Página 1 dos resultados de 633 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Dinâmica de crescimento e nutrição do capim-marandu submetido a doses de nitrogênio.; Growth dynamic and nutrition of marandu grass grown in nitrogen rates.

Santos Júnior, João de Deus Gomes dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/12/2001 PT
Relevância na Pesquisa
46.33%
O objetivo do trabalho foi avaliar os atributos nutricionais e de crescimento do capim-Marandu (Brachiaria brizantha cv. Marandu) submetido a doses de nitrogênio e idades de crescimento. Entre os nutrientes, o nitrogênio destaca-se pelo incremento que é capaz de proporcionar na produção de forragem. O estudo da dinâmica do crescimento e nutrição do capim-Marandu constitui ferramenta importante para o aumento da produção e qualidade dessa planta forrageira. O experimento foi conduzido em casa-de-vegetação, em solução nutritiva, utilizando sílica como substrato. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos completos ao acaso, com os tratamentos combinados em fatorial 5x6, com quatro repetições. O capim-Marandu foi submetido a doses de nitrogênio de 28, 112, 210, 294 e 378 mg L-1 e avaliado nas idades de crescimento de 21, 28, 35, 42, 49 e 56 dias após a emergência. As soluções apresentaram proporção constante NO3-:NH4+ de 70%:30% e foram trocadas semanalmente a partir da primeira idade de crescimento. As doses de nitrogênio e as idades de crescimento interagiram significativamente (P<0,05) em todos os atributos nutricionais e de crescimento do capim-Marandu, com exceção do comprimento radicular específico e da taxa de assimilação líquida. As doses de nitrogênio em cada idade de crescimento apresentaram efeito significativo (P<0...

Interação de nitrogênio e potássio na nutrição, no teor de clorofila e na atividade da redutase do nitrato de plantas de trigo; Interaction of nitrogen and potassium in wheat nutrition, chlorophyll content, and nitrate activity reductase

Viana, Eloise Mello
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
46.41%
O conhecimento do comportamento vegetal quanto ao uso de nutrientes permite manusear ou modificar o sistema de cultivo para melhorar a eficiência na utilização de nitrogênio. O fornecimento de potássio para as plantas estimula o aproveitamento do nitrogênio, possibilitando que sua absorção, assimilação e, conseqüentemente, a produtividade sejam aumentadas. Com base nestes fatos, o objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de combinações de doses de nitrogênio e de potássio na nutrição, no teor de clorofila e na atividade da enzima redutase do nitrato em plantas de trigo (Triticum aestivum L.). O experimento foi conduzido em casa de vegetação do Departamento de Ciência do Solo da ESALQ/USP, localizada no município de Piracicaba-SP, utilizando-se vasos de três litros onde foram acondicionadas amostras da camada 0-20 cm de um Argissolo Vermelho Amarelo Abrúptico. Utilizou-se esquema fatorial 52 fracionado, com combinações de cinco doses de nitrogênio (0; 70; 140; 210 e 280 mg dm -3) e de cinco doses de potássio (0; 50; 100; 150 e 200 mg dm-3), as quais foram distribuídas segundo delineamento experimental de blocos aleatorizados, com quatro repetições. As leituras SPAD das folhas do terço-médio das plantas de trigo foram realizadas 30 dias após a semeadura. Aos setenta e nove dias após a semeadura foi realizada determinação da atividade da enzima redutase do nitrato. Aos 80 dias após a semeadura...

Atributos do solo e da nutrição do cafeeiro em sistema agroflorestal e em monocultivo; Soil and nutritional status attributes of coffee under agroforestry systems and monocrop

