Página 1 dos resultados de 24 itens digitais encontrados em 0.000 segundos

Determination of Threshold Dose of Photodynamic Therapy to Measure Superficial Necrosis

FERRAZ, R. C. M. C.; FERREIRA, J.; MENEZES, P. F. C.; SIBATA, C. H.; SILVA JR., O. Castro e; BAGNATO, V. S.
Fonte: MARY ANN LIEBERT INC Publicador: MARY ANN LIEBERT INC
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
16.818885%
Background Data: Photodynamic therapy (PDT) involves the photoinduction of cytotoxicity using a photosensitizer agent, a light source of the proper wavelength, and the presence of molecular oxygen. A model for tissue response to PDT based on the photodynamic threshold dose (Dth) has been widely used. In this model cells exposed to doses below Dth survive while at doses above the Dth necrosis takes place. Objective: This study evaluated the light Dth values by using two different methods of determination. One model concerns the depth of necrosis and the other the width of superficial necrosis. Materials and Methods: Using normal rat liver we investigated the depth and width of necrosis induced by PDT when a laser with a gaussian intensity profile is used. Different light doses, photosensitizers (Photogem, Photofrin, Photosan, Foscan, Photodithazine, and Radachlorin), and concentrations were employed. Each experiment was performed on five animals and the average and standard deviations were calculated. Results: A simple depth and width of necrosis model analysis allows us to determine the threshold dose by measuring both depth and surface data. Comparison shows that both measurements provide the same value within the degree of experimental error. Conclusion: This work demonstrates that by knowing the extent of the superficial necrotic area of a target tissue irradiated by a gaussian light beam...

Safety assessment of oral photodynamic therapy in rats

Fontana, Carla R.; Lerman, Mark A.; Patel, Niraj; Grecco, Clovis; Costa, Carlos Alberto de Souza; Amiji, Mansoor M.; Bagnato, Vanderlei Salvador; Soukos, Nikolaos S.
Fonte: Springer; London Publicador: Springer; London
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
17.500967%
Photodynamic therapy (PDT) is based on the synergism of a photosensitive drug (a photosensitizer) and visible light to destroy target cells (e.g., malignant, premalignant, or bacterial cells). The aim of this study was to investigate the response of normal rat tongue mucosa to PDT following the topical application of hematoporphyrin derivative (Photogem®), Photodithazine®, methylene blue (MB), and poly(lactic-co-glycolic acid) (PLGA) nanoparticles loaded with MB. One hundred and thirty three rats were randomly divided in various groups: the PDT groups were treated with the photosensitizers for 10 min followed by exposure to red light. Those in control groups received neither photosensitizer nor light, and they were subjected to light exposure alone or to photosensitizer alone. Fluorescent signals were obtained from tongue tissue immediately after the topical application of photosensitizers and 24 h following PDT. Histological changes were evaluated at baseline and at 1, 3, 7, and 15 days post-PDT treatment. Fluorescence was detected immediately after the application of the photosensitizers, but not 24 h following PDT. Histology revealed intact mucosa in all experimental groups at all evaluation time points. The results suggest that there is a therapeutic window where PDT with Photogem®...

Photodynamic therapy for pythiosis

Pires, Layla; Bosco, Sandra de M. G.; Silva Júnior, Nelson Ferreira da; Kurachi, Cristina
Fonte: Wiley-Blackwell; Chichester Publicador: Wiley-Blackwell; Chichester
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
18.078114%
Background - Pythiosis is a life-threatening disease caused by Pythium insidiosum. Photodynamic therapy (PDT) is an alternative treatment to surgery that uses the interaction of a photosensitizer, light and molecular oxygen to cause cell death. Objectives - To evaluate the effect of PDT on the in vitro growth of P. insidiosum and in an in vivo model of pythiosis. Methods - For in vitro studies, two photosensitizers were evaluated: a haematoporphyrin derivative (Photogem ) and a chlorine (Photodithazine ). Amphotericin B was also evaluated, and the control group was treated with sterile saline solution. All experiments (PDT, porphyrin, chlorine and light alone, amphotericin B and saline solution) were performed as five replicates. For in vivo studies, six rabbits were inoculated with 20,000 zoospores of P. insidiosum, and an area of 1 cm3 was treated using the same sensitizers. The PDT irradiation was performed using a laser emitting at 660 nm and a fluence of 200 J/cm2. Rabbits were clinically evaluated daily and histopathological analysis was performed 72 h after PDT. Results - For in vitro assays, inhibition rates for PDT ranged from 60 to 100% and showed better results in comparison to amphotericin B. For the in vivo assays, after PDT...

