Página 1 dos resultados de 473 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Performance e preferência de imaturos selvagens de Ascia monuste (Godart, 1819) (Lepidoptera, Pieridae) na mudança e na privação de hospedeiros alimentares diferentes; Performance and host preference of Ascia monuste (Lepidoptera, Pieridae) wild immatures in food change and deprivation of different hosts

Santana, Alessandra Figueiredo Kikuda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
56.65%
Lagartas de Ascia monuste (Lepidoptera, Pieridae) são especialistas em Brassicaceae, sendo uma das maiores consumidoras desta família da região Neotropical. No campo, uma grande proporção de lagartas migra para outros hospedeiros e freqüentemente deparam-se com variações nutricionais e espaciais de alimento. O presente trabalho teve como objetivo principal estudar a performance dos imaturos de A. monuste em quatro combinações de alimentações, com hospedeiros alimentares diferentes numa mesma fase ontogenética, utilizando-se três hospedeiros naturais: couve (Brassica oleracea var. acephala) e rúcula (Eruca sativa), e couve e repolho (B. oleracea var. capitata). Estas plantas diferem quanto ao conteúdo de nitrogênio, com couve e rúcula tendo quantidades semelhantes e maiores que o repolho. Além disso, foi avaliado, tanto em campo quanto em laboratório, se a experiência alimentar prévia influencia na escolha de alimento no instar larval subseqüente, e quais seriam os efeitos de um período de privação de 24 horas de alimento, antes da mudança de hospedeiro, sobre a performance do inseto. Apesar de pequenas diferenças digestórias, possivelmente causadas pela adequação às diferenças de nutrientes, o tempo de desenvolvimento não diferiu significativamente entre os tratamentos; houve uma porcentagem de emergência e fecundidade potencial altas. De acordo com os resultados encontrados no presente estudo...

A utilização do paradigma de equivalência de estímulos para modificar a preferência alimentar; The use of stimulus equivalence paradigm to modify preference food.

Straatmann, Gisele
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 05/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.66%
O presente trabalho teve como objetivo verificar a aquisição de função simbólica de expressões emocionais por nomes de alimentos verdadeiros e fictícios em adolescentes, por meio do paradigma de equivalência de estímulos. No Estudo I foram ensinadas relações entre as faces humanas expressando alegria e neutralidade com nomes de alimentos verdadeiros pelo procedimento de matching-to-sample simultâneo, diferindo a quantidade de treino em três grupos experimentais (segundo e terceiro grupo com supertreino). Os retratos faciais (conjunto A) foram relacionados a conjuntos de estímulos abstratos (conjuntos B e C); estímulos do conjunto B foram relacionados a nomes de alimentos (D). Portanto, as relações AB, AC e BD foram treinadas. Ao final foi conduzido o teste de equivalência CD/DC. Para avaliação inicial e final dos alimentos, foi utilizado um questionário com cinqüenta nomes de alimentos anexados a uma escala de avaliação de cinco pontos composta de expressões faciais e um teste de preferência alimentar com dez alimentos selecionados do questionário. Cinqüenta e cinco participantes da quinta série do ensino fundamental de escolas públicas e particulares concluíram o Estudo I. Trinta e cinco participantes mostraram desempenhos consistentes na fase de estabelecimento de equivalência de estímulos (nove do Grupo 1...

Aspectos da estampagem na preferência alimentar de Peucetia rubrolineata (Araneae: Oxyopidae) e evolução do cuidado materno na superfamília Lycosoidea; Evidence of imprinting in prey preference of the spider Peucetia rubrolineata (oxyopidae) and the evolution of maternal care in the superfamily Lycosoidea

