Página 1 dos resultados de 768 itens digitais encontrados em 0.056 segundos

Organização do trabalho docente no ensino superior em regime de e-learning : impactos

Seabra, Filipa; Henriques, Susana
Fonte: Instituto de Educação da Universidade de Lisboa Publicador: Instituto de Educação da Universidade de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
95.82%
O debate e a prática do ensino superior têm sido transversalmente marcados por questões como o enfoque no e-learning, a aplicação de novas metodologias de ensino e aprendizagem, designadamente a aprendizagem a distância, a aprendizagem ativa, a aprendizagem cooperativa, a aprendizagem baseada na solução de problemas. Este tipo de questões configura um novo paradigma centrado no estudante e a dimensão social do ensino superior, que, em Portugal, se debruça em particular sobre os adultos e os estudantes de baixo estatuto socioeconómico como públicos sub-representados. De forma plenamente integrada neste contexto, o ensino a distância em modalidade e-learning tem vindo a ganhar expressão no panorama Português, onde se destaca a Universidade Aberta. A especificidade da modalidade de ensino e do público alvo determinaram a elaboração de um modelo pedagógico virtual próprio, informado por quatro eixos fundamentais: a aprendizagem centrada no estudante; o primado da flexibilidade; o primado da interação; e o primado da inclusão digital. Estas características, de entre as quais destacamos a flexibilidade inerente ao processo de ensino-aprendizagem têm impactos ao nível do espaço e tempo em que se desenvolve o trabalho docente...

A descentralização de recursos financeiros e a organização do trabalho pedagógico: o caso de Santo André; The decentralization of financial resources and organization of educational work: the case of Santo André

Silva, Adriana Zanini da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
126.07%
Todo o processo educacional vivido no Brasil de forma elitista e seletiva, advindo de políticas descontínuas, concomitante com os baixos resultados de aprendizagem, fomenta discussões sobre a importância da educação e o aumento dos recursos a ela destinados para a melhoria da qualidade do ensino. A redemocratização do país trouxe consigo a defesa da descentralização para o fortalecimento das políticas públicas, para o atendimento das necessidades locais, para a inclusão de diferentes atores nos processos de decisão e acompanhamento das políticas e programas, para a implementação de novas formas de gestão e, prioritariamente, para a autonomia dos entes federados e de suas instituições. Para a escola, trouxe a possibilidade de organizar seu Projeto Político - Pedagógico com vistas às suas demandas e com a participação de toda a comunidade escolar. Nesse contexto, esta pesquisa busca reflexões sobre os avanços e os entraves do financiamento da educação básica no Brasil após a Constituição Federal de 1988, em específico, sobre a descentralização de recursos financeiros às escolas de ensino fundamental. Pretende-se analisar as mudanças propiciadas pela descentralização de recursos financeiros nas relações de poder e...

A organização do trabalho pedagógico na formação inicial de professores de educação física

Filippini, Isabella
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
106.07%
O presente trabalho se insere na linha de pesquisa do grupo F3P-EFICE e surge a partir das problemáticas encontradas nos cursos de formação inicial de professores de Educação Física apresentadas em diversos estudos sobre o tema e dos processos de reestruturação curriculares que esses cursos vêm passando, a partir da aprovação das Resoluções CNE/CP 1/2002 (Diretrizes Curriculares para formação de professores para Educação Básica) e CNE/CES 7/2004 (Diretrizes Curriculares para os cursos de graduação em Educação Física). Tem por objetivos compreender a organização do trabalho pedagógico nos estágios curriculares do curso de Licenciatura em Educação Física da ESEF/UFRGS e a formação de professores nesse curso. Como problema orientador dessa pesquisa, foi formulada a seguinte pergunta: Como é organizado o trabalho pedagógico na formação inicial de professores de Educação Física na ESEF/UFRGS?. Para respondê-la, procurase compreender a relação entre trabalho e educação; a educação como um processo de trabalho; a organização do trabalho pedagógico, e a formação inicial de professores de Educação Física. Trata-se de um estudo de caso de caráter qualitativo, utilizando como instrumentos de coleta de informações análise de documentos...