Jesus, Jovan de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/10/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.24%
A produção de café é uma atividade importante para a economia do Brasil, maior produtor e também principal exportador. O cafeeiro apresenta ciclo bienal de produção, cuja oscilação é acentuada no Brasil dada às condições climáticas e ao sistema de cultivo predominante a pleno sol. Pesquisas envolvendo avaliação do estado nutricional do cafeeiro em sistemas agroflorestais são raras, o que dificulta as recomendações de adubação para esta condição. Objetivou-se neste estudo, o melhor entendimento da fertilidade do solo e do estado nutricional do cafeeiro em relação aos teores de N e K no microclima gerado pelo sistema agroflorestal e em monocultivo. A pesquisa foi conduzida no período de março de 2006 a maio de 2008, no campo experimental pertencente ao Departamento de Produção Vegetal da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo (ESALQ/USP) em Piracicaba SP, localizada nas coordenadas geográficas 220 42 20 S, 470 37 22 W e altitude 565 m. O experimento foi composto de seringueiras do clone PB 235, plantada em dezembro de 1991, no espaçamento de 8,0 x 2,5 m e cafeeiros cv. Obatã IAC 1669-20, plantado em janeiro de 2002, no espaçamento de 3,4 x 0,9 m, sob diferentes condições de sombreamento: no sub-bosque e interfaceando as árvores da seringueira e em monocultivo. O delineamento experimental adotado foi o inteiramente casualizado com quatro repetições. O experimento de avaliação da fertilidade do solo constou de seis tratamentos...

Nitrogênio e enxofre para gramínea forrageira: atributos do solo e aspectos metabólicos, nutricionais e produtivos da planta; Nitrogen and sulphur for graminaceous forage plants: soil attributes and metabolic, nutritional and productive aspects of plants

De Bona, Fabiano Daniel
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/02/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.46%
A disponibilidade dos nutrientes nitrogênio e enxofre no solo pode alterar o desenvolvimento das plantas com reflexos diretos na produção vegetal. Objetivou-se: a) estudar doses de nitrogênio e doses de enxofre na produção da Brachiaria brizantha cv. Marandu (capim-Marandu) em implantação em solo de pastagem com Brachiaria decumbens (capim-Braquiária) em degradação, e avaliar as alterações nas concentrações desses elementos no tecido vegetal e no solo promovidas por essa adubação; b) avaliar a eficiência do uso da água pelo capim-Marandu em estabelecimento adubado com nitrogênio e enxofre; c) avaliar o efeito de nitrogênio e de enxofre na adubação do capim-Marandu na extração desses elementos do solo, na matéria orgânica, no pH e nas frações mineral e orgânica de nitrogênio e de enxofre do solo; e d) avaliar alterações na fisiologia e no metabolismo de gramínea que afetam a produção da planta, em virtude da adubação combinada de formas de nitrogênio e doses de enxofre. Plantas de capim-Marandu foram cultivadas em casa de vegetação em solo classificado como Neossolo Quartzarênico, no período de janeiro a maio de 2006 (três períodos de crescimento). Estudaram-se cinco doses de nitrogênio (0; 100; 200; 300 e 400 mg dm-3) combinadas com cinco doses de enxofre (0; 10; 20; 30 e 40 mg dm-3)...

Atributos químicos e biológicos do solo, nutrição e produção de grãos de soja influenciados pela calagem e pela cobertura de aveia preta em sistema plantio direto; Chemical and biological attributes of the soil, soybean nutrition and yield as affected by liming and by black oat cover crop under no-till system

Garbuio, Fernando José
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.5%
A acidez do solo é um sério problema que limita o crescimento radicular das culturas. A aplicação de calcário na superfície do solo visando à correção da acidez é utilizada em áreas cultivadas no sistema de plantio direto (SPD) já instalado. A amenização da acidez no subsolo devido à aplicação do calcário na superfície é influenciada pelo manejo da cobertura vegetal e pela adubação nitrogenada. Além disso, a calagem e a cobertura vegetal afetam os ciclos de C e de N devido à influência em atributos biológicos do solo, como estrutura e atividade microbiana, qualidade e quantidade de substrato disponível aos microorganismos decompositores. Os objetivos desse estudo foram avaliar o efeito da calagem e da cobertura de resíduos de aveia preta, com e sem adubação nitrogenada (i) nos atributos químicos e na especiação iônica da solução de um Latossolo Vermelho Distrófico, textura média, na nutrição e na produção de grãos de soja em experimento conduzido em Ponta Grossa-PR (25º10S, 50º05W) sob SPD; (ii) nos compartimentos de C e de N, no potencial de mineralização de N e na taxa de decomposição de aminoácidos; e (iii) estudar o efeito do pH inicial do solo e local de adição de resíduos de aveia preta na composição da solução do solo e no comportamento da comunidade microbiana. A calagem aumentou o pH do solo e os teores de Ca e Mg trocáveis e reduziu os teores de Al e Mn até 60 cm de profundidade...

