Página 1 dos resultados de 36968 itens digitais encontrados em 0.407 segundos

Distúrbios psíquicos menores e condições de trabalho em motoristas de caminhão; Minor psychiatric disorders and working conditions in truck drivers

ULHÔA, Melissa Araújo; MARQUEZE, Elaine Cristina; LEMOS, Lúcia Castro; SILVA, Luna Gonçalves da; SILVA, Amanda Aparecida; NEHME, Patrícia; FISCHER, Frida Marina; MORENO, Claudia Roberta de Castro
Fonte: São Paulo Publicador: São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR; ENG
Relevância na Pesquisa
115.78%
OBJETIVO: Estimar a prevalência de distúrbios psíquicos menores e identificar estressores associados entre motoristas de caminhão. MÉTODOS: Estudo transversal conduzido com 460 motoristas de caminhão de uma transportadora de cargas das regiões Sul e Sudeste do Brasil, em 2007. Os trabalhadores preencheram questionário com dados sociodemográficos, estilos de vida e condições de trabalho. As variáveis independentes foram condições de trabalho, incluindo estressores ocupacionais, satisfação e demanda-controle no trabalho. O desfecho avaliado foi a ocorrência de distúrbios psíquicos menores. Foram realizadas análises de regressão logística univariada e múltipla. RESULTADOS: A prevalência de distúrbios psíquicos menores foi de 6,1 por cento. Os estressores mais citados foram congestionamentos, controle de rastreamento e jornada extensa de trabalho. A alta demanda no trabalho, o baixo apoio social e a jornada extensa diária referidos pelos motoristas estiveram associados aos distúrbios psíquicos menores. CONCLUSÕES: O trabalho em jornadas extensas foi associado à ocorrência de distúrbios psíquicos menores, tanto na análise das condições gerais de trabalho quanto como fator referido como estressor pelos motoristas. A regulamentação da jornada de trabalho com limitação de horas de trabalho diário é...

Qualidade de vida associada a saúde e condições de trabalho entre profissionais de enfermagem; Health-related quality of life and working conditions among nursing providers

Macaia, Amanda Aparecida Silva; Souza, Jose Maria Pacheco de; BORGES, Flávio Notarnicola da Silva; Fischer, Frida Marina
Fonte: SÃO PAULO Publicador: SÃO PAULO
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
115.81%
OBJETIVO: Avaliar condições de trabalho associadas à qualidade de vida relacionada à saúde entre profissionais de enfermagem. MÉTODOS: Estudo transversal realizado em um hospital universitário de São Paulo, SP, em 2004-2005. A população estudada foi de 696 enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, predominantemente feminina (87,8 por cento) e que trabalhava em turnos diurnos e/ou noturnos. Os dados sociodemográficos, de condições de trabalho e de vida, hábitos de vida e sintomas de saúde auto-referidos foram obtidos por meio de questionários auto-aplicados: Resultados de Estudos de Saúde - versão reduzida, Escala de Estresse no Trabalho e Desequilíbrio Esforço-Recompensa. Valores do coeficiente 1,01 significam mais esforços do que recompensas no trabalho. Modelos de regressão logística ordinal de chances proporcionais foram ajustados para cada dimensão do SF-36. RESULTADOS: Aproximadamente 22 por cento da população foi classificada como trabalhando em condições de alto desgaste e 8 por cento com mais esforços do que recompensas no trabalho. As dimensões com piores escores médios no SF-36 foram vitalidade, dor e saúde mental. Alto desgaste no trabalho, ter mais esforços que recompensas e ser enfermeira associaram-se de maneira independente aos baixos escores da dimensão de aspectos emocionais. As dimensões relacionadas à saúde mental foram as que mais sofreram influência dos fatores psicossociais do trabalho. CONCLUSÕES: Apresentar mais esforços do que recompensas no trabalho foi mais significativo para a qualidade de vida associada à saúde do que o alto desgaste no trabalho (altas demandas e baixo controle). Os resultados indicam que a análise conjunta dos fatores psicossociais de desequilíbrio esforço-recompensa e demanda-controle contribuiu para a discussão sobre os papéis profissionais...

