Página 1 dos resultados de 385 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Desenvolvimento e implementação de um sistema de medidas do potencial de superfície efetivo para estudos do aprisionamento de cargas elétricas em filmes poliméricos; Development of a system for measuring surface potentials for the study of electric charge decay in polymer films

Cruz, Jeferson Auto da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/11/2010 PT
Relevância na Pesquisa
58.288677%
O desenvolvimento de piezoeletretos, com estruturas de bolhas pré-moldadas, pelo Grupo de Alta Tensão e Materiais (GATM) da Universidade de São Paulo, abriu novas oportunidades para pesquisas relacionadas com o aprisionamento de cargas elétricas, isto por serem as cargas aprisionadas nas superfícies das bolhas as principais responsáveis pelo desempenho dos piezoeletretos. Logo o objetivo deste trabalho é estudar a influência de alguns fatores externos no aprisionamento de cargas na superfície dos polímeros. E para explorar fatores como temperatura e ação de reagentes químicos utilizados na limpeza dos filmes, foi desenvolvido, baseado no método de sensor capacitivo, um dispositivo capaz de realizar medidas sensíveis de cargas superficiais. Outro objetivo foi a implementação de uma metodologia que permita realizar medidas de forma repetitiva e segura. Por ser o material utilizado no preparo dos piezoeletretos do grupo, o principal polímero estudado neste trabalho foi o Teflon® FEP embora o dispositivo desenvolvido permita as medidas de qualquer material polimérico.; The development of new piezoelectrets with bubbles structures by the High- Voltage and Materials Group (GATM) at University of São Paulo, create new opportunities to investigate external parameters that can affect the charge storage in polymer surfaces...

Filmes ultrafinos de polímeros contendo cromóforos de azobenzeno; Thin films of polymers containing azobenzene chromophores

Silva, Josmary Rodrigues
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/01/2003 PT
Relevância na Pesquisa
48.67166%
Foram investigadas as propriedades de formação de filmes de Langmuir e as propriedades ópticas e elétricas de filmes mistos de Langmuir-Blodgeti (LB) preparados com os polímeros HPDR13, MMA-DR13 e IPDI-DR19CI com adição de estearato de cádmio (CdSt). Para caracterizar os polímeros foram usadas as técnicas de calorimetria diferencial de varredura, espectroscopia ultravioleta-visível (W-Vis) e difração de raios X. As medidas de isotermas de pressão e de potencial de superfície com os filmes Langmuir mostraram que ocorre agregação molecular associada a interações dipolares. Medidas de absorção no W-Vis mostraram que os agregados dipolares formados são do tipo-J. As investigações dos sistemas poliméricos mostraram que o sinal da birrefringência fotoinduzida pode depender do número de camadas LB, potência da luz de excitação e temperatura. Funções com duas exponenciais e de Kohlrausch-Williams-Watts foram usadas de forma sistemática para analisar as curvas de crescimento e decaimento do sinal de birrefringência. As dependências das constantes de tempo das funções citadas também foram analisadas em função da temperatura. Observou-se que os filmes de IPDI-DR19CI/CdSt apresentam os resultados mais regulares e mais reprodutíveis para a birrefringência fotoinduzida. Isso foi atribuído a maior homogeneidade desse tipo de filme devida a menor agregação dipolar. Experimentos realizados em baixa temperatura com o polímero MMA-DRI 13 mostraram que o sinal máximo da birrefringência fotoinduzida aumenta até 120 K e diminui acima desse valor. 0s resultados abaixo de 120 K foram analisados a luz da teoria do volume livre local e dos mecanismos de fotoisomerização e difusão rotacional térmica As medidas elétricas com os filmes LB mostraram que todos os filmes poliméricos apresentam um r e m e de condução ôhmico em baixos campos elétricos e um outro regime não ôhmico atribuído a injeção de portadores no volume do material. Concluiu-se das medidas elétrica que o CdSt determina as propriedades de condução dos filmes LB mistos; The formation of Langmuir films and the optical and electrical properties of mixed Langmuir-Blodgett (LB) films were studied. Films were prepared using cadmium stearate (CdSt) and the polymers HPDR13...