Aspectos agronômicos e ambientais da irrigação com efluente de estação de tratamento de esgoto e aplicação de fosfogesso em sistema de produção de cana de açúcar; Agronomic and environmental aspects of irrigation with treated sewage effluent and phosphogypsum application on sugarcane production

Blum, Julius
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/02/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.42%
O uso de efluentes de estação de tratamento de esgoto (EETE) para a irrigação de culturas agrícolas é uma forma adequada de reciclagem de nutrientes e da água utilizada pelas populações urbanas, portanto, importante para o uso sustentável de recursos. Embora seja uma prática bastante antiga no mundo, no Brasil é ainda insipiente, pois as pesquisas relacionadas ao tema iniciaram-se por volta do ano 2000. Apesar de alguns resultados serem positivos do ponto de vista de sua utilização, ainda existem algumas dúvidas relacionadas ao (i) balanço de nutrientes para o manejo de fertilizantes com vistas à nutrição vegetal e à segurança ambiental, (ii) ao acumulo de sódio no solo em condições normais de irrigação e precipitação pluvial e possível amenização desse efeito e (iii) ao risco de acúmulo de nitrogênio no lençol freático. Com o propósito de responder a esses questionamentos, tratamentos com fosfogesso foram estabelecidos em cultura de cana de açúcar previamente irrigada com EETE onde foram avaliados: (i) nutrição das plantas; (ii) aporte e exportação de nutrientes; (iii) qualidade do solo principalmente no tocante ao sódio e propriedades relacionadas; (iv) fluxo de solução e nitrogênio através do solo. Após dois anos da aplicação de gesso e cinco anos consecutivos de irrigação com EETE as propriedades químicas do solo...

Modificações morfológicas e metabólicas em gramínea e leguminosa forrageiras tropicais relativas ao suprimento de enxofre; Metabolic and morphological changes in grass and legume tropical forages related to sulfur supply

Schmidt, Fábiana
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.41%
O enxofre é um dos elementos essenciais para as plantas e as exigências nutricionais nesse nutriente variam com a espécie e a taxa de crescimento das plantas. Com o objetivo geral de avaliar o efeito da nutrição em enxofre no crescimento e no metabolismo do capimtanzânia (Panicum maximum cv. Tanzânia) e do estilosante (Stylosanthes guianensis cv. Mineirão) desenvolveu-se a presente pesquisa com os objetivos específicos de avaliar os efeitos do fornecimento de enxofre em: i) modificações morfológicas, produtivas e nutricionais ocorridas na parte aérea e nas raízes; ii) metabolismo do nitrogênio e as consequentes alterações na composição e concentrações de aminoácidos; iii) concentrações de enxofre total, enxofre-sulfato e glutationa e na atividade das enzimas glutationa redutase e glutationa sulfo-transferase nas folhas recém-expandidas e raízes; iv) crescimento, metabolismo da glutationa e atividade das enzimas envolvidas no ciclo ascorbato-glutationa e v) absorção de sulfato e a expressão de genes de transportadores de sulfato. Os experimentos foram conduzidos em casa de vegetação e camara de crescimento, empregando-se soluções nutritivas. As doses de enxofre aplicadas foram ajustadas de modo a permitir nutrição baixa...