Guarda, Danilo Demarchi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.75%
Duas espécies de aranhas da família Oxyopidae, Peucetia rubrolineata e P. flava, foram observadas em campo e laboratório. Durante essas observações foram coletadas informações sobre habitat (associação com plantas que possuem tricomas glandulares), inimigos naturais (ootecas parasitadas por vespas da família Ichneumonidae e neurópteros da família Mantispidae) e dieta (registro de 22 eventos de alimentação). Os dados apresentados são comparados com informações da literatura. Embora conhecidas como predadores generalistas, muitas espécies de aranhas podem manifestar preferência por determinados tipos de presa. Estudos indicam que a preferência alimentar das aranhas da família Oxyopidae pode estar relacionada a processos de estampagem, que ocorrem no início do desenvolvimento dos animais. Durante as incursões em campo, 19 fêmeas adultas da espécie P. rubrolineata foram coletadas e levadas ao laboratório para realização de experimentos de preferência alimentar. Jovens de P. rubrolineata foram submetidos a testes de escolha de presas, nos quais foram oferecidos grilos recémnascidos (Gryllus sp) e moscas de fruta (Drosophila sp). Foram realizados 3 experimentos, que combinavam 4 variáveis: tipo de presa, idade do animal (5 ou 15 dias)...

Análise espaço-temporal da composição da dieta, preferência alimentar e desenvolvimento de gônadas de Lytechinus variegatus (Lamarck, 1816) no infralitoral rochoso da enseada de Parati-Mirim (Paraty, RJ); Spatial-temporal analysis of diet composition, feeding preference and gonadal development of Lytechinus variegatus (Lamarck, 1816) on the rocky sublittoral of Parati-Mirim Bight in Parati-MIrim (Paraty, RJ)

Kasamatsu, Leandro Kodama
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.69%
Os ouriços do mar são extremamente importantes no que diz respeito ao funcionamento do ecossistema marinho. Sua capacidade de estruturar este ambiente causa implicações em larga escala. Baseado nisso e tomando em conta que sua faixa de distribuição é bastante larga, esforços são necessários para uma melhor compreensão de sua ecologia. Neste trabalho buscou-se compreender como diâmetro, densidade populacional e desenvolvimento gonadal se apresentam em uma escala espaço-temporal. Foi feito também um estudo para entender como são compostas as comunidades do fitobentos associada ao ouriço e a sua dieta e, como estas composições se comportam entre tempos e locais diferentes. Por fim, foi realizado um estudo com índices de preferência alimentar a fim de identificar se estes ouriços exibem preferência ou rejeição para algum item alimentar e, da mesma maneira que feito anteriormente, verificar se a seletividade é heterogênea no tempo e no espaço. No período de aproximadamente um ano, foram analisadas populações e coletados 192 ouriços da espécie Lytechinus variegatus. Foi verificado que, em relação às densidades populacionais, parece existir um padrão espacial de crescimento dos animais de sudeste a noroeste da enseada de Parati-Mirim...

Efeito de diferentes dietas sobre a modulação do comportamento alimentar em vias homeostáticas e hedônicas em ratas fêmeas

Laureano, Daniela Pereira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.69%
Introdução: A exposição crônica a diferentes tipos de dieta altera o metabolismo hipotalâmico e mesolímbico, podendo causar alterações no comportamento alimentar do indivíduo. O BDNF, fator de crescimento neuronal, pode atuar na modulação do comportamento alimentar tanto em vias hedônicas quanto homeostáticas. O objetivo do estudo foi investigar como o BDNF atua na modulação do comportamento alimentar em vias homeostáticas e hedônicas em ratas fêmeas com diferentes perfis metabólicos. Materiais e métodos: Ratas Wistar fêmeas adultas randomizadas por peso foram divididas em: dieta controle (C) contendo 22% de proteína e 4% de lipídios; dieta hipoproteica (LP) 8% de proteína ou dieta hiperlipídica (HF) 45% de lipídios, ad libitum, por 5 semanas, sendo o consumo medido a cada 72 horas e o peso semanalmente. O trabalho foi dividido em duas partes. Na primeira parte, após as 5 semanas de dieta os animais ficaram em jejum por 4 horas e foram expostos ao alimento doce (Froot Loops®), previamente pesado, por 1 hora, a fim de verificar o consumo de alimento palatável em ratas com diferentes perfis metabólicos. Imediatamente após coletou-se sangue e cérebro, assim como, o peso da gordura abdominal foi mensurado. Na segunda parte do estudo...

