Página 1 dos resultados de 45 itens digitais encontrados em 0.053 segundos

Substituição de fontes protéicas de origem animal por fontes protéicas de origem vegetal em rações para o "Black Bass" Micropterus salmoides.; Substitution of animal protein by plant protein sources in diets for the largemouth bass Micropterus salmoides.

Oliveira, Ana Maria Barretto de Menezes Sampaio de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/08/2003 PT
Relevância na Pesquisa
76.14%
A produção comercial de peixes carnívoros exige o uso de um conjunto complexo de práticas de manejo da produção e alimentação, à redução do impacto ambiental dos alimentos e à minimização do emprego de fontes protéicas de origem animal nas formulações das dietas. O objetivo do presente estudo foi investigar o uso de atrativos alimentares em dietas formuladas exclusivamente à base de proteína de origem vegetal (PV), e seus efeitos no desempenho, composição corporal e digestibilidade das dietas pelo carnívoro “black bass”, Micropterus salmoides, condicionados a aceitar ração seca. Novecentos juvenis (26,54 ± 1,53 g) foram estocados em 60 aquários de polietileno de 90 L (15 peixes/aquário), em delineamento experimental totalmente ao acaso (n=3), e alimentados ad libitum em duas refeições diárias (07h00m e 17h00m), durante 13 dias, com uma dieta basal (100% PV) contendo seis níveis de proteína solúvel de peixe – PSP (0,5, 1,0, 1,5, 2,0, 2,5 e 3,0%); Fisharom ® – FA (0,02, 0,04, 0,06, 0,08, 0,10 e 0,12%); silagem de peixe – SP (1,0, 2,0, 3,0, 4,0, 5,0 e 6,0%); um controle positivo (10% de farinha de peixe) e um controle negativo (dieta basal sem atrativos). Os peixes alimentados com a dieta contendo FA 0...

Aproveitamento do resíduo do beneficiamento da Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) para obtenção de silagem e óleo como subprodutos.; Utilization of fish waste from the processing of nile tilapia (Oreochromis niloticus) to obtain fish silage and fish oil as by-products.

Arruda, Lia Ferraz de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/08/2004 PT
Relevância na Pesquisa
76.22%
Um terço da captura mundial de pescado não é empregada para o consumo direto na alimentação humana, seguindo para elaboração de rações ou é desperdiçada como resíduo. O ideal seria utilizar a matéria-prima em toda a sua extensão e recuperar os subprodutos, evitando a própria formação do resíduo. Com os objetivos de aumentar a receita e a eficiência de produção da indústria e, conseqüentemente, minimizar os problemas ambientais e de sanidade, provenientes do resíduo de pescado, procedeu-se à elaboração da silagem química do resíduo de beneficiamento da tilápia. A tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) é hoje a espécie mais popular no Brasil. A tilápia é cultivada em 22 estados brasileiros e a sua produção anual está entre 30 e 40 mil t. A tilápia foi uma das primeiras espécies oriundas da aqüicultura a ser beneficiada, sendo atualmente comercializada na forma de filés congelados, tecnologia emergente, porém com rendimento de cerca de 30%. Com isso, há necessidade de se transformar o resíduo gerado com o beneficiamento do filé em subprodutos, diminuindo o impacto ambiental. A silagem foi elaborada após homogeneização em cutter e acidificação da biomassa com 3% de ácido fórmico: propiônico...

Perfil de ácidos graxos do leite e metabolismo de lipídios no rúmen de vacas recebendo dietas com alto ou baixo teor de concentrado e óleo de soja ou de peixe; Milk fatty acid profile and lipid metabolism in the rumen of dairy cows fed diets with high or low level of concentrate and soybean or fish oil

Leite, Laudi Cunha
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.19%
Os objetivos deste trabalho foram avaliar os efeitos do teor de concentrado em dietas com óleo de soja ou peixe sobre o consumo, a produção e composição do leite, digestibilidades aparentes total e ruminal e sobre os perfis de ácidos graxos no omaso e na gordura do leite de vacas leiteiras. Foram utilizadas quatro vacas da raça Holandesa, com cânulas ruminais, 109 ± 10 dias em lactação, produção média de 31,24 ± 8,57 kg de leite e peso médio de 652 ± 37 kg, no início do experimento. Foi utilizado o delineamento experimental em Quadrado Latino 4x4, com períodos de 21 dias, sendo os 14 primeiros para adaptação e os sete últimos para colheita de amostras, com arranjo fatorial (2x2) dos tratamentos. Os tratamentos foram dietas totais misturadas, contendo silagem de milho, suplementadas com baixos (40%) ou altos (60%) teores de concentrado e com 2% de óleo de soja ou de peixe na matéria seca (MS). Não houve da interação entre a fonte de óleo e o teor de concentrado para a maioria das variáveis estudadas. A presença do óleo de peixe na dieta reduziu o consumo de MS (18,77 x 14,16 kg/d, respectivamente para óleo de soja e peixe - todos os demais dados estão na mesma ordem), as produções de leite (28,72 x 24...

