Página 1 dos resultados de 980 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

The role of γ -aminobutyric acid (Gaba) in somatic embryogenesis of Acca sellowiana Berg. (Myrtaceae)

BOOZ, Maristela Raitz; KERBAUY, Gilberto B.; GUERRA, Miguel Pedro; PESCADOR, Rosete
Fonte: Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal Publicador: Sociedade Brasileira de Fisiologia Vegetal
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
256.42096%
The γ-aminobutyric acid (Gaba) is a non-protein amino acid found in prokaryotes and eukaryotes. Its role in plant development has not been fully established. This study reports a quantification of the levels of endogenous Gaba, as well as investigation of its role in different stages of somatic embryogenesis in Acca sellowiana Berg. (Myrtaceae). Zygotic embryos were used as explants and they were inoculated into the culture medium contained different concentrations of Gaba (0,2, 4, 6, 8 and 10 µM). The highest concentrations of endogenous Gaba were detected between the third and nine days after inoculation, reaching the value of 12.77 µmol.g-1FW. High frequency of somatic embryogenesis was observed in response to 10 µM Gaba. This treatment also resulted in a large number of normal embryos, and the lowest percentage of formation of fused somatic embryos, phenotypic characteristic of most deformed embryos in all treatments. Also, all treatments promoted the formation of the somatic embryos with positive characteristics of development resumption, which however did not originate the seedlings.; O ácido γ-aminobutírico (Gaba) é um aminoácido não protéico encontrado em procariontes e eucariontes. Seu papel em plantas ainda não está bem estabelecido. No presente estudo procurou-se quantificar os teores endógenos de Gaba...

Caracterização funcional e estrutural de uma L-Aminoácido oxidace do veneno de 'Bothrops jararacussu' e avaliação da sua ação antitumoral, antiparasitária e bactericida; Functional and structural characterization of an L-aminoacid oxidace from 'Bothrops jararacussu' venom and the evaluation of its antitumoral, antiparasitic and bactericidal action

Ticli, Fabio Kiss
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
364.4811%
Neste trabalho descrevemos o isolamento e a caracterização bioquímica, estrutural e funcional de uma L-aminoácido oxidase isolada do veneno da serpente Bothrops jararacussu, proteína esta denominada BjussuLAAO. O isolamento foi realizado pela combinação de três etapas cromatográficas, utilizando filtração molecular em Sephadex G-75, seguida de cromatografia de afinidade em Benzamidina-Sepharose, seguida pela última etapa cromatográfica, realizada com interação hidrofóbica em Fenil-Sepharose. A BjussuLAAO é uma proteína com massa molecular de 61 kDa e pI 5,8, e apresentou alta similaridade sequencial com as LAAOs já isoladas dos venenos de serpentes. A enzima BjussuLAAO induziu edema apenas na maior dose (100 ?g/animal), não apresentou atividade miotóxica, também não apresentou atividade hemorrágica, mesmo nas doses mais elevadas. A BjussuLAAO, demonstrou ter efeito coagulante e ação fibrinogenolítica e, mesmo utilizando inibidores de metaloproteases e serino proteases, continuou apresentando tal atividade, demonstrando assim não existir contaminantes destas classes de proteínas na amostra. As atividades mais interessantes do ponto de vista farmacológico, onde podemos visualizar a BjussuLAAO como um futuro fármaco...

Estudo de uma nova rota sintética para o fármaco (R)-baclofen; Investigation of a New Synthetic Route to (R)-Baclofen

