Página 2 dos resultados de 19964 itens digitais encontrados em 0.010 segundos

I cut my hair e I did my nails: evidência de transferência linguística na interlíngua de falantes brasileiros aprendizes de inglês como segunda língua?

Vilelai,Ana Carolina; Oliveira,Fernando Luiz Pereira de
Fonte: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada Publicador: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.52%
Este artigo avalia se a produção interlinguística de sujeitos brasileiros, aprendizes/falantes de inglês-L2, em contextos em que se espera o emprego da construção causativa-passiva do inglês (John had his hair cut), recebe influência de língua materna (transferência linguística). Relatam-se os resultados de um pequeno estudo conduzido com trinta e oito informantes brasileiros, de três níveis de proficiência na língua inglesa. O estudo aplicou a metodologia proposta em Jarvis (2000) para a análise do tema. Os resultados apontam para a complexidade do fenômeno da transferência linguística e para a importância de se submeterem os dados coletados a tratamento estatístico.

Política linguística do Estado brasileiro para a divulgação do português em países de língua oficial espanhola

Diniz,Leandro Rodrigo Alves
Fonte: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada Publicador: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.52%
Este artigo objetiva traçar um panorama da política linguística exterior do Estado brasileiro em países de língua oficial espanhola. Após analisarmos o funcionamento institucional da Divisão de Promoção da Língua Portuguesa (DPLP), subordinada ao Ministério das Relações Exteriores, reunimos alguns dados relativos à história e distribuição dos Centros Culturais Brasileiros, Institutos Culturais Bilaterais e leitorados brasileiros no chamado "mundo hispânico". Mostramos, então, que, na esteira de recentes mudanças na política externa brasileira, têm se fortalecido as iniciativas para a promoção do português na América Latina. Ademais, argumentamos que, enquanto instrumento de política linguística, o Certificado de Proficiência em Língua Portuguesa para Estrangeiros (Celpe-Bras) tem particular potencial nessa região. Concluímos nosso texto destacando alguns pontos essenciais para o planejamento da política para a divulgação internacional do português.

A noção de verdade e a pesquisa em linguística aplicada: Bakhtin como um possível interlocutor

Oliveira,Maria Bernadete Fernandes de
Fonte: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada Publicador: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.45%
Este artigo discute a noção de verdade subjacente à produção do conhecimento no campo das Ciências Humanas, traçando um paralelo entre o posicionamento assumido por Mikhail Bakhtin em seus escritos e aquele de outros pensadores, mais particularmente aqueles inseridos nas áreas da Metodologia da Pesquisa Qualitativa e dos Estudos Culturais, priorizando as dimensões axiológica e epistemológica da pesquisa, com vistas a contribuir para a investigação das práticas discursivas nas várias esferas das atividades humanas no campo da Linguística Aplicada.

A pesquisa em política linguística: histórico, desenvolvimento e pressupostos epistemológicos

Silva,Elias Ribeiro da
Fonte: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada Publicador: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.45%
O objetivo deste artigo é propiciar aos interessados em questões de política linguística uma breve introdução a essa área de pesquisa que, até recentemente, era pouco difundida no Brasil. Entretanto, não se trata de uma introdução convencional. O que se pretende, na verdade, é reconstruir a "história epistemológica" da área desde as primeiras pesquisas na década de 1960 até as publicações mais recentes. Ao contar essa histórica, objetiva-se contribuir para a consolidação desse importante campo de pesquisa no contexto brasileiro..

O Círculo de Bakhtin e a Linguística Aplicada

Molon,Newton Duarte; Vianna,Rodolfo
Fonte: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Publicador: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.45%
O presente artigo busca apresentar relações entre as formulações do Círculo de Bakhtin e os debates contemporâneos que ocorrem no âmbito da chamada Linguística Aplicada (LA). Para tanto, se fará um breve panorama histórico da LA, serão apresentadas concepções basilares do pensamento do Círculo de Bakhtin e serão construídos possíveis diálogos entre as formulações dos pensadores russos com as questões centrais do debate contemporâneo em LA.

