Página 6 dos resultados de 18954 itens digitais encontrados em 0.013 segundos

O manual escolar: concepções e práticas de professores de Matemática

Pires, Manuel Vara
Fonte: Federación Iberoamericana de Sociedades de Educación Matemática Publicador: Federación Iberoamericana de Sociedades de Educación Matemática
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
É reconhecida a grande tradição e a forte presença do manual escolar no contexto educativo. Por isso, este recurso assume-se como o material curricular mais utilizado na generalidade das salas de aula e com uma maior possibilidade de influenciar significativamente as tomadas de posição de professores e alunos nos processos de ensino e de aprendizagem da Matemática (Area, 2001; Associação de Professores de Matemática, 1998). Deste modo, o manual escolar pode enformar, de uma forma mais ou menos evidente, o pensamento e a actuação dos professores, condicionando-os, nomeadamente, no trabalho mais próximo que desenvolvem com os seus alunos. Esta comunicação apresenta e discute alguns resultados de um estudo mais amplo desenvolvido com três professores de Matemática com uma larga experiência de ensino — um professor (generalista) do primeiro ciclo, uma professora do segundo ciclo e uma professora do ensino secundário — que pretendeu, entre outros aspectos, identificar concepções desenvolvidas acerca do manual escolar e formas de utilização seguidas na planificação e condução das suas práticas lectivas (Pires, 2006).O estudo seguiu uma abordagem de natureza essencialmente interpretativa, tendo os dados sido recolhidos através da realização de entrevistas e observação de aulas. Os professores participantes no estudo consideram que o manual escolar é um instrumento de trabalho muito importante para professores e alunos...

Aprender Matemática com investigações

Pires, Manuel Vara
Fonte: Associação de Professores de Matemática Publicador: Associação de Professores de Matemática
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
As orientações curriculares actuais, nomeadamente as expressas no programa de Matemática do ensino básico, sugerem que os alunos, para além de conhecerem os factos e procedimentos matemáticos básicos, devem desenvolver uma compreensão da Matemática orientada para entender o significado dos conceitos, compreender relações ou analisar um raciocínio ou estratégia. Para isso, as tarefas de natureza investigativa, sustentadas em processos matemáticos complexos, podem proporcionar formas de trabalho na aula adequadas a essa exigência, permitindo que os alunos procurem regularidades, façam e testem conjecturas, formulem generalizações ou validem e refutem conclusões. Nesta comunicação, pretendo analisar a exploração de relações numéricas no triângulo de Pascal feita por alunos de uma turma do quinto ano de escolaridade e discutir implicações da utilização deste tipo de tarefas na aula de Matemática.

Modelagem Matemática e Tecnologias de Informação e Comunicação: a realidade do mundo cibernético como um vetor de virtualização

Dalla Vecchia, Rodrigo; Maltempi, Marcus Vinicius
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP), Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP), Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 963-990
POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
Neste artigo construímos um entrelaçamento teórico-filosófico que tem como objetivo discutir a relação entre Modelagem Matemática e realidade do mundo cibernético. em particular, essa abrangência da realidade é evidenciada como um possível vetor de virtualização, isto é, como um aspecto que pode influenciar o modo como a problemática que envolve uma determinada situação ou entidade é compreendida. Para tanto, fazemos uma associação entre Modelagem Matemática e as transformações que envolvem os modos de ser denotados por real, possível, atual e virtual, tendo como base ilustrativa as quatro causas aristotélicas. Complementando essa associação, assumimos uma concepção de problema que permite uma consolidação entre as relações estabelecidas e, também, uma concepção de realidade que entende o mundo cibernético como uma de suas dimensões. Por fim, apresentamos um exemplo de Modelagem Matemática ocorrido em sala de aula, que visa caracterizar a realidade do mundo cibernético como um vetor de virtualização.; In this paper, we build a theoretical-philosophical interlacing that aims to discuss the relationship between Mathematical Modeling and the reality of the cyberworld. This reality is particularly viewed as a possible vector of virtualization...