Barazzone, Giovana Cappio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
264.4811%
O objetivo principal deste trabalho foi a investigação da viabilidade de uma nova rota sintética para a obtenção do fármaco Baclofen em sua forma enantiopura. A etapa principal da rota sintética por nós proposta consiste na síntese de uma aziridina de estereoquímica cis, utilizando uma nova metodologia, desenvolvida em nosso laboratório pelo emprego da catálise de transferência de fase (CTF). Para a obtenção da aziridina apropriada, tornou-se necessário preparar de maneira estereosseletiva, a (2S, 3R)-(4-clorofenil)-serina. Este precursor seria adequado, uma vez que, em estudos preliminares, verificamos que o fechamento do aziridínico ocorre sem racemização dos estereocentros presentes na molécula. Inicialmente, tentamos obter o β-hidróxi-α-aminoácido desejado pela reação de adição aldólica de uma imina do éster terc-butílico da glicina com o 4-clorobenzaldeído, em condições de catálise de transferência de fase assimétrica. Tais reações não apresentaram estereosseletividade. Porém, apesar de gerarem dois produtos diastereoméricos racêmicos, estes são de interesse, uma vez que um deles é uma oxazolidina cis inédita. Para a obtenção da (2S, 3R)-(4-clorofenil)-serina...

Relação lisina digestível: energia metabolizável em dietas de suínos dos 24 aos 50 kg criados em condições de segregação sanitária: desempenho, digestibilidade e metabolismo, imunidade (parâmetros sanguíneos); Relationship between digestible lysine and metabolizable energy in gilts diets from 24 at 50 kg in sanitary segregation: performance, digestibility and metabolism, immunity (blood parameters)

Gandra, Erika Rosendo de Sena
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/02/2009 PT
Relevância na Pesquisa
264.4811%
Avaliou-se a relação lisina digestível: energia metabolizável em dietas de machos castrados e marras dos 24 aos 50 kg. O delineamento experimental usado foi blocos ao acaso, com cinco tratamentos, oito repetições, um animal por unidade experimental no ensaio de desempenho e quarto repetições e um animal por unidade experimental no de metabolismo. Nos parâmetros sanguineos, foi usado delineamento inteiramente casualizado, quarto repetições por sexo e um animal por unidade experimental. Os tratamentos foram 0,80; 0,90; 1,00; 1,10 e 1,20% de lisina digestível. Avaliaram-se as características de desempenho, digestibilidade e metabolismo e os parâmetros sanguineos. Houve efeito quadrático do nível de lisina digestível no peso dos suínos e na conversão alimentar das fêmeas. O ganho de peso relativo, a eficiência de proteína bruta e a conversão alimentar melhoraram linearmente para machos castrados. Constatou-se efeito quadrático do aminoácido na excreção e retenção do nitrogênio urinário, efeito também observado na energia excretada na urina e energia digestível. No perfil de neutrófilos de machos castrados e na relação neutrófilo x linfócito de ambos os sexos houve resposta quadrática do teor dietético de lisina. Comparado ao grupo controle...

Isolamento e caracterização bioquímica e funcional de L-aminoácido oxidase do veneno de 'Bothrops atrox'; Isolation and characterization of an L-amino acid oxidase from Bothrops atrox snake venom

Alves, Raquel de Melo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/03/2007 PT
Relevância na Pesquisa
369.44117%
Os venenos de serpentes são ricos em proteínas, enzimas e peptídeos biologicamente ativos. Diversas enzimas tais como fosfolipases A2 (PLA2s), metaloproteases (MP), L-aminoácido oxidases (LAAOs) são responsáveis pelo quadro clínico do envenenamento ofídico. Atualmente, o isolamento e a caracterização funcional e estrutural destas enzimas têm auxiliado na compreensão do mecanismo de ação destas toxinas e nas formas alternativas de tratamento. Além disso, estas enzimas se tornaram valiosas ferramentas de aplicação biotecnológica, na busca de novos fármacos de interesse na clínica médica. O objetivo deste trabalho foi isolar e caracterizar bioquímica e funcionalmente a L-aminoácido oxidase do veneno de Bothrops atrox. O isolamento da LAAO de B. atrox (LAAOBatrox) envolveu três etapas cromatográficas: a exclusão molecular em Sephadex G-75, troca iônica em ES-502N utilizando CLAE e, por último, a cromatografia de afinidade com uso da Lentil-Lectina, conferindo um alto grau de pureza à proteína confirmado por SDS-PAGE. Após a caracterização bioquímica, a LAAOBatrox demonstrou ser uma glicoproteína com 12% de açúcar, massa molecular relativa de 67.000 e pI de 4,4 confirmando seu caráter ácido pela composição em aminoácidos...

