Página 8 dos resultados de 4560 itens digitais encontrados em 0.054 segundos

O cuidado à pessoa idosa na ótica de profissionais da estratégia de saúde da família

Amthauer, Camila
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
86.08%
O envelhecimento vem ocorrendo de forma bastante acelerada, fazendo com que se torne uma temática relevante do ponto de vista científico e de políticas públicas, mobilizando pesquisadores e promotores de políticas sociais, na discussão do desafio que a longevidade humana está colocando para as sociedades. Neste sentido, no contexto da Atenção Básica, espera-se oferecer à pessoa idosa e à sua rede de suporte social, uma atenção humanizada com orientação, acompanhamento e apoio domiciliar, com respeito às culturas locais, às diversidades do envelhecer e à diminuição das barreiras arquitetônicas de forma a facilitar o acesso. Sabendo da importância do cuidado à saúde da pessoa idosa, esta pesquisa busca conhecer a concepção de cuidado e as práticas desenvolvidas junto aos idosos que procuram os serviços de saúde, na ótica de profissionais de Saúde da Família. Trata-se de uma pesquisa de abordagem qualitativa. Os sujeitos são profissionais de Saúde da Família atuantes na Unidade Básica de Saúde Santa Cecília, do município de Porto Alegre/RS. Os dados foram coletados por entrevista semiestruturada e analisados por meio de análise temática, proposta por Minayo. Dessa análise emergiram três categorias: concepções dos profissionais de Saúde da Família sobre o processo de envelhecer; dificuldades enfrentadas pelos idosos na visão dos profissionais; e...

A configuração do trabalho da enfermeira na atenção ao idoso na Estratégia de Saúde da Família

Pinheiro,Gleide Magali Lemos; Alvarez,Angela Maria; Pires,Denise Elvira Pires de
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
86.1%
Este artigo teve como objetivo descrever a configuração do trabalho da enfermeira com o idoso na Estratégia de Saúde da Família (ESF), destacando as ações nas quais se concentram a sua atuação. Caracterizou-se como um estudo exploratório-descritivo de natureza qualitativa que teve como informantes enfermeiras que atuam na ESF do município de Florianópolis/SC. As informações foram coletadas por meio da entrevista narrativa e os resultados foram submetidos à técnica de Análise de Conteúdo, originando três categorias temáticas e suas respectivas subcategorias: O cuidado individual: a consulta de enfermagem com o idoso; O cuidado coletivo: a atuação em grupos; e, O Cuidado no domicílio: a visita como espaço de atuação. Os resultados mostram que o trabalho da enfermeira na promoção da saúde do idoso na ESF vem estruturando-se com as demandas que emergem no cotidiano da população, apresentando algumas contradições em relação ao modelo de atenção em curso, situação que a coloca diante do desafio de revisar suas práticas e repensar os modos de operar o trabalho na atenção ao idoso, com vistas a desenvolver instrumentos e metodologias fundamentados em conhecimentos políticos e socialmente instituídos no intuito de conquistar e demarcar seu espaço de atuação no campo da saúde coletiva.

Código de Defesa do Consumidor, Estatuto do Idoso e reajustes por faixa etária em planos de saúde contratados antes da sua vigência

Aragão, Alexandre Santos de
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.06%
Apresenta consulta acerca da interpretação e aplicação do Estatuto do Idoso, que contém dispositivo que veda a discriminação do idoso nos planos de saúde pela cobrança de valores diferenciados em razão da idade.

Cuidados à saúde bucal do idoso com capacidade funcional comprometida

Reibnitz Júnior, Calvino; Tognoli, Heitor; dos Santos, Evanguelia Kotzias Atherino
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.06%
Este objeto começa bordando algumas peculiaridades do cuidado à saúde bucal de idosos com capacidade funcional diminuída, sendo um aspecto fundamental a inclusão da figura do cuidador, indispensável para a realização dos procedimentos diários de higiene bucal. Segue ressaltando que o cuidador, em primeiro lugar necessita cuidar de sua própria saúde, além de alertar para a necessidade de verificar a presença de enfermidades orais nos idosos. Cita ainda lesões de cárie ou mucosa, próteses dentárias, a melhor hora para a higiene, além de seguir as normas de biossegurança. Termina abordando as dificuldades de abertura bucal do idoso e os cuidados extras necessários para não ferir o cuidador, além das posições, tanto do idoso quanto do cuidador na hora da higienização. Unidade 4 do módulo 8 que compõe o Curso de Especialização em Saúde da Família.

