Página 1 dos resultados de 147 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

Análise sócio-ambiental da bacia do rio Biguaçu-SC: subsídios ao planejamento e ordenamento territorial; Socio-environmental analysis of Biguaçu River Basin - SC: subsides to the planning and territorial ordaining

Silva, Vicente Rocha
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/09/2007 PT
Relevância na Pesquisa
26.36%
O estudo "Análise sócio-ambiental da bacia do Rio Biguaçu - SC: subsídios ao planejamento e ordenamento territorial" objetiva a análise integrada de informações de aspectos naturais e sócio-econômicos, que permitam o entendimento na perspectiva geográfica para fins de planejamento territorial ambiental. A área da bacia é de 389,7 km2, compreendendo todo o município de Antônio Carlos e grande parte do município de Biguaçu. A geologia é formada pelos terrenos pré-cambriano e cobertura sedimentar cenozóica de origem fluvial e marinha. Na geomorfologia, o embasamento cristalino corresponde ao modelado de dissecação (75,97% da área total da bacia) e os depósitos quaternários são representados pelo modelado de acumulação (24,03% do total da bacia). Os solos dominantes são os cambissolos, seguidos dos argissolos vermelho-amarelos, gleissolos e neosssolos. A vegetação típica é a mata atlântica, sendo dominante a vegetação secundária (capoeirões e capoeiras). Foram produzidos nove mapas temáticos: hipsométrico, clinográfico, geológico, unidades do relevo, solos, ocupação e uso da terra, fragilidade ambiental, legislação ambiental e zoneamento ambiental, todos na escala original 1: 50.000. Os problemas ambientais levantados na pesquisa foram: ausência de mata ciliar ao longo dos rios em áreas de preservação permanente...

Planejamento ambiental da APA Cabuçu-Tanque Grande Guarulhos-SP; Environmental planning APA Cabuçu - Tanque Grande Guarulhos-SP

Andrade, Marcio Roberto Magalhães de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.34%
Esta tese apresenta uma proposta básica de planejamento para a Área de Proteção Ambiental do Cabuçu-Tanque Grande que compõe par te do mosaico de unidades de conservação, associadas a zona de amortecimento do Parque Estadual da Cantareira, uma das zonas núcleo integrante da Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo. A metodologia para sua elaboração foi baseada em fundamentos de geografia física e métodos de análise geoambiental. Foi realizada a integração de informações referentes ao meio físico, uso do solo e aspectos legais, mediante compliação bibliográfica e cartográfica, montagem de banco de dados espaciais, levantamento de ca mpo, interpretação de i magens de sensor es remotos e modelos digitais do terreno e, procedimentos de cartografia geotécnica auxiliados por SIG. A região apresenta um relevo de morros e montanhas resultante de uma geologia complexa, prevalecendo uma elevada fragilidade geoambiental, decorrente de suas características geomorfológicas. O histórico da região revela um processo de franca expansão urbana sobre terras rurais, decorrente da vigorosa dinâmica metropolitana e da proximidade com o centro de Guarulhos. A área de estudo foi subdividida em faixas hipsométricas analisadas em função da organização espacial do uso do solo e de áreas mais preservadas. O zoneamento proposto estabelece a utilização das cotas altimétricas 800 e 900 m delimitando assim três zonas principais...

Plano diretor de drenagem urbana em cidades planejadas: premissa de zoneamento baseado no risco de contaminação da água subterrânea.; Urban drainage master plan for planned cities: zonning premise based on risk of groundwater contamination.

Rocha, Cáren Izabel Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
26.39%
Analisando o potencial risco de contaminação das águas devido à falta de planejamento e de gestão integrada dos recursos hídricos, o trabalho desenvolvido, intitulado PLANO DIRETOR DE DRENAGEM URBANA EM CIDADES PLANEJADAS: Premissa de Zoneamento Baseado no Risco de Contaminação da Água Subterrânea, propõe que os Planos Diretores Municipais sejam elaborados visando à preservação quali-quantitativa não somente das águas superficiais, mas também das subterrâneas. Para isso, a pesquisa sugere técnicas de zoneamento urbano e adoção de alternativas de Drenagem BMPs (Best Management Practices) baseadas no risco de contaminação das águas subterrâneas, apresentadas como premissa na elaboração de Planos Diretores de Drenagem Urbana para cidades planejadas. Assim, o zoneamento de áreas urbanas foi analisado de forma a minimizar a contaminação de aquíferos, tanto pelo uso direto, quanto pela poluição difusa provocada pela precipitação. Servindo, de tal modo, como premissa na determinação das alternativas estruturais e não-estruturais a serem adotadas, principalmente quanto à adoção de dispositivos de drenagem com infiltração no solo. A análise integrada do mapa de vulnerabilidade existente (CPRM, 2001) com o Mapa de Fontes Potenciais de Contaminação...

