Página 1 dos resultados de 5 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Monetização de webcomics : um estudo de caso de Um Sábado Qualquer e O Pintinho

Braga, Luciano Harres
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
28.21%
Este trabalho tem por objetivo analisar as formas mais usuais de monetização para um site/blog de quadrinhos na internet. Através do estudo de caso e de entrevista feita com os autores de dois webcomics brasileiros, Um Sábado Qualquer e O Pintinho, espera-se entender como se dá o uso dessas ferramentas e quais são as suas características principais. Trazendo a história da arte sequencial, tanto a impressa quanto a digital, e o contexto da atual web 2.0, o presente trabalho parte para a análise detalhada de cada um dois webcomics estudados. No fim, faz-se a comparação entre as formas de monetização utilizadas por cada um, para, a partir daí, concluir sobre quais os melhores caminhos para seguir no momento de ganhar dinheiro com quadrinhos na internet. Ao término do trabalho pode-se perceber que é possível ganhar dinheiro mesmo não possuindo um público muito grande. Poucos leitores, porém fiéis ao trabalho do autor, já criam condições para a monetização.

Quadrinhos nacionais no ciberespaço: uma análise de Combo Ranger nos âmbitos digital e impresso

Santos,Roberto Elísio dos; Corrêa,Victor Wanderley
Fonte: Programa de Estudos Pós-graduados em Comunicação e Semiótica - PUC-SP Publicador: Programa de Estudos Pós-graduados em Comunicação e Semiótica - PUC-SP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
17.04%
O presente artigo trata das estratégias adotadas para a criação das histórias em quadrinhos para a internet, e tem como objeto de estudo Combo Rangers. As semelhanças e diferenças entre sua versão impressa e a virtual são analisadas neste texto. A escolha dessa história se deve por Combo Rangers ter sido a história em quadrinhos brasileira pioneira a ser realizada em ambas as maneiras, impressa, e vendida em bancas e livrarias, e disponibilizada no ambiente virtual, com acesso gratuito.

As histórias em quadrinhos na tela do computador; Las historietas en la pantalla de computadora

SANTOS, Roberto Elísio dos; CORRÊA, Victor; TOMÉ, Marcel Luiz
Fonte: Universidade Estadual Paulista - Unesp Publicador: Universidade Estadual Paulista - Unesp
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
28.21%
Este trabalho tem como objeto de estudo as histórias em quadrinhos no ambiente virtual. Duas décadas após seu aparecimento, as webcomics são encontradas com facilidade na internet, espaço que faculta aos artistas a apresentação de seus trabalhos sem as barreiras impostas pelo mercado editorial. Por um lado, os quadrinhos na web possibilitam o desenvolvimento de uma linguagem advinda da mídia digital, mas, por outro, ainda não foi explorado comercialmente de maneira adequada. Esta pesquisa parte da análise de três narrativas elaboradas no Brasil (Quadrinhos Rasos, Aquarella e Pixels) e objetiva compreender, por meio delas, as características deste novo produto cultural. Para realizar este trabalho utilizou-se a semiótica aplicada, uma vez que a história em quadrinhos consiste em um sistema de signos organizados e formado por elementos verbais e visuais em relação de complementaridade, assim como a análise dos elementos constitutivos da narrativa. A pesquisa constatou que a maioria das webcomics brasileiras utiliza poucos recursos da mídia digital, reproduzindo muitas vezes as convenções da mídia impressa.; sim

Webcomics malvados: tecnologia e interação nos quadrinhos de André Dahmer

Santos, Rodrigo Otávio dos
Fonte: Curitiba Publicador: Curitiba
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
28.21%
The purpose of the present work is to think over the relations between technology and society, more specifically regarding comics and the internet. To that end, the webcomic Malvados, whose author, André Dahmer, in part of his work think about the internet from the society's, the user's of the available online tools point of view, was researched. In the development of this research, the history of both, comics and webcomics, was presented. In addition, the caracteristics of this media and how the structure of the internet affects some of these characteristics at the same time it creates others, which exist only in the virtual world, were analysed and discussed. With this theoretical basis, the Dahmer's comics strips, particulary those reflecting the use of the internet tools by the individuals, were analysed, taking into account how the artist sees the society and its "multimediatic" reflexes.; A proposta deste trabalho é refletir a respeito das relações entre tecnologia e sociedade, mais especificamente sobre histórias em quadrinhos e internet. Para tanto foi pesquisado o webcomic Malvados, cujo autor, André Dahmer, em parte de seu trabalho pensa a internet do ponto de vista da sociedade, dos utilizadores das ferramentas disponiveis online. No desenvolvimento desta pesquisa foram apresentadas a história dos quadrinhos e também a história dos webcomics. Também foram analisadas e discutidas as características desta mídia e como a estrutura da internet afeta algumas destas características ao mesmo tempo que cria outras...

Sorry y Perri : un webcomic para hablar de webcomics : estrategia digital para la narrativa gráfica visual

Morales M., Diego
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
28.21%
Memoria (diseñador gráfico); El webcómic es en sí un fenómeno actual que funciona como medio, un medio en expansión. Desde que la internet globalizó nuestra sociedad y la alfabetización digital disparó sus parámetros en los últimos años los autores de cómics han visto la posibilidad de desvincularse de las editoriales y el monopólico modelo de mercado que atrapa a la industria de los cómics. La posibilidad actual de un autor de crear un cómic y mostrarlo a su audiencia minimizando los intermediarios ha llevado a un levantamiento indiscriminado de webcómics independientes que abarcan todo tipo de géneros, estilos narrativos, calidad y temática. Si bien no es posible rastrear el número definitivo, se estima que existen alrededor de 70.000 webcómics en línea, de los cuales alrededor de 7.000 se encuentran activos. El siguiente proyecto aborda el problema de forma exploratoria, pretendiendo generar un instrumento que permita el levantamiento y la convergencia de la información y el diálogo necesario para construir bases con el fin de contribuir al fortalecimiento del webcómic.