As Condições de Trabalho do Assistente Social no Tribunal de Justiça de Santa Catarina

Corrêa, Emanuella Caroline dos Santos Nunes
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: xx f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
115.81%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Serviço Social.; O presente trabalho tem como objetivo geral conhecer as condições de trabalho dos Assistentes Sociais que atuam no Tribunal de Justiça de Santa Catarina. No primeiro capítulo o objetivo específico foi abordar sobre o histórico da profissão do Serviço Social no Poder Judiciário, delimitando acerca da atuação do Assistente Social e suas áreas e espaços de inserção do Serviço Social; mostrando também através de legislações e resoluções as atribuições e competências do profissional. Relatando sobre os instrumentais e técnicas necessários na atuação profissional no campo forense. O segundo capítulo é destinado às condições de trabalho do Assistente Social forense, abordando as possibilidades e limites para a afirmação do projeto ético-politico e a importância deste na atuação profissional, trazendo através de legislações as condições éticas, técnicas e físicas para a efetivação do exercício profissional, fazendo assim uma reflexão sobre o adoecimento profissional e a luta pela efetivação das 30 horas dos Assistentes Sociais e a importância da autonomia. Já o terceiro capítulo é destinado ao resultado da pesquisa quantitativa realizada com os Assistentes Sociais que atuam no Tribunal de Justiça de Santa Catarina. Os dados obtidos na pesquisa buscam contribuir para melhor compreensão sobre as atuais condições de trabalho que os Assistentes Sociais estão inseridos. Através do terceiro capítulo mediante aos dados apresentados é possível analisar que 99% dos Assistentes Sociais são do sexo feminino e a idade predominante é acima de 31 anos...

Distúrbios psíquicos menores e condições de trabalho em motoristas de caminhão

Ulhôa,Melissa Araújo; Marqueze,Elaine Cristina; Lemos,Lúcia Castro; Silva,Luna Gonçalves da; Silva,Amanda Aparecida; Nehme,Patrícia; Fischer,Frida Marina; Moreno,Claudia Roberta de Castro
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
115.78%
OBJETIVO: Estimar a prevalência de distúrbios psíquicos menores e identificar estressores associados entre motoristas de caminhão. MÉTODOS: Estudo transversal conduzido com 460 motoristas de caminhão de uma transportadora de cargas das regiões Sul e Sudeste do Brasil, em 2007. Os trabalhadores preencheram questionário com dados sociodemográficos, estilos de vida e condições de trabalho. As variáveis independentes foram condições de trabalho, incluindo estressores ocupacionais, satisfação e demanda-controle no trabalho. O desfecho avaliado foi a ocorrência de distúrbios psíquicos menores. Foram realizadas análises de regressão logística univariada e múltipla. RESULTADOS: A prevalência de distúrbios psíquicos menores foi de 6,1%. Os estressores mais citados foram congestionamentos, controle de rastreamento e jornada extensa de trabalho. A alta demanda no trabalho, o baixo apoio social e a jornada extensa diária referidos pelos motoristas estiveram associados aos distúrbios psíquicos menores. CONCLUSÕES: O trabalho em jornadas extensas foi associado à ocorrência de distúrbios psíquicos menores, tanto na análise das condições gerais de trabalho quanto como fator referido como estressor pelos motoristas. A regulamentação da jornada de trabalho com limitação de horas de trabalho diário é...

Condições de trabalho da enfermagem nas enfermarias de um hospital universitário

Mauro,Maria Yvone Chaves; Paz,Andréia Fontes da; Mauro,Carla Christina Chaves; Pinheiro,Michely Alexandrino de Souza; Silva,Viviane Gomes
Fonte: Universidade Federal do Rio de Janeiro Publicador: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2010 PT
Relevância na Pesquisa
115.77%
Trata-se de um estudo que aborda a temática do trabalho de enfermagem e tem como foco a percepção dos trabalhadores de enfermagem sobre as suas condições de trabalho. O estudo é do tipo não experimental, com abordagem quantitativa. O objetivo deste artigo é identificar e discutir as condições de trabalho dos trabalhadores de enfermagem nas enfermarias de um Hospital Universitário (HU). Utilizou-se como campo um HU do Estado do Rio de Janeiro, com uma amostra constituída de 296 trabalhadores de enfermagem, no ano de 2008. Nos resultados, foram indicados os fatores de riscos biológicos, físicos, ergonômicos e químicos. Conclui-se que as condições de trabalho são inadequadas e desfavorecem a saúde dos trabalhadores de enfermagem. Este estudo permite ao trabalhador e à instituição discutir o meio ambiente ocupacional e propor mudanças no processo de trabalho.

