Página 1 dos resultados de 212 itens digitais encontrados em 0.106 segundos

Produção de conhecimento em Serviço Social na Universidade Fernando Pessoa

Bento, Filipe João Pinto
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
125.88%
Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciado em Serviço Social; Trabalhando a temática da produção de conhecimento em Serviço Social na UFP, o presente Projecto de Graduação, começa por esboçar o contexto sócio-histórico do Serviço Social enquanto profissão. Apesar de ser um tema muito falado, só nas três primeiras décadas do século XX passou para a esfera académica e se intensificou, sempre no confronto com as necessidades sociais. Foram, por isso, revistas referências teóricas desde a génese do Serviço Social e até às actuais tendências formativas, trazidas pelo Processo de Bolonha, pela sua relação com as novas exigências do contexto de sociedade, a partir da última década do século XX. Escolheu-se como objecto de estudo a produção académica dos alunos no final da licenciatura, elaborando-se um levantamento das monografias e projectos de graduação, no período de 2007-2009, na UFP, por se considerar que representa um indicador das preocupações para as quais estão especialmente vocacionados os estudantes de Serviço Social formados pela UFP. A conclusão do estudo mais não é do que um primeiro passo para abrir o debate em torno da produção de conhecimento em Serviço Social e uma chamada de atenção para este espaço da intervenção social...

Chefia Familiar feminina e o debate do serviço social: uma análise do ENPESS (2006 a 2010)

Caetano, Vanessa
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 53 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
135.86%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Socioeconômico, Curso de serviço social.; Em meio ao predominante número de lares chefiados por mulheres na contemporaneidade, realizou-se um estudo acerca de tal temática, o qual não pretende esgotar-se aqui. Aspira-se analisar a produção de conhecimento em Serviço Social no que concerne à temática família, a partir de um enfoque de gênero para problematizar a chefia familiar feminina, mais especificamente: descrever as principais mudanças nas configurações das famílias brasileiras ocorridas a partir do século XX; bem como, identificar as principais tendências de estudo do Serviço Social sobre a temática família com enfoque de gênero. Para alcançar os objetivos propostos, a pesquisa caracteriza-se como um estudo exploratório delineado como pesquisa bibliográfica, e com base na natureza dos dados, o presente estudo é qualitativo e quantitativo. Optou-se por fazer uma análise do tema, dentro da produção científica do serviço social, a partir dos artigos publicados nos anais do Encontro Nacional de Pesquisadores em Serviço Social (ENPESS) realizados nos anos de 2006, 2008 e 2010 como meio de contribuir para a discussão e ampliação da produção do conhecimento do serviço social...

A produção de conhecimentos no Serviço Social: uma análise no HU/UFSC

Burlin, Andreia
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Relevância na Pesquisa
125.75%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Serviço Social.; O presente Trabalho de Conclusão de Curso, tem como objeto de estudo a produção de conhecimento no Serviço Social, utilizados diariamente pelas Assistentes Sociais do HU/UFSC. Pretende-se com este estudo investigar as modificações ocorridas nos conhecimentos no Serviço Social, que estiveram e estão presentes na atuação profissional do Assistente Social, bem como analisar suas influências no atendimento das demandas apresentadas neste espaço ocupacional. Para realização do trabalho, utilizamos a pesquisa bibliográfica, principalmente nas Revistas Serviço Social e Sociedade e Cadernos da ABESS/ABEPSS e ainda pesquisa documental, com intuito de coletar dados e proceder à análise de conteúdo, ambos com vistas a investigar a abordagem e compreensão dos temas usuário, família, saúde, prática profissional, metodologia e teoria. Observamos que além das transformações na própria profissão de Serviço Social, a qual passou a qualificar seu rigor teórico-metodológico a partir da década de 1990, também ocorreram mudanças na abordagem dos termos no interior do HU/UFSC o que auxiliou na inovação dos atendimentos aos usuários...