Photodynamic inactivation of clinical isolates of Candida using Photodithazine®

Dovigo, L. N.; Carmello, J. C.; Carvalho, M. T.; Mima, E. G.; Vergani, C. E.; Bagnato, Vanderlei Salvador; Pavarina, A. C.
Fonte: Taylor and Francis; Abingdon Publicador: Taylor and Francis; Abingdon
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
27.500967%
This study evaluated the photodynamic inactivation (PDI) mediated by Photodithazine® (PDZ) against 15 clinical isolates of Candida albicans, Candida glabrata and Candida tropicalis. Each isolate, in planktonic and biofilm form, was exposed to PDI by assessing a range of PDZ concentrations and light emitting diode fluences. Cell survival of the planktonic suspensions was determined by colony forming units (CFU ml-1). The antifungal effects of PDI against biofilms were evaluated by CFU ml-1 and metabolic assay. Data were analyzed by non-parametric tests (α=0.05). Regardless of the species, PDI promoted a significant viability reduction of planktonic yeasts. The highest reduction in cell viability of the biofilms was equivalent to 0.9 log10 (CFU ml-1) for C. albicans, while 1.4 and 1.5 log10 reductions were obtained for C. tropicalis and C. glabrata, respectively. PDI reduced the metabolic activity of biofilms by 62.1, 76.0, and 76.9% for C. albicans, C. tropicalis, and C. glabrata, respectively. PDZ-mediated PDI promoted significant reduction in the viability of Candida isolates.; FAPESP (CEPID Program) (08/00601-6, 08/03994-9, 98/14270-8)

"Fotodegradação do Photodithazine e citotoxicidade dos fotoprodutos formados após irradiação com laser"; "Photobleaching of Photodithazine and cytotoxicity of photoproduct formation during illumination with laser"

Corrêa, Juliana Camilo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/10/2006 PT
Relevância na Pesquisa
28.078115%
A Terapia Fotodinâmica consiste em uma nova e promissora técnica de diagnóstico e tratamento de tumores malignos. O tratamento se baseia na administração intravenosa de um fotossensibilizador que acumula-se seletivamente em tecido tumoral, sendo a seguir excitado com luz visível gerando espécies tóxicas às células levando-as à morte. Neste trabalho estudou-se o Photodithazine (PDZ), uma nova droga fotossensibilizadora produzida na Rússia que consiste de um derivado hidrossolúvel de mono-L-aspartil clorina, com potencial aplicação em Terapia Fotodinâmica (PDT). A fotodegradação do PDZ foi induzida em diferentes condições e a citotoxicidade do PDZ não irradiado e previamente irradiado foi investigada na ausência (escuro) e presença de luz (claro) em células normais (VERO) e tumorais (HEp-2). A fotodegradação do PDZ foi induzida com laser (488 e 514 nm) e com LED (630 nm). Quando PDZ é fotodegradado ocorre uma diminuição da intensidade de absorção e fluorescência e o aparecimento de uma nova banda de absorção em 668nm, o que sugere transformações químicas que levam à formação de fotoprodutos. Análises realizadas através do método CCA (Convex Constrain Analysis) demonstraram que existem duas espécies distintas...

