Página 1 dos resultados de 8688 itens digitais encontrados em 0.022 segundos

O papel dos “Stakeholders” e a gestão da marca de destinos turísticos

Alves, Maria Nélia Ascensão Alves Rodrigues
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.01%
Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências Empresariais.; Esta dissertação objectiva aferir o papel dos stakeholders-chave na gestão da marca do destino turístico Madeira. Para atingir os objectivos propostos seguiu-se uma pesquisa qualitativa com recolha de dados via entrevistas dirigidas a uma amostra não probabilística, seleccionada por julgamento, tendo-se obtido 11 respostas válidas de stakeholders representativos do sector turístico da Madeira. Identificaram-se como factores diferenciadores a natureza, paisagem, clima, hospitalidade e qualidade de serviços. As fontes de valor são, primordialmente, benefícios emocionais assentes numa cultura turística de bem receber e o posicionamento é referenciado como um destino de qualidade, associado à natureza, com uma personalidade sincera e sofisticada e vocacionado a um segmento médio/alto. Salientou-se a necessidade urgente de uma comunicação mais dinâmica da marca com forte aposta nos factores únicos e diferenciadores identificados, os quais deverão consistentemente orientar valores e acções de todos os intervenientes na cadeia de valor. Os stakeholders-chave primordiais referenciados foram a Secretaria Regional de Turismo...

A abordagem dos Stakeholders: potencialidades e limites para a compreensão das relações entre organizações e seus constituintes

Martins, Leila Cristina Palavra
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
O objectivo principal deste trabalho conceptual é o de contribuir para o aprofundamento das questões ligadas à abordagem dos stakeholders - as partes interessadas numa organização - realçando as suas potencialidades e limites para a análise e compreensão das relações que as organizações estabelecem com as diversas partes que as constituem e que com elas interagem. À luz desse objectivo propusemo-nos efectuar uma revisão da literatura tendo em atenção os seguintes tópicos relativos à temática: a emergência e desenvolvimento do conceito – stakeholder -, a análise das várias contribuições para a abordagem dos stakeholders, confrontando perspectivas e modelos, a análise da identificação e saliência dos stakeholders para a análise de alguns processos organizacionais, tendo como referência o modelo de Mitchell, Agle e Wood (1997), assim como, alguns modelos sobre os stakeholders de intervenção nas estratégias organizacionais. Apesar da abordagem dos stakeholders ser relativamente recente, ela foi capaz de demonstrar que as tradicionais teorias económicas da organização não são suficientes para a compreensão adequada das relações que ela estabelece com os seus múltiplos stakeholders (accionistas...

Relações entre as partes interessadas (stakeholders) e os sistemas de mensuração do desempenho organizacional; Relationships among the stakeholders and the performance measurement systems (PMS) in organizations

Hourneaux Junior, Flávio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/06/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37%
Qualquer que seja o seu setor de atuação, porte ou origem, as organizações têm enfrentado desafios cada vez mais sérios no propósito de dar continuidade a suas atividades, preferencialmente na busca de um desempenho cada vez melhor, de modo a atingir ou ir além do que é estipulado em seus processos de planejamento. Tais organizações têm a necessidade de identificar, mensurar e avaliar esse desempenho, tornando essa mensuração um importante subsídio para a tomada de decisões mais apropriadas e efetivas, particularmente no que se refere a aspectos outrora negligenciados, como aqueles mais diretamente ligados à questão da sustentabilidade, com destaque para o reconhecimento da importância das chamadas partes interessadas (ou stakeholders), i.e, os diversos públicos que exercem algum tipo de influência na organização ou que são influenciados por ela. Este é, portanto, um dos grandes desafios para as organizações neste momento: como realizar uma apropriada mensuração do desempenho organizacional, considerando-se a necessidade de inclusão dos aspectos relativos à sustentabilidade, como a inserção de resultados finais tríplices (Triple Bottom Line) e a contemplação dos stakeholders como públicos relevantes para que os objetivos estratégicos sejam alcançados. Nesse contexto...

