Página 1 dos resultados de 1114 itens digitais encontrados em 0.862 segundos

Avaliação da qualidade de vida de pacientes oncológicos em tratamento quimioterápico adjuvante; Evaluation quality of life in oncology patients submitted to adjuvant chemotherapy treatment; Evaluación de la calidad de vida de pacientes oncológicos en tratamiento quimioterápico complementar

MACHADO, Sheila Mara; SAWADA, Namie Okino
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
36.997048%
Estudo do tipo exploratório descritivo que objetivou avaliar a qualidade de vida de pacientes com câncer de mama e intestino, no início e três meses após o tratamento quimioterápico. Para a coleta de dados foi utilizado o European Organization for Research and Treatment of Cancer Quality of Life Questionnaire. A amostra constou de 21 pacientes atendidos em uma clínica de quimioterapia na cidade de Ribeirão Preto, no período de outubro de 2005 a junho de 2006. Para a análise dos dados utilizou-se de estatística descritiva e inferencial. Os resultados apontaram uma diminuição nas funções físicas, emocional, cognitiva e social e aumento nos sintomas fadiga, náuseas e vômitos, dor, insônia, perda de apetite, diarréia. Apesar disso, a média da avaliação do estado geral de saúde/qualidade de vida aumentou após os três meses de tratamento, demonstrando que a quimioterapia adjuvante teve um impacto positivo na qualidade de vida.; This is an exploratory and descriptive study that aimed to assess the quality of life of breast and intestinal cancer patients at the start and then three months after chemotherapy. For data collection, the European Organization for Research and Treatment of Cancer Quality of Life Questionnaire was applied. The sample consisted of 21 patients...

Avaliação da qualidade de vida de pacientes oncológicos em tratamento quimioterápico adjuvante; Evaluation quality of life in oncology patients submitted to adjuvant chemotherapy treatment

Paiva, Sheila Mara Machado
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.254731%
O objetivo deste estudo foi avaliar a qualidade de vida de pacientes oncológicos, diagnosticados com câncer de mama e câncer de intestino, no início do tratamento quimioterápico adjuvante e três meses após, de instituições ou clínicas da cidade de Ribeirão Preto/SP. Trata-se de estudo descritivo exploratório, longitudinal do tipo, estudo de acompanhamento, de abordagem quantitativa, tendo sido utilizado um instrumento contendo duas partes: dados sócio-demográficos e clínicos e, itens referentes ao instrumento que avalia QV em pacientes oncológicos, o EORTC QLQ-C- 30. A amostra constou de 21 pacientes atendidos em três diferentes clínicas: Clínica de Tratamento Oncológico (CTO), Centro Especializado de Oncologia (CEON) e Fundação para Pesquisa, Prevenção e Tratamento do Câncer (Fundação Sobeccan), localizadas na cidade de Ribeirão Preto/ São Paulo, no período de outubro de 2005 a junho de 2006. O instrumento mostrou propriedades psicométricas satisfatórias quanto à consistência interna e validade do construto. Quanto às características sóciodemográficas e clínicas, verificou-se que 61,9% eram do sexo feminino e 38,1% do sexo masculino. A média de idade foi de 55,5 anos, com desvio padrão de 12 anos. Pacientes diagnosticados com câncer de mama correspondeu a 47...

Aplicabilidade de sílica mesoporosa ordenada como adjuvante imunológico; Applicability of ordered mesoporous silica as immunologic adjuvant