Cargas de trabalho e condições de trabalho da enfermagem: revisão integrativa

Schmoeller,Roseli; Trindade,Letícia de Lima; Neis,Márcia Binder; Gelbcke,Francine Lima; Pires,Denise Elvira Pires de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
115.78%
O presente estudo teve por objetivo conhecer a produção teórica sobre cargas de trabalho e condições de trabalho dos profissionais de enfermagem. Para tanto, foi realizada uma revisão integrativa que incluiu artigos científicos, teses e dissertações, indexados nas bases da Biblioteca Virtual de Saúde e Banco Digital de Teses nos últimos dez anos. Entre os 132 trabalhos identificados, foram selecionadas 27 produções. Os resultados indicaram as cargas de trabalho como responsáveis pelo desgaste dos profissionais, influenciando a ocorrência de acidentes e os problemas de saúde. Para amenizar tais cargas de trabalho, os estudos apontam algumas estratégias, como adequação do quantitativo de pessoal, educação continuada e melhores condições de trabalho. Tem-se como desafio a realização de pesquisas que revelem com mais precisão a relação entre as cargas e as condições de trabalho da equipe de enfermagem, haja vista o quanto comprometem a saúde dos trabalhadores.

Bem estar e condições de trabalho de professores do centro de ciências da saúde da Universidade Federal de Pernambuco

Santos, Gustavo Barreto; Ceballos, Albanita Gomes da Costa de (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
115.79%
A preocupação com o bem estar do professor vem ganhando força em virtude das profundas transformações sociais que atingem o ambiente escolar e o profissional docente. Assumindo crescente importância no meio acadêmico e organizacional, os estudos sobre Bem Estar no Trabalho (BET) visam compreender a relação do indivíduo com seu ambiente laboral, servindo, portanto, de base para implementação de mudanças positivas neste contexto. Apesar da reconhecida importância do ambiente e das condições de trabalho para o satisfatório exercício profissional e desenvolvimento docente, ainda pouco se tem pesquisado sobre seu impacto no bem estar no contexto específico de uma instituição de ensino superior. Dessa forma, este estudo teve como objetivo conhecer a associação entre Bem Estar no Trabalho e as condições físicas e organizacionais do trabalho docente em uma universidade pública. Para isso, utilizou-se a Escala de Bem Estar no Trabalho (EBET) proposta por Paschoal e Tamayo (2008) e questões sobre as condições físicas e organizacionais da instituição pesquisada. Participaram do estudo 175 docentes do Centro de Ciências da Saúde de uma instituição pública de ensino superior. Os resultados revelaram que as condições físicas e organizacionais do trabalho docente não constituíram aspectos relevantes e capazes de interferir no bem estar dos professores estudados. Por outro lado...

Condições de trabalho e saúde na perspectiva de bem-estar um estudo realizado entre os profissionais de saúde da policlínica

Sales, João Paulo Damásio
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Administração; Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Administração; Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.84%
This study had like general objective analyzed the relation observed between working conditions and healthy, in the welfare perspective, by the Policilínica Zona Oeste´s healthy professionals. Were used like theoretical bases the categories of working conditions of Borges et al. (2013): working conditions and contractual legal; physical working conditions and materials; working conditions and characteristics of the work processes and working conditions and social management. For the analise of personal wellness in the job, were used the categories of Dessen and Paz (2010): friendship relations, relationship with the organization, growth opportunity, relations with customers , valuation and realization. For this, this research use the descriptive statistic and Bardin (1977) ´s content analysis besides the help of Manyeyes software, using the word clouds and trees words. Was possible identify that the working conditions have strong relations with the health of the health professionals of Policlínica, mainly about the physical and materials conditions that are precarious and influences the other dimensions of working conditions and conditions health. The welfare professionals is spoiled in the dimensions of realization and growth opportunity and influences the professional´s health; Esta pesquisa teve como objetivo geral analisar as relações percebidas entre condições de trabalho e a saúde...