Desempenho e digestibilidade dos nutrientes em cordeiros alimentados com dietas contendo silagem de resíduos de peixe

Yamamoto, Sandra Mari; Silva Sobrinho, Américo Garcia da; Vidotti, Rose Meire; Homem Junior, Antonio Carlos; Pinheiro, Rafael Silvio Bonilha; Buzzulini, Carolina
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1131-1139
POR
Relevância na Pesquisa
66.28%
Foram utilizados 36 cordeiros 7/8 Ile de France 1/8 Ideal (18 machos e 18 fêmeas) com peso corporal inicial de 17,90 ± 1,27 kg alimentados com as dietas: controle; SRPAD - com 8% de silagem de resíduo do processamento de tilápia (Oreochromis niloticus); e SRPAM - com 8% de silagem de resíduo do processamento de peixe-sapo (Lophius gastrophisus). As silagens de resíduos de peixes substituíram parcialmente o farelo de soja e, como volumoso, utilizou-se silagem de milho (40%). Os cordeiros foram mantidos em baias individuais, com controle do alimento fornecido e das sobras e pesagem a cada 14 dias até atingirem 32 kg, quando foram realizadas as medidas biométricas. Paralelamente, foram realizados ensaios de digestibilidade e de metabolismo utilizando-se 12 cordeiras 7/8 Ile de France 1/8 Ideal para determinação dos coeficientes de digestibilidade da MS, MO, PB, EE, FDN e CT e do balanço de nitrogênio das dietas experimentais. O consumo de MS e o ganho médio diário não foram influenciados pelas dietas e pelo sexo e apresentaram médias de 891,83 e 240,26 g/dia, respectivamente. Entretanto, a conversão alimentar dos cordeiros alimentados com as dietas com SRPAM foi pior (4,04) em relação à daqueles alimentados com as dietas controle (3...

Produção e caracterização da silagem ácida elaborada em duas condições térmicas com resíduos do enlatamento de sardinha

Silva, Maria Fernanda Oliveira da
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 64 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
66.17%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Aquicultura, Florianópolis, 2013.; A silagem de pescado é uma alternativa proteica no fabrico de rações para aquicultura. Entretanto, supõe-se que a composição e qualidade da silagem podem variar dependendo da temperatura prevalente por ocasião da sua preparação. Para testar esta hipótese, comparou-se a composição nutricional da silagem ácida elaborada com resíduos do enlatamento de sardinha produzida no verão, com temperatura média do sistema de 21,87±0,99ºC, com aquela produzida no inverno, a 16,93±0,70ºC. Depois de triturada a matéria-prima, foi adicionado ácido acético (10% v/p) e antioxidante BHT (2% p/p) com posterior homogeneização e acondicionamento do produto final em recipientes de polietileno, durante 30 dias. Ao final do processo foram obtidas três frações: líquida, pastosa e mineral. As estações do ano não influenciaram (P>0,05) os parâmetros microbiológicos analisados nas silagens, entretanto, a silagem produzida no verão apresentou maior concentração de aminas biogênicas, exceto a tiramina. Nas frações líquidas, a gordura foi maior (P<0,05) no inverno e a matéria mineral maior no verão; já nas frações minerais...