Contributos do Plano da Matemática II para a promoção do trabalho colaborativo

Oliveira, Inês Bernardo; Fernandes, José António
Fonte: Associação de Professores de Matemática Publicador: Associação de Professores de Matemática
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /09/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
O Plano da Matemática tem constituído um desafio e uma oportunidade: o desafio de melhorar os resultados dos alunos e uma oportunidade para o desenvolvimento profissional dos docentes de Matemática, nomeadamente através de uma cultura de trabalho colaborativo. Nesta comunicação relata-se uma parte de um estudo realizado numa escola secundária com 3.o ciclo do ensino básico, junto dos professores envolvidos no projecto Plano da Matemática II (PM II), onde se procurou compreender quais os contributos desse projecto de escola nas práticas colaborativas dos professores e no seu desenvolvimento profissional. Optou-se por uma investigação qualitativa, numa lógica de estudo de caso, que teve por objectivo descrever e interpretar o trabalho colaborativo desenvolvido pelos professores. Os dados foram recolhidos nas sessões de trabalho semanais que envolveram dez professores, ao longo de sete meses. Os resultados sugerem que o trabalho desenvolvido tem as características de uma comunidade de aprendizagem onde a colaboração, a reflexão e o conhecimento didáctico foram potenciados, conduzindo ao desenvolvimento profissional de cada um dos professores.

As aulas de matemática com alunos com deficiência auditiva : perspetivas de uma professora e uma intérprete

Tinoco, Joana Margarida; Martinho, Maria Helena; Santos, Anabela Cruz dos
Fonte: Associação de Professores de Matemática (APM) Publicador: Associação de Professores de Matemática (APM)
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
O abraçar da inclusão colocou vários alunos, que até então se encontravam, na sua maioria, em instituições próprias, na escola regular. Criaram-se escolas de referência para determinadas necessidades educativas especiais (NEE) e tentou-se proporcionar condições para a existência de uma igualdade de oportunidades plena. Com este artigo, pretende-se fazer uma reflexão sobre as perspetivas que uma professora de matemática, a lecionar numa escola de referência para o ensino bilingue, a quem foi atribuída uma turma de alunos com deficiência auditiva (DA), e da intérprete que a acompanhou durante a lecionação dessas aulas, possuem sobre a comunicação com alunos com DA nas aulas de matemática, o papel da intérprete de língua gestual portuguesa (LGP) e as tarefas matemáticas e atividade do aluno. Esta reflexão teve por base entrevistas realizadas à professora e à intérprete e realçam uma grande proximidade relativamente às conclusões de estudos existentes.

Colaborando a propósito da argumentação na aula de matemática

Boavida, Ana Maria
Fonte: Associação de Professores de Matemática Publicador: Associação de Professores de Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
Este artigo tem por referência um estudo cujos objectivos foram (1) descrever e analisar o trabalho de duas professoras orientado para o envolvimento dos seus alunos em actividades de argumentação matemática; e (2) compreender potencialidades e problemas emergentes do desenvolvimento de um projecto de investigação colaborativa centrado na reflexão sobre as práticas destas professoras. Cada um destes dois objectivos originou um grupo de conclusões. Cinjo-me, no artigo, a conclusões associadas ao segundo objectivo. Em particular, procurarei ilustrar que um trabalho em colaboração cuja equipa inclui pessoas com formações, experiências e perspectivas diversificadas e em que a reflexão sobre a prática tem um lugar privilegiado, pode constituir um contexto significativamente favorável ao desenvolvimento do professor. Com efeito, a análise do discurso das professoras associado à experiência de participação no projecto, permite evidenciar, nomeadamente a emergência de novas perspectivas sobre a argumentação na aula de Matemática e modos de a facilitar, o desenvolvimento da capacidade de reflexão crítica e organizada sobre a própria prática e de competências na área da comunicação e o aprofundamento do conhecimento teórico...

