Página 7 dos resultados de 250 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Estudo teórico de formas condensadas de polianilinas; Theoretical study of condensed forms of polyanilines

Dávila, Liliana Yolanda Ancalla
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/11/2005 PT
Relevância na Pesquisa
17.511782%
Neste trabalho estudamos o efeito de empacotamento, em diferentes formas condensadas, sobre as propriedades estruturais e eletrônicas de um polímero orgânico conjugado, a polianilina, através de simulações teóricas. A metodologia teórica empregada depende do número de átomos nos sistemas escolhidos, e das propriedades investigadas. Assim, para os filmes com milhares de átomos, utilizamos métodos clássicos para a obtenção das propriedades estruturais. Já para o estudo das propriedades eletrônicas, utilizamos métodos quânticos aplicados a sistemas cristalinos. Para estudar as propriedades estruturais em filmes de polianilina, foi necessário parametrizar um campo de força, e escolhemos o UNIVERSAL1.02 (UFF). Os testes iniciais com o novo campo, UFFn, em sistemas cristalinos de polianilina foram promissores, e pudemos obter simulações de filmes realísticos homogêneos, tanto para sistemas reduzidos como oxidados. A densidade obtida para os sistemas poliméricos representam muito bem o valor experimental, e resultados de raios-X e função de distribuição radial são muito semelhantes aos encontrados na literatura. Através do método ab initio SIESTA, estudamos as propriedades estruturais e eletrônicas de sistemas moleculares e cristalinos lD e 3D de polianilina...

Mistura PAni.DBSA/SBS Obtida por Polimerização "In Situ": Propriedades Elétrica, Dielétrica e Dinâmico-Mecânica

Leyva,María E.; Barra,Guilherme O.; Soares,Bluma G.; Khastgir,Dipak
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2002 PT
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Misturas elastoméricas condutoras de eletricidade envolvendo copolímero tribloco poli(estireno-b-butadieno-b-estireno) (SBS) e polianilina dopada com ácido dodecilbenzenosulfônico (Pani.DBSA) foram obtidas por polimerização "in situ". Os filmes obtidos por moldagem por compressão mostraram baixo limiar de percolação, apresentando valores de condutividade semelhantes aos encontrados para o polímero condutor puro com cerca de 20 % em massa de Pani.DBSA. A caracterização das misturas por análise termodinâmico-mecânica (DMTA) evidenciou uma ligeira interação da Pani.DBSA com ambas fases do copolímero SBS. Na região borrachosa, o módulo da mistura aumenta com o aumento do conteúdo de Pani. No entanto, existe uma progressiva queda no fator de amortecimento ("damping") com o aumento da concentração de Pani. A energia de ativação, Ea, do processo de transição vítreo-borrachoso de ambas fases do SBS foi calculada, utilizando a equação de Arrhenius com os dados obtidos tanto por DMTA como por análise termodielétrica (DETA). A caracterização dielétrica não proporcionou informações a respeito da localização da Pani.DBSA na matriz de SBS. No entanto, observou-se o fenômeno de polarização interfacial entre a Pani e o SBS. Uma morfologia do tipo microtubos foi observada para Pani.DBSA na mistura SBS/Pani.DBSA...

Eletropolimerização pulsada para confecção de camadas transportadoras de cargas foto-geradas em dispositivos fotovoltaicos orgânicos