Mecanismos envolvidos na programação fetal do comportamento alimentar pela restrição de crescimento intrauterino em roedores e humanos

Molle, Roberta Dalle
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.82%
Introdução: Alterações no ambiente fetal conferem um risco aumentado para doenças crônicas como obesidade, doença cardiovascular, hipertensão arterial e diabetes tipo 2. As evidências sugerem que a restrição de crescimento intrauterino (RCIU) pode programar de forma persistente as preferências alimentares, e acredita-se que esse tipo de alteração comportamental, pode explicar, pelo menos em parte, o aumento do risco para essas doenças em indivíduos que sofreram RCIU. Portanto, torna-se importante entender os fatores associados e mecanismos envolvidos nesse comportamento. O objetivo deste trabalho foi investigar o efeito da RCIU no comportamento alimentar em animais e humanos, assim como os possíveis mecanismos envolvidos na sua programação. Métodos: Ratas Sprague Dawley prenhes foram randomizadas para o grupo controle (Adlib), que recebeu dieta padrão ad libitum ou grupo restrição 50% (FR), que recebeu 50% do consumo habitual de genitoras alimentadas ad libitum. As dietas foram oferecidas a partir do dia 10 de gestação até o dia 21 de lactação. Em até 24h após o nascimento, foi realizada a adoção cruzada formando os grupos: Adlib_Adlib, FR_Adlib, FR_FR, Adlib_FR. O consumo de ração padrão foi comparado entre todos os grupos. A preferência alimentar...

Preferência alimentar por insetos aquáticos em espécies de peixes de riacho tropical

Pinto, Tamara Leite Ferreira
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 102 f.
POR
Relevância na Pesquisa
46.62%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pós-graduação em Ciências Biológicas (Zoologia) - IBB; A composição da fauna de um riacho pode variar tanto em função de alterações sazonais em sua estrutura, como em função da presença ou ausência da mata ciliar, acarretando alterações na oferta de nichos e modificando a composição de espécies. Uma questão que tem sido pouco considerada em estudos de partilha de recursos no Brasil, sao mudanças no hábito alimentar, em função da disponibilidade de alimento e mudanças na escolha do alimento, em função de sua qualidade. Assim, a determinação da existência ou não de uma preferência alimentar pela ictiofauna de riachos permitiria uma análise das relarções tróficas entre os membros da comunidade, levando em conta os recursos disponíveis no ambiente e a seletividade alimentar das espécies. No presente trabalho, as comunidades de macroinvertebrados aquáticos e de peixes de um riacho de 3ª ordem situado no município de Itatinga (SP) foram estudadas com objetivo de verificar possíveis mudanças na estrutura destas comunidades e na seletividade alimentar dos peixes, em função de variações sazonais (estação seca-Junho/2006 e chuvosa-Dezembro/2006) e espaciais (presença ou ausência de mata ciliar). A partir de uma análise quantitativa da fauna bentônica em corredeiras e da dieta da ictiofauna...

Preferência alimentar de Lutzomyia longipalpis (Lutz & Neiva, 1912) em área de transmissão de leishmaniose visceral em Mato Grosso

