Página 11 dos resultados de 250 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Blendas de EPDM e polianilina preparadas por mistura mecanica

Roselena Faez
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/1999 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Neste trabalho decreve-se um método para a obtenção de blendas de EPDM/PAni através de mistura mecânica. A PAni foi sintetizada quimicamente em escala pré-piloto foi dopada com os ácidos p-tolueno sulfônico (PAni- TSA) ou dodecilbenzeno sulfônico (PAni-DBSA) utilizando três métodos que são designados por via úmida, maceração em almofariz e processamento reativo. Os dois últimos métodos foram realizados apenas para PAni-DBSA. Estudou-se o efeito das condições de processamento nas propriedades mecânicas e condutoras para ambas blendas. Verificou-se que tanto a PAni- TSA quanto a PAni-DBSA agem como carga de reforço e condutora para o EPDM. Utilizou-se agente de reticulação (peróxido de dicumila) para EPDM/PAni-TSA, entretanto não foi possível utilizar este mesmo sistema de reticulação para blendas com PAni-DBSA. Sendo assim, preparou-se blendas sem peróxido e verificou-se através dos testes de intumescimento que o EPDM não se solubilizou totalmente, indicando uma parcial interação entre os componentes. Foram realizados também testes com outros dois sistemas de reticulação, resina fenólica e irradiação eletrônica. Ambos sistemas mostraram viabilidade de uso, porém materiais reticulados por irradiação eletrônica apresentaram maiores valores de condutividade. Inverteu-se as concentrações relativas dos componentes da misturas preparando-se blendas de PAni-DBSA contendo 10...

Estrutura eletrônica de oligoanilinas

Zolacir Trindade de Oliveira Junior
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/11/1999 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Nesta tese, apresentamos um estudo conformacional e de estrutura eletrônica de oligômeros de polianilinas (PAni) em três graus de oxidação, usando para isto os métodos semi-empíricos AM 1 e ZINDO-S/CI, que são baseados na teoria Hartree-Fock. Tetrâmeros e octâmeros terminados por um grupo fenil foram utilizados como modelos moleculares para o polímero. Um dos objetivos deste estudo foi investigar os efeitos de tamanho, de estado de oxidação, de solvente e de substituintes sobre as conformações e espectros de absorção óptica, na região do UV-visível. Calculamos os potenciais de torção para as moléculas-modelo com o intuito de dar uma interpretação para o comportamento termocrômico diverso, observado para as formas isolantes das PAni. Mostramos que o termocromismo não se deve apenas à desordem conformacional dos ângulos entre anéis. Parece haver outras contribuições associadas à formação de hélices na cadeia. Verificamos que a flexibilidade das cadeias depende fortemente do seu estado de oxidação e que as alterações produzidas pelos substituintes são localizadas, não modificando globalmente as propriedades eletrônicas destes materiais. Outro aspecto que mereceu nossa consideração foi a análise de oligômeros da variedade 50% oxidada de polianilina...

Preparação e caracterização da poli(o-metoxianilina) dopada com acidos funcionalizados e sua utilização em aplicaçõesde interesse tecnologico

Wilson Antonio Gazotti Jr
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/1998 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Polímeros condutores representam uma classe de materiais que apresentam algumas características interessantes, dentre as quais: processos eletroquímicos reversíveis, eletrocromismo e condutividade elétrica, que os qualificam para diversas possíveis aplicações. Dentre estes materiais, a polianilina e seus derivados são muito estudados devido à sua estabilidade ambiental e baixo custo de preparação. Porém, a insolubilidade, em solventes orgânicos de sua forma condutora dopada com ácidos inorgânicos (os dopantes usuais) é ainda um fator que impede a sua utilização em larga escala. Neste trabalho, estudou-se a síntese e a cinética de preparação da poli(o-metoxianilina) dopada com ácidos orgânicos funcionalizados (ácidos p-tolueno sulfônico, dodecilbenzeno sulfônico e dodecilsulfúrico), obtendo-se materiais com rendimento e condutividade elétrica comparáveis ao polímero dopado com HCI. Além disso, o polímero dopado com ácidos orgânicos apresentou eletroatividade, eletrocromismo, e mostrou-se termicamente mais estável e mais solúvel em solventes orgânicos que a poli(o-metoxianilina) dopada com HCI. Estes resultados permitiram a utilização deste material em aplicações de interesse tecnológico, como blendas condutoras com elastômeros e termoplásticos...

