Página 1 dos resultados de 4144 itens digitais encontrados em 0.014 segundos

Análise comportamental do modelo animal de recaída cue-induced; Behavior analysis of the cue-induced animal model of relapse

Galesi, Fernanda Libardi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
56.08%
A recaída ao uso de drogas é um dos principais obstáculos para o tratamento do adicto. Um dos modelos animais mais utilizados para estudar a recaída no laboratório é o chamado de cue-induced. Embora esse modelo tenha se mostrado útil para o estudo de processos neurofisiológicos envolvidos na recaída, seu valor para a análise do controle de estímulos ambientais na dependência tem sido limitado por não distinguir a função dos estímulos discriminativos e dos reforçadores condicionados que controlam a reinstalação da resposta que foi reforçada por droga. O principal objetivo do presente estudo foi analisar os controles estabelecidos sobre as respostas de pressão à barra de ratos submetidos ao procedimento cue-induced. Foram realizados três experimentos. No Experimento 1, os animais passaram pelas três fases experimentais que caracterizam esse modelo. Na primeira fase, a resposta de pressão à barra foi treina em dois componentes distintos. Em um deles, as respostas emitidas na presença de um odor de laranja (SD1) tiveram como conseqüência a apresentação de um estímulo luminoso (Sr1) e liberação de uma solução de etanol (grupo ET) ou de sacarose (grupo SAC). Enquanto na outra, pressões à barra na presença de um odor de erva-doce (SD2) tiveram como conseqüência a apresentação um estímulo sonoro (Sr2) e liberação de água. Na segunda fase...

Efeitos da terapia a laser de baixa intensidade (685 e 830 nm) na taxa de proliferação bacteriana e na cicatrização de feridas cutâneas em modelo animal; Effects of low-level laser therapy (685 and 830 nm) in bacterial growth and wound healing in animal models

Libanore, Daniel Zucchi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/04/2008 PT
Relevância na Pesquisa
56.07%
Recursos fisioterapêuticos tem sido utilizados no tratamento de úlceras de perna como a terapia a laser de baixa intensidade. A contaminação bacteriana dessas úlceras é freqüente constituindo-se numa importante complicação da cicatrização. Assim, busca-se investigar os efeitos dessa terapêutica frente às culturas de diferentes espécies bacterianas in vitro e in vivo. Utilizou-se aparelho laser modelo Theralase III-DMC (685 e 830 nm) e diferentes doses (1,2 e 4J). Foram utilizados bactérias, S. aureus ATCC 6538 (Gram+) e P. aeruginosa ATCC 15442 (Gram-), reativadas em B.H.I.Agar inclinado a 37 graus C/24h. Após as bactérias foram re-suspensas em B.H.I. caldo/37 graus Celsius/20h, centrifugadas 3x/15min/4.500rpm, seguida de lavagens e homogeneização. A suspensão foi diluída em placas de cultura celular de 96 poços, submetidas a diluições seriadas sucessivas, encontrando as diluições ideais de '10 POT.-12' bactérias/ml para S. aureus e '10 POT.-15' bactérias/ml para P. aeruginosa. As soluções bacterianas foram irradiadas com laser de diferentes comprimentos de onda (685 e 830 nm) e diferentes doses (1, 2 e 4J). Dez micro litros da solução bacteriana do último poço foram semeados em placa de petri nos meios Mc Conkey Agar e B.H.I.-Agar bactérias Gram positiva e negativa respectivamente para posterior contagem das unidades formadoras de colônia (U.F.C.´s.). Foram semeadas 10 placas para cada dose de diferente comprimento de onda e espécie bacteriana diferente e 10 placas para o grupo controle...

