Página 1 dos resultados de 720 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

"A identidade cultural no processo de aprendizagem do português língua estrangeira (PLE) no Brasil" ; "The identity in the learning process of Portuguese as a foreign language (PFL) in Brazil"

Pereira, Giselda Fernanda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/10/2005 PT
Relevância na Pesquisa
96.58%
O propósito deste trabalho é apresentar uma discussão sobre a identidade cultural no processo de aprendizagem do Português Língua Estrangeira (PLE). Trataremos da caracterização de fatores que, a rigor, situam-se antes do processo de aprendizagem da língua, mas que nele têm uma participação crucial. As tensões existentes no processo de interação professor/aluno, por exemplo, podem ser um reflexo do desconhecimento das identidades em jogo, assim como, o uso de estereótipos, clichês e estigmas na elaboração da identidade do Outro. Assim, é importante pensarmos a identidade, não como uma somatória das variáveis sociais (sexo, classe, país de origem, etc.), mas como fator aglutinador das referências psico-histórico-sociais de um povo que se apresentam em um sujeito do discurso. Não é possível afirmarmos que o reconhecimento da identidade facilite ou induza a aprendizagem, mas pode dar um novo valor ao estudo de PLE, ou melhor, ao estudo de língua estrangeira, se a pensarmos como fonte de cultura e caracterização da identidade cultural. Refletindo sobre as relações sociais, encontraremos o que foi gerado pelos processos históricos e, mais fundamentalmente, aquilo que somos ou desejamos ser. Por esta razão...

A conjugação de 'ser' e de 'ter' em alguns livros didáticos de português língua estrangeira sob a ótica do pensamento complexo; Analisis of the way that the verb conjugation of "ser" (to be) and "ter" (to have) is presented by Portuguese as foreign language books visualized from the complex paradigm

Zampietro, Linei Matzenbacher
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/05/2007 PT
Relevância na Pesquisa
96.61%
A partir de uma base teórica que cruza textos advindos do pensamento complexo (Filosofia), do paradigma funcional (Lingüística) e de autores diversos das áreas de Didática, Sociologia e Lingüística Aplicada, afinados de alguma maneira com o paradigma ou pensamento complexo, analisaremos a forma de como a conjugação verbal dos verbos "ser" e "ter" é introduzida em nosso corpus - quatro livros didáticos de português (do Brasil) para estrangeiros de grande circulação no sul e sudeste do País, e tentaremos obter por meio dessa análise uma visão do quanto cada obra de nosso corpus se aproxima de nossa base teórica. Tal base, resumida em "quesitos" no capítulo 5 a serem satisfeitos ou não pelo corpus analisado nos capítulos 6 e 7, encara o indivíduo/aprendiz como um ser extremamente complexo pois portador de nuances as mais diversas, que se não consideradas no processo de aquisição da linguagem, aquisição por si só também extremamente complexa, corremos o risco de se ver esse indivíduo frustrado em sua tentativa legítima de aprender o português como língua estrangeira. A título de sugestão de melhorias na forma como nosso corpus introduz e sedimenta os verbos "ser" e "ter", descreveremos como os equivalentes desses verbos no inglês são introduzidos pela série New Interchange...

Marcadores discursivos no ensino de português-língua estrangeira (PLE) no Brasil; Discourse markers for teaching Portuguese as a Foreign Language (PFL) in the Brazil