Missawa,Nanci Akemi; Lorosa,Elias Seixas; Dias,Edelberto Santos
Fonte: Sociedade Brasileira de Medicina Tropical - SBMT Publicador: Sociedade Brasileira de Medicina Tropical - SBMT
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.5%
O estudo dos hábitos alimentares e do conteúdo intestinal dos flebotomíneos permite a identificação dos hospedeiros, indicando os potenciais reservatórios das leishmanias. Este trabalho objetivou determinar a preferência alimentar de Lutzomyia longipalpis e sua relação com a transmissão da leishmaniose visceral. As capturas mensais foram realizadas em área de transmissão de leishmaniose visceral, município de Várzea Grande, Estado de Mato Grosso, no período de janeiro de 2004 a junho de 2006, utilizando-se armadilhas de luz CDC. Foram capturadas 2.376 fêmeas de Lutzomyia longipalpis, das quais 104 (4,4%) estavam ingurgitadas, sendo 32 (30,8%) capturadas no intradomicílio e 72 (69,2%) no peridomicílio. Após reação de precipitina, observou-se que as fêmeas de Lutzomyia longipalpis alimentaram-se preferencialmente em aves (30,8%) e roedores (21,2%), mas também foram encontradas fêmeas alimentadas de sangue de humanos, gambás, bois, cavalos e cães, demonstrando o caráter oportunista da espécie.

Divergência genética entre cultivares comerciais de repolho quanto à preferência do pulgão‑da‑couve

Melo,Brisa do Svadeshi Cabral de; Bleicher,Ervino; Bertini,Cândida Hermínia Campos de Magalhães; Silva,Jefté Ferreira da
Fonte: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira Publicador: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2013 PT
Relevância na Pesquisa
56.61%
O objetivo deste trabalho foi avaliar a divergência genética entre cultivares de repolho quanto à preferência alimentar do pulgão‑da‑couve (Brevicoryne brassicae). O experimento foi realizado com 27 cultivares, em casa de vegetação, com determinação da preferência do afídeo em ensaios com ou sem chance de escolha. Utilizou-se o delineamento de blocos ao acaso, com 27 tratamentos e cinco repetições. Estimaram-se as distâncias generalizadas de Mahalanobis e as cultivares foram agrupadas pelo método de Tocher, com formação de sete grupos. As cultivares Chato de Quintal, Ryuho e Taishita foram as menos preferidas pelo afídeo. A distância máxima foi verificada entre as cultivares Das 4 Estações e Suki, e a mínima ocorreu entre Chato de Quintal e Astrus Plus. O número de ninfas é a variável que permite maior diferenciação entre as cultivares. Há variabilidade entre as cultivares comerciais de repolho quanto à preferência alimentar do pulgão.

Preferência alimentar de juvenis de lambari-cachorro, Oligosarcus hepsetus, em relação a duas espécies de presas de peixe em ambiente controlado

Santos,Alejandra Filippo Gonzalez Neves dos; Carrera,Pedro Ribeiro de Oliveira; Aronovich,Marcos; Santos,Luciano Neves dos
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.62%
O presente trabalho foi baseado em dados pretéritos sobre a dieta natural do lambari-cachorro Oligosarcus hepsetus em um reservatório do Sudeste brasileiro, e com isso foi testada a preferência alimentar desse carnívoro, a partir de experimentos com microcosmos. Os experimentos foram realizados em aquários, em janeiro de 2011. Os predadores foram coletados em um tributário do Rio Paraíba do Sul, enquanto as presas: Tilápia rendalli e o lambari, Astyanax fasciatus, foram adquiridas em pisciculturas. Foi testada a preferência alimentar do lambari-cachorro quanto ao tamanho das presas e às espécies-presa e os resultados foram relacionados com a energia da presa. O lambari-cachorro predou tilápia de menores comprimentos (CT) e alturas do corpo (AC), ao passo que não foi observado um padrão evidente de consumo de lambaris. Nos experimentos com CT padronizado, lambari-cachorro consumiu preferencialmente tilápias a lambaris, enquanto, nos experimentos com AC padronizada, não foram detectadas preferências no consumo por determinada espécie-presa. Diferenças energéticas entre espécies-presa parecem importar menos que diferenças morfológicas na preferência alimentar do lambari-cachorro.

Biologia e preferência alimentar de Ascia monuste orseis (Latreille) (Lepidoptera: Pieridae) na planta invasora Raphanus raphanistrum L.

