Página 1 dos resultados de 115 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

Educação ambiental e mobilização social: formação de catadores na grande São Paulo; Environmental education and social mobilization : education of informal reciclers in the Metropolitan Region of Greater São Paulo

Baeder, Angela Martins
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/10/2009 PT
Relevância na Pesquisa
26.43%
Este estudo analisa trabalhos de formação de catadores(as) de materiais recicláveis, realizados coletivamente, na Região Metropolitana da Grande São Paulo, entre 1997 e 2008, com a finalidade de identificar elementos para subsidiar a construção participativa de soluções sustentáveis para a problemática socioambiental de resíduos sólidos nas áreas urbanas. Essas ações educativas estão imbricadas num momento de disseminação de diálogos e ações de Educação Ambiental, voltados para o controle social das políticas públicas e institucionais para a gestão ambiental participativa. A análise dos trabalhos de formação exigiu o levantamento do contexto histórico, dos debates sobre o pensar e agir da Educação Ambiental; das condições de vida e trabalho dos catadores; da problemática socioambiental de resíduos sólidos e as potencialidades e desafios para a consolidação da coleta seletiva como alternativa de economia solidária. Foram foco de análise os trabalhos educativos relativos à organização da Coleta Seletiva no núcleo habitacional Pedra sobre Pedra, na Zona Sul de São Paulo; a mobilização de grupos de coleta na cidade, no Fórum Recicla São Paulo, movimento social de catadores; a Capacitação para implantação das primeiras Centrais de Triagem do Programa de Coleta Seletiva Solidária de São Paulo/2003; o fortalecimento de catadores e do diálogo com o poder público...

As mudanças climáticas globais e as ONGs socioambiental brasileiras: novas estratégias de conservação para a Amazônia; The global climate change and the Brazilian social environmental NGOs: new strategies to the Amazon conservation.

Couto, Gabriela de Azevedo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/01/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.43%
A emergência das mudanças climáticas globais como problemática socioambiental central dos tempos atuais impõe-se como um desafio não só porque exige da sociedade medidas para minimizar os impactos e buscar novos modos de vida em um planeta em transformação, mas principalmente porque demanda um melhor entendimento sobre como as alterações no clima são percebidas e interpretadas pela sociedade, assim como sobre a propensão de determinados grupos sociais para intervir no tema. Este estudo tem como objetivo compreender uma parte deste processo, investigando, a partir da emergência e posicionamento do tema Mudanças Climáticas Globais na agenda internacional, como as estratégias e ações de ONGs ambientalistas brasileiras para conservação da Amazônia são influenciadas. Isso porque o desmatamento da floresta Amazônica se apresenta como o maior responsável pelos altos índices de emissões brasileiras de Gases de Efeito Estufa, mas também porque a floresta amazônica é considerada um importante sumidouro de carbono. Além disso, este estudo apresenta elementos que mostram a importância da atuação de ONGs ambientalistas brasileiras, uma vez que influenciam os processos de tomada de decisão relativos às mudanças climáticas no âmbito nacional e internacionalmente. Esta pesquisa concentra-se em compreender o papel desempenhado por um grupo específico de organizações não-governamentais ambientalistas brasileiras no processo social que contribui para o debate relativo à problemática estabelecida. São organizações que vêm se articulando com diferentes parceiros...

A tutela da diferença no direito socioambiental pós-moderno: um estudo de caso sobre a prática da agricultura de corte e queima pela Comunidade Quilombola de Ivaporunduva; Tutelage of "different/diverse" communities in post-modern socioenvironmental right: a case study on slash and burn agriculture practiced by the Quilombola Community of Ivaporunduva, SP, Brazil.

Haddad, Cecilia de Lara
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/09/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.39%
A presente pesquisa interessa-se em fazer uma análise aprofundada do Direito nascido com o advento da Modernidade, partindo da hipótese de que o Direito Pós-Moderno, embora se auto-proclame como defensor da diversidade, por ainda estar atrelado àquele modelo de legalidade calcado principalmente no positivismo jurídico, passa por uma grave crise, uma vez que, ao excluir regras costumeiras, elimina na prática muitas das possibilidades de aceitação e inclusão do heterogêneo. A exclusão do diferente, do heterogêneo, do "outro" contrário à lógica capitalista se torna ainda mais evidente quando normas jurídicas embebidas de conhecimentos científicos ao serem orientadas a regular comportamentos de grupos sociais regulados por regras costumeiras, acabam por invalidá-las, tornando igualmente inexistentes os saberes tradicionais nelas contidos. A fim de melhor compreender esta problemática, entre os diversos direitos que compõem o espectro da Pós- Modernidade, foi escolhido o direito socioambiental como ícone que integra a tutela da diversidade social, cultural e natural. Para tanto, esta pesquisa pretende, através de um Estudo de Caso, verificar as conseqüências relacionadas à possibilidade da Comunidade Remanescente de Quilombo de Ivaporunduva...

