Página 1 dos resultados de 7467 itens digitais encontrados em 0.109 segundos

Estilos de aprendizagem de futuros professores e estratégias de ensino da matemática no 1.º ciclo do ensino básico

Morais, Carlos; Miranda, Luísa; Barros, Daniela
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança Publicador: Instituto Politécnico de Bragança
Tipo: Parte de Livro
POR
Relevância na Pesquisa
105.95%
Considerando que as estratégias de ensino utilizadas pelos professores para ensinarem Matemática influenciam a aprendizagem dos alunos e que os estilos de aprendizagem podem interferir na definição das estratégias de cada professor, nesta reflexão enfatizamos os aspectos defendidos pelos alunos, futuros professores de Matemática da Educação Básica, bem como a relação das estratégias defendidas com os seus estilos de aprendizagem. O principal objectivo desta investigação consiste em identificar os estilos de aprendizagem de uma amostra de futuros professores e averiguar as características que enfatizam para as estratégias de ensino e aprendizagem da Matemática ao nível do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Dos resultados da investigação provenientes de uma amostra de alunos do ensino superior, destaca-se que a maioria dos futuros professores da Educação Básica tem como estilo predominante o estilo reflexivo, atendendo à classificação dos estilos de aprendizagem seguida por Alonso, Gallego e Honey (1999). Os indicadores relativos às estratégias de ensino e aprendizagem acerca de competências, actividades, recursos e formas de trabalhar assumem diversos aspectos comuns nos vários estilos de aprendizagem.

Prática de ensino supervisionada em Ensino do 1º e do 2º Ciclo do Ensino Básico

Lopes, Adriana Filipa Alves
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança Publicador: Instituto Politécnico de Bragança
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
95.97%
O presente relatório tem como objetivo refletir sobre a ação educativa desenvolvida no âmbito da Prática de Ensino Supervisionada, nos contextos do 1.º e 2.º Ciclo do Ensino Básico. A prática decorreu num Agrupamento de escolas na cidade de Bragança, numa turma do 1.ºano do 1.º ciclo do ensino básico0 e em quatro turmas diferentes no 2.º ciclo do ensino básico, nas áreas de História e Geografia de Portugal e Português em duas turmas do 5.ºano e nas áreas disciplinares de Matemática e Ciências da Natureza em duas turmas do 6.º ano de escolaridade. Apesar do relatório refletir todo o trabalho desenvolvido, achei pertinente desenvolvê-lo em torno de um tema As estratégias de ensino-aprendizagem, tentando perceber a importância que estas têm no processo ensino aprendizagem. As estratégias que o professor utiliza na sala de aula são cruciais para a criação do ambiente de aprendizagem. É importante que o docente seja capaz de optar pelas estratégias mais adequadas ao contexto em questão. Assim, para além de descrever e refletir as cinco EEA, realizo um breve enquadramento concetual, apresentando posições de vários autores, acerca da definição de estratégias de aprendizagens e os tipos de estratégias existentes. De forma a perceber as preferências dos alunos em relação às estratégias e atividades utilizadas na aula de matemática...

Análise de estratégias de ensino/aprendizagem em materiais didáticos de alemão como língua estrangeira: perspectivas pós-comunicativas em contraste; Analysis of learning/teaching strategies in teaching materials of German as a foreign language: post-communicative perspectives in contrast

Cunha, Max Clark de Castro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
115.93%
A partir da quantificação e interpretação dos tipos de exercícios e estratégias existentes nas lições Start auf Deutsch e Café D, ambas do livro Studio D A1 (2008) e Europa: Politik und mehr, do livro Studio D B1 (2008), este trabalho teve como objetivo investigar se estas lições estão sedimentadas com base nos princípios pós-comunicativos, conforme descritos em Funk (2010). Após a quantificação dos tipos de exercícios destas lições, foram investigadas as estratégias didáticas presentes nas lições para verificar se as estratégias do material estão apoiadas nas estratégias da abordagem intercultural, conforme apresentadas em Roche (2001) e na pedagogia pós-método (KUMARAVADIVELU: 1994 e 2001), que fazem parte deste novo cenário póscomunicativo. Ambas tem princípios que podem ser relacionados à teoria sociocultural e interacionista. A pesquisa sobre a perspectiva pós-comunicativa possibilitou mudanças de parâmetros no ensino/aprendizagem de língua estrangeira na década de 90. Destes estudos surgiu o Quadro Comum Europeu de Referência para as Línguas Estrangeiras (QCERL) e no Brasil os Parâmetros Curriculares Nacionais- Línguas Estrangeiras (PCN-LE), ambos os parâmetros de ensino, europeu e brasileiro...