Zoneamento ecológico-econômico versus planos de recursos hídricos, com aplicação na região norte do estado do Tocantins

Magalhães, Danielle Soares
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
26.36%
No Brasil, particularmente nas últimas décadas, um considerável número de instrumentos de políticas foram criados, para uma melhor gestão dos recursos naturais do país. Dentre os instrumentos, destacam-se o Zoneamento Ecológico-Econômico e os Planos de Recursos Hídricos, ambos de políticas ambientais distintas, porém com objetivos, em partes, semelhantes, ao proporem, em seu escopo, a criação de áreas sujeitas à restrição de uso para uma melhor gestão do território e dos recursos hídricos, respectivamente. Diante da problemática de dinamizar o planejamento ambiental, este trabalho tem como objetivo analisar a efetividade de ambos os instrumentos de políticas ao considerar o efeito das proposições dos usos do solo sobre a disponibilidade quantitativa dos recursos hídricos de uma bacia. Para testar a efetividade dos instrumentos será desenvolvido um caso de estudo na região norte do Estado do Tocantins, especificamente nas bacias dos rios Lontra e Corda, inseridas no sistema hidrográfico do rio Araguaia. As bacias foram selecionadas por possuírem elaborados um plano de Zoneamento Ecológico-Econômico e um Plano de Bacia Hidrográfica, a serem implantados em uma mesma área. Os rios das bacias em apreço apresentam uma considerável interação com os recursos hídricos subterrâneos...

Os zoneamentos de uso do solo como fatores de impacto regional : o caso do Litoral Norte do Rio Grande do Sul

Ilgenfritz, Maria da Graça Dutra
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
26.34%
Esta dissertação tem como objetivo investigar os zoneamentos do uso do solo propostos pelos planos diretores municipais a partir da Lei Federal 10.257/01 conhecida como o Estatuto da Cidade e os seus reflexos no espaço territorial regional. A expansão urbana e os possíveis comprometimentos no espaço regional podem gerar impactos urbanos e ambientais negativos na ausência de um planejamento integrado previsto nos planos diretores municipais. Soma-se a isso a pré-existência consolidada onde os zoneamentos mapeados não consideram as probabilidades de reversão e controle de cenários atuais bem como a dificuldade em prospectar cenários futuros melhores para determinada região, no caso o Litoral Norte do Rio Grande do Sul. Não tendo encontrado metodologia correlata a ser aplicada na pesquisa, o estudo baseou-se na análise comparativa entre os zoneamentos de uso do solo aplicados aos limites físico-territoriais entre três municípios da região do litoral: Osório, Tramandaí e Imbé.. A pesquisa revelou que o planejamento regional integrado de planos, programas e ações dos planos diretores possui baixa aplicabilidade, sendo praticamente inexistente nos textos analisados. Os zoneamentos de uso do solo entre as fronteiras municipais...

Analise geoambiental com enfase aos setores de encosta da area urbana do municipio de São Vicente-SP; Geographic environmental analysis of hillside sections in the urban area of mucipality of São Vicente-SP

Raul Reis Amorim
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
26.36%
Os estudos ambientais têm revelado, sobretudo nas últimas décadas um caráter interdisciplinar nas pesquisas pautadas sobre a dinâmica dos agentes naturais frente à crescente pressão de uso dos espaços, materializadas por conflitos de diversas ordens, sejam esses, históricos, políticos, culturais, religiosos, em fins, relações humanas que se estruturam sobre o território e impõem a esse espaço níveis diversos de interferência no mecanismo natural pré existente. Nesse contexto, entender as relações das sociedades humanas com a natureza, dentro de uma perspectiva absolutamente dinâmica dos aspectos culturais, sociais, econômicos e naturais exige adotar-se um procedimento analítico que leve em consideração a sociedade nos seus diversos estágios de desenvolvimento, fato que remete a uma visão holística da organização do espaço. Sendo assim, a Ciência Geográfica tendo como objeto de análise a complexa relação homem-meio, possibilita sob um olhar crítico a realização de estudos ambientais integrados de maneira a dar suporte técnico científico para a elaboração de estudos como aqueles relacionados ao zoneamento ambiental que podem estar inseridos nas políticas públicas contribuindo no planejamento e tomada de decisão. Considerando o exposto...