Silagem de peixe em ração artesanal para tilápia-do-nilo

Abimorad,Eduardo Gianini; Strada,Wilson Luiz; Schalch,Sérgio Henrique Canelo; Garcia,Fabiana; Castellani,Daniela; Manzatto,Marcelo da Rocha
Fonte: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira Publicador: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.31%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o emprego de ração artesanal à base de silagem de resíduo da filetagem de pescado na criação de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus). Dois mil e setenta juvenis de tilápia revertidos (83,1 g) foram distribuídos em seis viveiros escavados com 230 m² cada um, na densidade de estocagem de 1,5 peixe por metro quadrado, em delineamento inteiramente casualizado com dois tratamentos (ração artesanal e ração comercial) e três repetições. Foram analisados os parâmetros de desempenho produtivo (sobrevivência, ganho em peso, conversão alimentar aparente, taxa de crescimento específico e coeficiente de variação do peso final), as variáveis de qualidade da água (oxigênio dissolvido, transparência e fósforo e nitrogênio total), o custo de arraçoamento e a composição corporal. Não houve diferença significativa entre as rações para os parâmetros de desempenho produtivo. Verificou-se maior eutrofização da água dos viveiros onde os peixes receberam ração artesanal. O custo por quilograma de peixe produzido com ração artesanal (R$ 1,07) foi aproximadamente 42% menor que o de peixe produzido com ração comercial (R$ 1,86). Os peixes alimentados com ração artesanal tiveram teor de lipídios significativamente menor na carcaça.

Desempenho de alevinos de jundiá alimentados com silagem de rejeito de peixe

Enke,Dariane Beatriz Schoffen; Lopes,Paulo Rodinei Soares; Britto,Aline Conceição Pfaff de; Rocha,Cleber Bastos; Pouey,Juvêncio Luiz Osório Fernandes
Fonte: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira Publicador: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
76.15%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho zootécnico de alevinos de jundiá, alimentados com silagem de rejeitos de pescado, em substituição ao farelo de soja e à levedura de cana. Durante 35 dias, 375 alevinos de jundiá com peso inicial de 1,73±0,17 g, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, foram avaliados em cinco tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos consistiram de inclusão de silagem de pescado a 0, 12,5, 25, 37,5 e 50%. Todos os parâmetros zootécnicos avaliados, exceto o fator de condição, mostraram que a substituição do farelo de soja e da levedura pela silagem de rejeito de pescado melhora o desempenho produtivo de alevinos de jundiá.

Composição físico-química e valores energéticos de farinhas de silagem de peixe para frangos de corte

Oliveira,C.R.C.; Ludke,M.C.M.M.; Ludke,J.V.; Lopes,E.C.; Pereira,P.S.; Cunha,G.T.G.
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
96.46%
Objetivou-se determinar a composição físico-química, os valores energéticos e os coeficientes de digestibilidade de quatro farinhas de silagem de peixe para frangos de corte. Foram produzidas quatro farinhas de silagem de peixe, utilizando-se o resíduo da filetagem de tilápias ensilado com diferentes fontes de carboidratos fermentáveis. Analisou-se a composição físico-química das silagens, e, em seguida, um ensaio de metabolismo com 180 pintos machos da linhagem Cobb de 14 a 25 dias de idade. Também foram avaliados o tempo de trânsito gastrintestinal das rações e o desempenho das aves nas gaiolas. Os animais foram distribuídos em delineamento inteiramente ao acaso, com cinco tratamentos, seis repetições e seis aves por unidade experimental. Os tratamentos consistiram de uma dieta referência e de quatro dietas teste compostas de 60% da ração referência e 40% do resíduo da filetagem de tilápia ensilado com diferentes fontes de carboidratos, sendo a farinha de silagem de peixe com o farelo de algaroba (SFA), com a farinha de varredura de mandioca (SFVM), com o farelo de milho (SFM) e com a casca da mandioca (SCM). A SFM obteve o maior teor de PB...

Substituição da farinha de peixe pela silagem de peixe na alimentação de girinos de rã-touro (Rana catesbeiana)

Secco,Edney Murillo; Stéfani,Marta Verardino De; Vidotti,Rose Meire
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2002 PT
Relevância na Pesquisa
106.51%
O presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da substituição da farinha de peixe por diferentes tipos de silagens de peixe na alimentação de girinos de rã-touro. Foram testadas cinco dietas experimentais: D0-100% de farinha de peixe (FP); D1-50% FP e 50% silagem ácida de resíduo da filetagem de tilápia (RTA); D2-100% RTA; D3- 50% FP e 50% silagem ácida de descarte de peixe inteiro de água doce (ADA) e D4-100% ADA, com quatro repetições por tratamento num delineamento inteiramente casualizado. Os parâmetros analisados, tanto para desempenho dos girinos como para composição corporal, indicaram que os melhores resultados foram obtidos quando os girinos receberam as dietas D0, D1 ou D3, as quais não diferiram estatisticamente entre si. Estes resultados indicam que a farinha de peixe em dietas para girinos pode ser substituída em até 50% por silagem ácida de resíduo da filetagem de tilápia como por silagem ácida de descarte de peixe inteiro de água doce.

