Página 1 dos resultados de 95 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

Aproveitamento de fibra de coco verde para aplicabilidade têxtil; Use of young nut coir fiber for textile applicability

Martins, Adriana Pacheco; Watanabe, Toshiko; Silva, Pedro Luiz Rodrigues; Borelli, Camilla; Marcicano, João Paulo Pereira; Sanches, Regina Aparecida
Fonte: SENAI CETIQT; Rio de Janeiro Publicador: SENAI CETIQT; Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
99.57278%
A fibra de coco estudada é originária da comercialização da água de coco, uma das bebidas mais apreciadas nos litorais brasileiros e que ao longo dos anos vem conquistando os espaços urbanos. O consumo deste alimento de forma in natura gera problemas na gestão de resíduos e caracteriza um desperdício de biomassa que poderia ser utilizada na fabricação de diversos produtos, insumos ou energia atendendo a princípios de sustentabilidade. O objetivo deste trabalho foi analisar as características e propriedades das fibras de coco-verde e as possibilidades de aproveitamento desse material no âmbito do design. Os experimentos foram realizados em três etapas e, na primeira, foram feitas seleção manual e classificação das fibras, processos adaptados dos estudos de Santos (2006) e Mathai (2005). Em seguida foram realizados testes de físicos nas fibras de coco (ASTM D 3 822-2001 e ISO 1973-1995). Com o objetivo de melhorar a fiabilidade das fibras foram realizados tratamentos químicos de purga, simultâneo ao pré-alvejamento e amaciamento. As fibras foram fiadas em uma roca automática e o tecido foi fabricado em tear manual. Os resultados mostraram que as fibras de coco-verde têm potencial para serem utilizadas em estruturas de tecelagem plana para algumas aplicações na área têxtil.; The coir fiber studied is originated from the commerce of coconut water...

Avaliação do potencial de adsorção de U, Th, Pb, Zn e Ni pelas fibras de coco; Evaluation of potential of adsorption of U, Th, Pb, Zn and Ni by the coir pith

Monteiro, Raquel Almeida
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/02/2009 PT
Relevância na Pesquisa
89.31551%
A biomassa residual proveniente de atividades agrícolas tem sido avaliada como biossorvente de metais e compostos orgânicos devido às propriedades adsortivas, ao baixo custo, abundância e ser uma fonte renovável. Neste trabalho apresenta-se a eficiência das fibras de coco como biossorvente na remoção de íons de U, Th, Pb, Zn e Ni de meio aquoso. A fibra de coco é um sub-produto do coco, uma fonte natural renovável. O estudo foi realizado por ensaio em batelada. Estudaram-se a influência do pH 1 a 8, a dosagem das fibras de coco e o tempo de equilíbrio. Verificou-se que a adsorção aumenta com o aumento do pH e da dose. Os modelos de Langmuir e Freundlich foram aplicados para descrever a isoterma de equilíbrio de adsorção. A cinética do processo foi analisada a partir dos modelos de pseudo- primeira e pseudo-segunda ordem. Calculou-se a energia livre de Gibbs. No intervalo de concentração de 100 mg.L-1 a 500 mg.L-1, o processo de adsorção foi melhor descrito pela equação de Langmuir para os íons Pb2+ e Zn2+ e Freundlich para os íons UO2 2+, Th4+ e Ni2+. A cinética foi melhor representada pelo modelo de pseudo-segunda ordem. O processo de biossorção para remoção dos íons das soluções foi considerado espontâneo. Os resultados são promissores indicando perspectivas de aplicação das fibras de coco como biossorvente de íons de U...

Uma análise nos principais aspectos da construção calçadista para o desenvolvimento de um solado-protótipo feito a partir de fibra de coco; An analysis in the main aspects of the footwear construction for development of a prototype soloed made from coconut fibers.