Introdução à atenção integral à saúde do idoso para dentista

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José; Massignam, Fernando Mendes
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.07%
O tópico mostra que o aumento do tempo de vida, traz novos conhecimentos a respeito de diferentes questões de saúde da crescente população de idosos, mostrando dados da OMS que caracterizam os desafios da saúde pública para a construção de uma vida ativa e autônoma no envelhecimento, sendo necessária a implementação de políticas públicas voltadas especificamente para usuários dessa faixa etária e seus problemas. Apresenta: a Portaria MS 1395/1999, revisada pela Portaria 2528/2006, que dispõe sobre políticas de saúde para o idoso, com eixos orientadores de prevenção de doenças e promoção de saúde, por meio de atividades multidisciplinares; a Portaria 399 que, no âmbito do SUS propõe o Pacto pela Saúde e Diretrizes Operacionais; o Caderno 19 de AB sobre envelhecimento e saúde da pessoa idosa. Mostra, também, os obstáculos políticos, institucionais e técnico-organizativos na formação inicial e permanente dos profissionais de saúde a serem superados para garantir atenção integral e qualificada a essa parte da população. Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Introdução para dentista. Unidade 1 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família.

Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde do idoso para dentistas

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José; Massignam, Fernando Mendes
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.06%
Tópico 1 – Educação popular e promoção de saúde do idoso: reflexão a partir de uma experiência de extensão universitária com grupo de idosos em João Pessoa (PB) O tópico apresenta projeto de extensão do Instituto de Nutrição na AB em apoio à ação com grupo de idosos em comunidade, no contexto de Saúde da Família, com a atuação de alunos de graduação em abordagem dialógica. Tópico 2 – Grupo de hidroterapia – fisioterapia aquática do Projeto Mais Viver O tópico rela experiência realizada em S. Bonifácio (SC), município com grade demanda de serviços de fisioterapia, onde grupo de idosos solicitou dos gestores uso de piscina térmica particular já existente para formação de grupo de hidroterapia, tendo sido, a partir daí, organizado o serviço em parceria da SMS, Secretaria de Transportes e Obras, o proprietário da piscina, grupo de idosos, ESF e ACS, resultando no Projeto Mais Viver a partir de 2009. Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde do idoso. Unidade 4 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família.

Introdução à atenção integral à saúde do idoso para enfermeiro

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José; Massignam, Fernando Mendes
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.07%
O tópico mostra que o aumento do tempo de vida, traz novos conhecimentos a respeito de diferentes questões de saúde da crescente população de idosos, mostrando dados da OMS que caracterizam os desafios da saúde pública para a construção de uma vida ativa e autônoma no envelhecimento, sendo necessária a implementação de políticas públicas voltadas especificamente para usuários dessa faixa etária e seus problemas. Apresenta: a Portaria MS 1395/1999, revisada pela Portaria 2528/2006, que dispõe sobre políticas de saúde para o idoso, com eixos orientadores de prevenção de doenças e promoção de saúde, por meio de atividades multidisciplinares; a Portaria 399 que, no âmbito do SUS propõe o Pacto pela Saúde e Diretrizes Operacionais; o Caderno 19 de AB sobre envelhecimento e saúde da pessoa idosa. Mostra, também, os obstáculos políticos, institucionais e técnico-organizativos na formação inicial e permanente dos profissionais de saúde a serem superados para garantir atenção integral e qualificada a essa parte da população. Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Introdução para enfermeiro. Unidade 1 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família.

