Página 1 dos resultados de 13038 itens digitais encontrados em 0.013 segundos

Estudo clínico da eficácia da criocirurgia no tratamento de neoplasias de pele e/ou partes moles de cães e gatos; Clinical study of effectiveness of cryosurgery in the treatment of skin and/or soft tissue neoplasia in dogs and cats.

Queiroz, Genilson Fernandes de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/09/2004 PT
Relevância na Pesquisa
36.72%
Com objetivo de avaliar a eficácia da criocirurgia no tratamento de neoplasias de pele e/ou partes moles de cães e gatos, foram utilizados 40 animais, 27 cães e 13 gatos de raças e idades variadas encaminhados ao Serviço de Cirurgia de Pequenos Animais do Hospital Veterinário da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo. Foram tratadas 57 lesões utilizando-se o nitrogênio líquido por meio da técnica do spray, destas 17 (29,83%) foram caracterizadas como neoplasia epitelial benigna, 22 (38,60%) neoplasia epitelial maligna, 4 (7,01%) neoplasia mesenquimal benigna, 10 (17,54%) neoplasia mesenquimal maligna, 3 (5,27%) não neoplásicos e 1 (1,75%) não caracterizado. Houve remissão total de 49 (85,96%) lesões em 32 (80%) animais. Diante destes resultados pode-se concluir que a criocirurgia foi eficaz no tratamento de tumores de pele e/ou partes moles de cães e gatos.; With the aim to evaluate the effectiveness of cryosurgery in the treatment of skin and soft tissue neoplasias of the dogs and cats it was used 40 animals, 27 dogs and 13 cats of differents ages and breeds referred to the Surgery Service of Small Animals of the Veterinary Hospital of the University of São Paulo. Fifty seven lesions were treated with the spray technique using liquid nitrogen. 17 (29...

Detecção e rastreamento de mutações no proto-oncogene RET em pacientes com neoplasia endócrina múltipla tipo 2 por meio de eletroforese em gel sensível à conformação; RET proto-oncogene mutations screening and detection in patients with multiple endocrine neoplasia type 2 using conformation sensitive gel electrophoresis

Santos, Marcelo Augusto Cortina Gonçalves dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/04/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
A neoplasia endócrina múltipla tipo 2 (NEM-2) é uma síndrome tumoral herdada por mutações germinativas no proto-oncogene RET (RET) e transmitida por herança autossômica dominante. Atualmente, a indicação de tireoidectomia total preventiva é recomendada a indivíduos portadores de mutações no RET. Analisamos a aplicação do método Eletroforese em Gel Sensível à Conformação (CSGE) no rastreamento de mutações hot-spots do RET. Sete famílias com NEM-2 foram rastreadas pelo CSGE, seqüenciamento gênico e análise do Polimorfismo Conformacional de Cadeia Simples (SSCP). Usando o CSGE e SSCP, identificamos cinco das seis (83,3%) mutações verificadas pelo seqüenciamento: Cys620Arg, Cys634Arg, Cys634Tyr, Val648Ile e Met918Thr. Foram analisados 128 amplicons englobando mutações hot-spots do RET e 116 dentre 128 (90.6%) concordaram com o seqüenciamento genético. Os polimorfismos 691 e 769 também foram documentados pelo CSGE e SSCP. Os dados obtidos por CSGE e SSCP foram totalmente (100%) concordantes. O CSGE revelou ser metodologia sensível, rápida, fácil de ser executada e de baixo custo na detecção de mutações nos códons 620, 634, 648, e 918, as quais constituem grande maioria (~95%) dos pacientes com NEM-2. Quanto à mutação Val804Met (prevalência na população inferior a 3%)...