Lipopolissacarídeo no início do período pré-natal como modelo experimental de autismo e prejuízos dopaminérgicos estriatais; Early prenatal lipopolysaccharide as a rat model of autism and striatal dopaminergic impairments

Kirsten, Thiago Berti
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
56.15%
O transtorno do espectro autista atinge uma em cada 150 crianças. Sua etiologia ainda é desconhecida, apesar de fortes evidências de fatores genéticos e recentes achados de interferências ambientais, particularmente a ativação imune materna durante a gestação. Em nossos estudos prévios expusemos ratas Wistar no início da gestação ao lipopolissacarídeo (LPS), que mimetiza uma infecção bacteriana (100 µg/kg, intraperitoneal [i.p.], no dia gestacional [GD] 9,5) e observamos prejuízos no comportamento de brincar da prole masculina. Sabendo que esse teste é classicamente usado para avaliação de modelos animais de autismo e da ligação do autismo com fatores ambientais, propusemos que nosso modelo seria um modelo animal de autismo. Para avaliar essa possibilidade, foi objetivo do presente trabalho estudar se nosso modelo de LPS pré-natal (100 µg/kg, i.p., no GD 9,5) causaria os outros sintomas típicos de autistas: anormalidades na comunicação (avaliado pelo teste da vocalização ultrassônica), comportamentos repetitivos e inflexibilidade cognitiva (teste de alternação espontânea no labirinto em T), ausência de demonstração de medo em situações potencialmente perigosas (estímulo olfativo aversivo do odor de gato) e hiperatividade (atividade geral em campo aberto). Visto que alguns autistas apresentam níveis elevados de citocinas pró-inflamatórias e cortisol...

Controle de estímulos e respostas ao estresse no modelo de recaída ao álcool "cue-induced; Stimulus control and stress responses in the cue-induced model

Galesi, Fernanda Libardi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/04/2014 PT
Relevância na Pesquisa
56.13%
O modelo de recaída cue-induced é comumente utilizado para o estudo da recaída ao uso de drogas causada pela exposição dos animais à estímulos ambientais previamente associados à droga. Quando o álcool é a droga a ser estudada, um estímulo contextual (S) e um reforçador condicionado (Sr) são os estímulo frequentemente associados ao seu consumo. Embora esse modelo seja consolidado na área, sua validade de constructo vem sendo criticada; entre essas críticas estão o fato de que apenas o Sr adquire controle sobre a resposta de procura pela droga, além de que pouco se sabe sobre os sistemas neurais envolvidos nessa recaída. Portanto, este trabalho teve como objetivo principal avaliar o papel dos processos operantes no procedimento do modelo de recaída ao uso de álcool cue-induced, além de avaliar a participação de sistemas neurais ligados ao estresse nessa recaída. Ainda, este trabalho teve como objetivo melhorar o procedimento desse modelo animal. Os experimentos apresentados no Capítulo 1 tiveram como objetivo melhorar o controle exercido por S sobre a recaída, aprimorando o modelo, além de avaliar processos de aprendizagem associativa que ocorrem nesse modelo. Dois experimentos foram realizados para atingir esses objetivos. No primeiro...

Terapia celular em modelo experimental do enfisema pulmonar induzido por meio de fumaça de cigarro.; Cell therapy in an experimental model of pulmonary emphysema induced by cigarette smoke.

Santos, Nathalia Longhini dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/05/2014 PT
Relevância na Pesquisa
55.99%
O enfisema pulmonar é caracterizado pela destruição das paredes alveolares, sendo a fumaça de cigarro o principal agente etiológico. Pretendeu-se, neste estudo, comparar os efeitos terapêuticos do transplante de células mononucleares da medula óssea (BMMC) e células mesenquimais (CTM) em animais com enfisema pulmonar induzido por exposição à fumaça de cigarro. Camundongos fêmeas da linhagem C57Bl6/J foram expostos à fumaça de cigarro durante 90 dias e, 21 dias após o término do período de exposição, receberam BMMC ou CTM derivadas da medula óssea de camundongos machos da linhagem C57Bl6/J, expressando a proteína GFP. As análises morfométricas mostraram que os tratamentos com BMMC e CTM foram eficientes na recuperação do parênquima pulmonar dos animais expostos à fumaça de cigarro. Testes de fluorescência direta e PCR mostraram a migração de BMMC e CTM para o pulmão. Desta forma, pode-se concluir que, morfologicamente, a terapia celular com BMMC ou CTM é eficaz no tratamento do enfisema pulmonar resultante da exposição à fumaça de cigarro em modelo animal.; Pulmonary emphysema is characterized by destruction of alveolar walls, and the cigarette smoking is the main etiologic agent. It was intended in this study to compare the therapeutic effects of the transplantation of bone marrow mononuclear cells (BMMC) and mesenchymal stem cells (MSC) in animals with pulmonary emphysema induced by exposure to cigarette smoke. C57Bl6/J female mice were exposed to cigarette smoke for 90 days and 21 days after the end of the exposure time...

