Página 1 dos resultados de 67 itens digitais encontrados em 0.000 segundos

O colapso da URSS: um estudo das causas; The collapse of the USSR: a study of its motives

Rodrigues, Roberio Paulino
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/03/2006 PT
Relevância na Pesquisa
17.29%
Investiga as causas históricas, políticas, sociais e econômicas que mais contribuíram para o colapso e desaparecimento da União Soviética em 1991. Como um esforço de reinterpretação do fenômeno, desde a gênese até o esgotamento da URSS, apóia-se em análises e dados de alguns dos mais conhecidos especialistas no assunto. Considera que um conjunto de elementos se combinou para tal desfecho. Aponta como causas principais: a) o atraso material e cultural da velha Rússia para iniciar a construção do socialismo; b) o isolamento da Revolução Russa, fruto, entre outros fatores, do reformismo político que paralisou a classe operária no Ocidente; c) as agressões militares que a URSS sofreu, com suas imensas perdas humanas e os custos insuportáveis de defesa, derivados da ameaça permanente que vinha do exterior, que contribuíram para exauri-la economicamente; d) a natureza ditatorial do sistema político, como elemento central, que se pôde acelerar a industrialização e a modernização em uma primeira fase, trouxe imensos prejuízos humanos por outro e funcionou a partir de certo ponto no tempo como uma trava à continuidade do desenvolvimento da economia e da sociedade; e) o esgotamento do modelo extensivo de crescimento na virada para os anos 70...

Análise dos recursos épicos em Angels in America, de Tony Kushner (Part I, 'Millennium Approaches', e Part II, 'Perestroika'); Analysis of epic resources in Angels in America, by Tony Kushner (Part I, Millennium Approaches, and Part II, Perestroika).

Deus, Marcio Aparecido da Silva de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 08/05/2014 PT
Relevância na Pesquisa
27.62%
Esta dissertação tem como objetivo exclusivo a análise do uso de recursos formais épicos na estrutura dramatúrgica da peça Angels in America (Part I, Millennium Approaches, e Part II, Perestroika), do dramaturgo norte-americano Tony Kushner [1956- ]. Trata-se, portanto, de uma análise voltada ao texto dramatúrgico das duas partes da peça, e não às suas encenações e à adaptação televisiva. Nesse texto, são tratadas algumas questões históricas, políticas e sociais dos Estados Unidos da América nos anos de 1980, momento esse em que o ex-ator norte-americano Ronald Reagan estava cumprindo seu segundo mandato como presidente estadunidense e uma doença sem precedentes a AIDS abatia principalmente a comunidade gay. Levando em consideração que esse conteúdo, dada a sua natureza histórica, não pode ser representado pela estrutura do drama convencional, e que por sua vez se insere na esfera formal do épico, procuramos evidenciar e problematizar criticamente os recursos épicos usados no arcabouço formal da peça e, por meio dessa análise, definir qual é o tratamento dado ao épico neste trabalho, que é um marco da dramaturgia kushneriana; This thesis aims at analyzing the use of epic resources in the dramaturgical structure of the play Angels in America (Part I...

Perestroika em curso: uma análise da evolução do pensamento político e econômico de Gorbachev (1984-1991); Perestroika in progress: an analysis of the evolution of Gorbachevs political and economic thought (1984-1991)

Albuquerque, César Augusto Rodrigues de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/04/2015 PT
Relevância na Pesquisa
38.06%
O presente trabalho se propõe a refletir acerca da trajetória do pensamento político e econômico de Mikhail Gorbachev durante os anos em que esteve à frente do Partido Comunista da URSS e conduziu as reformas iniciadas em 1985. Não se trata, portando, de um estudo minucioso da perestroika, nem de um trabalho biográfico sobre o último líder máximo soviético. Nosso enfoque se volta para as rupturas e continuidades no entendimento do secretário-geral quanto às políticas adotadas e à própria natureza do regime. O exame crítico pormenorizado das diversas intervenções e publicações de Gorbachev nos permite demonstrar como transitam na sua visão conceitos chaves como a introdução de elementos de mercado na economia, a burocracia partidária e a democratização da sociedade e do sistema político da URSS. Torna-se possível ainda compreender o caminho percorrido na visão do líder quanto à própria ideia de socialismo, que caminha da filiação aos pilares ideológicos oficiais para uma vertente cada vez mais próxima da socialdemocracia, bem como a natureza do regime que conduzia, que ao final seria caracterizado por ele como totalitário.; This paper aims to reflect on the path of political and economic thought of Mikhail Gorbachev during the years he was ahead of the USSR Communist Party and led the reforms initiated in 1985. It is not...