Caracterização eletroquimica do composito PSSO3H/PAni para aplicação em celulas a combustivel; Eletrochemical characterization of PSSO3H/Pani composite for fuel cells applications

Fabiane Fagundes Brito
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/07/2005 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
O desenvolvimento de materiais alternativos para aplicação em células a combustível (CaC) é uma tentativa de viabilização comercial das células, por meio da redução de custos com matéria-prima para manufatura das mesmas. Neste trabalho de mestrado, investigou-se o compósito de poliestireno sulfonado/polianilina para possível aplicação em CaCs, o qual é um material alternativo e de baixo custo de preparo. As propriedades químicas, morfológicas e térmicas do compósito foram caracterizadas por Espectroscopia de Infravermelho, Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) e Microscopia Óptica, Calorimetria Diferencial de Varredura (DSC) e Termogravimetria (TGA), respectivamente. As propriedades eletroquímicas do compósito foram estudadas correlacionando com a estrutura do material, por meio do emprego das seguintes técnicas eletroquímicas: Cronopotenciometria, Voltametria Cíclica e Espectroscopia de Impedância Eletroquímica (EIE). A condutividade iônica do compósito foi determinada pela medida da resistência do material, empregando-se a técnica eletroquímica Galvanodinâmica, com aplicação de uma varredura de corrente; The development of alternative materials for fuel cells applications consists on a tentative to produce commercially available fuel cells...

Estudo das propriedades estruturais e eletronicas de agregados metalicos (Cu, Co) em matrizes de polimeros condutores obtidos por eletroquimica

Noemia Watanabe
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2002 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Materiais compósitos formados por metal-polímero condutor têm apresentado diferentes aplicações tecnológicas como catalisadores, sensores ou dispositivos magnéticos. O desempenho destes materiais depende do tipo de interação existente entre o polímero e o metal assim como da estrutura cristalina dos agregados. Diferentes estudos têm sido realizados para entender este tipo de interação, contudo, esse assunto ainda é motivo de grande controvérsia. Neste trabalho, estudou-se a incorporação eletroquímica de Cu em polipirrol e Co em polipirrol e polianilina. As evoluções estruturais e eletrônicas ocorridas nos metais durante sua incorporação na matriz polimérica foram acompanhadas através de medidas de XAS (Espectroscopia de Absorção de raios-X) in situ nas bordas K do Cu e do Co. Para a realização destas medidas, foi necessária a construção de uma célula eletroquímica adequada para este tipo de experimento. A interação existente entre o metal e o polímero foi analisada através de medidas de XAS ex situ nas bordas K do N e O. Medidas nas bordas L2,3 dos metais foram realizadas para investigar os efeitos da exposição das amostras ao ar e imagens de MEV (microscopia eletrônica de varredura) forneceram informações morfológicas dos compósitos formados. Medidas de magnetização (EC-AGM) em amostras de Co/polipirrol forneceram informações a respeito de suas propriedades magnéticas e medidas de espectrometria RBS (retroespalhamento Rütherford) forneceram informações a respeito da composição do material. Uma das das contribuições deste trabalho foi a demonstração da existência de interação metal-polímero...

Aplicação da ressonancia de plasmon de superficie e da microbalança de cristal de quartzo na investigação de processos interfaciais visando o desenvolvimento de sensores; Applications of surface plasmon resonance and quartz crystal microbalance in the investigation of interface processes intending the sensors development

Flavio Santos Damos
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/06/2006 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
O presente trabalho descreve as aplicações da ressonância de plásmon de superfície (surface plasmon resonance-SPR) e da microbalança de cristal de quartzo (quartz crystal microbalance-QCM) na investigação de processos interfaciais, visando o melhor entendimento e aplicação dos sistemas investigados bem como o estabelecimento das aplicações da técnica SPR aliada à eletroquímica. Neste sentido são apresentadas investigações do comportamento óptico-eletroquímico da molécula de azul de metileno (sistema 1), polímeros condutores (sistema 2) e monocamadas auto-organizadas (sistema 3). A escolha de tais sistemas, embora distintos, tem a finalidade de exploração ampla da técnica SPR na investigação de processos superficiais e interfaciais. O uso da técnica SPR na investigação do sistema 1 mostra a sua aplicabilidade no monitoramento do intumescimento de filmes em dimensões nanométricas e a investigação de processos adsortivos e difusionais com elevada sensibilidade. Assim sendo, a técnica SPR foi aplicada na investigação de processos de formação de filmes finos de polímeros condutores, bem como os processos de dopagem destes filmes. Neste sentido, foi investigada a eletropolimerização do pirrol e da polianilina bem como o efeito de dopantes aniônicos sobre as propriedades ópticas e eletroquímicas destes materiais. As medidas ópticas obtidas foram correlacionadas aos processos de dopagem e desdopagem dos filmes confeccionados mediante um estudo comparativo destes processos por QCM tendo em vista a consolidação da mesma na investigação de tais processos. Por fim...