Análise do gene CDKN1B/p27kip1 em pacientes com neoplasia endócrina múltipla tipo 2; CDKN1B/p27kip1 gene analysis in patients with multiple endocrine neoplasia type 2 (MEN2)

Sekiya, Tomoko
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.8%
INTRODUÇÃO: Na Neoplasia Endócrina Múltipla tipo 2 (NEM2), o desenvolvimento do Carcinoma Medular de Tireoide (CMT), Feocromocitoma (FEO) e Hiperparatireoidismo primário (HPT) está associado à mutações germinativas ativadoras no proto-oncogene RET. Casos de CMT esporádico podem apresentar mutações somáticas no RET (~40%). A variabilidade fenotípica observada em casos de CMT e FEO familiais associados à NEM2 indica o envolvimento de eventos genéticos adicionais que seriam responsáveis pelas diferenças clínicas observadas nos indivíduos afetados (idade de desenvolvimento, progressão e agressividade do tumor). Outras alterações genéticas no RET como duplas mutações, SNPs e haplótipos específicos podem influenciar na susceptibilidade, agressividade e modulação do fenótipo NEM2. Entretanto, os estudos de outros genes envolvidos no processo da tumorigênese NEM2 ainda estão em andamento. Recentemente foi mostrado que RET ativado controla a expressão de proteínas inibidoras do ciclo celular (p18 e p27). Mutações germinativas no gene p27 foram recentemente associadas à susceptibilidade de tumores neuroendócrinos e estão associadas à síndrome NEM4 (Neoplasia endócrina múltipla tipo 4). Mutações somáticas...

Possible association between Carney complex and multiple endocrine neoplasia type 1 phenotypes

Nunes, Vania S.; Chang, Cláudia V.; Mazeto, Gláucia Maria Ferreira da Silva; Marques, Mariângela E. A.; Castro, Ana Valéria B.; Nogueira, Célia R.
Fonte: Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Publicador: Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1356-1361
ENG
Relevância na Pesquisa
36.72%
Complexo de Carney (CNC) e neoplasia endócrina múltipla tipo 1 (MEN1) são formas de neoplasias endócrinas múltiplas de herança autossômica dominante. O diagnóstico do CNC ocorre quando dois critérios maiores (lentiginose, doença nodular pigmentosa primária das adrenais, mixomas cardíacos e cutâneos, acromegalia, neoplasia testicular, carcinoma de tireóide) são observados e/ou um critério maior associado a um critério suplementar (familiar afetado, mutação do gene PRKAR1A) ocorre. Por outro lado, o diagnóstico de MEN1 dá-se pela detecção de dois ou mais tumores localizados na glândula hipofisária, paratireóide e/ou células pancreáticas. O presente caso descreve um homem de 55 anos, com diagnóstico de acromegalia, hiperparatireoidismo primário e carcinoma papilífero de tireóide, exibindo critérios diagnósticos para as duas condições descritas. Embora possa ter ocorrido apenas uma associação esporádica, ou a acromegalia per se tenha predisposto ao carcinoma papilífero, novos mecanismos moleculares podem estar envolvidos.; Carney Complex (CNC) and Multiple Endocrine Neoplasia type 1 (MEN1) are forms of multiple endocrine neoplasia of dominant autosomal inheritance. Diagnosis of CNC occurs when two major criteria (lentiginoses...

Associação da coinfecção por Papilomavírus Humano (HPV) e Chlamydia trachomatis, vaginose bacteriana e resposta inflamatória com a gravidade da neoplasia cervical = : Association of co-infection with Human Papillomavirus (HPV) and Chlamydia trachomatis, bacterial vaginosis and inflammatory response with the severity of cervical neoplasia; Association of co-infection with Human Papillomavirus (HPV) and Chlamydia trachomatis, bacterial vaginosis and inflammatory response with the severity of cervical neoplasia