Avaliação da eficiência fotodinâmica de fotossensibilizadores com aplicação em terapia fotodinâmica; Assessing photodynamic efficiency of photosensitizers applicated in Photodynamic therapy

Silva, Renato Cavalcante da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/09/2007 PT
Relevância na Pesquisa
28.479607%
Fotossensibilizadores são moléculas capazes de interagir com a luz de modo a gerar espécies altamente reativas de oxigênio como o oxigênio singlete e outras formas radicalares. Esta propriedade pode ser utilizada para o tratamento de câncer, remoção de contaminantes ambientais, inativação de agentes patogênicos no sangue e hemoderivados, bem como na esterilização alimentos. A técnica que utiliza o efeito fotodinâmico para o tratamento de câncer recebe o de nome Terapia Fotodinâmica (do termo em inglês: Photodynamic Therapy - PDT).Photofrin®, Photogem® e Photosan® são fármacos de primeira geração, derivados da hematoporfirina, que constituem o principal grupo de medicamentos com aplicação clínica em PDT. Photodithazine® é um fármaco de 2ª geração, derivado de clorina-e-6, que encontra-se em fase de testes clínicos e apresenta resultados promissores como fotossensibilizador (FS). Este trabalho tem o objetivo de investigar a eficiência fotodinâmica destes fármacos através de experimentos que envolvem a utilização da albumina de soro bovino (BSA) e o ácido úrico (AU) como dosímetros químicos; eritrócitos como modelo de membrana celular e a determinação do coeficiente de partição (P ou Log P) para se investigar lipofilicidade e a interação dos FS com as membranas celulares. Soluções contendo BSA e FS...

Hipericina, Photodithazine e Photogem: um estudo comparativo da atividade fotodinâmica; Hypericin, Photodithazine e Photogem: a comparative study of the photodynamic activity

Bernal, Claudia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
28.078115%
A Terapia Fotodinâmica (TFP) é uma técnica para tratamento de câncer que usa um fotossensibilizador (FS) na presença de luz e oxigênio gerando espécies altamente reativas de oxigênio que levam as células tumorais à morte.
Neste trabalho foi realizado um estudo comparativo com três FSs: Photogem® (PG), um derivado de hematoporfirina que está sendo usado em TFD no Brasil; Photodithazine® (PZ), um derivado hidrossolúvel de mono-L-aspartil clorina, que está na fase clínica para aprovação e Hipericina (HY), um pigmento fotoativo encontrado na planta Hypericum perforatum e usado na medicina popular que está sendo considerado como um promissor agente fotodinâmico para o tratamento de tumores. Este estudo utilizou uma Hipericina sintetizada no Brasil e diversos parâmetros para comparar os três FSs: a concentração inibitória média (IC50) em linhagens celulares; a constante de velocidade de fotoxidação da albumina de soro bovino na presença dos FSs e luz determinada pelo decréscimo na fluorescência da BSA em 340 nm; a fotoxidação do ácido úrico acompanhada pelo decréscimo da banda característica do ácido úrico em 290 nm após irradiação na presença dos FSs como uma estimativa indireta do rendimento quântico de formação de oxigênio singlete (ΔΦ); o rendimento quântico de fluorescência utilizando rodamina B como padrão; a acumulação dos FSs em células em função do tempo de incubação e a estimativa da quantidade de radicais livres formados após irradiação através da técnica de captura de spins. Todos os resultados obtidos evidenciam uma maior eficiência fotodinâmica da HY seguida pelo PZ e depois por Photogem e...

Avaliação do efeito vascular da terapia fotodinâmica empregando derivados de porfirina e clorina na membrana corioalantóica; Evaluation of vascular effect of photodynamic therapy using porphiryn and chlorin derivates in the chorioallantoic membrane