Yoshioka,Nathália Akemi; Rocha,Hugo Leonardo Ramos; Cazati,Thiago; Manhabosco,Taíse Matte; Müller,Iduvirges Lourdes
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2014 PT
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Neste trabalho, filmes de polianilina (PAni) depositados por eletropolimerização potenciostática pulsada foram utilizados como camada transportadora em dispositivo orgânico fotovoltaico de heterojunção. Os filmes de PAni foram depositados sobre eletrodo de óxido de índio e estanho (ITO) utilizando-se potenciais pulsados de 1,0 V e 1,5 V em solução ácida contendo 0,1 M de monômero anilina. Os filmes apresentaram coloração esverdeada, uniforme e sem descontinuidades. A morfologia dos filmes de PAni foi analisada por imagens de microscópio de força atômica (AFM) e sua estabilidade foi verificada através de curvas de voltametria cíclica. Análise de espectroscopia de absorção ultravioleta-visível (UV-Vis) evidenciou a obtenção de filmes poliméricos no estado condutor (base esmeraldina). Os filmes de PAni depositada por eletropolimerização potenciostática pulsada sob diferentes tensões foram utilizados como camada transportadora de cargas em dispositivos fotovoltaicos de heterojunção à base de polímeros conjugados. As eficiências de conversão de energia (η) dos dispositivos com estrutura ITO/PAni/MDMO-PPV_PCBM/Al foram determinadas através da curva densidade de corrente-tensão (J-V) e comparadas com os dispositivos construídos sem a camada de PAni com estrutura ITO/MDMO-PPV_PCBM/Al...

Materiais híbridos de polifosfatos: fotoquímica, caracterização (di)elétrica e sua utilização em capacitores eletroquímicos

José de Oliveira, Rodrigo; Galembeck, André (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
17.511782%
A sinergia entre as propriedades de uma substância orgânica e outra inorgânica pode ser obtida em um único material através do processo sol-gel. O processamento a baixas temperaturas permite a incorporação de substâncias orgânicas em matrizes inorgânicas. Estes materiais híbridos podem possuir interação covalente entre o convidado e o hospedeiro (Classe 2) ou uma interação fraca do tipo eletrostática, van der Waals ou ligações de hidrogênio (Classe 1). Tais materiais apresentam propriedades únicas, compreendendo, por exemplo, a resistência mecânica da matriz inorgânica e a fotoluminescência do corante orgânico. Neste espírito, buscou-se, neste trabalho de dissertação, desenvolver, caracterizar e aplicar materiais híbridos com propriedades de luminescência, condução elétrica e capacitância, onde a matriz inorgânica reside em um gel de polifosfato. O primeiro sistema obtido consistiu de um material híbrido onde o convidado orgânico foi a molécula de rodamina B. Tal molécula sofreu uma lenta fotodecomposição sob irradiação no visível gerando um material com forte luminescência no verde. Testes de ordem química forneceram subsídios para se concluir que houve N-desetilação no corante por ação de radicais oxigenados foto-produzidos. Desta forma...

Biossensor impedanciométrico baseado em compósitos híbridos de nanopartículas de ouro-polianilina para detecção de sorotipo da Dengue em concentração de picomolar

Paula Oliveira Nascimento, Helena; Augusto Souza de Andrade, César (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Neste trabalho, nós descrevemos a preparação e caracterização de um novo compósito híbrido de nanopartículas de ouro-polianilina (AuNpPANI) com grupos terminais SH que, devido a sua habilidade de imobilizar primers específicos para os sorotipos de dengue 1, 2 e 3 (ST1, ST2 e ST3), pode ser utilizado para o desenvolvimento de biossensores. Espectroscopia de impedância eletroquímica (EIE) na faixa de freqüência de 100 mHz a 100 KHz e voltametria cíclica (VC) na faixa de varredura -0,2 a 0,7 V foram realizadas na presença da mistura de 10 mM K3[Fe(CN)6]4-/K4[Fe(CN)6]3- (1:1), utilizada como par redox. Resultados de CV e EIS demonstraram que o AuNpPANI foi capaz de imobilizar ST1, ST2 e ST3, formando os complexos AuNpPANI-ST. As imagens de MEV mostraram a presença de aglomerados AuNpPANI quando a seqüência genômica DEN1 (alvo complementar) é hibridizada com o ST1 da dengue. Voltamogramas cíclicos bem definidos característicos de um processo redox de difusão limitada foram observados no eletrodo de ouro limpo e após este ter sido modificado pela adsorção de AuNpPANI ou AuNpPANI-ST. Em adição, foi observado um notável decréscimo nos picos anódico e catódico. O sistema AuNpPANI-ST(1-3) exibiu uma resposta altamente seletiva para o alvo complementar da dengue e pode ser utilizado para a construção de um biossensor para sorotipos da dengue. O sistema AuNpPANI-ST(1-3) foi capaz de reconhecer o sorotipo da dengue de diferentes pacientes em concentrações de picomolar. Os resultados VC e EIE mostraram evidência inequívoca da interação existente entre os primers específicos para os sorotipos de dengue estudados e o DNA genômico complementar utilizando pequenos volumes e baixas concentrações do analito; Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