Autonomia da Perícia Oficial Criminal no Brasil: identificação e classificação de stakeholders

Brito, Delluiz Simões
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.96%
Este estudo teve por objetivo identificar e classificar os stakeholders que influenciam e/ou são influenciados pela perícia oficial de natureza criminal e que, direta ou indiretamente, impactam a autonomia desse arranjo estatal, bem como, obter um conjunto de ações aos peritos oficiais como forma de exercer algum grau de influência no processo de autonomia. Foi abordada a Teoria dos Stakeholders e destacadas algumas propostas de classificação de partes interessadas. Foi eleita a proposta de classificação desenvolvida por Mainardes, Alves, et al. em trabalho apresentado no V Encontro de Estudos em Estratégia/3Es, realizado pela Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração (ANPAD), na cidade de Porto Alegre/RS, em maio de 2013, com o intuito de executar o teste empírico recomendado pelos autores da nova proposta de classificação. Os stakeholders foram identificados como resultado de entrevista coletiva a grupo focal composto por seis peritos oficiais criminais. Para fins de aplicação do teste empírico do modelo da proposta de classificação de stakeholders de Mainardes, Alves, et al. foi considerado um contexto empírico onde a organização, para fins da Teoria dos Stakeholders e deste trabalho...

Relações entre uma organização agroindustrial da cadeia de celulose e seus stakeholders

Elias, Sandro Al-Alam
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.06%
As distâncias entre pessoas, empresas e países têm encurtado, possibilitando uma maior integração como numa aldeia global, onde as corporações transnacionais cresceram e exercem influência maior do que muitos governos. A preocupação com o relacionamento das organizações e cadeias produtivas com os grupos que influenciam e são influenciados pelas suas atividades pode ser percebida pelo avanço dos estudos sobre stakeholders e por relatos de casos em que as estratégias traçadas falharam por subestimarem a influência de grupos contrários às suas atividades. A relação dos stakeholders com as organizações e cadeias produtivas pode ocorrer como cooperação, mas também pode ser através de conflitos, com questionamentos da própria organização e suas operações. A ambigüidade de reações e manifestações dos stakeholders da cadeia de celulose que se desenvolve no Rio Grande do Sul motivou a escolha do tema e do objeto de análise da presente pesquisa, realizada com objetivo de analisar e compreender as ações da cadeia frente às expectativas e demandas dos stakeholders que questionam sua atividade. O estudo, realizado por meio de uma pesquisa exploratória, enfoca a identificação e a relação da cadeia de celulose em formação no Rio Grande do Sul com seus stakeholders...

Diálogos entre stakeholders em redes de organizações de agronegócios na busca da mitigação dos efeitos da mudança climática: o caso do Instituto do Agronegócio responsável - ARES

Azevedo, Denise Barros de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37%
O atual momento de incertezas induzidas pelas mudanças climáticas no agronegócio brasileiro tem-se mostrado oportuno para pesquisar as ações em torno das cadeias produtivas como um todo. Analisar como o agronegócio brasileiro está se preparando para se posicionar e agir diante das novas realidades climáticas é crucial tanto para a academia como para o futuro das atividades produtivas. As incertezas geradas por esse novo contexto associadas à ausência de diálogos e de diretrizes assim como a resistência a mudanças e a falta de confiança entre os stakeholders do agronegócio tornam-se problemas para o agronegócio,. Assim, a formação de redes entre stakeholders do agronegócios é fundamental para promover o conhecimento coletivo e propor convenções específicas para o momento atual e para o futuro. Nesse contexto, o conflito entre produção de bioenergia e alimentos é uma discussão central no agronegócio mundial e nacional. As questões levantadas nesta pesquisa são: como os diálogos entre stakeholders do agronegócio podem contribuir com os relacionamentos entre as organizações em rede? Qual o papel no agronegócio na discussão das mudanças climáticas no contexto do dilema da bioenergia? O objetivo da presente pesquisa é o de propor um framework para analisar a natureza dos diálogos entre stakeholders e os modelos criados para atuar nos conflitos da bioenergia e das oportunidades em redes voltadas para bioenergia com relação às mudanças climáticas no agronegócio brasileiro. Para isso...