Mariano Neto, Francisco
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/09/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.150667%
Este trabalho consistiu numa avaliação, sob um ponto de vista físico, da aplicabilidade da sílica mesoporosa ordenada tipo SBA-15 como adjuvante imunológico. Inicialmente foi estudado o método de preparação e reprodutibilidade das propriedades do material, condição necessária para a síntese de grandes quantidades (N 100g). Mostrou-se que a calcinação em vácuo, comparada com o processo em N2 e ar, resulta em material com estrutura mesoporosa mais bem ordenada. Para aplicações biológicas foi analisado o potencial de encapsulação de antígerios no material, através de estudos de incorporação de Albumina Bovina (BSA) e vacina contra Hepatite A. Foi observada uma incorporação bem-sucedida de BSA na sílica, com essa proteína alojando-se dentro da estrutura de poros. Resultado semelhante foi observado para a vacina contra hepatite A. O processo mais eficiente de incorporação foi determinado para uma mistura em repouso e seca através de evaporação. A aplicabilidade da sílica como adjuvante para uso animal foi avaliada através de análises, pelo método PIXE, da acumulação do material no organismo de camundongos. A sílica foi administrada a camundongos Swiss por via oral e intra-muscular, e o teor de silício em diferentes órgáos foi comparado aos teores em um grupo controle. Foi detectada a presença de sílica em determinados órgãos dos camundongos...

Estudo da imunogenicidade de antígenos de Neisseria meningitidis: utilização de toxóide como adjuvante, vetorizado em lipossomas, no modelo camundongo.; Neisseria meningitidis antigens immune response study: toxoid as mice model adjuvant encapsulated in liposomes.

Cunha, Tulio Nakazato da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.997048%
N.meningitidis é diplococcus gram-negativo, patógeno estritamente humano que similarmente a outras bactérias é circundado por membrana externa, com lipídios, proteínas (OMP) e lipopolissacárides. Ela tem sido uma das principais causas da meningite e de outras infecções invasoras no mundo. Este trabalho buscou usar o toxóide STX2 de E.coli como adjuvante para um possível e futuro modelo vacinal e como estimulante antigênico, proteínas da membrana externa do meningococo (OMP) transportados em lipossomas. Observaram-se diferenças na produção de anticorpos IgG obtidas entre os camundongos após cada uma das 3 sangrias mas, não quanto ao índice de avidez. A nova preparação antigênica desencadeou um alto título, mesmo após um ano da 1ª imunização, estimulou a produção de anticorpos para outros sítios de ligação e serviu como proteção ao LPS residual dos processos com deoxicolato da OMP, diminuindo toxicidade da preparação IM reduzindo os riscos para idosos e crianças muito pequenas e também, em imunizações de longo termo, com grande vantagem aos sistemas tradicionais.; N.meningitidis is diplococcus gram-negative strict human patogen that similarly to other bacteria are surrounded by external membrane with lipids...

Efeito da quimioterapia adjuvante sobre o peso e índice de massa corporal em mulheres com câncer de mama; Effect of adjuvant chemotherapy on body weight and body mass index in women with breast cancer

Mendes, Eliana da Silva Rezende
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.150667%
Introdução: O aumento de peso corporal e o IMC entre 25 e 29,9 kg/m2 (risco de obesidade) ou 30 kg/m2 (obesidade), no momento do diagnóstico do câncer de mama, são fatores de risco, reconhecidos, para a recidiva da doença e redução do tempo de vida das mulheres. Objetivo: verificar os efeitos da quimioterapia adjuvante sobre o peso e índice de massa corporal de mulheres com câncer de mama. Métodos: o estudo foi descritivo, exploratório, com coleta de dados, a partir de prontuários e contato telefônico, de uma amostra de conveniência de 66 mulheres, com câncer de mama, e submetidas à quimioterapia adjuvante, no período de 2000 a 2008. As variáveis de estudo foram peso e índice de massa corporal, protocolo quimioterápico, número de ciclos de quimioterapia, fase do climatério (pré e pós-menopausa), ingestão alimentar e prática de atividade física. A análise estatística foi realizada por meio dos testes qui-quadrado, t-Student e ANOVA. Foi adotado nível de significância de 0,05 e intervalo de confiança de 95%. Resultados: as mulheres tinham, em média, 49 anos de idade (26 - 75 anos), sendo que a alteração de peso corporal foi associada, significativamente (p < 0,05), com número de ciclos de quimioterapia e alteração da prática de atividade física...