Caracterização fisiológica e genética do transporte de arginina em Leishmania (Leishmania) amazonensis; Physiologic and genetic characterization of arginine transport in Leishmania (Leishmania) amazonensis

Martins, Emerson Augusto Castilho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
269.44117%
Protozoários do gênero Leishmania são parasitas digenéticos, com uma fase no tubo digestório de um hospedeiro invertebrado (promastigota), e uma fase parasita intracelular de macrófagos (amastigotas). Estudar a demanda de L-arginina no parasita é interessante, uma vez que o aminoácido é indispensável para a sobrevida do parasita e, ao mesmo tempo, serve de substrato para a produção de óxido nítrico, principal composto microbicida dos macrófagos. O objetivo deste trabalho foi caracterizar o transporte de arginina em Leishmania (Leishmania) amazonensis do ponto de vista fisiológico e caracterizar o gene que codifica o transportador do aminoácido, bem como a regulação da sua expressão em resposta a diferentes condições biológicas. Para medir o influxo de L-arginina em fagolisossomos, utilizamos macrófagos J774 infectados com L. (L.) amazonensis e desenvolvemos uma metodologia com citometria de fluxo com sorting para a purificação da organela. Validamos microscopicamente a presença do parasita na organela por sua fluorescência, e avaliamos a integridade da membrana externa dessa com marcador de pH ácido. Paralelamente, o gene que codifica o transportador de arginina do parasita foi caracterizado. Foram encontradas duas cópias em tandem que produzem dois transcritos (5.1AAP3 e 4.7AAP3)...

Caracterização bioquímica, estrutural e funcional de uma L-aminoácido oxidase isolada de peçonha de Lachesis muta (Serpentes, Viperidae); Purification, biochemistry and functional characterization of a new L-amino acid oxidase from Lachesis muta venom.

Silva, Cristiane Bregge da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
375.22797%
As peçonhas de serpentes contêm uma mistura complexa de substâncias farmacologicamente ativas, como metaloproteases, fosfolipases A2, serino-proteases, L-aminoácido oxidase (LAAO), além de outros importantes compostos sem ação enzimática. LAAOs são flavoproteínas que catalisam a desaminação oxidativa de L-aminoácidos e produzem o -cetoácido correspondente, com a concomitante liberação de amônia e peróxido de hidrogênio. A peçonha de Lachesis muta (L. muta) contém L-aminoácido oxidase, a qual pode contribuir com o envenenamento. Portanto, o objetivo deste trabalho é a purificação da L-amino acido oxidase de peçonha de Lachesis muta (LmLAAO) e a sua caracterização bioquímica, estrutural e funcional. Para isso, foram desenvolvidos dois protocolos distintos de purificação, os quais forneceram LmLAAO com grande pureza. No primeiro protocolo, 20 mg de peçonha bruta de L. muta foram submetidos a uma gel filtração em Sephacryl S100®. Das dez frações obtidas, a primeira fração apresentou atividade L-aminoácido oxidase e foi submetida a mais um passo cromatográfico em Mono Q®. A homogeneidade da fração com atividade L-aminoácido oxidase após a troca iônica foi comprovada por presença de banda única com 60...

Estudo de alguns complexos de metal-aminoácido por difração de raios-X em monocristais; Some metal-aminoacid complexes studied by X-ray diffraction techniques