Processos de sensemaking e sensegiving para stakeholders internos e externos : o caso do PROMOEX no Tribunal de Contas do Estado de Rondônia

Melo, Janilene Vasconcelos de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
O presente trabalho propõe e aplica um framework para compreender como se dá o processo de sensemaking, sensegiving e sensemaking estratégico para stakeholders internos e externos, em um processo de mudança estratégica decorrente da implementação do Programa de Modernização do Sistema de Controle Externo dos Estados, Distrito Federal e Municípios Brasileiros (PROMOEX), no Tribunal de Contas do Estado de Rondônia-TCE-RO. A base teórica desta pesquisa divide-se em construções conceituais distintas, mas que se interrelacionam - sensemaking, sensegiving, sensemaking estratégico e teoria dos stakeholders. Tais opções teóricas consideram que as mudanças organizacionais são feitas com base na criação de sentido e realizadas a partir de atividades estratégicas junto aos stakeholders. A pesquisa se justificou por preencher um gap teórico assentado na abordagem sensemaking no setor público que impacta os stakeholders internos e externos. Realizou-se uma pesquisa exploratória, através de um estudo de caso, utilizando-se abordagens qualitativa e quantitativa que se complementam, isso porque o estudo qualitativo gerou questões que foram aprofundadas quantitativamente. A coleta dos dados qualitativos teve como técnica entrevistas semiestruturadas. Para a sistematização fez-se uso do software Atlas.ti e posterior análise de conteúdo. Na abordagem quantitativa aplicou-se questionário com perguntas fechadas e uma aberta. Para o tratamento dos dados utilizou-se o software Statistical Package for the Social Sciences-SPSS. Assim...

Perspetiva integrada de stakeholders, redes e qualidade do relacionamento em turismo : aplicação ao Parque Nacional Peneda-Gerês

Nogueira, Sónia Fernanda Moreira
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 21/01/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.06%
Tese de doutoramento em Marketing e Estratégia; A investigação desenvolvida deriva da pouca literatura de redes aplicada ao turismo e da existência de lacunas quanto ao estudo da estrutura, conteúdo e qualidade das interações entre os atores em redes de turismo. O principal contributo teórico resulta do caráter inovador decorrente da integração de três vertentes teóricas: (i) a teoria dos stakeholders (interesses/influências), (ii) a análise de redes sociais, e (iii) a teoria do marketing de relacionamento (qualidade das relações) em turismo. Este tipo de investigação que apresenta um caráter integrativo vem trazer um acréscimo de conhecimento à teoria existente, especificamente tendo em conta as conclusões advindas da análise integrada realizada. Acresce o interesse prático e de gestão de aplicar o estudo ao Parque Nacional Peneda-Gerês (PNPG) e ao setor de turismo que representou, em 2009, em Portugal, 11% do PIB e 500.000 postos de trabalho. Neste contexto, este estudo traz um contributo prático a este esforço de aposta e promoção do turismo nacional, até porque as redes turísticas afirmam-se, de forma crescente, como importantes ferramentas de desenvolvimento económico dos países. O problema de pesquisa que orienta este estudo é: Como se configura...

E-government na Gestão de Stakeholders

Borralho, Carlos Manuel Lopes
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
36.95%
A presente investigação avoca um posicionamento instrumental do e-government, perspectivando-o como um meio, não um fim, e efectua a sua análise a partir de uma abordagem pragmática da teoria dos stakeholders, tal como defendida por Freeman (2008). Foi adoptado um posicionamento ontológico relativista, epistemológico interpretativista e metodológico baseado no recurso à utilização da estratégia de estudos de caso. O trabalho envolveu 3 organizações públicas, com características díspares e com recolha de dados maioritariamente ancorada a 2 instrumentos, questionário e entrevista, ambos semi-estruturados. Partindo dos atributos poder, legitimidade e urgência, enunciados por Mitchell, Agle e Wood (1997), fundamentos da “stakeholders salience”, bem como das variáveis utilidade e facilidade de uso, presentes nos modelos de aceitação da tecnologia, variáveis transparência e segurança, reforçadas pela governança, bem como as variáveis interoperabilidade, eficiência e inclusão, é desenvolvido o modelo MEGOV, modelo fundeado em cinco proposições. Os resultados da investigação sustentam 3 conclusões principais e suportam o modelo MEGOV. A primeira consiste no facto do e-government condicionar a prioritização de stakeholders. Tal situação é consequência do e-government alterar a percepção de urgência das solicitações...

