Página 1 dos resultados de 1086 itens digitais encontrados em 0.036 segundos

Bento de Jesus Caraça - uma visão sobre o valor humano e o valor social da matemática e suas implicações no ensino; A vision about human value and social value of mathematics and its implications for teachings

Amaral, João Tomás do
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
56.1%
A Matemática tem despertado forte interesse quanto ao seu ensino nos diversos níveis, com farta quantidade de estudos que visam diagnosticar as causas que produzem os desvios na aquisição do conhecimento matemático. Esses diagnósticos e as propostas de solução abrangem, entre outros, conteúdos, métodos, relação professor-aluno e livros didáticos. Esses percursos de investigação têm a intenção de amenizar ou resolver os problemas do processo de ensino e de aprendizagem em Matemática. Essas pesquisas têm se concentrado no trabalho empírico das aplicações de atividades para grupos de professores e alunos ou na análise de aspectos pedagógico, metodológico e didático de conteúdos com discussões abordadas num determinado período de tempo. Em geral, a Matemática é apresentada fundamentada nos conteúdos e nos métodos de forma essencialmente fragmentada, reprodutiva e tecnicista, desprovida de uma abordagem das ideias fundamentais, de um tratamento como cultura geral, do valor humano e do valor social da matemática. Essa abordagem consolida a concepção de que a matemática, cada vez mais, se distancia do interesse coletivo como um domínio de especialistas. Contrariamente, a matemática tem se constituído numa das áreas do conhecimento mais valorizadas em todos os sistemas de ensino em todo o mundo...

Lógico : valores e saberes matemáticos para todos

Araujo, Ione dos Santos Canabarro
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
45.98%
O tema deste estudo é a aprendizagem matemática de alunos com deficiências incluídos no ensino regular. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica de cunho qualitativo, cujo problema é: Como os alunos com deficiências incluídos no ensino regular estão aprendendo matemática. Juntamente com o aporte teórico, realizou-se observações in loco em uma escola pública estadual de Porto Alegre que trabalha com inclusão. O interesse nesta temática parte da minha experiência de 10 anos de trabalho, unicamente na rede privada, lecionando matemática em turmas de inclusão. Com o objetivo de compreender como os alunos com deficiências incluídos no ensino regular da rede estadual estão construindo seu conhecimento lógicomatemático, selecionou-se uma escola e, desta instituição, uma turma de 4ª série para observação das aulas de matemática. Como o ensino e a aprendizagem são processos intrinsecamente interligados, a questão do ensino da disciplina, também, foi considerada, ou seja, a metodologia e os recursos empregados pela professora para ministrar as aulas. O estudo aponta práticas pedagógicas baseadas na concepção comportamentalista presentes na sala de aula, mesmo nas turmas de inclusão. Com isto, os alunos com deficiências estão aprendendo de forma tradicional...

As histórias em quadrinhos adaptadas como recurso para ensinar matemática para alunos cegos e videntes

Marcelly, Lessandra
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 141 f. : il., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
55.91%
Pós-graduação em Educação Matemática - IGCE; Esta dissertação apresenta uma pesquisa de mestrado em Educação Matemática cujo objetivo foi analisar o processo de construção e adaptação de uma História em Quadrinhos sobre Matemática para alunos cegos e videntes. No texto a revista é denominada História em Quadrinhos Adaptada – HQ-A. Para a realização da pesquisa buscou-se suporte teórico em trabalhos sobre Educação Inclusiva com ênfase na educação de cegos e sobre o uso educacional de histórias em quadrinhos. A abordagem metodológica é a de design social, considerando-se que o processo de construção contou com a participação de possíveis usuários. A HQ-A possui 76 páginas impressas em um papel A4 (140g) adequado para escrita e leitura manual do sistema braille e adaptada em relevo. Para as adaptações foram utilizadas uma máquina de escrever braille e uma carretilha de costura, e, para garantir uma leitura pelo tato, houve a ajuda de um jovem cego. Espera-se que este material seja utilizado como recurso de ensino em sala de aula por todos os alunos; This thesis presents a research in the field of mathematics education whose aim was to analyze the process of construction and adaptation of a comic book about mathematics to blind students and seers. In the paper...