Silva, Sérgio Duarte Julião da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/10/2004 PT
Relevância na Pesquisa
86.7%
Uma análise atenta do material de ensino de Português-Língua Estrangeira (PLE) ora existente no mercado revelará que as situações de conversação a que são expostos os alunos prendem-se, em sua maioria, paradoxalmente apenas à sintaxe do português culto escrito. Tal modalidade da língua, conforme demonstrado por diversos estudos realizados na linha da Pragmática e da Análise da Conversação (como, por exemplo, o PROJETO NURC e a coleção GRAMÁTICA DO PORTUGUÊS FALADO), acaba por distanciarse do português oral utilizado pelos brasileiros em sua prática cotidiana. A sintaxe do português falado, essencial para a comunicação, é pouco explorada no material didático de PLE. Inerentes à língua oral, encontramos diversos recursos para garantir o desempenho lingüístico na fala além da sintaxe prescritiva e do léxico. É tendo em vista tal importância desses recursos e cientes de que não se podem empregar as mesmas unidades sintáticas na língua escrita e na oral, que propomos uma investigação da utilização dos marcadores discursivos nos diálogos apresentados nos livros de PLE para que, num passo posterior, possamos questionar sua real eficácia como instrumento legítimo de ensino de língua estrangeira para fins de comunicação e competência pragmática. Nossa proposta de investigação da exploração de marcadores discursivos nos diálogos apresentados em livros didáticos de PLE tem como arcabouço teórico a Análise da Conversação...

Ensino e aprendizagem de português língua estrangeira: os imigrantes bolivianos em São Paulo - uma aproximação sociocultural; Teaching and learning portuguese foreign language: bolivian immigrants in Sao Paulo - a sociocultural approach

Vieira, Maria Eta
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
96.55%
Neste estudo investigamos o ensino e aprendizagem de português língua estrangeira (PLE) para falantes de espanhol, em especial, para bolivianos residentes em São Paulo. Para a consecução de nossos principais objetivos, quais sejam: identificar, analisar e apresentar propostas para facilitar o processo deste ensino e aprendizagem, tratamos de sincronizar a pesquisa teórica e o trabalho prático. A pesquisa bibliográfica iniciou-se com as obras do professor e pesquisador José Carlos Paes de Almeida Filho expandindo-se, posteriormente, a bibliotecas e sites de instituições vinculadas ao ensino e aprendizagem de PLE e também de outras línguas estrangeiras. Foram-nos de grande importância as publicações de Almeida Filho (1989; 1995; 2001; 2005); Kreutz (2000); Llobera (1995); Pacheco (2006); Santos Gargallo (1999) e também as contribuições da área de metodologia de ensino (CHAGAS, 1979; SÁNCHEZ LOBATO, 2004); trabalhos sobre conceitos de cultura, identidade, preconceitos e estereótipos (LARAIA, 2007; PRESTON e YOUNG, 2000; SCHUMANN, 1992; SERRANI, 2005; SIGNORINI, 2002; THOMPSON, 1995); e sobre multiculturalidade, ensino de línguas e comportamento intercultural (BACKMAN, 1995; CANALE, 1995; GARCÍA GARCÍA, 1998; 2004...

Análise e exploração de marcadores discursivos no ensino de português-língua estrangeira (PLE) no Brasil; Analysis and exploration of discourse markers in the teaching of portuguese as a foreign language (PFL) in Brazil

Silva, Sérgio Duarte Julião da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 11/11/2010 PT
Relevância na Pesquisa
96.71%
A conversação é fonte de grande parte de nossa noção de ordem social e, além disso, apresenta sua própria ordem e manifesta um senso próprio de estrutura. Ao interagirem através da conversação, as pessoas recorrem a procedimentos regulares através dos quais tornam explícitas as marcas de planejamento de seu discurso e as estratégias de gestão dos turnos de conversação, das relações estabelecidas e da interação verbal em si. A língua, portanto, não pode ser considerada simplesmente um código de comunicação, mas sim um meio através do qual atuam sujeitos que manifestam suas ideias sobre o mundo real e sobre seu próprio mundo interior, expressam seus papéis sociais e sua personalidade em um determinado contexto e, ainda, por mecanismos metalinguísticos, estabelecem relações de coesão e coerência nos seus próprios textos através dos vínculos que a linguagem verbal estabelece com ela mesma. Nesse processo, os marcadores discursivos (MD) exercem papel de extrema importância porque possibilitam e fazem funcionar mecanismos de atuação e manifestação dos sujeitos da enunciação. Entretanto, uma análise atenta dos materiais utilizados para o ensino de Português- Língua Estrangeira (PLE) no Brasil revelará que as situações de conversação a que são expostos os alunos pouco se utilizam desses elementos e processos típicos da interação verbal e acabam por prender-se à sintaxe do português culto escrito. Como resultado ao contrário de materiais didáticos de outros idiomas como o inglês...