As condições de trabalho e a satisfação profissional: dimensões do profissionalismo docente no ensino médio

Souza, Gelza Lúcia de Brito
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.81%
The dissertation is developed in the Research Base of Teacher Training and Professionalization of Universidade Federal do Rio Grande do Norte as a way to discuss the professionalization of High School teachers in Natal. It is a study linked to the research The context of teaching practice and professionalism: the case of high school teachers and sponsored by CNPq, with the objective of characterizing working conditions and job satisfaction as dimensions to the teacher professionalism in high schools. In this study we prioritized the focus on professionalization in national and international discussions, which combines the aspects of teaching in its historical, social, political and economical path, in order to reflect about its evolutional elements in the hierarchy of professions and establish a relation to high school teaching. To develop this relation we elaborated some questions that are considered relevant, such as: How does the high school teacher evaluate his/her working conditions to his/her professional practice? What level of satisfaction does the high school teacher have regarding his/her professional practice? What expectations does the high school teacher have in relation to his/her professional development? The answers to those questions were according to the high school teachers considerations shown in the questionnaire...

As condições do trabalho docente: um estudo em escolas da rede municipal de Currais Novos-RN (2009 a 2012)

Brito, Fabiana Erica de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.8%
This work, named Teaching conditions: a study in municipal schools of Currais Novos RN (2009 to 2012) aims to analyze the status of teaching in schools in the municipality of Currais Novos RN in the period ranging from 2009 - 2012, considering infrastructure, initial and continued training and intensification and casualization of teaching factors in the context of the 1990s educational reformations. It, also, assumes that teaching is a constitutive part of capitalist society, and has been reconfigured with based on the new requirements demanded by the labor market. In order to conduct this study the considered data included the survey research Teaching Work in Basic Education in Brazil (2009 to 2010) , held in seven Brazilian states being: Pará, Rio Grande do Norte, Minas Gerais, Goiás, Paraná, Santa Catarina and Espírito Santo. Specifically selected for deepening of the study, there were schools in the municipality of Currais Novos in which semi-structured interviews were performed with teachers of the said municipality. This research is constituted of a qualitative and quantitative approach whose survey instruments adopted were, namely: documental research, literature review, interviews and surveys. The obtained data analysis allows us to infer that the teaching work performed by teachers in the states which participated in the survey has been influenced the changes in the labor market and educational reformations and has been taking on characteristics such as flexibility...

A banalização da injustiça social no cotidiano de trabalho : a propósito da violência no trabalho e ameaça à saúde do trabalhador

Bila, Neyla Ivanete Gomes de Farias Alves
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.77%
Analyzes the factors that unleash violence by banalization of the problems and health questions of workers in a federal public institution, in Natal/RN. It analyzes transformations in the world of the work, with its politic, social and economic determinatives and its relation to the worker health. Boarding the violence in the work enviroment and its implications to the worker health, focusing on the banalization of problems faced by the workers as a kind of violence in and with the work. It was chosen an analitic methodology with qualitative approach, through the collection tecnic and information analyzes according to the thematic oral history, with recorders of authorized personal narratives, through individual interview with a semi-structured guide. In the analyzis of results it were made empiric cathegories: the daily work enviroment and its influence to the worker profession and life; the violence presents in the work enviroment and its consequences to the worker life and health; the banalization of the social injustice, due to violence against the worker that broked their dreams concerned to the nursing contribution. The results revealed the ordinary work of these workers showing enviromental and organizational unhealthy conditions...

Saúde psíquica e condições de trabalho dos profissionais de saúde nos hospitais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Costa, Maria Teresa Pires
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicologia; Psicologia, Sociedade e Qualidade de Vida Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicologia; Psicologia, Sociedade e Qualidade de Vida
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.82%
A tese se propôs a avaliar a relação entre saúde psíquica e condições de trabalho em dois hospitais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, a saber: Hospital Universitário Onofre Lopes e Hospital Universitário Ana Bezerra. Adotou como ponto de partida epistemológico a abordagem psicossociológica, considerando que a compreensão sócio-histórica do contexto é indispensável para entender os fenômenos em análise. As condições de trabalho e a saúde psíquica foram abordadas interdisciplinarmente, fundamentando a construção de um modelo compreensivo de saúde psíquica que orientou a investigação. O caminho metodológico utilizado foi a pesquisação. Essa foi desenvolvida, utilizando técnicas como análise documental, observação participante, entrevistas não estruturadas, grupo focal e aplicação de um protocolo de pesquisa composto pelo questionário de condições de trabalho, pelo Questionário de Saúde Geral (QSG-60), pela Escala de Bem-Estar Afetivo no Trabalho (JAWS-12) e por questões sociodemográficas. A análise dos resultados mostrou que os escores sintomáticos de saúde psíquica variam por hospitais e que a saúde psíquica sofre influência das condições de trabalho, sobretudo em aspectos referentes a três dimensões: condições físicas e materiais; processos e características do trabalho e o ambiente sociogerencial. Em referência à primeira dessas dimensões...