Zoneamento geoambiental da região da baixada santista-SP como subsídio ao uso e ocupação das terras; Geoenvironmental zoning of Baixada Santista-SP region as subsidy for the use and ocupattion of land

Marcelo da SilvaGigliotti
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/08/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.26%
As regiões litorâneas constituem áreas de grande fragilidade e vulnerabilidade devido aos processos naturais predominantes, sendo, portanto, áreas muito instáveis. A intensa intervenção antrópica em zonas de tamanha fragilidade vem maximizar os níveis de instabilidade dos sistemas naturais promovendo situações de risco associados, por exemplo, a processos gravitacionais de movimentos de massa e mesmo a enchentes e inundações. A Região Metropolitana da Baixada Santista está inserida sobre uma estrutura de relevo bastante complexa, apresentando duas dinâmicas distintas, uma relacionada à zona de Serrania com altos índices de declividade, podendo chegar aos 45°graus, suscetível a processos gravitacionais relacionados a movimento de massa. A outra dinâmica observada é aquela associada a zonas de planícies costeiras, sujeitas a inundações periódicas, com lençol freático pouco profundo e sedimentos inconsolidados sujeitos a acomodações constantes. Em virtude do cenário, este trabalho tem como proposta a execução de um estudo de Zoneamento Geombiental para a totalidade da Região da Baixada Santista- SP, utilizando a metodologia proposta por Rodriguez, Silva e Cavalcanti (2002) da Geoecologia da Paisagem. Por meio do levantamento e análise de dados do quadro natural e sócio-econômico...

Análise geoambiental como subsídio ao planejamento no uso e ocupação das terras da zona costeira da região Costa do Descobrimento (Bahia); Analysis geoenvironmental as subsidy to the planning to use and occupation of land of the Coastal Zone of Discovery Cost Region (Bahia)

Raul Reis Amorim
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/03/2011 PT
Relevância na Pesquisa
26.36%
O estudo ambiental tem revelado sobretudo nas últimas décadas, um caráter interdisciplinar nas pesquisas pautadas sobre a dinâmica dos agentes naturais, frente à crescente pressão de uso do espaço, materializada por conflitos de diversas ordens, sejam esses, históricos, políticos, culturais, religiosos, enfim, relações humanas que se estruturam sobre o território e impõem a esse espaço níveis diversos de interferência no mecanismo natural preexistente. Nesse contexto, entender as relações das sociedades humanas com a natureza, dentro de uma perspectiva absolutamente dinâmica, que envolve os aspectos culturais, sociais, econômicos e naturais, exige adotar um procedimento analítico que leve em consideração a sociedade nos seus diversos estágios de desenvolvimento, e remeta a uma visão holística da organização do espaço. Sendo assim, a ciência geográfica, tendo como objeto de análise o espaço geográfico, possibilita, sob um olhar crítico, a realização de estudos ambientais integrados, de maneira a dar suporte técnico científico para a elaboração de estudos como aqueles relacionados ao zoneamento ambiental, que podem estar inseridos nas políticas públicas, contribuindo no planejamento e tomada de decisão. Considerando o exposto...

Zoneamento geoambiental da região do litoral sul do Estado de São Paulo como subsídio ao uso e ocupação das terras : um estudo de caso dos municípios de Iguape, Ilha Comprida e Cananéia; Geoenvironmental zoning of the South Coast Region of the State of São Paulo as a subsidy to the use and occupation of the land : a case study of the municipalities of Iguape, Ilha Comprida e Cananéia