Leitura literária em português - língua estrangeira (PLE): representações, compreensão e produção textual; Literary reading in Portuguese as a foreign language: representations, comprehension and composition

Takahashi, Neide Tomiko
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
86.61%
Ao considerarmos o aumento do número de estudantes oriundos de diferentes países em universidades brasileiras e a maior demanda por cursos de português para estrangeiros, é possível observar os desafios na elaboração de planos de aulas que permitam criar condições de entrelaçar a prática docente às representações de linguagem de seus aprendizes. Um dos desafios refere-se à leitura de textos literários, cujas atividades promovam um contato interacional profícuo, seja na esfera acadêmica, seja no cotidiano dos estudantes. Nesse contexto, este estudo situa-se na área de Linguística Aplicada ao ensino de português como língua estrangeira (PLE) e teve por objetivo verificar a relação entre a prática social da leitura de textos literários e sua recepção didática em sala de aula. Para tanto, buscamos um levantamento das representações, expectativas e preferências desses estudantes e, também, a análise de comentários por eles escritos a partir da compreensão de textos motivadores da literatura brasileira. Com a finalidade de discutir as contribuições da leitura literária em uma proposta de atividade extraclasse a alunos estrangeiros do nível avançado do Centro de Línguas da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo...

A formação de professores de espanhol língua estrangeira (Ele) no Brasil e de português língua estrangeira (Ple) na Argentina: identidade(s) em processo de construção e reconstrução

Rocha, Nildicéia Aparecida
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 84-93
POR
Relevância na Pesquisa
96.82%
Bajo la perspectiva discursiva, específicamente francesa y según estudios realizados por Hall (2002), Souza Santos (2005) entre otros, que están analizando el concepto de identidad, como los estudios de Celada (2002, 2009, 2010), Serrani (1997, 2003, 2005) y Zoppi-Fontana (2009), con relación al proceso de enseñanza y aprendizaje de Lengua Extranjera, verificamos que la construcción de la identidad se da en proceso de constante reconfiguración, visto que aprender otra lengua implica entrar en contacto con otros modos de ver y de nombrar el mundo, y de este modo es necesario “desplazarse” de sí mismo y reconfigurarse con relación a otro(s) hablante(s) de esta nueva lengua a ser aprendida. En nuestro caso se trata de aprender y enseñar lenguas próximas: portugués y español, con rasgos lingüístico-discursivos de aproximaciones y de distanciamientos. Para tanto, este estudio preliminar tiene como objetivos: verificar como acontece actualmente la constitución de la(s) identidad(es) en el proceso de enseñanza y aprendizaje de Español Lengua Extranjera (ELE) en Brasil y de Portugués Lengua Extranjera (PLE) en Argentina, en especial en la formación del profesor de estas lenguas; observar contextos de enseñanza y aprendizaje...

Análise de erros na produção escrita de aprendentes de português língua estrangeira : nível A1.2

Sousa, Sandra Santos
Fonte: Porto : [Edição do Autor] Publicador: Porto : [Edição do Autor]
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
96.78%
A aprendizagem de uma língua estrangeira implica cometer erros, erros esses que atualmente são tidos como indicadores do estádio do esforço de aprendizagem do aprendente. Para tal, o relatório aqui apresentado, cujo título é Análise de Erros nas Produções Escritas de Aprendentes de Português Língua Estrangeira – Nível A1.2 destina-se a identificar, classificar e analisar os erros cometidos pelos aprendentes de Português Língua Estrangeira, em produções escritas. No capítulo I desta investigação-ação, fornecemos uma visão geral de conceitos que achamos pertinentes para a Didática de Língua Segunda/Língua Estrangeira no processo de ensino-aprendizagem. No capítulo II, apresentamos as diferentes conceções do erro fundamentadas nos vários paradigmas apresentados pelos estudiosos que se interessam pelo ensino de uma língua estrangeira e, consequentemente, pela análise dos erros cometidos pelos aprendentes ao longo da aprendizagem. No terceiro capítulo, discorremos um pouco sobre o conceito de consciência metalinguística e a sua importância na produção escrita de aprendentes de uma língua estrangeira. No quarto capítulo, contextualizamos e apresentamos os três Ciclos da investigação-ação em que consistiu o estágio pedagógico que realizámos na FLUP com aprendentes de Português Língua Estrangeira – Nível A1.2...