Professor de educação física iniciante e a organização do trabalho pedagógico

Bopsin, Andressa Pires
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
106.14%
O presente estudo se insere na linha de pesquisa do grupo de estudos qualitativos Formação de Professores e Prática Pedagógica em Educação Física e Ciências do Esporte (F3P-EFICE) e tem como foco o professor de Educação Física (EF) iniciante em exercício nas escolas Municipais de Porto Alegre e a organização do trabalho pedagógico, sendo assim, aprofundando estudos sobre esta temática. O problema orientador desta pesquisa está sintetizado na seguinte questão: De que forma o professor de EF iniciante constrói o trabalho pedagógico nas escolas da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre (RMEPOA)? Dado o problema de conhecimento busquei como objetivo para este trabalho analisar e compreender a organização do trabalho pedagógico dos professores de EF iniciantes na RMEPOA graduados no curso de Licenciatura em EF da ESEF/UFRGS. Para realizar esta pesquisa, utilizei como metodologia o estudo de caso de caráter qualitativo e como instrumentos de coleta de informações entrevistas semi-estruturadas e observação participante com a confecção de um diário de campo. As observações foram feitas em duas escolas da RMEPOA, totalizando, aproximadamente, 20 horas de observação. Foram realizadas 3 entrevistas com professores de EF...

A organização do trabalho pedagogico em uma escola do MST e a perspectiva de formação omnilateral

Ilma Ferreira Machado
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/2003 PT
Relevância na Pesquisa
96.01%
Esta pesquisa foi desenvolvida no período de um ano, em uma escola de assentamento do Movimento dos trabalhadores Rurais Sem Terra, no interior de Mato Grosso, e teve como objetivo analisar em que medida o processo de organização do trabalho pedagógico dessa escola corresponde aos propósitos de formação omnilateral, identificando as categorias fundamentais de sustentação da proposta educativa do MST, suas dificuldades e contradições, e as possibilidades de se efetivar no seio de uma sociedade capitalista. A abordagem de pesquisa utilizada foi qualitativa, através da observação das atividades pedagógicas, da participação em atividades políticas do MST, de entrevistas a professores e pais, da produção de textos e desenhos com as crianças, e da análise documental. Os dados mostram que, embora os professores não tenham, ainda, apreendido o conjunto da proposta pedagógica do Movimento, a escola procura trabalhar conforme os princípios educativos do MST, evidenciados nos seguintes aspectos: diversificação de espaços de aprendizagem, preocupação com a relação teoria-prática, e educação-trabalho, organização de processos pedagógicos coletivos e individuais, valorização do trabalho coletivo, avaliação na perspectiva de desenvolvimento profissional e do aluno...

A organização do trabalho pedagogico : limites e possibilidades do curso de pedagogia; Pedagogical work organization : limits and possibilities of education courses

Margarida Maria Montejano da Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/01/2006 PT
Relevância na Pesquisa
116.09%
Este estudo tem por objetivo compreender como os sujeitos, formadores de professores, entendem e praticam a organização do trabalho pedagógico (OTP) em Cursos de Pedagogia e o quanto este entendimento interfere na formação de novos docentes. Diante disso, propõe uma compreensão da realidade a partir da verificação de três cursos de Pedagogia, nos quais busca identificar a lógica dos projetos pedagógicos e as contradições presentes nos espaços de formação de professores. A abordagem da pesquisa é qualitativa e os recursos utilizados foram: a observação em sala de aula, entrevistas, questionários e analise do projeto político pedagógico (PPP). A partir dos dados coletados, algumas categorias de análise surgiram, destacando-se a Práxis Pedagógica; o Trabalho Coletivo; o Projeto Pedagógico e a Organização do Trabalho Pedagógico. Por meio dessas categorias constatou-se que nem tudo que está dito nos PPP ocorre de fato e nem tudo que ocorre na realidade dos cursos está explicitado nos mesmos; que o discurso dos sujeitos apresenta um distanciamento da prática; que há uma confusão conceitual sobre trabalho coletivo e alguns equívocos na compreensão de OTP e que, apesar das dificuldades apresentadas pelos sujeitos na realidade prática...