A Inserção de Stakeholders nas Estratégias Empresariais de Gestão de Resíduos Sólidos no Brasil. O estudo de caso da Empresa Belcar Caminhões

Magalhães, Carolina do Socorro Ferreira
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /09/2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Ecologia Humana e Problemas Sociais Contemporâneos; Esta investigação objetivou identificar e analisar os impactos das relações entre empresas e stakeholders ligados à cadeia da reciclagem no Brasil. Para tanto, a pergunta de partida teve o intuito de compreender como os stakeholders se inserem nas estratégias de responsabilidade social relacionadas à gestão de resíduos sólidos recicláveis, para, nesse contexto, avaliar a percepção que, quer a empresa, quer os stakeholders têm dessas estratégias e as vantagens que delas decorrem para todos os participantes. Os procedimentos metodológicos aplicados foram de natureza qualitativa, descritiva, exploratória, no nível de análise organizacional da empresa estudo de caso – Belcar Caminhões e Máquinas Ltda., no período de 2006 a 2013. A escolha da Belcar Caminhões justificou-se pela sua experiência em capitalizar resultados positivos na implantação e no desenvolvimento de estratégias de responsabilidade social para engajar stakeholders na gestão de resíduos desde 1998. Por isso, acredita-se que o ato de descrever como a empresa estrutura essas relações...

Mapeamento de stakeholders nas áreas conexas de turismo e meio ambiente: um estudo em João Pessoa/PB

Delgado, Anna Karenina Chaves
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Turismo; Turismo e Desenvolvimento Regional e Gestão em Turismo Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Turismo; Turismo e Desenvolvimento Regional e Gestão em Turismo
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
The present study aims to understand the perception in a manager perspective of the relationship between the stakeholders of tourism and environmental management in João Pessoa (PB). It is a qualitative, transversal, descriptive and exploratory research, held with keys stakeholders of tourism and environment in the capital of Paraíba. The data were collected through structured interviews and the analysis of the minutes of the municipal council of tourism, called COMTUR/ JP. The data research allowed us to affirm that the environmental stakeholders have a higher academic background than those of tourism, on the other hand the tourism stakeholders‟ have longer experience time than the environmental stakeholders‟. In general, the use of environmental resources for tourism is noticed as positively by the tourism stakeholders‟ and as intermediate for the environmental stakeholders‟, the tourism development is consider to be a non predatory active in João Pessoa, but it is very concentrate in the coastal area, the remnants of Atlantic Forest or protected areas are not used for tourism. The main environmental impacts cause by tourism according to the stakeholders interviewed (tourism and environment) were the environmental degradation of reef...

A influência dos stakeholders na responsabilidade social empresarial estratégica

Lopes, Marta Maria Cordeiro
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
37.01%
Doutoramento em Marketing; Esta pesquisa aborda a responsabilidade social empresarial (RSE) na perspectiva dos stakeholders, investigando como estes influenciam as decisões das organizações no que diz respeito ao desempenho da sua função social. Considerado um dos principais desafios da gestão do futuro, as relações com os stakeholders condicionam as decisões dos gestores pressionados para resultados imediatos enquanto procuram desenvolver práticas socialmente responsáveis. Partindo da teoria dos stakeholders (Clarkson, 1995; Freeman, 1984; Parmar, Freeman, Harrison, Wicks, Purnell e Colle, 2010) em que foram identificados os stakeholders mais salientes (Mitchell, Agle e Wood, 1997; Neville, Bell e Whitwell, 2011; Parent e Deephouse, 2007), e da teoria da RSE (Carroll, 1979, 1991; Schwartz e Carroll, 2003; Wood, 1991, 2010), procurou-se perceber até que ponto estes stakeholders influenciam a RSE estratégica (Porter e Kramer, 2006, 2011). Adoptando a metodologia de estudo de caso e aplicada ao contexto português, numa orientação ética que está subjacente à vertente normativa dos stakeholders, concluiu-se que estes, sejam primários, sejam secundários (Clarkson, 1995), exercem um papel importante nas políticas de RSE e os que são considerados salientes (Mitchell et al....