Buzzá, Hilde Harb
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/02/2012 PT
Relevância na Pesquisa
17.858248%
A Terapia Fotodinâmica (do inglês, Photodynamic Therapy - PDT) é uma técnica indicada para o tratamento local de câncer que vem tendo grandes avanços ao longo dos anos. A PDT consiste na interação entre luz e uma substância fotossensibilizadora, resultando na transformação do oxigênio molecular em oxigênio singleto, altamente reativo e tóxico para a célula, levando à destruição do tecido. Nesse contexto, o uso do modelo de Membrana Corioalantóica (CAM) é uma opção para o estudo dos efeitos vasculares envolvidos nessa terapia, além de permitir o estudo na variação de diversos parâmetros associados com a PDT e seus efeitos. Nesse estudo foram investigados um composto derivado de porfirina e um derivado de clorina. Esses fotossensibilizadores foram administrados topicamente e por via intravenosa, sendo variados diversos parâmetros. No primeiro caso, o tempo de incubação foi variado entre 20 e 80 minutos e a concentração de área da droga foi variada entre 0,1 e 100 g/cm2. Quanto à dose de luz, o intervalo foi entre 4,8 e 60 J/cm2, empregando lasers de diodo em 635 nm para Photogem® e 660 nm para Photodithazine®. Depois de estabelecido 30 J/cm² para a aplicação tópica, foi usada a aplicação intravenosa com essa dose...

Terapia fotodinâmica para inativação do Pythium insidiosum  - estudo in vitro e in vivo; Photodynamic therapy of Pythium insidiosum inactivation in vitro and in vivo study

Pires, Layla
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
17.858248%
A terapia fotodinâmica (TFD) é uma modalidade terapêutica baseada na interação entre uma substância fotossensibilizadora e luz, na presença do oxigênio, para causar morte celular. Sob iluminação de comprimento de onda específico, o fotossensibilizador é excitado e reage com oxigênio celular, dando origem a espécies reativas de oxigênio capazes de promover danos a biomoléculas da célula-alvo. O mesmo processo ocorre para micro-organismos, como bactérias, vírus e fungos. A Pitiose é uma doença causada por um micro-organismo semelhante a fungo denominado Pythium insidiosum. Por não ser um fungo verdadeiro, o agente não apresenta ergosterol em sua membrana plasmática e por isso, não responde à maioria das drogas antifúngicas disponíveis. Procedimentos cirúrgicos extensos, como amputação de membros, são indicados; porém as recidivas são frequentes. Neste trabalho, foi avaliado o efeito da TFD em modelo in vitro, em infecção experimental de pitiose e em pitiose equina. Além disso, foram realizados ensaios de cinética dos fotossensibilizadores utilizados, porfirina, clorinas e azuleno. As taxas de inibição de crescimento in vitro do P. insidiosum foram superiores a 95% para os ensaios com Photodithazine®. Photogem® apresentou inativação satisfatória e o azul de metileno se mostrou ineficiente para a inativação do patógeno. A cinética comprova os resultados obtidos in vitro...

Estudo comparativo da terapia fotodinâmica utilizando laser CW e de femtossegundos em diferentes intensidades e comprimentos de onda; Comparative study of photodynamic therapy using CW and femtosecond laser at different intensities and wavelengths

Grecco, Clovis
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/11/2013 PT
Relevância na Pesquisa
28.078115%
A terapia fotodinâmica (TFD) é uma modalidade de tratamento para o câncer baseado na interação da luz com um agente fotossensibilizador (FS) e o oxigênio molecular presente na célula alvo. A TFD apresenta vantagens sobre os métodos tradicionais de tratamentos como o dano seletivo às células neoplásicas, ausência de intervenção cirúrgica, possibilidade de repetição do procedimento e efeitos colaterais controlados. Uma das limitações da técnica é a profundidade de pouca penetração da luz no tecido biológico e consequentemente o volume tecidual tratado. Uma alternativa para superar esta limitação é o emprego de fonte de luz pulsada que comparativamente a irradiação com luz contínua (CW), apresenta maior potência de pico levando a uma maior profundidade de penetração e maior formação de espécies reativas de oxigênio. O objetivo deste trabalho é a avaliação da TFD utilizando fonte de luz pulsada no regime de femtossegundos através de ensaios in vitro da fotodegradação de dois tipos de FSs e da necrose induzida em fígado sadio de ratos (estudos in vivo). Nos estudos in vitro foram avaliadas a fotodegradação do Photogem (PG - 8μg/mL) e do Photodithazine (PDZ - 6μg/mL), para as irradiâncias de 280...