Efetividade das estratégias de ensino para o desenvolvimento do pensamento crítico em estudantes de graduação em enfermagem: revisão sistemática e metanálise; Effectiveness of teaching strategies for the development of critical thinking in nursing undergraduate students: systematic review and meta-analysis

Oliveira, Larissa Bertacchini de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/08/2014 PT
Relevância na Pesquisa
105.97%
O investimento da pesquisa consiste em colocar em evidência as estratégias de ensino capazes de promover o pensamento crítico (PC) em estudantes de cursos de graduação em Enfermagem. Esse assunto toma relevância mundial pelos desafios presentes no atual século e pelas competências necessárias e requeridas aos sujeitos em formação, futuros profissionais, para responderem de maneira eficaz às demandas da sociedade em um mundo em transformação. Os objetivos do estudo foram: identificar as estratégias de ensino utilizadas e testadas nos cursos de graduação em Enfermagem para desenvolver o PC eavaliar as evidências disponíveis na literatura sobre a efetividade das estratégias de ensino utilizadas para o desenvolvimento do PC em estudantes de graduação em Enfermagem. Trata-se de uma Revisão Sistemática (RS) da literatura que seguiu as recomendações do Joanna Briggs Institute. Para a busca dos estudos foi utilizada a estratégia PICOS (P= estudantes de graduação em Enfermagem; I e C= estratégias de ensino; O= pensamento crítico e S= Ensaio Clínico Randomizado), nas bases de dados PubMed, CINAHL, EMBASE, Web of Science, Scopus, LILACS, Cochrane CENTRAL, PsychINFO e ERIC, além de banco de teses e dissertações de universidades dos quatro continentes. Não foi determinadolimite temporal para a busca e esta foi finalizada em 31 de janeiro de 2014. A seleção e avaliação inicial dos estudos e a avaliação da qualidade metodológica foi realizada por dois revisores de forma independente. A extração dos dados dos estudos foi feita pelo revisor primário...

Estratégias de ensino de desenho universal para cursos de graduação em arquitetura e urbanismo

Dorneles, Vanessa Goulart
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 351 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
95.96%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo, Florianópolis, 2014.; O desenho universal é uma filosofia de projeto a ser considerada na concepção de todos os espaços. Entretanto, projetar pensando-se na diversidade humana não é uma tarefa fácil, é necessário o desenvolvimento dessa competência nos cursos de graduação em Arquitetura e Urbanismo. Assim, esta tese procura explorar as possibilidades de ensino de desenho universal nos cursos de Arquitetura e Urbanismo no Brasil. O objetivo é investigar a inserção do desenho universal no ensino de Arquitetura e Urbanismo e com isso propor recomendações de ensino que possam contribuir para a formação dos futuros profissionais e auxiliá-los a projetar de forma universal. Para alcançar esse objetivo, a pesquisa foi dividida em três etapas: aproximação teórica, aproximação com profissionais de ensino e aproximação com discentes de Arquitetura e Urbanismo. A primeira etapa consiste no desenvolvimento do referencial teórico sobre desenho universal, abordando conceitos, processos de projeto e estratégias de ensino. A segunda etapa procura levantar informações de como o desenho universal tem sido abordado nas universidades e quais estratégias de ensino têm sido utilizadas pelos professores. A terceira etapa busca desenvolver experiências didáticas pela pesquisadora junto a discentes do curso de Arquitetura e Urbanismo...