O trabalho colaborativo e o desenvolvimento profissional do professor de Matemática

Saraiva, Manuel; Ponte, João Pedro da
Fonte: Associação dos Professores de Matemática Publicador: Associação dos Professores de Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2003 POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
Este artigo relata um estudo cujo objectivo era identificar factores que influenciam o desenvolvimento profissional dos professores de Matemática, no quadro da realização de trabalhos colaborativos, em ligação directa com a prática lectiva. Entre 1993 e 1997, dois professores de Matemática do ensino secundário e um investigador trabalharam na concretização dos novos programas desta disciplina. As reuniões da equipa foram audio-gravadas e transcritas e as aulas observadas dos dois professores foram gravadas em vídeo e transcritas. Paralelamente ao trabalho lectivo e de reflexão sobre as aulas, foram elaborados pareceres sobre as orientações curriculares, preparadas e proferidas comunicações em encontros de professores e elaborados artigos para revistas de educação matemática. Os resultados do estudo reforçam a perspectiva que o desenvolvimento profissional é um processo que se realiza ao longo de períodos alargados de tempo e que a observação de aulas de outros professores constitui um poderoso ponto de partida para a reflexão sobre a prática profissional. Este estudo evidencia três factores susceptíveis de promover o desenvolvimento profissional: (i) o enquadramento favorável à experimentação e ao desenvolvimento profissional; (ii) o trabalho de equipa desenvolvido de forma reflexiva...

A reflexão sobre as práticas de ensino da Matemática de três futuras professoras do 1.º ciclo do ensino básico

Delgado, Catarina; Ponte, João Pedro da
Fonte: Associação dos Professores de Matemática Publicador: Associação dos Professores de Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2004 POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
Este artigo discute o modo como três futuras professores do 1.º ciclo do ensino básico reflectem sobre as suas práticas de ensino da Matemática, analisando os factores que as influenciam. A abordagem metodológica é qualitativa, de cunho interpretativo, baseada em três estudos de caso. As participantes frequentam o 4.º ano do curso de uma escola superior de educação, tendo diferentes níveis de desempenho nas disciplinas já realizadas. A recolha de dados envolve duas entrevistas semi -estruturadas e três momentos de reflexão. A análise de dados inclui a construção de narrativas bem como análise documental. Os resultados do estudo sugerem que as experiências anteriores das futuras professoras com a Matemática influenciam o trabalho que realizam com os seus alunos. Nalguns casos, essas experiências constituem exemplos contrários ao que tencionam fazer. As dificuldades que revelam em colocar em prática algumas das suas intenções iniciais parecem, em grande parte, resultar do seu fraco conhecimento matemático. As insuficiências neste domínio sobressaem, sobretudo, nas situações imprevistas que surgem na sala de aula e nos momentos de reflexão sobre a prática. As três futuras professoras são unânimes quanto à importância que os momentos de prática assumem no desenvolvimento do seu conhecimento profissional. Salientam aspectos mais directamente relacionados com questões pedagógicas...

Breves notas sobre as normas programáticas nas escolas açorianas no século XIX que abarcam a disciplina de matemática

Melo, Helena Sousa
Fonte: Sociedade Portuguesa de Matemática Publicador: Sociedade Portuguesa de Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /10/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
Artigo no seguimento da comunicação feita no 24.º Encontro do Seminário Nacional de História da Matemática realizado na Base Naval do Alfeite, em 18 de junho de 2011.; Numa busca às raízes do ensino de matemática no Arquipélago dos Açores, observamos que o mais relevante ocorre no século XIX. No início do seu povoamento a principal preocupação era a sobrevivência. Foi com a chegada dos franciscanos, dos jesuítas e dos gracianos, para as necessidades espirituais, que a instrução começou a se desenvolver. Em 1760 ocorreu o encerramento dos estabelecimentos jesuítas por ordem do Marquês de Pombal que, na sua reforma escolar, anunciava algumas criações nas ilhas açorianas. Apesar da intenção, esta reforma da instrução não se fez sentir muito no arquipélago. Do panorama das aulas, existentes até ao aparecimento do constitucionalismo, destacamos na ilha Terceira a criação, por decreto de 1797, de uma Aula de Matemática para instrução preparatória dos oficiais da organização militar estabelecida no Castelo de São João Batista de Angra, que abriu apenas em 1805.

Livros de matemática entre os séculos XVI e XIX que se encontram na Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Ponta Delgada, no Arquipélago dos Açores

Melo, Helena Sousa
Fonte: Sociedade Portuguesa de Matemática Publicador: Sociedade Portuguesa de Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /10/2012 POR
Relevância na Pesquisa
46.58%
Texto publicado na sequência do 25º Encontro do Seminário de História da Matemática realizado em 16 de junho de 2012 no Museu da Ciência de Coimbra.; Este artigo refere os livros de matemática, entre o século XIV e XIX, que se encontra na BPARPD apresentado uma tabela informativa da quantidade de livros por século e por década.

