Página 5 dos resultados de 250 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Polianilina: síntese, filmes, dopagem e condução DC; Polyaniline: synthesis, films, doping and DC conduction

Zoppei, Reinaldo Takara
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/03/1999 PT
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Neste trabalho, realizamos um estudo da dependência da condutividade elétrica dc ( ), com a dopagem (tempo de exposição ao ácido clorídrico de (0 a 6 horas), temperatura (80 T 300K) e campo elétrico (E) em filmes auto-sustentáveis de polianilina. As amostras foram metalizadas com ouro em ambas as faces e as medidas realizadas utilizando-se o método de duas pontas. O pó utilizado nos filmes foi sintetizado quimicamente através da mistura da anilina com ácido clorídrico, a qual foi adicionada uma segunda solução de peroxidissulfato de amônio e que após desdopagem com hidróxido de amônio, obteve-se a base esmeraldina, esse produto foi dissolvido em N-Metil Pirrolidona possibilitando a obtenção dos filmes pelo método casting e posteriormente dopados por imersão em solução de ácido clorídrico em níveis desejados. Para um curto tempo de exposição ao ácido clorídico (menos de 30 minutos) observamos um rápido crescimento da condutividade com o aumento da dopagem. Para tempos mais longos a condutividade tende a saturação. Da análise da condutividade em função da temperatura obtivemos que ~ exp(T(-1/4)) consistente com o modelo de "Saltos de Alcance Variável" proposto por Mott. Nesse modelo a condução ocorre através do tunelamento assistido por fônons entre estados eletrônicos localizados. Se os estados são muito localizados um elétron só poderá saltar para o estado mais próximo...

Estudos em filmes de Poli (tereftalato de etileno) recoberto com polianilina condutora.; Studies in films of Poly(terephtalate of ethylene) re-covered with conducting Polyaniline.

Job, Aldo Eloizo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/05/1998 PT
Relevância na Pesquisa
27.040825%
A obtenção de compósitos poliméricos condutores de eletricidade tem sido alvo de pesquisa com o objetivo de combinar as propriedades de diferentes materiais poliméricos. Neste trabalho foram preparados compósitos de filmes de poli(tereftalato de etileno) (PET) com camadas superficiais do polímero condutor polianilina (PANI). Para obter a camada condutora o filme de PET foi imerso no meio reacional da síntese da PANI, realizada em solução método este freqüentemente empregado para a produção de PANI. Foram otimizados os parâmetros da síntese (temperatura, concentração dos reagentes, tempo de polimerização, etc..) com o objetivo de se obter uma camada de PANI com espessura adequada, condutividade superficial elevada e com boa adesão no substrato de PET. O processo da reação de polimerização foi monitorada pela medida do potencial de circuito aberto e também diretamente pela camada de PANI depositada no PET, através de medidas de espectrocospia UV-Vis-NIR, condutividade elétrica e adesão da camada de PANI. Em condições otimizadas da síntese, realizada a temperatura ambiente durante o tempo de 20 minutos, pode-se obter camadas de PANI com condutividade da ordem de 10 S/em, boa adesão ao substrato de PET e com razoável transparência óptica. Os compósitos obtidos nas condições otimizadas foram caracterizados usando-se microscopia por SEM...

Desenvolvimento de estruturas do tipo bi-camada baseadas em camadas auto-organizadas e polianilina para a proteção contra a corrosão de ligas de alumínio; Development of structures such as bi-layer based on self-assembled monolayers and polyaniline for corrosion protection of aluminum alloys

Silva, Daiane Piva Barbosa da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
27.040825%
Um método amplamente utilizado na proteção contra a corrosão de ligas de alumínio é a formação de camadas de conversão de cromo. Na busca de métodos "ambientalmente amigáveis" de proteção contra corrosão existe a possibilidade da utilização de polímeros condutores, como a polianilina (PAni), que pode atuar por efeito barreira, assim como pela absorção de cargas provenientes da solução e / ou camadas auto-organizadas (SAM, do inglês "self assembled monolayers"), onde a proteção pode ocorrer de forma indireta, quando a SAM atua como promotora de adesão para outros revestimentos ou de forma direta, quando a própria monocamada bloqueia o acesso de substâncias responsáveis pela corrosão, à superfície protegida. Neste trabalho é proposta a utilização de bi-camadas baseadas de propil-trimetóxi-silano (PTMS) + PAni e octadecil-trimetóxi-silano (ODTMS) + PAni para a proteção contra a corrosão das ligas de alumínio AA1050, AA2024 e AA7075. Para os ensaios de corrosão foram utilizadas as técnicas de potencial de circuito aberto, curvas de polarização potenciodinâmica e espectroscopia de impedância eletroquímica. Análise de microscopia óptica e microscopia eletrônica de varredura (MEV) foram realizadas antes e após os ensaios de corrosão para verificar a eficiência de proteção contra corrosão dos revestimentos propostos. Adicionalmente foram realizados testes de névoa salina e aderência...