Silagem de resíduos da filetagem de tilápia do nilo (Oreochromis niloticus), com ácido fórmico - análise Bromatológica, físico-química e microbiológica

Oliveira,Marinez Moraes de; Pimenta,Maria Emília de Sousa Gomes; Camargo,Antônio Cléber da Silva; Fiorini,João Evangelista; Pimenta,Carlos José
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
76.28%
O experimento avaliou o valor nutritivo da silagem ácida da filetagem da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus Linneaus, 1758), visando sua utilização em substituição à farinha de peixe na alimentação de organismo aquático. A silagem consistiu de resíduos da filetagem de tilápia (carcaça) e 3% de ácido fórmico, armazenada em temperatura ambiente (máxima média de 21,5ºC) e temperatura mínima média de 15ºC, por trinta dias, em baldes de polietileno com um orifício, por onde os gases saiam. O pH foi monitorado no 1º, 15º e 30º dia. Foram realizadas análises microbiológicas para contagem total de microrganismos e coliformes a 35ºC e 45ºC. O pH apresentou média de 3,95 ao final dos 30 dias. Nas análises microbiológicas observou-se a ausência de coliformes a 45ºC e, que a quantidade de microrganismos diminuiu gradativamente. Do ponto de vista microbiológico, a silagem ácida de resíduo da filetagem de tilápia mostrou-se como alimento alternativo viável para a alimentação animal.

Caracterização química e perfil aminoácidico da farinha de silagem de cabeça de camarão

Guilherme,Ricardo de Figueiredo; Cavalheiro,José Marcelino Oliveira; Souza,Petrônio Augusto Simão de
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
76.31%
O desenvolvimento crescente da Piscicultura vem necessitando estudos sobre a melhor forma de utilização das rações, visto que estas podem elevar o custo de produção de 50 a 80%. Devido à escassez e o elevado preço de tais fontes protéicas (farinhas de osso e carne com a farinha de peixe) e visando a farinha de silagem de cabeça de camarão como uma alternativa em potencial, com esta pesquisa objetivou-se estudar elaboração, caracterização química e o perfil dos aminoácidos da farinha de silagem de cabeça de camarão, visando atender as exigências nutricionais de aminoácidos na alimentação de peixes cultivados. A pesquisa foi desenvolvida no Laboratório de Desenvolvimento de Produtos Pesqueiros - LDPP - do Departamento de Tecnologia e Química de Alimentos, da UFPB. A farinha de silagem de cabeça de camarão foi elaborada após diversos processos, e depois realizadas as análises químicas (composição centesimal) e dosagem de cálcio e ferro, as amostras foram analisadas em triplicatas. A análise da composição de aminoácidos da farinha de silagem de cabeça de camarão foi realizada em um Cromatógrafo Líquido de Alta Eficiência, sendo encontrado em maior quantidade os aminoácidos valina e arginina. As cabeças de camarão...

Silagem de resíduo de peixes em dietas para alevinos de tilápia-do-nilo

Carvalho,Gleidson Giordano Pinto de; Pires,Aureliano José Vieira; Veloso,Cristina Mattos; Silva,Fabiano Ferreira da; Carvalho,Bruna Mara Aparecida de
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
96.4%
O experimento foi realizado para se avaliar a composição química da silagem de resíduos de peixe acrescida de 30% de farelo de trigo e o desempenho de alevinos de tilápia-do-nilo, recebendo níveis de 0, 10, 20 e 30% desta silagem na dieta. Utilizaram-se resíduos do filetamento de tilápia-do-nilo, que foram picados manualmente, moídos, aquecidos durante 15 minutos a 105°C. Após este processo, o material foi misturado a 30% de farelo de trigo em relação ao peso total do resíduo e armazenado em silos plásticos com capacidade para 20 L durante 30 dias. Foram determinados os teores de MS, PB, EE, cinzas, Ca e P, o potencial hidrogeniônico e o nitrogênio amoniacal da silagem e avaliados os efeitos de sua inclusão sobre o ganho de peso diário, a conversão alimentar aparente e a taxa de eficiência protéica. Não foi observada diferença significativa sobre os parâmetros avaliados. Resíduos do filetamento de tilápia-do-nilo adicionados de 30% de farelo de trigo resultam em silagem de boa qualidade e com potencial para utilização na alimentação de peixes. A inclusão desta silagem na alimentação de alevinos de tilápia em níveis de até 30% não causa prejuízos no desempenho dos animais.