Estudo do potencial adjuvante dos toxóides Stx1 e Stx2 de Escherichia coli em preparações com antígenos de vesículas de membrana externa de Neisseria meningitidis B em camundongos BALB/c; Study of the potential of adjuvants toxoids Stx1 and Stx2 of Escherichia coli on native outer membrane vesicle preparations of Neisseria meningitidis B in BALB/c mice

Ferreira, Tatiane Aparecida
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.997048%
As vacinas antimeningocócicas têm se demonstrado efetivas contra os sorogrupos A e C, no entanto ainda não existe vacina contra o sorogrupo B devido à similaridade entre a estrutura capsular do polissacáride B e o ácido polisiálico que faz parte do tecido cerebral humano, podendo levar à autoimunidade. O objetivo deste estudo foi investigar as propriedades adjuvantes dos toxóides Stx1 e Stx2 (STEC) de Escherichia coli, administrados em preparações antigênicas com vesículas de membrana externa nativa (NOMV) de Neisseria meningitidis B, comparando duas vias de imunização prime-boost ou intramuscular, em camundongos BALB/c com idade entre 6-8 semanas. A determinação dos níveis de anticorpos empregando a técnica de ELISA, mostrou elevadas concentrações de anticorpos IgG em soros de animais imunizados pela via intramuscular com Stx1+NOMV, mas não com NOMV, o que sugere que por esta via (intramuscular apenas) Stx1 possa ter atuado como adjuvante. No ensaio de Immunoblotting, soros de animais imunizados com Stx1+NOMV reconheceram maior número de antígenos de NOMV quando comparado ao grupo que recebeu Stx2+NOMV. O sistema prime-boost mostrou-se efetivo quando comparamos os níveis de anticorpos presentes no soro após a dose intramuscular (reforço)...

Predição da resposta à quimioterapia neo-adjuvante com ciclina D1 e proteína p21 no tratamento do câncer de mama localmente avançado; Prediction of Response to Chemotherapy Neo-adjuvantecom Cyclin D1 and P21 in Breast Cancer Treatment Locally Advanced

Abrão, Renato Antonio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.254731%
Avaliamos neste estudo as expressões da ciclina D1 e da proteína p21, pela técnica de Imuno-histoquímica, para detectar a presença destas proteínas nos núcleos das células do câncer de mama localmente avançado, com o objetivo de correlacionar a concentração destas proteínas com aresposta preditiva ao tratamento quimioterápico neo-adjuvante, utilizandoo esquema docetaxel associado à epirrubicina. A avaliação foi feita previamente e após a realização da quimioterapia neo-adjuvante. A avaliação pré-quimioterápica teve a finalidade de estabelecer um papel preditivo quanto à resposta ao tratamento primário. A avaliação pós-quimioterápica teve a finalidade de explorar a relação entre a persistência da proteína com intervalo livre de doença e sobrevida global. Foram selecionados 72 casos de 162 tumores localmente avançados de mama atendidos no período de janeiro de 1998 a dezembro de 2005, tratados por quimioterapia primária no Ambulatório de Mastologiado Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto. Conclusão: a ciclina D1 está relacionada com tumores menores, bem diferenciados e hormônio-sensíveis. Já a proteína p21 está relaciona a tumores pequenos, com estádios iniciais menores...

Eletronterapia intraoperatória adjuvante  no carcinoma inicial invasivo de mama: tolerabilidade, satisfação estética e eficiência terapêutica; Adjuvant intraoperative electron-beam therapy for early invasive breast carcinoma: toxicity, therapeutic efficacy and aesthetic satisfaction