Costa, Célia Regina da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
89.49998%
Os calçados são essenciais na vida humana, eles possuem a função primordial de proteger os pés e interagem constantemente com o indivíduo. Além do aspecto funcional, se exige qualidade, conforto e estética em sua confecção. Os fatores antropométricos e biomecânicos contribuem nessa interface ao oferecer parâmetros científicos na sua forma ergonômica. Confeccionar um calçado que garanta a saúde para os pés necessita conhecer os fatores que estão direta ou indiretamente relacionados à sua história, ao processo de produção, a matéria-prima entre outros itens relacionados ao calçado, assim com um embasamento científico pode dar um melhor suporte ao processo de desenvolvimento do produto. Neste contexto, a dissertação teve por objetivo organizar estes conceitos de maneira que forneça informações essenciais para a construção de um calçado confortável, pois há uma dificuldade em encontrar uma gama de conhecimentos reunidos sobre calçados para o desenvolvimento de novos projetos. Neste sentido, o estudo investigou também as características da fibra de coco verde, dos frutos descartados na cidade de Francisco Morato - São Paulo, para verificar a viabilidade de aplicação dessas fibras na construção de partes do calçado. Para a realização deste trabalho foi fundamentado uma revisão teórica que apontou a evolução do calçado na história da humanidade...

Funcionalização de fibras vegetais com plasma frio de metano para desenvolvimento de novos produtos em fibrocimento; Plasma functionalizations with methane of the vegetable fibres to development of new products in fibrocement

Barra, Bruna Neri
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/08/2014 PT
Relevância na Pesquisa
89.74907%
Dentre as fibras vegetais estudadas como reforço para produção de compósitos cimentícios, as fibras de coco verde e sisal se destacam por suas características mecânicas de interesse industrial, baixo custo e baixa densidade. O objetivo deste trabalho é o estudo da funcionalização de fibras de coco verde e sisal, pela técnica de polimerização com plasma frio de metano, bem como a análise do efeito do tratamento, a fim de reduzir a hidrofilicidade natural das fibras, preservar suas propriedades mecânicas e aumentar sua durabilidade em meio alcalino. Fibras de coco verde e sisal foram tratadas com plasma frio de metano durante 4, 10 e 20 min. O experimento também incluiu ensaio de degradação das fibras, antes e após tratamento, em solução saturada de cimento Portland. Por meio de análise de molhabilidade e de espectroscopia de fotoelétrons excitados por raios X foi identificado que o tratamento tornou a superfície das fibras de sisal tratadas por 10 e 20 min menos hidrofílica, e das fibras de coco verde tratadas durante o mesmo tempo mais hidrofílica. Corroborando esses resultados, ensaio de arrancamento foi realizado em fibras de sisal tratadas por 20 min indicando boa aderência entre a fibra tratada e a matriz cimentícia. Após ensaio de degradação em solução cimentícia de ambas as fibras tratadas durante 10 e 20 min os resultados da espectroscopia na região do infravermelho por transformada de Fourier indicaram que o tratamento retardou o processo de degradação alcalina da hemicelulose e lignina das fibras de sisal...

Composição química, propriedades mecânicas e térmicas da fibra de frutos de cultivares de coco verde

Corradini,Elisângela; Rosa,Morsyleide de Freitas; Macedo,Bruno Pereira de; Paladin,Priscila Danielle; Mattoso,Luiz Henrique Capparelli
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
109.03901%
O consumo da água de coco verde, in natura ou industrializada, vem gerando um grande problema ambiental, devido ao destino final da casca dos frutos. Aproximadamente 85% do peso bruto do coco verde é constituído pelas cascas, que são acumuladas em lixões ou às margens de estradas. Como a minimização da geração desse resíduo implicaria a redução da atividade produtiva associada, o seu aproveitamento torna-se uma necessidade. Neste sentido, este estudo teve como objetivo investigar as características da fibra de coco verde de diversos cultivares em função do ponto de colheita dos frutos, na composição química, nas propriedades mecânicas e térmicas, como forma de contribuir para avaliar seu potencial de aplicação na elaboração de novos materiais. Os resultados mostraram que a variação da composição química em função da cultivar de coco verde foi na faixa de 37,2 ± 0,8% a 43,9±0,7% e de 31,5±0,1% a 37,4±0,5% para os teores de lignina e celulose, respectivamente. A composição química não variou significativamente em função do ponto de maturação para a fibra da cultivar Anão-Verde-de-Jiqui (AVeJ). A fibra de cultivares de coco verde e AVeJ em diferentes pontos de maturação apresentaram propriedades térmicas e mecânicas semelhantes...

Propriedades de chapas fabricadas com partículas de madeira de paricá (Schyzolobium amazonicum Huber ex. Ducke) e fibras de coco (Cocos nucifera L.)