Concepções de linguagem e ensino de língua portuguesa: um olhar sobre o trabalho com a análise linguística

Duarte, Álvaro Vinicius de Moraes Barbosa; Barbosa, Maria Lúcia Ferreira de Figueirêdo (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
36.73%
A presente pesquisa teve como objetivo analisar as relações que se estabelecem entre as concepções de linguagem do professor de Língua Portuguesa e sua prática de ensino de análise linguística. Para atingirmos tal objetivo, buscamos analisar as concepções de linguagem e a prática de ensino de análise linguística presentes nos materiais didáticos utilizados durante o período de observação e dos documentos oficiais (Parâmetros para a Educação básica do estado de Pernambuco e diário de classe do professor) que prescrevem/orientam a prática de ensino do professor da Rede Estadual de Ensino; analisar as concepções de língua, gramática e ensino de língua do professor e o que ele conseguiu efetivar em relação à prática de análise linguística; e entender como o professor articula em seu fazer pedagógico, os “conhecimentos teóricos” e os conhecimentos dos “saberes em ação”, em relação á prática de análise linguística. Para a realização do presente trabalho, desenvolvemos uma pesquisa qualitativa, utilizando a metodologia do paradigma indiciário e três instrumentos de coleta de dados: análise documental, entrevista e observação. A fim de entenderemos as relações que se estabelecem entre concepções de linguagem e prática de análise linguística...

Didáctica de la mediación lingüística : retos y propuestas para la enseñanza del español como lengua extranjera en contextos italófonos

Trovato, Giuseppe
Fonte: Universidade de Múrcia Publicador: Universidade de Múrcia
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
36.78%
OBJETIVOS. El presente trabajo de investigación pretende abordar un tema aún poco estudiado en el ámbito de la Didáctica de Lenguas Extranjeras, a saber, la Mediación lingüística y sus potencialidades en el terreno de la didáctica y de la educación. Se demostrará, pues, que la Mediación lingüística es un tema al que se han dedicado esfuerzos investigadores solo desde fechas recientes y que presenta interesantes potencialidades desde una perspectiva pedagógica y de investigación. A continuación, se enumeran los objetivos de la Tesis de forma esquemática: 1. Sistematizar toda la información de la que disponemos con respecto a la Mediación lingüística, con el fin de ofrecer un marco teórico, conceptual y metodológico completo y pertinente. 2. Destacar todas las características y potencialidades que presenta la Mediación lingüística para que se configure a todas luces como una auténtica “competencia integradora” en el marco de la Didáctica de lenguas extranjeras en general y del Español como Lengua Extranjera (E/LE) más en concreto, al margen de la formación en el ámbito de la Traducción profesional y de la Interpretación. 3. Demostrar que la expresión “Mediación lingüística” sigue produciendo confusión a la hora de hacer referencia a una actividad profesional concreta...

La isomorfía lingüística sobre la base de la iteración recursiva, la coherencia estructural y la autosemejanza del lenguaje

Silió Martínez, Teresa
Fonte: Universidade Autônoma de Madrid Publicador: Universidade Autônoma de Madrid
SPA
Relevância na Pesquisa
46.45%
Tesis doctoral de la Universidad Autónoma de Madrid, Facultad de Filosofía y Letras, Departamento de Lingüística, Lógica, e Historia y Filosofía de la Ciencia. Fecha de lectura: 29-09-2004

USOS DA AUTOCONFRONTAÇÃO NA LINGUÍSTICA APLICADA: O CASO DE UM GRUPO DE PESQUISA

Perez,Deivis; Messias,Carla
Fonte: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada Publicador: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2015 PT
Relevância na Pesquisa
46.52%
RESUMOEste artigo discute o uso do dispositivo interventivo e científico-metodológico autoconfrontação por pesquisadores da Linguística Aplicada, em particular, pelos estudiosos do grupo de pesquisa Análise de Linguagem, Trabalho Educacional e suas Relações-ALTER que desenvolveram as suas atividades entre os anos de 2002 e 2012, sob a liderança da professora doutora Anna Rachel Machado da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo/PUC-SP. O artigo apresenta a autoconfrontação, as suas origens, as referências teóricas, as fases e os movimentos que devem ser seguidos na sua aplicação. Em seguida, buscou-se examinar o uso da autoconfrontação em teses de doutorado e dissertações de mestrado produzidas no contexto do grupo ALTER. Ao final, são focalizadas as limitações na utilização do dispositivo verificadas nas pesquisas do grupo e, também, o seu significativo legado para a Linguística Aplicada e para as Ciências do Trabalho no Brasil.