Hanna, Samir Abdallah
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/01/2014 PT
Relevância na Pesquisa
36.997048%
INTRODUÇÃO: A razão para a radioterapia parcial da mama em comparação ao tratamento convencional da mama inteira baseia-se em 3 pontos: a) cerca de 90% das recidivas locais ocorre na adjacência do tumor primário; b) é possível estabelecer a equivalência de efetividade entre a dose única e o tratamento fracionado convencional; e c) existem dificuldades logísticas, financeiras e emocionais no tratamento fracionado convencional (falta da disponibilidade do aparelho de radioterapia em muitos municípios e desistência de tratamento das mulheres que iniciam a radioterapia convencional). Em maio de 2004 iniciou-se um estudo prospectivo com a eletronterapia intraoperatória adjuvante no carcinoma inicial invasor de mama, porém com sistemática de tratamento diferente de outras técnicas: ao invés de se usar um acelerador linear portátil e dedicado, utilizou-se o acelerador linear estático convencional. Neste trabalho, buscou-se analisar a frequência de complicações imediatas e tardias; o grau de satisfação estética das pacientes com as mamas após o tratamento; e as taxas de sobrevida livre de doença e sobrevida livre de falha local. MÉTODOS: Coletaram-se dados dos prontuários, buscando informações demográficas...

Esporos de Bacillus subtilis como adjuvante vacinal.; Bacillus subtilis spores as a vaccine adjuvante.

Souza, Renata Damasio de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/10/2014 PT
Relevância na Pesquisa
37.150667%
Esporos de Bacillus subtilis apresentam propriedades adjuvantes, sendo capazes de aumentar a resposta humoral após a sua coadministração com antígenos misturados ou adsorvidos à sua superfície. Mas, para isso, é necessária a produção de esporos altamente purificados e com rendimentos elevados. Neste trabalho, realizamos com sucesso uma análise quantitativa das condições de esporulação e dos métodos de purificação, o que melhorou a reprodutibilidade do processo e a obtenção de amostras com elevado grau de pureza e rendimento. Avaliamos também as propriedades imunomodulatórias destes esporos, utilizando como antígeno modelo a proteína recombinante Gag-p24 do HIV-1. A coadministração, mas não a adsorção à superfície do esporo, aumentou a imunogenicidade do antígeno sem induzir efeitos deletérios após a administração parenteral em camundongos BALB/c e C57BL/6. Além de promoveram a ativação das APCs, os esporos interagem com receptores relacionados à imunidade inata, devido à ausência do efeito adjuvante em camundongos nocautes para TLR2. Esses resultados abrem perspectivas interessantes para a utilização de esporos como adjuvantes vacinais.; Bacillus subtilis spores have been shown to behave as vaccine adjuvants...

Índice de qualidade da dieta de mulheres antes e durante o tratamento adjuvante para o câncer de mama

Ceccatto, Vanessa
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 127 p.| il., tabs., grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
36.997048%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Nutrição; Índices de qualidade da dieta têm sido frequentemente utilizados para avaliar o padrão alimentar e sua relação com o desenvolvimento e progressão do câncer. Objetivou-se, através deste estudo, avaliar a qualidade da dieta de mulheres com câncer de mama em tratamento adjuvante. Caracteriza-se por ensaio clínico não randomizado realizado em dois momentos: pré-cirúrgico (basal) e pós-tratamento. O Índice de Qualidade da Dieta-Revisado (IQD-R) brasileiro foi calculado, a partir de questionário de frequência alimentar contendo 112 itens alimentares. O IQD-R foi estratificado em tercis, classificando as mulheres em dieta "inadequada" (1º tercil), dieta "necessitando de modificações" (2º tercil) e dieta "saudável" (3º tercil). A pontuação do IQD-R, no início do estudo, entre as 78 participantes foi de ? 75,2 pontos, para dieta "inadequada", 75,7 a 81,8 pontos, para dieta "necessitando de modificações" e ? 82,0 pontos, para dieta "saudável". Observou-se que entre as 26 mulheres classificadas com dieta "inadequada", durante o tratamento, 10 (38%) mantiveram esta classificação e 16 (62%) melhoraram a dieta...