Rene Lepiani Dias
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/02/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.26%
As regiões litorâneas no território brasileiro caracterizam-se pela dinâmica dos processos naturais associados à conformação do relevo que podem vir a representar zonas de risco à ocorrência de eventos tais como movimento gravitacional ou enchentes. O intenso processo de ocupação humana ao longo do tempo assistida nessas áreas vem fragilizar em muito a organização de todo o sistema natural que rege esses espaços resultando em quadros catastróficos. Em virtude da fragilidade ambiental e a pressão de uso das terras observado na região do litoral Sul do Estado de São Paulo este trabalho tem como proposta a execução de um estudo de Zoneamento Geoambiental para a região dos municípios que ocupam a área do Litoral Sul do Estado de São Paulo mais especificamente aqueles localizados na zona de influência costeira, como os municípios de Iguape, Ilha Comprida e Cananéia, utilizando a metodologia proposta por Rodriguez, Silva e Cavalcanti (2004) da Geoecologia da Paisagem. Através do levantamento e análise de dados do quadro natural e sócio-econômico, pretende-se definir o quadro de unidades geoambientais da área de estudo em escala 1:100.000 como produto final. Considera-se que os resultados deste trabalho possam auxiliar na discussão do planejamento territorial de uso da terra que leve em consideração a conformação e dinâmica da paisagem como prerrogativa no estabelecimento de normas de uso e ocupação visando minimizar o quadro de impactos ambientais observados. Além disso...

Zoneamento ambiental do Município de Ilhéus (BA) : uma análise sistêmica; Zoning environmental Ilhéus (BA) : proposed land use and occupation of the land

Itatiana Cláudia Barbosa Araujo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/01/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.39%
O município de Ilhéus, situado na Costa do Cacau no sul do Estado da Bahia, apresenta ricos ecossistemas terrestres e aquáticos, incluindo praias arenosas, manguezais, restingas entre outros. Esta região encontrase em permanente transformação, constituindo um ambiente dinâmico e complexo, que sofre influência direta dos agentes oceanográficos, fluviais, meteorológicos e da ação humana através, do turismo, tornando se alvo de especulação imobiliária, instalação de projetos industriais, obras de engenharia, empreendimento portuário, entre outros, podendo levá-la a constantes modificações em sua estrutura sócio-ambiental, pois a partir de 1975 a área de estudo sofreu significativas transformações em razão das alterações tanto na zona continental pelo aumento do processo de urbanização, como no limite de costa que obedece a uma mudança na recepção dos fluxos continentais acrescidos pela instalação portuária. Neste contexto, a aplicação de um zoneamento ambiental para totalidade do município de Ilhéus, justificase na busca de um maior entendimento dos mecanismos que regem os sistemas ambientais. Tendo como perspectiva apontar zonas que apresentem características diversas de funcionamento e que podem vir a apresentar comportamento conflitante quando associado a usos inadequados podendo definir quadros de impactos ambientais. O estudo dessa natureza pode vir a auxiliar na tomada de decisões quanto ao uso e ocupação das terras...

Zoneamento geoambiental como subsídio ao Gerenciamento Costeiro do Litoral Norte do Estado de São Paulo; Geoenvironmental zoning as subsidy for Coastal Management of the North Coast of São Paulo

Ana Luisa Pereira Marçal Ribeiro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.26%
O ambiente costeiro está em constante transformação, sendo este um ambiente de significativa dinâmica e fragilidade, constituindo áreas de grande vulnerabilidade devido aos processos naturais predominantes, sendo, portanto, uma área naturalmente instável. Há na zona costeira brasileira uma significativa ação antrópica datada de muito tempo, que foi acentuada após o início do processo de colonização no litoral do país. Dentro deste contexto, a questão dos impactos antrópicos nesse sistema natural torna-se de grande importância. Em função da fragilidade ambiental e a pressão do uso da terra observadas na região do Litoral Norte do estado de São Paulo, o presente trabalho realizou um estudo de zoneamento geoambiental para os municípios de Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba, em escala 1:100000, por meio da Geoecologia das Paisagens em uma metodologia proposta por Rodriguez, Silva e Cavalcanti (2007), que buscou analisar os aspectos naturais e antrópicos, definindo unidades geoambientais e o estado ambiental das diferentes regiões na área de estudo, para que os resultados pudessem servir como auxílio para o Gerenciamento Costeiro.; The coastal environment is constantly changing, and this is a dynamic and fragil environment...