¿Estamos preparados para abrir una licenciatura en Lingüística Computacional?; VI Coloquio de Lingüística Computacional. Ciclo de conferencias

Sierra Martínez, Gerardo
Fonte: Facultad de Filosofía y Letras. Instituto de Ingeniería. Universidad Nacional Autónoma de México Publicador: Facultad de Filosofía y Letras. Instituto de Ingeniería. Universidad Nacional Autónoma de México
Tipo: Conferencia
ES
Relevância na Pesquisa
36.75%
Conferencia /// ¿Estamos preparados para abrir una licenciatura en Lingüística Computacional?. Gerardo Sierra. Grupo de Ingeniería Lingüística. Universidad Nacional Autónoma de México. 20 de agosto de 2013 //// VI Coloquio de Lingüística Computacional. Facultad de Filosofía y Letras. Instituto de Ingeniería. Universidad Nacional Autónoma de México. //// Descarga: Pulse botón derecho del ratón sobre el archivo de audio "mp3" que elija y seleccione "Guardar Destino Como..."; En el recién aprobado Reglamento General de Estudios Universitarios se contemplan las licenciaturas interdisciplinarias (Artículo 24), en las que participan dos o más entidades académicas y se comprenden estudios de dos o más disciplinas. El Grupo de Ingeniería Lingüística del Instituto de Ingeniería está proponiendo abrir en la ENES-Morelia, donde actualmente ya se han abierto varias carreras de carácter interdisciplinario, una licenciatura en Lingüística Computacional. En esta plática-debate se presenta en primera instancia la propuesta de la licenciatura, desde la justificación, el perfil de ingreso y egreso, las entidades participantes (incluyendo, por supuesto, la Facultad de Filosofía y Letras), hasta la estructura curricular en donde se señalan cinco opciones de especialización en tecnologías de habla...

ACTITUDES Y CONCIENCIA LINGÜÍSTICA

Morales van Leeuwen, Daniela
Fonte: Universidad de Chile; Programa Cybertesis Publicador: Universidad de Chile; Programa Cybertesis
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
46.52%
Este trabajo se basa en “el tercer modelo sociolingüístico de variación y cambio” de los propuestos por Uriel Weinreich, William Labov y Marvin Herzof (1968), que plantea que el cambio lingüístico se debe, entre otros factores, a la evaluación que la sociedad realiza de las variedades y variantes lingüísticas. También se consideraron los trabajos de Howard Giles (1983) sobre actitudes lingüísticas, donde se estudiaron las asociaciones que hablantes nativos del inglés establecían entre acentos y ciertas características como inteligencia, cultura, integridad y atractivo social; juicios que son de naturaleza social más que lingüística. En este trabajo queremos investigar si estas asociaciones se dan también entre los estudiantes de inglés como lengua extranjera, en especial, en estudiantes de Pedagogía en Inglés; cuáles son estas actitudes, y si van cambiando a medida que su sensibilidad y percepción sobre la naturaleza del lenguaje, es decir, su conciencia lingüística, así como su competencia en la lengua extranjera, aumentan y se profundizan.

Language design journal of theoretical and experimental linguistics

Fonte: Granada : Asociación Andaluza de Lingüística General (AALG), Universidad de Granada. Departamento de Lingüística General : Publicador: Granada : Asociación Andaluza de Lingüística General (AALG), Universidad de Granada. Departamento de Lingüística General :
Tipo: Revistes electròniques Formato: text/html
Publicado em //1998 ENG; SPA
Relevância na Pesquisa
46.52%
DESCRIPCIÓ. Language Design és una revista universitària especialitzada en recerca lingüística. Un dels seus principals objectius és fomentar debat i integrar coneixement sobre la naturalesa del llenguatge en general així com de la unitat i diversitat de llenguatges més específics.

Video sobre "La lingüística en España"

Laborda, Xavier; Romera, Lourdes; Fernández Planas, Ana María
Fonte: Universidad de Alcalá, Área de Lingüística General Publicador: Universidad de Alcalá, Área de Lingüística General
Tipo: Imagem Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
46.45%
Reportaje videográfico sobre el libro La lingüística en España. 24 autobiografias. Video del Servei d’audiovisuals de la Universitat de Barcelona (25-07-2007).

