microscopia de força atômica: processos de adsorção e propriedades eletrônicas; Not available

Leite, Fabio de Lima
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/11/2006 PT
Relevância na Pesquisa
16.79186%
A primeira parte da Tese é dedicada ao estudo de processos de adsorção de filmes de poli(o−etoxianilina) (POEA) a partir de uma solução. As condições otimizadas para produção de filmes homogêneos foram soluções de DMAc e água, em pH>5. Empregamos espalhamento de raios X de baixo ângulo (SAXS) para investigar POEA em soluções aquosas, incluindo DMAc, em vários pHs e tipos de dopantes. Utilizando procedimento ab initio, envelopes de baixa resolução foram gerados e observou−se domínios esféricos, para os polímeros dopados com HCl, SAA e CSA, com raios de giro variando entre 15 e 60 Å, enquanto que para POEA processada com TSA a morfologia foi fibrilar, com raio de giro de aproximadamente 40 Å. A morfologia dos filmes é dominada pelas características da solução, até tempos de imersão de 5s. Para tempos maiores, ocorre difusão e os domínios no filme − analisados por microscopia de força atômica (AFM) − crescem após um processo de nucleação. O crescimento inclui coalescência, com crescimento em 2 e 3D para os regimes de tempo de 10 a 60 s. Uma consequência importante destes resultados é que a adsorção é governada por processos na escala mesoscópica, e não mais molecular. O tamanho das cadeias de POEA foi estimado com medidas de curvas de força...

Aplicações do modelo de distribuição aleatória de barreiras de energia livre em mecanismos de condução iônico ou eletrônico em sistemas desordenados : polianilinas, Ormolytes e perovskitas tipo SrTi(1-x)RuxO3; Not available

Bianchi, Rodrigo Fernando
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/10/1997 PT
Relevância na Pesquisa
16.79186%
Nesse trabalho apresentamos medidas de condutividade ac, real e imaginária, em: polianilinas, Ormolytes (mistura orgânica-inorgânica) e perovskitas do tipo SrTi1-xRuxO3. As medidas foram realizadas em amostras com diferentes concentrações de impurezas e temperaturas e, apesar dos materiais possuírem características distintas, as medidas de condutividade ac obtidas mostraram-se típicas das observadas em sistemas sólidos desordenados, ou seja, apresentaram um patamar na curva de condutividade real na região de baixas freqüências e a partir de uma freqüência crítica, ϖc, iniciam um aumento com ϖ, obedecendo aproximadamente a relação σ(ϖ) ∝ ϖs. Para interpretá-las, foi utilizado o modelo de distribuição aleatória de barreiras de energia livre (RANDOM FREE ENERGY BARRIER MODEL-RFEB) aplicado como ajuste teórico-experimental. Para os Ormolytes, em particular, também foram realizadas medidas de análise térmica (DSC) e ressonância magnética nuclear (7Li) e os resultados obtidos, correlacionados às medidas de condutividade dc, mostraram uma forte evidência de uma mudança estrutural do material próxima à temperatura de 280 K. Uma das principais idéias desse trabalho é mostrar que, independente das diferentes estruturas...

Morphology variation as a function of composition for blends of PVDF and a polyaniline derivative

Mattoso, LHC; Malmonge, L. F.
Fonte: Elsevier B.V. Publicador: Elsevier B.V.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 513-518
ENG
Relevância na Pesquisa
16.79186%
Blends of poly(vinylidene fluoride), PVDF, and poly(o-methoxyaniline), POMA doped with toluene sulfonic acid, TSA, were prepared by casting at various compositions and studied by scanning electron microscopy, X-ray diffraction and differential scanning calorimetry. The blend composition has a great influence on the morphology obtained. As the concentration of POMA-TSA is increased in the blend an interconnecting fibrillar-like morphology is formed and the spherulites characteristic of pure PVDF are destroyed. The variation of blend morphology is further discussed based on X-ray diffraction and differential scanning calorimetry analysis. (C) 1998 Elsevier B.V. Ltd. All rights reserved.

The role of pressure in the electrical transport of doped plasticized polyanilines

Fier, I.; Djurado, D.; Pron, A.; Travers, J. -P.; Walmsley, L.; Swietlik, R
Fonte: Wiley-v C H Verlag Gmbh Publicador: Wiley-v C H Verlag Gmbh
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: 1208-1209
ENG
Relevância na Pesquisa
16.79186%
The behaviour of dc longitudinal and transverse conductivity in self-assembled plastdoped films of polyaniline has been studied over the range of 9 K to 320 K, under different applied mechanical pressures. We observe a progressive evolution of the conductivity picture as the applied pressure is increased, especially in the transverse direction, where the conductivity tends to lower as the pressure is increased. (C) 2012 WILEY-VCH Verlag GmbH & Co. KGaA, Weinheim