Revestimento de partículas ferromagnéticas com heparina e heparan sulfato e seu uso como matriz de afinidade para purificação de proteínas plasmáticas

Silva, Ricardo de Souza; Carvalho Júnior, Luiz Bezerra de (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Tese de Doutorado
BR
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Métodos de separação por afinidade têm se revelado eficazes e econômicos. Eles se baseiam na formação de um complexo estabelecido entre duas biomoléculas afins a um suporte insolúvel em água. Lavagens iniciais deste compósito removem impurezas de sorte que em uma segunda etapa o complexo é desfeito, liberando a biomolécula de interesse mediante seu rompimento (força iônica, pH, etc.). Dentre os diferentes métodos, aqueles baseados em suportes magnéticos têm as vantagens de fácil síntese, manuseio e o derivado ser recuperado por meio de um campo magnético. Esta tese se postulou a revestir partícula magnéticas com heparina (HEP) e heparan sulfato (HS) uma vez que esses glicosaminoglicanos são muito negativamente carregados e formam complexos com proteínas, por exemplo, proteínas plasmáticas. Três tipos de materiais foram sintetizados: polietilenotereftalato magnetizado (mPET), magnetita (MAG) e magnetita revestida com polianilina (mPANI). Inicialmente, filmes de PET sofreram hidrazinólise e o pó PET-hidrazida obtido foi magnetizado pelo método de co-precipitação em solução de cloretos férrico e ferroso. A MAG foi sintetizada conforme descrito acima, porém, sem adição do PET, e posteriormente foi revestida com PANI (mPANI). HEP e HS foram ativados com carbodiimida e N-hidroxissuccinimida e incubados com os suportes para que ocorressem o revestimento das partículas...

Compósitos de partículas magnéticas e polímeros para imobilização de tripsina

Maciel, Jackeline da Costa; Carvalho Júnior, Luiz Bezerra de (Orientador); Silva, Maria da Paz Carvalho da (Coorientadora); Neri, David Fernando Morais (Coorientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Tese de Doutorado
BR
Relevância na Pesquisa
27.040825%
As enzimas são muito utilizadas em processos industriais; então, a busca por novas tecnologias, que permitam o uso otimizado dessas biomoléculas, confere redução dos custos e permite melhor rendimento da enzima. Uma das alternativas para isso consiste na imobilização dessas proteínas em suportes insolúveis. Dentre os diferentes tipos de suportes existentes, os compósitos de nanopartículas magnéticas e polímeros apresentam algumas vantagens, tais como: oferecem maior área superficial para ligação da enzima devido ao reduzido tamanho; permitem a rápida separação utilizando apenas um campo magnético externo e a presença do revestimento polimérico contribui com grande quantidade de grupos funcionalizáveis. Embora se conheçam todas as ferramentas, é preciso escolher as mais adequadas para a aplicação desejada. Neste trabalho, foram produzidos compósitos de partículas magnéticas e polímeros. Dois tipos de polímeros foram utilizados, o polissacarídeo levana e o polímero sintético polianilina (PANI). Nosso objetivo foi obter derivados enzimáticos com boa retenção de atividade. O compósito de partículas magnéticas e levana foi obtido pelo método de co-precipitação na presença do polissacarídeo. Para produção do compósito com PANI...