Estratégias de ensino/aprendizagem das ciências : contributo da formação de professores do 1º CEB

Fernandes, Renata Maria Costa
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
96.01%
Dada a crescente relevância da educação em ciências no 1º CEB, da importância da formação continuada dos professores nesta área e da necessidade de os professores inovarem as suas práticas didáctico-pedagógicas, ao nível da utilização / diversificação de estratégias de ensino / aprendizagem, concebeu-se um Programa de Formação continuada envolvendo três professoras do 1ª CEB, centrado em três estratégias de ensino / aprendizagem das ciências: o debate, o trabalho experimental e os mapas conceptuais. A questão a que se pretendeu dar resposta neste estudo tinha a ver com este PF: Qual o impacte de um PF continuada na utilização / diversificação, pelos professores colaboradores do 1º CEB, de estratégias de ensino / aprendizagem das ciências? O desenvolvimento do presente estudo assentou em três fases: (i) caracterização das práticas didáctico-pedagógicas das professoras colaboradoras, ao nível da utilização / diversificação de estratégias de ensino / aprendizagem das ciências, através da realização de uma entrevista, a cada professora colaboradora, antes da implementação do PF; (ii) implementação do programa de formação centrado numa primeira fase na sensibilização para o ensino das ciências no 1º CEB e...

Supervisão, formação e estratégias de ensino no 1º ciclo do ensino básico

Gonçalves, Maria de Lurdes Ferreira
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
115.92%
Este projecto visou contribuir para a melhoria do desempenho das práticas docentes através dum processo de auto-questionamento e auto-reflexão progressiva e crítica,com vista à melhoria do desempenho escolar dos alunos. Os estudos actuais sobre estilos de aprendizagem sugerem que os professores que estãoconscientes do seu estilo de aprendizagem preferido tendem a usar métodos de ensinovariados ( Claxton e Ralston, 1978; Dunn & Dunn, 1979; Marshall, 1991; Mosston eAshworth, 1990), o que facilita a aprendizagem dos alunos. As turmas apresentam um panorama diversificado de alunos no que toca aos estilos deaprendizagem e é importante que os professores estejam conscientes desta diversidade(Mainwaring-Bryer & Betts, 2004), de forma aadaptar as suas estratégias de ensino e favorecer assim a sua aprendizagem. O objectivo deste estudo foi encontrar formas desensibilizar um grupo de professorasdo 1º Ciclo sobre preferências de aprendizagem, através de uma formação que promoveu acções de investigação e que decorreu aolongo de 6 meses, sob um paradigma construtivista e reflexivo. Este trabalho de investigação desenvolveu-se ao longo do ano lectivo 2008/2009,em escolas do 1º ciclo do Ensino Básico dum mesmo Agrupamento, e contou com a colaboração de três professoras do 1º Ciclo. A investigação focou a abordagem supervisiva das práticas docentes das três professoras envolvidas no estudo e na detecçãode eventuais alterações decorrentes da formação ministrada sobre estilos de aprendizagem. A formação promoveu otrabalho cooperativo entre os vários elementos...

Ensino da física num curso superior de engenharia : na procura de estratégias promotoras de uma aprendizagem activa

Oliveira, Paulo José Coelho de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
95.97%
A presente investigação insere-se no domínio científico da Didáctica da Física, mais especificamente no estudo de estratégias de ensino e aprendizagem da Física de um Curso Superior de Engenharia passíveis de aumentar o interesse, a motivação e a aprendizagem activa dos estudantes. O ponto de partida principal da investigação reside no sentir profissional do seu autor enquanto docente desse tipo de estudantes. Certamente porém, que foi crescendo ao longo do percurso investigativo a relevância dos ensinamentos proveniente da literatura da especialidade. Os contributos do estudo situam-se a dois níveis: ao nível pessoal e profissional do investigador, nomeadamente no que se refere às suas práticas de ensino e ao seu desenvolvimento enquanto profissional e investigador; ao nível do desenvolvimento de conhecimento na área referida, na medida em que se julga que, apesar da especificidade do contexto onde o estudo principal foi realizado - na disciplina de Física I do primeiro ano, primeiro semestre, do Curso de Engenharia Civil do Instituto Superior de Engenharia do Porto/ISEP, no ano lectivo de 2006/2007 leccionada por sete docentes - ele trouxe ensinamentos que, se re-contextualizados, podem influenciar outros estudos e práticas. Para além das contribuições para o ensino e sua fundamentação conceptual...