Desenvolvimento de modelo animal suíno para estudo da Barreira antirrefluxo : validação da técnica da pressão e volume de vazão gástricos

Duarte, Marcos Eugênio Soares
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.04%
Introdução: O complexo anatômico-funcional localizado na junção esôfagogástrica é uma barreira ao refluxo gastresofágico. A pressão e o volume intragástricos necessário para vencer essa barreira são denominados Pressão de Vazão Gástrica e Volume de Vazão Gástrico e são utilizados em modelos animais para medir a sua competência, entretanto, a sua validação ainda não foi determinada. Objetivos: Desenvolver um modelo experimental suíno e validar a pressão e o volume intragástricos para estudo da barreira antirrefluxo. Métodos: Suínos da raça Large White com 8 semanas de vida, do sexo feminino foram utilizados neste experimento. Após a anestesia dos animais, foi realizada a manometria esofágica e um cateter de pHmetria posicionado 5 cm acima do esfíncter esofágico inferior. Uma sonda Foley de três vias foi introduzida no estômago através de gastrostomia e o duodeno obliterado através de um laço com gaze úmida. HCL (0,1N) foi infundido lentamente no estômago e medidos a pressão e o volume intragástricos, em tempo real em sistema digital. A pressão e o volume intragástricos no momento da queda abrupta do pH esofágico (pH< 3) foram definidas como Pressão de Vazão Gástrica (PVG) e Volume de Vazão Gástrico (VVG). Após o experimento...

Avaliação das células endoteliais circulantes na trombose venosa profunda : pacientes e modelo animal; Evaluation of the circulating endothelial cell in deep venous thrombosis : patients and animal model

Aline Morandi Alessio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
56.16%
As células endoteliais participam da hemostasia com efeitos pró e antitrombóticos, que podem ser estimulados por uma lesão endotelial. A presença de células endoteliais na circulação pode ser considerada um novo marcador de integridade vascular, como já descrito em várias patologias tais como: doenças cardiovasculares, doenças infecciosas, doenças imunes, transplantes, anemia falciforme. Os objetivos do nosso estudo foram: padronizar a identificação e quantificação das células endoteliais circulantes (CECs) e das células endoteliais progenitoras (CEPs) em um grupo de pacientes com trombose venosa profunda (TVP) ao diagnóstico (aguda, 1ª coleta) e após no mínimo 6 meses (2ª coleta), em um grupo de TVP crônica e em um grupo controle; padronizar um modelo animal de TVP induzida por lesão endotelial para avaliar as CECs e CEPs no sangue periférico e no trombo venoso. O grupo de TVP aguda foi composto por 9 pacientes [F: 7; M: 2; 45 anos (26 – 54 anos)], sendo recrutados 6 indivíduos para uma 2ª coleta [F: 5; M: 1; 47,5 anos (27 – 55 anos)], no grupo de TVP crônica foram incluídos 10 pacientes [F: 6; M: 4; 44,5 anos (28 – 56 anos)] e no grupo controle 11 voluntários [F: 9; M: 2; 29 anos (21 – 52 anos)]. A identificação das CECs e CEPs no sangue periférico foi realizada por citometria de fluxo. No modelo animal...

Febre purpúrica brasileira, virulência em modelo animal do Haemophilus Aegyptius (H. influenzae biogrupo aegyptius)