Juçara Maria de Castro Sobrinho
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/11/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.82%
Objetivo: Analisar a associação entre a coinfecção por papilomavírus humano (HPV), Chlamydia trachomatis (CT), vaginose bacteriana (VB) e resposta inflamatória (RI) com a gravidade da neoplasia cervical. Sujeitos e métodos: Estudo experimental, de corte transversal, realizado em Campinas, São Paulo e em Goiânia, Goiás, Brasil. A casuística incluiu amostras biológicas de 290 mulheres consecutivas submetidas à excisão da zona de transformação (EZT) ou conização. Para o estudo que avaliou a coinfecção entre HPV e CT e a associação com gravidade da neoplasia cervical foram selecionadas 251 (86,6%) mulheres infectadas por HPV de alto risco (HR-HPV). A detecção de HPV foi realizada utilizando os primers PGMY09/11 e a genotipagem através de hibridização reversa em pontos. A detecção da CT foi realizada por polimerase chain reaction (PCR) empregando primers cujo alvo é uma região de plasmídio críptico, gerando um fragmento de aproximadamente 512 pares de base. Para o estudo que avaliou a VB e resposta inflamatória e a associação destas condições com a gravidade da neoplasia cervical foram selecionadas 211 mulheres infectadas por HR-HPV, com esfregaços cervicais disponíveis para as análises. A presença de 20% ou mais de células indicadoras no esfregaço cervical corado pelo método de Papanicolau foi considerada positiva para VB. A resposta inflamatória nos esfregaços cervicais foi avaliada pela contagem do número de neutrófilos. O encontro de 30 ou mais neutrófilos por campo microscópico...

Efficacy in treatment of subclinical cervical HPV infection without intraepithelial neoplasia: systematic review

Russomano, Fábio Bastos; Reis, Aldo; Camargo, Maria José de; Dutra, Maria Virgínia Peixoto; Fonseca, Sandra Costa; Anderson, Jean
Fonte: Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
46.72%
CONTEXTO: O tratamento da infecção subclínica pelo papilomavírus humano (HPV) no colo uterino é controverso. OBJETIVO: Avaliar a eficácia de alguma terapia para infecção pelo HPV no colo uterino sem neoplasia intraepitelial. MÉTODO: Realizamos uma revisão sistemática com uma busca abrangente de estudos no Medline, LILACS, Excerpta medica, AIDSLINE, Popline, Cochrane Library e listas de referências de outros autores para identificar estudos experimentais sobre terapia para a infecção subclínica pelo HPV sem neoplasia intraepitelial no colo uterino. Para identificar artigos não publicados, também contactamos especialistas da área, registros de ensaios clínicos, indústrias farmacêuticas, instituições governamentais e de fomento à pesquisa. Também procuramos por estudos através da Internet e em livros de abstracts de alguns eventos médicos. Os estudos identificados foram mascarados e selecionados por critérios de inclusão que auxiliaram a garantir sua validade interna. Os dados sobre regressão ou progressão da infecção pelo HPV foram extraídos dos estudos incluídos. RESULTADOS: Identificamos 67 estudos relacionados ao tratamento da infecção subclínica pelo HPV sem neoplasia intraepitelial do colo uterino (NIC). Apenas cinco ensaios clínicos atenderam aos critérios de inclusão e nenhum demonstrou diferenças significativas entre o grupo em teste e o grupo-controle no que se refere a regressão da infecção pelo HPV (com ou sem NIC I) ou progressão para graus mais altos de NIC. CONCLUSÃO: As evidências de eficácia de alguma terapia para infecção subclínica pelo HPV sem neoplasia intraepitelial no colo uterino encontradas na literatura médica foram insatisfatórias.

Association of HPV infection and Chlamydia trachomatis seropositivity in cases of cervical neoplasia in Midwest Brazil

da Silva Barros, Narriman Kennia; Costa, Maria Cecilia; Figueiredo Alves, Rosane Ribeiro; Villa, Luisa Lina; Mauricette Derchain, Sophie Francoise; Zeferino, Luiz Carlos; dos Santos Carneiro, Megmar Aparecida; Rabelo-Santos, Silvia Helena
Fonte: Wiley-Blackwell; Malden Publicador: Wiley-Blackwell; Malden
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
36.75%
High-risk human papillomavirus (HPV) is considered the main etiological agent for cervical neoplasia. However, the presence of a single type HPV infection alone is unlikely to be sufficient to cause cervical cancer. There is epidemiologic evidence suggesting that HPV and Chlamydia trachomatis play a central role in the etiology of cervical intraepithelial neoplasia and subsequent cervical cancer. To evaluate the HPV prevalence and the seropositivity for C. trachomatis in women referred to the colposcopy clinic due to an abnormal cervical smear and to examine the effect of this association on the severity of cervical neoplasia. Following enrollment, 131 patients underwent colposcopy and biopsies when necessary. HPV DNA was detected by the polymerase chain reaction (PCR) and genotyping was performed by reverse line-blot hybridization assay. C. trachomatis seropositivity was tested by ELISA for the detection of IgG antibodies. The prevalence of HPV infection was 86.3%. Seropositivity for C. trachomatis was 26%. Thirty-one women (27.4%) were positive for C. trachomatis antibodies and HPV-DNA. The most prevalent HPV type in C. trachomatis-seropositive women were HPV 16 (51.6%) and this HPV type was present mainly in neoplasia cases. Positivity for HPV...