Seismotectonics zoning of Morocco and adjacent region

Chourak, M.; Ait Brahim, L.; Bezzeghoud, M.; Tadili, B.A.; Pelaez, J.A.; Hamdache, M.; Casado, C.L.; Martínez Solares, J.M.
Fonte: Copernicus Publicador: Copernicus
Tipo: Aula
ENG
Relevância na Pesquisa
26.39%
In the present work, a new seismotectonics zoning of the Morocco and adjacent region is proposed. It is supported on a new database including recent geological (active faults, slip rates, geometrical characteristics, chronology of some recent tectonic phases) and geophysical (both instrumental and historical seismicity, focal mechanisms, nature of the crust) studies. In addition, the geodynamic context of the convergence of the Africa-Europe plates in the area, going from the Atlantic Ocean to the Mediterranean Sea through the Strait of Gibraltar, has been taken into account. The newly suggested seismotectonics zoning is not limited to the borders of northern Morocco. It considers all the seismic sources (up to 400 km of distance) able to generate large and destructive earthquakes, such as the 1755 Lisbon earthquake, located in the Azores-Gibraltar transforming fault. New catalogues including the historical and instrumental seismicity since 1045 to 2005, and active faults were elaborated and used in this work. The most influential parameters having effects on the definition of the source area characteristics were determined with a suitable accuracy. The new performed zoning includes 12 shallow seismotectonics sources, each one corresponding to a certain volume of the Earth’s crust...

Land Use Zoning at the County Level Based on a Multi-Objective Particle Swarm Optimization Algorithm: A Case Study from Yicheng, China

Liu, Yaolin; Wang, Hua; Ji, Yingli; Liu, Zhongqiu; Zhao, Xiang
Fonte: MDPI Publicador: MDPI
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
26.39%
Comprehensive land-use planning (CLUP) at the county level in China must include land-use zoning. This is specifically stipulated by the China Land Management Law and aims to achieve strict control on the usages of land. The land-use zoning problem is treated as a multi-objective optimization problem (MOOP) in this article, which is different from the traditional treatment. A particle swarm optimization (PSO) based model is applied to the problem and is developed to maximize the attribute differences between land-use zones, the spatial compactness, the degree of spatial harmony and the ecological benefits of the land-use zones. This is subject to some constraints such as: the quantity limitations for varying land-use zones, regulations assigning land units to a certain land-use zone, and the stipulation of a minimum parcel area in a land-use zoning map. In addition, a crossover and mutation operator from a genetic algorithm is adopted to avoid the prematurity of PSO. The results obtained for Yicheng, a county in central China, using different objective weighting schemes, are compared and suggest that: (1) the fundamental demand for attribute difference between land-use zones leads to a mass of fragmentary land-use zones; (2) the spatial pattern of land-use zones is remarkably optimized when a weight is given to the sub-objectives of spatial compactness and the degree of spatial harmony...

Alternative Zoning Scenarios for Regional Sustainable Land Use Controls in China: A Knowledge-Based Multiobjective Optimisation Model

Xia, Yin; Liu, Dianfeng; Liu, Yaolin; He, Jianhua; Hong, Xiaofeng
Fonte: MDPI Publicador: MDPI
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
26.5%
Alternative land use zoning scenarios provide guidance for sustainable land use controls. This study focused on an ecologically vulnerable catchment on the Loess Plateau in China, proposed a novel land use zoning model, and generated alternative zoning solutions to satisfy the various requirements of land use stakeholders and managers. This model combined multiple zoning objectives, i.e., maximum zoning suitability, maximum planning compatibility and maximum spatial compactness, with land use constraints by using goal programming technique, and employed a modified simulated annealing algorithm to search for the optimal zoning solutions. The land use zoning knowledge was incorporated into the initialisation operator and neighbourhood selection strategy of the simulated annealing algorithm to improve its efficiency. The case study indicates that the model is both effective and robust. Five optimal zoning scenarios of the study area were helpful for satisfying the requirements of land use controls in loess hilly regions, e.g., land use intensification, agricultural protection and environmental conservation.