Função social da escola e organização do trabalho pedagógico

Bueno,José Geraldo Silveira
Fonte: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná Publicador: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2001 PT
Relevância na Pesquisa
115.97%
Este trabalho procura oferecer contribuição para a reflexão sobre a melhoria da escola pública de ensino fundamental a partir da perspectiva teórica que entende a escola como instituição social ímpar, pois, ao mesmo tempo em que possui formas de organização e de funcionamento muito semelhante a qualquer outra escola, apresenta peculiaridades que lhe são próprias, fruto da sua própria trajetória histórica. Tendo como interlocutor privilegiado o professor da escola pública de ensino fundamental, procura oferecer subsídios para a organização do trabalho pedagógico, de tal forma que esta própria organização, em si, se constitua em elemento fundamental para o desenvolvimento de processos de democratização do ensino no país.

Tempos, espaços e organização do trabalho escolar em três expressões de governos autoritários brasileiros: 1931, 1961 e 1971 - estudo histórico-jurídico comparado do ensino secundário

Pessanha,Eurize Caldas; Silva,Fabiany de Cássia Tavares
Fonte: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná Publicador: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
105.86%
O Brasil viveu longo período de autoritarismo, iniciado com o governo provisório de Getúlio Vargas, transformado no Estado Novo em 1937, interrompido por uma "ilha" de democratização (1945-1964), que atingiu o auge com a ditadura civil-militar (1964-1985). Três marcos na legislação para o ensino secundário possibilitam a problematização das relações entre educação e ditaduras: "Reforma Francisco Campos" (1931); a Lei 4.024 de 1961 (LDB), e a Lei 5.692 de 1971. Cada uma delas explicitou e induziu diretrizes curriculares que alteraram a organização do espaço, do tempo e do trabalho escolar nas escolas. Este texto ancora-se no estudo e na análise de um dos períodos da história da educação brasileira conhecido como História da escola pública propriamente dita, particularmente, nas etapas de regulamentação nacional do ensino e do ideário pedagógico renovador (1931-1961), e no início da unificação normativa da educação nacional e da concepção produtivista de escola (1961). Para tanto, parte-se da hipótese de que, no Brasil, o equilíbrio entre essas etapas estava associado à necessidade de alargamento da base social de apoio, de consolidação dos alicerces, de fundação da mentalidade das novas gerações nos princípios da educação cívica...

A criança em interação social no berçário da creche e suas interfaces com a organização do ambiente pedagógico.

Karla Gomes Ramos, Tacyana; Isabel Patricio de Carvalho Pedrosa, Maria (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.02%
O presente trabalho apoia-se em um referencial sociointeracionista e dialoga com autores que norteiam a discussão sobre os recursos sociocomunicativos das crianças para significar experiências, compartilhar e transformar conhecimentos. O ambiente pedagógico do berçário na creche é aqui entendido como um contexto de construções sociais e um rico meio de a criança se desenvolver através de suas vivências, explorações, oportunidades de interações, no uso ativo de recursos que ela emprega para se comunicar, agir e significar (CAMPOS-DE-CARVALHO e colaboradoras, 2004; ROSSETTI-FERREIRA, AMORIM, SILVA, CARVALHO, 2004; WALLON, 1986; ZABALZA, 1987). Procura-se examinar a interação de criança criança e criança adultos profissionais nas práticas cotidianas do berçário e suas implicações na organização do ambiente pedagógico favorável às aquisições socioafetivas e cognitivas da criança. Participaram da pesquisa duas professoras, seis Auxiliares de Desenvolvimento Infantil (ADIs) e 31 crianças de dois Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) da cidade do Recife, de ambos os sexos, com idades entre oito meses e um ano e sete meses, pertencentes ao agrupamento etário denominado de berçário. As crianças foram observadas nas suas próprias salas de convivência...