Desenvolvimento de filmes mucoadesivos para liberação de fármacos anestésicos na cavidade bucal; Development of mucoadhesive films for anesthetic release in the buccal cavity

Couto, Renê Oliveira do
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
58.908945%
A anestesia local normalmente precede a maioria dos procedimentos odontológicos. Porém, por ser realizada por processo invasivo (injetável), muitas vezes afugentam o paciente do consultório. Portanto, a substituição do processo invasivo por não invasivo, além de inovador traria diversas vantagens a odontologia i.e., possibilitaria o aprimoramento de procedimentos rotineiros e cirúrgicos devido à provável redução de custos, submissão do paciente, facilidade de aplicação e menores riscos de contaminação e intoxicações. Neste intuito, filmes poliméricos hidrofílicos mono ou trilaminados, compostos pelo polímero mucoadesivo HPMC K100 LV, glicerol ou PEG 400 como plastificantes, e contendo os anestésicos locais cloridratos de prilocaína (PCL) e lidocaína (LCL) em diferentes proporções foram desenvolvidos. Os filmes apresentaram flexibilidade e moldabilidade adequadas, além de uniformidade de massa e teor. Tanto a massa total de fármaco nos filmes (11 - 55 mg/0,64cm2), quanto suas contribuições relativas nas misturas (0 - 100% m.m-1) modularam seus perfis e cinéticas de liberação e permeação, além das quantidades retidas no epitélio esofageal suíno. Quantidades menores dos fármacos conduziram aos maiores coeficientes de permeabilidade do LCL. O filme contendo mistura dos fármacos na proporção 1:1 (PCL:LCL) apresentou a melhor relação custo/benefício e foi escolhida para a continuidade dos estudos. O aumento na massa total de fármaco nos filmes de 12...

Estudo das propriedades térmicas de filmes poliméricos compostos de speek, derivados de benzoimidazol e ácido fosfotúngstico; Thermal Properties of Speek-based Polymeric Films Containing Benzimidazole Derivatives and Fosfotungstic Acid

Celso, Fabrício
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
68.84356%
Filmes poliméricos foram desenvolvidos a partir de poli (éter éter cetona) sulfonado (SPEEK), derivados do benzoimidazol e ácido fosfotúngstico (HPW). Neste trabalho foi realizado um estudo utilizando a análise termogravimétrica com o objetivo de avaliar a estabilidade térmica e determinar as condições de temperatura a que podem ser submetidos os filmes produzidos, tendo em vista a aplicação de tais filmes como membranas em células a combustível. Os resultados obtidos mostram que a estabilidade térmica é afetada pela composição dos filmes. A maioria dos filmes se mostrou estável até 140 °C.; Polymeric films were developed from sulfonated poly(ether ether ketone) (SPEEK), benzimidazole derivatives and phosphotungstic acid (HPW). In this study, thermogravimetric analysis was performed with the aim of evaluating the temperature conditions to which polymeric films can be submitted. The results showed that thermal stability depended on film composition and the majority of the tested films showed to be stable up to 140 °C.

Eletrossíntese de filmes poliméricos condutores em meio alcalino na proteção contra a corrosão

Lauxen, Flávia
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
68.96988%
A utilização de filmes de polímeros intrinsecamente condutores (PIC) na proteção contra a corrosão tem se mostrado uma alternativa atraente como prérevestimento, pois estes materiais possuem a característica de proporcionar ou induzir o efeito de proteção anódica em metais passiváveis, de modo a desacelerar o processo corrosivo. Neste trabalho foi estudada a possibilidade de obtenção de filmes de PIC sobre aço carbono SAE1006 por eletrossíntese, utilizando os monômeros anilina e 5-amino-1-naftol em meio aquoso KNO3 alcalino. Através da caracterização dos filmes poliméricos, observou-se que os filmes são compactos, homogêneos, uniformes e delgados. Ensaios de eletroatividade mostraram que ambos os filmes possuem pares redox polímero-metal na faixa de potencial em que o substrato metálico é passivável, logo, os filmes são eletroativos. Este comportamento ficou evidente quando as amostras com filmes de PIC foram expostas a soluções ácidas de HCl e H2SO4. O estudo do comportamento eletroquímico via polarização potenciodinâmica mostrou a elevação do potencial de corrosão do aço, confirmando os resultados da eletroatividade. Após caracterização dos filmes de PIC, os corpos de prova foram revestidos com tintas nitrocelulósica...