Legitimidades possíveis para a formação matemática de professores de matemática: (ou: Assim falaram Zaratustras : uma tese para todos e para ninguém)

Santos, João Ricardo Viola dos
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 346 p.
POR
Relevância na Pesquisa
45.95%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Educação Matemática - IGCE; O objetivo desse trabalho é o de buscar produzir possíveis legitimidades para a formação matemática de professores de matemática, em cursos de Licenciatura em Matemática. Por meio de uma abordagem qualitativa de pesquisa, tomando como fundamentações teórico-metodológicas o Modelo dos Campos Semânticos e a História Oral, foram realizados movimentos de teorizações a respeito da formação matemática de professores de matemática. Esses movimentos foram realizados nas textualizações de entrevistas realizadas com educadores matemáticos e matemáticos, e na produção de textos que apresentam considerações a respeito da problemática investigada. Um processo de teorização, tomado aqui como a intenção de produzir conhecimento por meio de um relato sistematizado de experiências, foi mobilizado para construir os movimentos e apresentar possíveis legitimidades. Nenhum dos textos e textualizações se constituem como os verdadeiros parâmetros para a estruturação da formação matemática nos cursos de Licenciatura. Cada um deles tenta produzir sentidos, olhares, espaços e possibilidades para possíveis transformações nos cursos; The purpose of this work is to produce possible legitimacy to initial mathematical preparation of mathematics teachers. The Model of Semantic Fields and Oral History are the bases for the qualitative research. The movements of theorizing...

Hábitos de estudo, tecnologia e a matemática

Gaspar, Diva Eugenia Sabadin
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: x, [100] f.| il., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
55.92%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.; O objetivo desta pesquisa buscou uma metodologia mais adequada à apropriação do conhecimento matemático, destacou-se origem, importância e um breve histórico, em busca de uma matemática para todos. Através da análise de teorias pedagógicas redirecionou-se o ensino da matemática levando o aluno a construir o conhecimento fazendo uso das novas tecnologias. Partimos do pressuposto de que todos têm capacidade inata de aprender, e que deve-se estimular o aluno construir o conhecimento de forma interativa e prazerosa sem imposições. Caracteriza-se como um estudo exploratório em que se empregou revisão bibliográfica e entrevista estruturada. Participaram da pesquisa 20 professores e 451 alunos do Ensino fundamental e Ensino Médio. Questionou-se hábitos de estudo e o apreço pela matemática. Quanto aos professores, o questionamento referiu-se as dificuldades encontradas no ensino-aprendizagem, buscando através das teorias e das novas tecnologias melhorar sua prática pedagógica. Os instrumentos da pesquisa foram: levantamento de dados, entrevista informal e análise de teorias pedagógicas. Através de pesquisa bibliográfica...

Formação de professores de matemática para o uso da informática na sala de aula

Aguiar, Valmiré de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 82 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
55.8%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas, Curso de Matemática.; Hoje o computador afeta a vida praticamente de todos na sociedade, logicamente que de maneira distinta para cada grupo de indivíduos, afeta tanto o homem do campo como o empresário da grande metrópole. Graças às novas tecnologias, o agricultor consegue programar melhor a sua safra sabendo se irá nevar ou chover... por outro lado, o pequeno colono perdeu seu espaço no mercado, pois com as novas tecnologias (TIC’s) o mundo globalizado tende cada vez mais a trabalhar com macro produções de produtos. O dono de supermercado pode controlar todas suas filiais pelo país através de um micro computador ligado à internet, pode, também através de um cartão de compras do próprio supermercado, controlar estatisticamente tudo o que seus clientes compram, podendo até vender estas informações a outras empresas.