Caracterização das condições socioculturais, econômicas e de saúde do idoso em município de cultura predominantemente germânica no Rio Grande do Sul

Wittmann, Cristiane Luci Weber
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
86.08%
Introdução: A investigação do perfil sócio-cultural, econômico e de saúde do idoso atual, em âmbito municipal, é de importância indiscutível no subsídio de políticas públicas que busquem a longevidade com qualidade de vida. Objetivos: O estudo buscou analisar a multidimensionalidade da vida do idoso da cidade de Picada Café, Rio Grande do Sul, Brasil, município de cultura predominantemente germânica em sua origem, identificando as condições sócio-culturais, econômicas e de saúde e sua associação com a qualidade de vida, com vistas à implantação de ações, programas e políticas voltadas a ele, qualificando seu atendimento e propiciando sua integração social. Metodologia: O delineamento foi do tipo transversal, descritivo, comparativo e inferencial. A amostra compreendeu a totalidade dos idosos de ambos os sexos, residentes na cidade de Picada Café, com sessenta anos ou mais, completos até a data de 30/06/2005, sendo constituído por 601 sujeitos. Os dados foram coletados a partir da aplicação de entrevista estruturada e devidamente armazenados nos prontuários individuais do Banco de Dados da Secretaria Municipal da Saúde, Meio Ambiente e Ação Social do Município de Picada Café. Os dados levantados dos prontuários dos sujeitos incluídos na pesquisa foram transcritos para planilhas do aplicativo SPSS...

Análise do padrão do uso de medicamentos em idosos no município de Goiânia, Goiás; Analysis of the pattern of drugs use in the elderly in Goiânia, Goiás

SANTOS, Thalyta Renata Araújo
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde - Medicina Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde - Medicina
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
86.07%
Introduction: The fact of elderly people live in a greater amount with chronic diseases, make the elderly a great consumer of health services and, probably, the most medicated group in the society. In this context serious problems arise, such as the use of multiple medications simultaneously (polypharmacy) that can lead to serious consequences to the elderly health. Another problem is the self-medication, which may exacerbate the associated risks with prescript drugs, delaying a diagnosis and masking a disease. There is, still, the use of drugs considered inappropriate for elderly, either by reducing the therapeutic efficacy or an increased risk of adverse effects that increase the advantages in elderly usage. Objective: Analyzing the pattern of use of medications in aged people in the city of Goiânia-GO, and associate it with socioeconomic aspects and with the self-rated health. Methods: A population-based study and cross-section, that evaluated the health of elderly in the city of Goiânia-GO. The data collection was carried out in December/2009 to April/2010 from 934 elderly. The questionnaire had questions about medications, in addition to information about self-rated health and socioeconomic profile. The drugs groups were classified according to the Anatomical Therapeutic Chemical and Classification-ATC. The inappropriate drugs for elderly were identified according to Beers Criteria. Used Mann Whitney (U) and Chi-square test...

Atenção integral à saúde do idoso para enfermeiros

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Tipo: Texto Formato: Módulo de Atenção integral à saúde do idoso em saúde da família. Arquivo em pdf com 74 páginas.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.07%
Nesta unidade, vimos várias práticas de promoção da saúde que podem ser empregadas pela equipe de saúde no cuidado ao idoso. Conhecemos estratégias que podem ser utilizadas pela equipe nos grupos destinados aos idosos. O sucesso dos mesmos não depende só da participação dos idosos, mas também do estabelecimento de vínculos solidários de confiança mútua entre profissionais e comunidade. Também relembramos práticas educativas voltadas aos familiares cuidadores dos idosos, as quais envolvem as relações familiares e a sobrecarga de trabalho do cuidador.; 1.0; Ministério da Saúde/OPAS/OMS

Atenção integral à saúde do idoso para médicos

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Tipo: Texto Formato: Módulo de Atenção integral à saúde do idoso em saúde da família. Arquivo em pdf com 93 páginas.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.07%
Nesta unidade, vimos várias práticas de promoção da saúde que podem ser empregadas pela equipe de saúde no cuidado ao idoso. Conhecemos estratégias que podem ser utilizadas pela equipe nos grupos destinados aos idosos. O sucesso dos mesmos não depende só da participação dos idosos, mas também do estabelecimento de vínculos solidários de confiança mútua entre profissionais e comunidade. Também relembramos práticas educativas voltadas aos familiares cuidadores dos idosos, as quais envolvem as relações familiares e a sobrecarga de trabalho do cuidador.; 1.0; Ministério da Saúde/OPAS/OMS