Caracterização topográfica e estrutural de filmes poliméricos provenientes de acetileno (C2H2) depositados a plasma sobre substratos lisos e rugosos

Teixeira, Ana Paula Gonçalves da Cruz
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 71 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
48.932886%
Pós-graduação em Física - FEG; Filmes poliméricos obtidos ou processados a plasma têm sido objeto de muita pesquisa, devido às suas características peculiares que os tornam promissores e por vezes únicos em diversas aplicações tecnológicas e industriais. Este trabalho apresenta os resultados de um estudo que objetiva a investigação da evolução temporal do perfil topográfico de superfície de filmes produzidos por processos a plasma a partir do Acetileno. São apresentados resultados sobre a estrutura molecular e propriedades como rugosidade e molhabilidade dos filmes poliméricos. O experimento foi realizado num reator a plasma, cilíndrico de pyrex, excitado indutivamente por rádio-freqüência. O plasma foi gerado a partir do monômero Acetileno numa pressão de 100mTorr, excitado por uma rádio-freqüência (13,56MHz) à 35W de potência. Deposições foram realizadas sobre substratos de InP com dois tipos de perfis de superfície: com padrão bem definido e sem definição. Para caracterização dos filmes foram utilizadas diferentes técnicas de diagnósticos: espectroscopia infravermelha para o estudo da estrutura molecular, medida de ângulo de contato e energia de superfície através de um goniômetro e microscopia de força atômica (AFM) para o estudo de topografia de superfície dos filmes. Os resultados indicaram que a estrutura dos filmes permaneceu constante independente do tempo de deposição. O caráter hidrofílico dos filmes foi mantido ao longo do tempo...

Caracterização estrutural e propriedades óticas e mecânicas do diglime polimerizado a plasma

Fernandes, Rodrigo Sampaio
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 85 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
48.797188%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Engenharia Mecânica - FEG; Esta dissertação de mestrado trata do estudo da caracterização estrutural, e de propriedades óticas e mecânicas do dietilenoglicoldimetiléter (DIGLIME) polimerizado via plasma. Este tipo de plasma produz filmes poliméricos com características físicas, químicas e biológicas semelhantes àquelas observadas em poli(óxido de etileno)- (PEO) e polietileno-glicol (PEG), que são polímeros produzidos através de processos químicos convencionais. Os polímeros a plasma foram obtidos usando descargas de rádio-freqüência operando em 13,56 MHz. Os parâmetros do processos de deposição utilizados foram potência de 10 a 40W e pressão de operação de 120 a 440 mTorr. A estrutura molecular dos polímeros foi estudada por espectroscopia infravermelha. De acordo com os resultados obtidos, baixas pressões e potências de RF produzem filmes poliméricos com características tipo PEO. A tensão mecânica residual nos filmes poliméricos foi investigada pelo método da deflexão de um feixe de laser. Os resultados indicaram tensões compressivas em todos os polímeros e boa estabilidade em função do tempo de envelhecimento. As propriedades óticas dos polímeros a plasma...