PESQUISA PILOTO: UMA ANÁLISE; PILOT SURVEY: AN ANALYSIS

Royes Schardosim, Chris; Doutoranda em Linguística – PPGL/UFSC Bolsista REUNI
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Lingüística da UFSC Publicador: Programa de Pós-Graduação em Lingüística da UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por pares"; ; Formato: application/pdf
Publicado em 14/06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
46.45%
http://dx.doi.org/10.5007/1984-8420.2011v12nespp18Análise de uma pesquisa piloto realizada em fase inicial de desenvol vimento no doutorado. O projeto nasceu com propósitos acadêmicos e pedagógicos, tendo como objetivo principal a análise de dificuldades que ocorrem na interlíngua escrita de estudantes de espanhol, falantes nativos da variante brasileira do português, em um curso de Licenciatura em Letras Espanhol na modalidade presencial. O estudo é feito a partir da Linguística Contrastiva (LC), tendo por base os modelos de Análise de Erros (AE) e Análise da Interlíngua (AI). A pesquisa piloto desenvolveu-se com uma proposta de produção escrita de três textos por um grupo de alunos do último semestre de língua espanhola do curso.  Os textos foram coletados em sala de aula, durante a realização de estágio docência, no primeiro semestre de 2011. Para este trabalho. serão apresentadas as análises preliminares dos dados. Espera-se que, a partir dos resultados encon trados, possa-se ter uma visão da interlíngua escrita produzida por esses alunos e uma análise dos pontos observados.; Analysis of a pilot survey conducted during the initial studies in a doctoral program. The project has been proposed with academic and educational purposes...

Em defesa de uma formação linguística de qualidade para professores de línguas estrangeiras: o exame EPPLE

Consolo, Douglas Altamiro; Unesp; Teixeira da Silva, Vera Lucia; UERJ
Fonte: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada Publicador: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 20/04/2015 POR
Relevância na Pesquisa
46.57%
ResumoNeste artigo apresentamos as justificativas para um exame de proficiência linguístico-comunicativo-pedagógica específico para professores de línguas estrangeiras no cenário brasileiro. Relatamos o trajeto histórico de atividades acadêmicas e de pesquisas desde o surgimento das ideias que motivaram nossa proposta, dentre as quais eventos nos quais a proposta foi apresentada, dissertações e teses – defendidas e em andamento – e ações mais recentes para a implementação do exame em maior escala. Com a implementação e disponibilização do EPPLE, espera-se que se (re)definam os objetivos e a metodologia do ensino das línguas estrangeiras nos cursos de formação de professores, ou seja, que os resultados das investigações e das aplicações do exame sejam revertidos para o aprimoramento da formação nos cursos de Letras no Brasil e tragam contribuições para pesquisas na área de avaliação de línguas.Palavras-chave: Avaliação. Língua estrangeira. Proficiência linguística. Formação de professores.  Abstract In this article, we argue in favour of an examination of linguistic-communicative-pedagogic proficiency for foreign language teachers in the Brazilian context. A historical line of academic activities and research studies related to the proposal for this examination...

Um evento de (bi)letramento em língua indígena: reflexos de uma política linguística Terena; An event of (bi)literacy in indigenous language: reflections of a Terena linguistic policy

Nincao, Onilda Sanches; Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Fonte: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada Publicador: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 25/03/2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.52%
Este texto apresenta dados de pesquisa realizada junto a professores indígenas a partir de oficinas de produção de textos em língua Terena que tiveram como objetivo produzir textos nessa língua a fim de servirem à produção de material didático na escola. A metodologia adotada seguiu os preceitos sugeridos por Vóvio e Souza (2005) para pesquisas na área de Linguística Aplicada que focalizam práticas sociais de letramento. As oficinas de produção de textos em língua Terena tiveram a participação de 16 professores indígenas. Os dados foram analisados a partir do pressuposto de que (a) em contextos bilíngues, as línguas não ocupam compartimentos isolados (Maher, 2007a), (b) há uma conjunção entre as práticas de letramento nas duas línguas em questão (Hornberger, 1989/2003) e (c) o letramento não tem o mesmo significado nos diferentes contextos culturais (Street, 2006). Os resultados demonstraram que o biletramento que emergiu nas oficinas de textos focalizadas evidencia um procedimento cultural Terena que encontra justificativa nas construções identitárias desse povo ao longo da história, emergindo a escrita em uma função simbólica de indianidade Terena, com força política e combativa.; This paper presents data from research with indigenous teachers at text production workshops in Terena language. Such workshops aimed to produce texts in this language in order to serve the production of teaching materials at schools. The adopted methodology followed the precepts suggested by Vóvio and Souza (2005) for research in the area of Applied Linguistics...