Fabiane, Stella Maris
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/08/1989 PT
Relevância na Pesquisa
369.44117%
Este trabalho consiste em uma introdução teórica dos princípios de difração de raios-X e em métodos de determinação de estruturas moleculares e cristalinas aplicados a dois complexos de metal-aminoácido: Cobre (II) bis (D,L-alaninato) mono-hidratado e Cobre(II) bis (L-valinato) mono-hidratado. O complexo Cu(D,L-ala)2·H2O tem fórmula química Cu(H2NCHCO2CH3)2· H2O e cristaliza no sistema monoclínico, grupo espacial C2/c com a= 12,087(3)Å, b= 9,583(3)Å, c= 8,973(3)Å, β= 110,85(2)°, dcalc= 1,762 g/cm3, Z= 4, F(000) 532(elétrons). Foram utilizadas 737 reflexões independentes com I > 3δ(I), que resultaram em um fator R final 0,032. Nesta estrutura, cada íon cobre (II), localizado em um centro de inversão, está ligado ao nitrogênio da amina e a um dos oxigênios carboxilatos de duas moléculas de alanina relacionadas por simetria em um arranjo planar cristalograficamente perfeito. Dois átomos de oxigênio de moléculas de água relacionadas por simetria completam uma configuração de octaedro alongado em volta do cobre. O átomo de oxigênio da molécula de água está em um vértice comum a dois octaedros vizinhos e está fortemente ligado por ponte de hidrogênio a oxigênios carboxilatos de duas moléculas vizinhas. Para o complexo Cu(L-val)2·H2O de fórmula química Cu(H2NCHCO2CH(CH3)2)2·H2O...

O papel do aminoácido leucina na modulação da atividade do peptídeo beta amiloide em células SH-SY5Y; The role of leucine in the modulation of beta amyloid peptide activity in SH-SY5Y cells

Lorenzeti, Fabio Medici
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
369.44117%
Estudos demonstram que a indução do estresse oxidativo pelo peptídeo beta amiloide (A?) exerce um importante papel no desencadeamento da excitotoxicidade neuronal o que pode resultar no desenvolvimento de doenças neurodegenerativas. A formação do peptídeo A? se deve a alterações na proteína precursora de amiloide (APP) que é clivada para a formação do peptídeo A?. Por sua vez, os mecanismos de ação do A? no S.N.C. ocorrem através da sinalização do receptor NMDA (N-metil D-aspartato) receptor este que quando ativado pelo glutamato exerce importante papel fisiológico no S.N.C., visto que apresenta atividade ionotrópica que permite o influxo de Na+ e Ca2+ para as células neuronais, auxiliando nos processos de formação da memória e aprendizagem. Entretanto, apesar do seu papel fisiológico, a ativação excessiva do receptor NMDA é fortemente correlacionada com lesões no S.N.C. decorrente da excessiva permeabilidade do íon Ca2+ para o citosol das células neuronais. Com isso as concentrações de glutamato na fenda sináptica são estritamente controladas para que não haja ativação excessiva dos receptores com atividade glutamatérgica, como o receptor NMDA. Estudos indicam que o transporte de glutamina/glutamato através da barreira hematoencefálica é menor do que de outros aminoácidos...

Caracterização funcional e estudo dos mecanismos de resposta ao dano celular causado por uma L-aminoácido oxidase de Calloselasma rhodostoma em linhagens celulares humanas; Functional characterization and study of the mechanisms of response to the cellular damage caused by an L-amino acid oxidase from Calloselasma rhodostoma in human cell lines

Costa, Tássia Rafaella
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
364.4811%
As L-aminoácido oxidases (LAAOs) isoladas de peçonhas de serpentes são alvos de um grande número de pesquisas devido às suas inúmeras ações biológicas e farmacológicas. O objetivo do presente trabalho foi caracterizar funcionalmente a Laminoácido oxidase da peçonha de Calloselasma rhodostoma (CR-LAAO) por meio das atividades: bactericida, fungicida, leishmanicida, tripanomicida, citotóxica, inflamatória e análise da expressão de genes e proteínas apoptóticas. A CR-LAAO mostrou-se altamente citotóxica sobre as células tumorais HepG2 e HL-60, promovendo cerca de 80% de morte celular na maior concentração testada (100 ?g/mL) e apresentou baixa toxicidade sobre células PBMC. Foi possível observar que a proteína induziu apoptose (AV+) em PBMC. Em HepG2, as menores concentrações (0,1-2,5 ?g/mL) causaram apoptose (AV+), e as maiores (5-100 ?g/mL) causaram apoptose/necrose (PI+/AV+). Em HL-60, as concentrações testadas (0,1-100 ?g/mL) induziram apoptose/necrose (PI+/AV+). A expressão do gene FAS e ativação das caspases 8 e 3 determinou a ativação da via extrínseca da apoptose na linhagem HL-60. A CR-LAAO promoveu algumas alterações na modulação do ciclo celular, sendo que nas linhagens tumorais os atrasos se concentraram nas fases G0/G1 e S do ciclo celular. Ademais...