A construção de jogos de regras na formação dos professores de matemática

Spada, Arlenes Buzatto Delabary
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
45.95%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, 2009.; Este estudo teve como objetivo analisar como se dá um processo de inclusão dos jogos de regras nas práticas lúdicas dos estudantes-professores do curso de Matemática, voltados para os anos finais do Ensino Fundamental, quais os aspectos relevantes a serem considerados nesse processo e suas possibilidades para favorecer a aprendizagem de matemática. Para tanto, no referencial teórico, procurou-se levantar pontos significativos do processo de formação dos professores (D’AMBRÓSIO, 2007; DELABARY, 2008; FIORENTINI, 2003), além de estabelecer-se uma diferenciação entre os termos jogo (HUIZINGA, 2007), jogo e brinquedo (BROUGÈRE, 1998; KISHIMOTO, 2008; MOURA, 2008), bem como o esclarecimento da concepção de jogo adotada nesta pesquisa (CAILLOIS, 1967; MUNIZ, 1999) e suas potencialidades educativas. Sob essa orientação, realizou-se uma pesquisa participante com dois estudantes-professores do curso de licenciatura em Matemática. Por meio dessa pesquisa, investigaram-se as concepções do ensino dessa disciplina, bem como do jogo e as suas relações com a matemática. O jogo construído foi denominado “Varal Matemático” e, após a comparação que levantou os pontos de aproximação e distanciamento desse jogo em relação aos jogos matemáticos e aos jogos de reflexão pura (MUNIZ...

RePe : contributos da disciplina de Matemática para o portefólio digital do aluno

Alves, Ana Paula; Gomes, Maria João
Fonte: ArcaComum Associação Publicador: ArcaComum Associação
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
55.79%
No agrupamento de escolas Dr. Francisco Sanches (AEFS), da cidade de Braga, decorre, desde o ano lectivo 2007/2008, um projecto de escola denominado «Projecto e-Portefólios – AEFS», o qual se desenvolve em torno da ideia que todos os alunos devem ter o seu “portefólio electrónico”, de acordo com as indicações presentes em diversos documentos oficiais nacionais (cf. Plano Tecnológico da Educação; Despacho de 27 de Junho de 2007) que preconizam a integração dos portefólios digitais nas práticas escolares portuguesas, nomeadamente junto dos alunos do ensino básico. Os portefólios dos alunos são desenvolvidos com base na tecnologia RePe (Repositório de e-Portefólios educativos) e referem-se a portefólios interdisciplinares, estando envolvidos no apoio à sua realização professores de múltiplas áreas disciplinares, no âmbito das quais os alunos desenvolvem os trabalhos que são colocados nos seus portefólios. Nesta comunicação apresentamos os princípios gerais de organização das actividades no âmbito do projecto e alguns exemplos concretos de contribuições da disciplina de Matemática para este portefólio interdisciplinar.

Avaliação da usabilidade e da acessibilidade do site educativo : RPEDU, matemática para alunos do 3.° ciclo do ensino básico

Pinto, Ricardo Manuel Neves
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 23/10/2009 POR
Relevância na Pesquisa
45.93%
Dissertação de mestrado em Educação (área de especialização em Tecnologia Educativa); A World Wide Web é um serviço utilizado por milhões de pessoas. A utilização crescente deste serviço acarreta responsabilidades acrescidas para quem desenvolve sites, atendendo tanto a aspectos de usabilidade como a aspectos de acessibilidade. Este trabalho descreve as fases da avaliação de um site educativo, dedicado à matemática. A sua criação teve como objectivo aproveitar o facto de a Web ter um efeito motivacional sobre os alunos, contribuindo para aumentar o envolvimento e a alegria dos alunos em aprender matemática. A avaliação foi realizada em três fases distintas. Numa primeira fase foi realizada a avaliação heurística por especialistas que inspeccionaram 15 heurísticas e 68 sub-heurísticas. Detectaram que 11 (73%) heurísticas e 26 (38%) sub-heurísticas apresentavam problemas e classificaram-nos. Nesta fase foi realizada também a avaliação da acessibilidade através de um validador automático. Na última fase, e depois de o site ter sido reestruturado com base nos problemas detectados pelos especialistas e pelo validador automático, efectuámos testes de usabilidade com os potenciais utilizadores do site...