Estudo das alterações do metabolismo dos hidratos de carbono em gatos com neoplasia

Silva, Joana Isabel Gomes Rodrigues da
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em 02/06/2010 POR
Relevância na Pesquisa
36.88%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; A neoplasia constitui em Medicina Veterinária uma doença de extrema importância, afectando cães e gatos de todas as idades e constituindo uma das principais causas de morte nestas espécies (Withrow & Vail, 2007). Em Oncologia Veterinária, é cada vez mais frequente a detecção de síndromes paraneoplásicas , que requerem uma melhor compreensão para que seja possível um acompanhamento clínico mais adequado, tal como é realizado em Seres Humanos. A presente dissertação propôs-se a estudar as alterações relacionadas com o metabolismo dos hidratos de carbono em gatos com vários tipos de neoplasias, comparandoos com gatos saudáveis, através de um protocolo semelhante ao realizado em cães com neoplasias não hematopoiéticas e linfoma (Ogilvie et al, 1992; Ogilvie et al, 1997). Visou determinar a existência de alterações em determinados parâmetros (glucose, insulina, cortisol, adrenalina e lactato) que pudessem ser estabelecidos como factores de prognóstico neoplásico, bem como possíveis indicadores precoces de caquexia oncológica. A população em estudo consistiu em dois grupos de cinco gatos cada, de raça Europeu Comum, com idades de 3...

Conization, frozen section examination, and planned hysterectomy in the treatment of high-grade cervical intraepithelial neoplasia

Carvalho,Jesus Paula; Carvalho,Filomena Marino; Pincerato,Katia Maciel; Pereyra,Elsa A. Gay
Fonte: Faculdade de Medicina / Universidade de São Paulo - FM/USP Publicador: Faculdade de Medicina / Universidade de São Paulo - FM/USP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2001 EN
Relevância na Pesquisa
36.75%
PURPOSE: We tested the role of frozen section examination of the cone specimen in the evaluation of the resection margin status and to rule out invasion in patients with high-grade cervical intraepithelial neoplasia. METHODS: Twenty-five patients with cervical intraepithelial neoplasia underwent conization followed by frozen section examination and planned hysterectomy. The results of the definitive paraffin exam were compared with frozen section examination. RESULTS: In the evaluation of the margins by frozen section examination, 16 patients (64%) had positive cone margins and 9 (36%) had negative margins. The definitive paraffin examination of margin status was concordant in all the cases. Intraoperative diagnosis of invasion was made in 5 cases, and 1 of these was microinvasive. Among the remaining 20 cases, we detected 2 additional microinvasive carcinomas after paraffin study, so the diagnosis of the frozen section examination was concordant with the paraffin sections in 23/25 cases (92%). Two cases of microinvasive carcinoma were diagnosed as cervical intraepithelial neoplasia by frozen section examination and had less than 2 mm stromal invasion. CONCLUSIONS: In high-grade cervical intraepithelial neoplasia, frozen section examination can provide immediate and precise evaluation of the cone margin status in high-grade cervical intraepithelial neoplasia. It can identify frank invasion and permit adequate treatment in a one-stage procedure. In early microinvasive disease...

Primary hyperparathyroidism in multiple endocrine neoplasia type 1: when to perform surgery?