Relação lisina digestível e energia metabolizável para leitões em fase pré-inicial de creche

Trindade Neto, Messias Alves da; Berto, Dirlei Antonio; Albuquerque, Ricardo de; Schammass, Eliana Aparecida
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1291-1300
POR
Relevância na Pesquisa
264.4811%
Estudou-se a melhor relação entre lisina digestível (LIS) e energia metabolizável (EM) e efeitos no desempenho e balanço de nitrogênio em leitões na fase de creche. No desempenho foram usados 216 leitões dos 6,90 ± 1,11 kg de peso inicial aos 12 kg, aproximadamente. No metabolismo eram 48 leitões com 9,31 ± 2,09 kg. As concentrações de LIS eram: 1,302; 1,390 e 1,497% e de EM: 3.510, 3.700 e 3.830 kcal/kg, combinadas em um arranjo fatorial 3 × 4 e distribuídas em delineamento de blocos ao acaso. No desempenho dos leitões houve interação LIS em no ganho de peso e conversão alimentar. No ganho de peso a resposta para LIS foi linear crescente nas dietas com 3.510 kcal e 3.830 kcal de EM. Na conversão alimentar observou-se efeito quadrático de LIS nas dietas que continham 3.510 kcal e efeito linear de LIS nas dietas com 3.830 kcal de EM. O efeito quadrático de LIS dentro de 3.510 kcal indicou 1,44% do aminoácido digestível como nível ótimo ou a ingestão de 4,16 g LIS/Mcal de em consumida. A resposta linear positiva na conversão alimentar ao acréscimo de LIS nas dietas com 3.830 kcal em indica maior eficiência dos leitões ao acréscimo do aminoácido quando o nível de energia é alto. No ensaio de metabolismo o aumento de em sugere maior retenção de N...

Estudos espectroscópicos da fase gasosa do a-aminoácido DL-valina

Silva, Áderson Miranda da
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
264.4811%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Física, 2010.; Aminoácidos formam a estrutura conforme das proteínas. Acredita-se que aminoácidos possam ter chegado a Terra trazidos por meteoros e meteoritos, e por isso, possam ter desempenhado um papel importante no surgimento da vida no planeta. A análise da fotodegradação e da estrutura eletrônica dos aminoácidos em fase gasosa constitui um ponto partida na compreensão da origem molecular da vida. Aminoácidos na forma gasosa são obtidos por aquecimento. A degradação térmica de um aminoácido pode produzir resultados incorretos quando espectros de fotoelétrons e de tempo de vôo são analisados. Nesta perspectiva, realizamos um estudo criterioso da degradação termicamente induzida do ?-aminoácido DL-Valina quando volatizado em diferentes regimes de temperatura. Estabelecemos critérios para evitar a decomposição termicamente induzida na amostra, bem como, descrevemos as mudanças nos espectros de massa produzidos, que são comumente tomados em altas temperaturas. Espectros de PEPICO registrados utilizando um feixe de fótons na região de 11.2 - 21.5 eV, nos permitiram analisar a produção dos fragmentos iônicos desta molécula, descrevendo os seus canais de dissociação. As curvas de produção parcial de íons foram construídas usando um novo método de cálculo das áreas dos picos no espectro de tempo de vôo. Pela primeira vez...