Implicação do conceito de autogestão da Perestroika de Gorbachev

Lima, Eneida Santos Correia
Fonte: Escola Brasileira de Administração Pública da FGV Publicador: Escola Brasileira de Administração Pública da FGV
Tipo: Trabalho em Andamento
PT_BR
Relevância na Pesquisa
16.67%

Perestroika : identidade, história e estratégias de uma escola de atividades criativas

Gasparetto, Rodrigo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.83%
Este trabalho compreende uma análise sobre a Perestroika, Escola de Atividades Criativas, envolvendo sua história e seus processos de comunicação. O objetivo central é apresentá-la através da sua identidade, da sua história e das suas estratégias, em especial quanto à estrutura, a comunicação e ao reconhecimento de mercado. Através de uma revisão bibliográfica com autores que abordam o campo da comunicação publicitária foram reunidas informações que deram subsídios teóricos fundamentais. Será trabalhado também com análise de entrevistas e de questionários com sócios, professores e alunos, para obtenção de dados qualitativos sobre a escola, seus cursos e sua valorização mercadológica e profissional. Através da triangulação dos dados, constatar-se-á que as experiências reais dentro do espaço educacional contribuem significativamente para o ensino de novos profissionais criativos no campo da Publicidade e Propaganda.; This work includes an analysis of Perestroika, School of Creative Activities involving its history and its processes of communication. The main objective is to present it through their identity, their history and their strategies, especially regarding the structure, communication and recognition of the market. Through a literature review with authors who approach the field of media advertising were gathered information which some theoretical principles. Will also worked with analysis of interviews and questionnaires with members...

Anna dos 6 aos 18 anos

Gallep, Larissa Tannus
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 108 f. : il. + 2 DVDs
POR
Relevância na Pesquisa
16.67%
Pós-graduação em Artes - IA; Com esta pesquisa a minha intenção foi a de realizar uma investigação do filme/documentário russo Anna dos 6 aos 18 e como ele expõe os momentos históricos do fim dos anos 1980 e começo dos 1990, com a queda da União Soviética e o surgimento da Perestroika. Tentei aqui apresentar uma análise de como esta obra, enquanto objeto de arte e documento histórico, se relaciona com as transformações e o discurso oficial do final da URSS. Foram analisadas as diferentes formas de articulação entre os elementos verbais e sonoros, mas com foco nos elementos estético-visuais (signos, ícones, sinais, movimentos de câmera, composições cênicas) e principalmente a montagem. O trabalho aqui aprestado é um estudo sobre o papel da montagem, do filme documentário enquanto documento histórico e do papel do diretor enquanto ―escultor do tempo‖. Para a realização deste trabalho foram realizadas entrevistas com profissionais desta área, bem como pesquisa e observação de diferentes obras cinematográficas e de artes plásticas que abordam a montagem. Também realizo a minha análise sobre algumas imagens escolhidas pelo diretor Nikita Mikhalkov que contam uma visão sobre este período da história russa vivenciada por ele juntamente com o crescimento de sua filha Anna...

A crise orgânica do Partido Comunista Brasileiro (PCB) e o declínio do socialismo real

Taffarello, Paulo Moraes
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 125 f.
POR
Relevância na Pesquisa
17.29%
Pós-graduação em Ciências Sociais - FFC; Desde o início dos anos 80, a crise do chamado socialismo real era um fato evidente. A relativa estagnação econômica e os investimentos massivos na indústria bélica, a ampliação da contestação nos países do leste-europeu, dentre outros, eram sintomas da crise de hegemonia da burocracia socialista, que tentou uma última cartada com a Perestroika. A crise iniciada na Europa oriental, que tem como marco simbólico a queda do muro de Berlim, culminou com a desintegração da União Soviética. Visceralmente ligados à URSS, os partidos comunistas de todo o mundo sentiram o impacto dessa crise terminal. O Partido Comunista Brasileiro (PCB), que assistia à saída de Luis Carlos Prestes do partido, também sentiu a crise e foi diretamente envolvido por ela, sendo que, em 1992, no seu X Congresso, consumou a sua própria derrocada. A ideia deste projeto é analisar como o PCB entra em crise no contexto de suas interpretações ilusórias das relações internacionais, deixando sua legitimidade minada, tendo em vista a queda do sistema socialista adotado na URSS e na Europa Oriental.; Since the early 80´s, the crisis of the called “real socialism” was an obvious fact. The relative economic stagnation and the massive investments in the war industry...