Brandileone,M.C.C.; Zanella,R.C.; Tondella,M.L.C.; Gheesling,L.; Vieira,V.S.D.; Carlone,G.M.
Fonte: Instituto de Medicina Tropical Publicador: Instituto de Medicina Tropical
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/1993 PT
Relevância na Pesquisa
65.99%
Febre Purpúrica Brasileira (FPB) é causada por cepas invasoras de Haemophilus aegyptius (H. influenzae biogrupo aegyptius, Hae). Estas cepas invasoras foram diferenciadas de cepas de Hae associadas apenas a conjuntivites (cepas não invasoras) através de marcadores moleculares específicos. Modelo de ratos recém nascidos depletados de complemento foi aplicado ao estudo de cepas de Hae, associadas e não associadas a FPB, com o objetivo de se caracterizar seus potenciais de virulência. Com dose infectante de 10(5) células, as cepas invasoras causaram bacteriemia em 80-100% dos ratos inoculados,.e a magnitude da bacteriemia variou de 10(2,5±0,49) a > 10(4,69) ufc/ml de sangue. Usando a mesma dose infectante as cepas controles não causaram bacteriemia frequente (0 a 50%) e a magnitude variou de 0 a 10(3,69±0,53) ufc/ml de sangue. As doses infectantes capazes de causar bacteriemia em 50% dos ratos inoculados (DB50%) para as cepas invasoras de Hae variaram de < 10³ a 10(4,2) bactérias, enquanto que para as cepas não invasoras, as DB50% variaram de 10(6,2) a > 10(7,3) bactérias. Imunização passiva com antissoros produzidos com cepas invasoras demonstrou que os ratos foram protegidos das bacteriemias causadas pelas cepas homólogas...

Avaliação genética de touros pelo modelo animal, modelo touro e método das companheiras de rebanho

Verneque,Rui da Silva; Martinez,Mário Luiz; Teodoro,Roberto Luiz; Pimentel,Amaury Alípio; Ferreira,William José
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/1999 PT
Relevância na Pesquisa
66.18%
As capacidades previstas de transmissão (PTA) para a produção de leite de 529 touros, usando o modelo animal (MA), modelo touro (MT) e o método das companheiras de rebanho (MCR), foram calculadas e comparadas por meio da correlação de ordem e valores, da confiabilidade e das diferenças entre PTA e percentual de coincidência na seleção dos melhores touros. Considerando-se dois conjuntos de dados, um contendo até cinco lactações por vaca e outro com os dados de produção à primeira lactação, analisaram-se 12.762 lactações, de 5757 vacas da raça Gir e mestiças Gir-Holandês. Admitindo-se até cinco lactações por vaca, a correlação de ordem entre PTA previstas usando-se MA e MCR foi de 0,69; entre modelo animal e modelo touro, 0,96; e entre MCR e modelo touro, 0,73. As correlações de ordem entre as PTA usando-se MA, com até cinco lactações por vaca, e as PTA previstas pelo MCR, MT e MA, utilizando-se apenas a primeira lactação, foram 0,60; 0,76; e 0,79, respectivamente. Maiores médias de confiabilidade das PTA foram obtidas quando se usaram modelo animal e modelo touro, os quais foram semelhantes na seleção dos melhores touros, segundo os valores de PTA. A confiabilidade da prova estimada quando se usou modelo animal foi 11 a 47% maior que a estimada pelo MCR. Estas diferenças foram de...

Impactos de se ignorarem os efeitos genéticos não-aditivos de dominância na avaliação genética animal

Cunha,Elizângela Emídio; Euclydes,Ricardo Frederico; Torres,Robledo de Almeida; Sarmento,José Lindenberg Rocha; Carneiro,Paulo Luiz Souza; Carneiro,Antonio Policarpo Souza
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
56.07%
Objetivou-se com este estudo avaliar os impactos de se ignorarem os efeitos de dominância sobre a estimação de parâmetros genéticos e a predição de valores genéticos pelo método da máxima verossimilhança restrita sob modelo animal aditivo empregando-se o MTDFREML. Para a mesma arquitetura genômica, foram simulados dois modelos de ação gênica: um deles incluiu apenas efeitos aditivos dos genes e o outro, efeitos aditivos e dominância completa e positiva para 100% dos locos. Sob cada modelo genético, foram geradas três populações-base correspondentes às características com herdabilidades de 0,15 (baixa), 0,30 (média) e 0,60 (alta). A partir das populações-base, foram geradas as populações iniciais, que, submetidas a seleção e a acasalamentos ao acaso, durante seis gerações consecutivas e discretas, resultaram cada uma em 18.000 indivíduos com registro. As estimativas dos componentes de variância e herdabilidade obtidas no modelo com ação gênica aditiva foram semelhantes aos seus valores reais para todas as características, ao passo que, sob ação gênica de dominância, todos os componentes foram superestimados, principalmente a variância genética aditiva. A variância de dominância não-estimada pelo modelo animal adotado foi redistribuída entre os componentes genético aditivo e residual estimados. Houve perda na acurácia da avaliação genética sob o modelo genético com dominância e essa perda foi traduzida por correlações mais baixas entre os valores genéticos verdadeiros e preditos dos animais. Há necessidade de novos estudos...