A gestão de conflitos com os stakeholders; a perspectiva de responsáveis de comunicação das 100 maiores empresas portuguesas

Custódio, Andreia Sofia Quina
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências da Comunicação, ramo de Relações Públicas; A gestão de conflitos é uma prática complexa que se tem revelado essencial para as empresas ao longo dos anos, à medida que os stakeholders se tornaram mais exigentes. As Relações Públicas têm vindo a ganhar espaço no seio empresarial, trazendo um novo olhar para esta questão no âmbito da sua função de estrategas e operacionais de comunicação. Tendo em linha de conta que nos dias de hoje o stakeholder é o elemento central de qualquer organização, neste estudo procuramos compreender as técnicas mais adequadas no processo de gestão de conflitos, focando as estratégias para a sua resolução, na prossecução dos objetivos da organização. Esta investigação tem por base uma abordagem empírica assim como uma abordagem de natureza qualitativa e interpretativa que pretende dar a perspetiva da gestão de conflito nas organizações, sendo que para tal, foram realizadas 22 entrevistas a responsáveis de comunicação das 22 maiores empresas de Portugal. Deste modo, procedeu-se à análise de entrevistas para compreender como os líderes de comunicação encaram os conflitos no seio das organizações. Os resultados obtidos demonstraram a importância do desenvolvimento de boas práticas para a medição dos conflitos sendo que deve-se sempre compreender a génese do conflito...

Avaliação do impacto da implementação da responsabilidade social através das relações com os Stakeholders

Heleno, Maria Lizete Lopes
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Any organization in today's society, besides ensuring the increase of wealth in the company, must be concerned with social issues, including environmental protection, the coworkers health protection and the increase of their motivation and productivity, which ensures a good performance for any company. For the shareholders and managers, the adoption of social responsibility practices could mean an additional cost, although evidence of the return of this investment may not be found. For this objective this research study pretends to show that the adoption and the implementation of corporate social performance practices allow good performance and the increase of the company’s wealth, ensuring its sustainability during a medium and long term period. Thus the companies’ attitude was characterized towards corporate social responsibility, in order to associate to the practices of social responsibility already implemented. The performance of an organization can be evaluated using different methodologies, being the financial information of the organization the most objective. Once this information is not always easy to obtain and may not be obvious and conclusive that a company with good financial performance has a good social performance. Another method referenced in the literature that could be used as an alternative for assessing the performance of the organization is the Theory of Stakeholders; this has been used in the empirical study. The review of the literature can demonstrate that the work related to the evolution of the concept of corporate social responsibility and models of corporate social responsibility on global and community levels. It also noted the importance of the Theory of Stakeholders in relation to corporate social responsibility and the performance of organizations. All this work related to the review of literature led to the definition of the type of research. In order to test the model of research...

Responsabilidade Social Corporativa (RSC) e stakeholders da Universidade do Extremo Sul Catarinense – UNESC

Maciel, Mariléia
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso - TCC
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.95%
Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado para obtenção do grau de Bacharel no curso de Administração de Empresas da Universidade do Extremo Sul Catarinense, UNESC.; As organizações procuram cada vez mais entender seus diferentes grupos de interesse e com as instituições de ensino superior não é diferente, o objetivo é atender valorizando e respeitando os interesses dos seus stakeholders. A literatura defende que quando as organizações conhecem quem são os seus stakeholders e como eles influenciam no processo decisório, a elaboração de estratégias se torna mais fácil. A caracterização dos stakeholders da universidade comunitária do Extremo Sul Catarinense é importante e útil. Importante porque além de contribuir com elaboração das estratégias, poderá envolver seus stakeholders na participação da responsabilidade social. E útil, para aplicação eficiente dos recursos. Na presente pesquisa, procurou-se identificar os stakeholders internos externos, utilizando a abordagem conforme o modelo de Mitchell, Agle e Wood (1997). Este estudo teve caráter descritivo foi realizado a partir de um estudo de caso, na Universidade do Extremo Sul Catarinense. A abordagem para a pesquisa foi qualitativa, através da análise de entrevista semi-estruturada e gravada. O resultado da pesquisa procura analisar nas diferentes visões gerenciais como os stakeholders contribuem na responsabilidade social...