Relatório da prática de ensino supervisionada na área de especialização do mestrado em Ensino da Física e Química: Escola Secundária Severim de Faria, Évora

Batista, Maria de Aires Rodrigues
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
105.74%
Despertar sonhos e capacidades noutro ser humano é competência do professor no ato educativo. A sua formação inicial é necessária e fundamental. Este relatório resulta da Prática de Ensino Supervisionada na Escola Secundária Severim de Faria. É organizado em 6 capítulos. No primeiro – Enquadramento geral – caracterizam-se Escola Cooperante e Turmas. No segundo capítulo - Preparação científica, pedagógica e didática - abordam-se currículos disciplinares (Ciências Físico-Químicas, Física e Química A). O terceiro capítulo – Planificação, Condução de aulas e Avaliação de aprendizagens – constitui um reforço na importância do conhecimento dos processos de aprendizagem, dificuldades e preconceções dos alunos. Inclui métodos e estratégias de ensino implementados e avaliação de aprendizagens. No quarto capítulo – Análise da prática de ensino – faz-se uma análise da prática de ensino no âmbito da Psicologia do Desenvolvimento e da Didática das Ciências. As ações de enriquecimento curricular desenvolvidas enquadram-se no quinto capítulo - Participação na escola. O sexto capítulo – Desenvolvimento profissional – é dedicado à revisão crítica do trabalho desenvolvido na PES e perspetivas de desenvolvimento profissional; ### ABSTRACT: Awakening dreams and capabilities in another human being is teacher’s competence in the educational act. His initial training is necessary and fundamental. This report results from the Supervised Teaching Practice at the Severim de Faria Hight School. It´s organized into six chapters. In the first - General setting - are characterized cooperating School and classes. In the second chapter - Scientific...

Adequações curriculares e estratégias de ensino em turmas inclusivas

Silva, Alexandra Frias da
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2011 POR
Relevância na Pesquisa
105.88%
Um dos maiores desafios actuais no nosso sistema de ensino é a necessidade de construir uma escola inclusiva, uma escola que respeite a diversidade dos alunos e procure garantir o seu sucesso educativo, através de traçados curriculares diferenciados e adequados. Este desafio exige mudanças quer nas atitudes e práticas dos agentes educativos, quer nas estruturas do sistema de ensino ao nível organizacional e da gestão curricular. Este estudo centra-se nas decisões de planeamento curricular e estratégias de ensino protagonizadas por professores do 1º Ciclo do Ensino Básico que leccionam em turmas inclusivas. Tem como propósito identificar concepções e práticas de diferenciação curricular para alunos com NEE no 1º CEB, procurando conhecer: i) a concepção dos professores do 1º CEB sobre o seu papel na decisão das medidas educativas a adoptar com alunos com NEE; ii) a concepção dos professores do 1º CEB sobre o seu papel como gestores do currículo; iii) os critérios de selecção das medidas educativas e as formas de elaboração das adequações curriculares para os alunos com NEE no 1º CEB; iv) os processos de ensino desenvolvidos em sala de aula inclusivas no 1º CEB. O trabalho desenvolveu-se através de um estudo exploratório...

Adequação de estratégias de ensino-aprendizagem numa turma reduzida : estudo de caso

Martins, Ana Flávia Miranda António
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
95.97%
Relatório da Prática de Ensino Supervisionada, Mestrado em Ensino (Economia e Gestão/Contabilidade), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2011; As estratégias de ensino aprendizagem é um tema que faz parte do dia-a-dia da função de docente e é algo reconhecido por todos. Com esta investigação pretende-se conhecer, analisar e compreender a importância da adequação das estratégias de ensinoaprendizagem no caso de uma turma reduzida. Pretendendo dar resposta à questão deste estudo, optou-se por uma metodologia de natureza qualitativa, mais concretamente por um estudo de caso, uma vez que se pretende abordar a professora e os alunos in loco e responder a questões cujo produto final é de natureza descritiva e interpretativa. Apresenta-se um estudo sobre as estratégias de ensino-aprendizagem aplicadas a uma amostra de 8 estudantes do sistema de ensino secundário, de ambos os sexos, com idades compreendidas entre os 14 e os 16 anos da Escola Secundária de Josefa de Óbidos. Este estudo assenta numa reflexão sobre questões como a importância da aprendizagem significativa; a interacção entre ensino e aprendizagem; a interacção do ensino-aprendizagem com aplicação de estratégias adequadas; as estratégias de ensino e a importância do uso adequado das estratégias de ensino-aprendizagem...