Conflitos socioambientais e áreas de preservação permanente em meio urbano

Thibes, Mariana Medeiros
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: [270] p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
26.51%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2014.; Esta dissertação insere-se no âmbito das reflexões que permeiam o binômio desenvolvimento urbano & meio ambiente, voltando-se para os conflitos socioambientais que tem o espaço urbano como locus de ocorrência. Mais precisamente, este trabalho focalizou um caso particular de ocupação por famílias consideradas de baixa renda de uma Área de Preservação Permanente (APP) - um ecossistema de dunas - ao norte da Ilha de Santa Catarina, no Distrito de Ingleses do Rio Vermelho. Partindo de uma discussão mais ampliada acerca da problemática socioambiental contemporânea, este estudo discute a relação entre o fenômeno da segregação urbana e o fenômeno da vulnerabilidade socioambiental à luz dos enfoques de justiça ambiental e justiça ecológica, reforçando, em linhas gerais, que são sobre os grupos sociais mais destituídos de recursos financeiros e políticos que os riscos e danos ambientais do processo hegemônico de desenvolvimento têm sido direcionados com mais intensidade. A partir da caracterização do contexto socioeconômico...

Em busca do estilo sustentável de administrar : a formação do administrador sob o enfoque da problemática sócio-ambiental

Moreira, Danylla Ibrahim de Souza
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.52%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2006.; A fundamentação do presente trabalho está baseada em proposições de uma administração voltada para o desenvolvimento sustentável. Esta pesquisa teve como objetivo geral analisar em que medida o sistema atual de formação do profissional de administração, oferecido por uma instituição de ensino superior do Distrito Federal (DF), pode dar satisfação às necessidades formativas impostas pela complexidade da realidade atual e pela emergência de um novo modelo de desenvolvimento: desenvolvimento sustentável. A partir de pesquisas teórica e prática, o estudo procurou apresentar uma revisão conceitual da trajetória histórica do curso de graduação em administração no Brasil, bem como, do processo de construção da identidade do administrador; compreender o atual processo de formação do profissional de administração a partir de um diagnóstico situacional; identificar as competências consideradas indispensáveis para atuação dos futuros profissionais de administração, tomando por base o contexto do desenvolvimento sustentável; investigar a percepção sobre a problemática sócioambiental na perspectiva de três atores da comunidade acadêmica: corpo docente...

Conservação da natureza e emancipação social : um estudo de caso sobre a comunidade de Santa Maria do Caiaué e sua relação com a Floresta Nacional Pau-Rosa, Maués, Amazonas

Gomes, Jacqueline Martins
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
26.63%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2012.; O atual cenário de crise ambiental tem justificado cada vez mais o estabelecimento de áreas protegidas para a conservação da natureza, das quais as Unidades de Conservação (UCs) são no Brasil uma especialização. Esse cenário concretiza-se na ampla destruição e degradação de florestas e rios, na perda da biodiversidade, em catástrofes climáticas, nas injustiças ambientais e na diminuição da qualidade de vida dos seres humanos. Ele resulta do modo hegemônico de desenvolvimento social pautado na apropriação materialista da natureza como fonte para o crescimento econômico e orientado por uma noção cientificista que inferioriza saberes não-científicos assim como valores, práticas sociais e modos de vida deles decorrentes. A legitimidade exclusiva da ciência moderna para compreender e intervir no mundo fragmenta saberes e dificulta uma compreensão crítica dos aspectos políticos, econômicos, sociais e culturais da problemática ambiental. A crise ambiental é, portanto, crise social, o que indica que a busca pela conservação da natureza deve ser ao mesmo tempo a busca pela emancipação social. Há que se garantir no âmbito dessa política ambiental territorial processos educadores ambientais comprometidos com uma perspectiva crítica e emancipatória. Contudo...