As novas tecnologias nas aulas de português língua estrangeira : em foco : o blended learning-acções e perspectivas didácticas

Silva, Leila Aparecida
Fonte: Porto : [Edição do Autor] Publicador: Porto : [Edição do Autor]
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
96.59%
As mudanças do mundo actual impõem a necessidade de se reavaliar, recriar e reformular muitos dos valores e dos parâmetros educacionais. O encurtar das distâncias e a velocidade cada vez maior da ocorrência dos fatos, implica numa maior agilidade na tomada de decisão e na acção dos docentes. O computador assume um papel funcional na contemporaneidade, principalmente no tocante ao ensino de Português Língua Estrangeira, uma vez que permite e exige uma dissociação do tempo e do lugar geográfico físico das actividades humanas. A educação a distância, sobretudo o modelo combinado de aprendizagem, doravante Blended Learning, é uma modalidade de ensino que tem sido utilizada em diversas universidades espalhadas pelo mundo, a fim de ampliar as possibilidades de aprendizagem e minimizar deficiências do ensino presencial. Visando contribuir ao avanço da utilização das Novas Tecnologias nas aulas de Português Língua Estrangeira, o presente trabalho intenciona proporcionar a professores actuantes, uma nova fonte de exemplos e formas de uso no ensino mediado pelo computador. A metodologia aqui apresentada foi aplicada no curso de PLE, do nível B, da FLUP. Os resultados obtidos com a experiência apontam mudanças significativas do ponto de vista pedagógico para o ensino de línguas estrangeiras...

Relações semânticas de sinonímia e antonímia : contributo para o desenvolvimento da competência lexical na aula de Português Língua Estrangeira

Fernandes, Nina João Seabra Amaral Braz; Silva, Maria de Fátima Freitas da
Fonte: Porto : [Edição do Autor] Publicador: Porto : [Edição do Autor]
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
96.7%
Este trabalho toma como objecto de estudo o desenvolvimento da competência lexical em Português Língua Estrangeira, tendo como objectivo fundamental a elaboração de estratégias e actividades para o tratamento das relações semânticas de significado numa situação de aquisição formal de português língua estrangeira. Neste contexto, centra-se a atenção na aquisição das relações semânticas de sinonímia e antonímia em diferentes níveis da aprendizagem do Português Língua Estrangeira. O trabalho apresenta uma parte teórica, em que são explorados os princípios teóricos e metodológicos que suportam as propostas realizadas na segunda parte, de carácter eminentemente prático. A avaliação dos resultados obtidos na aplicação das actividades no domínio em análise mostrou que a elaboração de estratégias estimuladoras para a prática lexical das relações semânticas numa aula contribui, em particular, para o desenvolvimento da competência lexical do aprendente de língua estrangeira e, de forma global, para a sua competência comunicativa. À planificação e execução das actividades propostas esteve subjacente uma reflexão teórica, em função da qual se organizou a prática lectiva, seguindo as etapas de apresentação...