Avaliação do impacto do Programa de Formação Contínua em Matemática para professores do 1º Ciclo do Ensino Básico no desenvolvimento e implementação do conhecimento didáctico; Impact assessment of the in-service teacher training program formação contínua em matemática para professores do 1.º ciclo do Ensino Básico in the development and implementation of elementary school teachers‘ didactical Knowledge

Silva, Nuno Miguel Pinto da
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 07/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.13%
Tese de doutoramento em Ciências da Educação (ramo do conhecimento em Educação Matemática); O insucesso na disciplina de Matemática tem originado, nos últimos anos, da parte dos responsáveis educativos, a implementação de acções conducentes à minimização deste problema. De entre tais acções, salienta-se o Programa de Formação Contínua em Matemática para professores do 1.º ciclo do ensino básico (PFCM). O PFCM tem como principal propósito desenvolver o conhecimento didáctico, matemático e curricular dos professores, proporcionandolhes dinâmicas de trabalho colaborativo, potenciadoras de experiências de ensino e aprendizagem tendo em vista o desenvolvimento de uma atitude positiva dos professores em relação à Matemática e das suas capacidades para ensinar Matemática. Estes objectivos têm subjacente criar nos professores expectativas elevadas de que alunos são capazes de aprender e ter sucesso na Matemática. Esta investigação teve como principal finalidade avaliar o desenvolvimento e implementação do conhecimento didáctico de professores do 1.º ciclo do ensino básico em Matemática, a partir de uma experiência de formação no referido programa, que perseguiu os seguintes objectivos: reflectir criticamente sobre o desenvolvimento do conhecimento profissional e as estratégias de formação...

A matemática em ambiente virtual: potencialidades dos blogues

Carrilho, Cristina; Cabrita, Isabel
Fonte: Secção de Educação Matemática da Sociedade Portuguesa de Ciências da Educação Publicador: Secção de Educação Matemática da Sociedade Portuguesa de Ciências da Educação
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
56.03%
Ao longo dos tempos, a matemática esteve sempre presente na actividade humana, tendo contribuído para o avanço do conhecimento em geral e da Ciência em particular. Por estas razões, é um imperativo que a escola faculte uma adequada formação matemática a todos os jovens, mesmos àqueles que, porventura, no final da escolaridade obrigatória, pretendam integrar o mundo do trabalho e não prosseguir os seus estudos. De acordo com o referido em Carrilho (2006), tal formação deve proporcionar o desenvolvimento de inúmeras competências, o que implica, forçosamente, a disponibilização de ambientes de aprendizagem abertos, diversificados, interactivos e cooperativos, capazes de promoverem um equilíbrio entre a construção e aplicação de conhecimentos e o desenvolvimento de capacidades, aptidões, atitudes e valores consonantes com as novas exigências que se colocam ao cidadão do século XXI. Com efeito, impõe-se uma reestruturação dos paradigmas educativos, o que, na opinião de muitos investigadores, implica uma adequada integração das novas Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), como é o caso da Internet e da WWW em particular, em todo o processo de ensino e aprendizagem da matemática, dado que estes meios permitem inovar o ensino desta disciplina com repercussões interessantes no processo de aprendizagem. Neste cenário...

Math4All : atreve-te na matemática

Barbas, Maria; Búzio, Ana; Durão, Conceição; Boryslav, João
Fonte: Barbas,M., Búzio, A., Durão, C., Boryslav, J. (2010).Math4All : atreve-te na matemática Publicador: Barbas,M., Búzio, A., Durão, C., Boryslav, J. (2010).Math4All : atreve-te na matemática
Tipo: Outros
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
76.03%
Aprender matemática é um direito básico de todas as pessoas, em especial de todas as crianças e jovens, e uma resposta a necessidades individuais e sociais. Segundo o Departamento de Educação Básica, a matemática “constitui um património cultural da humanidade e um modo de pensar, sendo a sua apropriação, um direito de todos”1. Todas as crianças e jovens devem desenvolver a sua capacidade de usar a matemática para analisar e resolver situações problemáticas, para raciocinar e comunicar, bem como a auto-confiança necessária para o fazer. O Math4All – Atreve-te na Matemática é um site desenvolvido com o principal objetivo de ajudar todas as pessoas, em especial crianças e jovens com idades compreendidas entre os 9 e os 13 anos, a aprender matemática de um modo significativo, através de actividades lúdicas e dinâmicas. A literacia matemática das/os alunas/os é determinada pelo modo como usam os conhecimentos, as capacidades e as atitudes na resolução de problemas. Assim, é necessário propor-lhes experiências diversificadas que permitam desenvolver as suas capacidades de resolução de problemas, de modo a poderem tirar partido da Matemática ao longo da vida. Este projeto aborda o tema Números e operações e respeita os objetivos gerais de aprendizagem...