Serviço Social e terceiro setor: considerações sobre as atuais relações e condições de trabalho para o Assistente Social em Natal

Carneiro, Elizangela dos Santos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.82%
The present study analyses the actual relations and work conditions found in the third sector in Natal city, in the context of productive restoration and increasingly retraction from the State in providing Social Service before the new approach that has been destined to the social issue. The study talks about the work of the social worker when fighting the different expressions the social issue has, such as social service provision as a way of teamwork associated to work relations and conditions, to accessible resources and quality control management. These are elements that affect and interfere in the accomplishment and in the work of the social worker itself. The State s improvement, according to neoliberal-political precepts and increasingly retraction from the public investment in the areas of social concern (health, social welfare, assistance) and in the wage and employment policy, besides expanding the partnership with the public and private areas, in search for social services with quality, it has diversified the structures of the professional work with the growth of the so called third sector institutions. However, the absorption of the social workers by the third sector groups in general, has as major features the impoverishment of work relations...

As condições de trabalho na área de saúde e o processo de adoecimento da (o) assistente social

Camara, Patricia Cristiane Soares
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.81%
The requirements in the world of work in the contemporary impact on quality of life, health workers in their relations with users and other professionals of the healthcare team. Given this reality, this study discusses the working conditions in health and disease process of (a) having social goals as analyze the implications of working conditions in the disease (the) social workers in state hospitals Metropolitan Region Christmas (NMR); identify the main diseases affecting social workers in hospitals in the SESAP NMR and reveal the relationship between the disease processes of social and working conditions in hospitals in the state NMR. The research was guiding questions to reveal how to configure the work, conditions of work and of the disease process (the) social worker. To grasp the socioeconomic profile of (the) social workers, the characterization of the work, duties and responsibilities in the sociooccupational, factors that interfere with the disease process of (the) social workers of RMN, and actions and investments Policy on Occupational Health RN correlating to illness today is that we set for the unveiling of the movement of the object of study through the methodological approach with documentary research aimed at literature review; extensive direct observation correlated to real life observation and application of 66 (sixty-six) questionnaires. The data from the closed questions were treated using the Statistical Package for the Social Sciences (SPSS). The open questions were transcribed and then analyzed the light of theoretical work on the subject. The research reveals that social workers are subject to conditions and labor relations precarious illness causing health problems because some of these professionals...

Os impactos das condições de trabalho sobre a subjetividade do professor de ensino superior privado de Campinas; The impact of working conditions on teacher subjectivity of professors of private higher education in Campinas, São Paulo

Liliana Aparecida de Lima
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/11/2012 PT
Relevância na Pesquisa
115.78%
A expansão do ensino superior privado no Brasil avança rapidamente e a desregulamentação, financeirização e desnacionalização tem marcado fortemente este crescimento acelerado com grandes fusões entre instituições educacionais que seguem construindo conglomerados com participação na bolsa de valores, o que reforça o crescimento de uma concepção mercadológica do ensino privado no país. Esta concepção mercantil determina muitas das condições de trabalho dos professores nestas instituições e, consequentemente, estas condições de trabalho impactam a subjetividade destes professores. O presente estudo propôs como objetivo geral, pesquisar junto aos/as professores do Ensino Superior Privado, sindicalizados ao Sindicato dos Professores da Rede Privada de Ensino de Campinas e Região, como as suas subjetividades são impactadas e se manifestam a partir de determinadas condições de trabalho a que estão submetidos nas IES Privadas. Por "impacto" adota-se a definição de ser uma "influência decisiva dos acontecimentos no decurso da história". O estudo apresenta uma contextualização da expansão do Ensino Superior Privado no Brasil; reúne vários autores que versam sobre a subjetividade em uma concepção sócio-histórica e marxista...