Avaliação da Terapia Fotodinâmica aplicada com luz intensa pulsada em pele sadia de suínos e diferentes fotossensibilizadores; Evaluation of Photodynamic Therapy using intense pulsed light on porcine healthy skin with different photosensitizers

Requena, Michelle Barreto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/07/2015 PT
Relevância na Pesquisa
17.500967%
A Terapia Fotodinâmica (TFD) caracteriza-se por um conjunto de processos físicos, químicos e biológicos que ocorre após a administração de compostos fotossensibilizantes, que ficam retidos preferencialmente nos tecidos alterados, ao que se segue a irradiação com luz visível, ativando esses fotossensibilizadores (FS) por meio da absorção da luz. Nesta modalidade terapêutica, ocorrem mecanismos de transferência de energia entre o FS e o oxigênio molecular presente nos tecidos, gerando espécies reativas de oxigênio capazes de levar as células à morte. A TFD tem uma de suas principais aplicações no tratamento do câncer de pele, e este trabalho tem por objetivo otimizar tal aplicação utilizando a luz intensa pulsada (LIP) como sistema de irradiação. Na literatura, estudos demonstram a eficiência da aplicação de LIP na área dermatológica e estética na remoção de pelos, tratamento de lesões vasculares, acnes e no fotorejuvenescimento da pele, através de efeitos fotoquímicos e térmicos, mas não há relatos sobre aplicações terapêuticas para o câncer de pele. A aplicação da LIP em TFD leva a diferentes tipos de vantagens destacando-se a possibilidade de diminuição do tempo de tratamento, com consequente redução da dor durante o procedimento. Além disso a possibilidade de aplicação de misturas de FSs que absorvam em diferentes comprimentos de onda...

Susceptibility of multispecies biofilm to photodynamic therapy using Photodithazine®

Quishida, Cristiane Campos Costa; Carmello, Juliana Cabrini; Mima, Ewerton Garcia de Oliveira; Bagnato, Vanderlei Salvador; Machado, Ana Lúcia; Pavarina, Ana Cláudia
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1-10
ENG
Relevância na Pesquisa
27.500967%
This in vitro study evaluated the effect of photodynamic therapy (PDT) on the multispecies biofilm of Candida albicans, Candida glabrata, and Streptococcus mutans. Standardized fungal and bacterial suspensions were cultivated appropriately for each species and inoculated in 96-well microtiter plates for mix-biofilm formation. After 48 h of incubation, the biofilms were submitted to PDT (P + L+) using Photodithazine® (PDZ) at 100, 150, 175, 200, or 250 mg/mL for 20 min and 37.5 J/cm2 of light-emitting diode (LED) (660 nm). Additional samples were treated only with PDZ (P + L-) or LED (P-L+), or neither (control, P-L-). Afterwards, the biofilms were evaluated by quantification of colonies (CFU/mL), metabolic activity (XTT reduction assay), total biomass (crystal violet staining), and confocal scanning laser microscopy (CSLM). Data were analyzed by one-way ANOVA and Tukey tests (p < 0.05). Compared with the control, PDT promoted a significant reduction in colonies viability of the three species evaluated with 175 and 200 mg/mL of PDZ. PDT also significantly reduced the metabolic activity of the biofilms compared with the control, despite the PDZ concentration. However, no significant difference was found in the total biomass of samples submitted or not to PDT. For all analysis...