Alimentos geneticamente modificados de origem vegetal. O seu impacto na saúde

Caldeira, Ana Rita Rodrigues
Fonte: Porto : edição de autor Publicador: Porto : edição de autor
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 2 vols.(tese+relatório); 30 cm
POR
Relevância na Pesquisa
36.63%
Resumo da tese: Através da engenharia genética é possível modificar plantas, animais e microrganismos para usos específicos. (1,2) A modificação genética é uma das mais recentes tecnologias aplicadas na produção alimentar com o intuito de obter características desejáveis, não só para aumentar a produção, mas também para melhorar determinadas características dos produtos.(3) Em 1983, os cientistas deram um grande passo na produção de alimentos geneticamente modificados com a aplicação desta tecnologia aos produtos de origem vegetal. Desde 1994, com a introdução no mercado do primeiro alimento geneticamente modificado - o tomate com tempo de vida prolongado - muitos outros alimentos de origem vegetal têm sido modificados, de modo a conferir-lhes novas características desejadas pelo Homem. (2,4) Nos últimos anos, tem-se assistido a um crescimento exponencial da produção deste tipo de alimentos e à sua integração de forma desconhecida, pela falta de identificação, na cadeia alimentar humana. (5) Na medida em que os alimentos geneticamente modificados de origem vegetal são consumidos de forma directa pelo Homem, neste trabalho serão focados os riscos para a sua saúde.; Contém um relatório de estágio realizado no Serviço de Nutrição e Alimentação do Intituto Português de Oncologia de Francisco Gentil...

"Nutrição Vegetal, Fertilidade do Solo e Fertilização das Culturas“ A Fertilização e os desafios do futuro

Alpendre, P.F; Machado, R
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
66.41%
"Nutrição Vegetal, Fertilidade do Solo e Fertilização das Culturas“ A Fertilização e os desafios do futuro

Nutrição mineral em Eucalyptus globulus Labill: fertilização e exportação de nutrientes

Castro, Vanessa de Jesus Martins de
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.22%
Dissertação de Mestrado em Engenharia Florestal; A adequada nutrição dos povoamentos de Eucalyptus globulus Labill. permite otimizar o seu crescimento, maximizando a produção de madeira para pasta e papel. Frequentemente, os solos florestais não possuem nutrientes em quantidades suficientes para satisfazer as necessidades do eucalipto, recorrendo-se à fertilização mineral. Este trabalho pretendeu avaliar a resposta de um povoamento de eucalipto à fertilização mineral, relacionando-a com a nutrição e a absorção de nutrientes pelas plantas, mais especificamente: i) avaliar a resposta do eucalipto à adubação de manutenção; ii) quantificar a produção de biomassa; iii) conhecer a curva de absorção de nutriente ao longo do ciclo e exportação de nutrientes; iv) avaliar a concentração foliar e a análise de solo como indicadores do estado nutricional da planta e da fertilidade do solo e v) calcular o balanço de nutrientes no ecossistema florestal. Verificou-se resposta positiva à adubação com N, K, B, Zn e Cu, obtendo-se no final do ciclo 31% de ganho no volume de madeira, 13% na produção de biomassa e maior acumulação de nutrientes nas plantas. A aplicação individual de N e K resultou num ganho de 11% e 19% no volume de madeira...

A theoria mineral da nutrição vegetal e a sua applicação na agricultura

Marçal, Ramiro Larcher
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa Publicador: Universidade Técnica de Lisboa
Tipo: Outros
Publicado em //1871 POR
Relevância na Pesquisa
46.24%
Dissertação Inaugural

Relatório integrador da actividade profissional. 25 anos de actividade no sector adubeiro nacional e ibérico