Estimação de componentes de variância e parâmetros genéticos para pesos do nascimento aos 196 dias de idade em ovinos Santa Inês por meio de modelo multicaracterística.

REGO NETO, A. A.; DO Ó, A. O.; BIAGIOTTI, D.; SOUSA, W. H. de; LOBO, R. N. B.; SARMENTO, J. L. R.
Fonte: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 47., 2010, Salvador. Empreendedorismo e progresso científico na zootecnia brasileira: anais. Salvador: SBZ, 2010. 3 f. 1 CD-ROM. Publicador: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 47., 2010, Salvador. Empreendedorismo e progresso científico na zootecnia brasileira: anais. Salvador: SBZ, 2010. 3 f. 1 CD-ROM.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
55.99%
Resumo: O trabalho foi conduzido com o objetivo de estimar os componentes de variância e parâmetros genéticos para os pesos ao nascer, 56, 112 e 196 dias de idade em ovinos Santa Inês por meio de um modelo animal em análise multicaracterística. O modelo de análise inclui os efeitos aleatórios genéticos aditivos direto e materno e de ambiente permanente materno. Os efeitos fixos utilizados na análise foram os de grupo contemporâneo e idade da mãe ao parto, como covariável. As herdabilidades diretas estimadas para os pesos ao nascer, 56, 112 e 196 dias de idade foram, respectivamente, 0,17, 0,05, 0,08 e 0,10. Os resultados encontrados indicam que o ganho genético obtido por meio de seleção individual será pequeno. O efeito materno apresentou influência sobre os pesos estudados. Variance components and genetics parameters estimation for birth weight to the 196-days in Santa Inês sheep using multiple-trast model. Abstract: The study was carried out with the objective to stimate the variance components and genetics parameters for birth weights 56, 112 and 196-day in Santa Inês sheep using multiple-trast animal model. The molysis model includes the direct additive and maternal genetic effect and permanent maternal environmental effect. The fixed effects used in molysis were the contemporary group and age of dam lombing...

Avaliação do efeito materno sobre o peso aos 196 dias de idade em ovinos Santa Inês.

SARMENTO, J. L. R.; SANTOS, G. V. dos; BIAGIOTTI, D.; SOUSA, W. H. de; LOBO, R. N. B.
Fonte: In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MELHORAMENTO ANIMAL, 9., 2012, João Pessoa. Anais... João Pessoa: SBMA, 2012. 3 f. 1 CD-ROM. Publicador: In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MELHORAMENTO ANIMAL, 9., 2012, João Pessoa. Anais... João Pessoa: SBMA, 2012. 3 f. 1 CD-ROM.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.1%
Resumo: O trabalho teve como objetivo investigar a importância do efeito materno na estimação dos componentes de (co)variância e parâmetros genéticos sobre o peso aos 196 dias de idade (P196) em ovinos Santa Inês. Foi utilizado modelo animal que, além do efeito genético aditivo direto, incluiu ou não os efeitos aleatórios genético aditivo materno, covariância genética entre os efeitos direto e materno, ambiente permanente materno e o efeito comum de ninhada, mais o erro aleatório associado a cada observação. Com base no BIC o modelo que melhor se ajustou à característica foi que continha os efeitos genético aditivo e comum de ninhada (modelo 4), indicando que a não inclusão do efeito de ninhada em estudos genéticos para P196 pode levar a estimativas de parâmetros genéticos e componentes de covariância errôneas. Evaluation of the maternal effect on weight at 196 days of age in Santa Inês sheep. Abstract: The study had the aim to investigate the importance of maternal effect on estimation of the (co)variance and genetic parameters on the weight at 196 days of age (P196) in Santa Ines sheep. The animal model used, in addition to direct genetic effect, included or not the following random effects, maternal additive genetic...