A Herança de David Hilbert na Filosofia da Matemática

Kahle, Reinhard; CENTRIA & Departamento de Matemática, Universidade Nova de Lisboa
Fonte: Boletim da Sociedade Portuguesa de Matemática Publicador: Boletim da Sociedade Portuguesa de Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 22/02/2012
Relevância na Pesquisa
46.62%
Apresentamos algumas linhas gerais do projecto de investigação A Herança de Hilbert na Filosofia da Matemática, financiado pela FCT/MCTES, PTDC/FIL-FCI/109991/2009.O nosso objectivo é reavaliar as ideas de David Hilbert que contribuiram—e contribuem—para o desenvolvimento da filosofia da matemática. Por um lado, a história do programa de Hilbert é um successo, apesar dos resultados de Gödel. Gerhard Gentzen foi o primeiro que mostrou como podemos demonstrar a consistência (relativa) de sistemas matemáticos formais. Ainda hoje, o estudo da consistência relativa é uma parte importante da investigação em lógica matemática. Por outro lado, muitos tópicos da actual filosofia da matemática contêm ideias de Hilbert, não observadas ou ignoradas.

Um estudo de caso sobre uma possibilidade para o ensino de Matemática na EJA juvenilizada

Anjos, Rosalina Vieira dos
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Faculdade de Educação; Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática; UFPel; Brasil Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Faculdade de Educação; Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática; UFPel; Brasil
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.62%
This work belongs to the field of Mathematics Education in Adult Education (EJA), which in recent years has been undergoing a significant change of its subjects, through the entry of adolescents starting from 15 years old, a phenomenon that has been called juvenization or rejuvenation. This phenomenon has changed the daily life of the classroom and the relationships established among the subjects that occupy this space, historically directed at an adult audience. The aim of this study is to investigate alternative approaches to the teaching of Mathematics at EJA nowadays. A teaching sequence was developed to conduct the research with a class of EJA in a public school in a district of the city of Pelotas, through the Mathematical Modeling, which worked the concepts of perimeter and area in view of the significant learning content . I chose the qualitative approach to weave the research, the case study as a methodology and observation, interviews and documentary research as instruments of data collection. The research corpus, captured by these instruments was analyzed and interpreted through Textual Discourse Analysis, to suit a qualitative approach. The results indicated that Mathematical Modeling can be a way to work with mathematical knowledge...

A Matemática de Concreto: o trabalho com ângulos na construção civil com vistas a uma intervenção didática na Educação Básica; Math Concrete: working with angles in construction with a view to a didactic intervention in Basic Education

Alves, Gilson Leandro Pacheco
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Faculdade de Educação; Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática; UFPel; Brasil Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Faculdade de Educação; Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática; UFPel; Brasil
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.62%
The present research in the area of Mathematic Education intended to understand how the relation between the schooled knowledge and knowledge produced in civil construction happens. Aiming to identify possible approximations/distances between mathematic uses in a classroom and in a construction site, a data collection was realized in two contexts: interviewing civil construction workers and interviewing and monitoring activities of a undergraduate math students' classroom. The informations provided by this two groups were treated under the light of ethnomathematics, main theoretical source of this research. Produced in a program of post graduation that aims to act in the development and qualification of Basic Education teachers, this work brings as a main result the presentation of "the other's math" and the possible articulations between different ethnomathematics. It is expected that this research become subside to a reflection between limits and potentialities of inserting the practices of the construction sites as pedagogical support of teaching math, specially of geometry, such in Basic Education as also in the formation of mathematic teachers.; Sem bolsa; A presente pesquisa na área de Educação Matemática pretendeu compreender como se dá a relação entre saberes escolarizados e os saberes produzidos e utilizados na construção civil. Visando identificar possíveis aproximações/distanciamentos entre o fazer matemático de uma sala de aula e de um canteiro de obras...