Pinto, João Pedro Francisco Castro
Fonte: ISA/UTL Publicador: ISA/UTL
Tipo: Relatório
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
46.41%
Relatório integrador da actividade profissional - Mestrado em Engenharia Agronómica - Instituto Superior de Agronomia; Desenvolver novos fertilizantes e actividades de apoio técnico no domínio da fertilização e nutrição vegetal tem sido a minha principal actividade profissional desde que terminei o curso de Engenheiro Agrónomo em 1984, tendo para o efeito representado as principais empresas adubeiras portuguesas: Sapec Agro, Quimigal Adubos, ADP – Adubos de Portugal e actualmente, ADP - Fertilizantes. No que se refere aos novos fertilizantes estudados e lançados no mercado ibérico e Brasil, podem contabilizar-se 30 marcas comerciais que são o corolário de um continuado esforço no domínio da Investigação, Desenvolvimento e Inovação, efectuado também conjuntamente com as principais universidades e centros de investigação da Península Ibérica: Fertichili, Fertigafsa, Fertifos, Sulfazoto, Fertimais, Fertouro, Fertisuper, Profertil, Promega, Superis, Bioterra, Profertil Teck, Nutrifluid, Nitrotop, Nitrofluid, Promega Olival e Pêra Rocha, Nutrifluid Multimicros, Nutrifluid AA, Corbigran, Amicote, Fertijet, Corbigran MO, Tecnifol, Nitroteck, T. Defender, TD VIDA, Zimactiv, Tecnologia LZn e Tecnologia C-MOV. No que diz respeito às acções de apoio técnico...

Efeitos da micorriza e do suprimento de fósforo na atividade enzimática e na resposta de espécies arbóreas ao nitrogênio.

PEREIRA, E.G.; SIQUEIRA, J.O.; CURI, N.; MOREIRA, F.M.S.; PURCINO, A.A.C.
Fonte: Revista Brasileira de Fisiologia Vegetal, Londrina, v. 8, n. 1, p. 59-65, 1996. Publicador: Revista Brasileira de Fisiologia Vegetal, Londrina, v. 8, n. 1, p. 59-65, 1996.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.38%
Avaliou-se, em um experimento realizado em vasos com 5 kg de um latossolo, a influencia de micorriza arbuscular e do suprimento de fosforo na micorriza arbuscular e do suprimento de fosforo na resposta da acacia (Acacia mangium (L.), fedegoso (Senna macranthera (Collad.) I & B.), cassia verrugosa (Senna multijuga (L.C.Rich) I.&B.) e angico vermelho (Anadenanthera peregrina (L.) Speg.) a adubacao nitrogenada. Verificou-se que plantas colonizadas por Glomus etunicatum (Becker & Gerdemann), mesmo apresentando menores teores de fosforo na parte aerea, apresentaram maiores respostas em crescimento a adicao de N-mineral ao solo do que quando estas foram adubadas com 360 mg de P kg-1. Para absorcao de N, verificou-se que as plantas micorrizadas apresentaram teores deN ate 2,6 vezes maior devido a aplicacao deste nutriente, enquanto nas plantas com P esta relacao nao ultrapassou 1,5. Isto indica que o efeito da micorriza na resposta da nutricao fosfatica da planta e sim devido a melhor absrocao do N via fungo micorrizico. O conteudo de proteina soluvel na folha e a atividade da GS, Fd-GOGAT e PEPC foram pouco influenciados pelos tratamentos, sendo os valores maximos observados para o fedegoso. Alem de efeitos diretos da nutricao fosfatica...

Nutrição e produtividade de híbridos de sorgo granífero de ciclos contrastantes consorciados com capim-marandu.

CRUSCIOL, C. A. C.; MATEUS, G. P.; PARIZ, C. M.; BORGHI, E.; COSTA, C.; SILVEIRA, J. P. F. da.
Fonte: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v, 46, n. 10, p. 1234-1240, out. 2011. Publicador: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v, 46, n. 10, p. 1234-1240, out. 2011.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.26%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do consórcio com capim-marandu (Urochloa brizantha) na nutrição e produtividade de híbridos de sorgo granífero de ciclos contrastantes, em sistema plantio direto. Utilizou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso, em arranjo fatorial 2x2, com seis repetições. Os tratamentos consistiram de dois híbridos de sorgo granífero de ciclos contrastantes (P8118, ciclo médio; e P8419, ciclo precoce) e dois sistemas de cultivo (monocultivo e consórcio com capim-marandu na linha de semeadura), com semeadura no início de dezembro. Avaliou-se a nutrição, as características agronômicas, os componentes da produção e a produtividade de matéria seca e grãos da cultura do sorgo. Com exceção do potássio e do enxofre, os teores foliares dos demais nutrientes foram adequados à cultura do sorgo granífero, em todos os tratamentos. O híbrido P8118 apresentou a maior produtividade de grãos e, após o consórcio, contribuiu para a maior produtividade de matéria seca da forragem de capim-marandu, no corte realizado em outubro. O cultivo consorciado com capim-marandu não afeta a nutrição e a produtividade de matéria seca e de grãos de sorgo, em comparação ao monocultivo, independentemente do ciclo do híbrido utilizado.; 2011

Nutrição mineral da cana-de-açúcar irrigada com efluente de esgoto tratado, em área com aplicação de fosfogesso.