Desenvolvimento de membranas e filmes auto-suportados a partir da polianilina : síntense, caracterização e aplicação; Development of membrane and freestanding film as of polyaniline : synthesis, characterization and application

Müller, Franciélli; Ferreira, Carlos Arthur; Amado, Franco Dani Rico; Rodrigues, Marco Antonio Siqueira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Polímeros condutores são uma nova classe de polímeros que tem recebido especial interesse para a produção de membranas e filmes. A polianilina (PANI) destaca-se entre eles por sua elevada estabilidade química, fácil polimerização e baixo custo. O objetivo deste trabalho foi desenvolver uma blenda de polímero convencional (HIPS) com polímero condutor (PANI-CSA) e um filme de polianilina auto-suportado, usando ácido canforsulfônico (CSA) como dopante primário e 4-cloro-3-metil fenol (CMC) como dopante secundário. Estes dois materiais foram empregados como membranas íon-seletivas em um sistema de eletrodiálise para remoção de níquel de soluções. A membrana e o filme foram caracterizados por condutividade elétrica, MEV, espectroscopia FTIR, Raman e TGA. Os resultados obtidos apontam para a possibilidade de aplicação da membrana seletiva para eletrodiálise. A extração de níquel para a membrana sintetizada se mostrou semelhante à extração para a membrana comercial. O filme auto-suportado apesar de exibir boa resistência mecânica no estado sólido apresentou comportamento pouco satisfatório quando colocado em imersão com a solução de trabalho para eletrodiálise, devido ao seu estado quebradiço.; Conducting polymers are a new class of polymers that has received particular interest for the production of membranes and films. The polyaniline (PANI) is distinguished among conducting polymers for its high chemical stability...

Estudo das propriedades térmicas e mecânicas de blendas de PVDF/PANI

Langiano, Simone do Carmo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 58 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Ciência dos Materiais - FEIS; Atualmente um dos principais objetivos nas pesquisas de polímeros condutores é a produção de blendas poliméricas, que combinam as propriedades de processamento dos polímeros convencionais com as características elétricas do polímero condutor. Neste trabalho, blendas de poli (fluoreto de vinilideno) com polianilina - PVDF/PANI, em diferentes composições, foram preparadas pela polimerização química do monômero anilina em solução de PVDF dissolvido em N,N-dimetilformamida-DMF. Filmes flexíveis e homogêneos das blendas foram obtidos por prensagem a quente a uma temperatura de 180oC e 30 MPa de pressão e caracterizados por ensaios térmicos (TGA, DSC e DMA), microscopia eletrônica de varredura (MEV), difratometria de Raios X e ensaios de tensão-deformação. As análises de DMA mostraram que a presença da PANI na blenda não alterou a temperatura da transição vítrea do PVDF (-40oC), e que a PANI provocou um aumento no módulo de armazenamento das blendas para temperaturas acima da transição vítrea devido à presença das cadeias rígidas da polianilina. Análises termogravimétricas mostraram que as blendas são termicamente estáveis até uma temperatura de 300oC...

Síntese e caracterização de blendas borracha natural/polianilina e borracha natural/polipirrol obtidas por polimerização in situ

Santim, Ricardo Hidalgo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 110 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Pós-graduação em Ciência dos Materiais - FEIS; The polymers are generally known to be very lightweight materials, flexible and easy processing. Each year, more and more the technology area has the demand for these properties associated with adjustable electrical conductivity. From this perspective, there are studies that seek to associate intrinsically conducting polymers (ICP) with polymer matrices that has good mechanical property. Among those ICP, polypyrrole (PPy) and polyaniline (PAni) has received much attention due to easy of synthesis, high environmental stability, high conductivity (10 2 S/cm) and low cost of monomers. However, they have poor mechanical property and low solubility. An alternative to overcome these problems is to make in situ polymerization of the conductive polymer in the presence of another polymer that possesses good mechanical properties. In this way, the aim of this study was to obtain natural rubber (NR) composites with PAni and NR with PPY by in situ polymerization of aniline and pyrrole, respectively, in the natural and prevulcanized natural rubber latex. Morphological, structural, electrical, mechanical and thermal properties these samples were studied. Analysis of infrared and UV-Vis-NIR spectra showed the polyaniline and polypyrrole are in doped state. The electrical conductivity of the composites showed to be dependent on the ratio rubber/ monomer...