O conto no ensino-aprendizagem do português língua estrangeira alguns contributos

Fortes, Ruth Ivone Silva Morais
Fonte: Porto : [Edição do Autor] Publicador: Porto : [Edição do Autor]
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
86.74%
A promoção e a divulgação do Português no mundo são uma tarefa de todos aqueles que amam a língua de Camões. O ensino do Português como Língua Estrangeira ou Língua Segunda no âmbito da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa e fora dela é um passo à frente na promoção do português a nível internacional. Sendo o Português a sexta língua mais falada no mundo a sua divulgação e utilização como língua oficial, ao lado do inglês e do francês, nos organismos internacionais são ambições legítimas porque o espaço geográfico e o número de falantes da língua portuguesa no mundo justificam-se. Para promover e divulgar o Português no mundo e juntos daqueles que querem conhecê-lo melhor como Língua Estrangeira (LE) e/ ou Língua Segunda este estudo elegeu como suporte o conto literário como meio de ensino-aprendizagem e como uma mais-valia na difusão da língua nas suas diversas competências e da cultura. Para alcançar estes objetivos, optou-se por trabalhar o género textual conto literário. Escolheu-se um corpus de contos literários de escritores da Língua Portuguesa que permitiu aos aprendentes contactar diretamente com a língua e a cultura, assim como reconhecer aspetos importantes desta construção textual. Além disso...

DAS PRIMEIRAS GRAMÁTICAS DE PORTUGUÊS LÍNGUA ESTRANGEIRA – OS SÉCULOS XVII E XVIII

Silva, Ana Alexandra; Marçalo, Maria João Brôa Martins
Fonte: Universidad de Extremadura Publicador: Universidad de Extremadura
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
96.59%
As primeiras gramáticas de português língua estrangeira escritas em línguas vernáculas surgem no século XVII. O número é reduzido, mas adivinha-se uma forte expansão face às novas tendências de comércio entre países. Neste artigo falaremos dos dois primeiros títulos que chegaram até nós, assinados por De la Mollière e J. Howel. Procuraremos comparar e verificar qual a contribuição de cada um destes manuais para a história das gramáticas do Português como Língua Estrangeira. Abordaremos, ainda, mais dois autores (A.J. e Jacob Castro), do século XVIII, procurando verificar a evolução que estas últimas gramáticas tiveram em relação às primeiras do século XVII.

O ensino do português como língua estrangeira por professores não nativos

Tabilo, Lía
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /09/2011 OTHER
Relevância na Pesquisa
86.71%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Ensino do Português Língua Segunda e Estrangeira; Desde sempre, a língua tem sido um bem precioso que permitiu o intercâmbio entre os povos e possibilitou a troca de ideias, conceitos e visões do mundo. Agora, imaginemos que uma de todas as língua que actualmente falámos pertence a um determinado grupo só e que é intrasferível. Ela inevitavelmente morreria. Visto estarmos profundamente interessados em que isto não aconteça, a nossa dissertação de mestrado tem por objectivo dar a conhecer uma nova possibilidade para a Língua Portuguesa. Uma espécie de diversificação e aproveitamento dos recursos que actualmente estão disponíveis na rede de ensino de Português Língua Estrangeira e que podem, ou não, ter sido considerados. Esta convicção nos leva a expor o perfil do Professor Não Nativo e a reflectir sobre o seu papel na rede de Português Língua Estrangeira, seu desempenho com os alunos e os benefícios que poderia trazer para a expansão e instituição da Língua Portuguesa no currículo escolar dos seus países de origem ao fortalecerem o elo que os vincula ao mundo Lusófono.

Contributo para a análise dos manuais de português língua estrangeira na República Checa

Neumanová, Sandra
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
96.64%
O trabalho que se apresenta centra-se na situação atual do ensino/aprendizagem do Português Língua Estrangeira na República Checa, nomeadamente na análise dos manuais em utilização no país. Partiremos da definição e descrição de distintos métodos de ensino/aprendizagem de línguas estrangeiras, para depois nos centrarmos numa visão diacrónica da evolução do ensino do Português na República Checa. Seguindo-se o estudo qualitativo dos três manuais selecionados, editados ou reeditados posteriormente a 2006, com apresentação dos seus autores. Todos eles se destinam a um público generalista. Ao apresentarmos a organização global de cada um deles, propomos uma análise detalhada e rigorosa que abrange diferentes conceitos, tal como conteúdos comunicativos, linguísticos e culturais, tipologia dos exercícios propostos até a conceção gráfica do manual. Como documento base do trabalho servirá o Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas – Aprendizagem, ensino, avaliação. Adiante, observaremos a importância dos manuais que, apesar de não serem os únicos materiais didáticos, têm um papel significativo ao longo de ensino/aprendizagem de uma LE. Um manual de qualidade poderá representar um meio indispensável e importante para a educação e auto-educação dos alunos...