Desempenho e digestibilidade dos nutrientes em cordeiros alimentados com dietas contendo silagem de resíduos de peixe

Yamamoto,Sandra Mari; Silva Sobrinho,Américo Garcia da; Vidotti,Rose Meire; Homem Junior,Antonio Carlos; Pinheiro,Rafael Silvio Bonilha; Buzzulini,Carolina
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.28%
Foram utilizados 36 cordeiros 7/8 Ile de France 1/8 Ideal (18 machos e 18 fêmeas) com peso corporal inicial de 17,90 ± 1,27 kg alimentados com as dietas: controle; SRPAD - com 8% de silagem de resíduo do processamento de tilápia (Oreochromis niloticus); e SRPAM - com 8% de silagem de resíduo do processamento de peixe-sapo (Lophius gastrophisus). As silagens de resíduos de peixes substituíram parcialmente o farelo de soja e, como volumoso, utilizou-se silagem de milho (40%). Os cordeiros foram mantidos em baias individuais, com controle do alimento fornecido e das sobras e pesagem a cada 14 dias até atingirem 32 kg, quando foram realizadas as medidas biométricas. Paralelamente, foram realizados ensaios de digestibilidade e de metabolismo utilizando-se 12 cordeiras 7/8 Ile de France 1/8 Ideal para determinação dos coeficientes de digestibilidade da MS, MO, PB, EE, FDN e CT e do balanço de nitrogênio das dietas experimentais. O consumo de MS e o ganho médio diário não foram influenciados pelas dietas e pelo sexo e apresentaram médias de 891,83 e 240,26 g/dia, respectivamente. Entretanto, a conversão alimentar dos cordeiros alimentados com as dietas com SRPAM foi pior (4,04) em relação à daqueles alimentados com as dietas controle (3...

Silagem de peixe em ração artesanal para tilápia-do-nilo.

ABIMORAD, E.G.; STRADA, W.L.; SCHALCH, S.H.C.; GARCIA, F.; CASTELLANI, D.; MANZATTO, M. da R.
Fonte: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v.44, n. 5, p. 519-525, maio 2009. Publicador: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v.44, n. 5, p. 519-525, maio 2009.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.31%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o emprego de ração artesanal à base de silagem de resíduo da filetagem de pescado na criação de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus). Dois mil e setenta juvenis de tilápia revertidos (83,1 g) foram distribuídos em seis viveiros escavados com 230 m2 cada um, na densidade de estocagem de 1,5 peixe por metro quadrado, em delineamento inteiramente casualizado com dois tratamentos (ração artesanal e ração comercial) e três repetições. Foram analisados os parâmetros de desempenho produtivo (sobrevivência, ganho em peso, conversão alimentar aparente, taxa de crescimento específico e coeficiente de variação do peso final), as variáveis de qualidade da água (oxigênio dissolvido, transparência e fósforo e nitrogênio total), o custo de arraçoamento e a composição corporal. Não houve diferença significativa entre as rações para os parâmetros de desempenho produtivo. Verificou-se maior eutrofização da água dos viveiros onde os peixes receberam ração artesanal. O custo por quilograma de peixe produzido com ração artesanal (R$ 1,07) foi aproximadamente 42% menor que o de peixe produzido com ração comercial (R$ 1,86). Os peixes alimentados com ração artesanal tiveram teor de lipídios significativamente menor na carcaça.; 2009

Silagem de resíduos da filetagem de tilápia do nilo (Oreochromis niloticus), com ácido fórmico - análise Bromatológica, físico-química e microbiológica

Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
PT
Relevância na Pesquisa
66.28%
O experimento avaliou o valor nutritivo da silagem ácida da filetagem da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus Linneaus, 1758), visando sua utilização em substituição à farinha de peixe na alimentação de organismo aquático. A silagem consistiu de resíduos da filetagem de tilápia (carcaça) e 3% de ácido fórmico, armazenada em temperatura ambiente (máxima média de 21,5ºC) e temperatura mínima média de 15ºC, por trinta dias, em baldes de polietileno com um orifício, por onde os gases saiam. O pH foi monitorado no 1º, 15º e 30º dia. Foram realizadas análises microbiológicas para contagem total de microrganismos e coliformes a 35ºC e 45ºC. O pH apresentou média de 3,95 ao final dos 30 dias. Nas análises microbiológicas observou-se a ausência de coliformes a 45ºC e, que a quantidade de microrganismos diminuiu gradativamente. Do ponto de vista microbiológico, a silagem ácida de resíduo da filetagem de tilápia mostrou-se como alimento alternativo viável para a alimentação animal.