Giusti,Francesca; Tonelli,Francesco; Brandi,Maria Luisa
Fonte: Faculdade de Medicina / USP Publicador: Faculdade de Medicina / USP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2012 EN
Relevância na Pesquisa
36.72%
Primary hyperparathyroidism is a common endocrinological disorder. In rare circumstances, it is associated with familial syndromes, such as multiple endocrine neoplasia type 1. This syndrome is caused by a germline mutation in the multiple endocrine neoplasia type 1 gene encoding the tumor-suppressor protein menin. Usually, primary hyperparathyroidism is the initial clinical expression in carriers of multiple endocrine neoplasia type 1 mutations, occurring in more than 90% of patients and appearing at a young age (20-25 years). Multiple endocrine neoplasia type 1/primary hyperparathyroidism is generally accompanied by multiglandular disease, clinically manifesting with hypercalcemia, although it can remain asymptomatic for a long time and consequently not always be recognized early. Surgery is the recommended treatment. The goal of this short review is to discuss the timing of surgery in patients when primary hyperparathyroidism is associated with multiple endocrine neoplasia type 1.

Neoplasia: An Anniversary of Progress

Rehemtulla, Alnawaz
Fonte: Neoplasia Press Inc. Publicador: Neoplasia Press Inc.
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /12/2007 EN
Relevância na Pesquisa
36.72%
This issue marks the 10th year anniversary of Neoplasia where we have seen exciting growth on the impact that Neoplasia has had on cancer research worldwide. Neoplasia was founded in 1999 at which time manuscripts were accepted through e-mail. In 2000, Neoplasia became the first journal to offer web-based online manuscript submission and peer-review using a custom-designed application JournalSoft. Now, the use of web-based manuscript processing has become an industry standard as it provides authors with a rapid and useful dialog exchange for improving the quality of the science and the overall speed of the review process. Moreover, during the past 10 years, the Internet has experienced a massive growth of a complex global grid of now over an estimated 1.2 billion Internet users which have resulted in a major shift in the medium of scientific communication for scholarly publishing. Neoplasia continues to evolve with the technology and has implemented a rapid time-to-publication schedule to continue dissemination of published cancer research findings quickly to the scientific community.

Neoplasia: The Second Decade

Rehemtulla, Alnawaz
Fonte: Neoplasia Press Inc. Publicador: Neoplasia Press Inc.
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /12/2008 EN
Relevância na Pesquisa
36.8%
This issue marks the end of the 10-year anniversary of Neoplasia where we have seen exciting growth in both number of submitted and published articles in Neoplasia. Neoplasia was first published in 1999. During the past 10 years, Neoplasia has dynamically adapted to the needs of the cancer research community as technologies have advanced. Neoplasia is currently providing access to articles through PubMed Central to continue to facilitate rapid broad-based dissemination of published findings to the scientific community through an Open Access model. This has in part helped Neoplasia to achieve an improved impact factor this past year, demonstrating that the manuscripts published by Neoplasia are of great interest to the overall cancer research community. This past year, Neoplasia received a record number of articles for review and has had a 21% increase in the number of published articles.

Controle da neoplasia maligna do colo de útero: a resolutividade na atenção básica

Silva, Magna Maria Pereira da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.72%
A quantitative, descriptive, cross-sectional and retrospective study, using technical procedures of document consultation from secondary sources and health household survey with application form for face to face inter views, with the assent nº.039/2011 from the Ethics Committee of the Federal University of Rio Grande do Norte. The aim of this study was to analyze the cervix cancer control in the area47 of the Health Family Centre Nova Natal II. The cancer cervix is the second most common cancer among women worldwide. In Brazil screening for early detection and treatment of disease has been poorly done and follow-up to reduce mortality has not been executed. From a total of1170women belonging to area 47, who under went screening by the Pap test in the period from 2005 to 2010,was elected a sample of 38 women with positive cervical changes, over 18 years old. The calculation of frequency analysis of socio demographic and clinical and epidemiological selected variables with the results of cervical changes, using the X2 test and taking as significance level of p<0.05 was not statistically significant. The predominant age range was 25 to 64 years (68.9%), most no white women (60.5%), predominantly with primary education (57.9%), most married (68.4%) and housewives (68.4%) with early age of sexual activity (86.8%)...