Os indícios de um processo de formação: a organização do ensino no clube de matemática; The marks of a education process: the teaching organization in math club

Silva, Rafael Siqueira
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Faculdade de Educação - FE (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Faculdade de Educação - FE (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.62%
Understand education in the formation of the individual pervades by understanding the ways of effecting their participation goals for all of its own as a human being and belonging. In this perspective the educational process must be based on full development of psychic abilities of individuals through the appropriation of cultural goods produced by the generations that preceded them. Thus it is only through an education organization concerned with such issues that are consolidated in pedagogical actions aimed at humanizing education. Therefore it is essential to outline proposals for the training of teachers able to implement such issues in dealing directly with the classroom. Guided by these question this research presents the set of investigative actions of the transformations in the process of organizing the teaching of teachers participating in the project Math Club at Federal University of Goiás in 2011. Based on the theoretical principles of the Cultural-Historical Theory and Activity Theory, Math Club project was created with the goal of providing a teacher training that adds these values. Thus this research develops in the context of participation in the Math Club three teachers in basic education activities in the municipality of Goiânia. The qualitative research is delineated from the principles of historical and dialectical materialism and effective through a series of interventions organized the teaching experiment. About it obtaining the information is given throughout the process divided into initial interviews...

A formação de professores de matemática no timor-leste à luz da etnomatemática

Belo, Joaquim do Carmo
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.62%
This dissertation aims to investigate/realise, in generally, the reflections about the education practiced in the three distinct periods – The Portuguese colonization (1522-1975), The Indonesian invasion (1975-1999) and The East Timor Independent (2002- current) – and, particulary, about Mathematics teachers´ formation in East Timor, by the lights of Ethnomathematics perspective. The point of view here is taken part in “choosing” this theme which makes the sum aspects importance’s to give the contributions through the reflection and to give opportunities for new perspectives as a way of difference views about the multiple issues to improve the quality of scholar education for the country. In particular, the Mathematics teachers training in the country of sandalwood that survived for at least two periods of domination and which “legacy” left by the oppressors of efforts, still needs efforts to be surpassed. For that, it was proposed as theoretical framework of the research, the field of Ethnomathematics –which one is mainly based on the author D’Ambrosio – and allied to the approach of Paulo Freire’s perspective education lode to substance reflections related to significant sources, documents and experiences lived by the researcher. Methodologically...

Uma leitura da produção de significados por uma aluna de nono ano sobre sua produção escrita em provas de matemática

Ferreira, Diego de Jesus
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: 122 f. : il. algumas color., tabs.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.62%
Orientador : Prof. Dr. Carlos Roberto Vianna; Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Exatas, Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática. Defesa: Curitiba, 27/02/2014; Inclui referências : f. 67-71; Resumo: Diante do problema enfrentado na sala de aula em relação aos tipos de significados matemáticos e não matemáticos que os alunos dão àquilo que eles aprendem nas aulas de matemática, é proposto neste trabalho, fazer UMA leitura plausível da fala de uma aluna do nono ano, - de uma escola da Rede Estadual de Ensino do Estado de Sergipe - em uma questão que envolve álgebra na prova do PISA, buscando por meio de suas enunciações, compreender os significados que ela dá a sua produção escrita. Inicialmente foi realizada uma prova e em seguida uma entrevista com base no que a aluna escreveu nesta prova, como também, na vivência desta aluna em salas de aula de matemática. Por meio da entrevista, foram coletadas enunciações que serviram de base para nossa UMA leitura, trazendo respostas às perguntas: Quais os significados matemáticos e não matemáticos que ela dá ao que produziu? Como isto distancia ou não dos significados produzidos e apresentados pelo professor na sala de aula? Para fundamentar esta UMA leitura das enunciações tomou-se como referencial teórico o Modelo dos Campos Semânticos desenvolvido por LINS (1999...