Pereira,Tania; Pasini,Amarildo; Oliveira,Émerson D.M. de
Fonte: Sociedade Entomológica do Brasil Publicador: Sociedade Entomológica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2003 PT
Relevância na Pesquisa
66.55%
Foi estudada a biologia e preferência alimentar do curuquerê-da-couve, Ascia monuste orseis (Latreille) na planta invasora R. raphanistrum L. Ovos de A. monuste orseis foram coletados nas plantas de couve manteiga da fazenda da Universidade Estadual de Londrina (UEL), PR. As lagartas foram individualizadas, recebendo folhas de nabiça diariamente, observando-se os ínstares e registrando-se a mortalidade. A duração média da fase larval foi de 12,9 (± 0,08) dias, com mortalidade de 42,0%; a duração média da fase pupal foi 6,7 (±0,13) dias e a mortalidade de 38,4%. O curuquerê preferiu alimentar-se de nabiça, comparativamente com a couve manteiga, Brassica oleracea var. acephala.

Biologia e preferência alimentar de spodoptera frugiperda (Lepidoptera: noctuidae) em diferentes fontes hospedeiras.

SILVA, D. M.; BUENO, A. F.; FRANÇA, L. F. T.; MANTOVANI, M. A. M.; STECCA, S. C.; LEITE, N.; OLIVEIRA, M. C. N.; MOSCARDI, F.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE SOJA, 6., 2012, Cuiabá. Soja: integração nacional e desenvolvimento sustentável: anais. Brasília, DF: Embrapa, 2012. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE SOJA, 6., 2012, Cuiabá. Soja: integração nacional e desenvolvimento sustentável: anais. Brasília, DF: Embrapa, 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.; 6 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.75%
Spodoptera frugiperda é uma das principais pragas da cultura do milho causando prejuízos que variam de acordo com a fase de desenvolvimento da planta e com a cultivar. Este estudo avaliou a biologia e a preferência alimentar de S. frugiperda por plantas de soja, algodão, trigo, milho, aveia comparativamente à dieta artificial para verificar potenciais hospedeiros e sua atratividade para os diferentes instares desta espécie. Os estudos de biologia e preferência alimentar foram conduzidos em câmaras climatizadas com temperatura, umidade e fotofase controladas (25± 1ºC, 70 ± 10% UR e 14h). O delineamento experimental utilizado foi blocos ao acaso, com seis tratamentos e 10 repetições para os ensaios de biologia e trinta blocos e 30 repetições para o ensaio de preferencia alimentar. Os dados foram submetidos à análise de variância através do programa estatístico SAS e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de probabilidade. A sobrevivência (%) e a razão sexual das lagartas não foram influenciadas pelo alimento oferecido. Entretanto, a duração dos instares (dias) foi significativamente influenciada, sendo mais curta nos tratamentos com gramíneas onde se destacou o trigo, como o alimento em que houve o menor tempo de desenvolvimento. O algodão e a soja foram os hospedeiros que mais prolongaram o ciclo de desenvolvimento das lagartas. As lagartas que se alimentaram dealgodão originaram as pupas de menor peso...

Desmame precoce: efeitos sobre a evolução do comportamento alimentar em ratos

dos Santos Oliveira, Lisiane; Manhães de Castro, Raul (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.56%
O período de lactação é considerado crítico para o desenvolvimento de sistemas orgânicos entre eles o sistema nervoso. Mudanças ambientais como a qualidade da nutrição ou o estresse são capazes de promover alterações estruturais no desenvolvimento e provocar alterações comportamentais em longo prazo. O presente trabalho teve como objetivo investigar os efeitos do desmame precoce por separação materna sobre o comportamento alimentar na vida adulta. No primeiro artigo original intitulado Effects of the early weaning on the circadian rhythm and behavioral satiety sequence in rats foi demonstrado que o desmame precoce não altera o peso corporal e o consumo alimentar basal, mas promove retardo no aparecimento da saciedade e alteração do ritmo circadiano de consumo alimentar na vida adulta. O segundo artigo original intitulado Early weaning programs rats to have a dietary preference for fat and palatable foods in adulthood demonstrou que o desmame precoce conduz a preferência alimentar por dieta lipídica e induz a hiperfagia por dieta palatável com alta densidade calórica. Em conclusão, a manipulação do período de desmame parece interferir com a programação do comportamento alimentar promovendo alterações perceptíveis no organismo adulto