Estudo de filmes poliméricos de complexos a base de tiofeno8Schiff na construção de sensores eletroquímicos

Pereira, Paulo Augusto Raymundo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 176 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
68.980923%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Química - IBILCE; Os polímeros condutores a Base de Tiofeno-Schiff despontam como materiais alternativos para obtenção de eletrodos modificados com potencial aplicação em sensores químicos devido as excelentes propriedades condutoras e quelantes conferidas pelo poli-tiofeno e pelas Bases de Schiff, respectivamente. Neste trabalho, o complexo Tiofeno-Salen foi sintetizado e caracterizado por UV8Vis e FTIR, em seguida, monômeros complexos metálicos-tiofeno-Schiff foram sintetizados com a complexação de cátions metálicos de transição como Ni2+, Cu2+, VO2+, Fe3+, Ru3+ e Ce4+ e novamente caracterizados por UV8Vis e FTIR para comprovar a formação dos monômeros complexos metálicos-tiofeno-Schiff. Filmes poliméricos desses complexos metálicos foram obtidos pela técnica de eletropolimerização anódica e foram caracterizados eletroquimicamente por voltametria cíclica em solução aquosa. Verificou-se a influência de diversas variáveis experimentais tais como solvente, eletrólito de suporte, intervalo de varredura de potenciais, velocidade de varredura de potenciais, concentração do monômero e número de ciclos durante a etapa de eletropolimerização. Os substratos condutores utilizados na etapa de eletropolimerização foram o eletrodo de platina e o eletrodo de carbono vítreo...

A espectrometria de fluorescencia de raios-X de energia dispersiva na medida de espessura de filmes polimericos e filmes metalicos espessos

Antenor Lopes de Jesus Filho
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/1999 PT
Relevância na Pesquisa
58.642524%
O crescente desenvolvimento na tecnologia moderna tem trazido a necessidade de utilização de materiais com espessura fina (da ordem de nanômetros). A Fluorescência de Raios-X de Energia Dispersiva (EDXRF) tem mostrado ser de grande utilidade nas medidas desta ordem de magnitude, pois sabe-se que a intensidade de uma linha de raios-X de um elemento presente num filme fino depende da espessura deste. O trabalho em questão teve como propósito estudar e desenvolver, por meio de EDXRF, um método rápido e indireto de medida de espessuras de filmes poliméricos (que não possuem elementos que absorvam raios-X) e filmes metálicos espessos (que não apresentem mais correlação entre a intensidade de raios-X e a espessura). Em ambos os casos, foi utilizado um anteparo metálico sob os filmes e medida a atenuação da linha de emissão do elemento deste anteparo. Os filmes testados foram: Poli(cloreto de vinila) - PVC, Poli(tereftalato de etileno) - PET, Poli(tetrafluoretileno) - PTFE, Poli(etileno) - PE, Poli(propileno) - PP, Celofane e filme de alumínio, todos comerciais, sendo o PP usado para testar a exatidão do método proposto. Os anteparos metálicos utilizados foram de chumbo, cobre, estanho e alumínio. O anteparo de alumínio foi utilizado para os filmes que mostraram baixa sensibilidade ao método . As medidas mostraram que o método é rápido; há casos em que as medidas foram feitas em tempos menores que 100 s. Os valores encontrados de coeficientes de correlação das curvas analíticas obtidas mostraram que a técnica é viável (R chegando até 1...

Sintese de tiofenos substituidos e eletrodeposição de filmes polimericos para aplicação em dispositivos eletrocromicos

Adriana Santos Ribeiro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/05/2003 PT
Relevância na Pesquisa
48.79724%
Este trabalho encontra-se dividido nas seguintes etapas: síntese de monômeros derivados de tiofeno, eletropolimerização e caracterização dos filmes poliméricos obtidos, e construção de dispositivos eletrocrômicos a partir de um destes polímeros. Os monômeros 3-[w-(p-metoxifenoxi)alquil]tiofeno, 3-(w-bromoalquil) tiofeno e 3-(w-hidroxialquil)tiofeno foram sintetizados a partir de uma rota original com rendimento entre 50 e 70%. Foram determinadas as melhores condições de eletropolimerização e foi investigada a influência do tamanho da cadeia alquílica ligada ao tiofeno e do substituinte no processo de deposição. Os filmes mais homogêneos e aderentes ao eletrodo opticamente transparente foram os de poli{3-[w-(p-metoxifenoxi)alquil]tiofeno} com cadeia alquílica de 10 e 12 carbonos, depositados pelo método potenciostático sobre ITO/vidro, usando (C4H9)4NBF4 ou LiClO4 em CH3CN como eletrólito. Foram realizados estudos relacionados ao crescimento do filme de poli{3-[12-(p-metoxifenoxi)dodecil]tiofeno}, poli(12-MFDDT), na superfície do eletrodo. Foi verificado que filmes finos, com carga de deposição, Qdep < 65 mCcm, são depositados de forma homogênea. A partir deste valor há uma alteração na morfologia do filme...