Qualidade de sementes de soja armazenadas após recobrimento com aminoácido, polímero, fungicida e inseticida

Ludwig,Marcos Paulo; Lucca Filho,Orlando Antonio; Baudet,Leopoldo; Dutra,Luiz Marcelo Costa; Avelar,Suemar Alexandre Gonçalves; Crizel,Renato Lopes
Fonte: Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes Publicador: Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 PT
Relevância na Pesquisa
275.22795%
Objetivou-se com o presente trabalho avaliar o efeito do tratamento e/ou recobrimento de sementes de soja com aminoácido, polímero, fungicida e inseticida sobre os atributos fisiológicos e sanitários das sementes. Foi realizado um experimento utilizando os tratamentos: 1) testemunha; 2) fungicida (Fludioxonil + Metalaxil); 3) aminoácido (PT-4-0®); 4) polímero (Polyseed CF®+ Colorseed®); 5) fungicida + aminoácido; 6) fungicida + inseticida (Thiametoxam); 7) fungicida + polímero; 8) fungicida + inseticida + polímero e 9) fungicida + aminoácido + inseticida. Após os tratamentos às sementes foram armazenadas e sua qualidade avaliada a cada 60 dias quanto à germinação, vigor e sanidade. A aplicação do aminoácido isolado afeta positivamente a germinação das sementes de soja, porém quando combinado com fungicida e polímero não melhora o desempenho das sementes. A germinação foi afetada negativamente com o uso do fungicida, porém a combinação de fungicida e polímero não apresentou este efeito. A aplicação do fungicida reduziu a incidência dos fungos avaliados, com exceção da Cercospora sp. A utilização de polímero não afeta o controle de fungos pelo fungicida, indicando que a combinação dos mesmos pode ser utilizada.

Efeito dos níveis de metionina da dieta sobre o desempenho de poedeiras comerciais

Baião,N.C.; Ferreira,M.O.O.; Borges,F.M.O.; Monti,A.E.M.
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/1999 PT
Relevância na Pesquisa
264.4811%
Avaliou-se o efeito da adição de níveis crescentes de DL-metionina na dieta sobre o desempenho de poedeiras comerciais. Foram utilizadas 960 poedeiras comerciais de linhagem Lohmann, distribuídas em quatro tratamentos, com quatro repetições de 60 aves cada, em um delineamento experimental inteiramente ao acaso. O tratamento A foi utilizado como controle, sem adição de DL-metionina, representando 0,29% do aminoácido na ração. Para os tratamentos B, C e D as rações foram suplementadas com 0,03, 0,05 e 0,07% de metionina, respectivamente, o que representou de 0,32, 0,34 e 0,36% do aminoácido na ração. Foram avaliadas as seguintes características: produção de ovos (%), consumo de ração (g), conversão alimentar (kg/dz), peso dos ovos (g), massa de ovo (g) e espessura da casca do ovo (mm). Não houve diferenças significativas (P<0,05) entre as médias para conversão alimentar e espessura da casca do ovo. Entretanto, para produção de ovos, peso dos ovos, massa de ovo e consumo de ração, os tratamentos suplementados com metionina apresentaram melhores resultados quando comparados ao tratamento sem suplementação.

Crescimento de mudas de orégano submetidas a doses e frequências de aplicação de Ácido L-glutâmico em sistema orgânico

Bettoni,M.B.; Fabbrin,E.G. dos S.; Procopiuk,M.; Mógor,A.F.
Fonte: Sociedade Brasileira de Plantas Medicinais Publicador: Sociedade Brasileira de Plantas Medicinais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
264.4811%
O presente trabalho teve por objetivo identificar o efeito de diferentes doses e frequências de aplicação do biofertilizante aminoácido Ácido L-glutâmico em mudas de orégano produzidas em sistema orgânico, quantificando seu crescimento. Os tratamentos compostos por 2 doses (0,4 e 0,8 mL L-1) de Ácido L-glutâmico a 30%, e testemunha com água, foram aplicados via foliar em intervalos regulares de 7 e 14 dias, por 28 dias (fatorial 3 x 2, com 4 e 2 aplicações, respectivamente), em delineamento inteiramente casualizado com 4 repetições. Aos 62 dias após a semeadura foi realizada a coleta de 8 plantas centrais por repetição para avaliação de características biométricas da parte aérea e das raízes. O experimento demonstrou que o biofertilizante aminoácido ácido L-glutâmico influenciou as características avaliadas. A dose de 0,8 mL L-1, aplicada com intervalo de 14 dias, promoveu maior crescimento das mudas de orégano.