Avaliação das metodologias brasileiras de vulnerabilidade socioambiental como decorrência da problemática urbana no Brasil

Maior,Mônica Maria Souto; Cândido,Gesinaldo Ataíde
Fonte: EDUC - Editora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Publicador: EDUC - Editora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
36.46%
O artigo intenta refletir e analisar as principais metodologias de avaliação da vulnerabilidade socioambiental propostas e aplicadas em contextos específicos no Brasil, através de um ensaio teórico-comparativo utilizando um conjunto de critérios de avaliação retiradas das variáveis existentes nos diversos modelos pesquisados. Os resultados apontam que os modelos foram contributivos para o avanço dos estudos da vulnerabilidade socioambiental no Brasil, possibilitando um diagnóstico preciso dos fatores que contribuem para acentuar e mitigar o fenômeno. No entanto, dadas a dinâmica e complexidade do processo de urbanização e suas implicações, se fazem necessárias constantes adaptações das metodologias criadas, assim como a criação de novas metodologias que consigam traduzir fidedignamente a dinâmica e complexidade da urbanização, sobretudo para as comunidades mais carentes.

Percepção de risco e conflito socioambiental : um estudo sobre a instalação de um aterro sanitário em área de assentamento rural em Igarassu, Pernambuco

Augusto Alves da Silva, Tarcisio; Salete Barbosa Cavalcanti, Josefa (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.46%
A presente tese foi desenvolvida a partir da identificação de um conflito socioambiental envolvendo, de um lado, assentados do Engenho Ubu e, de outro, o aterro sanitário privado - Central de Tratamento de Resíduos Sólidos de Pernambuco, localizado no município de Igarassu, nas terras da Usina São José. O pressuposto é que foram as representações sobre a natureza que contribuíram para a polarização entre os atores. O objetivo geral do trabalho foi analisar os processos relativos à eclosão de um conflito socioambiental gerado em torno da instalação do aterro sanitário de Igarassu nas proximidades do rio Arataca e do Assentamento Engenho Ubu, segundo a percepção dos assentados. A problemática subjacente a esse objetivo indaga sobre as representações conflitantes da natureza que se ocultam ou denunciam riscos ambientais provocados pelo aterro. Dessa forma, nossa hipótese é a de que as representações da natureza presentes no conflito sinalizavam formas distintas de apropriação dos recursos naturais que foram legitimadas em diversas arenas de conflito pela indução de discursos que apregoavam a defesa da natureza ancorada em distintas finalidades. A fim de verificar essa suposição privilegiamos...

Desastre, risco e vulnerabilidade socioambiental no território da Mata Sul de Pernambuco/Brasil.

Fragoso, Maria de Lourdes de Carvalho; Gehlen, Vitória Régia Fernandes (Orientadora); Silva, Tarcísio Augusto Alves da (Coorientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
36.46%
A presente pesquisa discorre sobre o tema “Desastre, risco e vulnerabilidade socioambiental no território da Mata Sul de Pernambuco/Brasil” e tem como objetivo analisar a intensificação dos efeitos dos desastres naturais, no caso as enchentes e inundações, como consequência da inexistência de uma política de uso e ocupação do território e das precárias condições socioeconômicas da população ribeirinha. A problemática está relacionada às inundações ocorridas no período de 2000 a 2011 no município de Escada/PE, que se encontra inserido na bacia hidrográfica do rio Ipojuca. Nos anos considerados o transbordamento deste rio ocasionou inundações de considerável extensão e deixou à cidade em situação de calamidade pública e de emergência com prejuízos incalculáveis para a população. Então, para entender os riscos e a vulnerabilidade socioambiental das pessoas as inundações, realizou-se uma análise integrada, contextualizada e interdisciplinar de vários aspectos correlacionados, que inclui as condições sociais, políticas, econômicas e culturais da população para a compreensão de seus determinantes, causas e efeitos na sociedade. Assim, procedeu-se a uma abordagem de cunho qualitativo que possibilitou a compreensão e interpretação da ocorrência desses acontecimentos e as estratégias da ação social adotada pelos indivíduos. Do ponto de vista das estratégias de pesquisa o estudo utilizou a triangulação de métodos...