Filmes polimericos fotodegradaveis derivados do polietileno de baixa densidade

Ralf Giesse
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/1987 PT
Relevância na Pesquisa
48.67166%
O polietileno (PE) é um dos polímeros sintéticos mais usados no mundo. Embora o PE de baixa densidade (PEBD) apresente problemas relativos à permeabilidade de gases, uma boa parte de suas aplicações é na indútria de embalagens. De Paoli e colaboradores desenvolveram um método para alterar as propriedades de transporte de gases nos filmes de PEBD pela produção fotoquímica de derivados deste polímero. O método forneceu filmes finos, nos quais um polímero vinílico ou acrílico está inserido na matriz do PEBD, em pequenas quantitades, com nenhum material depositado na superfície. Os monômeros utilizados foram: ácido acrílico(AA), acrilato de metila (MA) e acetato de vinila(VA). No presente estudo verificou-se como a modificação fotoquímica do PEBD interfere na fotodegradação em relação ao PEBD puro. Este foi motivado pelo fato que as propriedades de transporte de O2 nas diferentes composições (PEBD/PAA, PEBS/PMA e PEBD/PVA) são significativamente alteradas em relação ao PEBD puro. Amostras de PEBD puro e PEBD/PX (X= AA, MA e VA), de 100 e 200 mM de espessura, foram preparadas para o estudo de fotodegradação para experiências em triplicata de exposição à radiação UV (lâmpada de vapor de mercúrio de média pressão com emissões principais em 254 e 365 nM...

Estudos de relaxação em filmes polimericos de PC, PS e PMMA com propriedades opticas não lineares

Maria Alice Martins
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/01/1996 PT
Relevância na Pesquisa
48.67198%
Os materiais com propriedades ópticas não lineares (PONL) de segunda ordem são de grande interesse para aplicações como modulares eletroópticos e conversores de freqüência. Os materiais poliméricos com PONL estão sendo investigados nos últimos anos devido a sua baixa constante dielétrica, alta não linearidade óptica e fácil processabilidade. A não linearidade é induzida nos materiais poliméricos através da dopagem com moléculas orgânicas chamadas cromóforos e posterior orientação molecular destas através da polarização do sistema. Uma importante propriedade para a utilização final destes materiais é a estabilidade temporal da orientação polar dos cromóforos. Neste trabalho o processo de relaxação foi examinado em filmes de policarbonato (PC), poliestireno (OS) e poli (metacrilato de metila) PMMA fisicamente dopados com os cromófors DR1, DO25, MNA, DR13 e DANS. Este estudo foi feito através do decaimento do sinal de birrefrigência. O processo de envelhecimento físico proporciona um aumento na estabilidade temporal devido a um decréscimo no volume livre local, e conseqüentemente uma menor mobilidade na orientação dos cromóforos na matriz polimétrica. A matriz de PMMA apresentou menor estabilidade temporal provavelmente devido a maiormobilidade desta matriz em relação as matrizes de PC e OS. O tamanho da molécula de dopante é um fator que influencia na estabilidade temporal dos sistemas poliméricos. Foi discutida a modelagem dos dados experimentais segundo a equação Kolhrausch- Williams-Watts (KWW) e segundo a equação biexponencial. O melhor ajuste foi obtido através da equação biexponencial; Second-order nonlinear opticaI (NLO) materials are of great interest for applications such as electrooptic modulation and frequency conversion. Polymeric second-order NLO materials have been extensively studied in recent years due to their low dielectric constant...