Management of MUTYH-associated neoplasia in Australia

Worthley, D.; Suthers, G.; Lipton, L.
Fonte: Blackwell Publishing Asia Publicador: Blackwell Publishing Asia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2008 EN
Relevância na Pesquisa
36.72%
BACKGROUND: Mutations in the MUTYH gene, which codes for a base excision repair protein, have recently been found to cause an autosomal recessive syndrome characterized by multiple colorectal adenomas and increased risk of colorectal cancer. To identify key areas for clinical research, it is necessary to understand the current management of MUTYH-associated neoplasia. METHODS: Twelve questionnaires were sent to experts from familial colorectal cancer services throughout Australia, including representatives from all Australian states. The questionnaire was designed to clarify the practical management of MUTYH-associated neoplasia in the patient and their family. RESULTS: All 12 questionnaires were returned. For patients with fewer than 100 colorectal adenomas, and no dominant family history of colorectal neoplasia, most respondents carried out MUTYH testing before or concomitantly with APC. Australian laboratories generally carried out an initial directed analysis of the MUTYH gene for the two common mutations Y165C and G382D. For patients with biallelic MUTYH mutations all respondents endorsed regular colonoscopy surveillance with an interval of 1-2 years, whereas the recommended surveillance for monoallelic mutation carriers varied. CONCLUSION: This is the first study to document current management practices for MUTYH-associated neoplasia and forms a basis for the development of evidence-based recommendations as further research becomes available. Current guidelines for testing and management of MUTYH-associated neoplasia are discussed.; D. L. Worthley...

Impacto da análise do proto-oncogene RET na conduta clínica da neoplasia endócrina múltipla tipo 2; Impact of RET proto-oncogene analysis on the clinical management of multiple endocrine neoplasia type 2

Toledo, Sergio Pereira de Almeida; Santos, Marcelo Augusto Cortina Gonçalves dos; Toledo, Rodrigo de Almeida; Lourenço Júnior, Delmar Muniz
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/02/2006 ENG
Relevância na Pesquisa
36.75%
A neoplasia endócrina múltipla tipo 2 (NEM2) é caracterizada pela ocorrência do carcinoma medular de tireóide (CMT), hiperparatiroidismo primário (HPT) e feocromocitoma (FEO).1-12 Desde 1993, quando as primeiras mutações do tipo missense no proto-oncogene RET (RET), associadas a NEM2 foram identificadas, 46 diferentes mutações causadoras de doenças foram descritas.13-17 Como há uma forte correlação genótipo-fenótipo na NEM2, a detecção de mutações no RET adquiriu grande impacto no tratamento precoce do CMT e NEM2. A NEM2 persiste como uma doença subdiagnosticada e/ou tardiamente diagnosticada em várias áreas geográficas do globo. A análise de mutações do RET deve ser realizada em todas os casos de NEM2 e atualmente, a tireoidectomia total profilática é indicada para todos os indivíduos portadores de mutações no RET.¹ Para a grande maioria dos portadores de mutações gaméticas ativadoras no RET este procedimento cirúrgico é indicado nos primeiros anos de vida, promovendo melhora na qualidade de vida, aumento da sobrevida ou mesmo levando à cura definitiva.¹ Discutimos nesta revisão, o impacto da análise do proto-oncogene RET na conduta clínica da neoplasia endócrina múltipla tipo 2. Além disso...

Impacto do rastreamento clínico e genético para neoplasia endócrina múltipla tipo 1; The impact of clinical and genetic screenings on the management of the multiple endocrine neoplasia type 1