Textos literários no ensino de português-língua estrangeira (PLE) no Brasil; The literary texts in the teaching of Portuguese as a Foreign Language (PFL) in Brazil

Takahashi, Neide Tomiko
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/06/2008 PT
Relevância na Pesquisa
96.47%
O objeto deste trabalho é estudar o emprego de textos literários e a forma como eles são aproveitados no ensino de Português-Língua Estrangeira (PLE). Para tanto, apoiamo-nos nos fundamentos teóricos da abordagem comunicativa, da leitura e da enunciação a fim de investigar os potenciais pedagógicos do texto literário na sala de aula e nos livros didáticos de PLE. Com base em uma pesquisa feita com estudantes estrangeiros, pudemos detectar suas expectativas quanto à utilização de textos da literatura brasileira nas aulas, bem como suas representações lingüísticas, aí incluída a apropriação de elementos culturais, confirmando a relevância da contribuição desses textos no ensino de PLE. E, a partir da análise do emprego de textos literários e exercícios de compreensão em quatro materiais didáticos, observamos também que tais livros não podem suprir todas as expectativas dos alunos em razão de sua própria natureza didática, descontextualizada da interação autor-texto-leitor original. Como resultado, pudemos confirmar que o bom aproveitamento dos textos literários no ensino de PLE não está simplesmente no seu emprego como um pretexto em sala de aula ou nos manuais, mas no tratamento dado a eles, tendo em vista o seu caráter literário.; The objective of this paper is to study the employment of the literary texts and how they are exploited in the teaching of Portuguese as a Foreign Language (PFL). For that purpose...

Aprender português língua estrangeira na China e em Portugal : representações dos alunos

Ye Lin
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
96.75%
No contexto atual, “Aprender Português Língua Estrangeira” tem recebido atenção e interesse crescentes por parte da população chinesa e cada vez mais alunos escolhem fazer a sua licenciatura em Língua Portuguesa quando entram na universidade. Primeiro, a dissertação pretende identificar algumas dificuldades e problemas que os alunos de língua materna chinesa têm no estudo e no uso da Língua Portuguesa. Segundo, pretende-se realizar um estudo comparativo e analisar as diferenças entre a Universidade de Aveiro e três universidades chinesas – Universidade de Línguas Estrangeiras de Jilin Huaqiao, Universidade de Línguas Estrangeiras de Dalian e Universidade de Línguas Estrangeiras de Xi’an - que têm intercâmbio com a Universidade de Aveiro relativamente ao ensino de Português Língua Estrangeira a falantes de língua materna chinesa. Com esta dissertação propõe-se fazer uma análise das representações dos alunos, que têm experiência de intercâmbio entre a Universidade de Aveiro e a universidade em que fazem a licenciatura na China, em relação ao ensino/estudo de Português Língua Estrangeira. A presente dissertação tem assim por finalidade propor algumas medidas de forma a melhorar a eficiência e a qualidade de ensino de português a falantes de língua materna chinesa.; In the present context...

Ensinar a literatura em contexto de português língua estrangeira a alunos universitários italianos

Oliveira, Carolina Santos
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /03/2011 POR
Relevância na Pesquisa
86.71%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Ensino do Português como Língua Segunda e Estrangeira; Actualmente, há uma forte tendência para separar a língua da literatura no processo de ensino-aprendizagem, o que se reflecte nas orientações do QECR e do QuaREPE para o ensino de línguas estrangeiras e do português como língua estrangeira, respectivamente, e nas instituições de ensino que as seguem. A Universidade Ca' Foscari de Veneza, onde realizámos um estudo de caso, não é excepção. Urge, portanto, recuperar o papel dos textos literários nas aulas de língua estrangeira, pois é nestes que a língua é usada de forma mais criativa e artística. Não subestimando o papel dos restantes tipos de texto, cremos que a literatura proporciona uma reflexão única sobre a língua. Estas convicções reflectem-se na nossa proposta pedagógica para todos os níveis de proficiência (A1/A2, B1/B2, C1/C2), que aborda obras literárias dos autores portugueses Sophia de Mello Breyner Andresen, Jorge de Sousa Braga e Fernando Pessoa.