Intercalação de polianilina em composto lamelar e suas propriedades eletro - efotoeltroquimica

Daltamir Justino Maia
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/01/1999 PT
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Compostos lamelares, tais como 2-carboxietilfosfonato de estanho IV (SnP-C) ,podem sofrer reações de intercalação, na qual a matriz recebe o nome de hospedeiro e o composto intercalado convidado. O fato deste hospedeiro possuir hidrogênios com caráter ácido entre as lamelas faz com que o mesmo possa ser utilizado como trocador catiônico. Utilizando este procedimento, fizemos a troca iônica destes hidrogênios com Fe, que serviu de oxidante na polimerização química da anilina no interior das lamelas do hospedeiro. A polianilina vem sendo estudada extensivamente, devido as inúmeras possibilidades de aplicações que este material apresenta em virtude do caráter reversível isolante-condutor, dependendo do seu estado de protonação e oxidação. As reações de polimerização, entretanto, produzem cadeias desordenadas com reticulações, produzindo defeitos que interrompem a conjugação diminuindo a condutividade elétrica do polímero. Utilizamos o espaço interlamelar do hospedeiro para crescimento do polímero, com a finalidade de obtermos cadeias mais organizadas. O forte caráter anisotrópico apresentado pelo compósito, em virtude do maior ordenamento das cadeias, altera os processos de transporte de massa e transferência de carga. Uma vez que o efeito fotoeletroquímico está diretamente relacionado a estes processos...

Sintese da polianilina em escala piloto e seu processamento

Patricia Scandiucci de Freitas
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/07/2000 PT
Relevância na Pesquisa
27.332368%
O interesse na polianilina (PAni) provém do fato que, polímeros obtidos com derivados aromáticos contendo nitrogênio ligado ao anel podem ser facilmente sintetizados e cada derivado pode existir em vários estados de oxidação distintos, os quais, em princípio, podem ser "dopados" por uma grande variedade de dopantes por processo não redox, bem como por oxidação química parcial ou eletroquímica. Estas propriedades combinadas com um custo relativamente baixo de várias anilinas, a condutividade elétrica da PAni, a baixa densidade, a possibilidade de processamento e a satisfatória estabilidade ambiental apontam um grande potencial em aplicações tecnológicas. Neste trabalho utilizaram-se métodos estatísticos de planejamento experimental para otimização da síntese da PAni, visando obter os máximos rendimento e condutividade, minimizando-se a utilização de reagentes e a geração de resíduos, concomitantemente avaliando-se a influência de cada reagente no meio. Estabeleceu-se um método para a produção de polianilina em escala piloto obtendo- se quantidade suficiente para o desenvolvimento de vários projetos que abrangem polímeros condutores. Caracterizaram-se os materiais obtidos por diversas metodologias de síntese com ênfase ao rendimento e à condutividade elétrica. Estudou-se o processamento da PAni usando ácidos orgânicos como dopante e plastificante em um misturador interno de batelada através do registro da curva de torque em função do tempo e da temperatura. Usou-se o moinho aberto de rolos para obtenção de filmes...