Dispositivos sensores de gases baseados no compósito nanotubos de carbono/polianilina

Eising, Marcelo
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: 636. : il. algumas color., tabs., grafs.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Orientador: Profª. Drª. Lucimara Stolz Roman; Co-orientador: Prof. Dr. Carlos Eduardo Cava; Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Ciência dos Materiais - PIPE. Defesa: Curitiba, 14/04/2014; Inclui referências; Área de concentração: Engenharia e ciência de materiais; Resumo: Neste trabalho são apresentados os estudos de propriedades morfológicas, ópticas e elétricas de filmes compósitos de nanotubos de carbono (NTC) e polianilina (PANI) e sua aplicação em dispositivos sensores de gás amônia (NH3). Foram sintetizados filmes compósitos de NTC/PANI com quatro diferentes proporções, mantendo-se constante a quantidade de NTC e variando a quantidade de anilina para polimerização, num total de quatro proporções, e cada proporção dopada de três diferentes formas. Análises ópticas (espectroscopia Raman e por UV-Vis) indicaram a presença tanto de NTC quanto PANI nos compósitos, além de confirmar o processo de dopagem. Análises morfológicas (MEV e AFM) indicaram a formação dos filmes, e o aumento de irregularidades e rugosidade com o aumento da quantidade de PANI no compósito. Análises elétricas com dispositivos sensores baseados nestes compósitos indicaram alta sensitividade (valores de até 419 ± 44 %) e baixos tempos de resposta (valores mínimos de 75 ± 16 s) e recuperação (valores mínimos de 379 ± 25 s) a 1000 PPM de amônia em ar.; Abstract: In this work is present the studies of morphological...

Filmes finos de polímeros conjugados e nanoestruturas de carbono obtidos em interfaces líquido-líquido : síntese, caracterização e aplicação em dispositivos fotovoltaicos

Salvatierra, Rodrigo Villegas
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 151f. : il. algumas color., tabs., grafs.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
17.511782%
Orientador : Prof. Dr. Aldo J. G. Zarbin; Co-orientadora : Profª Drª Marcela M. Oliveira; Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Exatas, Programa de Pós-Graduação em Química. Defesa: Curitiba, 11/02/2014; Inclui referências; Resumo: Este trabalho consiste na obtenção de filmes finos de materiais híbridos visando a aplicação em dispositivos fotovoltaicos orgânicos. Os filmes híbridos são compostos por polímeros conjugados e nanoestruturas de carbono, obtidos através da polimerização in situ em interfaces líquido-líquido. A partir desta rota, filmes finos destes materiais insolúveis são montados na interface. Dois sistemas foram abordados, os filmes de polianilina com nanotubos de carbono e os filmes de politiofeno com grafeno quimicamente sintetizado. No primeiro sistema, o polímero é sintetizado na presença dos nanotubos, enquanto que no segundo, ambas as fases são produzidas em uma única etapa. Os dois polímeros são de interesse em células solares orgânicas, sendo o primeiro aplicável como eletrodo transparente e o segundo como camada ativa na absorção de luz. O filme de polianilina com nanotubos foi caracterizado em termos de suas propriedades elétricas. Foi observado um efeito sinérgico na estrutura híbrida. Elevadas razões de NTC alteram a propriedade condutora da polianilina...

Utilização do inibidor de papaína extraído de sementes de Adenanthera pavonina L. na purificação de proteases cisteínicas; Using the inhibitor of papain extracted from seeds of Adenanthera pavonina L. in the purification of cysteine proteases

GAMBÔA, Adriane Guimarães
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Biologia; Ciências Biolóicas Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Biologia; Ciências Biolóicas
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
27.040825%
In this work papain inhibitor from A. pavonina was immobilized by covalent bond in polyaniline (PANI) modified with glutaraldehyde (PANIG) for be used as stationary phase for affinity chromatography and then applied in the purification of cysteine proteases bromelain and ficin. The extraction and purification of inhibitors protease from A. pavonina resulted in a yield of 3.9% in the last step of purification. Gel filtration chromatography performed in Sephadex G-75 resin as a purification step resulted in three protein peaks (F1, F2 and F3), but only F1 was used in the experiments of immobilization because of higher specific activity. Immobilization was performed using PANIG. To optimize the immobilization conditions the amount of PANIG in the reaction (5, 10 and 15mg), time (30, 60 and 90 min) and pH (5.0 to 8.0) were varied. The best conditions for immobilization of A. pavonina inhibitor, according to tests performed were 5mg PANIG, reaction time of 30min and pH 7.0. PANIG-I was used as bio-affinity stationary phase for separation of bromelain and ficin. Electrophoresis (SDS-PAGE) performed after the separation process revealed the presence of a single band for both bromelain and ficina, with 28 and 25 kDa, respectively. In this process...