O Projeto ético-político na produção de conhecimento do serviço social: uma análise no hospital universitário - HU

Alves, Cristina Antunes
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Relevância na Pesquisa
135.75%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Serviço Social.; O presente Trabalho de Conclusão de Curso tem como objeto de estudo investigar se as produções dos TCCs do Serviço Social do HU estão em conformidade com o projeto éticopolítico profissional e os fundamentos do SUS. Para a realização do trabalho utilizou-se a pesquisa bibliográfica, com o objetivo de coletar dados e analisar o conteúdo, visando conhecer o que a produção dos acadêmicos/pesquisadores reflete em relação ao projeto éticopolítico profissional e ao SUS. Foi feito um levantamento de todos os TCCs em Serviço Social realizados no HU, posteriormente estes trabalhos foram sistematizados por período, setor de atuação do Serviço Social no HU e por temas. Definiu-se como amostra de pesquisa os TCCs elaborados na Maternidade do HU. Estes abordavam os temas: Auxílio Natalidade, gravidez de alto risco, aborto por anencefalia, planejamento familiar, projeto de extensão # organizações da sociedade civil e prematuridade, descritos no presente trabalho. Por fim, fezse uma análise destes temas em relação a quais elementos do projeto ético-político estavam presentes nos TCCs

Serviço Social e Família: ensaio de interpretação crítica a partir da produção do conhecimento no Serviço Social

Tasca, Aline de Aguiar
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Relevância na Pesquisa
115.92%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Serviço Social.; O presente trabalho de Conclusão de Curso tem como objetivo a análise da produção do conhecimento no Serviço Social sobre a temática da família com ênfase na sua relação com o Serviço Social e também com as políticas sociais, tendo em vista problematizar a dimensão contraditória de acesso aos direitos que a família encerra e desvendar as tendências da produção teórica em curso. Outrossim, se a família assume importância ímpar como sujeito das políticas sociais, cabe analisar de fato, como vem sendo abordado, interpretado e aludido este sujeito nas diversas dimensões teóricas que perpassam a profissão do Serviço Social. O referencial teórico-metodológico utilizado se baseia na perspectiva materialista-dialética, pois a necessidade de pensar a produção do conhecimento publicada requer uma sistemática análise pautada na totalidade dos fatos. Os recursos metodológicos se baseiam em dois planos analíticos complementares: pesquisa teórico-bibliográfica e problematização no campo da produção do conhecimento no serviço social brasileiro veiculado aos periódicos Revista Serviço Social & Sociedade e Revista Katálysis e os Anais do Congresso Brasileiro de Assistentes Sociais - CBAS...

O Serviço Social no campo sóciojurídico: produção de conhecimento da categoria profissional como tema em debate

Rodrigues, Filipe Wingeter
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 110 f.| grafs., tabs.
Relevância na Pesquisa
125.89%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Serviço Social.; O presente trabalho tem como tema o campo sóciojurídico, e como objeto a produção de conhecimento do Serviço Social em relação a esse espaço sócio-ocupacional. Tem por objetivo analisar a produção teórica da categoria profissional do Serviço Social nessa área, a partir dos artigos publicados na Revista Serviço Social e Sociedade, desde a década de 1990, até o corrente ano. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica, com abordagem quanti-qualitativa, que compreendeu a análise de vinte (20) artigos. O trabalho está organizado em duas seções, abordando-se na primeira seção: um breve resgate histórico da inserção do Serviço Social no âmbito jurídico, conceitua o termo sóciojurídico e delimita as suas áreas de atuação. Na segunda seção, é realizado um mapeamento das áreas onde mais se concentram a publicação dos artigos, em seguida, categoriza-os a partir das dimensões técnico-operativa, ético-política e teórico metodológica da profissão; e por último, realiza-se uma categorização dos artigos por eixos temáticos, onde são destacadas as principais discussões que permeiam essa esfera. A pesquisa realizada demonstra que apesar da longa trajetória que o Serviço Social tem com esse campo...