Programação Nutricional: Estudo da preferência alimentar e da participação dos receptores serotoninérgicos centrais do tipo 5-HT1B/D no controle da saciedade em ratos

Peixoto Magalhães, Carolina; Manhães de Castro, Raul (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.65%
Durante a janela precoce de plasticidade fisiológica existem fases de crescimento do sistema nervoso que são sensíveis às agressões ambientais, sendo considerados períodos críticos do desenvolvimento. Esse fenômeno biológico que estabelece a relação entre estímulos no período crítico de desenvolvimento e o estado funcional futuro é denominado de programação. Investigamos os efeitos da desnutrição perinatal sobre o perfil do comportamento alimentar e a participação dos receptores 5-HT1B/D no controle da saciedade e a preferência por alimentos palatáveis em ratos de meia-idade. No primeiro artigo intitulado The modulatory role of serotonin on feeding behavior foi realizada uma ampla revisão de literatura sobre o papel desempenhado pelo sistema serotoninérgico sobre o comportamento alimentar. No segundo artigo original intitulado Perinatal protein restriction induces alteration of control of satiety by 5-HT1B/1D receptor agonist and alterations of alimentary preference in adult rats investigamos os efeitos da desnutrição perinatal sobre a preferência por alimentos com alto teor de gordura ou sacarose e a ação do agonista 5-HT1B/1D sobre os parâmetros da seqüência comportamental de saciedade em ratos de meia-idade. A desnutrição materna durante a gestação e lactação é capaz de alterar a preferência por alimentos palatáveis e a seqüência comportamental de saciedade. Concluímos que a desnutrição no período crítico do desenvolvimento programa o perfil alimentar de ratos adultos; Universidade Federal de Pernambuco

Estresse por Separação Materna: Estudo do Comportamento Alimentar em Ratos

Silva, Matilde Cesiana da; Souza, Sandra Lopes de (Orientadora); Bolaños Jimenez, Francisco (Coorientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Tese de Doutorado
BR
Relevância na Pesquisa
56.65%
Entre os fatores que podem modificar a responsividade do organismo ao estresse, estão experiências que incidem durante o período de rápido desenvolvimento do sistema nervoso. A separação periódica entre mães e filhotes tem sido utilizada como modelo de estresse perinatal. Ratos provenientes desse modelo apresentam na vida adulta elevada responsividade ao estresse e ansiedade, déficits de aprendizado e memória e modificações na expressão de comportamentos. O presente estudo teve como objetivo investigar, em ratos machos e fêmeas, os efeitos da separação materna periódica durante a lactação em diferentes ciclos de luminosidade sobre parâmetros do controle do comportamento alimentar na vida adulta. Foram utilizados ratos da linhagem Wistar provenientes do biotério do Departamento de Nutrição da Universidade Federal de Pernambuco. A separação entre mães e filhotes foi realizada do 1° ao 14°dia de vida, por seis horas, nos períodos claro ou escuro do ciclo de luminosidade. Na vida adulta aos 180 dias, foram avaliados a Sequência Comportamental de Saciedade, a preferência a macro-nutrientes, resposta a dieta palatável e ao jejum, bem como dosagem de corticosterona sanguínea. Em relação ao consumo alimentar fêmeas separadas no claro foi maior (CF=8.2±0.2 n=10 v.s SCF= 9.9±0.3 n=10...