Caracterização química e perfil aminoácidico da farinha de silagem de cabeça de camarão

Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
PT
Relevância na Pesquisa
66.31%
O desenvolvimento crescente da Piscicultura vem necessitando estudos sobre a melhor forma de utilização das rações, visto que estas podem elevar o custo de produção de 50 a 80%. Devido à escassez e o elevado preço de tais fontes protéicas (farinhas de osso e carne com a farinha de peixe) e visando a farinha de silagem de cabeça de camarão como uma alternativa em potencial, com esta pesquisa objetivou-se estudar elaboração, caracterização química e o perfil dos aminoácidos da farinha de silagem de cabeça de camarão, visando atender as exigências nutricionais de aminoácidos na alimentação de peixes cultivados. A pesquisa foi desenvolvida no Laboratório de Desenvolvimento de Produtos Pesqueiros - LDPP - do Departamento de Tecnologia e Química de Alimentos, da UFPB. A farinha de silagem de cabeça de camarão foi elaborada após diversos processos, e depois realizadas as análises químicas (composição centesimal) e dosagem de cálcio e ferro, as amostras foram analisadas em triplicatas. A análise da composição de aminoácidos da farinha de silagem de cabeça de camarão foi realizada em um Cromatógrafo Líquido de Alta Eficiência, sendo encontrado em maior quantidade os aminoácidos valina e arginina. As cabeças de camarão...

Influência do ensilado biológico de Peixe e do resíduo de Peixe cozido no crescimento e na composição corporal de Alevinos de Tambaqui Colossoma macropomum (Cuvier, 1818)

PADILLA-PÉREZ,Palmira; PEREIRA-FILHO,Manoel; MORI-PINEDO,Luís Alfredo; de OLIVEIRA-PEREIRA,Maria Inês
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2001 PT
Relevância na Pesquisa
86.04%
Resíduos de fíletagem de piramutaba (Brachyplatystoma vaillantii), foram submetidos a dois diferentes processamentos, o cozimento após moagem, e a ensilagem biológica. Os materiais resultantes destes processamentos foram testados através do desempenho e da composição corporal de alevinos de tambaqui (Colossoma macropomum). Foram elaboradas quatro rações com teores de proteína de 24,7 a 27,0% e energia bruta entre 438,9 e 445,4 Kcal/l00g de ração. O experimento foi conduzido em 20 tanques de cimento-amianto com capacidade para 250 litros, cada um estocado com 12 alevinos, com comprimento padrão médio de 10,3 cm e peso médio de 27,4 g. Os alevinos foram alimentados duas vezes ao dia à razão de 3% da biomassa e pesados a cada 28 dias. Análises bromatológicas no início e no final do experimento determinaram a composição corporal dos peixes. As análises de variância dos dados obtidos não evidenciaram influência significativa (P>0,05) dos tratamentos sobre os parâmetros estudados.

Processamento, caracterização quimica e avaliação nutricional da despesca da Tilapia no Nilo (Oreochromis (Oreochromis) niloticus, Linnaeus) em dietas experimentais com ratos