Relação lisina digestível e energia metabolizável para leitões em fase pré-inicial de creche

Trindade Neto,Messias Alves da; Berto,Dirlei Antonio; Albuquerque,Ricardo de; Schammass,Eliana Aparecida
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2009 PT
Relevância na Pesquisa
264.4811%
Estudou-se a melhor relação entre lisina digestível (LIS) e energia metabolizável (EM) e efeitos no desempenho e balanço de nitrogênio em leitões na fase de creche. No desempenho foram usados 216 leitões dos 6,90 ± 1,11 kg de peso inicial aos 12 kg, aproximadamente. No metabolismo eram 48 leitões com 9,31 ± 2,09 kg. As concentrações de LIS eram: 1,302; 1,390 e 1,497% e de EM: 3.510, 3.700 e 3.830 kcal/kg, combinadas em um arranjo fatorial 3 × 4 e distribuídas em delineamento de blocos ao acaso. No desempenho dos leitões houve interação LIS EM no ganho de peso e conversão alimentar. No ganho de peso a resposta para LIS foi linear crescente nas dietas com 3.510 kcal e 3.830 kcal de EM. Na conversão alimentar observou-se efeito quadrático de LIS nas dietas que continham 3.510 kcal e efeito linear de LIS nas dietas com 3.830 kcal de EM. O efeito quadrático de LIS dentro de 3.510 kcal indicou 1,44% do aminoácido digestível como nível ótimo ou a ingestão de 4,16 g LIS/Mcal de EM consumida. A resposta linear positiva na conversão alimentar ao acréscimo de LIS nas dietas com 3.830 kcal EM indica maior eficiência dos leitões ao acréscimo do aminoácido quando o nível de energia é alto. No ensaio de metabolismo o aumento de EM sugere maior retenção de N...

Caracterização bioquímica e funcional de uma nova L-aminoácido oxidase isolada da peçonha da serpente Bothrops pirajai

Izidoro, Luiz Fernando Moreira
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
364.4811%
Neste trabalho nós descrevemos o isolamento de uma nova L-aminoácido oxidase (LAAO) referida como BpirLAAO-I, do veneno da serpente Bothrops pirajai, a qual foi altamente purificada usando uma combinação de passos cromatográficos, como a exclusão molecular, afinidade e interação hidrofóbica. BpirLAAO-I é uma glicoproteína ácida homodimérica (massa molecular aproximado de 130.000 Da e ponto isoelétrico de 4,9), com alta especificidade por aminoácidos hidrofóbicos/aromáticos, cuja desglicosilação não altera sua atividade enzimática. A seqüência N-terminal dos primeiros 49 resíduos de aminoácidos da LAAO apresentou alta similaridade entre a seqüência de outras LAAOs: Bothrops spp, Crotalus spp, Calloselasma rhosdostoma, Agkistrondon app, Trimeresurus spp, Pseudechis australis, Oxyuramus scutellatus and Notechis scutatus. BpirLAAO-I induziu agregação plaquetária tempo dependente, edema em pata de camundongo, atividade citotóxica contra Escherichia. Coli, Pseudomonas aeruginosa, Leishmania sp e células tumorais e também típica fragmentação em DNA de fago (M13mp18). Agregação plaquetária e atividades leishmanicida e antitumoral foram reduzidas na presença de catalase. BpirLAAO-I é uma proteína multifuncional com promissoras aplicações biotecnológica e medica. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT; In this work we describe the isolation of a new L-amino acid oxidase (LAAO) referred to as BpirLAAO-I from Bothrops pirajai snake venom...