Efeito das condições de preparação na condutividade elétrica de blendas de poli(fluoreto de vinilideno) e poli(o-metoxianilina)

Malmonge, Luiz Francisco; Mattoso, Luiz Henrique C.
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 72-78
POR
Relevância na Pesquisa
16.79186%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Neste trabalho estudou-se o efeito das condições de preparação na condutividade elétrica de blendas condutoras de poli(fluoreto de vinilideno) (PVDF) com poli(o-metoxianilina) (POMA). A condutividade elétrica e a qualidade dos filmes produzidos dependem significativamente do solvente, dopante e das condições de preparação das blendas. Filmes flexíveis e auto-sustentáveis da blenda PVDF/POMA dopada com o ácido p-tolueno sulfônico (TSA) foram obtidos em condições otimizadas. Estes apresentam condutividade elétrica em uma larga faixa (10-12 - 10-2 S/cm), onde para baixos teores de POMA-TSA (<2,0% em massa) já se atinge alto valor de condutividade (10-7 S/cm), não sendo definida uma composição mínima para percolação.; In this work, the effect of preparation conditions on the properties of conductive blends of poly (vinylidene fluoride) (PVDF) and poly(o-methoxyaniline) (POMA) was studied. The quality and conductivity of the films produced depend significantly on the solvent, dopant and preparation conditions of the blends. Flexible...

Effect of low contents of a polyaniline derivative on the crystallization and electrical properties of blends with PVDF

Rocha, I. S.; Mattoso, L. H. C.; Malmonge, L. F.; Gregório Júnior, R.
Fonte: Wiley-Blackwell Publicador: Wiley-Blackwell
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1219-1224
ENG
Relevância na Pesquisa
16.79186%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); The effect of low levels of poly(o-methoxyaniline) (POMA) on the crystallization, morphology, and electrical characteristics of blends with poly(vinylidene fluoride) (PVDF) were studied by infrared spectroscopy, AC electrical measurements, and optical microscopy. Undoped POMA has a strong effect in increasing the alpha-phase and decreasing the beta-phase content of PVDF in blends crystallized from solution. For blends melt crystallized, doped POMA promotes much greater homogeneity than undoped POMA. Interestingly, doped POMA promotes the nucleation and growth of unringed PVDF spherulites, whereas undoped POMA hinders it. The doping state of the POMA was also extremely important in determining the electrical behavior of the blend. (C) 1999 John Wiley & Sons, Inc.

NEAR-RESONANT SCATTERING FROM NONSYMMETRIC DIMERS - APPLICATIONS TO SUBSTITUTED POLYANILINES

Lavarda, F. C.; Dossantos, M. C.; Galvao, D. S.; Laks, B.
Fonte: American Physical Soc Publicador: American Physical Soc
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1267-1270
ENG
Relevância na Pesquisa
27.463809%
In this work we show that, beyond the prediction of the random dimer model [Wu and Phillips, Phys. Rev. Lett. 66, 1366 (1991)], it is possible to have near resonant scattering from nonsymmetric dimers. It is shown by direct density of states calculations as well as by a procedure similar to the random dimer model that protonated chains of alkyl-substituted polyanilines support extended electronic states at the Fermi energy when a disordered distribution of symmetric or asymmetric bipolarons is present. An extension of the random dimer model to include resonant scattering by nonsymmetric dimers is proposed.

Doping of polyaniline and derivatives induced by X-ray radiation

Malmonge, J. A.; Mattoso, L. H. C.
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 779-780
ENG
Relevância na Pesquisa
16.79186%
Thin films of chemically synthesized polyaniline and poly(o-methoxyaniline) were exposed to ionizing X-ray radiation and characterized by radiation induced conductivity measurements, ultraviolet-visible spectroscopy, electron paramagnetic resonance, electrical conductivity and solubility measurements. Samples irradiated in vacuum or dry Oxygen atmosphere did not have their electronic spectra changed. However, under humid atmosphere the energy of the excitonic transition was decreased and accompanied by a great conductivity increase. The results indicate that doping of polyaniline can be induced by X-ray radiation which might be of great interest for applications on lithography and microelectronics.