Photodynamic inactivation of clinical isolates of Candida using Photodithazine

Dovigo, L. N.; Carmello, J. C.; Carvalho, M. T.; Mima, E. G.; Vergani, Carlos Eduardo; Bagnato, V. S.; Pavarina, A. C.
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
27.500967%
This study evaluated the photodynamic inactivation (PDI) mediated by Photodithazine® (PDZ) against 15 clinical isolates of Candida albicans, Candida glabrata and Candida tropicalis. Each isolate, in planktonic and biofilm form, was exposed to PDI by assessing a range of PDZ concentrations and light emitting diode fluences. Cell survival of the planktonic suspensions was determined by colony forming units (CFU ml-1). The antifungal effects of PDI against biofilms were evaluated by CFU ml-1 and metabolic assay. Data were analyzed by non-parametric tests (α = 0.05). Regardless of the species, PDI promoted a significant viability reduction of planktonic yeasts. The highest reduction in cell viability of the biofilms was equivalent to 0.9 log10 (CFU ml-1) for C. albicans, while 1.4 and 1.5 log10 reductions were obtained for C. tropicalis and C. glabrata, respectively. PDI reduced the metabolic activity of biofilms by 62.1, 76.0, and 76.9% for C. albicans, C. tropicalis, and C. glabrata, respectively. PDZ-mediated PDI promoted significant reduction in the viability of Candida isolates. © 2013 Taylor & Francis.

Estudo in vivo dos efeitos da terapia fotodinâmica, mediada pelo Photothazine® e luz led, sobre Cândida Albicans resistente a Fluconazol

Alves, Fernanda
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 125 f. : il. color. + anexo
POR
Relevância na Pesquisa
17.500967%
Pós-graduação em Reabilitação Oral - FOAR; Este estudo avaliou os efeitos da Terapia Fotodinâmica (PDT), mediada pelo Photodithazine® (PDZ) e luz LED, sobre Candida albicans resistente a fluconazol em um modelo de candidose oral induzida. Para isso, camundongos fêmeas de 6 semanas foram imunussuprimidos e inoculados com C. albicans (107 células/mL). Em seguida, aplicou-se 100 mg/L de PDZ (diluído em salina ou hidrogel) na cavidade bucal por 20 min e o dorso lingual foi iluminado (37,5 J/cm² dose de luz). Animais adicionais foram tratados somente com LED ou PDZ. O grupo controle positivo não recebeu nenhum tratamento e, adicionalmente, animais saudáveis receberam tratamento com PDT (n=5). Em seguida, foi feita a recuperação do micro-organismo da língua dos animais. O número de colônias viáveis foi quantificado e os valores de UFC/mL foram determinados. Os animais foram sacrificados e as línguas foram removidas cirurgicamente para análise histológica. Duas colônias de cada animal foram isoladas da placa de cultura para avaliação dos fatores de virulência: adesão e formação de biofilme em superfície abiótica, formas filamentares de crescimento e produção de exoenzimas. Os dados foram analizados por ANOVA (P < 0...

Efetividade da Terapia fotodinâmica mediada pelo fotossensibilizador photodithazine® na inativação de candida albicans in vivo

Carmello, Juliana Cabrini
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 141 f. : il. color.
POR
Relevância na Pesquisa
27.858247%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Reabilitação Oral - FOAR; Este trabalho teve por objetivo avaliar a efetividade da terapia fotodinâmica (PDT) mediada pelo fotossensibilizador (FS) Photodithazine® (PDZ), associado à luz do tipo LED (660nm). Para tanto, foram utilizados 55 camundongos com aproximadamente 6 semanas de vida, os quais foram submetidos a indução de candidose no dorso da língua. Inicialmente os animais foram imunossuprimidos e no dia seguinte se realizou a inoculação de C. albicans na língua dos mesmos por meio de swabs embebidos na suspensão (107 Ufc/mL). Para a realização da terapia fotodinâmica o FS foi avaliado nas concentrações de 75, 100, 125 e 150mg/L. Tais grupos experimentais foram denominados de (P+L+ 75mg/L, P+L+ 100mg/L, P+L+ 125mg/L, P+L+ 150mg/L) associados a uma dose de luz de 37,5 J/cm2. Para a verificação apenas do efeito da PDZ, a mesma foi aplicada na língua dos animais, sem iluminação (grupos denominados de P+L- 75mg/L, P+L- 100mg/L, P+L- 125mg/L, P+L- 150mg/L). O efeito da luz foi avaliado por meio da iluminação das línguas com dose de luz de 37,5J/cm2, (grupo denominado de P-L+ 37,5J/cm2). Um grupo recebeu apenas inoculação por Candida (grupo P-L-...