AVALIAÇÃO DA INFLUÊNCIA DOS STAKEHOLDERS NA PROATIVIDADE AMBIENTAL DE EMPRESAS BRASILEIRAS; STAKEHOLDER INFLUENCE ON ENVIRONMENTAL PROACTIVITY OF BRAZILIAN COMPANIES

Abreu, Mônica Cavalcanti Sá; Castro, Francisco Cesar; Lazaro, José Carlos
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 10/07/2013 ENG; POR
Relevância na Pesquisa
36.99%
O artigo analisa a influência dos stakeholders na proatividade ambiental de empresas brasileiras. A pesquisa foi realizada com 112 empresas brasileiras com o objetivo de testar a hipótese de que a pressão por parte dos stakeholders influencia positivamente as atividades de gestão ambiental das empresas brasileiras. A análise fatorial agrupou os stakeholders nas categorias “mercado” e “não mercado”. Os primeiros participam diretamente da cadeia de suprimento e incluem fornecedores, clientes e concorrentes internacionais e domésticos, empregados, subcontratados e sindicatos. Os stakeholders “não mercado”, por sua vez, não participam diretamente da cadeia de suprimentos e são caracterizados pelos acionistas, governo, mídia e ONGs. Os resultados dos modelos econométricos demonstraram que os stakeholders possuem um efeito significativo e positivo sobre as ações de proatividade ambiental, envolvendo práticas de planejamento, operações e comunicação. Essa pressão é mais efetiva quando proveniente de partes interessadas com influência indireta nas organizações, os denominados stakeholders “não mercado”, demonstrando que as ideias e práticas de sustentabilidade estão cada vez mais presentes nas agendas dos atores sociais...

Stakeholder Analysis and Management of Lodging Ventures: multiple case study in the Vila do Abraão, Ilha Grande, RJ, Brazil; Análisis de los Stakeholders y Gestión de Alojamientos: estudio de casos múltiplos en la Vila do Abraão, Ilha Grande, RJ, Brasil; Análise dos Stakeholders e Gestão dos Meios de Hospedagem: estudo de casos múltiplos na Vila do Abraão, Ilha Grande, RJ

Koga, Erika Sayuri; Wada, Elizabeth Kyoko
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 13/04/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.03%
Verify the involvement of the lodging sector with the various groups that influence or can influence an organization, the so-called stakeholders, can improve the connections. This research is aimed to diagnose the relationship between the accommodation sector and stakeholders for the development of tourism in the locality. As specific objectives, aims to rank the level of importance of each stakeholder for the success of business and identify the ways of integrating lodging sector and stakeholders in the Vila do Abraão, at Ilha Grande. The work consisted of an exploratory study with qualitative and multiple case studies of accommodations in the Vila do Abraão, located at Ilha Grande, Rio de Janeiro, Brazil. Reviewed the literature on business management, taking the work of Freeman (1984) as its reference point. There were identified nine stakeholders that influence the management of lodging facilities. The groups identified have different levels of importance to business success, noting that customers and the media are stakeholders with greater influence. The existing relations of cooperation are scarce and lack of management projects to improve the connections with stakeholders.; Verificar la participación de los alojamientos con los diversos grupos que influyen o pueden influir en una organización...

Análise de stakeholders aplicada em órgãos públicos: o caso da Secretaria de Estado do Turismo do Paraná; Stakeholders analysis applied to public agencies: the case of the Secretary of State for Tourism of Paraná