Ensino superior na sala de aula do ensino básico: experiência de formação em matemática

Guerreiro, António; Veia, Luciano
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /11/2012 POR
Relevância na Pesquisa
45.96%
A melhoria de condições de ensino e aprendizagem da matemática e a valorização dos professores nesta disciplina constitui um desafio para todos os países, para todos os governos e para todas as instituições de ensino superior, particularmente para as instituições de formação de educadores (crianças dos 3 aos 5 anos) e de professores do ensino básico (estudantes dos 6 aos 15 anos) e do ensino secundário (estudantes dos 16 aos 18 anos). Tendo em vista o reforço do conhecimento matemático dos professores dos primeiros anos de escolaridade, o governo português decidiu, em 2005, criar um Programa de Formação Contínua e Matemática para professores do 1.º e 2.º ciclos do ensino básico (estudantes dos 6 aos 12 anos), em todo o país, envolvendo dezoito instituições de Ensino Superior com formação destes ciclos de ensino, de entre os quais a Escola Superior de Educação da Universidade do Algarve. Nesta comunicação apresenta-se os princípios, os objetivos e a estrutura do programa de formação contínua em matemática, o envolvimento dos professores a nível nacional e regional nos últimos 5 anos de formação e o trabalho desenvolvido pela equipa de formadores da Escola Superior de Educação e Comunicação da Universidade do Algarve com incidência nos materiais produzidos...

Não é que eu sei ser professora!: formação continuada e construção do currículo da matemática para o ciclo de alfabetização

Santos, Adele Guimarães Ubarana
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
55.9%
Esta dissertação investiga como a prática da formação continuada em Matemática dos professores do Núcleo de Educação da Infância/Colégio de Aplicação (NEI/CAp) tem possibilitado a construção do currículo da Matemática para o ciclo de alfabetização nessa instituição. Assumimos os princípios metodológicos da abordagem qualitativa com ênfase na pesquisa colaborativa. Privilegiamos atividades de formação continuada organizadas em sessões de estudos e reflexões sobre a prática pedagógica que envolveram todos os partícipes. Para a construção dos dados realizamos a escolha de instrumentos e procedimentos metodológicos como a entrevista individual e as sessões reflexivas de videoformação e de estudo. Com a intensão de responder a questão central da pesquisa definimos duas categorias de interpretação: a formação continuada em Matemática dos professores do NEICAp dos anos iniciais do Ensino Fundamental e a construção do currículo da Matemática dos anos iniciais do Ensino Fundamental nesta escola. Constatamos que a prática da formação continuada em Matemática acontece dentro da própria instituição e tem como interesse, além da formação permanente dos seus professores, o desenvolvimento da escola e a aprendizagem dos alunos. Avaliamos que por meio de estudos e reflexões sobre as práticas docentes...

Matemática Védica no ensino das quatro operações

Romão, Freud
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Naturais e Matemática; Ensino de Ciências Naturais e Matemática Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Naturais e Matemática; Ensino de Ciências Naturais e Matemática
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
45.96%
This paper describes a study on the possibilities of teaching Vedic Mathematics for teaching the four operations. For this various literature sources were consulted considering three main aspects. The first of a historical-cultural, in order to gather information about the Mathematics originated from Vedic civilization, which highlight (Plofker, 2009), (Joseph, 1996), (Bishop, 1999), (Katz, 1998), (Almeida , 2009). This sought to emphasize relationships of the development of this culture with the math involved in the book Vedic Mathematics written by Tirthaji and published in 1965. In this respect the work brings notes on the history of mathematics on the development of mathematics in ancient India. The second aspect was related to teaching mathematics through research activities in the classroom, in this sense, I sought a bibliography to assist in the construction of a proposed activity to teach the four operations, based on the sutras of Vedic Mathematics, but within an investigative approach, assisting in the development of mental calculation strongly stimulated by the Vedic Mathematics Sutras. The authors were adopted (Mendes, 2006, 2009a, 2009b), Bridge (2003). The third aspect considered to search for books on teaching Vedic Mathematics...