Eficácia da terapia fotodinâmica antimicrobiana em biofilmes de Staphylococcus Aureus suscetível e resistente á meticilina

Pinto, Geraldo Camilo de Souza
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 120 f. : il. color.
POR
Relevância na Pesquisa
17.500967%
Pós-graduação em Reabilitação Oral - FOAR; A necessidade de superar o desafio criado pelos biofilmes resistentes aos tratamentos antimicrobianos convencionais tem levado à busca por tratamentos alternativos, como terapia fotodinâmica antimicrobiana (aPDT). Este estudo avaliou in vitro a eficácia da aPDT na inativação de biofilmes de Staphylococcus aureus suscetíveis e resistentes à meticilina (MRSA e MSSA), mediado pelos fotossensibilizadores (PSs) Curcumina (Cur) e Photodithazine® (PDZ). Biofilmes foram formados e tratados com diferentes concentrações de Cur (0, 20, 40 e 80 μM) e PDZ (0, 50 e 75 mg/L), e iluminados ou não por fonte de luz LED (Cur 455 ± 3 nm/ 5,28 J/cm2; PDZ 660 ± 3 nm/ 5,28 J/cm2 ou 50 J/cm²). Os grupos Controle Positivo (CP) não receberam nenhum PS e também não foram iluminados. A viabilidade dos micro-organismos após a aPDT foi avaliado pelo número de colônias viáveis, pelo ensaio de XTT e pela utilização do kit LIVE/DEAD® na Microscopia Confocal de Varredura à Laser (MCVL). Os resultados foram avaliados por análises de variância de dois fatores de efeitos fixos (ANOVA) e complementados por comparações múltiplas de médias pelo teste de Tukey. Para ambas as cepas, todas as concentrações de Cur e PDZ testadas reduziram significativamente a atividade metabólica e o UFC/mL para ambos micro-organismos quando comparado com os grupos CN (p0...

Estudo da eficácia da terapia fotodinâmica, mediada pelos fotossensibilizadores Photodithazine® e Curcumina, sobre biofilmes multi-espécies formados por Streptococcus mutans, Candida albicans e Candida glabrata

Quishida, Cristiane Campos Costa
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 153 f. : il. color.
POR
Relevância na Pesquisa
27.858247%
Pós-graduação em Reabilitação Oral - FOAR; A capacidade de aderência dos micro-organismos a diferentes superfícies, a resistência a medicamentos, bem como a interação entre as espécies visam garantir a sobrevivência e a proliferação dos mesmos, resultando em menor susceptibilidade dos patógenos aos tratamentos e aos procedimentos de desinfecção. Este estudo teve como objetivo avaliar in vitro a eficácia da Terapia Fotodinâmica (PDT) mediada pelos fotossensibilizadores (FSs) Photodithazine® (PDZ) e Curcumina (Cur) sobre biofilmes multi-espécies compostos por Streptococcus mutans, Candida albicans e Candida glabrata. Para isso, o estudo foi divido em três partes: 1- avaliação do efeito fotodinâmico das diferentes concentrações de PDZ (100, 150, 175, 200 e 250mg/L) associada à luz LED (660nm/ 37,5J/cm2) na inativação de biofilme multi-espécies formado em fundo de placa de 96 orifícios; 2- avaliação do efeito fotodinâmico quando realizadas uma e três aplicações sucessivas de PDT, mediada por PDZ (175 e 200mg/L) e luz LED (660nm/ 37,5J/cm2) na inativação de biofilmes multi-espécies, formado sobre corpos-de-prova de resina acrílica. 3- avaliação do efeito fotodinâmico de diferentes concentrações do FS Cur (80...