Estudo da estabilidade temporal e do processo de relaxação molecular de filmes polimericos com propriedades opticas não lineares

Vicelma Luiz Cardoso
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/09/1994 PT
Relevância na Pesquisa
68.980923%
Atualmente, os polimeros dopados destacam-se como materiais de grande potencial para fabricação de dispositivos opticamente não lineares (ONL) por apresentarem promissoras propriedades ópticas, estruturais e mecânicas. Sob o ponto de vista óptico, tais substâncias exibem alto coeficiente eletro-óptico, baixa constante dielétrica, ampla faixa de transparência diversidade no índice de refração e superfície com boa qualidade óptica. Estruturalmente os materiais poliméricos podem ser processados na forma de filmes finos. Mecanicamente eles são resistentes à radiação e ao choque. Além disso, esses materiais podem ser facilmente processados e fabricados e apresentam menor custo em relação aos cristais inorgânicos comercialmente utilizados. Neste trabalho foram projetados, construídos e caracterizados os equipamentos para produção e polarização dos filmes poliméricos fisicamente dopados com moléculas orgânicas ONL. Foi apresentado um estudo preliminar dos filmes poliméricos com propriedades ONL e sintetizados polímeros do tipo cadeia lateral. Foi estudada a estabilidade temporal e a relaxação molecular através das medidas de birrefrigência, da corrente estimulada de despolarização térmica (CDT) e da corrente de termo-amostragem (TA). Foram desenvolvidas e adaptadas as seguintes técnicas: envelhecimento físico para aumentar a estabilidade temporal...

Preparação e caracterização de filmes poliméricos a base de amido de milho e polipirrol para aplicação como biomaterial

Vasques, Caroline Teixeira
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xiv, 124 f.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
58.642524%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas. Programa de Pós-Graduação em Química.; O objetivo geral deste estudo foi preparar filmes de amido de milho com propriedades térmicas, mecânicas e de biocompatibilidade adequadas para aplicação como biomaterial. Nesse sentido, foi inicialmente analisado o efeito do tratamento térmico na estabilidade e estrutura dos filmes de amido de milho. Características como solubilidade, estabilidade térmica, propriedades mecânicas, estruturais e morfológicas foram avaliadas. Os resultados comprovaram o uso do tratamento térmico como uma técnica de baixo custo para a obtenção de filmes de amido mais estáveis. Numa segunda etapa, os filmes de amido de milho foram avaliados quanto à edição de plastificante e polímero condutor. Para este sistema, condições de gelatinização, análise elementar, condutividade elétrica, cristalinidade, estabilidade térmica, propriedades mecânicas, estruturais e morfológicas foram determinadas. Os valores de condutividade alcançaram um máximo de, aproximadamente, 2,07x10-6 Scm-1 para composição contendo 20% de sorbitol e 5% de FeCl3.6H2O escolhida como condição de síntese de polipirrol ideal. A provável formação de um complexo entre o amido e cloreto férrico foi responsável por várias modificações nas propriedades térmicas...

Obtenção e caracterização de filmes poliméricos a partir de poli(vinilpiridina)/cloreto de ferro(III)

Fonseca, David Edson Pedrosa
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 23 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
68.882007%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas, Curso de Química.; O presente trabalho descreve a preparação e o estudo de propriedades físicoquímicas de filmes poliméricos formados pela classe de polímeros poli(vinilpiridina) e cloreto de ferro(III). Para tanto foram preparados compostos com os polímeros poli(2-vinilpiridina) (P2VP) e poli(4-vinilpiridina) (P4VP) e sal FeCl3.6H2O, em diferentes proporções de polímero e sal: 1:1, 2:1 e 4:1 (mol de unidade monomérica/mol de sal). A formação do composto ocorre através da interação entre o par eletrônico disponível no nitrogênio piridínico da poli(vinilpiridina) e os orbitais d da camada de valência do íon metálico Fe(III), interação esta caracterizada através de estudos de espectros vibracionais na região do infravermelho, que mostram um deslocamento significativo da banda de estiramento C-N para o P2VP e P4VP com a formação dos complexos metálicos. Os filmes poliméricos também foram estudados e caracterizados por técnicas de análise termogravimétrica. As curvas de termogravimetria mostram que há uma diminuição na temperatura onde se inicia a degradação térmica dos complexos quando comparados com os polímeros puros. As curvas de calorimetria exploratória diferencial mostram que há um aumento na temperatura de transição vítrea dos complexos...