O estado da arte sobre gênero no serviço social

Dias, Daiana Nardino
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 165 p.| grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
115.83%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Serviço Social, Florianópolis, 2014; Essa dissertação consiste no estado da arte do Serviço Social brasileiro sobre gênero e tem como objetivo analisar a produção realizada pela profissão sobre essa temática e identificar as características e os sentidos empregados nas discussões, bem como apresentar as temáticas associadas a ela. O interesse surgiu do contato com leituras que apontam o descompasso existente entre o Serviço Social e gênero, as dificuldades de inserção dessa temática na formação profissional e a importância dessa categoria para análise das relações sociais (LISBOA, 2010; MOREIRA et al., 2006; VELOSO, 2001). Foram utilizadas como fonte de coleta de dados os anais dos principais eventos político-científicos da profissão (CBAS e ENPESS) e os artigos de revistas da área (Serviço Social e Sociedade e Katálysis), com vistas a assegurar um quadro substancial das investigações teóricas produzidas pelos assistentes sociais a partir da perspectiva de gênero. O período delineado para compor a pesquisa foi de 2001 a 2013, totalizando um corpus de 520 produções, sendo 495 oriundos dos eventos e 25 dos periódicos. A partir da discussão realizada é possível afirmar a relevância dos estudos de gênero para a produção de conhecimento no Serviço Social e para sua construção contemporânea como profissão interventiva. Os estudos indicam que a realidade social impõe as discussões de gênero à profissão e que há um processo endógeno de construção e de visibilidade que evidencia a necessidade de ampliação do debate e da apropriação desses estudos pela categoria. Os desafios trazidos pelo corpus e que podem ser problematizados como objeto de estudo para melhor compreender a interação entre Serviço Social e gênero estão relacionados às discussões em torno das masculinidades...

SERVIÇO SOCIAL E CRIMINALIDADE: Uma análise sobre a produção de conhecimento

SILVEIRA, Scheila Rodrigues
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: xx f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
135.9%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Serviço Social.; No presente trabalho foi realizada análise da produção de conhecimento do Serviço Social sobre a criminalidade. Como ponto de partida tem-se a experiência de Estágio Curricular Não-Obrigatório I e II, no período de dezembro de 2011 a fevereiro de 2013, no Serviço Social da Vara de Execuções Penais. Nesse processo, surgiram diversas inquietações e questionamentos sobre a realidade dos sentenciados(as). Assim, demarca-se como problema de pesquisa nesse estudo: qual o conhecimento produzido pelo Serviço Social sobre a criminalidade? No cenário atual brasileiro, a criminalidade é tema recorrente no âmbito da mídia e das grandes manchetes, porém na academia são poucos os estudos desenvolvidos, e, em particular, no Serviço Social prevalece um distanciamento à temática, e escasso volume de produções científicas. Com base nesse pressuposto, o trabalho apresenta a importância da pesquisa como fonte de produção de conhecimento no Serviço Social, bem como alguns de seus desafios e possibilidades. Aborda-se a Criminologia Crítica, seus aportes teóricos e discussões, para compreender a criminalidade e seus determinantes sócio estruturais em sua totalidade. Ademais...

A pós-graduação e a produção de conhecimento no serviço social brasileiro; Graduate study and the production of knowledge in brazilian

Silva, Maria Ozanira da Silva e; Carvalho, Denise Bomtempo Birche de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
125.87%
Pós-Graduação e construção do conhecimento em serviço social no Brasil no contexto do desenvolvimento histórico do serviço social enquanto profissão. O artigo afirma uma estreita relação entre o avanço dos programas de pós-Graduação e a participação dos assistentes sociais na construção do conhecimento no campo das ciências sociais em geral, bem como no campo do serviço social, em particular. Aborda o desenvolvimento histórico do serviço social no Brasil; caracteriza os programas de pós-graduação criados nos anos 1970 e seu desenvolvimento até a atualidade; considera a produção de conhecimento a partir das teses e dissertações no desenvolvimento de projetos de pesquisa e da produção bibliográfica desenvolvida no contexto da pós-graduação dos 23 programas em implementação na área do serviço social na Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), considerando o período 2001 a 2003. ____________________________________________________________________________________ ABSTRACT; Graduation and knowledge building in Social Work in Brazil are treated in this article in the context of the historical development of Social Work as a profession. It is consideredthat there is a close relationship between the advance of the graduation programs and the participation of Social Workers on building knowledge in the fi eld of Social Sciences in general...