Determinação de protocolo para avaliação da preferência alimentar em cães

Zanatta, Carolina Pedro
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.61%
Resumo: A ingestão de alimentos obedece a fatores intrínsecos e extrínsecos ao animal, apresentando ainda complexa interação entre estes. Embora os cães possuam a capacidade de ingerir a quantidade necessária para satisfazer sua demanda energética diária, a regulação do consumo é afetada quando ofertado um alimento altamente palatável. Considerando a necessidade de se avaliar tais fatores e aplicá-los na prática, o presente estudo teve por objetivo determinar um protocolo para ensaios de preferência alimentar em cães. Para isso, foram realizados dois experimentos: 1) avaliando a diferença entre raças (Beagle, Labrador, Husky Siberiano e Basset Hound) quanto à concordância para seleção entre dois alimentos e para concisão na escolha, por meio da Razão de Ingestão (RI) de cada dieta. Houve diferença entre raças em termos de concisão da escolha e de concordância entre os alimentos, sendo que, dependendo do objetivo do teste, algumas combinações são mais eficientes do que outras, podendo apresentar resultados mais confiáveis; 2) avaliando três protocolos tendo como fonte de variação número de animais utilizados e dias de avaliação, sendo 32 cães avaliados por um dia (P32); 16 cães avaliados por dois dias (P16); 8 cães avaliados por quatro dias (P8)...

Preferência alimentar e identificação das principais fontes de repasto sanguíneo de fêmeas Lutzomyia (Diptera: Psychodidae) em áreas endêmicas para leishmaniose visceral na grande Natal

Silva, Virgínia Penéllope Macedo e
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Bioquímica; Bioquímica; Biologia Molecular Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Bioquímica; Bioquímica; Biologia Molecular
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.65%
Leishmaniasis are endemic diseases wild spread in the New and Old World, caused by the flagelated protozoan Leishmania. In the New World, the distribution of different forms of leishmaniasis is mostly in tropical regions. In the State of Rio Grande do Norte, Northeast Brazil, 85% of the captured sand flies fauna is Lutzomyia longipalpis. The distribution of the sand fly vector in the state overlaps with the disease distribution, where the presence of sand flies is associated with presence of animals shelters. The aim of this study was to analyse the blood meal preference of sand flies vector from the genus Lutzomyia spp. in laboratory conditions, to verify the vector life cicle at different temperatures sets and to identify the main blood meal source in endemic areas for visceral leishmaniasis (VL) at peri-urban regions of Natal. Sand flies samples were collected from the municipalities of São Gonçalo do Amarante and Nísia Floresta where female sand flies were grouped for the colony maintenance in the laboratory and for the analysis of the preferred source of sand fly blood meal in natural environment. The prevalence of blood meal preference and oviposition for the females sand flies was 97% for Cavia porcellus with oviposition of 19 eggs/female; 97% for Eqqus caballus with 19 eggs/female; 98% for human blood with 14 eggs/female; 71.3% for Didelphis albiventris with 8.4 eggs/female; 73% for Gallus gallus with 14 eggs/female; 86% for Canis familiaris with 10.3 eggs/female; 81.4% for Galea spixii with 26 eggs/female; 36% for Callithrix jachus with 15 eggs/female; 42.8% for Monodelphis domestica with 0% of oviposition. Female sand flies did not take a blood meal from Felis catus. Sand flies life cycle ranged from 32-40 days...

Mecanismos de resistencia de genotipos de soja: teste de nao-preferencia para anticarsia gemmatalis Hubner, 1818 (LEP: Noctuidae).

HOFFMANN-CAMPO, C.B.; MAZZARIN, R.M.; LUSTOSA, P.R.
Fonte: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.29, n.4, p.513-519, abr. 1994. Publicador: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.29, n.4, p.513-519, abr. 1994.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.52%
Testes com dupla chance de escolha foram realizados em Londrina, PR, em 1988 e 1989, para avaliar a preferencia alimentar de Anticarsia gemmatalis Hubner, 1818 por genotipos de soja. Em tres experimentos, seis linhagens, uma cultivar e tres introducao resistentes a insetos foram comparadas com 'Davis' 'Bossier' ou Santa Rosa'. As lagartas mostraram rejeicao as linhagens BR82-12547, IAC74-2832 e pelas PIs 227687, 229358 e 274454. As linhagens BR7915149 e GoBR83-37004 foram preferidas, em comparacao aos padroes, e os demais genotipos (BR80-25896, 'IAC-100 e GoBR83-60040) nao diferiram dos padroes em relacao a preferencia das lagartas, tomando-se por base os indices de consumo. Linhagens descendentes da plantas introduzidas (PIs) 229358 e 274454 mostraram melhor desempenho com relacao a nao-preferencia de A. gemmatalis quando comparadas com as oriundas de PI227687.; 1994