Avaliação da qualidade de vida e toxicidades em pacientes com câncer colorretal tratados com quimioterapia adjuvante baseada em fluoropirimidinas

Roque,Vanessa Maria Nunes; Forones,Nora Manoukian
Fonte: Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia - IBEPEGE ; Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva - CBCD ; Sociedade Brasileira de Motilidade Digestiva - SBMD ; Federação Brasileira de Gastroenterologia - FBG; Sociedade Brasileira de Hepatologia - SBH; Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva - SOBED Publicador: Instituto Brasileiro de Estudos e Pesquisas de Gastroenterologia - IBEPEGE ; Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva - CBCD ; Sociedade Brasileira de Motilidade Digestiva - SBMD ; Federação Brasileira de Gastroenterologia - FBG; Sociedade Brasileira de Hepatologia - SBH; Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva - SOBED
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.386716%
RACIONAL: O câncer colorretal é a quarta causa de câncer no Brasil e o 5-fluourouracil uma das principais drogas usadas no tratamento adjuvante e paliativo dessa doença. A toxicidade da quimioterapia e as alterações de qualidade de vida, causadas pela própria doença e pelo tratamento, são motivo de muitos estudos. OBJETIVO: Avaliar nos doentes com câncer colorretal em tratamento quimioterápico, a toxicidade e possíveis alterações da qualidade de vida. MÉTODOS: Durante o período de março de 2001 a maio de 2003 no Ambulatório de Oncologia da Disciplina de Gastroenterologia Clínica da Universidade Federal de São Paulo, foram acompanhados 45 pacientes com câncer colorretal em tratamento quimioterápico adjuvante ou paliativo com 5-fluourouracil e ácido folínico durante seis ciclos. A toxicidade gastrointestinal e hematológica foi analisada utilizando-se as Recomendações para a Graduação da Toxicidade Aguda e Subaguda. Após o término de cada ciclo quimioterápico, os resultados foram anotados de acordo com os respectivos graus que variaram entre 0 e 4. A qualidade de vida foi pesquisada pelo questionário WHOQOL bref (World Health Organization Quality of Life) que consta de 26 questões e é composto por 4 domínios: físico...

Analgesia adjuvante e alternativa

Vale,Nilton Bezerra do
Fonte: Sociedade Brasileira de Anestesiologia Publicador: Sociedade Brasileira de Anestesiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.254731%
JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Embora a dor aguda e a crônica sejam habitualmente controladas com intervenções farmacológicas, 14 métodos complementares de analgesia adjuvante e alternativa (AAA) podem reduzir o uso e abuso na prescrição de analgésicos e diminuir os efeitos colaterais que eventualmente comprometem o estado fisiológico do paciente. CONTEÚDO: Todos os mecanismos antiálgicos atuam através da via espinal de controle da comporta de Melzack e Wall e/ou através da transdução do sinal nos sistemas de neurotransmissão e neuromodulação central relacionados com analgesia, relaxamento e humor: peptidérgico, monaminérgico, gabaérgico, colinérgico e canabinóide. A analgesia adjuvante complementar é habitualmente utilizada nos tratamentos fisiátricos, ortopédicos, reumatológicos, obstétricos e com acupuntura. A analgesia alternativa complementar pode potencializar os métodos analgésicos convencionais, a exposição à luz do sol matutino, luz e cores sob luz artificial, o tempo (T) - anestésicos gerais mais potentes à noite, opióides de manhã e anestésicos locais à tarde, dieta, bom humor e riso, espiritualidade, religião, meditação, musicoterapia, hipnose e efeito placebo. CONCLUSÕES: Se a dor aguda é um mecanismo de defesa...

Ressecção laparoscópica pós terapia neo-adjuvante no tratamento do câncer no reto médio e baixo