Blendas de polianilina e borracha nitrilica

Marcio Roberto Vallim
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/1995 PT
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Polianilina, preparada quimicamente, foi dopada com diferentes tipos de ácidos, usando-se perssulfato de amônio como agente oxidante a pH 1,0. Os ácidos utilizados foram: ácido dodecil benzenossulfônico (ADBS), ácido tetra-propil benzenossulfônico (ATBS), ácido p-tolueno sulfônico (APTS) e ácido clorídrico (HCI). A condutividade volumétrica das polianilinas dopadas com ácidos de alto peso molecular foi menor que a condutividade volumétrica do material preparado com HCI, porém, a estabilidade térmica deste é menor. Blendas dessas polianilinas e diferentes tipos de borracha nitrílica foram preparadas por mistura mecânica em moinho de rolos. A condutividade volumétrica e as propriedades mecânicas das blendas, dependem de sua composição. O aumento no teor de polianilina proporciona maior condutividade, porém, torna o material mais duro e quebradiço.; Chemically prepared polyaniline was doped whit diferents acids by using amonium perssulfate as oxidant agent at pH 1,0. The following acids were used: dodecil benzene sulfonic acid (ADBS), tetra-propil benzene sulfonic acid (ATBS), p-toluene sulfonic acid (APTS) and chloridric acid (HCI). The polyanilines doped whit funcionalized acids showed smaller volumetric conductivity and larger thermal stability than one doped whit HCI. Blends whit these polyanilines and different kinds of nitrilic rubbers were prepared by mechanical mixture by using roll mill. The volumetric conductivity and mechanical properties of blends depend on its composition. Increasing the polyaniline content increases the volumetric conductivity...

Blendas de polianilina e poliestireno obtidas por processamento reativo : preparação e caracterização

Cristiane Reis Martins
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2002 PT
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Atualmente um dos principais objetivos nas pesquisas de polímeros intrinsecamente condutores (PIC) é a produção de blendas poliméricas combinando as propriedades de processamento dos polímeros convencionais (termoplásticos) com suas características condutoras. Apesar da dificuldade em processar os PIC em indústrias de processamento de plásticos, devido à sua infusibilidade, hoje já existem métodos capazes de solucionar esse problema, que é o uso de ácidos funcionalizados como agentes dopantes. Neste trabalho, a dopagem da polianilina foi conduzida durante o processamento, eliminando várias etapas, sendo este processo denominado de "processamento reativo". O complexo PAni-ADBS (polianilina dopada com ácido dodecilbenzeno sulfônico) foi utilizado para estudar a influência da adição do ácido polimérico sulfonado, ácido poliestireno sulfonado (PSS), durante o processamento em um misturador interno. Este ácido além de melhorar a dispersão no complexo PAni-ADBS também atuou como compatibilizante no processamento de blendas envolvendo o termoplástico poliestireno. Blendas termoplásticas condutoras de PS e PAni-ADBS-PSS foram preparadas em um misturador interno de dois rotores contra-rotatórios acoplados a um reômetro de torque Haake Rheocord. Utilizou-se o copolímero SBS (estireno-butadieno-estireno) como compatibilizante e diferentes formulações foram analisadas empregando um planejamento fatorial 2. As blendas foram caracterizadas por ensaios térmicos (TGA...

Propriedades fotoeletroquimicas da polianilina

Silmara das Neves
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/1997 PT
Relevância na Pesquisa
27.332368%
As fotocaracterísticas da junção polianilina-eletrólito têm sido investigadas visando a possibilidade da sua utilização como material fotoativo de baixo custo e células solares de grande área. Investigamos comparativamente a resposta fotoeletroquímica de 3 tipos de filmes: (1) Filme de Pani (eletroquímico), (2) Compósito Pani/AC (Acetato de Celulose) e (3) Compósito Pani pó/ AC. Determinamos, através do estudo das propriedades fotoeletroquímicas da polianilina, que este polímero pode se comportar como semicondutor do tipo-n ou -p em função do potencial aplicado. Constatamos que filmes de Pani suportados em membranas de acetato de celulose, apresentam uma fotocorrente mais intensa em função do aumento da área superficial do polímero exposta ao eletrólito. A técnica de espectroscopia de impedância eletroquímica se mostrou sensível às variações dos processos cinéticos e difusionais induzidos pela irradiação. Determinamos o potencial de banda plana e estimamos a densidade de cargas na região de carga espacial. Montamos um protótipo de dispositivo fotoeletroquímico sólido com o filme de Pani/ AC, utilizando como eletrólito sólido a poliepicloridrina co-óxido de etileno (Hydrin-C®) contendo sal de lítio e o par redox. O dispositivo apresentou resposta fotoeletroquímica e inversão de comportamento p/n em função do potencial aplicado. Concluímos que é viável a utilização da Pani em dispositivos fotoeletroquímicos sólidos e de junção líquida...