Cotidiano escolar: como professores alfabetizadores organizam seu trabalho pedagógico?

Silva, Sandra Cristina Oliveira da; Ferreira, Andréa Tereza Brito (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
86.1%
Defendemos que o trabalho pedagógico no ciclo de alfabetização pode ser organizado a partir dos eixos de ensino da Língua Portuguesa e, se assim for organizado, proprocionará um ensino qualitativo e significatico no processo de alfabetização. Desta forma, nessa pesquisa, tivemos como objetivo analisar como as professoras do 1º ano do ciclo de alfabetização organizam seu trabalho pedagógico para o processo de ensino do sistema de escrita alfabética, auxiliando os alunos a se apropriarem desse sistema de escrita. Para atingir esse objetivo realizamos observações de aulas e entrevistas semi-estruturadas de 2 (duas) professoras de turmas do 1º anodo ciclo de alfabetização. Foram observadas 30 aulas (15 de cada professora). A pesquisa foi realizada em 2 (duas) escolas públicas: uma da rede municipal de ensino da cidade do Paulista-PE e uma da rede municipal de ensino da cidade de Jaboatão dos Guararapes-PE. Durante as aulas foram observados os seguintes aspectos: 1) a rotina das professoras participantes; 2) as formas de organização das salas de aula; 3) as formas de agrupamento dos alunos para a realização das atividades; 4) o tempo pedagógico utilizado pelas duas professoras em suas aulas; 5) as atividades de apropriação do sistema de escrita alfabética realizadas pelas professoras. Em todas as aulas foram realizadas gravações em áudio...

Organização do trabalho pedagógico, funcionamento e avaliação no atendimento educacional especializado em salas de recursos multifuncionais; Educational organization of work, no service operation and evaluation specialist in rooms educational resources multifunctional

Cardoso, Camila Rocha
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação (RC); Regional de Catalão (RC) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação (RC); Regional de Catalão (RC)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
126%
The legislation that deals with Specialized Educational Service provides that it must be based on respect for individual differences and for diversity, with a focus on the ways and conditions of student learning and always maintaining a flexible character. Although this service has as function the support to regular education, we assume that it has not been in line with the educational process of students with special educational needs due to several factors, including the difficulty of implementing the Multifunctional Resource Rooms program and the pedagogical unpreparedness in the action of the teachers who work in these rooms. Thus, we question: how to organize the pedagogical work of the specialized educational services in the Multifunctional Resource Rooms? And how does the planning, development and evaluation of this service work? We aim, in the proposed research study, to analyze the ways of organization of educational work in the Multifunctional Resource Rooms. This research is part of the Catalano Special Education Observatory, which is linked to the National Special Education Observatory and focuses on collaborative research, which has a focus on intervention procedures that aim to change certain reality, emancipating the individuals who belong to it and bringing the two dimensions of educational research together: the production of knowledge and continuous teacher training. The research was conducted with teachers of the Multifunctional Resource Rooms related to Education Secretariat of the region of Catalão. Data collection was made through interviews...