Lourenço-Jr, Delmar Muniz; Toledo, Rodrigo Almeida; Coutinho, Flavia Lima; Margarido, Leontina Conceição; Siqueira, Sheila Aparecida Coelho; Santos, Marcelo Augusto Cortina Gonçalves dos; Montenegro, Fabio Luiz de Menezes; Machado, Marcel Cerqueira Ce
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2007 ENG
Relevância na Pesquisa
36.72%
OBJETIVOS: Realizar rastreamentos clínico e gênico para Neoplasia Endócrina Múltipla tipo 1 (NEM1) e analisar seu impacto no seguimento clínico desses pacientes no Hospital das Clínicas, SP. MÉTODOS: O diagnóstico clínico de NEM1 foi realizado de acordo com o Consenso sobre neoplasias endócrinas múltiplas. A análise genética para identificação de mutações foi realizada por sequenciamento automático de todas as regiões codificadoras e fronteiras exon/intron do gene MEN1. Os casos afetados foram sub-divididos em 3 grupos e analisados separadamente: casos-índices (grupo I), familiares diagnosticados clinicamente (grupo II) e genicamente (grupo III). RESULTADOS: Um total de 154 casos participou desse estudo, sendo 52 diagnosticados com NEM1: 13 do grupo I, 28 do grupo II e 11 do grupo III. A idade média ao diagnóstico no grupo III (27 anos) foi significativamente menor que a dos grupos I (39,5 anos; p = 0,03) e II (42,4 anos; p = 0,01). A maioria dos pacientes dos grupos I e II apresentou 2 ou 3 tumores, enquanto que 81,8% dos casos do grupo III apresentavam 1 ou nenhum tumor relacionado à NEM1. Além disto, 45,4% dos casos do grupo III eram assintomáticos, não sendo observados nenhuma metástase ou óbito. Os demais 102 familiares sob-risco estudados não herdaram mutação MEN1 e foram excluídos do rastreamento clínico. Um caso de fenocópia NEM1 foi também localizado. DISCUSSÃO: Nossos dados demonstraram importantes benefícios no seguimento dos pacientes NEM1...

Conização, exame de congelação e histerectomia planejada no tratamento de neoplasia intra-epitelial de alto grau; Conization, frozen section examination, and planned hysterectomy in the treatment of high-grade cervical intraepithelial neoplasia

Carvalho, Jesus Paula; Carvalho, Filomena Marino; Pincerato, Katia Maciel; Pereyra, Elsa A. Gay
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2001 ENG
Relevância na Pesquisa
36.86%
OBJETIVOS: Foi avaliado o papel do exame intra-operatório de congelação no diagnóstico de invasão e no estado das margens cirúrgicas em pacientes com neoplasia intra-epitelial de alto grau. CASUÍSTICA E MÉTODO: Vinte e cinco pacientes com neoplasia intra-epitelial de alto grau foram submetidas a conização cervical seguida de histerectomia. O resultado do exame definitivo em parafina foi comparado com o exame de congelação. RESULTADOS: Dezesseis pacientes (64 %) tiveram margens comprometidas e 9 (36 %) livres. O diagnóstico definitivo na parafina foi concordante em todos os casos no diagnóstico do estado das margens. Em cinco casos foi diagnosticada invasão, sendo 1 caso de carcinoma microinvasivo. Entre os 20 casos restantes foram detectados 2 carcinomas microinvasivos adicionais após o exame em parafina. Desta forma o exame intra-operatório de congelação foi concordante com o exame definitivo em 23/25 casos (92 %). Dois casos de carcinoma microinvasivo foram diagnosticados como neoplasia intra-epitelial de alto grau no exame de congelação e apresentavam invasão estromal menor que 2 cm. CONCLUSÕES: O exame intra-operatório de congelação é capaz de predizer o estado das margens cirúrgicas em todos os casos de neoplasia intra-epitelial de alto grau assim como o diagnóstico de invasão franca. Nos casos de carcinoma microinvasivo este exame falha na detecção de invasão...

Prevalencia de desnutrición en pacientes con neoplasia digestiva previa cirugía

Cid Conde,L.; Fernández López,T.; Neira Blanco,P.; Arias Delgado,J.; Varela Correa,J. J.; Gómez Lorenzo,F. F.
Fonte: Nutrición Hospitalaria Publicador: Nutrición Hospitalaria
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/02/2008 SPA
Relevância na Pesquisa
36.82%
Objetivo: Analizar la prevalencia y el grado de desnutrición de los pacientes con neoplasia digestiva resecable que van a ser sometidos a intervención quirúrgica. Material y método: Estudio transversal, observacional y descriptivo de noviembre de 2005 a marzo de 2006 basado en la valoración nutricional de todos los pacientes mayores de edad con neoplasia digestiva resecable programados para intervención quirúrgica en el Servicio de Cirugía General y Digestiva del Complexo Hospitalario de Ourense. Se incluyeron 80 pacientes, 41 hombres y 39 mujeres de edades comprendidas entre los 27 y los 92 años. Resultados: La distribución por diagnósticos fue la siguiente: neoplasia de colon 27 pacientes, neoplasia de recto 24, neoplasia gástrica 23 y neoplasia pancreática 6. El 53% de los pacientes valorados había perdido más de un 5% de su peso habitual en los 3 meses previos. Las cifras de albúmina plasmática eran inferiores a 3,5 mg/dl en el 49% de los casos. La Valoración Global Subjetiva Generada por el Paciente muestra una prevalencia de desnutrición del 50% (29% desnutrición moderada o riesgo de desnutrición y 21% desnutrición severa). La desnutrición se relacionó con la edad, siendo más frecuente al aumentar ésta (p < 0...