Colli,Andrea; Vital,Benedito Rocha; Carneiro,Angêlica de Cássia Oliveira; Silva,José de Castro; Carvalho,Ana Márcia Macedo Ladeira; Lucia,Ricardo Marius Della
Fonte: Sociedade de Investigações Florestais Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
108.96595%
Este trabalho teve como objetivo determinar as propriedades de chapas fabricadas com partículas de madeira de paricá (Schyzolobium amazonicum Huber ex. Ducke), às quais foram adicionadas diferentes proporções de fibras de coco (Cocos nucifera L.). As chapas foram fabricadas com 6 ou 8% de adesivo, à base de ureia-formaldeído e tendo como meta uma massa específica de 360 kg/m³. Observou-se que a adição de fibras de coco não afetou a estabilidade dimensional, higroscopicidade e absorção de água, porém aumentou significativamente as demais propriedades. As chapas fabricadas com 8% de adesivo foram mais estáveis e mais resistentes do que aquelas feitas com 6% de adesivo.

Caracterização mecânica e morfológica de compósitos de polipropileno e fibras de coco verde: influência do teor de fibra e das condições de mistura

Ishizaki,Marina H.; Visconte,Leila L. Y.; Furtado,Cristina R. G.; Leite,Márcia C. A. M.; Leblanc,Jean L.
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2006 PT
Relevância na Pesquisa
88.3932%
Compósitos de polipropileno com 10, 20 e 30% em volume de fibra de coco verde foram obtidos em câmara de mistura Haake, tendo como variáveis a temperatura de processamento e a velocidade de cisalhamento. O módulo de flexão e as características morfológicas dos diferentes compósitos obtidos foram avaliados e comparados com o polipropileno puro. Foi observado que a temperatura de 170 °C, a velocidade do rotor de 60rpm e o teor de fibra de coco verde de 30% forneceram o melhor desempenho quanto à flexão. Essas observações foram comprovadas pela análise da morfologia.

Modificação da fibra de coco com polianilina e o seu uso como sensor de pressão

Souza Jr,Fernando G. de; Paiva,Luciana O.; Michel,Ricardo C.; de Oliveira,Geiza E.
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 PT
Relevância na Pesquisa
108.94257%
O presente trabalho teve por foco a modificação de fibras de coco, tornando-as materiais compósitos condutores de eletricidade. Para tanto, foi utilizada uma técnica de polimerização in situ, capaz de gerar nanopartículas de polianilina sobre a superfície de fibras tratadas. As fibras modificadas com polianilina foram caracterizadas por FTIR, UV-Vis, DRX e SAXS. Além disso, foram submetidas a ensaios eletromecânicos, com a finalidade de indicar quais condições de modificação são mais eficientes para a obtenção de um material sensível a esforços compressivos. Os resultados de sensibilidade a compressão sugerem que os materiais modificados com as menores quantidades de polianilina são os mais adequados para aplicações no campo de sensores de pressão de natureza resistiva, podendo ser utilizados no desenvolvimento de dispositivos inteligentes.

Nanocelulose de fibras de coco imaturo para aplicação em nanocompósitos.

ROSA, M. de F.; MEDEIROS, E. S.; IMAM, S. H.; NASCIMENTO, D. M.; MONTEIRO, A. K.; MALMONGE, J. A.; MATTOSO, L. H. C.
Fonte: In: WORKSHOP DE REDE DE NANOTECNOLOGIA APLICADA AO AGRONEGÓCIO, 5., 2009, São Carlos-SP. Anais... São Carlos-SP: Embrapa Instrumentação Agropecuária, 2009. p.219-221. Publicador: In: WORKSHOP DE REDE DE NANOTECNOLOGIA APLICADA AO AGRONEGÓCIO, 5., 2009, São Carlos-SP. Anais... São Carlos-SP: Embrapa Instrumentação Agropecuária, 2009. p.219-221.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
87.9789%
2009

Plásticos biodegradáveis reforçados com fibras de coco imaturo.

ROSA, M. de F.; MATTOSO, L. H. C.; FIGUEIRÊDO, M. C. B. de; NASCIMENTO, D. M.; MONTEIRO, A. K.
Fonte: In: SEMINÁRIO DA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA NO NORDESTE, 5., 2009, Fortaleza. Caderno do Participante. Fortaleza: Instituto de Desenvolvimento Industrial do Ceará, 2009. p.41. Publicador: In: SEMINÁRIO DA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA NO NORDESTE, 5., 2009, Fortaleza. Caderno do Participante. Fortaleza: Instituto de Desenvolvimento Industrial do Ceará, 2009. p.41.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
EN
Relevância na Pesquisa
87.9789%
2009

Compósitos biodegradáveis reforçados com fibras de coco imaturo.