AS INFLUÊNCIAS DOS FORMADORES SOBRE OS LICENCIADOS EM MATEMÁTICA DO IME-UFG; THE INFLUENCES OF TRAINERS ON THE GRADUATES IN MATHEMATICS OF IME-UFG

SANTOS, Ronan Santana dos
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação em Ciências e Matemática; Ciências Exatas e da Terra Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação em Ciências e Matemática; Ciências Exatas e da Terra
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
55.96%
The aim of this search, whose central theme is training of teachers of mathematics, is to study the influences of trainers course in mathematics degree in exercise of the graduates of this course. In the case of a course of study in an institution of higher education, this research is characterized as a case study in a qualitative approach that seeks to establish relations between the uniqueness and complexity of teacher training. In the discussions were addressed various aspects of the issue: public policies for the Brazilian Education, curriculum guidelines for undergraduate courses, particularly for the degree in mathematics, knowledge and expertise relevant to teachers and dichotomies in teacher education in mathematics. The theoretical contributions substantiate that these discussions were made of contributions from various national and international researchers. Of national literature in Education: Ludke (1996), Rosa (2003), André (2007). The international literature: Shulman (1986), Zichner (1993), Marcelo García (1999) and Tardif (2004). Brazilian literature of specific IFIC s Mathematics Education: Fiorentini (2005), Lins (2005), Garnica (2006). International literature of Mathematics Education: Bridge (1992), Sztajn (2002)...

A aprendizagem efectiva para todos através de metodologias de ensino cooperativo: o jogo matemática divertida e as tutorias.

Ianhes, Carlos Manuel Matoso Lourençe
Fonte: Universidade Portucalense Publicador: Universidade Portucalense
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2007 POR
Relevância na Pesquisa
46.06%
O insucesso escolar, nomeadamente na disciplina de Matemática, é um dos problemas que afecta o nosso sistema de ensino e que condiciona fortemente as opções vocacionais que os alunos podem fazer. A Matemática é vista na escola como uma disciplina “fatigante e difícil”, levando a maioria dos alunos a apresentarem dificuldades, e não aprendendo, gerando um grande desinteresse pela matéria, ainda, em grande parte responsável por dificuldades futuras ou mesmo pelo pavor da matéria. Tendo a minha prática profissional como base, optei por realizar uma investigação que fosse fruto dessa mesma prática, pois todos os anos anseio por melhorar o meu desempenho, sempre que possível com inovações, e que fosse, posteriormente re-utilizada por professores de Matemática, ou mesmo de outra áreas, na sua prática docente. O duplo objectivo de tornar a Matemática interessante e agradável para os alunos e, em simultâneo, possibilitar uma aprendizagem realmente efectiva, foi o ponto de partida para a elaboração desta tese de investigação. Todo o trabalho foi efectuado em contexto escolar real, tendo como grupo de partida duas turmas do 8ºano de escolaridade de uma Escola de ensino particular em Lisboa. Todos os estudos foram realizados dentro da sala de aula. As metodologias utilizadas foram as da aprendizagem cooperativa...