Educação Física escolar: implicações das políticas educacionais na organização do trabalho pedagógico.; Educação Física escolar: implicações das políticas educacionais na organização do trabalho pedagógico

Baccin, Eclea Vanessa Canei
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Educação Física; Programa de Pós-Graduação em Educação Física; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Educação Física; Programa de Pós-Graduação em Educação Física; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
136.08%
The aim of this paper is to analyze the implications of educational policies of the state of Rio Grande do Sul (managed 2007-2010) in the organization of educational work in the discipline of physical education a state school in Pelotas, from the relationship between the broader policy orientations and actions defined by the state government. For this challenge, we base on the theory of dialectical historical materialism that gives us the tools of thinking to grasp the multiple determinations of reality. The techniques and research procedures used to collect data were semi-structured interviews and observation of lessons. All the situations experienced in school were recorded in a diary. In interpreting the data we used the content analysis. Participated in the research field of three physical education teachers, the director and educational coordinator of a state school. To achieve this goal, we seek at first to trace the relations between labor and capital that determine policies and educational reforms in Brazil. Then try to identify the assumptions of national education policies and those proposed by international agencies like the World Bank and IMF, and its relations with the current educational policies in the state. It was found that the educational policies implemented by this administration seek to balance the accounts of the state through tax adjustments that are directly influencing education. In the account of teachers there are numerous criticisms of this policy of cost containment that is causing the decline in quality of education and precariousness of the teacher's work. It is clear the quest for realization of a guided education in the guidelines of total quality...

As praticas avaliativas e a organização do trabalho pedagogico

Benigna Maria de Freitas Villas Boas
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/06/1993 PT
Relevância na Pesquisa
86.12%
As articulações entre as práticas de avaliação e a organização do trabalho pedagógico foram analisadas a partir de revisão de literatura e de pesquisa etnográfica realizada durante todo um ano letivo em turmas de 1º a 4º séries do ensino de 1º grau, em uma escola pública do Distrito Federal. A divisão entre trabalho manual e intelectual, A fragmentação/desqualificação e o controle hierárquico, características básicas da organização capitalista do processo de trabalho, foram adotadas como categorias de análise dessas articulações, destacando-se, preliminarmente, as implicações da relação educação-sociedade para a avaliação escolar, por se considerar que esta se realiza segundo valores impostos pela sociedade. A investigação realizada permitiu concluir que, independentemente do trabalho pedagógico poder ou nao ser considerado "capitalista" em sua essência, as três características citadas estão presentes na organização do trabalho pedagógico da escola e da sala de aula; que as práticas avaliativas, nas suas modalidades formal e informal, são fortemente influenciadas pela organização capitalista do processo de trabalho, contribuindo para a formação dos alunos para a ordem capitalista; que o controle hierárquico foi a categoria mais enfatizada nas práticas avaliativas da escola estudada; e que a série escolar parece ser uma variável importante para a compreensao da avaliação. A avaliação revelou-se um potente instrumento de sustentação da "versão escolar" da organização capitalista do trabalho no interior da escola e da sala de aula. Os resultados apontam para a existência de interação das práticas avaliativas com a organização do trabalho pedagógico na escola e na sala de aula...

A organização do trabalho pedagógico em uma escola pública com alto IDESP; The organization of educational work in a public school with high IDESP

Daniela Cristina de Menezes Cosso
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
106.04%
O estudo e a análise da organização do trabalho pedagógico em escolas com alto IDESP (Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo) parece-nos um caminho importante para compreender a qualidade de ensino inserida nessas escolas e como alcançam elevados índices nos indicadores de avaliações externas. Neste sentido, a presente pesquisa surgiu do interesse em investigar o trabalho pedagógico de uma instituição escolar com resultados acima da média nos índices de educação. O estudo teve como objetivo estudar e analisar a organização do trabalho pedagógico em uma escola dos anos iniciais de Ensino Fundamental da rede estadual do estado de São Paulo com alto IDESP, identificando fatores intra e extraescolares que podem levar a escola a obter resultados diferenciados no desempenho de seus alunos. O critério para a escolha da unidade escolar foi o fato de estar entre as primeiras colocadas nas escolas da rede estadual (Anos Iniciais), através do IDESP, alcançando desde 2008, notas acima das metas estipuladas pelo mesmo índice. A escolha metodológica foi a abordagem qualitativa e considerando o fenômeno estudado, optou-se pelo estudo de caso. Os dados coletados por meio de levantamento e estudo documental...