Comparação entre cultivares de soja quanto à preferência alimentar de Cerotoma arcuata e suscetibilidade a um isolado do vírus do mosaico severo do caupi

Salas,Fernando Javier Sanhueza; Lopes,Marcus Vinicius Fachini; Pacheco,Ana Claudia Cotrim; Barradas,Maria Mércia
Fonte: Sociedade Botânica do Brasil Publicador: Sociedade Botânica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1998 PT
Relevância na Pesquisa
66.62%
Entre as viroses que causam prejuízos às culturas de leguminosas no Brasil, principalmente soja (Glycine max), feijão (Pliaseolus vulgaris) e caupi (Vigna unguiculata), inclui-se o mosaico severo do caupi, "cowpea severe mosaic Comovirus" - CpSMV, transmitido por Cerotoma arcuata (Coleóptera; Chrysomelidae). Um isolado deste vírus, denominado CpSMV-SP, proveniente de plantas de Vigna luteola coletadas no litoral sul do Estado de São Paulo, está sendo estudado no Laboratório de Fitovirologia e Fisiopatologia/ Instituto Biológico. O objetivo do presente trabalho consistiu em uma avaliação da preferência alimentar de C. arcuata em cultivares de soja e da suscetibilidade destes cultivares ao vírus. Na avaliação da preferência alimentar, os ensaios foram feitos com discos foliares colocados em placas de Petri, cobertas por copos plásticos, constituindo "arenas". Introduziu-se um coleóptero em cada "arena", realizando-se testes em confinamento, tanto com múltipla escolha (11 cultivares) como sem (um único cultivar). Os cultivares avaliados foram: 'BR-4', 'COODEPEC-201', 'EMBRAPA-48', 'EMBRAPA-59', 'IAC-177IAC-15-1', 'IAC-20', 'IAC-100', 'IAS-5', 'IGUAÇU' e 'PL-1'. Os ensaios de transmissão foram feitos através de inoculação mecânica e pelo vetor C. arcuata. Os resultados mostraram que os 11 cultivares são suscetíveis ao vírus...

Feeding preference of the sea urchin Lytechinus variegatus (Lamarck, 1816) on seaweeds

Souza, Camilla Ferreira; Oliveira, Aline Santos de; Pereira, Renato Crespo
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto Oceanográfico Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto Oceanográfico
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2008 ENG
Relevância na Pesquisa
46.71%
Seaweeds exhibit different strategies to minimize the damage caused by herbivores and also to influence the feeding preference of these consumers. This study evaluated the feeding preference of the sea urchin Lytechinus variegatus through multiple-choice experiments using the seaweeds Caulerpa racemosa, Dictyota menstrualis, Osmundaria obtusiloba, Plocamium brasiliense, Sargassum sp., and Ulva sp. In order to verify the importance of morphological and chemical aspects on this feeding preference, two assay-types were carried out using live and powdered macroalgae, respectively. Two different methods were employed to analyze the results obtained: comparison between biomass losses versus autogenic changes, and inclusion of autogenic values in biomass loss through herbivory. In both experiments a clear differential consumption of certain species of seaweeds by L. variegatus was observed, in the following decreasing order of preference: C. racemosa ≈ Ulva sp. >; O. obtusiloba ≈ Sargassum sp. >; P. brasiliense >; D. menstrualis. It was also verified that both methods of analysis used yielded similar results. According to the results obtained, feeding preference of L. variegatus is probably established by the defensive chemicals produced by P. brasiliense and D. menstrualis...