Ronaldo de Oliveira Sales
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 11/12/1995 PT
Relevância na Pesquisa
66.27%
O presente trabalho teve como objetivo estudar propriedades nutricionais da silagem de tilápia do Nilo (Oreochromis (Oreochromis)niloticus, Linnaeus), através da sua caracterização química e avaliação nutricional com ensaios biológicos em ratos. A silagem foi preparada com 100% da despesca pela trituração dos peixes inteiros, sem a retirada das escamas, barbatanas, guelras e vísceras, pela adição de 3 % do peso do triturado de ácido fórmico a 90%" até a completa liquefação da mistura. A silagem foi armazenada em temperatura ambiente por 180 dias e monitorada através de análises químicas quinzenais. Foram realizadas as seguintes determinações: a) da composição química proximal, que não mostrou diferenças significativas (p > 0,05) entre os tratamentos para as variáveis umidade, proteína, lipídios e cinzas; b) do pH da silagem, que situou-se na faixa de 3,8 durante todo período de armazenagem; c) do aumento do grau de autólise medido pela degradação protéica com o aumento dos" solúveis totais", nitrogênio não-protéico, nitrogênio alfa-amínico e da produção de NH3 durante os primeiros 90 dias de armazenagem; d) do aumento significativo do teor de malonaldeído durante todo o curso da armazenagem; e) das bases voláteis totais que demonstraram progressão lenta no processo de acordo com o período de armazenagem; t) da caracterização nutricional...

O uso da silagem de subprodutos da filetagem de peixe na alimentação de suínos em crescimento parâmetros séricos; The use of fish silage in diets for growing pigs serum of parameters

Godoy, Heloisa Baleroni Rodrigues de; Landell Filho, Luiz de Carvalho; Sobrinho, Evaristo Bianchini; Godoy, Marcelo Marcondes de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 POR
Relevância na Pesquisa
96.27%
Para avaliar a resposta de suínos em crescimento a inclusão na ração, de níveis crescentes (0, 3,0 e 6,0%) de silagem de subprodutos da filetagem de peixe (SSFP), foram avaliados os parâmetros séricos, uréia, ácido úrico, proteína total, triglicerídeos, colesterol total e lipoproteínas (LDL, VLDL e HDL). Utilizaram-se 18 leitoas da raça Moura e mestiças Duroc x Moura, com peso médio de 24,0 ± 3,0 kg e idade média de 70 dias e 18 leitões da raça Moura e mestiços Duroc x Moura, com peso médio de 31,5 ± 5,0 kg e idade média de 90 dias, em delineamento ao acaso com 3 tratamentos ( 0%, 3,0% e 6,0% de SSFP). Pelos resultados obtidos nos dois experimentos, pode-se concluir que a adição de até 6,0% de SSPF na dieta de suínos em crescimento, não afetou os parâmetros séricos avaliados mesmo com alterações encontradas nas concentrações de uréia plasmática em ambos os experimentos, todos os parâmetros encontraram-se dentro dos teores normais recomendados pela literatura.; The study was carried out to evaluate the inclusion of increasing levels (0, 3,0 and 6.0%) of fish silage (SSFP), in the ration. The parameters studied were urea, uric acid, total protein, triglycerides, total cholesterol and lipoproteins (LDL...

Histologia e histoquímica do intestino anterior de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) alimentadas com dietas contendo silagem de peixe; Histology and histochemical the medium intestine in Nile tilapia (Oreochromis niloticus) fed diets with fish silage

Honorato, Claucia Aparecida; Cruz, Claudinei da; Carneiro, Dalton José; Machado, Márcia Rita Fernandes
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2011 POR
Relevância na Pesquisa
106.36%
O objetivo deste trabalho foi avaliar a histologia e a histoquímica do intestino anterior de tilápia do Nilo alimentadas com dietas contendo farinha de peixe ou silagem de peixe como fonte de proteína de origem animal. A espessura da vilosidade intestinal dos peixes alimentados com silagem fermentada de resíduo de tilápia foi influenciada pelos teores proteicos, independente das proporções de proteína de origem animal das dietas. Observou-se que a variação da intensidade de secreção de glicoproteínas pelas células caliciformes está diretamente ligada com o tipo de dieta fornecida aos animais. O intestino médio de Oreochromis niloticus apresentou diferenças no padrão de secreção de muco glicoproteico neutro, glicoproteínas ácidas e glicoconjugados, dependendo da origem da proteína e da porcentagem utilizada na dieta, demonstrando que esta espécie pode adaptar seu sistema de secreção para a proteção do aparelho digestório durante a absorção de diferentes fontes proteicas.; This work was carried out to evaluate the action of the fermented fish silage and fish meal in the histochemical of the middle intestine of O. niloticus. A great epithelium intestinal was present in fishes fed with fish silage, independent of the animal origin protein proportions in diets. It was observed that the variation of the goblet cells secretion glicoproteic intensity is linked directly to the diet supplied to animals. The middle intestine of Oreochromis niloticus showed differences in the neutral mucus glicoproteic...