BLUM, J.; MELFI, A. J.; MONTES, C. R.
Fonte: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v. 47, n. 4, p. 593-602, abr. 2012. Publicador: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v. 47, n. 4, p. 593-602, abr. 2012.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.28%
O objetivo deste trabalho foi quantificar o aporte e a remoção de nutrientes em sistemas de cultivo de cana‑de‑açúcar irrigados, ou não, com efluente de estação de tratamento de esgoto (EETE), com e sem adição de fosfogesso, bem como avaliar os efeitos desses sistemas de cultivo no estado nutricional das plantas. Foram avaliados tratamentos sem irrigação e com irrigação a 100 e 150% da necessidade hídrica da cultura. Os tratamentos com fosfogesso foram aplicados em área de terceiro corte, irrigada com EETE desde o plantio. As avaliações foram realizadas em duas safras. Os tratamentos não afetaram os rendimentos de colmos. O tratamento com EETE e fosfogesso apresentou efeito sinérgico sobre o conteúdo de nitrogênio e de enxofre nas plantas. O EETE beneficiou a nutrição das plantas quanto ao fósforo, mas não causou melhorias na nutrição com potássio e enxofre. A nutrição com ferro, zinco e manganês não foi influenciada pelo aporte desses micronutrientes pelo EETE. O fósforo e o nitrogênio aportados na irrigação com EETE devem ser considerados na recomendação de adubação. Porém, potássio, enxofre, ferro, zinco e manganês do efluente não são fontes eficientes desses nutrientes para as plantas.; 2012

Aplicação foliar de ácido silícico estabilizado na soja, feijão e amendoim.

CRUSCIOL, C. A. C.; SORATTO, R. P.; CASTRO, G. S. A.; COSTA, C. H. M. da; FERRARI NETO, J.
Fonte: Revista Ciência Agronômica, Fortaleza, v. 44, n. 2, p. 404-410, abr-jun, 2013. Publicador: Revista Ciência Agronômica, Fortaleza, v. 44, n. 2, p. 404-410, abr-jun, 2013.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.24%
A aplicação de silício (Si) é benéfica às plantas. Porém, existem dúvidas sobre a eficiência do seu fornecimento via foliar. Objetivou-se com este trabalho avaliar o efeito da aplicação de Si via foliar, na forma de ácido silícico estabilizado (fonte recém-desenvolvida), na nutrição e na produtividade das culturas da soja, feijão e amendoim. O delineamento experimental para cada cultura foi em blocos casualizados, com quatorze repetições. Os tratamentos foram: controle (sem aplicação de Si) e aplicação de Si via foliar, na dose de 2 L ha-1 do produto Silamol® (0,8% de Si solúvel como um concentrado estabilizado de ácido silícico). A dose de Si foi parcelada em quatro aplicações. A aplicação via foliar elevou os teores de Si, proporcionando aumento do número de vagens e da produtividade de grãos das três culturas. O incremento foi da ordem de 14; 15 e 9,6%, respectivamente, para as culturas da soja, feijão e amendoim.; 2013

Efeito da aplicação de Mg solúvel sobre a nutrição mineral de pimenta longa (Piper hispidinervium).

RIBEIRO, B. T.; BASTOS, A. R. R.; BRASIL, E. C.; CARVALHO, J. G. de.
Fonte: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 25.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 9.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 7.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 4., 2002, Rio de Janeiro. Fertbio 2002: [resumos expandidos]. Rio de Janeiro: SBCS, 2002. Publicador: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 25.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 9.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 7.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 4., 2002, Rio de Janeiro. Fertbio 2002: [resumos expandidos]. Rio de Janeiro: SBCS, 2002.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.16%
2002

Tecido vegetal.