Vieira, Saulo Fabiano Amâncio; Universidade Estadual de Londrina Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA/UEL; Costa, Benny Kramer; Professor do Programa de Mestrado e Doutorado em Administração da Universidade Nove de Julho – PMDA/UNIN
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Estudo de caso; Formato: application/pdf
Publicado em 14/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
DOI: 10.5007/2175-8077.2011v13n31p81O presente artigo tem por objetivo analisar a atuação dos stakeholders no desenvolvimento de atividades estratégicas da Secretaria de Estado do Turismo do Paraná - Setu, verificados sob a óptica da teoria do stakeholders. Para tanto realizou-se ainda uma revisão acerca da teoria dos stakeholders descrevendo sua evolução conceitual e modelos de análise utilizados. Em relação ao delineamento da pesquisa tem-se que a mesma se caracteriza pela aplicação de uma pesquisa exploratória, qualitativa, desenvolvida por meio de um estudo de caso único, representado pelo órgão estadual de turismo do Paraná – Setu. No que tange a quem são os stakeholders da Setu verificou-se que aqueles que possuem maior relevância foram identificados uma listagem com 8 instituições pertencentes ao Conselho Consultivo do Turismo do Paraná. Conclui-se que a atuação dos stakeholders junto a definição das políticas e estratégias da Setu ocorre via Conselho Consultivo o Turismo e suas cinco Câmaras Temáticas. Foi verificado ainda que muitos do membros do Conselho ainda possuem baixa participação nestes órgãos colegiados, porém há uma evolução de sua participação desde a sua criação no ano de 2003.; DOI: 10.5007/2175-8077.2011v13n31p81This article aims to analyze the performance of stakeholders in the development of strategic activities of the State Secretary of Tourism of Paraná (SETU)...

Stakeholders: main approaches; Stakeholders: principais abordagens

Schiavoni, Patrícia Mattos de Barros; Universidade do Estado de Santa Catarina; Moraes, Mário César Barreto; Universidade do Estado de Santa Catarina; Castro, Alice Carneiro de; Universidade do Estado de Santa Catarina; Nascimento Santos, Jair
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Revisão de Literatura; Formato: application/pdf
Publicado em 10/12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Every time organizations need adaptations to stay alive. We consider the analysis of their external environment an essential tool in this adaptive process, in particular, know your stakeholders. This article aims to present different approaches to organizational stakeholders, contributing concurrently with academia and companies who choose to analyze and act on its stakeholders, and possibly have a prominent market. We highlight the approach of stakeholder management, Edward Freeman, the model of corporate relations with stakeholders Ann Svendsen approach and commitment of stakeholders, Steven Walker and Jeffrey Marr.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-8077.2013v15n37p187A cada momento as organizações necessitam de adaptações para se manterem vivas. Considera-se a análise de seu ambiente externo uma ferramenta essencial nesse processo adaptativo, e, em especial, é  primordial conhecer seus stakeholders. O presente artigo tem por objetivo apresentar diferentes abordagens sobre stakeholders organizacionais, contribuindo concomitantemente com a academia e com as empresas que optarem por analisar e agir sobre seus grupos de interesse e, possivelmente, para ter um destaque no mercado. Destaca-se a abordagem de gestão dos stakeholders...

Questões de governança e os papéis dos stakeholders no ambiente do ensino superior brasileiro; Questions of governance and the stakeholders’ roles in the brazilian higher education environment

Teixeira, José Franco; Universidade de Lisboa - Instituto Superior de Economia e Gestão -Portugal.; de Castro, Luis Mota; Lisboa (ISEG - Instituto Superior de Economia e Gestão) e pesquisador integrado no centro Advance.
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 14/05/2015 POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2015v8n2p237Este artigo analisa e visa entender as relações de governança nas Instituições do ensino superior no Brasil, como mecanismo de integração e reprodução dos interesses dos diversos stakeholders, dentro e fora do ambiente organizacional. É explicado que os parceiros das IES no Brasil, com os quais estas estabelecem relações privilegiadas, permitem-lhes acessos através dos quais elas mobilizam recursos e se coordenam com atores externos, em alguns casos influenciando as agências de regulação e avaliação. Na sua prática, as IES desenvolvem suas estratégias conforme as informações obtidas através desses stakeholders ou informante-chave. Como parceiros interessados, os diversos stakeholders influenciam e por vezes determinam as escolhas feitas pelas organizações, por exemplo, as ofertas de cursos superiores (Licenciaturas, Bacharelados, Tecnólogos, Stricto Sensu e Lato Sensu). Os parceiros externos, vistos como stakeholders, podem ser as agencias reguladoras do ensino superior (MEC), as empresas, outras entidades governamentais e grupos profissionais e corporativos da sociedade.A pesquisa realizada teve como objeto de estudo (Yin 2010) uma IES privada sediada em São Luís...