Direito, planejamento e meio ambiente

Barreto, Nathalia Lima
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
26.79%
Resumo: O presente trabalho objetiva a caracterização e problematização do planejamento socioambiental do território como objeto de exploração jurídica, situando-o como processo necessário para a efetivação de direitos socioambientais. Apesar das inúmeras disposições constitucionais nas quais o planejamento figura como atribuição estatal e da profusão normativa de instrumentos de planejamento socioambiental do território, há escasso reconhecimento e desenvolvimento de uma dogmática jurídica deste processo como dever fundamental e de suas especificidades visando à efetivação de seus propósitos. Diante do quadro de ineficiência estatal no enfrentamento dos problemas socioambientais, buscou-se demonstrar a necessidade do planejamento a partir da perspectiva das análises territoriais, com base nos referenciais teóricos da literatura especializada das ciências ambientais, com enfoque na contribuição da perspectiva geográfica para a temática. Na primeira parte, a referida dimensão territorial da problemática socioambiental é configurada a partir da incorporação dos seguintes aspectos, inter-relacionados entre si: (i) a associação das dinâmicas espaciais à problemática socioambiental; (ii) os impactos socioambientais sinérgicos e cumulativos; (iii) a segregação socioespacial e as vulnerabilidades socioambientais; (iv) o reconhecimento das múltiplas territorialidades e normatividades sobre o espaço geográfico. A segunda parte visa estabelecer as relações entre planejamento socioambiental do território e concretização de direitos socioambientais. Referida reflexão é realizada pela caracterização do planejamento socioambiental do território como processo fundamental para concretização de direitos socioambientais...

Discursos e práticas dos atores sociais envolvidos na problemática dos materiais recicláveis em Fazenda Rio Grande /PR : uma via para revelar os conflitos socioambientais relacionados com os resíduos sólidos urbanos do município

Machado, Claudia Cristina Lopes
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 382f. : il. algumas color., grafs., tabs.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.52%
Orientadora : Profa. Dra. Myrian Regina Del Vecchio de Lima; Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimento - MADE. Defesa: Curitiba, 26/05/2014; Inclui referências; Resumo: A trajetória global das crises urbanas vem deflagrando riscos e vulnerabilidades socioambientais que se manifestam por meio de características específicas, na localidade e no cotidiano das pessoas. Uma das questões que fazem sobressair a crise socioambiental urbana, na interface entre os sistemas sociedade e natureza, é a que envolve a gestão e o descarte dos Resíduos Sólidos Urbanos (RSU). Essa tese trata dessa temática e investiga quais são os conflitos socioambientais sobre os RSU, evidenciados na localidade do município de Fazenda Rio Grande (FRG), na Região Metropolitana de Curitiba-PR. O município apresenta uma série de problemas típicos do processo de periferização, em decorrência do processo de urbanização desordenado, com acelerado crescimento demográfico, sem a respectiva sustentação econômica, baixo nível de desenvolvimento social, falta de aplicação de políticas públicas e de responsabilidade ambiental. Todos esses fatores intensificam riscos e vulnerabilidades de se viver e de se trabalhar com os RSU...

Mobilização do conhecimento socioambiental de professores por meio do desenvolvimento de ações para conservação de nascentes urbanas

Fonte: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DED - Departamento de Educação; UFLA; BRASIL Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DED - Departamento de Educação; UFLA; BRASIL
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.27%
Dissertação apresentada à Universidade Federal de Lavras, como parte das exigências do Programa de Pós-Graduação em Educação - Curso Mestrado Profissional, área de concentração em Formação de Professores, para a obtenção do título de Mestre.; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)

As redes de representações socioespaciais na região carstica curitibana

Silva, Maria Cristina Borges da
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 290f. : il. algumas color., grgafs., maps., tabs.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
26.46%
Orientadora : Profa. Dra. Salete Kozel Teixeira; Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Programa de Pós-Graduação em Geografia. Defesa: Curitiba, 03/07/2012; Inclui referências; Resumo: As áreas cársticas são naturalmente ambientes frágeis, o que tem despertado o interesse de vários pesquisadores de diversas áreas. Sobretudo no que se relaciona a compreensão dos seus aspectos físicos e geológicos, que dizem respeito às questões geotécnicas, do uso e ocupação do solo, e das condições hidrogeológicas. Mais recentemente, sobre o geoturismo. No entanto, poucas têm sido as pesquisas que abordam os aspectos culturais e as representações sociais dos diversos atores dessas áreas. Deste modo, instigados em identificar e compreender as condições em que se encontram porções dos territórios cársticos da Região Metropolitana de Curitiba, e visando analisar a relação existente, entre esses espaços, comunidades locais e como a educação se insere neste contexto, definimos como objetivo geral, identificar e analisar a problemática socioambiental e socioespacial, relacionada à região carstica curitibana a partir da Teoria das Representações Sociais, de moradores, gestores públicos e professores. Em termos de embasamento teórico e metodológico...