Desenvolvimento e aplica??o do material comp?sito HRP/PANI/PEG-MWCNT como plataforma para detec??o de per?xido de hidrog?nio a baixo potencial; Development and application of HRP/PANI/PEG-MWCNT composite material as a platform for hydrogen peroxide detection with high sensitivity at low potential

Silva, Jussara Vieira da
Fonte: UFVJM Publicador: UFVJM
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
27.040825%
ABSTRACT Currently carbon nanotubes (NTC) represent an important group of nanomaterials with attractive properties (chemical, electronic and mechanical). These materials can be combined with polymers in order to shape their physical properties of these compounds (nanotube-polymer), increasing its electrical conductivity, chemical stability and mechanical strength. In fact, this study shows the production of a nanostructured composite material based on polyaniline (PANI) and carbon nanotubes multi-walled (MWCNT), for this, the NTC were functionalized with amine groups (PEG-NH2). The insertion of the amine grouping together to NTC (MWCNT-PEG) was confirmed by the characterization of this material using the techniques of Scanning Electron Microscopy (SEM) spectroscopy, Fourier transform infrared (FT-IR) spectroscopy and energy dispersive X-Ray. A modified electrode was produced through polymerization in the presence of PANI called NTC functionalized PANI/PEG-MWCNT. The properties of the composite PANI/MWCNT-PEG were examined by cyclic voltammetry and Electrochemical Impedance Spectroscopy, it was found that the combined presence of the NTC and polyaniline in the modified electrode provides a formation of a composite material with synergistic properties. Furthermore...

Estudos sobre a dopagem de polianilina depositada sobre substratos poliméricos; Not available

Vaz, Denise de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/03/2001 PT
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Compósitos formados por polímeros condutores depositados sobre substratos flexíveis, tais como plásticos ou elastômeros, têm sido estudados na última década, porque combinam as propriedades de ambos os materiais que lhes deram origem, formando novos materiais condutores de eletricidade, transparentes, flexíveis, resistentes e de baixo custo. Neste trabalho, foram obtidos filmes de polianilina (PANI) obtida pela síntese química diluída a temperatura ambiente, depositados sobre filmes de policarbonato de bisfenol-A (PC) e poli(tereftalato de etileno) (PET). Os compósitos foram desdopados com NH4OH 0,1M e redopados com ácido clorídrico (HCI 1M), ácido trifluoracético (TFA 1M), ácido ptoluenosulfônico (TSA 1M), descarga corona negativa e positiva. Esses materiais foram caracterizados por espectroscopia no infravermelho com transformada de Fourier (FTIR), espectroscopia Raman Ressonante, espectroscopia de foto-elétrons excitados por raios-X (XPS), espectroscopia de luz na região do ultravioleta e visível (UV-vis), microscopia ótica (MO), microscopia eletrônica de varredura (MEV), microscopia de força atômica (AFM), termogravimetria (TG), testes de aderência (ASTM 0-3359-B), medidas de condutividade elétrica, testes de redopagem e de solubilidade. A condutividade elétrica dos compósitos dopados com ácidos foi da ordem de 2 S/cm e a dos dopados com descarga corona foi em tomo de 0...