Características clínicas de doentes com neoplasia do pulmão e neoplasias primárias síncronas ou metácronas com outras localizações

Luís,Inês Vaz; Macedo,Rita; Teixeira,Encarnação; Sotto-Mayor,Renato; Almeida,A Bugalho de
Fonte: Sociedade Portuguesa de Pneumologia Publicador: Sociedade Portuguesa de Pneumologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.8%
O cancro do pulmão é a causa mais comum de morte por doença oncológica. Os doentes com diagnóstico de neoplasia - qualquer que seja a localização - têm risco acrescido de desenvolver um segundo tumor. Pretendeu-se caracterizar uma população com neoplasia do pulmão e o diagnóstico síncrono ou metácrono de tumor primário com outra localização. Foi feito um estudo retrospectivo, referente ao período de 2000-2007, analisando-se os processos clínicos de doentes seguidos na Unidade de Pneumologia Oncológica do nosso hospital em que estavam referenciadas duas neoplasias. Dos doentes seguidos na Unidade (n=1046) no período referido, 4,2% (n=44) tinham evidência de duas neoplasias. A maioria (88,6%) dos doentes eram homens, com idade média elevada (70,1±10 anos). Oitenta e seis por cento (n=38) tinham hábitos tabágicos e 65,4% dos doentes com registo de história familiar de neoplasia (n=26) tinham história familiar relevante (n=17). A doença oncológica manifestou-se em primeiro lugar na próstata, cólon, cabeça e pescoço ou bexiga. O cancro do pulmão foi em geral a segunda neoplasia. O intervalo de tempo médio entre a primeira e a segunda neoplasia foi de 62,9±64,9 meses (max: 240, min: 0), sendo que geralmente a segunda neoplasia foi detectada em estádio avançado. A sobrevivência média foi de 8...

Association between calcium intake and colorectal neoplasia in Puerto Rican Hispanics

Palacios,Cristina; Lopez,Maritza; Ortiz,Ana Patricia; Cruz Correa,Marcia
Fonte: Sociedad Latinoamericana de Nutrición Publicador: Sociedad Latinoamericana de Nutrición
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 EN
Relevância na Pesquisa
36.83%
Epidemiological studies show that a high calcium intake reduces the risk of colon cancer. The objective was to study the association between calcium intake and colorectal neoplasia in a clinic-based sample of Hispanics adults from Puerto Rico. As part of this cross-sectional study, a total of 433 subjects were recruited from surgery and gastroenterology clinics at the University of Puerto Rico. Calcium intake was estimated using a food frequency questionnaire (FFQ) of calcium rich foods. Socio-demographics, health history and colonoscopy results were obtained from the primary study. Chi square and odds ratios (OR) for colorectal neoplasia (adenomas and/or adenocarcinoma) were calculated for total calcium, dietary calcium and for calcium supplement use. In total, 312 (72%) from 433 participants completed the FFQ and had available colonoscopy results; from these, 196 (62.5%) were free of neoplasia and 117 (37.5%) had colorectal neoplasia. Colorectal neoplasia subjects were older, a lower proportion were females and less educated than those without neoplasia (p<0.01). Total calcium intake (median 1180 mg/d) was greater in those free of neoplasia compared to colorectal neoplasia subjects (median 1036 mg/d; p<0.05). A high total calcium intake and the use of calcium supplements significantly reduced the OR (crude and age adjusted) for colorectal neoplasia; although these associations lost statistical significance after additionally adjusting for gender and educational level. In conclusion...