ROSA, M. de F.; MEDEIROS, E. S.; IMAM, S. H.; MATTOSO, L. H. C.
Fonte: In: WORKSHOP DE REDE DE NANOTECNOLOGIA APLICADA AO AGRONEGÓCIO, 5., 2009, São Carlos-SP. Anais... São Carlos-SP: Instrumentação Agropecuária, 2009. p.225-227. Publicador: In: WORKSHOP DE REDE DE NANOTECNOLOGIA APLICADA AO AGRONEGÓCIO, 5., 2009, São Carlos-SP. Anais... São Carlos-SP: Instrumentação Agropecuária, 2009. p.225-227.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
88.3534%
2009

Composição química, propriedades mecânicas e térmicas da fibra de frutos de cultivares de coco verde.

CORRADINI, E.; ROSA, M. de F.; MACEDO, B. P. de; PALADIN, P. D.; MATTOSO, L. H. C.
Fonte: Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v. 31, n. 3, p. 837-846, 2009. Publicador: Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v. 31, n. 3, p. 837-846, 2009.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
87.9975%
2009

Estudos sobre a estrutura e propriedades de fibras de coco e curauá do Brasil

Tomczak, Fabio
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
89.63967%
Resumo: O desenvolvimento de materiais obtidos de fontes renováveis tem sido uma necessidade corrente nos últimos anos para minimizar os problemas ambientais do mundo. O emprego destes materiais vem sendo objeto de diferentes estudos e pesquisas visando sua aplicação potencial como substituto em materiais derivados do petróleo, devido ao alto custo destes últimos, impacto ambiental e poluição gerada. As fibras naturais vêm apresentando um grande potencial de aplicação em diversos setores industriais. Por isso, a compreensão de suas propriedades e entendimento delas em termos de sua estrutura é de fundamental importância para definição de novas aplicações. Neste trabalho, são avaliadas as fibras de curauá e coco do Brasil em termos das propriedades físicas, mecânicas e comportamento térmico, e a simulação das propriedades mecânicas através de redes neurais artificiais. Os valores de tensão na ruptura e módulo elástico apresentam redução com o aumento do diâmetro, em ambas as fibras. Nas duas fibras em estudo, o aumento da distância entre garras levou a redução da tensão e deformação na ruptura, enquanto aumento do módulo elástico para ambas as fibras. Por outro lado, através do aumento da velocidade de ensaio...

Estudo sobre as potencialidades de compósitos à base de gesso e fibras de coco seco para aplicação na construção civil

Cunha, Paulo Waldemiro Soares
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais; Processamento de Materiais a partir do Pó; Polímeros e Compósitos; Processamento de Materiais a part Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais; Processamento de Materiais a partir do Pó; Polímeros e Compósitos; Processamento de Materiais a part
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
99.37849%
The use of gypsum, one of the oldest building materials for the construction industry in the country has been experiencing a significant and steady growth, due to its low cost and some of its properties that confer comparative advantage over other binder materials. Its use comprises various applications including the coating of walls and the production of internal seals and linings. Moreover, the fibers are being increasingly incorporated into arrays fragile in an attempt to improve the properties of the composite by reducing the number of cracks, the opening of the same and its propagation velocity. Other properties, depending on the function of the component material or construction, among these thermal and acoustic performances, are of great importance in the context of buildings and could be improved, that is, having better performance with this embodiment. Conduct a comparative study of physico-mechanical, thermal and acoustic composite gypsum incorporating dry coconut fiber, in the form of blanket, constituted the main objective of this work. Improving the thermal and acoustic performances of precast gypsum, used for lining and internal vertical fences of buildings, was the purpose of development of these composites. To evaluate the effect of fiber content on the properties of the composites were used to manufacture the composite layer with different thicknesses. The composites were fabricated in the form of plates with dimensions of 500x500x24mm. To facilitate the comparative study of the properties were also made with material gypsum boards only. We then determined the physico-mechanical...