Perestroika, lá lá lá... : cinco histórias de vida de migrantes ucranianas

França, Zaida Alice Sá Couto da Costa
Fonte: Porto : [Edição do Autor] Publicador: Porto : [Edição do Autor]
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
16.67%
O trabalho incide sobre um conjunto de entrevistas feitas a cinco operárias chegadas a Portugal em 2001, provenientes da Ucrânia e trabalhadoras numa fábrica de abat-jours situada na zona industrial de Santarém. através da técnica das histórias de vidas cruzadas, pretende-se fornecer um contributo para a compreensão do recente fluxo migratório dos povos de Leste, do qual as entrevistas são protagonistas, através da apresentação das motivações que conduziram cada uma delas a Portugal, da descrição das respectivas viagens - desde a preparação até à chegada ao destino - e dos processos e as dificuldades vivenciados para entrarem no mercado laboral. Outra preocupação do estudo foi a tentativa de identificação da bagagem cultural que as entrevistadas transportaram, das suas habilitações literárias, do processo de adptação no seio da comunidade portuguesa, bem como as suas expectativas.

Coexistência pacífica e "Perestroika"

Santos, Víctor Marques dos
Fonte: Instituto da Defesa Nacional Publicador: Instituto da Defesa Nacional
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1988 POR
Relevância na Pesquisa
27.29%

English as a lingua franca in Russia: a sociolinguistic profile of three generations of english users

Lazaretnaya, Olesya, 1983-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2013 ENG
Relevância na Pesquisa
17.29%
Tese de doutoramento, Linguística (Linguística Inglesa), Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2013; The current spread of English is closely associated with the acknowledgement of the language as a world lingua franca, having the processes of globalization and internatialization different implications for various communities, largely depending on the specific history, politics, culture, and language policy of the country. In Russia, such unprecedented spread, most frequently attributed to the status ensured to speakers of English in social, cultural, and economic spheres, manifests itself in a range of domains such as education, workplace, media, entertainment, advertising, creative and identity domains. In use both as a foreign language and, more widely, as a lingua franca, English in Russia builds links to the international community, and serves as a language of expression of national and cultural identity, being related to many Englishes, including such local varieties as Russian English, Runglish and/or Ruslish, depending on the level of proficiency of its users and the situation involved. This dissertation examines the presence of English in the particular national context of Russia by focusing on three generations of Russian users of English. The findings of the empirical research bring to the surface the attitudes towards the presence of English...

Nacionalismo e conflitos étnicos no Cáucaso : subversão e colapso do estado na Transcaucásia Czarista e Soviética (1830-1991)

Sequeira, João Pedro Teixeira Romão
Fonte: Instituto Superior de Ciências Sociais e Politicas Publicador: Instituto Superior de Ciências Sociais e Politicas
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
17.29%
Dissertação de Mestrado em Estratégia; Esta dissertação considera as questões fundamentais suscitadas pelo nacionalismo e pelos problemas étnicos na Transcaucásia Czarista e Soviética entre 1830 e 1991, que em última análise poderão ter fomentado a queda do regime soviético nesta região. Procede - se inicialmente a uma análise histórica do Cáucaso até à sua anexação total pelas tropas russas no século XVIII com o intuito de procurar a origem dos conflitos étnicos existentes nesta reg ião um dia apelidada como Jabal al - sun , as montanhas das línguas. Posteriormente a dissertação aborda a criação e russificação do cáucaso czarista que antecede a sovietização da mesma região que também é analisada numa perspectiva do estudo da relação entre as políticas operadas pelos soviétic os na região e o desencadear de sentimentos nacionalistas que conduziram à emancipação dos povos não - russos cujo ímpeto poderá ter sido talvez maior do que qualquer estratégia de subversão deliberada ao regime soviético. Por último o texto centra - se no bin ómio existente entre a crise do comunismo e o ressurgir do nacionalismo cujos conceitos acresce m do quadro das já turbulentas relações existentes entre eles...

Quem fará a nossa Perestroika? Imagens de Mikhail Gorbatchev no jornal O Globo

Costa,Izabel Cristina Gomes da
Fonte: EdUFF - Editora da UFF Publicador: EdUFF - Editora da UFF
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 PT
Relevância na Pesquisa
27.29%
Quem fará a nossa Perestroika? Esta surpreendente pergunta foi feita por O Globo em 1988. Mais desconcertante ainda: a publicação utilizou-se das reformas na União Soviética (URSS) de Mikhail Gorbatchev para defender uma visão de mundo e um projeto político para o Brasil. O presente artigo identifica as estratégias elaboradas pelo jornal na construção das imagens do dirigente soviético. Delineando quatro momentos, elas revelaram as mudanças no seu perfil durante a crise do socialismo real.