Provinha Brasil e regulação : implicações para a organização do trabalho pedagógico

Dias, Elisângela Teixeira Gomes
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
106.08%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, Doutorado em Educação, 2014.; A presente pesquisa buscou compreender as implicações da utilização da Provinha Brasil (PB) para o trabalho pedagógico de professores e gestores da rede pública de ensino do Distrito Federal (DF), a partir do processo de multirregulação desta política de avaliação, considerando as contradições e ambiguidades da realidade histórico-social investigada. A pesquisa baseou-se nos dados e nas informações obtidas pela pesquisadora por meio das observações de reuniões desenvolvidas pelos gestores de nível central e intermediário da Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal (SEEDF); do acompanhamento sistemático do trabalho desenvolvido durante um ano letivo, em uma escola de Anos Iniciais do Ensino Fundamental, pelos gestores, coordenadores e professores, em especial as docentes das quatro turmas de 2º ano; dos depoimentos registrados no diário de campo, coletados nas entrevistas e também nas respostas dos questionários aplicados aos 324 professores alfabetizadores que atuam no 2º ano de escolarização. Os dados empíricos, articulados à análise documental realizada...

A organização do trabalho pedagógico da Educação Física na escola capitalista

Frizzo, Giovanni Felipe Ernst
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
106.15%
O presente estudo trata da organização do trabalho pedagógico da educação física na escola capitalista, tendo por objetivo descrever e analisar o trabalho pedagógico da educação física desenvolvido na Rede Municipal de Ensino de Nova Santa Rita-RS (RMENSR). Como método e teoria do conhecimento que fundamentam esta investigação, recorremos ao materialismo histórico dialético para a análise e síntese do fenômeno investigado e na delimitação de nosso objeto de estudo. Trabalhamos com as categorias dialéticas da totalidade, mediação e contradição para compreender o movimento do real articuladas às categorias científicas e empíricas que se originaram no trabalho de campo, em que fizemos uso de técnicas de análise de documentos, observação participante, entrevistas com o professorado de educação física e realização de um questionário junto ao alunado da RMENSR. Tais foram orientadas pelo problema de investigação que apresentamos na seguinte pergunta científica: “como se organiza o trabalho pedagógico e o trato com o conhecimento da educação física na escola capitalista e que relações estabelecem com o desenvolvimento das forças destrutivas do sistema do capital na atualidade?”. As categorias empíricas que emergiram do trabalho de campo foram sistematizadas em: condições de trabalho na RMENSR; liberdade...

Educational work organization and Rural Education; Organização do trabalho pedagógico e Educação do Campo

Martins, Fernando José; Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 25/09/2008 POR
Relevância na Pesquisa
95.9%
The present article aims to indicate some of the elements that constitute the organization of the educational work specifically in schools of rural education. In order to do so, first we discuss the specificity of rural education and when doing so, we make it evident the process of buidling such rural education until its insertion in the legal documents of educational area. We distinguish the consolidation of this form of education, pointing that it is related to the rights of the people who are interested in such educational work, that is, the rural people. After considering these issues, the text directs the readers to issues related to the organization of school units, trying to show elements that give support to the operational implantation of rural education. It is important to mention that it is not only the adoption of some educational practices which garantee the consolidation the rural education, but it is also related to the rural identity, a project of society and a range of collective practices. As for the conclusion, it is necessary to point out that, being it a means or a end, the rural education is a category which is special for its particularity because it has a project againt hegemony and at the same time popular...