A particularidade histórica da pesquisa no Serviço Social

Bourguignon,Jussara Ayres
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
115.71%
O objetivo deste estudo1 é trazer uma reflexão sobre a particularidade histórica da pesquisa no Serviço Social, bem como sobre os desafios decorrentes desse conjunto especial de circunstâncias que se apresentam no contexto contemporâneo. O estudo percorre e se apóia em três pilares, os quais são trabalhados a partir da particularidade da pesquisa para o Serviço Social; da centralidade ocupada pelos sujeitos que participam das referidas pesquisas e do retorno e do alcance social procedentes desses estudos, para transformações materiais nas condições de existência dos envolvidos, nas ações dos profissionais e nas organizações sociais. O estudo conclui na reafirmação de que a pesquisa é constitutiva e constituinte da prática profissional do Serviço Social, sendo determinada pela sua natureza interventiva e pela sua inserção histórica na divisão sociotécnica do trabalho.

Envelhecimento, saúde e trabalho no tempo do capital: um estudo sobre a racionalidade na produção de conhecimento do Serviço Social

Paiva, Sálvea de Oliveira Campelo e; Oliveira, Edelweiss Falcão de (Orientadora); González, Jorge Luis Acanda (Coorientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Tese de Doutorado
BR
Relevância na Pesquisa
155.92%
A tese, ora exposta, surge da necessidade de preencher lacunas teórico-metodológicas no sentido de inserir o debate a respeito do envelhecimento humano na perspectiva da totalidade social, evitando o viés de reproduzir caoticamente a realidade evidenciada pelo fenômeno da transição demográfica em curso, via de regra, no mundo e, particularmente, no Brasil, na contemporaneidade. Concluída a tese, é vislumbrada a possibilidade de contribuir para a produção de conhecimento do Serviço Social no campo da Gerontologia Social, afirmando a perspectiva da ontologia do ser social, em acordo com o projeto ético-político hegemônico dessa categoria profissional, o que significa focar o estudo do envelhecimento humano no marco da racionalidade dada pela razão dialética. A importância de denunciar essas lacunas existentes a respeito do debate sobre o envelhecimento humano se inscreve na proposta de delimitá-lo na dinâmica da produção e reprodução social capitalista, onde o trabalho adquire centralidade na sociabilidade humana, rompendo com as abordagens conservadoras, responsáveis por tratar a velhice enquanto doença, numa relação de unicausalidade, como um “problema social em si” ou mesmo uma “nova questão social”...

Serviço Social e envelhecimento: estudo dos fundamentos teórico-políticos sobre velhice na produção de conhecimento do Serviço Social no Brasil

Alves, Suéllen Bezerra; Peruzzo, Juliane Feix (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
195.9%
Esta dissertação tem como objetivo analisar o trato teórico dado ao fenômeno do envelhecimento humano pelo Serviço Social, ao desvendar as perspectivas teóricas e políticas da produção acadêmica sobre esta temática. Trata-se de um estudo explicativo de cunho teórico-bibliográfico, cujas fontes de pesquisa foram teses e dissertações dos programas de pós-graduação vinculados a departamentos de Serviço Social no Brasil, no último triênio (2010 – 2012). Após caracterizar os fundamentos da questão da velhice, nas diferentes concepções teórico-metodológicas (Geriatria, Gerontologia Social e Gerontologia Social Crítica), estudamos a aproximação do Serviço Social com esse debate, traçando um percurso que passa pelo significado sócio-histórico da profissão e as demandas dos trabalhadores velhos que chegam ao Serviço Social (ao menos de modo aparente, são demandas que aparecem como próprias da situação de velhice). Compreendendo que a produção de conhecimento reflete as contradições postas na realidade, apresentamos de que modo a temática da velhice tem comparecido no debate profissional, evidenciando o crescimento da participação do Serviço Social na problematização do que é considerado uma das preocupações sociais do momento. Na última parte do trabalho expomos o conteúdo discutido em parte dessas produções...