In vivo evaluation of photodynamic inactivation using Photodithazine (R) against Candida albicans

Carmello, J. C.; Dovigo, L. N.; Mima, E. G.; Jorge, J. H.; Souza Costa, C. A. de; Bagnato, V. S.; Pavarina, A. C.
Fonte: Royal Soc Chemistry Publicador: Royal Soc Chemistry
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1319-1328
ENG
Relevância na Pesquisa
27.500967%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Processo FAPESP: 2008/03994-9; Processo FAPESP: 2008/00601-6; This study describes the photoinactivation of Candida albicans in a murine model of oral candidosis, mediated by Photodithazine (R) (PDZ). Six-week-old female Swiss mice were immunosuppressed, and inoculated with C. albicans to induce oral candidosis. After five days, photodynamic inactivation (PDI) mediated by PDZ at concentrations of 75, 100, 125 and 150 mg L-1 was applied on the tongue of mice. Next, microbiological evaluation was performed by recovering C. albicans from the tongue via colony forming units (CFU mL(-1)). After 24 h of treatment, the animals were killed and the tongues were surgically removed for histological analysis. PDI was effective in reducing C. albicans on the tongue of mice using 100 mg L-1 of PDZ, when compared to the positive control group (without treatment). No adverse effect on the tongue tissue was verified after PDI. Therefore, PDI was effective for inactivation of C. albicans without causing any harmful effects on host tissues, which is promising for future clinical trials.

Photodynamic Therapy in Pythium insidiosum - An In Vitro Study of the Correlation of Sensitizer Localization and Cell Death

Pires, Layla; Gimenes Bosco, Sandra de Moraes; Baptista, Mauricio S.; Kurachi, Cristina
Fonte: Public Library Science Publicador: Public Library Science
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 8
ENG
Relevância na Pesquisa
18.078114%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pythiosis is an infectious disease caused by Pythium insidiosum, a fungus-like organism. Due to the lack of ergosterol on its cell membrane, antibiotic therapy is ineffective. The conventional treatment is surgery, but lesion recurrence is frequent, requiring several resections or limb amputation. Photodynamic therapy uses photo-activation of drugs and has the potential to be an attractive alternative option. The in vitro PDT response on the growing of Pythium insidiosum culture was investigated using three distinct photosensitizers: methylene blue, Photogem, and Photodithazine. The photosensitizer distribution in cell structures and the PDT response for incubation times of 30, 60, and 120 minutes were evaluated. Methylene blue did not penetrate in the pathogen's cell and consequently there was no PDT inactivation. Photogem showed heterogenous distribution in the hyphal structure with small concentration inside the cells. Porphyrin-PDT response was heterogenous, death and live cells were observed in the treated culture. After 48 hours, hyphae regrowth was observed. Photodithazine showed more homogenous distribution inside the cell and with the specific intracellular localization dependent on incubation time. Photodithazine first accumulates in intracellular vacuoles...

Photodynamic Therapy in Pythium insidiosum – An In Vitro Study of the Correlation of Sensitizer Localization and Cell Death

Pires, Layla; Bosco, Sandra de Moraes Gimenes; Baptista, Maurício S.; Kurachi, Cristina
Fonte: Public Library of Science Publicador: Public Library of Science
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 21/01/2014 EN
Relevância na Pesquisa
18.078114%
Pythiosis is an infectious disease caused by Pythium insidiosum, a fungus-like organism. Due to the lack of ergosterol on its cell membrane, antibiotic therapy is ineffective. The conventional treatment is surgery, but lesion recurrence is frequent, requiring several resections or limb amputation. Photodynamic therapy uses photo-activation of drugs and has the potential to be an attractive alternative option. The in vitro PDT response on the growing of Pythium insidiosum culture was investigated using three distinct photosensitizers: methylene blue, Photogem, and Photodithazine. The photosensitizer distribution in cell structures and the PDT response for incubation times of 30, 60, and 120 minutes were evaluated. Methylene blue did not penetrate in the pathogen's cell and consequently there was no PDT inactivation. Photogem showed heterogenous distribution in the hyphal structure with small concentration inside the cells. Porphyrin-PDT response was heterogenous, death and live cells were observed in the treated culture. After 48 hours, hyphae regrowth was observed. Photodithazine showed more homogenous distribution inside the cell and with the specific intracellular localization dependent on incubation time. Photodithazine first accumulates in intracellular vacuoles...