Os alunos e a escola inclusiva: Percepções dos alunos sobre as estratégias de ensino dos professores na sala de aula

Baliza, Emília Graça Almeida Banha Clemente
Fonte: Faculdade de Motricidade Humana Publicador: Faculdade de Motricidade Humana
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2002 POR
Relevância na Pesquisa
105.88%
Dissertação de mestrado em Psicologia da Educação; Dar voz aos alunos, é reconhecido como fulcral no desenvolvimento de uma escola mais efectiva e de uma educação mais inclusiva. O estudo essencialmente exploratório e descritivo investigou as percepções que os alunos têm das estratégias de ensino dos professores na sala de aula, e envolveu 625 sujeitos de ambos os sexos, das quatro escolas Básicas 2,3 da cidade de Setúbal, do 2o e 3o ciclo, do 5o ao 9o ano de escolaridade. Os instrumentos utilizados para a recolha dos dados foram uma escala constituída por 30 questões de resposta sim ou não, e um questionário onde os alunos forneceram dados relativos a idade, género, e ano de escolaridade, e expressaram as suas dificuldades na aprendizagem duma matéria nova; a ocupação dos tempos livres na escola; se gostam ou não da escola frequentada e ainda na sua perspectiva, que mudanças fariam para melhorá-la. Os resultados obtidos, sendo demonstrativos de traços comuns nas percepções dos alunos das quatro escolas, sobre as estratégias de ensino na sala de aula, revelaram igualmente a presença de diferenças entre as escolas estudadas. As principais conclusões deste trabalho são: - As percepções dos alunos sobre as estratégias de ensino dos professores são altas nas quatro escolas...

Mapas conceituais: estratégia de ensino/aprendizagem e ferramenta avaliativa

Souza,Nadia Aparecida de; Boruchovitch,Evely
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais Publicador: Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
105.77%
O presente ensaio tem por objetivo apresentar uma reflexão sobre as potencia lidades do mapa conceitual como estratégia de ensino/aprendizagem e ferramenta ava liativa. Revisitar o referencial teórico relativo à temática possibilitou contemplar a utili dade do mapa conceitual sob diferentes perspectivas: daquele que ensina e daquele que aprende. Valer-se dos mapas conceituais como estratégias de ensino/aprendizagem, também e concomitantemente como ferramenta avaliativa, é criar possibilidades para a organiza ção do conhecimento pela promoção de experiências educativas que provoquem não somen te reflexão, busca de compreensão e processamento profundo da informação, mas tam bém o desenvolvimento da autorregulação, da metacognição e do aprender a aprender

A atuação docente em cursos superiores de computação e informática a distância: formação docente e estratégias de ensino online

Cilene da Silva, Kátia; Smith Cavalcante, Patrícia (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
105.97%
Com o advento da educação a distância (EaD), surgiu a demanda pelo uso de ambientes virtuais de ensino-aprendizagem (AVEA) na perspectiva da criação de salas de aula virtuais, sendo aplicados aos diversos níveis de ensino. Esse uso tem sido, constantemente, objeto de pesquisas, devido ao questionamento sobre sua efetividade e sobre a necessidade de competências adicionais, no que se refere ao professor atuante no ensino presencial. Para construir uma aula, nesse ambiente virtual, professores mobilizam saberes docentes que aprenderam na formação e no cotidiano de sua atuação educacional, porém existe a demanda também por novos saberes: os saberes informáticos; tidos pelo senso comum como imprescindíveis para atuação em AVEAs e, por vezes, supervalorizados em detrimento de outros, como os oriundos da formação técnica ou os pedagógicos. Quando se trata de docentes de cursos superiores na área de Computação e Informática essa tendência pode ficar potencializada, pois tais profissionais são vistos como os que possuem a formação preponderante para o trabalho com as atuais tecnologias utilizadas na EaD, relegando ao segundo plano os saberes pedagógicos, sejam eles advindos da formação acadêmica ou da experiência docente. Neste sentido...