Estudo de adesão e proliferação celular sobre superfícies de filmes poliméricos modificados por processo de plasma frio com descarga de barreira dielétrica

Borges, Adriana de Melo Gallindo
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 183 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
48.67166%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas. Programa de Pós-Graduação em Química.; Este trabalho descreve a síntese de filmes poliméricos, sua modificação e a avaliação quanto à adesão de espécies celulares. Filmes de poliestireno (PS) e poli (metacrilato de metila) (PMMA) e mistura com 1:1 de composição preparados por casting foram avaliados quanto ao crescimento e proliferação de fibroblastos L-929. Estudos envolvendo modificação da superfície destes polímeros foram desenvolvidos, com resultados promissores decorrentes da utilização de plasma frio através de descarga de barreira dielétrica (DBD) para induzir a modificação da superfície, após planejamento fatorial das condições experimentais. Alterações nas propriedades da superfície com relação às amostras não tratadas foram acompanhadas por medidas de ângulo de contato, energia de superfície, histerese, microscopia eletrônica de varredura (SEM) e SEM com espectrometria de energia dispersiva, microscopia de força atômica (AFM) e espectrometria fotoeletrônica de raios-X. Após o tratamento, excelente aderência e proliferação de células foram observadas em todos os filmes com maior proliferação celular no filme PS/PMMA 1:1. Filmes finos de zeína obtidos por spin coating foram também tratados por plasma frio com DBD. Após o tratamento...

Preparação e caracterização de filmes de polivinilpirrolidona/ácidos e de blendas de polivinilpirrolidona/poli(4-vinilpiridina)/ácido

Rodriguez, Juan Carlos Alvarez
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 45 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
58.67166%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas, Curso de Química.; Neste trabalho foram preparados filmes poliméricos a partir de polivinilpirrolidona (PVP) com ácidos, e blendas de polivinilpirrolidona/poli(4-vinilpiridina) (PVP/P4VP) com ácido fosfórico. Os filmes foram caracterizados por espectroscopia na região do infravermelho, termogravimetria, calorimetria exploratória diferencial, e também realizados estudos de teste de solubilidade e de condutividade elétrica, para avaliar o potencial de aplicação dos filmes em células a combustível. Para os filmes de PVP/Ácidos, os espectros na região do infravermelho mostraram uma significativa interação polímero/ácido, causando um deslocamento da banda de estiramento C=O da polivinilpirrolidona para menores números de onda à medida que a natureza e a concentração do ácido eram mudadas. As curvas termogravimétricas mostraram que os filmes apresentam estabilidade térmica até temperaturas da ordem de 300 °C. As curvas de calorimetria exploratória diferencial apresentaram uma redução na temperatura de transição vítrea do PVP nos filmes. Os testes de solubilidade mostraram que os filmes são solúveis em água...

Filmes poliméricos baseados em amido e lignossulfonatos: preparação, propriedades e avaliação da biodegradação