NOGUEIRA, A. R. de A.; MATOS, A. de O.; CARMO, C. A. F. de S. do; SILVA, D. J.; MONTEIRO, F. L.; SOUZA, G. B. de; PITA, G. V. E.; CARLOS, G. M.; OLIVEIRA, H. de; COMASTRI FILHO, J. A.; MIYAZAWA, M.; OLIVEIRA NETO, W. de. T
Fonte: In: NOGUEIRA, A.; SOUZA, G. B. (Ed.). Manual de laboratórios: solo, água, nutrição vegetal, nutrição animal e alimentos. São Carlos: Embrapa Pecuária Sudeste, 2005. Publicador: In: NOGUEIRA, A.; SOUZA, G. B. (Ed.). Manual de laboratórios: solo, água, nutrição vegetal, nutrição animal e alimentos. São Carlos: Embrapa Pecuária Sudeste, 2005.
Tipo: Capítulo em livro técnico-científico (ALICE) Formato: p. 145-199.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.51%
2005

Tecidos vegetais.

OLIVEIRA, A. S. de; NOGUEIRA, A. R. de A.; CARMO, C. A. F. de S. do; FERNANDES, F. D.; PITTA, G. V. E.; CARLOS, G. M.; OLIVEIRA, H. de; MAMÃO, J. B.; ARMELIN, M. J. A.; SALDANHA, M. F. C.; MYYAZAWA, M.; SCRAMIN, S.
Fonte: In: NOGUEIRA, A. R. A.; SOUZA, G. B. (Ed.). Manual de laboratórios: solo, água, nutrição vegetal, nutrição animal e alimentos. São Carlos: Embrapa Pecuária Sudeste, 2005. Publicador: In: NOGUEIRA, A. R. A.; SOUZA, G. B. (Ed.). Manual de laboratórios: solo, água, nutrição vegetal, nutrição animal e alimentos. São Carlos: Embrapa Pecuária Sudeste, 2005.
Tipo: Capítulo em livro técnico-científico (ALICE) Formato: p. 27-36.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.42%
2005

Crescimento e nutrição mineral da soja submetida a excesso de P, S, K, Ca e Mg em solução nutritiva; Growth and mineral nutrition of soybean due to P, S, K, Ca and Mg excess in nutrient solution

Deon, Magnus Dall'Igna
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
46.16%
Um sistema de cultivo eficiente depende do correto manejo da nutrição das plantas. Desordens nutricionais podem ser induzidas por manejo da fertilização inadequada e excessiva, dentre elas toxidez e deficiência induzida de um nutriente por outro. Com o objetivo de avaliar o comportamento da soja cultivar CD-208 ao excesso de cinco macronutrientes em solução nutritiva, foi realizado um experimento em casa de vegetação. Os tratamentos constituíram-se de um controle baseado na solução nutritiva de Hoagland e Arnon (1950) e soluções nutritivas iguais a essa, com a adição de 1,5; 3,0; 4,5 e 6,0 mmolc L-1 de um dos dois ânions (H2PO4 - e SO4 -2) acompanhado da mesma molaridade de carga de cada um dos três cátions (K+, Ca+2 e Mg+2). O único nutriente que provocou toxidez às plantas foi o fósforo, acumulando-se nas folhas diagnósticas em concentrações de até 12,8 g kg-1. Sob essa condição de toxidez, as plantas apresentaram clorose amarelo-amarronzada internerval nas folhas velhas que progrediu para necrose e abscisão, e acumularam menos massa seca, sofrendo alteração da relação entre parte aérea e raízes. Também apresentaram teores maiores de nitrogênio, enxofre e potássio, resultante da concentração destes nutrientes com a diminuição da massa seca e diminuição do teor de magnésio. Potássio e magnésio tiveram a concentração foliar aumentada pela sua maior concentração na solução...