Análise do perfil de expressão gênica da glândula de peçonha de Bothrops pauloensis (Bothropoides pauloensis)

Rodrigues, Renata Santos
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
264.4811%
As peçonhas de serpentes do gênero Bothrops consistem em uma fonte de peptídeos e proteínas que apresentam importantes ações farmacológicas ocasionando efeitos locais e sistêmicos como edema, sangramentos e necrose muscular. Muitas toxinas da peçonha de B. pauloensis têm sido isoladas e caracterizadas através de métodos bioquímicos tradicionais. Com o objetivo de analisar o perfil transcricional da glândula de peçonha de B. pauloensis e desvendar o potencial farmacológico de seus constituintes a nível molecular, foi gerada um biblioteca parcial de cDNA, e as seqüências obtidas foram identificadas por análises de similaridade contra bancos de dados internacionais existentes. Os resultados demonstraram que de um total de 1152 clones seqüenciados, 668 correspondem às seqüências de qualidade (> 100pb), havendo um grande predomínio de transcritos que codificam toxinas em relação aos que codificam proteínas envolvidas em funções celulares. Entre as seqüências que codificam toxinas (41,5%), as metaloproteinases (38%) apresentaram maior freqüência, seguidas pelas fosfolipases A2 (27%), peptídeos potencializadores de bradicinina (16,5%) e lectinas tipo-C (8,2%). Outros clones são expressos em menor freqüência como serinoproteinases (5...

Relação lisina digestível e energia metabolizável para leitões em fase pré-inicial de creche

Trindade Neto, Messias Alves da; Berto, Dirlei Antonio; Albuquerque, Ricardo de; Schammass, Eliana Aparecida
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1291-1300
POR
Relevância na Pesquisa
264.4811%
Estudou-se a melhor relação entre lisina digestível (LIS) e energia metabolizável (EM) e efeitos no desempenho e balanço de nitrogênio em leitões na fase de creche. No desempenho foram usados 216 leitões dos 6,90 ± 1,11 kg de peso inicial aos 12 kg, aproximadamente. No metabolismo eram 48 leitões com 9,31 ± 2,09 kg. As concentrações de LIS eram: 1,302; 1,390 e 1,497% e de EM: 3.510, 3.700 e 3.830 kcal/kg, combinadas em um arranjo fatorial 3 × 4 e distribuídas em delineamento de blocos ao acaso. No desempenho dos leitões houve interação LIS em no ganho de peso e conversão alimentar. No ganho de peso a resposta para LIS foi linear crescente nas dietas com 3.510 kcal e 3.830 kcal de EM. Na conversão alimentar observou-se efeito quadrático de LIS nas dietas que continham 3.510 kcal e efeito linear de LIS nas dietas com 3.830 kcal de EM. O efeito quadrático de LIS dentro de 3.510 kcal indicou 1,44% do aminoácido digestível como nível ótimo ou a ingestão de 4,16 g LIS/Mcal de em consumida. A resposta linear positiva na conversão alimentar ao acréscimo de LIS nas dietas com 3.830 kcal em indica maior eficiência dos leitões ao acréscimo do aminoácido quando o nível de energia é alto. No ensaio de metabolismo o aumento de em sugere maior retenção de N...

La glutamina, un aminoácido casi indispensable en el enfermo crítico

Bonet,A.; Grau,T.
Fonte: Medicina Intensiva Publicador: Medicina Intensiva
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/10/2007 SPA
Relevância na Pesquisa
264.4811%
La glutamina es el aminoácido más abundante del organismo y está implicada en numerosos procesos del metabolismo intermediario, sobre todo en la síntesis de aminoácidos y purinas, en el ciclo de los ácidos tricarboxílicos y en la generación de urea. Aunque se ha considerado un aminoácido no esencial debido a que puede ser sintetizado por el organismo, existen situaciones clínicas graves que cursan con una depleción marcada, por lo que ha sido considerado como condicionalmente esencial. Los niveles bajos de glutamina se asocian con alteraciones de la función inmune, con cambios en la estructura y función de la mucosa intestinal y del tejido linfático asociado, con disminución de la capacidad oxidante y con modificaciones de la sensibilidad a la insulina en el enfermo grave. La administración de suplementos clínicos de glutamina, tanto por vía enteral como parenteral, han dado resultados contradictorios pero, en su mayor parte, apoyan la hipótesis de que los aportes de glutamina pueden modificar la morbimortalidad de los enfermos graves. Quedan cuestiones pendientes de resolver como la dosis adecuada y la vía de administración, y más importante, definir aquellos subgrupos de pacientes que pueden beneficiarse más de su empleo.