Espaços não formais na formação do professor de matemática: uma análise a partir do Núcleo de Ações Educativas da UnU de Goiás/UEG -NEMENF; Non-formal spaces in teacher training of mathematichs: an analysis from the Center for Educational Activities, Campus Goiás/ UEG - NEMENF

Daude, Rodrigo Bastos
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática (PRPG); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
55.89%
This dissertation is part of the Master degree in Education in Science and Mathematics from the research program of Universidade Federal de Goiás, and aims to examine the pedagogical potential of using non-formal spaces in teacher training of math, in Goiás city. It understands the realization that the formation of the licensee math should not be tied to a single methodology, and the need to meet the different learning processes. For that teacher training should address these differences and take place in multiple spaces. In this perspective, we seek to answer: How do the activities at the Center for Educational Activities: Mathematics Education in Non-Formal Spaces -NEMENF changes the design of the participants regarding the use of non-formal spaces in teacher training in mathematics? For this we present historical, educational and legal aspects in teacher from the LDB (1996), authors like Gatti (2010), Saviani, Curi (2000), D'Ambrosio (2001, 2003) and Fiorentini (1994 , 1995). At the same time, we present the non-formal spaces methodological pluralist perspective in approaching a mathematical education contextualized in Trilla (1996), Sarramona (1998) and Gohn (2006, 2010). The outline of the research was conducted in the course of degree in Mathematics from the Universidade Estadual de Goiás...

A formação do formador de professores de matematica no contexto das mudanças curriculares; The formation of professor of mathematics teachers in the context of curriculum changes

Jose Ronaldo Melo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
45.97%
Neste estudo, investigamos como uma comunidade aprende e transforma suas práticas, sobretudo seus discursos e saberes sobre formação de professores de matemática num contexto de mudanças curriculares. A pesquisa foi realizada com a comunidade de professores e alunos que atuam no curso de formação de professores de matemática para Educação Básica da Universidade Federal do Acre (Ufac). Utilizamos como fontes de informações e obtenção de dados a abordagem metodológica, biografias de histórias de vida de professores e entrevistas realizadas com alunos, que foram analisadas a partir de uma aproximação da formação inicial e continuada do formador ao conceito de aprendizagem como participação em comunidades de prática. Essa análise foi, também, aprofundada a partir da perspectiva das relações de poder-saber presentes nos estudos foucaultianos. Para além dos objetivos relacionados inicialmente neste estudo, as narrativas de história de vida dos professores formadores, assim como as perspectivas teóricas adotadas, contribuíram, de um lado, para promover uma multiplicidade de possibilidades de se pensar a formação do formador e, de outro, para constituir um recurso valioso para as reflexões, análise e compreensão das práticas dos sujeitos pertencentes à comunidade estudada e que têm como referência as práticas de outras comunidades. Os resultados deste estudo apontam alguns caminhos de como os professores formadores são histórica e socialmente constituídos a partir dessas e nessas práticas...

O trabalho dos professores em matemática : elo entre ciclos

Naia, Maria João Estudante Oliveira da
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
45.96%
A presente investigação prende-se com o desejo de conhecer como é interpretado, planeado e vivido o processo de articulação curricular da Matemática inter-anos e inter-ciclos, preconizado a nível ministerial num agrupamento vertical de escolas. O quadro de referência teórico da investigação integra três temáticas: Agrupamentos Verticais de Escolas, Articulação Curricular e o Trabalho do Professor. Optou-se por um estudo de caso qualitativo e interpretativo. Para a recolha de dados foram consideradas a análise documental, a observação e a inquirição. A recolha de dados foi realizada no ano lectivo 2008/2009 num Agrupamento Vertical de Escolas da Região Litoral Centro. Os participantes foram o Presidente do Conselho Executivo e o Presidente do Conselho Pedagógico, os Coordenadores de duas Estruturas de Coordenação e Supervisão, Coordenador do Departamento Curricular do 2º e 3º Ciclos, que integra a disciplina de Matemática e o Coordenador do Departamento Curricular do 1º ciclo, três professores de matemática do 3º ciclo, três docentes da disciplina do 2º ciclo e uma professora do 1º ciclo. De acordo com os objectivos de investigação, reuniu-se um conjunto de dados versando os seguintes itens: Identificar o processo de caracterização dos alunos do Agrupamento em Matemática e o seu impacto na planificação do ensino; Conhecer como se organiza o Departamento Curricular e sua influência no trabalho dos professores; Compreender como se processa a articulação curricular em Matemática inter-anos e inter-ciclos; Identificar o impacto do projecto de escola - Plano da Matemática - no trabalho dos professores; Identificar as dificuldades e benefícios do trabalho colaborativo entre os professores de Matemática...