A tradução de marcadores culturais em Sargento Getúlio à luz da lingüística de corpus

Martins, Elisangela Fernandes; Universidade Estadual Paulista - UNESP; Camargo, Diva Cardoso de; Universidade Estadual Paulista – UNESP
Fonte: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada Publicador: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 15/09/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.45%
Este artigo aborda a tradução de marcadores culturais em Sergeant Getulio em relação ao seu original Sargento Getúlio, ambos do escritor e autotradutor João Ubaldo Ribeiro. A fundamentação teórica apóia-se nos Estudos da Tradução baseados em corpus de Baker e de Camargo, na Lingüística de Corpus de Berber Sardinha, nos trabalhos sobre domínios culturais de Nida e de Aubert, e na proposta das modalidades tradutórias reformuladas por Aubert. Quantos aos procedimentos metodológicos, usamos as ferramentas de busca disponibilizadas pelo programa WordSmith Tools, versão 4.0. Os resultados obtidos revelam que João Ubaldo Ribeiro busca uma maior aproximação entre o leitor de língua inglesa e a mensagem do original por meio do uso de recursos da modulação, da explicitação e da adaptação ao traduzir, para o inglês, marcadores culturais específicos da realidade brasileira. 

Um pouco de complexidade na Linguística Aplicada

Franco, Claudio de Paiva; Universidade Federal do Rio de Janeiro
Fonte: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada Publicador: Revista Horizontes de Linguistica Aplicada
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.57%
Este trabalho tem por objetivo discutir algumas possibilidades de aplicação do paradigma da complexidade no campo da Linguística Aplicada. Para isso, pretendo apresentar as características e os comportamentos dos sistemas complexos com base em uma revisão de literatura sobre a teoria da complexidade. Além disso, compartilho os resultados de alguns estudos fundamentados na teoria da complexidade desenvolvidos em um Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos (Linguística Aplicada).

INTERFERÊNCIAS NO PROCESSO DE COMPREENSÃO DE TEXTOS EM LIBRAS: A VARIAÇÃO E A PROFICIÊNCIA LINGUÍSTICA.

Júnior, Valdemar Barbosa Lima; Ribeiro, Luiz Antônio
Fonte: DLCV - Língua, Linguística & Literatura Publicador: DLCV - Língua, Linguística & Literatura
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Revisão de Literatura Formato: application/pdf
Publicado em 15/08/2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.45%
Este artigo tem como princípio a análise de alguns fatores que refletem na incompreensão de textos em Libras. Os textos citados são textos sinalizados com um código linguístico de modalidade visuoespacial, onde os parâmetros ocorrem de forma simultânea, diferentemente do texto em língua portuguesa, que é linear. A partir da experiência e da pesquisa bibliográfica, em certos momentos na nossa interação e principalmente durante as interpretações da língua de sinais, percebemos que ocorrem certas incompreensões na leitura do texto, tanto por parte do surdo, quanto do ouvinte. Procuramos investigar fatores que interferem na compreensão, como a variação e a falta de proficiência linguística durante as interações entre os usuários da libras. O objetivo da reflexão foi identificar as causas da incompreensão, a fim de propor um melhoramento dos textos para que ocorra um efetivo entrosamento na comunicação por meio da língua de sinais. O estudo fundamentou-se em pesquisas empíricas e bibliográficas.

A INSERÇÃO DO ‘VOCÊ’ NO PORTUGUÊS BRASILEIRO OITOCENTISTA E NOVECENTISTA: REFLEXOS DE UMA MUDANÇA LINGUÍSTICA SOCIALMENTE ENCAIXADA.

Fonte: Lingüística Publicador: Lingüística
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.52%
Este trabalho traz uma análise sociolinguística do comportamento do indivíduo (panel study, cf. Labov 1994), nos séculos XIX e XX, em relação à expressão (nula ou plena) das formas Tu e Você como sujeitos pronominais. O objetivo principal deste estudo é investigar, com base em cartas pessoais oitocentistas e novecentistas da família Pedreira Ferraz-Magalhães, o processo de inserção de Você no quadro pronominal do Português Brasileiro e o seu nível de coexistência com o Tu. Os resultados evidenciam que o Você, empregado informalmente em cartas brasileiras, entre os anos 20 e 30 do século XX, está em avançado estágio de mudança linguística, sendo tal processo de conduzido pelas mulheres. A implementação de Você no quadro pronominal apresenta-se como um processo de encaixamento nas matrizes linguística e social (embbeding problem, cf. Weinreich et al 1968) do Português Brasileiro.