Estudo da fibra de coco como reforço em tijolo de solocimento

Nascimento, Cláudio Mário
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica; Tecnologia de Materiais; Projetos Mecânicos; Termociências Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica; Tecnologia de Materiais; Projetos Mecânicos; Termociências
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
98.99507%
To take care of to the demand of the new constructions in the low income communities and to develop the production of a strengthened alternative brick with staple fibers of coconut, capable to contribute mainly with the recycling of the green and mature coconut in the urban and agricultural lexes, this research was developed, to confection bricks of soil-cement with coconut fiber. Ecologically correct material and of low cost, since the greenhouse use of or oven for burning will be manufactured without. The study it presents a set of tables and graphs that prove good indices found in the values of the density, water absorption, axial compressive strength and isolation term acoustics, with evidential results that make possible the production in industrial character with press mechanics or the place of the workmanship with manual form. The preparation of coconut staple fibers was made of natural form without use of chemical products not to deprive of characteristics the properties mechanical physicist-chemistries and of the same ones. The sixty bricks produced in simple and manual press had been carried through in four lots of fifteen units. The mixture of aggregates was made in four different traces composites for: ground erinaceous...

Estudo do comportamento mecânico de estruturas de solo-cimento reforçado com fibras de coco e hastes de bambu

Cabala, Guillermo Van Erven
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica; Tecnologia de Materiais; Projetos Mecânicos; Termociências Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica; Tecnologia de Materiais; Projetos Mecânicos; Termociências
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
88.77752%
In this work the use of coconut fiber (coir) and bamboo shafts as reinforcement of soil-cement was studied, in order to obtain an alternative material to make stakes for fences in rural properties. The main objective was to study the effect of the addition of reinforcement to the soil-cement matrix. The effect of humidity on the mechanical properties was also analyzed. The soil-cement mortar was composed by a mixture, in equal parts, of soil and river sand, 14% in weight of cement and 10 % in weight of water. As reinforcement, different combinations of (a) coconut fiber with 15 mm mean length (0,3 %, 0,6 % and 1,2 % in weight) and (b) bamboo shafts, also in crescent quantities (2, 4 and 8 shafts per specimen) were used. For each combination 6 specimens were made and these were submitted to three point flexural test after 28 days of cure. In order to evaluate the effect of humidity, 1 specimen from each of the coconut fiber reinforced combination was immersed in water 24 hours prior to flexural test. The results of the tests carried out indicated that the addition of the reinforcement affected negatively the mechanical resistance and, on the other hand, increased the tenacity and the ductility of the material.; Neste trabalho foi estudada a utilização de fibra de coco e de hastes de bambu como reforço de solo-cimento...

Desenvolvimento de pain?is confeccionados a partir de fibras de coco para controle ac?stico de recintos

VIEIRA, Rodrigo Jos? de Andrade
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
88.57383%
Uma boa alternativa para o controle de ru?do em ambientes fechados ? a utiliza??o de materiais de absor??o sonora, onde parte da energia ac?stica ? transformada em energia t?rmica atrav?s da viscosidade do ar, o que ocorre tanto em materiais porosos quanto fibrosos. A caracter?stica de absor??o ac?stica de um material ? determinada pelo coeficiente de absor??o sonora que depende principalmente da freq??ncia, ?ngulo de incid?ncia do som, densidade, espessura e estrutura interna do material. Da Amaz?nia, devido a sua sobrepujante biodiversidade, s?o retirados milhares de produtos e subprodutos naturais, alguns dos quais n?o s?o totalmente aproveitados. Dessa forma, muitos res?duos chegam a outros setores industriais, como ? o caso da fibra de coco que ? utilizada das mais diversas formas. Assim, o presente trabalho define e descreve um processo de fabrica??o de pain?is ac?sticos, a partir da fibra de coco, com a determina??o experimental dos principais par?metros visando o controle ac?stico de recintos, al?m de desenvolver um modelo num?rico para estabelecimento de par?metros de controle de qualidade e custo, que auxiliem no desenvolvimento e na fabrica??o de novos pain?is. Primeiramente, s?o coletadas as informa??es necess?rias para iniciar o processo de desenvolvimento dos pain?is de fibra de coco...