Mesa de conversação como espaço de ressignificação de sujeitos e de identidades em português língua estrangeira

Moutinho,Ricardo; Pacheco,Denise Gomes Leal da Cruz
Fonte: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada Publicador: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
96.61%
No presente artigo, discutimos alguns dados coletados do projeto Mesa de Conversação em Português, desenvolvido em uma universidade no sudeste da China. A atividade proporcionou aos aprendizes chineses de português língua estrangeira a oportunidade de interagirem na língua-alvo em um ambiente menos hierarquizado em relação à sala de aula, em que o professor, muitas vezes, é visto como figura central. O espaço fornecido pelo projeto possibilitou a manifestação de identidades dos aprendizes na interação em língua estrangeira, que estavam 'escondidas' durante as aulas. Os dados serão analisados com base nos conceitos teóricos da Linguística Aplicada e da Análise do Discurso.

Título em inglês; O conceito de lexicultura e suas implicações para o ensino- aprendizagem de português língua estrangeira

Barbosa, Lúcia Maria de Assunção
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 02/06/2009 POR
Relevância na Pesquisa
96.62%
From the presupposition of indissociability between linguistic and cultural aspects in the teaching-learning language process, an approximation between lexis and culture as a way of ensuring the access of the learner to culture implicit in the daily life of a foreign language is proposed. The aim of this article is to discuss concepts of lexiculture and words having a shared cultural content created by Robert Galisson. The article also shows its relevance in the context of the teaching-learning process of a foreign language in general and of portuguese as a foreign language, particularly brazilian Portuguese.; A partir do pressuposto da indissociabilidade entre as dimensões linguísticas e culturais no ensino-aprendizagem de línguas, propõe-se a associação entre léxico e cultura como ummodo de garantir o acesso do aprendente à cultura implícita no cotidiano de uma língua estrangeira. Este artigo pretende discutir os conceitos de lexicultura e de palavras com carga cultural compartilhada a fim de mostrar sua pertinência no contexto de ensino-aprendizagem de língua estrangeiraem geral e de português língua estrangeira, em particular.

O papel do professor de línguas como um agente interculturalista e humanizador em um contexto de ensino de português língua estrangeira: implicações para a formação docente

Kfouri-Kaneoya, Marta Lúcia; Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"
Fonte: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada Publicador: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 08/07/2015 POR
Relevância na Pesquisa
96.64%
ResumoNeste artigo, discutimos a formação de professoras de línguas atuantes em um projeto de extensão de português língua estrangeira (PLE), oferecido a estrangeiros inseridos em um contexto brasileiro de imersão acadêmica. Propomo-nos a investigar o papel do professor de línguas, a partir de uma diretriz comunicativo-humanizadora de ensino/aprendizagem. Os dados da pesquisa constituem-se de reuniões pedagógicas gravadas, realizadas semanalmente entre a coordenadora e professores do projeto, no sentido de se analisar o processo de reflexão docente em busca da promoção de uma prática humanizadora em sala de aula, do bem-estar, da valorização de uma comunicação criativa, do esclarecimento dos choques culturais e do desenvolvimento de uma competência linguístico-cultural nos estrangeiros aprendizes de PLE. Tais reuniões são tomadas como ambiente potencial para a formação inicial docente crítico-humanizadora de professoras de PLE, já que sua formação acadêmica não contemplou a possibilidade de atuarem no ensino de sua língua materna como estrangeira. Os resultados também sugerem que as práticas discursivas das professoras podem, de fato, promover um ambiente humanizador de ensino/aprendizagem de PLE.Palavras-chave: português língua estrangeira; contexto acadêmico; formação intercultural e humanizadora do professor de línguas AbstractIn this article...