Elementos geomorfol??gicos e socioambientais com subs??dios para a elabora????o do zoneamento ecol??gico-econ??mico costeiro - ZEEC

Gandra, Tiago Borges Ribeiro
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
26.34%
Disserta????o(mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de P??s-Gradua????o em Oceanografia F??sica, Qu??mica e Geol??gica, Instituto de Oceanografia, 2008.; Este trabalho trata de dois instrumentos de suporte ?? gest??o ambiental previstos no Plano Nacional de Gerenciamento Costeiro (PNGC) - o Sistema de Informa????es Geogr??ficas Costeiras (SIGERCO) e o Zoneamento Ecol??gico-Econ??mico Costeiro (ZEEC) - utilizando o Munic??pio de Rio Grande (RS) como estudo de caso. Ele consiste na organiza????o e integra????o de dados no SIGERCO de maneira que este possa auxiliar no desenvolvimento de uma metodologia simples, flex??vel e replic??vel para a elabora????o do ZEEC. Existe uma forte demanda para que os munic??pios costeiros elaborem seus ZEEC, mas as experi??ncias anteriores utilizaram metodologias e resultados que n??o seguem os crit??rios e classes definidos pelo PNGC. Para a constru????o do ZEEC ?? necess??ria a defini????o da Unidade Ambiental de Gest??o (UAG???s) adequada. Para tal, foram compilados diversos tipos de divis??o territorial j?? realizadas na regi??o. Para a defini????o das UAG???s foi escolhida a abordagem geomorfol??gica, baseando-se em experi??ncias anteriores registradas na bibliografia. Os crit??rios definidos pelo PNGC para o ZEEC s??o subjetivos...

Proposta de zoneamento ambiental visando a proteção dos recursos hídricos de uma bacia hidrográfica

Domingos, Leandro Gomes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-graduação em Engenharia Sanitária; Saneamento Ambiental; Meio Ambiente; Recursos Hídricos e Hidráulica Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-graduação em Engenharia Sanitária; Saneamento Ambiental; Meio Ambiente; Recursos Hídricos e Hidráulica
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.13%
One of the most important natural resources for sustaining human life, water, has been losing the basic requirements of quality and quantity sufficient enough to attend the population due to water contamination'problems, often caused by human beings themselves. Because of this, the sources of this resource are often located in remote places of the natural environment to ensure the quality of the water. However, when urban expansion began to occupy these areas, which were once regarded as distant, environmental pollution problems began to occur due to occupation of the land without planning. Based on this occurrence, this study aims to propose environmental zoning for the Maxaranguape river watershed in order to protect its water resources. This is important because this river can serve as a source of supply for the metropolitan area of Natal, the capital of Rio Grande do Norte. In accordance to this proposition, the model of natural soil loss vulnerability (CREPANI et al., 2001), the model of aquifer pollution vulnerability (FOSTER et al., 2006), and the legal incompatibility map (CREPANI et al., 2001) were used to delimit the zones. All this was done with Geographic Information System (GIS) and also created a geographic database update of the basin. The results of the first model mentioned indicated that 63.67% of the basin was classified as moderately stable / vulnerable...

Zoneamento geoambiental do municipio de Saltinho (SP); Environmental zoning of the municipality of Saltinho, São Paulo, Brazil

Debora Aparecida Machi
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.43%
Desde o surgimento do homem na superfície da Terra, este busca dominar o sistema ambiental. Sua forma de apropriação do espaço tem resultado em diversos níveis de impactos ao longo da historia. Para que haja um uso sustentável desse espaço, praticas de políticas de ordenamento e gerenciamento territorial são imprescindíveis. Hoje a gestão territorial, como mecanismo disciplinador das ações antrópicas no meio ambiente, tem no zoneamento ambiental, um instrumento de grande auxilio. O município de Saltinho esta inserido na porção central do estado de São Paulo. Apesar de estar numa região que tem uma longa historia de ocupação, somente vem a se tornar município em 1991, sendo que anteriormente constituía-se em distrito do município de Piracicaba. Este trabalho tem como objetivo realizar um estudo de Zoneamento Geoambiental do município de Saltinho (SP), de modo a apontar os impactos ambientais causados pela exploração humana e podendo servir de subsidio para um melhor planejamento territorial para o município. A orientação metodológica fundamentou-se na Teoria Geral dos Sistemas e na proposta de Mateo Rodriguez, Silva e Cavalcanti (2004), que realiza uma análise integrada dos componentes antrópicos e naturais que subsidia a delimitação das unidades geoambientais e do zoneamento ambiental. As características físicas do município quando combinadas ao uso agrícola intenso criam um cenário de elevada fragilidade ambiental. Isto sugere a necessidade de precaução quanto ao uso da terra para evitar problemas referentes à dinamização dos processos pluvio-erosivos...