Argamassas fotocatalíticas e concretos com adição de fibras de coco e sisal para a redução de impactos ambientais de gases poluentes

Bonato,M. M.; Bragança,M. D'O. G. P.; Portella,K. F.; Vieira,M. E.; Bronholo,J. L.; Santos,J. C. M. dos; Cerqueira,D. P.
Fonte: Associação Brasileira de Cerâmica Publicador: Associação Brasileira de Cerâmica
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
108.94978%
A construção civil movimenta, anualmente, toneladas de cimento para as suas mais diversas aplicações, mas, a sua fabricação gera teores elevados de poluentes ambientais. Decorrente disto tem-se uma constante busca por novos métodos sustentáveis e alternativos de fabricação. Neste trabalho, a pesquisa foi direcionada em dois aspectos: a adição de fibras de coco (FC) e de sisal (FS) a um concreto referência, com a intenção de aumentar suas demandas nacionais e diminuir o impacto ambiental resultante da quantidade de resíduos descartados no ambiente após o consumo do fruto, com redução do consumo de cimento em cada dosagem, respectivamente; e, a fotocatálise de gases poluentes por argamassas à base do nanocomposto dióxido de titânio, fase anatásio. Para a avaliação do concreto com adições foram realizados ensaios de resistência à compressão axial, variação dimensional de barras de argamassa expostas em solução agressiva de sulfato e o acompanhamento da durabilidade de corpos de prova (CPs) envelhecidos em câmaras de intemperismo de névoa salina e de dióxido de enxofre pela técnica do potencial de corrosão. As argamassas com TiO2 foram avaliadas quanto ao seu potencial fotocatalítico para a redução na concentração de gases tipo NOx em câmara de UV-A...

Efeito da interface fibra/matriz sobre a resistência de compósitos poliméricos reforçados com fibras de coco

Monteiro,Sergio N.; Terrones,Luiz Augusto H.; Carvalho,Eduardo A. de; d'Almeida,José Roberto M.
Fonte: Rede Latino-Americana de Materiais Publicador: Rede Latino-Americana de Materiais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
109.33661%
Avaliaram-se as características da interface fibra/matriz em compósitos de poliéster reforçado com fibra de coco. Esta avaliação foi realizada através de medidas da tensão interfacial de cisalhamento e também por observação microestrutural da área de contato fibra de coco/resina poliéster. A partir de ensaios de arrancamento de fibras de coco embutidas em cápsulas de resina poliéster analisou-se por microscopia eletrônica de varredura regiões das fibras que se romperam ou sofreram escorregamento ao serem extraídas da resina. Os resultados revelaram uma tensão de cisalhamento interfacial similar a de outras fibras lignocelulósicas e mostraram também uma razoável adesão interfacial decorrente da natureza heterogênea das fibras de coco, o que facilita a impregnação pela resina.

Absorção de água, solubilidade em água, propriedades mecânicas e morfológicas de compósitos de glúten de milho e poli(hidroxibutirato-co-valerato) (PHBV) reforçados com fibras de coco verde

Corradini,Elisângela; Ferreira,Fábio C.; Agnelli,José A. M.; Marconcini,José M.; Mattoso,Luiz H.C.; Rosa,Morsyleide F.
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 PT
Relevância na Pesquisa
109.02594%
Neste estudo, fibras de coco verde foram incorporadas em uma matriz composta de glúten de milho (GM) e poli(hidroxibutirato-co-valerato) (PHBV). As composições foram processadas por extrusão, onde o teor máximo de glúten adicionado à matriz para obter misturas com viscosidade suficientemente baixa para o processamento foi de 50% (em peso) em relação ao teor de PHBV. O teor de fibras nos compósitos variou de 5 a 20% por peso em relação ao peso total dos polímeros. Os plastificantes usados foram acetil tributil citrato (ATBC) e glicerol. Os materiais extrudados foram moldados por compressão a quente para obtenção de corpos de prova para a caracterização das propriedades de absorção de água, solubilidade em água, resistência mecânica, além de propriedades termo-dinâmico-mecânicas (DMTA) e morfológicas. Foi observado que as matrizes apresentaram duas transições vítreas (Tg's) uma para cada componente, indicando que as mesmas são compostas de duas fases (GM) e PHBV. A adição do PHBV ao glúten favoreceu ao aumento da rigidez e houve diminuições significativas na absorção de água e na solubilidade em água, enquanto a presença das fibras provocou, em algumas composições, um aumento no módulo de elasticidade e na resistência à tração.