Melani,Armando Geraldo F.; Campos,Fábio Guilherme C. M. de
Fonte: Cidade Editora Científica Ltda Publicador: Cidade Editora Científica Ltda
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.997048%
Desde o início da década de 90, diversas publicações têm reportado equivalência de resultados entre as ressecções colorretais laparoscópicas e convencionais de neoplasias, seja quanto ao número de linfonodos, extensão da ressecção, margens e implantes parietais. Quanto às neoplasias colônicas, séries recentes demonstraram não haver alteração dos índices de recidiva e sobrevida. Entretanto, a avaliação dos resultados oncológicos nas ressecções retais ainda suscita controvérsias. Este trabalho visou apresentar a experiência do Hospital de Câncer de Barretos no tratamento vídeo-laparoscópico do câncer do reto e discutir o impacto do tratamento neo-adjuvante nos resultados intra e pós-operatórios imediatos. PACIENTES E MÉTODOS: a presente casuística é constituída por série de pacientes operados consecutivamente no período de janeiro de 2000 a janeiro de 2003, submetidos a ressecções pretensamente curativas para tumores T3 ou T4 no reto médio e baixo. Esses pacientes receberam tratamento neoadjuvante e foram operados por videolaparoscopia (LAP) ou laparotomia (CONV) 4 a 6 semanas após. Analisaram-se dados clínicos, cirúrgicos, patológicos, recidiva e sobrevida após seguimento mínimo de 24 meses. RESULTADOS: foram computados 43 pacientes (20 LAP...

Avaliação da qualidade de vida de pacientes oncológicos em tratamento quimioterápico adjuvante

Machado,Sheila Mara; Sawada,Namie Okino
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.997048%
Estudo do tipo exploratório descritivo que objetivou avaliar a qualidade de vida de pacientes com câncer de mama e intestino, no início e três meses após o tratamento quimioterápico. Para a coleta de dados foi utilizado o European Organization for Research and Treatment of Cancer Quality of Life Questionnaire. A amostra constou de 21 pacientes atendidos em uma clínica de quimioterapia na cidade de Ribeirão Preto, no período de outubro de 2005 a junho de 2006. Para a análise dos dados utilizou-se de estatística descritiva e inferencial. Os resultados apontaram uma diminuição nas funções físicas, emocional, cognitiva e social e aumento nos sintomas fadiga, náuseas e vômitos, dor, insônia, perda de apetite, diarréia. Apesar disso, a média da avaliação do estado geral de saúde/qualidade de vida aumentou após os três meses de tratamento, demonstrando que a quimioterapia adjuvante teve um impacto positivo na qualidade de vida.

Aspectos clínico-econômicos da quimioterapia adjuvante no câncer de mama HER-2 positivo

Martins,Sandro José; Yamamoto,Crystina Aoki
Fonte: Associação Médica Brasileira Publicador: Associação Médica Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.254731%
OBJETIVO: Avaliar o impacto clínico e os custos do tratamento adjuvante para câncer de mama com superexpressão do receptor 2 do Fator de Crescimento Epidérmico (HER-2). MÉTODOS: Foram obtidas medidas de eficácia (sobrevida livre de doença em 3 anos) dos ensaios de fase III com trastuzumabe para o câncer de mama HER-2 positivo: um estudo finlandês (FinHER), dois americanos (National Surgical Adjuvant Breast and Bowel Project - NSAPB-31 e North Central Cancer Treatment Group N9831) e dois multinacionais (Herceptin Adjuvant, HERA e Breast Cancer International Research Group, BCIRG-006), e calculadas medidas de impacto clínico: redução de risco e número necessário para tratar (NNT). Foram estimados os custos com medicamentos antineoplásicos nestes diferentes regimes terapêuticos. RESULTADOS: A redução absoluta de risco com uso do trastuzumabe foi maior no estudo FinHER (11,7%; IC 95%: 2,2% a 21,2%). O NNT no FinHER foi 8 (IC 95%: 3 a 28), 8 (IC 95%: 7 a 11) no NSABP-31/N9831, 12 (IC 95%: 9 a 18) no HERA, 14 (IC 95%: 11 a 24) no BCIRG/com antraciclinas e 17 (IC 95%: 12 a 34) no BCIRG/sem antraciclinas. O custo para evitar um caso de recidiva seria R$ 418.285,44 com o regime FinHER, R$ 1.716.789,44 no NSABP-31/N9831, R$ 2.481.891...