Envelhecimento e saúde da pessoa idosa: o que todos precisamos saber

Universidade Federal do Maranhão - UNA-SUS
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Recurso textual contendo imagens coloridas, utilizado na unidade introdutória do módulo 10 (Saúde do idoso), direcionado para o Programa de Valorização da Atenção Básica (Provab)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.1%
A população do mundo está com um maior quantitativo de idosos, e isto é resultante de políticas de saúde mais eficientes que proporcionam planos e ações estratégicos para o enfrentamento das doenças prevalentes a este público. É de suma importância saber como é e como vive este grupo de pessoas no Brasil, para que as ações de saúde realizadas sejam efetivas e bem-sucedidas. Para tanto, é apontado neste recurso os meios utilizados para conhecer as características gerais sobre a população idosa em níveis nacionais, regionais e municipais, como o relatório do IBGE de 2010 (Síntese dos Indicadores Sociais) e o Datasus. São abordados assuntos como as doenças mais comuns (derrames, pressão alta, infartos, diabetes), os problemas sociais, os programas oficiais e as organizações não governamentais relacionados ao idoso. Contempla ainda aspectos históricos que a população idosa brasileira passou para adquirir grandes conquistas, como o Pacto pela vida e o Estatuto do Idoso, bem como a Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa; Universidade Federal do Maranhão - UNA-SUS

Assistência Multidisciplinar à Saúde - vol 3

Escobar, Janainne Moraes Vilela; Motta, Eduardo Ferreira da; Abdo, Rodrigo Ferreira
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Tipo: Texto Formato: Livro
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.08%
O módulo 4, denominado Atenção Integral à Saúde do Idoso, é parte integrante da Unidade IV, aborda a saúde do idoso. Como será discutido no módulo, a proporção de idosos vem aumentando, o serviço de saúde e os profi ssionais que nele atuam precisam estar sensibilizados para fazer a atenção a esta faixa etária. Para isto precisa ter competências para prestar atenção qualifi cada focada para esta faixa etária. O conteúdo traz os conceitos de envelhecimento saudável, as políticas de atenção específi cas para tal ciclo de vida, além dos cuidados que as equipes precisam desenvolver para promover a saúde dos idosos. Vale ressaltar que são ações que independem do núcleo de competência dos profi ssionais, ou seja, é de responsabilidade de todos os membros da equipe, médico, odontólogo e enfermeiro. O módulo 5, denominado Atenção Integral à Saúde Mental, faz a abordagem dos principais problemas na área de saúde mental. Ele pretende clarifi car o que os profi ssionais da atenção primária precisam saber para suspeitar de problemas de saúde mental. O tema vai ser tratado separadamente, pois se entende que a abordagem dos problemas relacionados á saúde mental do indivíduo são fundamentais para a manutenção de uma comunidade saudável. Reconhecer os sinais de distúrbios mentais é de competência de todos os integrantes da equipe de saúde da família...

Envelhecimento e a saúde da pessoa idosa: questões da prática assistencial para dentistas

Figueiredo, Camilla Silva de Araujo; Universidade Aberta do SUS – UNASUS, Coordenação geral UNASUS/UFMA
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Recurso contendo texto em formato pdf, com 51 páginas, e versão em html, compactado em formato zip.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.06%
Compreende o idoso na perspectiva social, política e legal com ênfase em questões de atenção integral à sua saúde. Abordam-se questões e temáticas ligadas à prática diária do dentista e à atenção básica do idoso. O recurso é o Módulo 10: Envelhecimento e a saúde da pessoa idosa: questões da prática assistencial para dentistas, Curso de Especialização em Saúde da Família - Provab, da UFMA

Cuidados de enfermagem ao idoso e à família

dos Santos, Evanguelia Kotzias Atherino; Reibnitz Júnior, Calvino; Tognoli, Heitor
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Unidade 5 do módulo 8 que compõe o Curso de Especialização em Saúde da Família. Arquivo .zip contendo página html com recursos de texto, imagens e animações em flash.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.06%
Este objeto inicia apontando o interesse dos enfermeiros nos cuidados com os idosos, como a enfermagem gerontológica se ampliou com o número crescente de cursos de especialização e a conscientização dos profissionais da saúde sobre a complexidade do cuidado de enfermagem direcionado aos idosos. Segue citando o crescimento da população de idosos e a necessidade de estratégias capazes de produzir um envelhecimento saudável, e de que a atenção integral à saúde do idoso é alcançada por meio do Processo de Enfermagem e da Classificação Internacional da Prática de Enfermagem. Cita também que a enfermagem deve propiciar que a família faça narrativas, nas quais entremeie dados de sua história e da situação atual e não só do cuidado por alguma situação de saúde. Termina citando o genograma e o ecomapa como valiosos instrumentos e que é necessário atentar para a inserção dos membros idosos da família e sua dinâmica nestes instrumentos. Unidade 5 do módulo 8 que compõe o Curso de Especialização em Saúde da Família.; 1.0; Ministério da Saúdes/OPAS/OMS