Desenvolvimento e caracterização de filmes eletroativos a base de PAni/rGO-PEG-NH2/HRP visando a construção de um biossensor enzimático para detecção de H2O2; Study of the properties of electroactive films based on PAni/rGO-PEG-NH2 as a platform for biosensors development

Pimentel, Delton Martins
Fonte: UFVJM Publicador: UFVJM
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Área de concentração: Química Analítica.; ABSTRACT In the present work a composite material based on polyaniline (PAni), graphene (rGO) and Horseradish peroxidase (HRP) was fabricated, aiming the development of a new platform for the detection of hydrogen peroxide (H2O2) with high sensitivity. The graphene used in this work was produced from the reduction of graphite oxide, using a microwave oven. The graphite oxide was synthesized by the method of J. Laura Cote et al. Subsequently, the nanomaterial was chemically modified with O, O'-Bis (2 - aminoethyl) polyethylene glycol, thus producing graphene functionalized with amino groups (rGO / PEG). After this step, the composite PAni/rGO-PEG-NH2 was produced by potentiodynamic method and it was used as a substrate to fabricate a sensor for H2O2 by immobilizing the enzyme HRP over the polymer, thus producing a composite material. Electrochemical experiments were performed in an electrochemical cell for up to 10 mL, with three electrodes: Ag / AgCl was used as the reference electrode; platinum wire as the counter electrode and the working electrode was an Au electrode with an area of 0.071 cm2. Comparative studies of the redox processes of PAni and PAni/rGO-PEG-NH2, performed by cyclic voltammetry and electrochemical impedance spectroscopy...

Sintese da PAni(ADBS) em escala pre-piloto e processamento de suas blendas com Noryl'Marca Registrada' e HIPS

Olacir Alves Araujo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/02/2005 PT
Relevância na Pesquisa
27.040825%
A polianilina (PAni) é um polímero intrinsecamente condutor que apresenta potencial aplicação tecnológica, mas possui baixa processabilidade. Entretanto, se misturada a termoplásticos, que possuam propriedades mecânicas adequadas, podem ser obtidas blendas com caracteristicas de dissipação de carga eletrostática. Os plásticos dissipadores convencionais apresentam resistividade superficial que varia de 10 a 10W. Neste trabalho foi realizada a otimização da síntese da PAni dopada com ácido dodecilbenzeno sulfônico, PAni(ADBS), em escala de bancada, e posterior produção em escala pré-piloto em um reator de 10 L, usando solução etanol/água (2:5 v/v) como meio reacional, em substituição ao sistema tradicional que usa água pura. As amostras foram caracterizadas por medida de condutividade elétrica, espectroscopia no infravermelho, difração de R-X, análise elementar CHN, TGA, DSC e densidade de sólidos. Com este sistema foi possível diminuir o tempo de filtração e eliminar a etapa de purificação, mantendo as principais características da PAni(ADBS). Foram obtidos três tipos de PAni(ADBS), diferenciados pelo teor de ADBS, cuja condutividade elétrica variou de 10 a 10 Scm. A PAni(ADBS) foi utilizada na obtenção de blendas com Noryl e HIPS em misturador interno acoplado a um reômetro de torque e em extrusora dupla-rosca. Estas blendas foram caracterizadas por medida de resistência elétrica superficial e volumétrica...

Electrospun Polyaniline-Reduced Graphene Oxide Composite Nanofibers Based High Sensitive Ammonia Gas Sensor

Sacramento, Simão Pedro Marques
Fonte: Instituto Politécnico do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 ENG
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Ammonia is an important gas in many power plants and industrial processes so its detection is of extreme importance in environmental monitoring and process control due to its high toxicity. Ammonia’s threshold limit is 25 ppm and the exposure time limit is 8 h, however exposure to 35 ppm is only secure for 10 min. In this work a brief introduction to ammonia aspects are presented, like its physical and chemical properties, the dangers in its manipulation, its ways of production and its sources. The application areas in which ammonia gas detection is important and needed are also referred: environmental gas analysis (e.g. intense farming), automotive-, chemical- and medical industries. In order to monitor ammonia gas in these different areas there are some requirements that must be attended. These requirements determine the choice of sensor and, therefore, several types of sensors with different characteristics were developed, like metal oxides, surface acoustic wave-, catalytic-, and optical sensors, indirect gas analyzers, and conducting polymers. All the sensors types are described, but more attention will be given to polyaniline (PANI), particularly to its characteristics, syntheses, chemical doping processes, deposition methods...

