Página 1 dos resultados de 4 itens digitais encontrados em 0.163 segundos

A COMBINED MULTI-ANALYTICAL APPROACH FOR THE STUDY OF ROMAN GLASS FROM SOUTH-WEST IBERIA: SYNCHROTRON m-XRF, EXTERNAL-PIXE/PIGE AND BSEM–EDS

Carneiro, André; Schiavon, N; Candeias, A; Ferreira, T; Calligaro, T; Lopes, C; Mirão, J
Fonte: Archaeometry Publicador: Archaeometry
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
27.644233%
An integrated, multi-analytical approach combining the high sensitivity of SR-mXRF, the light element capability of PIXE/PIGE under a helium flux and the spatial resolution of BSEM + EDS was used to characterize chemical composition and corrosion of glass samples (first to fourth centuries AD) from an important, but scarcely investigated, Roman region of south-west Iberia (southern Portugal). The geochemical trends and associations of major, minor and trace elements were investigated to shed light on production techniques, the provenance of raw materials and decay mechanisms. The results, while confirming a produc- tion technique common to Roman glasses throughout the Empire—that is, a silica-soda-lime low-Mg, low-K composition, with glass additives as colouring and/or decolouring agents (Fe, Cu, Mn, Sb)—show at one site high Zr–Ti contents, suggesting a more precise dating for these glasses to the second half of the fourth century. The Ti–Fe–Zr–Nb geochemical correlations in the pristine glass indicate the presence of minerals such as ilmenite, zircon, Ti-rich Fe oxides and columbite in the sands used as raw materials for the glass former: these minerals are typical of granitic-type source rocks. The unusually high K content in the corrosion layers is consistent with burial conditions in K-rich soils derived from the alteration of 2:1 clays in K-bearing rock sequences.

Vidros romanos das necrópoles de Alcácer do Sal em depósito no Museu Nacional de Arqueologia

Gomes, Francisco
Fonte: Arnaud, J. M.; Martins, A.; Neves, C. Publicador: Arnaud, J. M.; Martins, A.; Neves, C.
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
38.147712%
O espólio vítreo de cronologia alto‐imperial proveniente do Olival e da Azinhaga do Senhor dos Mártires, embora não numeroso, reveste‐se de um inegável interesse pela sua relativa diversidade e estado de conservação. Apresenta‐se aqui um conjunto de peças inéditas, actualmente em depósito no Museu Nacional de Arqueologia, que constituem uma amostra do repertório vítreo típico dos ambientes funerários dos séculos I‐II d.C.; Abstract: The glass material of early imperial chronology from the Olival and Azinhaga do Senhor dos Mártires, albeit not abundant, presents an undeniable interest due to its relative diversity and good conservation state. A study of a group of previously unpublished pieces currently deposited in the Museu Nacional de Arqueologia is presented, which constitutes a sample of the typical repertoire of funerary contexts of the I‐II centuries AC.

Materiais de construção em Bracara Augusta

Ribeiro, Jorge M.; Martins, Manuela
Fonte: CITCEM – Centro de Investigação Transdisciplinar «Cultura, Espaço e Memória» e LAMOP – Laboratoire de Médiévistique Occidentale de Paris (Université de Paris 1 et CNRS) Publicador: CITCEM – Centro de Investigação Transdisciplinar «Cultura, Espaço e Memória» e LAMOP – Laboratoire de Médiévistique Occidentale de Paris (Université de Paris 1 et CNRS)
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /10/2012 POR
Relevância na Pesquisa
17.644235%
A presente comunicação incide sobre a temática dos materiais de construção romanos usados em Bracara Augusta . Os construtores da cidade utilizaram ao longo do período romano uma grande variedade de materiais, destacando - se de forma particular o uso da pedra local, o granito. Apoiamos a nossa análise no estudo sistemático dos materiais utilizados nos vários edifícios que chegaram aos nossos dias, recorrendo assim aos elementos arqueológicos obtidos nas escavações realizadas em Braga ao longo das últimas três décadas, no âmbito do projeto de Bracara Augusta. A vasta gama de materiais utilizados na construção, pedra, argamassas, argila, madeira, materiais metálicos e vidros, dão testemunho de uma ativa e permanente atividade edi - lícia, determinada pelo rápido desenvolvimento da cidade e por sucessivos momentos de renovação urbana, que se apoia num contexto socioeconómico favorável e na exploração das potencialidades geológicas a nível local/e regional. A abordagem realizada permite equacionar várias questões sobre os materiais utilizados nos programas de obras, designadamente quanto à sua proveniência, evolução, múltiplas aplicações, contexto de produção e manipulação...

O vidro romano no Noroeste Peninsular : um olhar a partir de Bracara Augusta

Cruz, Mário da
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 16/11/2009 POR
Relevância na Pesquisa
28.411438%
Tese de doutoramento em Arqueologia (área de conhecimento de Materiais e Tecnologias); “Vidros Romanos no Noroeste Peninsular. Um olhar a partir de Bracara Augusta” começou pelo estudo da importante colecção de vidros de Braga e estendeu-se às pequenas e grandes colecções, guardadas em museus, gabinetes municipais de arqueologia e outras instituições, publicas e privadas, no que outrora fora a província romana da Callaecia. Esta tese procurou ir para além dos tradicionais estudos de vidros, baseados em descrições e classificações tipológicas, procurando estudar todas as facetas do vidro antigo, desde os estudos de arqueometria à produção local. Este novo olhar trouxe ao de cima uma nova realidade e procurou ultrapassar velhas noções baseadas em conhecimentos da indústria vidreira Medieval e Moderna. Um novo conceito, relativo à importância do vidro no quotidiano das populações e na economia do noroeste peninsular, emergiu.; “Roman glass from the Iberian Peninsula’s northwest. An approach from Bracara Augusta” begins with the analysis of the important glass collection from Bracara Augusta, the modern town of Braga, and continues with the study of other collections kept in museums and archaeological institutes in what was the Roman province of Callaecia. This thesis goes beyond the traditional study of glass vessels based on descriptions and classifications...