Desenvolvimento e caracterização em blendas formadas por copolimero de etileno-propileno e PAni dopada; Development and characterization in blends of PP/PEcopolymer and doped PAni

Nelson Rodrigo Costa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/11/2009 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
A proposta deste trabalho é desenvolver um material de fácil processamento de é boa condutividade elétrica. O método de preparação escolhido foi o de solução dos polímeros escolhidos, PAni dopada com ADBS e do copolímero de etileno/propileno, num solvente comum (Xileno) com a subseqüente evaporação total do solvente. Caracterizou-se os efeitos da PAni/ADBS (10%, 20%, 40% e 50%), do EPR e do anidrido maléico (MAH) juntamente com o peróxido como compatibilizantes. A análise termogravimétrica mostra que as blendas desenvolvidas apresentam três fases de perda de massa, sendo a segunda a principal. O ADBS degrada no segundo estágio e por conseqüência desdopa a PAni. Além disto, revela que as blendas com 50% de PAni apresentam uma temperatura de degradação ao redor de 335 ºC, a qual é superior ao polímero puro (295ºC). Isto leva à suposição de uma parcial compatibilização do EPR com a PAni/ADBS. A hipótese volta a ser sustentada pela análise de DSC, onde a Tg é influência pela concentração de EPR. As blendas apresentam mais de uma Tg, apontando para a imiscibilidade, mas a Tg da fase rica em PAni/ADBS da blenda com 20% de PAni/ADBS é de 65ºC, enquanto que na blenda com 50% é de 54ºC, o que levanta a suposição de uma miscibilidade parcial. O MAH e o peróxido não influenciaram nos resultados das análises térmicas. Ao passo que...

Montagem e caracterização de um dispositivo eletronico usando polimero condutor

Rogerio Siqueira Chiacchio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em //2004 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Neste trabalho aperfeiçoou-se métodos para deposição de filmes finos de polímeros isolantes, como o poliestireno (PS), poli(metacrilato de metila) (PMMA), policloreto de vinila (PVC) e resina epóxi. No caso do PS, foram depositados filmes a partir de soluções feitas com o polímero virgem, purificado por coagulação e por extração líquido-líquido. Foram desenvolvidos métodos para deposição de filmes de ouro separados por canais distantes entre 1 a 50 mm e filmes finos de polímeros semicondutores de polianilina (PAni), poli(orto-metoxi anilina) (POAni) e poli(3,4-etilenodioxitiofeno) dopado com poli(4-sulfonato de estireno) (PEDOT/PSS). Os filmes poliméricos isolantes foram depositados por "spin coating", "dip coating" e "casting". Os filmes de polímeros condutores foram depositados pela técnica de "spin coating". A velocidade, aceleração, tempo de rotação na velocidade máxima, tipo de solvente e concentração das soluções poliméricas isolantes foram condições estudadas no processo de "spin coating". A concentração da solução de PS em tetrahidrofurano foi estudada na deposição por "casting" e "dip coating". Estes filmes foram depositados sobre substratos constituídos, inicialmente, por um cristal de quartzo de uma Microbalança...