Campagner,Marina Rodrigues; Moris,Virgínia Aparecida da Silva; Pitombo,Leonardo Machado; Carmo,Janaina Braga do; Paiva,Jane Maria Faulstich de
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
49.286255%
Este trabalho envolveu a obtenção de filmes poliméricos a partir de amido de milho e incorporação de lignina na forma de lignossulfonato. A motivação deste trabalho está relacionada à utilização do amido na obtenção de filmes devido ao seu potencial de biodegradação, além do aproveitamento de resíduos de lignossulfonatos provenientes da indústria de celulose e papel. Para a obtenção dos filmes foram utilizados lignossulfonatos em pó e foram realizadas diversas moldagens com variação do tipo e da proporção (1% a 4%) de lignossulfonato utilizado. Algumas análises foram realizadas nos filmes poliméricos para comparar propriedades térmicas por DSC (Calorimetria Exploratória Diferencial), e propriedades de tração, em equipamento de DMTA (Análise Térmica Dinâmico-Mecânica). Neste estudo são destacadas as análises da biodegradação e da emissão dos gases liberados utilizando a técnica de Cromatografia Gasosa. De acordo com os resultados de DMTA, a maioria dos filmes poliméricos contendo lignossulfonatos apresentou resistência à tração inferior quando comparados aos filmes poliméricos sem lignossulfonatos (1,024 MPa). Porém, os filmes contendo lignossulfonato modificado com sódio (Vixil S) apresentaram maiores valores de resistência à tração quando comparado aos outros filmes contendo os lignossulfonatos utilizados (Vixil I e Vixil Tan). Nas análises térmicas foram notadas semelhanças entre os dois tipos principais de filmes poliméricos (amido; e amido com lignossulfonato)...

Estudo da influência das características estruturais da hidroxipropil-metil-celulose (HPMC) nas propriedades de superfície de filmes poliméricos, na incorporação e liberação de nicotina; Study of the influence of hydroxypropyl-methyl-cellulose (HPMC) structural characteristics on the surface properties of polymeric films, on the incorporation and release of nicotine

Marani, Pedro Lazzarin
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
68.879805%
A hidroxipropil-metil-celulose (HPMC) é um éter de celulose que possui estrutura variável dependendo da quantidade de grupos metila, apolares, e hidroxipropoxila, polares, inseridos na cadeia polimérica celulósica. A polaridade do polímero é controlada através da quantidade de grupos metila (DS) e de hidroxipropoxila (MS) e afeta as propriedades de filmes poliméricos finos e espessos, além de alterar as características de liberação controlada de princípios ativos (neste caso nicotina) incorporados em filmes de HPMC, reticulados através de uma reação de esterificação com ácido cítrico. Com exceção do polímero com baixo DS e alto MS (e por consequência mais polar), filmes finos apresentam valores de energia superficial próximos aos de poliestireno ou poli(metacrilato de metila) (~41 mJ/m/2), indicando forte orientação molecular dos grupos metila ao ar, de acordo com um modelo apresentado. Esta orientação favoreceu as interações com o ar, que se organizou na superfície, formando pequenas cavidades superficiais, de acordo com imagens de microscopia de força atômica (AFM). Apesar de seguirem a mesma ordem de acordo com a polaridade dos polímeros, os valores de energia superficial observados para filmes espessos foram mais elevados...

Avaliação do efeito do tratamento corona no desempenho de aditivos Anti-UV utilizados em filmes termoplásticos

Duarte, Glaucea Warmeling
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
58.651167%
Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais da Universidade do Extremo Sul Catarinense - UNESC, para a obtenção do título de Mestre em Ciência e Engenharia de Materiais.; Diversos avanços ocorreram na indústria polimérica na última década, podendo-se citar, dentre eles, inovações no uso de aditivos que possibilitaram a utilização de polímeros nas mais diversas áreas. Porém, muito ainda deve ser estudado quanto ao comportamento desses aditivos quando expostos aos processos de transformação aos quais os polímeros são submetidos. Sendo assim, o presente trabalho tem o objetivo de avaliar as mudanças ocorridas nos aditivos estabilizantes, presentes em filmes poliméricos, quando sujeitos a exposição ao tratamento corona. Quatro diferentes aditivos estabilizantes de UV foram avaliados: benzofenona, benzotriazol, sebacato e triazina. Os filmes aditivados foram produzidos segundo um planejamento experimental de misturas pela técnica de spin coating e os mesmos foram submetidos a exposições a radiação ultravioleta e ao tratamento corona. Através da análise dos resultados percebeu-se que o único aditivo que resistiu às condições de tratamento impostas foi o benzotriazol...