Serviço Social Audit Saúde no SUS/RN: projeto ético político profissional e de reforma sanitária

Medeiros, Aparecida Dantas de Almeida
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.74%
Health policies in Brazil, the decentralization of SUS management responsibilities for the three spheres of government has driven the creation and regulation of the audits of health services in the National Audit Office, this is a trend of neoliberal policies imposed by international bodies like the World Bank and IMF to peripheral countries characterized by productive restructuring and reforming the state focuses on the presence of two competing projects in the area of health: Health Sector Reform Project which is based on the democratic rule of law with the assumption of health as social right and duty of the State in defending the extension of the conquest of rights and democratization of access to health care guaranteed through the public financing strategies and the effective decentralization of decisions pervaded by social control and privatized Health Project which is based on the state minimum, with a reduction in social spending or in partnerships and privatization, stronger nonprofit sector, subject to capitalist interests, is made effective through strategies targeting health policy and refilantropização actions. In this context, the present study is an analysis on the work of social audits of public health in infants from a qualitative and quantitative approach...

A questão urbana e a produção acadêmica do Serviço Social brasileiro em foco; The urban issue and the academic prodution of Brazilian Social Work in focus

Guerra, Eliana Costa; Guimarães, Maria Clariça Ribeiro; Silva, Raquel Cardozo da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
115.73%
O artigo aborda a questão urbana como objeto de pesquisa do Serviço Social. Resulta de pesquisa teórica e de análise das produções sobre esta temática, tendo por base artigos dos anais dos Encontros Nacionais de Pesquisadores em Serviço Social (ENPESS), no período 2000-2010. A ampliação e diversidade de espaços sócio-ocupacionais não correspondem necessariamente ao desenvolvimento de pesquisas, com aprofundamento teórico-metodológico exigido pela complexidade da questão urbana na contemporaneidade. Há crescente interesse pela temática de pesquisadores, profissionais e estudantes e esforços de sistematização e pesquisa evidenciados no número de trabalhos e na busca de qualidade dos mesmos. Mas há também necessidade de aprofundamento teórico-metodológico para uma produção do conhecimento em consonância com o Projeto Ético-Politico, o que supõe construção de vias de superação da sociabilidade capitalista

Tendências da produção do curso de Serviço Social da UFSC sobre a saúde mental 1958 -2005

Gonçalves, Sharlene
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Relevância na Pesquisa
115.88%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Serviço Social.; O presente trabalho trata da produção de conhecimento do curso de Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em relação à Saúde Mental, e tem como objetivo identificar as tendências desta produção, fazendo um estudo paralelo com os avanços conquistados através do processo de Reforma Psiquiátrica. Esta pesquisa é caracterizada como qualitativa, de caráter descritivo e foi realizada pelo método de análise documental. Teve como fonte de informação os Trabalhos de Conclusão do Curso (TCC) de Serviço Social, produzidos desde a implantação deste na UFSC (1958) até 2006/1, no entanto, a amostra estudada foi de 14 TCC's, produzidos entre 1977 e 2005. O critério de escolha desta amostra foi o de analisar um TCC por ano, dentre os anos em que o tema "Saúde Mental" foi abordado; e nos anos que encontramos mais de um TCC no ano, escolhemos o que mostrou dar maior ênfase para os temas família e/ou reinserção social. A análise deste material foi realizada a partir de algumas categorias preestabelecidas, de acordo com o estudo prévio sobre Saúde Mental. Em paralelo a esta pesquisa foi realizado resgate da história da "loucura" e da evolução do Serviço Social enquanto profissão...

Pesquisa e produção de conhecimento no campo do Serviço Social

Sposati,Aldaíza
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
125.83%
Este artigo trata dos caminhos da pesquisa na área do Serviço Social. Parte da polêmica quanto à possibilidade/capacidade do Serviço Social como prática social produzir conhecimentos. Resgata nesse debate a 'guerra das ciências' travada entre físicos e matemáticos com analistas do social, desconsiderando a dimensão científica da pesquisa no âmbito social. Analisa o crescimento da produção científica no Serviço Social através das dissertações e teses dos Programas de Pós-Graduação em Serviço Social, para tanto comenta análises de Iamamoto, Silva e Silva e Carvalho, indica a necessidade da constituição de política de pesquisa a orientar a comunidade epistêmica em Serviço Social, que deve se articular em rede de núcleos de pesquisa.