Utilização de polianilina em matriz de polímero convencional para produção de mebranas catiônicas : síntese, caracterização e aplicação

Müller, Franciélli
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
27.040825%
O presente trabalho teve como objetivo produzir diferentes membranas utilizando polímero convencional (poliestireno de alto impacto - HIPS) e polímero condutor (polianilinas - PAni's) dopadas com diferentes ácidos orgânicos (ácidos cânfor sulfônico, dodecil benzeno sulfônico e p-tolueno sulfônico) para aplicação em eletrodiálise. Dois métodos de processamento de membranas com HIPS e PAni foram testados: mistura mecânica em misturador e dissolução em solvente. As membranas foram caracterizadas através de espectroscopia infravermelho (FTIR), espectrometria Raman, microscopia eletrônica de varredura (MEV), análise termogravimétrica (TGA), análise dinâmico mecânica (DMA), condutividade elétrica, quantidade de água absorvida e capacidade de troca iônica (CTI). Para análise do transporte iônico através das membranas HIPS e PAni foi utilizado uma célula de bancada com cinco compartimentos. Os ensaios de eletrodiálise foram realizados com as membranas sintetizadas para determinação do seu desempenho no transporte dos íons Na+¹, Ni+² e Cr+³. Uma membrana catiônica comercial Selemion® CMT foi usada como comparação. As membranas apresentaram resultados mais expressivos de permeabilidade para sódio, dentre os íons analisados...

Síntese de compósitos baseados em polietileno/nanofibras de polianilina e grafite

Graebin, Ana Paula
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
27.040825%
O trabalho de pesquisa está relacionado com a preparação de compósitos de polietileno (PE) contendo carga condutiva baseadas na polianilina (PAni) e grafite. Nanofibras de PAni foram sintetizadas através do método da mistura rápida. Carga híbrida (PAni/NLG) foi sintetizada por meio da polimerização da anilina na presença de nanolâminas de grafite (NLG). Compósitos foram preparados utilizando-se diferentes metodologias: mistura por fusão e polimerização in situ. Na preparação de compósitos poliméricos de polietileno (PE)/PAni, PE/NLG e PE/PAni/NLG, por meio da polimerização in situ, foi utilizado sistema catalítico Cp2ZrCl2/MAO. As cargas condutivas assim como os compósitos produzidos foram caracterizados por MEV (Microscopia Eletrônica de varredura), TGA (Análise Termogravimétrica), DSC (Calorimetria Diferencial de Varredura) e propriedades elétricas (Sonda de Duas Pontas). A interação entre a PAni e o sistema catalítico Cp2ZrCl2/MAO foi investigada através da Técnica da Voltametria Cíclica e de Pulso Diferencial. A mistura rápida, metodologia de síntese de nanofibras mostrou-se eficiente, pois foram preparadas nanofibras com diâmetro de aproximadamente 50-80 nm e com rendimento de reação de 23%. A partir dos resultados constatou-se que a polimerizaçao in situ foi a metodologia mais adequada para produzir compósitos poliméricos na presença de PAni...

A utilização de goma arábica como agente estabilizante de nanocompósitos de poli(anilina)

Quintanilha, Ronaldo Cestari
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 131 f. : il.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
17.787466%
Orientador : Prof. Dr. Marcio Vidotti; Co-orientadora : Profª Drª Izabel C. Riegel-Vidotti; Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Exatas, Programa de Pós-Graduação em Química. Defesa: Curitiba, 24/02/2015; Inclui referências : f. 111-131; Área de concentração : Físico-Química; Resumo: Um dos focos principais de interesse da química e o estudo das propriedades dos materiais formados por misturas de varias substancias. Este interesse se deve muitas vezes ao fato de que unindo dois ou mais compostos é possível conseguir um material com propriedades diferentes ou melhores que os materiais individualmente separados. Os compósitos desempenham exatamente essa possibilidade. Diante disso o desenvolvimento de compósitos poliméricos e largamente investigado. O sinergismo entre os polímeros condutores e os naturais podem gerar diferentes aplicações, desde o desenvolvimento de nervos e músculos artificiais, sensores e biossensores, tintas para a prevenção a corrosão, além de dispositivos de liberação controlada. O polímero condutor mais estudado e a polianilina. Este polímero e insolúvel em meio aquoso e infusível devido a rigidez de sua cadeia, isto e um problema quando o objetivo e a aplicação em larga escala. No entanto...