Incorporação de polímeros intrinsecamente condutores em nanofibras de celulose bacteriana

Muller, Daliana
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 138 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais; Nesta tese foi estudada a incorporação de polímeros condutores como polipirrol (PPy), polianilina (PAni) e poli(3,4 etileno dioxi tiofeno) (PEDOT) em membranas de celulose bacteriana (CB) a partir do processo de polimerização oxidativa in situ do pirrol (Py), anilina (Ani) ou 3,4 etileno dioxitiofeno (EDOT) na presença de CB. As condições de obtenção dos compósitos poliméricos de CB/PPy, como: tempo de reação, concentração de pirrol e tipo de agente oxidante (cloreto de ferro III hexahidratado (FeCl3.6H2O) e persulfato de amônio (APS)) foram avaliadas a partir de diferentes técnicas de caracterização. A condutividade elétrica e morfologia dos compósitos de CB/PPy obtidos a partir da polimerização do pirrol com FeCl3.6H2O são dependentes da concentração de Py e do tempo de reação. A interação entre os componentes dos compósitos de CB/PPy, a condutividade elétrica, a morfologia e as propriedades mecânicas são substancialmente influenciadas pelo tipo de agente oxidante utilizado na polimerização in situ. Os ensaios de cultura de células (neuronais PC12 e fibroblastos) nos compósitos de CB/PPy mostraram que estes materiais apresentam viabilidade para serem usados como suportes condutores para proliferação e adesão celular. Para os compósitos CB/PAni verificou-se que a razão do agente oxidante...

Obtenção e avaliação das propriedades físico-químicas de membranas poliméricas SPEEK/PANI de condução mista

Jesus, Jerusa Roeder
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 105 f.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciencias Fisicas e Matematicas. Programa de Pós-graduação em Química; A mistura física entre polímero condutor protônico, poli(éter éter cetona) sulfona [SPEEK], e polímero condutor eletrônico, polianilina [PANI], pode levar a obtenção de membranas de condução mista. O foco deste trabalho foi à obtenção e avaliação das propriedades físico-químicas de membranas poliméricas SPEEK/PANI de condução mista para aplicação na interface membrana/eletrodo em células combustíveis. Foram estudadas duas metodologias de preparo das membranas: dissolução dos polímeros em solvente comum e síntese da PANI na matriz ácida de SPEEK. A protonação da PANI com SPEEK, o efeito do solvente e quantidades necessárias de SPEEK no sistema para a obtenção de PANI condutora foram avaliadas. Propriedades específicas das membranas como permeabilidade, difusão, solubilidade e seletividade a gases, morfologia, condutividade protônica/eletrônica e estabilidade térmica mostraram a viabilidade do sistema proposto. A morfologia da interface eletrodo membrana de SPEEK/PANI apresentou-se homogênea e estável e os ensaios de permeabilidade a úmido do sistema mostraram que pode desempenhar a função de separar hidrogênio e oxigênio na interface eletrodo/membrana. A condução mista foi verificada pela obtenção das condutividades eletrônica e protônica da ordem de 10-5 S cm-1 e 6 10-2 S cm-1...

Compósitos elastoméricos condutores a base de terpolímero de etileno-co-propileno-co-5-etilideno-2-norborneno e negro de fumo modificado com polímeros condutores intrínsecos utilizados na construção de um protótipo de sensor de dígito- pressão

BENDO, Luana
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 57 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
16.484236%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências Físicas e Matemáticas. Curso de Química.; Compósitos elastoméricos termicamente estáveis à base de borracha EPDM (terpolímero de etileno-co-propileno-co-5-etilideno-2-norborneno) e aditivo negro de fumo modificado com polímeros condutores intrínsecos (Eeonomer®) foram produzidos em solução e reticulados por moldagem à compressão. Estes aditivos representam uma nova classe de compostos condutivos termicamente estáveis fabricados via deposição “in situ” de PCI, como polianilina e polipirrol, nas partículas de negro de fumo. Análises termogravimétricas mostraram que estes compósitos são termicamente estáveis com perda de massa em, aproximadamente, 300 °C. A incorporação dos aditivos Eeonomer® facilitou o processamento dos compósitos, pois a presença dos PCI possibilitou uma melhor dispersão das partículas na matriz da borracha, conforme ilustra a análise morfológica. Estes materiais possuem ponto de percolação em torno de 5 a 10 phr, dependendo da formulação, e valores de condutividade elétrica dc por volta de 1 x 10-3 a 1 x 10-2 S. cm-1,acima do ponto de percolação. Uma diminuição no efeito de reforço foi observado nos compósitos produzidos com aditivos contendo PCI em relação aos compósitos produzidos somente com negro de fumo. Os resultados obtidos neste estudo mostram a praticidade do método adotado em produzir compósitos eletricamente condutores...