The relation between work and education in the pedagogical work in the capitalist school; A relação trabalho-educação no organização do trabalho pedagógico da escola capitalista

Frizzo, Giovanni Felipe Ernst; Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, Rio Grande do Sul; Ferreira, Liliana Soares; Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, Rio Grande do Sul; Ribas, João Francisco Magno; Universidade Federal de Santa Maria, S
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 27/09/2013 POR
Relevância na Pesquisa
96.01%
This paper analyzes the relationship between work and education in project of human training in capitalist schools, taking as phenomenon of study the organization of educational work, that is, relations and processes that are established between the subjects of the school (teachers and students) and knowledge seized by them during school life. Therefore, the text was organized in two parts: the first deals with the relationship between work and education as a characteristic phenomenon of the human being, whose historic features cleave the relationship of the work and, as a result, their educational processes; the second part deals with the organization of educational work in capitalist schools, in which we noted that the two main categories of meaning that impart training of the students in the school are employability and discipline to the productive sphere.; http://dx.doi.org/10.5902/198464448987 Analisa-se a relação trabalho-educação no projeto de formação humana na escola capitalista, tomando como fenômeno de estudo a organização do trabalho pedagógico, isto é, as relações e processos que se estabelecem entre os sujeitos da escola (professores e estudantes) e o conhecimento apreendido por estes durante a vida escolar. Para tanto...

Função social da escola e organização do trabalho pedagógico

Bueno, José Geraldo Silveira
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 25/11/2004 POR
Relevância na Pesquisa
115.97%
Este trabalho procura oferecer contribuição para a reflexão sobre a melhoria da escola pública de ensino fundamental a partir da perspectiva teórica que entende a escola como instituição social ímpar, pois, ao mesmo tempo em que possui formas de organização e de funcionamento muito semelhante a qualquer outra escola, apresenta peculiaridades que lhe são próprias, fruto da sua própria trajetória histórica. Tendo como interlocutor privilegiado o professor da escola pública de ensino fundamental, procura oferecer subsídios para a organização do trabalho pedagógico, de tal forma que esta própria organização, em si, se constitua em elemento fundamental para o desenvolvimento de processos de democratização do ensino no país. Abstract This paper tries to contribute to a reflection on how to make primary public schools better from a theoretical perspective which understands schools as unique social institution and the one which can organize and develop proceedings which are similar in other schools, having its own peculiarities and which came from its historic route. It has a privileged interlocutor who is the primary public school teacher who offers subsidies to the organization of a pedagogical work in such way that its own organization is a fundamental element for developing democratic teaching in our country.

Análise de algumas condições institucionais para a organização do trabalho pedagógico

Peron, Sarah Cristina
Fonte: ETD - Educação Temática Digital Publicador: ETD - Educação Temática Digital
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Avaliado pelos pares; bibliográfica Formato: application/pdf
Publicado em 08/01/2009 POR
Relevância na Pesquisa
106.06%
Este artigo apresenta uma discussão sobre algumas condições institucionais para a organização do trabalho pedagógico na escola, integrando a elaboração e o desenvolvimento do projeto político-pedagógico da instituição. A gestão democrática da escola, o trabalho reflexivo e coletivo dos profissionais, a concepção de projeto político-pedagógico como eixo organizativo do trabalho escolar e a importância da consideração das condições institucionais para tal, constituíram-se o eixo teórico da discussão, a qual baseou-se em uma pesquisa de iniciação científica da autora na área. Tal pesquisa, realizada em uma escola particular de Campinas, adotou como metodologia de coleta de dados a observação de reuniões pedagógicas, além de entrevistas com um grupo de profissionais da escola. Os resultados da pesquisa, caracterizados como fatores facilitadores e dificultadores da organização do trabalho na escola, constituem-se o eixo principal das discussões, destacando-se as seguintes considerações finais: a-) a importância da criação de esquemas coletivo/reflexivo/democráticos de planejamento, elaboração e acompanhamento do projeto político-pedagógico da escola, garantidos por uma estrutura de reuniões pedagógicas entre os profissionais; b-) a existência de lideranças seguras...