Fosfatos acidos de metais tetravalentes : intercalação de especies organicas e potencialidades na preparação de nanocompositos com polianilina e nylon-6

Ricardo Romano
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/2001 PT
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Neste trabalho, o fosfato ácido de cério (IV) (CeP) e o a-hidrogenofosfato de germânio (a-GeP), foram utilizados como matrizes hospedeiras em processos de intercalação de bases de Lewis fortes (monoaminas alifáticas), base de Lewis fraca (e-caprolactama), e um aminoácido (ácido e-aminocapróico), que apresenta basicidade intermediária e dois sítios passíveis de formar interaçôes com o hospedeiro. Verificou-se também as potencialidades destes materiais lamelares em originar nanocompósitos organo-inorgânicos com um polímero condutor: a polianilina, e um polímero cuja principal característica é a sua pronunciada resistência mecânica: o Nylon-6. Com base num estudo recente, desenvolvido no LQES, foram preparadas três matrizes de CeP, todas com morfologia fibrosa, porém diferindo nos seus graus de cristalinidade. Por outro lado, na síntese do a-GeP, objetivou-se acompanhar a sua evolução estrutural frente ao parâmetro de síntese: tempo de reação, bem como um melhor entendimento do seu processo de formação na reação entre GeO2 e H3PO4. Os compostos de intercalação obtidos foram investigados com o intuito de se compreender as interações hospedeiro-convidado presentes nestes sistemas e também a relação entre a natureza destas interações e a ocorrência da intercalação. Na preparação dos nanocompósitos organo-inorgânicos envolvendo o Nylon-6...

Preparação de biomicrofibras vegetais condutoras e aplicação como agente antiestático em poliamida-6; Preparation of conducting vegetable biomicrofibers and application as antistatic agent in polyamide-6

Joyce Rodrigues de Araujo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Materiais antiestáticos têm aplicações tecnológicas muito diversificadas. Seu principal objetivo é dissipar a eletricidade estática que pode acumular em sua superfície reduzindo o risco de ocorrência de faíscas. Trabalhos anteriores mostraram que a fibra de Curauá atua como agente de reforço em matrizes termoplásticas, como polietileno, polipropileno e poliamida-6. Comprovada a eficiência da fibra de Curauá em promover o efeito de reforço em matrizes termoplásticas com vantagens em relação a outras fibras vegetais, buscou-se neste trabalho aliar propriedades elétricas às excelentes propriedades mecânicas destes compósitos recobrindo as fibras vegetais com um polímero condutor, a polianilina, PAni. Na primeira parte deste trabalho, os compósitos foram processados em uma mini-extrusora contra-rotatória utilizando baixo teor de FC-PAni (de 5 a 15 wt%). Além de promover condutividade elétrica, foi observado que as fibras modificadas aumentaram a eficácia do efeito de reforço das fibras de curauá na matriz poliamida-6 devido ao aumento da adesão interfacial entre a matriz e a fibra. Na segunda parte deste trabalho, foi desenvolvido o método de preparação em escala piloto da FC-PAni e as mesmas foram incorporadas à matriz polimérica (em teores de 5 até 30 wt%) em uma extrusora dupla-rosca co-rotante interpenetrante e os corpos de prova foram moldados por injeção. Os compósitos foram caracterizados por ensaios mecânicos...

Obtenção e avaliação das propriedades elétricas de misturas físicas de poliuretano termoplástico com aditivos semicondutores

Civiero, Ederson
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 302 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Dissertação (mestrado) - Universidade Fderal de Santa Catarina, Centro Tecnologico, Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais, Florianópolis, 2010; A obtenção de materiais poliméricos com a combinação das propriedades de polímeros de engenharia e propriedades elétricas de materiais condutores ou semicondutores tem atraído a atenção de vários grupos de pesquisa devido ao grande potencial em aplicações tecnológicas. Várias estratégias têm sido adotadas para obter materiais com tais propriedades, uma técnica muito utilizada é a preparação de misturas físicas de polímeros isolantes e materiais condutores ou semicondutores. Neste trabalho, foram preparadas misturas físicas de poliuretano termoplástico (TPU) com polianilina dopada com ácido dodecilbenzeno sulfônico (PAni.DBSA), negro de fumo condutor (NFC) e NFC aditivado com PAni.DBSA (NFC-PAni.DBSA), respectivamente, em um misturador de dois cilindros. A PAni e NFCPAni foram sintetizadas a partir da polimerização em emulsão da anilina na presença do ácido dodecilbenzeno sulfônico (DBSA) e negro de fumo condutor, respectivamente. A PAni.DBSA, NFC e NFCPAni. DBSA foram caracterizados por análise termogravimétrica (TGA), espectroscopia de absorção no infravermelho com transformada de Fourier (FTIR) e no ultravioleta-visível (UV-vis)...