Filmes poliméricos dopados com nano partículas de ferrita de cobalto

Alcântara, Gustavo Braga
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Física, 2011.; O objetivo deste trabalho é preparar e caracterizar novos nano compósitos híbridos formados por nano partículas de ferrita de cobalto e sistemas polieletrolíticostais como o poli(estireno sulfonato de sódio), o poli(3,4-etileno dioxitiofeno)/poli(ácido estireno sulfônico) e a polianilina, depositados por meio da técnica de automontagem camada por camada. O trabalho teve início com o estudo detalhado da cinética de adsorção das nanopartículas sobre substrato sólido, e sobre multicamadas de polieletrólitos durante a deposição de filmes ultrafinos in situ, utilizando a técnica de micro balança de quartzo. Em seguida os nano compósitos depositados por meio da técnica automontagem formando filmes de multicamadas, foram caracterizados visando investigar a morfologia e as propriedades magnéticas e elétricas. Observou-se que o processo de adsorção é um processo cinético espontâneo de primeira ordem e se torna mais lento à medida que a deposição das camadas se torna distante do substrato.Os dados obtidos por meio das medidas de micro balança de quartzo indicam também uma forte interação entre as nano partículas e o substrato/polieletrólito. O estudo dos filmes com estrutura de multicamadas polímero/nanopartículas depositados pela técnica de automontagem camada por camada mostra uma morfologia tipicamente globular das nano partículas predominante em toda a superfície do filme...

Blendas poliméricas condutoras de poli(o-metoxianilina) com poli(metacrilato de metila) : preparação e caracterização

Pereira, Nizamara Simenremis
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Química, Programa de Pós-Graduação em Química, 2012.; Os polímeros condutores (PCs) têm recebido a atenção de muitos pesquisadores, devido às suas propriedades. É possível que, no futuro, os PCs substituam os metais inorgânicos em diversas aplicações como radares, sensores, dispositivos fotovoltaicos, diodos emissores de luz e células eletroquímicas. Dentre os PCs, a polianilina (PANI) é a mais estudada, pois possui boas propriedades elétricas e estabilidade química, após a dopagem. A desvantagem da PANI é sua baixa solubilidade em solventes orgânicos. Uma alternativa para minimizar essa questão é introduzir grupos substituintes (alquila, alcoxila) na sua cadeia, produzindo derivados da PANI. O processo de síntese da poli(o-metoxianilina) (POMA) é similar ao da PANI, via polimerização oxidativa do monômero. O avanço das pesquisas tem permitido o surgimento de várias linhas de pesquisas, entre elas, as blendas poliméricas condutoras e a fabricação de dispositivos eletrônicos. O desenvolvimento de pesquisas, utilizando misturas de dois ou mais polímeros, permite criar estratégias para produzir materiais com características diferenciadas dos polímeros que constituem as blendas. Nesse trabalho...

Reologia de materiais compósitos

Brehm, Tiago Marques
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia de Materiais; A electroreologia é o estudo das propriedades reológicas dos materiais na presença de um campo eléctrico. Os materiais que em escoamento reagem ao campo eléctrico são chamados de fluidos electroreológicos, podendo ser constituídos por partículas polarizáveis suspensas num líquido não condutor ou por moléculas que se orientam com o campo eléctrico, como é o caso dos cristais líquidos. Esta dissertação teve como objectivo a caracterização electroreológica destes fluidos, onde se aborda o efeito do campo eléctrico (e também da taxa de corte) em diferentes suspensões, nomeadamente 4,4’-pentilcianobifenil, 5CB, encapsulado em álcool polivinílico, PVA, e nanoestruturas de polianilina (PANI)/óxido de vanádio (VO2), ambos dispersos em óleo de silicone. Respeitante às suspensões de 5CB/PVA em óleo de silicone estudou-se ainda o efeito da concentração da fase dispersa, bem como o efeito de diferentes viscosidades de óleo de silicone. Observou-se que a concentração da fase dispersa influencia os resultados, ao contrário da viscosidade do óleo de silicone. Relativamente às nanoestruturas de PANI/VO2 estudou-se ainda a influência da morfologia da fase dispersa. Observou-se ainda o comportamento...