Thermal analysis of conductive blends of PVDF and poly(o-methoxyaniline)

Malmonge, L. F.; Mattoso, L. H C
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 8387-8391
ENG
Relevância na Pesquisa
16.79186%
The thermal behavior of blends of poly(vinylidene fluoride), or PVDF, and poly(o-methoxyaniline) doped with toluene sulfonic acid was studied by thermogravimetic analysis, electrical conductivity measurements, differential scanning calorimetry, X-ray diffraction and scanning electron microscopy. Blends with thermal and electrical conductivity stabler than the conductive polymer alone were obtained. Nevertheless, degradation occurs after a long period of time (500 h) at high temperatures. The possible association of the conductivity decay with dopant loss, degradation and structural and morphological changes of the blend is discussed. (C) 2000 Elsevier Science Ltd.; The thermal behavior of blends of poly(vinylidene fluoride), or PVDF, and poly(o-methoxyaniline) doped with toluene sulfonic acid was studied by thermogravimetic analysis, electrical conductivity measurements, differential scanning calorimetry, X-ray diffraction and scanning electron microscopy. Blends with thermal and electrical conductivity stabler than the conductive polymer alone were obtained. Nevertheless, degradation occurs after a long period of time (500 h) at high temperatures. The possible association of the conductivity decay with dopant loss, degradation and structural and morphological changes of the blend is discussed.

Imobilização de horseradish peroxidase em diferentes polianilinas

Katia Flavia Fernandes Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/2000 PT
Relevância na Pesquisa
16.79186%
Este trabalho descreve a imobilização da enzima peroxidase em polianilinas quimicamente sintetizadas e ativadas com poliglutaraldeído. Foram sintetizadas e caracterizadas cinco polianilinas que diferiam quanto ao grau de oxidação, ao tipo de contra-íon e ao grau de substituição do anel. Esses polímeros foram ativados com poliglutaraldeído, para que a imobilização se desse por ligação química. Na ausência desse tipo de ativação, ocorre apenas a adsorção da enzima. Dos polímeros testados, observamos que aqueles com graus de oxidação intermediários (PANIG, PANIG e PANIG possuíam maior capacidade de retenção da enzima.A PANIG) foi utilizada nos experimentos que visavam à otimização dos parâmetros de imobilização. O rendimento máximo (25% ) foi obtido quando a imobilização se deu pela adição de 1,0 mL de solução de peroxidase (10 mg mL ), preparada em tampão fosfato (0,1 mol L, pH 6,0), a 5,0 mg de PANIG. A reação foi realizada durante 2h a 4°C, sob leve agitação. A avaliação dos parâmetros cinéticos revelou que a imobilização não resultou em alterações no pH ótimo (faixa 6-8) ou no Kmap (7,07 mmol L) da enzima imobilizada. Entretanto, há aumento nos parâmetros de estabilidade -na térmica...

Estrutura eletrônica de oligoanilinas

Zolacir Trindade de Oliveira Junior
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/11/1999 PT
Relevância na Pesquisa
16.79186%
Nesta tese, apresentamos um estudo conformacional e de estrutura eletrônica de oligômeros de polianilinas (PAni) em três graus de oxidação, usando para isto os métodos semi-empíricos AM 1 e ZINDO-S/CI, que são baseados na teoria Hartree-Fock. Tetrâmeros e octâmeros terminados por um grupo fenil foram utilizados como modelos moleculares para o polímero. Um dos objetivos deste estudo foi investigar os efeitos de tamanho, de estado de oxidação, de solvente e de substituintes sobre as conformações e espectros de absorção óptica, na região do UV-visível. Calculamos os potenciais de torção para as moléculas-modelo com o intuito de dar uma interpretação para o comportamento termocrômico diverso, observado para as formas isolantes das PAni. Mostramos que o termocromismo não se deve apenas à desordem conformacional dos ângulos entre anéis. Parece haver outras contribuições associadas à formação de hélices na cadeia. Verificamos que a flexibilidade das cadeias depende fortemente do seu estado de oxidação e que as alterações produzidas pelos substituintes são localizadas, não modificando globalmente as propriedades eletrônicas destes materiais. Outro aspecto que mereceu nossa consideração foi a análise de oligômeros da variedade 50% oxidada de polianilina...

Blendas de polianilina e borracha nitrilica

Marcio Roberto Vallim
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/1995 PT
Relevância na Pesquisa
17.463809%
Polianilina, preparada quimicamente, foi dopada com diferentes tipos de ácidos, usando-se perssulfato de amônio como agente oxidante a pH 1,0. Os ácidos utilizados foram: ácido dodecil benzenossulfônico (ADBS), ácido tetra-propil benzenossulfônico (ATBS), ácido p-tolueno sulfônico (APTS) e ácido clorídrico (HCI). A condutividade volumétrica das polianilinas dopadas com ácidos de alto peso molecular foi menor que a condutividade volumétrica do material preparado com HCI, porém, a estabilidade térmica deste é menor. Blendas dessas polianilinas e diferentes tipos de borracha nitrílica foram preparadas por mistura mecânica em moinho de rolos. A condutividade volumétrica e as propriedades mecânicas das blendas, dependem de sua composição. O aumento no teor de polianilina proporciona maior condutividade, porém, torna o material mais duro e quebradiço.; Chemically prepared polyaniline was doped whit diferents acids by using amonium perssulfate as oxidant agent at pH 1,0. The following acids were used: dodecil benzene sulfonic acid (ADBS), tetra-propil benzene sulfonic acid (ATBS), p-toluene sulfonic acid (APTS) and chloridric acid (HCI). The polyanilines doped whit funcionalized acids showed smaller volumetric conductivity and larger thermal stability than one doped whit HCI. Blends whit these polyanilines and different kinds of nitrilic rubbers were prepared by mechanical mixture by using roll mill. The volumetric conductivity and mechanical properties of blends depend on its composition. Increasing the polyaniline content increases the volumetric conductivity...