Preparo de nanocompósitos de maghemita e polianilina assistido por ultrassom

Costa,Renata Cerruti da; Souza Junior,Fernando Gomes de
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2014 PT
Relevância na Pesquisa
27.332368%
O estudo de sistemas envolvendo nanopartículas de óxido de ferro e polianilina vem ganhando importância nos últimos anos. Entre esses trabalhos, ainda há um pequeno número de pesquisas que abordam o efeito da sonicação sobre o preparo desses híbridos. Assim, o presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da sonicação sobre as propriedades de nanopartículas de maghemita revestidas com polianilina, via planejamento fatorial. Os materiais obtidos foram estudados por espectroscopia no infravermelho, difração de raios X e por análise termogravimétrica. As amostras também tiveram a resistividade elétrica e a força magnética investigadas. Os resultados obtidos demonstram que o aumento da potência de sonicação é capaz de produzir um considerável aumento da extensão do grau de dopagem, associado com a diminuição da resistividade das amostras. Por outro lado, a mesma potência de sonicação produziu a destruição de grande parte da maghemita presente, levando a menores forças magnéticas.

Compósitos nanoestruturados de Polianilina com Poli (Metacrilato de Metila) e Poli (Hidroxibutirato) : preparação, propriedades e efeitos radiolíticos

Lopes Barros de Araújo, Patrícia; Silvano de Araújo, Elmo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Polímeros Intrinsecamente Condutores (PICs) são macromoléculas orgânicas que exibem características de condutividade elétrica semelhantes aos metais. A polianilina (PANI) é conhecida como o PIC que apresenta, provavelmente, a melhor combinação de estabilidade, condutividade e baixo custo. Neste trabalho, sintetizou-se a PANI na forma nanoestruturada e foram confeccionados e caracterizados nanocompósitos poliméricos contendo PANI em matriz de polímero isolante, poli (metacrilato de metila) (PMMA) e biodegradável, poli (3-hidroxibutirato) (PHB). Dentre as aplicações potenciais destes compósitos, estão o desenvolvimento de novos materiais estáveis à radiação ionizante, aplicáveis como plásticos médicos e o desenvolvimento de novos materiais orgânicos condutores, mecanicamente estáveis, conhecidos como metais sintéticos para uso em micro-nanoeletrônica e biomedicina. Nanoestruturas fibrilares de polianilina dopada com HCl (PANF-HCl), sintetizadas pelo método de polimerização interfacial, foram dispersas em matriz de PMMA comercial, em 0,15%, em massa, e êndic quanto à ação radioestabilizante. Nesta concentração, as PANF-HCl apresentaram capacidade de estabilizar a matriz de PMMA comercial submetida à irradiação com raios gama em dose padrão de esterilização de 25kGy...

Desenvolvimento de Novos Materiais Nanoestruturados e Nanoestruturas Híbridas para a Produção de Dispositivos Eletrônicos

Felix, Jorlandio
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Tese de Doutorado
BR
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Neste trabalho, será apresentado um processo de baixo custo para deposição de filmes finos de óxido de zinco (ZnO) sobre substratos de carbeto de silício (SiC), o qual apresentou excelentes características elétricas/óticas. Discutiu-se o processo de fabricação, bem como as propriedades elétricas e microscópicas destes dispositivos. As características elétricas foram estudadas em nanoescala, usando microscópio de forca atômica (AFM) e, além disso, medidas de fotoluminescência (PL) e eletroluminescência (EL) foram realizadas. O espectro de EL, obtido aplicando uma injeção de corrente de 300 mA, consiste em dois picos largos de emissão em 605 nm e 640 nm e um terceiro pico na região de alta energia, centrado em 410 nm. Para altas correntes, essa emissão foi detectada a olho nu, apresentando coloração branco-amarelada. Esse comportamento indica que a heterojunção ZnO/n-SiC-4H exibe recombinação radiativa efetiva na borda da banda do UV. Com relação a heterojunções PANI/SiC, será apresentado o processo de fabricação bem como sua caracterização elétrica, onde filmes finos de PANI foram depositados usando a técnica de spin coating sobre substratos de SiC-4H e SiC-6H. As propriedades elétricas dessas heterojunções foram estudadas por meio de medidas de corrente...