Cuidados à saúde bucal do idoso com capacidade funcional comprometida

Reibnitz Júnior, Calvino; Tognoli, Heitor; dos Santos, Evanguelia Kotzias Atherino
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Unidade 4 do módulo 8 que compõe o Curso de Especialização em Saúde da Família. Arquivo .zip contendo página html com recursos de texto, imagens e animações em flash.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.1%
Este objeto começa bordando algumas peculiaridades do cuidado à saúde bucal de idosos com capacidade funcional diminuída, sendo um aspecto fundamental a inclusão da figura do cuidador, indispensável para a realização dos procedimentos diários de higiene bucal. Segue ressaltando que o cuidador, em primeiro lugar necessita cuidar de sua própria saúde, além de alertar para a necessidade de verificar a presença de enfermidades orais nos idosos. Cita ainda lesões de cárie ou mucosa, próteses dentárias, a melhor hora para a higiene, além de seguir as normas de biossegurança. Termina abordando as dificuldades de abertura bucal do idoso e os cuidados extras necessários para não ferir o cuidador, além das posições, tanto do idoso quanto do cuidador na hora da higienização. Unidade 4 do módulo 8 que compõe o Curso de Especialização em Saúde da Família.; 1.0; Ministério da Saúdes/OPAS/OMS

Idosos e filhos cuidadores em uma comunidade do sul do Brasil: perfil e percepções de saúde

Rosales, Rita Arim
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
86.1%
Dissertação(mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Escola de Enfermagem, 2012.; Esta dissertação teve como objetivo geral conhecer o perfil e percepção de saúde de idosos e filhos cuidadores de uma comunidade do sul do Brasil. Os objetivos específicos foram (a) caracterizar o perfil dos idosos e de seus filhos cuidadores, (b) conhecer as percepções destes filhos acerca das condições de saúde de seus genitores. Trata-se de um estudo de campo, exploratório, descritivo, com abordagem mista. Os dados foram coletados através de entrevista orientada por um roteiro com parte estruturada e semiestruturada. Este foi elaborado a partir do protocolo de pesquisa denominado Filial Responsibilitye submetido a um pré-teste a fim de ser validado quanto ao alcance dos objetivos. A identificação de 38 possíveis participantes ocorreu no núcleo de atendimento da Estratégia de Saúde da Família (ESF) por meio da colaboração dos Agentes Comunitário e as 26 entrevistas gravadas efetuaram-se no período de julho a novembro de 2011, nas residências dos sujeitos; 12 não foram encontrados e não houve negativa para a participação no estudo. A análise dos dados dividiu-se em duas etapas: na primeira utilizou-se a estatística descritiva e os resultados foram apresentados por meio de frequência absoluta. A interpretação ocorreu por meio de interlocução dos dados com os autores que produziram acerca do tema estudado. Na segunda os dados foram estudados utilizando a análise de conteúdo de Bardin. Verificou-se que dentre os filhos cuidadores de pais idosos há predominância de mulheres com idades entre 41 e 70 anos...

Elderly health policy: initiatives verified in the city of City of Rio Grande-RS; Política de salud de la persona mayor: iniciativas identificadas en municipio de Rio Grande–RS; POLÍTICA DE SAÚDE DO IDOSO: INICIATIVAS IDENTIFICADAS NO MUNICÍPIO DE RIO GRANDE-RS