Synthesis and characterization of carboxyl-substituted polyanilines doped with halogenated acids: combining conductivity with solubility

Vicentini,Denice S.; Salvatierra,Rodrigo V.; Zarbin,Aldo J. G.; Dutra,Luiz G.; Sá,Marcus M.
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2014 EN
Relevância na Pesquisa
27.815781%
Copolymers of aniline with anthranilic acid and two esters, ethyl and methyl anthranilate, were prepared through chemical synthesis using a variety of acids as the dopant. All polymers and copolymers were characterized by UV-Vis, Fourier transform infrared (FTIR) and Raman spectroscopies, as well as scanning electron microscopy. The data support the formation of variable amounts of phenazine-like structures due to ortho-coupling polymerization that competes with the para-coupling mode for the construction of the polymer backbone. The electrical conductivity and the solubility in a diversity of solvents were determined and correlated with the spectral data. The copolymers of aniline with anthranilic esters are more soluble than the corresponding polyanilines. In addition, the conductivity of the copolymer with methyl anthranilate doped with trifluoroacetic acid is of the same order of magnitude as that observed for the regular polyanilines. Overall, higher conductivities were obtained for all polymers and copolymers doped with hydrochloric acid and trifluoroacetic acid.

Revestimentos de polianilina e polianilina/melamina sobre aço inox 304: eletrossíntese em meio aquoso neutro e avaliação da proteção contra corrosão em meio NaCl 0,5 mol/l

Xavier, Marco Antonio Kresko
Fonte: Curitiba Publicador: Curitiba
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
18.285078%
Polyaniline is one of the most studied conducting polymers and with various applications, including use on steels for corrosion protection. This work aimed to find the conditions for electrosynthesis of polyanilines in neutral aqueous media and to evaluated the corrosion protection of 304 stainless steel. The electrosynthesizeds polyanilines were one pure form (PAni) and one with the addition of melamine (PAni/MM). One of the justifications of this work is the need to deepen the scarce studies in electrosynthesis in neutral aqueous media. In this work, we will see the conditions for electrosynthesis of polyanilines, the UV-visible, FTIR and SEM polyanilines preliminary characterization, the potentiodynamic polarization experiments and impedance spectroscopy of 304 stainless steel without and with films from polyanilines for evaluate the corrosion resistance in NaCl 0,5 mol/L aqueous media. This work showed that electrosynthesis of polyanilines is feasible in neutral aqueous media. In addition, it was verified the following order of corrosion potencial, from lowest to highest: pure 304 stainless steel, 304 stainless steel with PAni and 304 stainless with PAni/MM.; A polianilina é dos polímeros condutores mais estudados e com diversas aplicações...

Estrutura eletrônica de polímeros conjugados : a influência da desordem

Donizetti Aparecido dos Santos
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/10/1992 PT
Relevância na Pesquisa
17.463809%
Este trabalho foi dedicado ao estudo teórico de diversos fenômenos observados em polímeros orgânicos conjugados onde efeitos provocados por desordem desempenham um papel fundamental. Foram tratados em detalhe, principalmente, três problemas: (1) a reação das polianilinas em meio ácido, considerando que os sítios imina das cadeias são protonados de maneira aleatória. É bem conhecido que a dopagem por protonação leva algumas formas de polianilina a sofrer uma transição isolante-metal. Mostramos que a protonação aleatória das iminas resulta em modificações na estrutura eletrônica da cadeia que são compatíveis com a transição de fase; (2) os efeitos sobre a estrutura eletrônica provocados por defeitos de polimerização em politiofeno. A ocorrência de defeitos de acoplamento do tipo a-b' é comum na polimerização de heterociclos como o tiofeno. Investigamos a estrutura eletrônica de uma longa cadeia de politiofeno contendo um número variável de defeitos do tipo a-b' distribuídos aleatoriamente. Verificamos que a ocorrência desses defeitos diminui a conjugação ao longo da cadeia, levando a modificações no espectro óptico e refletindo negativamente sobre a condutividade elétrica do material; (3) a transição de fase ordem-desordem em politiofenos alquil-substituídos. Polialquiltiofenos são derivados solúveis de politiofeno que apresentam...