Conditions of teaching: new weavings of the assessment policy for quality; Condições de trabalho docente: novas tessituras das políticas de avaliação para a qualidade

Nardi, Elton Luiz; Universidade do Oeste de Santa Catarina, Xanxerê, Santa Catarina; Schneider, Marilda Pasqual; Universidade do Oeste de Santa Catarina, Xanxerê, Santa Catarina
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; "Avaliados por pares"; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 15/01/2014 POR
Relevância na Pesquisa
115.79%
The article aims to analyze actions involving teaching, particularly those relating to the objective conditions of work and of employment, taking into account new weavings of policy evaluation for the quality of basic education involved in Ideb. It examines actions informed by school administrators and elementary school teachers, aiming at improving educational quality. Points out that, although many informed actions involve teachers’ working conditions, the majority of them focuses on the material conditions and it was drawn taking Ideb as a mobilizing factor. It was concluded that the role the school is called to exercise focuses on producing results aiming national goals that have already asserted the difficult working conditions of teachers.; http://dx.doi.org/10.5902/198464449123O artigo tem por objetivo analisar ações que implicam o trabalho docente, nomeadamente as que se referem às condições objetivas de trabalho e de emprego, tendo em conta novas tessituras das políticas de avaliação para a qualidade da educação básica implicadas no Ideb. Examina dados de questionários e entrevistas com gestores escolares e docentes do ensino fundamental, destinados a levantar ações delineadas entre 2010 e 2012, com vistas à melhoria da qualidade educacional. Assinala que...

Qualidade de vida associada a saúde e condições de trabalho entre profissionais de enfermagem; Calidad de vida asociada a la salud y condiciones de trabajo entre profesionales de enfermería; Health-related quality of life and working conditions among nursing providers

Silva, Amanda Aparecida; Souza, José Maria Pacheco de; Borges, Flávio Notarnicola da Silva; Fischer, Frida Marina
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2010 ENG
Relevância na Pesquisa
115.8%
OBJETIVO: Avaliar condições de trabalho associadas à qualidade de vida relacionada à saúde entre profissionais de enfermagem. MÉTODOS: Estudo transversal realizado em um hospital universitário de São Paulo, SP, em 2004-2005. A população estudada foi de 696 enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, predominantemente feminina (87,8%) e que trabalhava em turnos diurnos e/ou noturnos. Os dados sociodemográficos, de condições de trabalho e de vida, hábitos de vida e sintomas de saúde auto-referidos foram obtidos por meio de questionários auto-aplicados: Resultados de Estudos de Saúde - versão reduzida, Escala de Estresse no Trabalho e Desequilíbrio Esforço-Recompensa. Valores do coeficiente 1,01 significam mais esforços do que recompensas no trabalho. Modelos de regressão logística ordinal de chances proporcionais foram ajustados para cada dimensão do SF-36. RESULTADOS: Aproximadamente 22% da população foi classificada como trabalhando em condições de alto desgaste e 8% com mais esforços do que recompensas no trabalho. As dimensões com piores escores médios no SF-36 foram vitalidade, dor e saúde mental. Alto desgaste no trabalho, ter mais esforços que recompensas e ser enfermeira associaram-se de maneira independente aos baixos escores da dimensão de aspectos emocionais. As dimensões relacionadas à saúde mental foram as que mais sofreram influência dos fatores psicossociais do trabalho. CONCLUSÕES: Apresentar mais esforços do que recompensas no trabalho foi mais significativo para a qualidade de vida associada à saúde do que o alto desgaste no trabalho (altas demandas e baixo controle). Os resultados indicam que a análise conjunta dos fatores psicossociais de desequilíbrio esforço-recompensa e demanda-controle contribuiu para a discussão sobre os papéis profissionais...

Distúrbios psíquicos menores e condições de trabalho em motoristas de caminhão; Disturbios síquicos menores y condiciones laborales en conductores de camión; Minor psychiatric disorders and working conditions in truck drivers