Zoneamento geoambiental do município de Caraguatatuba -SP; Geoenvironmental zoning of the city of Caraguatatuba-SP

Cibele Oliveira Lima
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.26%
A intensa dinâmica natural das regiões costeiras, que apresentam inúmeros fatores de interferência e enorme complexidade, lhes confere grande fragilidade e vulnerabilidade frente aos processos naturais predominantes, tornando-as áreas naturalmente instáveis. Com o aumento da urbanização essas áreas passam a ser transformadas de acordo com as crescentes necessidades do ser humano, aumentando a instabilidade dos sistemas naturais e contribuindo para intensificar situações de risco como processos gravitacionais de movimentos de massa e inundações. O litoral norte do estado de São Paulo apresenta enorme fragilidade ambiental e pressão do uso da terra, tornando imprescindível a realização de um estudo de Zoneamento Geoambiental para o município de Caraguatatuba, através da metodologia organizada por Rodriguez, Silva e Cavalcanti (2004) da Geoecologia da Paisagem. Utilizando levantamento e análise de dados dos quadros natural e sócio-econômico, o principal objetivo é definir o quadro de unidades geoambientais da área de estudo, apresentando um mapeamento em escala 1:50.000 como produto final.; The intense natural dynamic of the coastal zone has a remarkable fragility to the natural processes in the area, which makes them areas with natural instability. Since the increasing of the urbanization process these areas are being transformed as required by the human needs...

ZONEAMENTO AMBIENTAL E DIRETRIZES PARA O PLANO DE MANEJO DO PARQUE DO MORRO EM SANTA MARIA/RS; ZONING AND GUIDELINES FOR ENVIRONMENTAL MANAGEMENT PLAN OF PARK HILL IN SANTA MARIA/RS

Foleto, Eliane Maria; Ziani, Patrícia
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.34%
O executivo municipal de Santa Maria/RS tem como proposta instituir uma Unidade de Conservação (UC) de Proteção Integral, na categoria de Parque, em uma área de 156 hectares localizada no Morro do Carmo, denominado de Parque do Morro. Entre as justificativas para instituir essa UC estão o fato de Santa Maria localizar-se no rebordo do planalto e também de possuir áreas definidas pela Unesco como Reserva da Biosfera com significativos remanescentes de Mata Atlântica. Sob tal perspectiva, o artigo tem por objetivo apresentar a caracterização da área estudada, o seu mapeamento, proposta de zoneamento ambiental e diretrizes para subsidiar futuras discussões do plano de manejo. Os procedimentos metodológicos consistiram em leituras sobre a temática da pesquisa, trabalhos, trabalhos de campo, reuniões com o Grupo de Trabalho de Parques Municipais e elaboração de mapas temáticos da área no software livre SPRING 4.3.3. Esses mapas podem servir de argumento para a preservação desse espaço, pois indicam, por exemplo, sua altimetria, declividade, cobertura do solo e zoneamento ambiental, bem como sua localização. Logo, esses resultados subsidiam a criação dessa UC, bem como para a proposta de ampliação dessa área...

A Multiobjective Approach for the Heuristic Optimization of Compactness and Homogeneity in the Optimal Zoning

Bernábe-Loranca,B.; Coello-Coello,C. A.; Osorio-Lama,M.
Fonte: UNAM, Centro de Ciencias Aplicadas y Desarrollo Tecnológico Publicador: UNAM, Centro de Ciencias Aplicadas y Desarrollo Tecnológico
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 EN
Relevância na Pesquisa
36.26%
This paper presents a multiobjective methodology for optimal zoning design (OZ), based on the grouping of geographic data with characteristics of territorial aggregation. The two objectives considered are the minimization of the geometric compactness on the geographical location of the data and the homogeneity of any of the descriptive variables. Since this problem is NP hard [1], our proposal provides an approximate solution taking into account properties of partitioning algorithms and design restrictions for territorial space. Approximate solutions are generated through the set of optimum values (Maxima) and the corresponding minimals (dual Minima) [2] of the bi-objective function using Variable Neighborhood Search (VNS) [3] and the Pareto order defined over this set of values. The results obtained by our proposed approach constitute good solutions and are generated in a reasonably low computational time.