A emergência de novas áreas do conhecimento científico para a problemática socioambiental: o caso da engenharia ambiental e sua contribuição no contexto da região carbonífera catarinense

Souza, Gláucia Cardoso de
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.63%
Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação da Universidade do Extremo Sul Catarinense para a obtenção do grau de Mestre em Ciências Ambientais.; Engenharia ambiental A internalização das questões ambientais pelas instituições de ensino superior remonta aos anos 60, a partir dos alertas de algumas áreas do conhecimento científico em relação aos desequilíbrios ecológicos causados pelas atividades humanas. Nos anos 90, houve uma verdadeira explosão de cursos universitários ligados ao meio ambiente. Na região carbonífera catarinense, o curso de Engenharia Ambiental se insere no ano de 1999 em face de toda a problemática socioambiental derivada da atividade carbonífera. Nesse sentido, o presente trabalho problematiza a contribuição do profissional da Engenharia Ambiental no âmbito da região carbonífera catarinense, tendo em vista a existência do curso e as potencialidades de sua atuação para a melhoria da qualidade socioambiental regional. Quanto aos procedimentos metodológicos, o sujeito de pesquisa compreende o engenheiro ambiental formado entre os anos de 2004 e 2010 pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC). Para tanto, julgou-se pertinente a elaboração de dois instrumentos de coleta de dados: um questionário (primeira etapa) e um roteiro de entrevista estruturada (segunda etapa). Verificou-se que 65% dos egressos estão atuando na área ambiental...

"Payas" por la tierra de "El Churcalino" Aproximación a un caso de resistencia desde la Folkcomunicación; "Payas" por la tierra de "El Churcalino" Aproximación a un caso de resistencia desde la Folkcomunicación; "Payas" por la tierra de "El Churcalino" Aproximación a un caso de resistencia desde la Folkcomunicación

Aguilar, Cristian Yáñez; Sepúlveda, Cristian Delgado
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigos; Pesquisa descritiva; ; Formato: application/pdf
Publicado em 08/08/2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.27%
O artigo descreve as práticas poéticas populares através do qual um actor local percebe a questões sociais e ambientais a partir de uma perspectiva local de Pascua Lama. A abordagem teórica é a Folkcomunicación em diálogo com outras perspectivas das ciências sociais. Metodologicamente trabalhou com base em entrevistas semi-estruturadas, registro, análise do material musical e revisão da literatura. DOI: 10.5841/extraprensa.v1i12.495; The article describes the popular poetic practices by which a local actor realizes the social and environmental issues from a local perspective from Pascua Lama. The theoretical approach is the Folkcomunicación in dialogue with other social science perspectives. Methodologically worked based on semi-structured interviews, recording, analysis of musical material and literature review. DOI: 10.5841/extraprensa.v1i12.495; El artículo describe las prácticas poético populares  mediante las cuales un actor local da  cuenta de la problemática socioambiental desde una perspectiva local  a partir del proyecto Pascua Lama. El enfoque teórico es la folkcomunicación en diálogo con otras perspectivas de las ciencias sociales. Metodológicamente se trabajó en base a entrevistas semi estructuradas...

A problemática socioambiental na formação do arquiteto: perspectivas e desafios apontados por um estudo do currículo de um curso de arquitetura e urbanismo

Pavesi, Alessandra; Freitas, Denise de
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Arquitetura e Urbanismo Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Arquitetura e Urbanismo
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 POR
Relevância na Pesquisa
46.52%
This paper focuses on some consequences of contemporary environmental crises on the architect professional profile, education in architecture and, finally, on the curriculum of architecture degrees. Our discussion is based on the opinions and experiences of a group of teachers responsible for the Architecture and Urbanism Course of the Engineering School of São Carlos (EESC-USP, SP, Brazil). The interpretation of their concerns offers a set of issues which witnesses the complex problematic nature of greening curricula.; Neste trabalho discutem-se alguns dos efeitos que a problemática socioambiental, em sua definição contemporânea, vem produzindo na concepção do perfil profissional do arquiteto, no processo de sua formação e, em última análise, no currículo dos cursos de graduação em arquitetura e urbanismo. A discussão tem em seu âmago argumentações e experiências de um grupo de professores do Curso de Arquitetura e Urbanismo (CAU) da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC-USP). A interpretação de suas falas provê um quadro de elementos e condições que atestam a natureza complexa e problemática da ambientalização curricular.