Pesquisa e Serviço Social: da concepção burguesa de ciências sociais à perspectiva ontológica

Lara,Ricardo
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
115.79%
Este artigo tem como objetivos questionar a concepção burguesa de ciências sociais, apresentar um breve histórico da pesquisa em Serviço Social e expor os primeiros passos da 'perspectiva ontológica' enquanto referência teórico-metodológica, com enfoque na produção do conhecimento no mundo acadêmico atual. As considerações alertam que a pesquisa e o esclarecimento teórico para os assistentes sociais, na atual conjuntura, tornaram-se seus principais meios de trabalho, pois é a partir da sistematização da realidade social que o profissional tem condições de agir com mais segurança e dar possíveis respostas que sejam aceitas pela objetividade social. O ponto de partida é situar o Serviço Social como profissão que vem assegurando o seu espaço no âmbito da pesquisa, principalmente, no que diz respeito aos estudos sobre as expressões da questão social. Destarte, acredita-se que os objetos de investigação do Serviço Social emergem de uma realidade concreta e estabelecem suas mediações numa sociedade que se produz e reproduz por meio de contradições inconciliáveis.

A produção bibliográfica do Serviço Social sobre envelhecimento

Ribeiro, Marineis de Sousa
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
135.8%
Este artigo pretende identificar as temáticas que orientam a produção bibliográfica sobre envelhecimento no Serviço Social. Para tanto, utilizou-se de pesquisa bibliográfica referente à produção bibliográfica do Serviço Social sobre envelhecimento. Foram selecionados seis artigos científicos produzidos pelo Serviço Social entre o período de 2010 e 2014 e realizada uma análise crítica com o objetivo de apreender quais as principais questões abordadas pelos autores no que tange à temática do envelhecimento. Concluiu-se com a pesquisa, que apesar de haver pouca produção bibliográfica do Serviço Social na temática do envelhecimento, verificou-se nos artigos analisados que os autores contribuíram consideravelmente para a discussão proposta, tendo em vista a qualidade da produção de conhecimento do Serviço Social. Constatou-se ainda sobre a importância de uma atuação mais intensa dos profissionais do Serviço Social diante do acelerado e crescente fenômeno do envelhecimento populacional.; Serviço Social

Assistência social e família: levantamento e análise das produções dos artigos apresentados nos dois últimos encontros nacionais de pesquisadores em Serviço Social – ENPESS 2010 e 2012.

Oliveira, Natália Morato Mariano de
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
115.76%
O presente trabalho objetiva apresentar uma análise de coletas de dados por meio de levantamento de artigos publicados por Assistentes Sociais nos dois últimos Congressos Brasileiros de Assistentes Sociais e Encontros Nacionais de Pesquisa em Serviço Social (ENPESS) de 2010 e 2012. Abordando a questão das ações dos profissionais de Serviço Social junto as famílias, analisando as demandas e concepções à elas colocadas, embasando nas principais preocupações dos Assistentes Sociais. A pesquisa caracterizase como um estudo exploratório delineado como pesquisa bibliográfica, e com base na natureza dos dados, fazendo uma análise do tema, dentro da produção do conhecimento do serviço social. O resultado da pesquisa mostra o aumento significativo da produção de artigos relacionados a família nos últimos dois encontros, além disso, a produção maior ficou centralizada nos debates da política social, em especial, Assistência Social e Saúde.; Serviço Social

Produção de conhecimento científico: a particularidade do serviço social brasileiro

Nóbrega, Mônica Barros da; Universidade Estadual da Paraíba - UEPB; Fonseca, Cleomar Campos da; Universidade Estadual da Paraíba - UEPB
Fonte: UnB-BCE Publicador: UnB-BCE
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Avaliados por Pares; Formato: application/pdf
Publicado em 01/07/2010 POR
Relevância na Pesquisa
135.84%
Tomamos como objeto de nosso artigo a produção de conhecimento científico e a particularidade do Serviço Social brasileiro neste âmbito, considerando a sua importância para o debate acerca dos desafios e possibilidades postos a uma profissão na sua trajetória enquanto produtora de conhecimentos. As reflexões aqui apresentadas resultam de investigações teóricas que vêm sendo realizadas no curso de Doutorado em Serviço Social da Universidade Federal de Pernambuco, com o objetivo de analisar a produção de conhecimento no Serviço Social brasileiro e a sua relação com o projeto ético-político da profissão.