Forced Migration and Mortality in the Very Long Term: Did Perestroika Affect Death Rates Also in Finland?

SAARELA, JAN; FINNÄS, FJALAR
Fonte: Population Association of America Publicador: Population Association of America
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /08/2009 EN
Relevância na Pesquisa
27.29%
In this article, we analyze mortality rates of Finns born in areas that were ceded to the Soviet Union after World War II and from which the entire population was evacuated. These internally displaced persons are observed during the period 1971–2004 and compared with people born in the same region but on the adjacent side of the new border. We find that in the 1970s and 1980s, the forced migrants had mortality rates that were on par with those of people in the comparison group. In the late 1980s, the mortality risk of internally displaced men increased by 20% in relation to the expected time trend. This deviation, which manifests particularly in cardiovascular mortality, coincides with perestroika and the demise of the Soviet Union, which were events that resulted in an intense debate in civil society about restitution of the ceded areas. Because state actors were reluctant to engage, the debate declined after some few years, and after the mid-1990s, the death risk again approached the long-term trend. Our findings indicate that when internally displaced persons must adjust to situations for which appropriate coping behaviors are unknown, psychosocial stress might arise several decades after their evacuation.

A pox on perestroika, a hex on hegemony: toward a critical political science [January 2003]

Dryzek, John
Fonte: Universidade Nacional da Austrália Publicador: Universidade Nacional da Austrália
Tipo: Working/Technical Paper Formato: 69964 bytes; 355 bytes; application/pdf; application/octet-stream
EN_AU
Relevância na Pesquisa
37.83%
While the Perestroika reform movement that began in 2000 has shaken US political science, the paucity of productive methodological argument means that the dispute becomes political rather than intellectual. The discipline, like James Bond’s vodka martini, has been shaken but not stirred. The movement may change the balance of power within the profession, but otherwise leave the practice of political science unchanged. This paper is intended to help move methodological debate, with “methodology” taken in its broad sense of reflection upon the conduct of inquiry (so it also covers epistemology). The existing – now faltering – hegemony (identified with rational choice theory and quantitative methods) may be indefensible, but Perestroika may portend only an empty pluralism in its place. I discuss a critical disciplinary pluralism as a way of making the best of existing political science practice – and redeeming Perestroika’s promise. Space limitations preclude full documentation of the impoverished state of the methodological debate, though a flavor can be gained by a look at a symposium of disciplinary stars organized to address the issues raised in the Perestroikan critique, published in the June 2002 issue of PS: Political Science and Politics under the title of “Shaking Things Up? Thoughts About the Future of Political Science.” One common theme that emerges from the symposium is the degree to which the contributors point to their own work as a model. Asked to reflect upon the shape of the discipline...

A pox on perestroika, a hex on hegemony: toward a critical political science [July 2002]

Dryzek, John
Fonte: Universidade Nacional da Austrália Publicador: Universidade Nacional da Austrália
Tipo: Working/Technical Paper Formato: 204504 bytes; 356 bytes; 356 bytes; application/pdf; application/octet-stream; application/octet-stream
EN_AU
Relevância na Pesquisa
37.83%
Introduction: While the perestroika reform movement that began in 2000 has shaken US political science, the virtual absence of methodological argument on any side means that the dispute is mostly political rather than intellectual. The discipline has been shaken but not stirred. The movement may change the balance of power within the profession, but otherwise leave the practice of political science unchanged. This paper is intended to help move methodological debate, with “methodology” taken in its broad sense of reflection upon the conduct of inquiry (so it also covers epistemology). The existing – now faltering –hegemony (usually identified with rational choice theory and quantitative methods) may be indefensible, but perestroika proposes only an empty pluralism in its place. Perestroika’s heart may be in the right place, but its head needs to catch up. I discuss a critical disciplinary pluralism, not as an alternative program for the discipline, but as a way of making the best of existing political science practice.; no

Elites y masas: un análisis de la Perestroika y las huelgas mineras

Alonso Sáenz de Oger, Sonia
Fonte: Universidade Autônoma de Madrid Publicador: Universidade Autônoma de Madrid
SPA
Relevância na Pesquisa
27.29%
Bibliografía: h. 459-473