Ulhôa, Melissa Araújo; Marqueze, Elaine Cristina; Lemos, Lúcia Castro; Silva, Luna Gonçalves da; Silva, Amanda Aparecida; Nehme, Patrícia; Fischer, Frida Marina; Moreno, Claudia Roberta de Castro
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/12/2010 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
115.78%
OBJETIVO: Estimar a prevalência de distúrbios psíquicos menores e identificar estressores associados entre motoristas de caminhão. MÉTODOS: Estudo transversal conduzido com 460 motoristas de caminhão de uma transportadora de cargas das regiões Sul e Sudeste do Brasil, em 2007. Os trabalhadores preencheram questionário com dados sociodemográficos, estilos de vida e condições de trabalho. As variáveis independentes foram condições de trabalho, incluindo estressores ocupacionais, satisfação e demanda-controle no trabalho. O desfecho avaliado foi a ocorrência de distúrbios psíquicos menores. Foram realizadas análises de regressão logística univariada e múltipla. RESULTADOS: A prevalência de distúrbios psíquicos menores foi de 6,1%. Os estressores mais citados foram congestionamentos, controle de rastreamento e jornada extensa de trabalho. A alta demanda no trabalho, o baixo apoio social e a jornada extensa diária referidos pelos motoristas estiveram associados aos distúrbios psíquicos menores. CONCLUSÕES: O trabalho em jornadas extensas foi associado à ocorrência de distúrbios psíquicos menores, tanto na análise das condições gerais de trabalho quanto como fator referido como estressor pelos motoristas. A regulamentação da jornada de trabalho com limitação de horas de trabalho diário é...

Condições de trabalho e sintomas relacionados à saúde de catadores de materiais recicláveis em Curitiba; Work conditions and health symptoms of ragickers in Curitiba

Alencar, Maria do Carmo Baracho de; Cardoso, Cintia Carolini Orlandini; Antunes, Maria Cristina
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2009 POR
Relevância na Pesquisa
115.8%
O objetivo desta pesquisa foi o de caracterizar as condições de trabalho e investigar sintomas relacionados à saúde de catadores de materiais recicláveis, vinculados a Instituições de coletas na cidade de Curitiba-PR. A metodologia consistiu de duas etapas: seleção de duas instituições de coletas e entrevistas junto aos proprietários acerca do trabalho dos catadores; e seleção de 22 catadores, sendo 11 de cada Instituição para a análise das tarefas e atividades de trabalho, com embasamento na Ergonomia (Guérin et al., 1994); aplicação de um questionário contendo dados demográficos, sócio-econômicos, aspectos relacionados à saúde com sintomas de frequência semanal no último mês (baseados no UCU Stress Model Questionnaire), e questões relacionadas à como se sentem no trabalho (ansiosos, desamparados, frustados, humilhados). Dos entrevistados 72,7% eram do gênero masculino e 27,3% do gênero feminino. Os resultados indicaram que há uma precarização nas condições de trabalho nas categorias: perfil sócio-demográfico, condições físicas, condições ambientais, medos e receios, e processos do trabalho. Observou-se a presença de dores músculo-esqueléticas em 90,9% e cansaço físico em 95,5% dos entrevistados. Outros sintomas encontrados: 81...

Distúrbios psíquicos menores e condições de trabalho em motoristas de caminhão

Ulhôa,Melissa Araújo; Marqueze,Elaine Cristina; Lemos,Lúcia Castro; Silva,Luna Gonçalves da; Silva,Amanda Aparecida; Nehme,Patrícia; Fischer,Frida Marina; Moreno,Claudia Roberta de Castro
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
115.78%
OBJETIVO: Estimar a prevalência de distúrbios psíquicos menores e identificar estressores associados entre motoristas de caminhão. MÉTODOS: Estudo transversal conduzido com 460 motoristas de caminhão de uma transportadora de cargas das regiões Sul e Sudeste do Brasil, em 2007. Os trabalhadores preencheram questionário com dados sociodemográficos, estilos de vida e condições de trabalho. As variáveis independentes foram condições de trabalho, incluindo estressores ocupacionais, satisfação e demanda-controle no trabalho. O desfecho avaliado foi a ocorrência de distúrbios psíquicos menores. Foram realizadas análises de regressão logística univariada e múltipla. RESULTADOS: A prevalência de distúrbios psíquicos menores foi de 6,1%. Os estressores mais citados foram congestionamentos, controle de rastreamento e jornada extensa de trabalho. A alta demanda no trabalho, o baixo apoio social e a jornada extensa diária referidos pelos motoristas estiveram associados aos distúrbios psíquicos menores. CONCLUSÕES: O trabalho em jornadas extensas foi associado à ocorrência de distúrbios psíquicos menores, tanto na análise das condições gerais de trabalho quanto como fator referido como estressor pelos motoristas. A regulamentação da jornada de trabalho com limitação de horas de trabalho diário é...