Preparação de nanolâminas de grafite e síntese de nanocompósitos de polianilina

Gheno, Grasiela
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Pesquisas envolvendo polímeros condutores têm mostrado grande interesse para aplicações tecnológicas no setor industrial. Recentemente tem sido evidenciado um crescente interesse pela preparação de nanocompósitos poliméricos utilizando grafite como carga inorgânica. A grafite é um material naturalmente abundante que, quando utilizada em dimensões nanométricas, pode alterar algumas propriedades do material em relação às do compósito convencional. Entre os polímeros condutores, a polianilina tem atraído interesse devido às propriedades elétricas e térmicas que pode apresentar, podendo ser utilizada em diversas aplicações como, por exemplo, dispositivos eletrônicos, diiodos emissores de luz e células fotovoltáicas. Esta pesquisa teve como objetivo o desenvolvimento de metodologias para preparação de nanolâminas de grafite a partir da grafite natural em flocos e avaliar a utilização das mesmas na preparação de nanocompósitos com matriz polimérica de polianilina. A esfoliação das nanocargas foi realizada por meio de tratamento químico e físico para posterior utilização na polimerização da anilina. A modificação da morfologia e da estrutura cristalina da grafite durante o processo de esfoliação foi acompanhada por MEV...

Revestimentos de polianilina e polianilina/melamina sobre aço inox 304: eletrossíntese em meio aquoso neutro e avaliação da proteção contra corrosão em meio NaCl 0,5 mol/l

Xavier, Marco Antonio Kresko
Fonte: Curitiba Publicador: Curitiba
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Polyaniline is one of the most studied conducting polymers and with various applications, including use on steels for corrosion protection. This work aimed to find the conditions for electrosynthesis of polyanilines in neutral aqueous media and to evaluated the corrosion protection of 304 stainless steel. The electrosynthesizeds polyanilines were one pure form (PAni) and one with the addition of melamine (PAni/MM). One of the justifications of this work is the need to deepen the scarce studies in electrosynthesis in neutral aqueous media. In this work, we will see the conditions for electrosynthesis of polyanilines, the UV-visible, FTIR and SEM polyanilines preliminary characterization, the potentiodynamic polarization experiments and impedance spectroscopy of 304 stainless steel without and with films from polyanilines for evaluate the corrosion resistance in NaCl 0,5 mol/L aqueous media. This work showed that electrosynthesis of polyanilines is feasible in neutral aqueous media. In addition, it was verified the following order of corrosion potencial, from lowest to highest: pure 304 stainless steel, 304 stainless steel with PAni and 304 stainless with PAni/MM.; A polianilina é dos polímeros condutores mais estudados e com diversas aplicações...

Obtenção de blendas poliméricas de polipropileno contendo como carga condutiva um nanocompósito formado por nanofibras de polianilina e nanolâminas de grafite

Silva, Pierre Weinmann da
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
27.332368%
Este trabalho busca a obtenção de blendas poliméricas de polipropileno contendo nanocarga condutiva formada por nanofibras de polianilina (PANI) e nanolâminas de grafite (NLG). Foram estudados os efeitos da nanocarga na morfologia e nas propriedades elétricas e mecânicas do polímero resultante. As nanofibras de PANI foram sintetizadas na presença das nanolâminas de grafite por meio da metodologia da mistura rápida. A preparação das blendas com polipropileno foi realizada por fusão em câmara interna. A morfologia e estrutura da carga nanométrica e das blendas foram avaliadas por meio da Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) e Microscopia Ótica, as propriedades mecânicas por meio de ensaio de tração, as propriedades elétricas por meio da Espectroscopia de Impedância. Foi observado que a melhor dispersão das nanolâminas de grafite junto à polianilina ocorre quando feita na solução aquosa contendo o monômero, anilina, na presença do Persulfato de Amônio (APS) durante 1h de ultrassom. As propriedades elétricas dos nanocompósitos sintetizados indicam características de semicondutor. As propriedades mecânicas e térmicas das blendas não sofreram alterações significativas com a adição da nanocarga. Maiores valores de condutividade foram obtidos para elevados valores de frequência...