Tier, Cenir Gonçalves; Bulhosa, Michele Salum; Flores S, Maria Cristina; Santos, Silvana Sidney Costa; Baisch, Ana Luiza Muccillo; Cestari, Maria Elizabeth
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 14/09/2006 POR
Relevância na Pesquisa
86.12%
Esta es una investigación exploratoria y descriptiva/reflexiva, con datos obtenidos por medio de informaciones acerca de la población mayor y identificación de iniciativas desarrolladas con personas mayores. El objetivo fue conocer la implementación de la Política Nacional de la Salud de la Persona Mayor en Rio Grande–RS. Los datos fueron comparados con lo que fue establecido por la “Portaría 1.395/ 99”, la cual rige la Política Nacional de Salud de la Persona Mayor, siendo identificados: en el área de la Promoción de la Salud y Manutención de la Capacidad Funcional, la vacunación contra la influenza y tétanos, el Núcleo Universitario de Tercera Edad, los Grupos de Convivencia y otras iniciativas del Programa deApoyo alAnciano; en el área deAsistencia a las Necesidades de Salud de la Persona Mayor, el atendimiento domiciliario por el Programa de Salud de la Familia; en el área de Apoyo al Desarrollo de Cuidados Informales, el Grupo deAyuda Mutua para familiares de personas mayores portadoras de Enfermedad de Alzheimer; en el área de Apoyo a Estudios y Investigación, el Grupo de Estudio y Investigación en Enfermería Gerontogeriátrica; en el área de capacitación de recursos humanos especializados, las disciplinas específicas acerca de la salud del aciano (graduación y maestrazgo en Enfermería de la FURG) y el curso de sensibilización al cuidado de la persona mayor. Se verificó que las acciones son hechas...

Atividade Física: uma perspectiva de promoção da saúde do idoso no município de Florianópolis; Physical activity: a perspective of health promotion among the elderly in Florianopolis country

Benedetti, Tânia Rosane Bertoldo; UFSC/CDS/Nucidh
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, SC. Brasil
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; "Artigo Não Avaliado por Pares"; Descritiva correlacioal Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 12/06/2006 ENG
Relevância na Pesquisa
86.1%
A pesquisa teve como objetivos verificar a relação entre o nível de atividade física e as condições de vida e saúde dos idosos residentes em Florianópolis,SC e propor diretrizes para programas e ações públicas de atividades físicas voltadas à população idosa. A amostra, do tipo probabilística com seleção aleatória estratificada por setor censitário, distrito e sexo, totalizou 875 idosos, com média de idade de 71,6 anos (dp=7,9). Os dados foram colhidos por IPAQ (Questionário Internacional de Atividades Físicas) e analisados, associados aos da pesquisa de Perfil dos Idosos de Florianópolis, SC, obtidos por BOAS (Brazilian Old Age Schedule). Incluem dados complementares aqueles obtidos em programas de idosos de municípios europeus e aqueles relativos aos serviços existentes em Florianópolis. A análise pela Associação de Correspondência Múltipla considerou as variáveis de condição de vida e saúde e variável atividade física(AF) semanal em dois níveis: idosos menos ativos (menos de 150 minutos); idosos mais ativos (150 minutos ou mais). Resultados: 59,3% eram os idosos mais ativos, sendo os homens mais ativos no domínio do lazer, enquanto as mulheres, nas tarefas domésticas. A maioria residia com o cônjuge e em 18...

A configuração do trabalho da enfermeira na atenção ao idoso na Estratégia de Saúde da Família

Pinheiro,Gleide Magali Lemos; Alvarez,Angela Maria; Pires,Denise Elvira Pires de
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
86.1%
Este artigo teve como objetivo descrever a configuração do trabalho da enfermeira com o idoso na Estratégia de Saúde da Família (ESF), destacando as ações nas quais se concentram a sua atuação. Caracterizou-se como um estudo exploratório-descritivo de natureza qualitativa que teve como informantes enfermeiras que atuam na ESF do município de Florianópolis/SC. As informações foram coletadas por meio da entrevista narrativa e os resultados foram submetidos à técnica de Análise de Conteúdo, originando três categorias temáticas e suas respectivas subcategorias: O cuidado individual: a consulta de enfermagem com o idoso; O cuidado coletivo: a atuação em grupos; e, O Cuidado no domicílio: a visita como espaço de atuação. Os resultados mostram que o trabalho da enfermeira na promoção da saúde do idoso na ESF vem estruturando-se com as demandas que emergem no cotidiano da população, apresentando algumas contradições em relação ao modelo de atenção em curso, situação que a coloca diante do desafio de revisar suas práticas e repensar os modos de operar o trabalho na atenção ao idoso, com vistas a desenvolver instrumentos e metodologias fundamentados em conhecimentos políticos e socialmente instituídos no intuito de conquistar e demarcar seu espaço de atuação no campo da saúde coletiva.