Estudo de custo-efetividade do anastrozol adjuvante no câncer de mama em mulheres pós-menopausa

Sasse,Andre Deeke; Sasse,Emma Chen
Fonte: Associação Médica Brasileira Publicador: Associação Médica Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.254731%
OBJETIVOS: Análise econômica com dados nacionais sobre a possível incorporação do anastrozol como terapia adjuvante hormonal no câncer de mama em pacientes pós-menopausa. MÉTODOS: Foi feita estimativa de custo-efetividade no tratamento adjuvante do câncer de mama, em mulheres pós-menopausa, do anastrozol versus tamoxifeno em três perspectivas: do paciente, de planos de saúde e do governo. Modelo de Markov foi desenvolvido utilizando dados extraídos de publicação do estudo ATAC após seguimento de 100 meses, com projeção de desfechos em 25 anos para uma coorte hipotética de 1000 pacientes com câncer de mama pós-menopausa no Brasil. Dados de utilização de recursos e custos associados foram obtidos de fontes preestabelecidas e de opinião de especialistas. O custo associado aos tratamentos foi extraído separadamente, dependendo do ponto de vista estudado. O benefício foi inserido no modelo para obtenção do custo por ano de vida ganho ajustado pela qualidade (QALY). RESULTADOS: Extrapolando benefícios encontrados para 25 anos de seguimento, o anastrozol, em relação ao tamoxifeno, resultou numa estimativa de ganho de 0,29 QALY. A razão de custo-efetividade por QALY ganho dependeu da perspectiva utilizada. Houve incremento de R$ 32.403...

Avaliação da capacidade adjuvante do cloreto de dimetildioctadecilamônio associado ao hidróxido de alumínio na indução da resposta imune humoral de bovinos vacinados com o vírus da diarréia viral bovina

Silva,Luis César da; Takiuchi,Elisabete; Médici,Kerlei Cristina; Alfieri,Alice Fernandes; Alfieri,Amauri Alcindo
Fonte: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia / Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2004 PT
Relevância na Pesquisa
36.997048%
A resposta imunológica humoral de bovinos vacinados com o vírus da diarréia viral bovina (BVDV) inativado, tendo como adjuvante o cloreto de dimetildioctadecilamônio (DDA cloreto) associado ao hidróxido de alumínio (vacina B), foi comparada com uma vacina contendo o mesmo antígeno adsorvido apenas com hidróxido de alumínio (vacina A). Duas semanas após a segunda dose foi avaliado o título de anticorpos neutralizantes dos animais que receberam as duas preparações de antígenos. Os animais que receberam a vacina B apresentaram melhor resposta imune humoral quando comparados com os animais vacinados com a vacina A. O título médio de anticorpos neutralizantes, expresso em Log2, dos animais que receberam a vacina B foi superior (P<0,05) ao observado no grupo vacinado com a vacina A. Esse resultado demonstra que, em bovinos vacinados com o BVDV inativado, a inclusão do DDA cloreto em formulações de vacinas adsorvidas com hidróxido de alumínio potencializa a resposta imune humoral.

Tratamento adjuvante em câncer de pulmão de células não pequenas

França,Letícia Barbosa; Oliveira,Márcia Aparecida; Small,Isabele Ávila; Zukin,Mauro; Araújo,Luiz Henrique de Lima
Fonte: Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia Publicador: Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.254731%
OBJETIVO: A quimioterapia adjuvante é recomendada na maioria dos casos de câncer de pulmão de células não pequenas (CPCNP) ressecados em pacientes nos estádios II ou IIIA. No entanto, diferentes esquemas quimioterápicos contendo cisplatina foram utilizados em estudos de fase III, e a melhor escolha permanece obscura. O objetivo deste estudo foi descrever a experiência do Instituto Nacional de Câncer (INCA), localizado na cidade do Rio de Janeiro (RJ), com o uso da combinação de cisplatina e etoposídeo nessa situação, com especial foco para os dados de sobrevida. MÉTODOS: Foram avaliados retrospectivamente os prontuários dos pacientes com diagnóstico de CPCNP que receberam terapia adjuvante no INCA entre 2004 e 2008. RESULTADOS: Foram incluídos 51 pacientes, e todos foram tratados com a combinação de cisplatina e etoposídeo. A mediana de tempo de seguimento foi de 31 meses de seguimento, e a mediana de sobrevida global foi de 57 meses. Na análise univariada, a sobrevida foi inferior nos pacientes submetidos a radioterapia + quimioterapia do que aqueles somente submetidos a quimioterapia (mediana de 19 vs. 57 meses; p < 0,001), e houve uma tendência a menor sobrevida nos pacientes em estádio III em relação àqueles em estádios I-II (mediana de 34 vs. 57 meses...

