Página 1 dos resultados de 5 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Doces modinhas pra Iaiá, buliçosos lundus pra Ioiô: poesia romântica e música popular no Brasil do século XIX; Sweet "modinhas" (musical form) for Iaiá, noisy "lundus" (musical form) pra Ioiô: the relations between poetry and music in the Brazil' s nineteenth century

Silva Junior, Jonas Alves da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/03/2006 PT
Relevância na Pesquisa
47.07%
A dissertação versa sobre as relações entre poesia e música no século XIX, bem como sobre a produção poético-musical resultante dessa união. O argumento central é o de que os poetas românticos foram colher inspiração no medievalismo europeu na só para a construção de uma mitologia nacional (indianismo), mas também para a concepção de uma arte única, pautada por essa aliança entre poesia e música nos moldes trovadorescos. Essa conexão foi além da musicalidade implícita na poética do período. Alguns românticos, tal como os trovadores, buscaram integrar as duas artes a partir de poemas escritos especialmente para serem musicados e apresentados em circunstâncias performáticas. Assim, nasceu, no Brasil, a parceria: um poeta produzindo a letra e um compositor musicando-a. A prática de fundir essas duas manifestações artísticas num todo único iniciada pelos trovadores teve continuidade em alguns poetas românticos, principalmente os que freqüentaram a tipografia do editor Paula Brito, fundador da conhecida Sociedade Petalógica do Rossio Grande. Das reuniões dessa sociedade resultaram diversos poemas musicados em forma de modinha ou lundu, examinados aqui de modo a evidenciar os temas recorrentes, bem como as imagens e metáforas musicais neles presentes. Essa aliança trouxe popularidade e novo alento...

A modinha e o lundu: dois clássicos nos trópicos; A modinha e o lundu: dois clássicos nos trópicos

Lima, Edilson Vicente de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
77.34%
A tese por nós defendida no texto que se segue tem como objetivo o estudo de dois importantes gêneros musicais, a modinha e o lundu, cujos processos de elaboração iniciam-se a partir da segunda metade do século XVIII no seio da sociedade luso-brasileira. Com o intuito de possibilitar uma reflexão mais abrangente do assunto, muito caro à historiografia musical em língua lusófona, são levados em consideração aqui, aspectos históricos, estilísticos e identitários. A fim de abordarmos de modo adequado a complexidade de nosso objeto de estudo, calcamos nossa metodologia, sobretudo, no estudo da história, articulado à musicologia histórica, à musicologia sistemática e à etnomusicologia. Partindo do reconhecimento de que os gêneros em questão, objeto de nosso estudo, estão ligados às transformações ocorridas no mundo luso-brasileiro e na transformação das concepções estéticas internacionais, procuramos identificá-los com o que acabou por denominar-se estética do sentimento ou sentimentalismo e com o estilo clássico que se desenvolveu na Europa durante o século XVIII, tanto na poesia quanto na música, e que paulatinamente forjaram outras formas de produção e recepção, identificadas com um novo modo de sociabilidade burguesa que dominará o século das luzes. Por outro lado...

O amor mestiço nas modinhas e nos lundus de Domingos Caldas Barbosa (1740- 1800) e nas mornas de Eugénio Tavares (1867- 1930)

Grecco, Fabiana Miraz de Freitas
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 177 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
36.68%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Letras - FCLAS; A obra poética do brasileiro Domingos Caldas Barbosa (1740- 1800), intitulada Viola de Lereno (1798- 1826), que corresponde aos gêneros poético-musicais denominados modinhas e lundus, e do cabo-verdiano Eugénio Tavares (1867- 1930), que corresponde a Mornas – Cantigas Crioulas (1930), cantigas populares de Cabo Verde, possuem grande semelhança em relação ao tema amoroso. De acordo com o musicólogo cabo-verdiano Vasco Martins, morna, modinha e lundu apresentam, em comum, muitos pontos musicológicos, como a harmonia, os acordes e a tonalidade menor, mas, além disso, é identificável, principalmente, o sentimentalismo amoroso que se expressa por meio de uma linguagem diferente daquela verificada na Literatura Portuguesa. Assim, propomos nesta pesquisa um estudo comparativo entre as modinhas e lundus de Caldas Barbosa e as mornas de Eugénio Tavares. Dessa forma, procuraremos um novo conceito de amor nos dois poetas, partindo da análise do tema em literatura comparada, a fim de demonstrar a partir dele, o que Elizabeth Frenzel denomina de “inovação motívica”; The poetry of Brazilian Domingos Caldas Barbosa (1740 - 1800) entitled Lereno’ Viola (1798 - 1826)...

Sobre a carioquidade

Houaiss, Antônio
Fonte: Ciência & Trópico Publicador: Ciência & Trópico
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 09/06/2011 POR
Relevância na Pesquisa
16.57%
RESUMO Como qualquer fato cultural, ser carioca é ser unidade de diversidade. Carioca como vocábulo é habitante branco de casa branca; é nome de um rio e, mais, de um largo – o Lar¬go da Carioca. A alma do carioca e o seu corpo têm sido buscado por homens que, a pretex¬to de fazerem ficção, captaram melhor que ninguém o incaptável por quem busca uma apre¬ensão física, psíquica e moral com que se possa retratar o carioca. O impulso da criatividade carioca em conexão com a vida erótica é superiormente manifesto na sua elaboração musical e na visão satírica de sua caricatura. O musical é faceta triste da carioquidade. O carioca, hoje, ainda que não queira consome alienação roqueira, sua alma musical veio do lundu e flo¬resceu nos seus múltiplos tipos de samba, de marcha, de canção, de modinha e desaparece ho¬je, sob o ruído dos Rocks in Rio. ABSTRACT About the “carioquidade”. v. 13, n. 1, p. 99-110, jan./jun. 1985. To be a “carioca” (man from Rio de Janeiro, as any cultural fact, is to be unity of diversities. The meaning of the word “carioca” is a white habitant of a white house; is name of a river and more, of a traffic island – the “Largo da Carioca”. “Carioca’s” soul and body have been searched by men...

A "Collecção de Modinhas de Bom Gosto" de João Francisco Leal : um estudo interpretativo por meio de sua contextualização historico-estetico-musical; The "Modinhas of Good Taste Collection" by João Francisco Leal : an interpretative study through its historical-aesthetic-musical context

Sidnei Alferes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
26.68%
Esta pesquisa teve por finalidade tornar acessível ao público a "Collecção de modinhas de bom gosto" (1830) de João F. Leal, por meio de um estudo histórico-estético-musical da obra; uma nova editoração das partituras originais com sugestões de como distribuir na melodia o texto das estrofes não musicadas; uma apresentação pública da coleção na forma de recital; e da elaboração de sugestões de ornamentação a partir do resultado do estudo poético-musical das modinhas. Para tanto, consultamos bibliografia especializada e fontes primárias como, por exemplo, a edição de 1830 da referida coleção, periódicos, certidões, relatos, inventários e documentos escolares. A análise destas informações nos permitiu contextualizar a coleção em um ambiente próximo à corte do Rio de Janeiro da primeira metade do séc XIX, fato que se relacionou ao estudo da autoria da coleção e da vida do compositor, até então pouco considerados. Ficou evidente nesta pesquisa a influência, já conhecida, exercida pela ópera neste gênero de canções. No caso desta coleção, especialmente as de Rossini. Isto também possibilitou identificar um ideal estético vocal apropriado para a interpretação das canções que, curiosamente...