Criar o próprio jogo didático ou apenas jogar? Efeitos de diferentes estratégias de ensino na motivação e aprendizado de ciências; Playing an educational game or creating your own game? Effects of diferent teaching strategies on students motivation and science learning

Silva, Frederico Horie
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicobiologia; Estudos de Comportamento; Psicologia Fisiológica Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicobiologia; Estudos de Comportamento; Psicologia Fisiológica
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.89%
The use of games as educational tools is common, however the effectiveness of games with educational purposes is still poorly known. In this study we evaluated three different low-cost teaching strategies make and play your own board game, just play an educational science game and make a poster to be exposed in the school regarding: (1) science learning; (2) use of deep learning strategies (DLS); and (3) intrinsic motivation. We tested the hypothesis that, in these three parameters evaluated, scores would be higher in the group that made and play their own game, followed respectively by the group that just played a game and the group that made a poster. The research involved 214 fifth-grade students from six elementary schools in Natal/RN. A group of students made and played their own science board game (N = 68), a second group played a science game (N = 75), and a third group made a poster to be exposed at school (N = 71). Our hypothesis was partly empirically supported, since there was no significant difference in science learning and in the use of DLS between the group that made their own game and the group that just played the game; however, both groups had significantly higher scores in science learning and in use of DLS than the group that made the poster. There was no significant difference in the scores of intrinsic motivation among the three experimental groups. Our results indicate that activities related to non-digital games can provide a favorable context for learning in the school environment. We conclude that the use of games for educational purposes (both making a game and just playing a game) is an efficient and viable alternative to teach science in Brazilian public school; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; A utilização de jogos como ferramenta pedagógica é bastante comum...

Leitura nas séries iniciais: reflexões sobre as estratégias de ensino

Medrado, Suzaneide Oliveira
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
105.94%
Este estudo trata das Estratégias de Ensino utilizadas em turmas de 2º ano das séries iniciais, no que concerne à relevância que elas têm para o processo de ensino/aprendizagem de leitura, com vistas a despertar o interesse das crianças e à formação do aluno leitor. Os estudos sobre o processo de leitura possibilitaram a expansão de sua concepção, assim, ela não é mais concebida meramente como decodificação dos signos gráficos, sendo esta apenas uma de suas etapas, mas é vista como um processo interativo e dinâmico no qual o leitor interage com os textos, compreendendo e atribuindo-lhes significações, influenciadas pelo contexto sociocultural. Desta forma, o conceito de ‘alfabetizado’, atribuído ao aluno que saiba ‘ler e escrever’, dá espaço ao processo de letramento, que visa um leitor diferenciado, integrado às práticas e contextos sociais, que realiza leituras diversas e se utiliza de todos os meios que a sociedade dispõe para estabelecer a comunicação. Situada no presente contexto, a pergunta de partida desta pesquisa foi: De que maneira as estratégias de leitura vem sendo trabalhadas pelas professoras em turmas do 2º ano do Ensino Fundamental e como elas têm contribuído para desenvolver o aprendizado e despertar o interesse das crianças pela leitura...

Os efeitos de duas estratégias de ensino, uma implícita e outra explícita, na aprendizagem do presente e do passato prossimo do italiano como língua estrangeira

Freitas, Paula Garcia de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 336 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
105.92%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Linguística, Florianópolis, 2014.; Este estudo verificou os efeitos de duas estratégias de ensino, uma explícita e outra implícita, na aprendizagem de duas estruturas da língua italiana de complexidades distintas, a saber, o presente e o passato prossimo. Foram elaboradas quatro unidades de ensino, duas com o uso da estratégia explícita e duas com a estratégia implícita, as quais foram implementadas em dois grupos formados por adultos brasileiros iniciantes da língua italiana. As unidades de ensino explícito seguiram a metodologia APP - Apresentação, Prática e Produção - em que o conteúdo gramatical é apresentado aos alunos, seguido por exercícios para engajá-los na prática mecanizada das estruturas-alvo para, finalmente, chegar ao momento da produção por meio de atividades comunicativas. O objetivo dessa abordagem foi direcionar a atenção dos alunos para as estruturas-alvo, tendo como referencial teórico a Teoria de Aquisição de Habilidades de Anderson (1982, 1983, 1993). As unidades de ensino implícito, por sua vez, visaram a atrair a atenção dos alunos para as estruturas-alvo por meio do destaque (input enhancement) e do "encharque" (input flood) dessas estruturas em atividades comunicativas...