Avaliação comportamental e neuroquímica de ratos em dessincronização forçada: possíveis implicações para um modelo animal de oscilações no humor

Koike, Bruna Del Vechio
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicobiologia; Estudos de Comportamento; Psicologia Fisiológica Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicobiologia; Estudos de Comportamento; Psicologia Fisiológica
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.1%
Bipolar disorder has been growing in several countries. It is a disease with high mortality and has been responsible by the social isolation of the patients. Bipolar patients have alterations in circadian timing system, showing a phase shift in various physiological variables. There are several arguments demonstrating alterations in circadian rhythms may be part of the bipolar disorder pathophysiology. Given the necessity for further elucidation, the goal of this study was to validate the forced desynchronization protocol as an animal model for bipolar disorder. To do this, Wistar rats were submitted to a forced desynchronization protocol which consists in a symmetrical light dark cycle with 22h. Under this protocol, rats dissociate the locomotor activity rhythm into two components: one synchronized to the light / dark cycle with 22h, and another component with period longer than 24 hours following the animal endogenous period. These rhythms with different periods sometimes there is coincidence, which we named CAP (Coincidence Active Phase) and the opposite phase, non-coincidence, called NCAP (Non-Concidence Active Phase). The hypothesis is that in CAP animals present a mania-like behavior and animals in NCAP depressive-like behavior. We found some evidence described in detail throughout this thesis. In sum...

Efeito de vacinas alopática e homeopática frente a Mycobacterium spp em diferentes modelos animais; Effect of vaccines and homeophatic Allopathic Mycobacterium spp front in different animal models

Cavalcanti, Marcos Antônio Rocha
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciência Animal (EVZ); Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciência Animal (EVZ); Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56%
The development of new vaccines in the control of various diseases in cattle has been increasing the marketing of animals and animal products. Thus we tested two vaccines, a biotherapy homeopathicvaccine and other recombinantallopathic vaccine,using mycobacteria in their formulations that were subsequently tested in mice and cattle. In order to study the prophylactic effect of homeopathic vaccine and the potency to be used as a vaccine, we used a model of immunizations and infections. To this end, we used mice female of BALB / c lineage which were distributed in 15 groups of three animals each. To assess the possible immune mechanisms involved in homeopathic biotherapy vaccinations we used Mycobacterium massiliense. The biotherapics were prepared from mycobacterial M. massiliense. After infections and immunizations, the animals were euthanized and their livers and spleens were harvested, macerated, homogenized, plated and incubated at 37 ° C for five days. Then we did the counting of colony forming units (CFU) of bacteria recovered from organs and according to the results obtained were selected the potencies11cH and 19cH to be tested as vaccine, because they have shown more homogeneous results. In the animals that were immunized with 19 cHthere were induction of IgG2a class antibodies specific to M. massiliense similar to (0.18 ± 0.07) infections alone (0.19 ± .02). To assess allopathic vaccine protection was used mycobacterium (Mycobacterium smegmatis mc2155 with PLA71/Fusion) in cattle. After allopathic vaccinations...

Participação da melatonina na reprodução em um modelo animal não sazonal.; Melatonin participation on reproduction in a non-seasonal animal model.

Bohlen, Tabata Mariz
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
55.98%
A expressão do gene Kiss1 é essencial para o controle neuroendócrino da reprodução, pois esses neurônios regulam a atividade dos neurônios que secretam o hormônio liberador de gonadotrofinas, e portanto, o ciclo ovulatório. Em roedores sazonais, o aumento da síntese de melatonina durante o inverno é responsável pela inibição das funções reprodutivas, fato que é acompanhado pela diminuição da expressão desse gene. Devido à importância dos neurônios Kiss1 no desenvolvimento do sistema reprodutivo, o presente estudo investigou a participação da melatonina na regulação da expressão do gene Kiss1 e sua influência na reprodução, em um modelo animal não sazonal. Concluimos que condições de dias curtos (que possivelmente aumentam o período de circulação de melatonina) alteram parâmetros de amadurecimento sexual em fêmeas e, assim como o tratamento com melatonina, afetam o tamanho das gônadas de camundongos machos, mas que esses efeitos não alteram o número de neurônios que expressam o gene Kiss1 e não são suficientes para inibir a reprodução das fêmeas.; The expression of Kiss 1 gene is essential for the neuroendocrine control of reproduction, as these neurons regulate the activity of neurons that secrete gonadotropin-releasing hormone...