Imunização de camundongos com antígenos de lisado total (NLA) e de excreção-secreção (NcESA) de Neospora caninum associados com oligodeoxinucleotídeo CpG como adjuvante

Ribeiro, Dâmaso Pacheco
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.254731%
Neospora caninum é um protozoário do filo Apicomplexa que causa doenças neuromusculares em cães e abortos em bovinos, acarretando significativas perdas econômicas. Estudos em modelos murinos têm contribuído para caracterizar novos antígenos e estratégias para procedimentos de vacinação. Oligodeoxinucleotídeos (ODN) com seqüências CpG são considerados potentes imunoadjuvantes para vários patógenos, mas há limitada informação sobre sua utilização em vacinação contra neosporose. O objetivo deste estudo foi avaliar o potencial de antígenos de lisado total (NLA) e de excreção-secreção (NcESA) de N. caninum combinados com ODN-CpG na indução de resposta imune e proteção contra infecção por N. caninum em camundongos. Seis grupos de camundongos C57BL6 foram imunizados subcutaneamente com NLA, NLA+CpG, NcESA, NcESA+CpG, CpG (controle do adjuvante) ou PBS (controle da infecção), com três reforços em intervalos de 2 semanas. Análises sorológicas mostraram aumento na resposta de IgG2a anti-N. caninum em grupos de animais imunizados com qualquer antígeno combinado com adjuvante CpG e níveis elevados do isotipo IgG1 naqueles grupos contendo somente antígenos. Respostas proliferativas após estimulação antigênica in vitro foram mais elevadas nos grupos imunizados com antígenos associados com CpG...

Avaliação da atividade adjuvante da subunidade B recombinante da enterotoxina termolábil de Escherichia coli fusionada ou co-administrada a rFimA de Salmonella Enteritidis; Evaluation of the adjuvant activity of recombinant Escherichia coli heat-labile enterotoxin B subunit fused or co-administered to rFimA of Salmonella Enteritidis.

Sehn, Carla Pohl
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Biotecnologia; Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Biotecnologia; Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.466943%
The association of vaccine antigens to potent immunological adjuvants is a key strategy to improve the performance of subunit vaccines. Adjuvants are components that, when used in combination with a specific antigen, induce more immunity that the antigen alone. Microbial products have been used as adjuvant, including the B subunit of the thermo labile entherotoxin of Escherichia coli (LTB), which is atoxic. LTB is known by its great efficiency as mucosal immunity adjuvant and this activity depends on the shape of the antigen combination (co-administered or fused), on the immunization route (mucosal or parentheral) and the dosage. This study aims to evaluate the adjuvant activity of recombinant LTB (rLTB), both as chimeric and coadministered orally or intramuscularly, using the major fimbrial unit type 1 (FimA) of Salmonella Enteritidis as antigen. BALB/c mice were immunized orally or intramuscularly with three doses of rLTB or PBS (controls) or rFimA, rFimA associated with Freund's incomplete adjuvant (rFimA+AI, i.m. immunized animals), co-administered or fused to LTB (chimera). The levels of total systemic antibodies, IgG1, IgG2a and IgA anti-rFimA were measured by ELISA and an animal protection assay against S. Typhimurium infection was performed. The results show that rLTB only showed adjuvant activity that resembled the commercial adjuvant when coadministered intramuscularly to rFimA and for totals antibody production. These results confirm that the action of adjuvant rLTB is influenced by the shape of binding to the antigen (fused or co-administered) and route of administration. Immunizations did not induce protection of mice challenged with S. Typhimurium...