Tratamento dos resíduos gerados na síntese de polianilina em escala pré-piloto

Sousa,Rafael Arromba de; Araújo,Olacir Alves; Freitas,Patrícia S. de; De Paoli,Marco-A.
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2003 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Polyaniline (PAni) is one of the most studied conducting polymer. It can be synthesized by two methods: electrochemical or chemical oxidation. The chemical oxidation is more adequate to produce large quantities of polymer. Regardless of the synthesis scale, the treatment of the residues before its final destination is very important and necessary because it contains toxic aniline derivatives (carcinogens in some cases), acids and inorganic salts, both with low toxicity. In this work we discuss the methods used to treat these residues and to eliminate and discard the toxic substances. These were extracted from the reaction residues by using activated coal and the pH of the residue was neutralized.

Transporte de carga em compósitos de polianilina/V2O5

Huguenin,Fritz; Torresi,Roberto M.
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2004 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
In this work, composites formed from a mixture of V2O5 and polyaniline (PANI) were investigated, for applications as cathode materials for secondary lithium batteries. Electrochemical quartz crystal microbalance (EQCM) data show that charge compensation in the [PANI]0.3V2O5 nanocomposite is achieved predominantly by Li+ migration. However, the charge compensation in the [PANI]V2O5 microcomposite occurs by Li+ and ClO4- transport. Electrochemical Impedance Spectroscopy (EIS) measurements reveal several benefits of nanohybrid formation, including the achievement of shorter ionic diffusion pathways, the higher diffusion rate of the lithium ion and also the higher electronic conductivity, which are responsible for a synergetic effect of the energy storage properties.

Líquidos iônicos como plastificantes em blendas de borracha nitrílica/polianilina

Prudêncio,Leandro; Camilo,Fernanda Ferraz; Faez,Roselena
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2014 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Two imidazolium-based ionic liquids (C4MIMTf2N and C4MIMBF4) were used to verify their influence on polyaniline (PANI) and nitrile rubber (NBR)/PANI blend properties and the vulcanization process. High conductivity values were observed for PANI-C4MIMTf2N samples and no interference was found for the C4MIMBF4 samples. These materials were added to NBR by mechanical mixing. Based on the torque results, the presence of C4MIMBF4 does not protect the vulcanization reaction of NBR with PANI as performed by C4MIMTf2N. The highest conductivity value was obtained with 7 wt. % of PANI-DSBA-C4MIMTf2N (10-6 S/cm). This result is attributed to the more effective interaction of PANI and NBR phases promoted by the ionic liquid.

Modificação do polímero condutor polianilina para uso como trocador catiônico

Zornitta,Rafael L.; Pincelli,Guilherme; Ruotolo,Luís A. M.
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2014 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
This article reports the use of polyaniline (PAni), chemically and electrochemically synthesized, for copper removal from aqueous solutions. PAni films were electrodeposited on reticulated vitreous carbon (RVC). In all cases, p-toluenesulfonate anion (PTS-) was used as the dopant to obtain cation exchange properties. RVC/PAni showed no expressive copper removal due to the small amount of polymer in the film. Chemically synthesized PAni-PTS- was obtained in its reduced form (leucoesmeraldine). PAni degraded at neutral pH but remained stable at low pH, showing a very high ion-exchange capacity, which is superior to those observed for commercial resins.

COMENTÁRIO SOBRE O ARTIGO: “MODIFICAÇÃO DO POLÍMERO CONDUTOR POLIANILINA PARA USO COMO TROCADOR CATIÔNICO”

Varela,Hamilton; Torresi,Roberto M.
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2015 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%

Efeito das condições de preparação na condutividade elétrica de blendas de poli(fluoreto de vinilideno) e poli(o-metoxianilina)

Malmonge,Luiz Francisco; Mattoso,Luiz Henrique C.
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1998 PT
Relevância na Pesquisa
16.484236%
Neste trabalho estudou-se o efeito das condições de preparação na condutividade elétrica de blendas condutoras de poli(fluoreto de vinilideno) (PVDF) com poli(o-metoxianilina) (POMA). A condutividade elétrica e a qualidade dos filmes produzidos dependem significativamente do solvente, dopante e das condições de preparação das blendas. Filmes flexíveis e auto-sustentáveis da blenda PVDF/POMA dopada com o ácido p-tolueno sulfônico (TSA) foram obtidos em condições otimizadas. Estes apresentam condutividade elétrica em uma larga faixa (10-12 - 10-2 S/cm), onde para baixos teores de POMA-TSA (<2,0% em massa) já se atinge alto valor de condutividade (10-7 S/cm), não sendo definida uma composição mínima para percolação.