Modelo animal de enfermedades neurodegenerativas, procedimiento de obtención y aplicaciones

Torres Aleman, Ignacio; Carro, Eva; Trejo, Jose L.; Spuch Calvar, Carlos
Fonte: Conselho Superior de Investigações Científicas Publicador: Conselho Superior de Investigações Científicas
Tipo: Patente Formato: 1529302 bytes; application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
66.12%
Referencia OEPM: P200401946.-- Fecha de solicitud: 040/08/2004.-- Titular: Consejo Superior de Investigaciones Científicas (CSIC).; Se describe un animal no humano útil como modelo experimental de enfermedades neurodegenerativas. Este modelo animal presenta una alteración de la actividad biológica del receptor del factor trófico IGF-I localizada en las células del epitelio del plexo coroideo de los ventrículos cerebrales. Dicho modelo animal puede obtenerse mediante un proceso de transgénesis. Este modelo animal es útil para el estudio de los mecanismos etiopatogénicos de enfermedades neurodegenerativas, entre ellas las que cursan con demencia, tal como la enfermedad de Alzheimer, o para la identificación y evaluación de compuestos terapéuticos frente a dichas enfermedades.; Peer reviewed

Generación y validación de un modelo animal ortotópico de cáncer de endometrio

Cabrera Díaz, Silvia
Fonte: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em //2014 SPA
Relevância na Pesquisa
56.08%
Introducción El cáncer de endometrio es el más frecuente de los tumores infiltrantes del tracto genital inferior femenino. El adenocarcinoma endometrioide representa el 80% de todos los carcinomas de endometrio. Otros tipos histológicos menos frecuentes son el seroso o el de célula clara. Los tumores de endometrio se clasifican en dos grandes grupos en función de variables clínicas, histopatológicas y de su perfil de alteraciones moleculares: el cáncer de endometrio endometrioide o tumores tipo I, y cáncer de endometrio no endometrioide o tumores tipo II. El síntoma guía del cáncer de endometrio es el sangrado vaginal, que está presente en el 90% de los casos. El tratamiento primario es quirúrgico, lo que permite un correcta estadificación de la enfermedad. La radioterapia externa es el tratamiento adyuvante que ha demostrado mejores resultados, disminuyendo la tasa de recurrencias loco-regionales. La quimioterapia está indicada en casos avanzados al diagnóstico o en las recidivas. Existen diferentes modelos animales preclínicos para terapias experimentales oncológicas. Los de inoculación pueden ser ectópicos, si se desarrollan mediante la implantación de células o de tejido tumoral fuera del órgano en el que producen el tumor en el humano...

Febre purpúrica brasileira, virulência em modelo animal do Haemophilus Aegyptius (H. influenzae biogrupo aegyptius); Brazilian purpuric fever, virulence in animal model of Haemophilus Aegyptius (H. influenzae biogroup aegyptius)

Brandileone, M.C.C.; Zanella, R.C.; Tondella, M.L.C.; Gheesling, L.; Vieira, V.S.D.; Carlone, G.M.
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Medicina Tropical de São Paulo Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Medicina Tropical de São Paulo
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/1993 POR
Relevância na Pesquisa
66.05%
Febre Purpúrica Brasileira (FPB) é causada por cepas invasoras de Haemophilus aegyptius (H. influenzae biogrupo aegyptius, Hae). Estas cepas invasoras foram diferenciadas de cepas de Hae associadas apenas a conjuntivites (cepas não invasoras) através de marcadores moleculares específicos. Modelo de ratos recém nascidos depletados de complemento foi aplicado ao estudo de cepas de Hae, associadas e não associadas a FPB, com o objetivo de se caracterizar seus potenciais de virulência. Com dose infectante de 10(5) células, as cepas invasoras causaram bacteriemia em 80-100% dos ratos inoculados,.e a magnitude da bacteriemia variou de 10(2,5±0,49) a >; 10(4,69) ufc/ml de sangue. Usando a mesma dose infectante as cepas controles não causaram bacteriemia frequente (0 a 50%) e a magnitude variou de 0 a 10(3,69±0,53) ufc/ml de sangue. As doses infectantes capazes de causar bacteriemia em 50% dos ratos inoculados (DB50%) para as cepas invasoras de Hae variaram de < 10³ a 10(4,2) bactérias, enquanto que para as cepas não invasoras, as DB50% variaram de 10(6,2) a >; 10(7,3) bactérias. Imunização passiva com antissoros produzidos com cepas invasoras demonstrou que os ratos foram protegidos das bacteriemias causadas pelas cepas homólogas...