Transformation of the Political Speech under Perestroika: Rise and fall of free agency in the changing idioms, rules and second-order statements of the emerging intellectual debates (1985-1991)

ATNASHEV, Timur
Fonte: Instituto Universitário Europeu Publicador: Instituto Universitário Europeu
Tipo: Tese de Doutorado
EN
Relevância na Pesquisa
27.62%
Defense Date: 15/10/2010; Examining Board: Prof. Edward Arfon Rees (EUI) - Supervisor Prof. Steve Smith (EUI) Prof. Oleg Kharkhordin (European University at St. Petersburg) Prof. Alexei Miller (CEU Budapest); We would like to tell the story of the transformations of the political speech during perestroika by studying the changes in the intellectual vocabulary, professed values and conventional rules of public debates. This transformation is taken in the context of the major political events and socio-economic changes. We mostly considered the theoretical essays of publicists, politicians, thinkers and researchers corresponding to the realm of intellectual history. The study is based on the long series of texts from the corpus of the leading theoretical periodicals and thick journals systematically read through and completed by a number of articles from other journals, round-tables, Politburo notes, and memoir literature forming a large representative sample of the political debates between 1985 and 1991. The sense of this perestroika’s transformation can be described in terms of the rise and fall of human agency as one of the central themes and as the self-representation of the political speech. The emerging political philosophy backing up the reforms was marked by attempts to find an appropriate intellectual language and intellectual foundations for an authoritative...

Soviet health care and perestroika.

Schultz, D S; Rafferty, M P
Fonte: PubMed Publicador: PubMed
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /02/1990 EN
Relevância na Pesquisa
27.29%
Health and health care in the Soviet Union are drawing special attention during these first years of perestroika, Mikhail Gorbachev's reform of Soviet political and economic life. This report briefly describes the current state of Soviet health and medical care, Gorbachev's plans for reform, and the prospects for success. In recent years the Soviet Union has experienced a rising infant mortality rate and declining life expectancy. The health care system has been increasingly criticized for its uncaring providers, low quality of care, and unequal access. The proposed measures will increase by 50 percent the state's contribution to health care financing, encourage private medicine on a small scale, and begin experimentation with capitation financing. It seems unlikely that the government will be able to finance its share of planned health improvements, or that private medicine, constrained by the government's tight control, will contribute much in the near term. Recovery of the Soviet economy in general as well as the ability of health care institutions to gain access to Western materials will largely determine the success of reform of the Soviet health care system.

Privatização tcheca: de propriedade pública a propriedade pública em cinco anos?

Mertlík, Pavel
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Avançados Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Avançados
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/1996 POR
Relevância na Pesquisa
17.29%
OS ARTIGOS INCLUÍDOS NESTE DOSSIÊ dizem respeito ao processo de transformação dos países do Leste europeu, que começou com a perestroika na União Soviética e foi rapidamente seguido pelos países da Europa Central e Oriental, organizados de acordo com o modelo soviético. Esse processo está agora completando um decênio de experiência e conhecimento e dando lugar a uma literatura considerável, nos vários aspectos que compõem a transformação. O ARTIGO DO DOUTOR LÁSZLÓ CSABA oferece uma visão geral do processo, enfatizando sua natureza peculiar, que tem a ver com o modelo histórico seguido pela industrialização socialista desses países. A primeira parte do artigo faz uma análise desse modelo e de suas crises, concluindo que as causas do que ele chama de impasse da modernização são de caráter estrutural e como tais devem ser entendidas e tratadas. A segunda parte examina a transformação como um novo caminho de modernização, cobrindo o que o autor entende serem os problemas importantes para tirar esses países do beco sem saída: os problemas de longo prazo, a edificação instituicional e as mudanças nas normas de comportamento. O artigo termina com um apanhado geral e perspectivas futuras, especialmente as relativas à associação à União Européía. O ARTIGO DA DOUTORA TATIANA ZASLAVSKAIA contém uma visão bastante ampla da estratificação social da Federação Russa e de sua dinâmica...

LITERATURA DA PERESTROIKA OU PERESTROIKA NA LITERATURA? (O conto russo dos anos 80)

Godoy, Elena; UFPR
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/10/2010 POR
Relevância na Pesquisa
27.62%
O trabalho tem como finalidade examinar o contexto da produção literária russa dos anos 80 à luz dos dois "degelos" políticos e culturais: o dos anos 60 e o da "perestroika".