Electrodos híbridos a base de Polianilina/V2O5 para el desarrollo de baterías plásticas de litio; Hybrid Electrodes based on Polyaniline/V2O5 for the development of plastic lithium batteries

Cuentas Gallegos, A. K.; Gómez-Romero, P.; Lira-Cantú, Monica; Torres-Gómez, G.
Fonte: Sociedad Española de Cerámica y Vidrio Publicador: Sociedad Española de Cerámica y Vidrio
Tipo: Artículo Formato: 486462 bytes; application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
27.040825%
[ES] Presentamos la síntesis y caracterización del híbrido PAni/V2O5 y su aplicación como cátodo en baterías reversibles de litio. La síntesis se realizó directamente a partir del hidrogel de V2O5. Observamos una relación directa entre las condiciones de síntesis y la carga específica (Ah/Kg) obtenida durante el análisis del material como cátodo en baterías recargables de litio. Por otro lado, se llevaron a cabo tratamientos con oxígeno para aumentar el estado de oxidación del V2O5 en el material híbrido. El uso de mayores temperaturas y tiempos de reacción provoca la descomposición de la parte orgánica del híbrido PAni/V2O5. La carga específica y tratamientos posteriores de los híbridos obtenidos son muy sensibles a las condiciones de síntesis. Se observaron valores tan elevados como 302 Ah/Kg a baja velocidad de descarga (C/48) y 200-238 Ah/Kg a una velocidad de descarga de C/12, valores que corresponden a la inserción de 2.7 y 2.08 iones litio respectivamente. Estos valores demuestran la respuesta sinérgica entre PAni y el material óxido V2O5.; [EN] We present the synthesis and characterization of the hybrid PAni/V2O5 and its performance as cathode in reversible lithium cells. The synthesis was made directly from the V2O5 gel. We observe a direct relationship between the synthesis conditions and the specific charge (Ah/Kg) obtained during the analysis of the material as cathode in lithium batteries. On the other hand...

Uso de películas de polianilina (PANI) sobre aceros al carbonocomo protector contra la corrosión y sensor de hidrógeno

Oliva,Alejandra; Codeghini,Licel; Quiroz,Rosdely; Rosales,Adalberto
Fonte: Universidad Central de Venezuela Publicador: Universidad Central de Venezuela
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 ES
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Se realizó la electrodeposición de polianilina (PANI) sobre láminas de acero al carbono (AISI 1010) con la finalidad de estudiar el comportamiento de dicho recubrimiento como posible sensor de hidrógeno y protector contra la corrosión. La deposición se realizó empleando la técnica de voltametría cíclica (VC), en una solución acuosa de ácido oxálico 0,3 M con 0,1 M de anilina. Se obtuvieron recubrimientos de PANI después de 15 ciclos en su forma reducida (emeraldina, de color verde) y de 15,5 en su estado oxidado (pernigranilina, de color azul oscuro). Usando la técnica clásica de Devanathan-Stachursky se estimó el flujo de hidrógeno que permea a través de la lámina de acero. Para evaluar al recubrimiento de PANI como sensor de hidrógeno se utilizó sólo el lado catódico de la celda de permeación, dejando libre el lado recubierto. Así se podía hacer seguimiento a los posibles cambios de color en la película de PANI durante la permeación de hidrógeno. La película mostró una gran potencialidad como sensor al apreciarse cambios en su coloración, lo que indica la ocurrencia de cambios de estado de oxidación en presencia de hidrógeno. Para evaluar el recubrimiento como protector contra la corrosión, se realizaron ensayos electroquímicos de polarización potenciodinámica y de inmersión...