Adequações curriculares e estratégias de ensino em turmas inclusivas: um estudo exploratório no 1º Ciclo

Silva, Alexandra Frias da; Leite, Teresa
Fonte: CIED - Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais da Escola Superior de Educação de Lisboa, Publicador: CIED - Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais da Escola Superior de Educação de Lisboa,
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /07/2015 POR
Relevância na Pesquisa
105.83%
A inclusão de alunos com necessidades educativas especiais (NEE) no sistema educativo não tem sido fácil para as escolas nem para os professores, uma vez que exige mudanças na organização escolar e nas práticas curriculares. Este estudo centra-se nas decisões de planeamento curricular e estratégias de ensino protagonizadas por professores que lecionam em turmas inclusivas e tem como objetivo identificar conceções e práticas de diferenciação curricular para alunos com NEE. O estudo incide sobre 4 professores e respetivas turmas do 1º ciclo do Ensino Básico do mesmo Agrupamento de Escolas. Como processo de recolha dos dados utilizámos a entrevista e a observação direta. Concluímos que os professores assumem a necessidade de implementar adequações curriculares como resposta às diferenças e particularidades de cada aluno. No entanto, revelaram dificuldades ao nível da gestão curricular em turmas inclusivas e as práticas que desenvolvem nem sempre facilitam a implementação das adequações que reconhecem ser necessárias.; Abstract The inclusion of children with special needs in the education system has not been easy for schools nor teachers because it requires changes in school organization, curricular practices and conceptions of teaching and learning. This study focuses on the decisions of curriculum planning and teaching strategies used by teachers in inclusive classrooms of primary schools. The study aims to identify concepts and practices of curriculum differentiation for students with special needs and it focuses on four teachers and their classes with special needs students included. The methodologies of data collection that we used were interview and direct observation. We conclude that teachers explicitly express the need to implement curricular adjustments for the students with special needs. However...

Eficácia de diferentes estratégias no ensino do léxico em Português língua não materna na educação pré-escolar : estudo de caso

Sousa, Rita Alexandra Teixeira de
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
105.91%
Este relatório de investigação surge no âmbito da Unidade Curricular de Prática de Ensino Supervisionada (PES), integrada no plano de estudos do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico. O presente relatório encontra-se dividido em duas partes: na primeira, é feita uma análise e reflexão sobre as práticas vivenciadas nas PES II e III, no contexto do 1.º ciclo do ensino básico e de educação pré-escolar, respetivamente; a segunda parte diz respeito ao trabalho de investigação realizado sobre o tema deste relatório “Eficácia de diferentes estratégias no ensino do léxico em Português Língua não Materna na Educação Pré-Escolar”. Após o enquadramento do estudo, a revisão da literatura sobre os tópicos relevantes e a apresentação de metodologia, analisaram-se e discutiram-se os dados da investigação. A recolha de dados deste estudo foi realizada num jardim de infância da zona urbana de Viseu e consistiu na utilização de duas estratégias com uma criança de três anos para verificar qual a mais eficaz no ensino do léxico a crianças falantes de Português Língua Não Materna. Este estudo contribuiu para melhorar a minha capacidade crítica e reflexiva...

Formação inicial de professores de ciências: reflexões a partir das abordagens das estratégias de ensino e aprendizagem em um curso de licenciatura

Viveiro, Alessandra Aparecida; Universidade Estadual de Campina; Campos, Luciana Maria Lunardi; Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Fonte: UFSC Publicador: UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 10/11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
105.85%
Desenvolvemos um estudo de caso que teve como objetivo identificar e analisar como ocorre a abordagem de estratégias de ensino e aprendizagem em um curso de licenciatura em ciências e quais as possíveis influências dessa formação sobre a prática pedagógica dos educadores. A análise incidiu sobre documentos, questionários e entrevistas com docentes e discentes. Há reduzida diversidade de estratégias nas disciplinas de área específica, com predomínio de aulas expositivas e de laboratório, e os docentes parecem acreditar que, para lecionar, basta um bom preparo em termos de conteúdos específicos. Apesar das disciplinas pedagógicas explorarem práticas diversificadas, muitos licenciandos incorporam a visão acadêmica predominante no curso, repetindo o modelo dos professores que tiveram. Apontamos a necessidade de que a formação trabalhe tanto o domínio dos conteúdos específicos como das melhores formas de mediá-lo, formando um intelectual capaz de discutir e reelaborar suas ações educativas em uma perspectiva de transformação da realidade.