Processo de matematização: investigação de registros escritos de alunos de licenciatura e bacharelado em Matemática

Almeida, Vanessa Lucena Camargo de; Departamento de Matemática da FAESI - Faculdade de Ensino Superior de São Miguel do Iguaçu.; Buriasco, Regina Luzia Corio de; Departamento de Matemática e Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educa
Fonte: UFSC Publicador: UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/05/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.62%
Tomando a avaliação como prática de investigação, este artigo1 apresenta uma análise daprodução escrita de alunos do Bacharelado e da Licenciatura em Matemática de uma universidade pública, em questões discursivas consideradas não-rotineiras nas aulas de Matemática. O objetivo é apresentar como os alunos lidam com esse tipo de questão no que diz respeito à interpretação e ao uso que fazem das informações contidas nos enunciados, às estratégias mais utilizadas e ao conhecimento de conteúdos matemáticos que apresentam ao resolverem as questões. O estudo aponta como pontos relevantes: a maioria dos estudantes utiliza estratégias do tipo escolar nas resoluções das questões; eles lidam bem com os algoritmos envolvidos nas estratégias escolhidas; tanto os alunos de Licenciaturaquanto os de Bacharelado apresentam registros escritos que indicam um processo de matematização semelhante.

Educação matemática na realidade do ciberespaço - que aspectos ontológicos e científicos se apresentam?

Bicudo,Maria Aparecida Viggiani; Rosa,Mauricio
Fonte: Comité Latinoamericano de Matemática Educativa Publicador: Comité Latinoamericano de Matemática Educativa
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.62%
A pergunta que orienta este artigo é "O que é este espaço virtual no processo de Educação Matemática online?" Focalizamos a questão do real e do virtual enquanto aspectos tidos como constitutivos do ciberespaço. Investigamos estas noções na história da filosofía, buscando seus significados em Granger, para entendé-los e adequá-los na esfera da Educaçao Matemática. Assim, este artigo teórico-filosófico afirma que a virtualidade do ciberespaço está sustentada na tela informacional, construida pela unificaçao da ciência (Matemática), da tecnología e suas aplicações. Os programas computacionais e as ações efetuadas pelos sujeitos (internautas) atualizam a potencialidade desses programas numa multiplicidade de características e possibilidades, assim como as interconexões do fluxo espaço-temporal, também durante o processo de educação matemática.

O ensino de aritmética na escola nova: contribuições de dois escritos autobiográficos para a história da educação matemática (Minas Gerais, Brasil, primeiras décadas do século xx)

Magalhães Gomes,Maria Laura
Fonte: Comité Latinoamericano de Matemática Educativa Publicador: Comité Latinoamericano de Matemática Educativa
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.62%
Este trabalho apresenta os resultados de um estudo sobre a educação matemática no movimento da Escola Nova no estado de Minas Gerais, Brasil, no contexto das reformas educacionais promovidas pelo governo em 1927-1928. Com base em textos autobiográficos de duas professoras envolvidas com a Escola de Aperfeiçoamento, uma instância de formação continuada de professores criada por essas reformas, investigam-se as propostas para o processo de ensino e aprendizagem da matemática veiculadas nessa formação e os modos como essa formação foi mobilizada nas práticas escolares em relação à matemática. O artigo se desenvolve em quatro partes. A primeira traz considerações acerca da escrita autobiográfica. A segunda parte aborda os escritos autobiográficos em que se baseia o estudo, bem como suas autoras, as professoras Maria da Glória Arreguy e Alda Lodi. A seção seguinte se destina a analisar as referências ao ensino da aritmética na escola primária nos escritos autobiográficos de ambas. Finalmente, o texto se encerra com algumas considerações sobre as contribuições desses documentos para a história da educação matemática.

O potencial das atividades centradas em produções de alunos na formação de professores de matemática

Oliveira,Ana Teresa de; Rocque Palis,Gilda de la
Fonte: Comité Latinoamericano de Matemática Educativa Publicador: Comité Latinoamericano de Matemática Educativa
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.62%
Este artigo apresenta e discute o desenho e a implementação de atividades centradas em trabalhos de alunos como uma estratégia de formação docente visando contribuir para o desenvolvimento do conhecimento do conteúdo e do conhecimento pedagógico do conteúdo nos cursos de formação inicial e continuada de professores de Matemática. Trazemos diversos aportes de pesquisas sobre o assunto e exemplificamos a nossa contribuição nessa área com a descrição da estrutura básica de tarefas que temos proposto a professores de Matemática do 6° ao 9° ano do ensino fundamental e do ensino médio e a análise de uma implementação específica. Fazemos uma apreciação do que aprendemos sobre a potencialidade das atividades apoiadas em trabalhos de alunos na formação de docentes de Matemática e a respeito de maneiras de construí-las.