Problemática ambiental ou problemática socioambiental? A natureza da relação sociedade/meio ambiente; An environmental or a socio-environmental issue? The nature of the society-environment relationship

Fernandes, Valdir; Universidade Federal do Paraná; Sampaio, Carlos Alberto Cioce
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 18/12/2008 POR
Relevância na Pesquisa
56.76%
A problemática socioambiental postula uma mudança de paradigma que tem como base de sustentaçãouma racionalidade alternativa aos grandes conflitos da sociedade moderna. Esses conflitos são traduzidose resumidos pela difícil relação entre desenvolvimento econômico e preservação ambiental. A mudançade paradigma está no fato de inserir a sustentabilidade socioambiental como critério de desenvolvimento.A problemática socioambiental postula também outra abordagem epistemológica por intermédio da visãosistêmica e da atuação interdisciplinar, apoiada numa mudança moral e ética. O objetivo deste ensaio édiscorrer sobre esses postulados de mudança e sobre a dicotomia entre sistemas ecológicos e sociais.; The socio-environmental debate postulates a paradigm shift that is sustained by a kind of rationalitythat serves as an alternative to the big conflicts of modern society. These conflicts have to do with thedifficult relationship between economic development and environmental preservation. The paradigmshift consists in including socio-environmental sustainability as a pre-requisite for development. Thesocio-environmental debate also postulates another epistemological approach through a systemic visionand inter- and trans-disciplinary action...

PROBLEMÁTICA SOCIOAMBIENTAL NO LITORAL DO PARANÁ.

Esteves, Cláudio Jesus de Oliveira; UFPR
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Resumo Não Avaliado por Pares" Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2006 POR
Relevância na Pesquisa
36.39%

Tratamento da Problemática Socioambiental no Ensino Médio por Meio da Prática Interdisciplinar em Projeto de Formação Docente

Panzeri, Carla Gracioto; Universidade Federal de Alfenas; Alberto Jr., Laerte; Escola Carlos Gomes; Compiani, Maurício; Universidade Estadual de Campinas
Fonte: UFSC Publicador: UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 03/06/2013 POR
Relevância na Pesquisa
56.55%
Este texto tem como objetivo apresentar pesquisa acerca do tratamento da problemática socioambiental por meio de uma abordagem interdisciplinar construída no cotidiano escolar, no âmbito de um projeto de formação continuada de professores. Tal prática interdisciplinar foi elaborada para tratar os problemas socioambientais observados na área de entorno da unidade escolar envolvida no referido projeto. O procedimento elaborado pelos professores visando o tratamento integrado das questões socioambientais locais teve como cerne as Aulas Integrativas Formativas (AIF). Estas fizeram parte de uma proposta de reorganização do processo de ensino aprendizagem e do trabalho cooperativo entre os professores, por meio de uma dinâmica reflexiva e investigativa educacional. Consideramos que essa proposta privilegiou o diálogo entre os conhecimentos específicos de cada disciplina, no sentido de elaborar um processo explicativo da realidade local por meio do estabelecimento de um conjunto socialmente identificado de problemas, objetivos e soluções.

Urbanización y problemática socioambiental en la costa sur de Jalisco, México: Una aproximación

Gerritsen,Peter R. W.; Lomelí Jiménez,Alma; Ortiz Arrona,Claudia
Fonte: El Colegio de Sonora Publicador: El Colegio de Sonora
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2005 ES
Relevância na Pesquisa
66.64%
El enfoque de este artículo está puesto en la relación entre la urbanización y el manejo de recursos naturales. Se basa en un estudio de caso, describe las tendencias de crecimiento urbano de ocho municipios que conforman la cuenca media del río Ayuquila y relaciona estas tendencias con su problemática socioambiental. Con base en el análisis del estudio de caso, el artículo finaliza con conclusiones generales sobre el desarrollo regional sustentable.