Empleo del modelo animal en la formación en endoscopia diagnóstica y terapéutica de la vía biliar

Usón-Gargallo,J.; Sánchez-Margallo,F.M.; Soria-Gálvez,F.; Boix-Valverde,J.; Fernández-Bermejo,M.; Latorre-Reviriego,R.; Climent-Peris,S.; Tejedo-Grafía,V.
Fonte: Educación Médica Publicador: Educación Médica
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/09/2010 SPA
Relevância na Pesquisa
66.07%
Objetivo. Mostrar nuestra experiencia en la formación en endoscopia terapéutica de la vía biliar en modelo animal. Materiales y métodos. Esta actividad formativa tiene una duración de 13 horas y comienza iniciando al alumno en las diferencias anatómicas de las especies que se emplean, la porcina y la canina, con respecto a la anatomía humana. Las prácticas consisten en habituar al endoscopista a la visión lateral del duodenoscopio; se realizan en un modelo porcino debido a que es más sencillo atravesar el esfínter pilórico, aunque no suele ser muy adecuado para la canulación de la papila duodenal. Tras superar la primera fase se utiliza el modelo canino, que permite adquirir las habilidades y destrezas propias de esta técnica. La evaluación de los resultados se realiza mediante una encuesta anónima. Resultados. El 76% de los alumnos confirma que ha avanzado mucho con este entrenamiento, un 18% regular y un 6% poco. El 75% considera que, tras realizar esta actividad de formación, se encontraría capacitado para llevar a cabo la técnica en su hospital. El 94% de los alumnos recomendaría esta actividad a sus compañeros. Conclusiones. El empleo del modelo animal en la formación en colangiopancreatografía retrógada endoscópica (CPRE) permite la adquisición de habilidades básicas necesarias para la práctica...

Análisis de la fertilidad al primer servicio en novillas doble propósito bajo un modelo animal

Román,Rafael; Aranguren-Méndez,José; Villasmil-Ontiveros,Yenen; Yáñez,Luis; Soto-Belloso,Eleazar
Fonte: UNIVERSIDAD DEL ZULIA Publicador: UNIVERSIDAD DEL ZULIA
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2010 ES
Relevância na Pesquisa
66.05%
Con el objeto de evaluar la fertilidad al primer servicio (FPS) de novillas doble propósito se llevó a cabo una investigación a partir de la información obtenida de dos rebaños comerciales. Se utilizó un total de 6.823 registros provenientes de animales cruzados. La variable respuesta fue FPS de las novillas. Los análisis fueron realizados bajo dos enfoques: frecuentista y Bayesiano. Para el primero se utilizó un modelo animal simple que incluía los efectos fijos discretos de rebaño, grupo racial y año-época de servicio, así como las covariables edad al primer servicio y peso al destete, ambos en forma cuadrática. Además, incluyó los efectos aleatorios genético aditivo directo del animal y el del error. En el primer caso, los análisis se realizaron con el programa MTDFREML. Mientras que en el segundo caso, los datos fueron analizados con el mismo modelo animal en forma umbral univariado, para lo cual fue usado el programa MTGSAM. Bajo este último enfoque, el tamaño de la cadena de muestreo, el período de entrenamiento y el filtrado fueron aproximados con el programa GIBBSIT, en tanto que el análisis de la distribución posterior de las muestras fue realizado con el programa GIBANAL. La longitud total de la cadena fue de 136.000 muestras...