Página 2 dos resultados de 21606 itens digitais encontrados em 0.012 segundos

Avaliação da compreensão de leitura de legendas de filmes em escolares de Ensino Fundamental; Evaluation of the movie subtitle reading comprehension in Elementary School children

Minucci, Michele Viana
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
A compreensão da leitura de textos fixos em escolares é um tema amplamente conhecido; no entanto, na revisão de literatura não foi localizado um perfil da leitura de textos móveis nessa população, fato que demonstra a relevância deste estudo. O objetivo desta pesquisa foi avaliar a compreensão da leitura de legendas de filmes em escolares de Ensino Fundamental (EF). Participaram deste estudo 60 escolares, sendo 30 de 2ª série e 30 de 4ª série, pareados quanto ao gênero e idade e constituindo o Grupo-Pesquisa (GP); e mais 20 escolares, sendo 10 de 2ª série e 10 de 4ª série, pareados quanto ao gênero e idade e constituindo o Grupo-Controle (GC). Esta pesquisa foi dividida em dois estudos. No Estudo I, buscou-se traçar um perfil da compreensão da leitura de legenda de filmes dos escolares de 2ª e 4ª séries do GP, por meio da análise do nível e habilidades de Leitura de Legenda de Filmes na recontagem de um trecho de filme visto, de forma individual, sem som e com legenda; e também se analisou a recontagem do mesmo trecho de filme visto, de forma individual, sem som e sem legenda pelo GC com o intuito de averiguar a influência do conhecimento prévio do filme na compreensão da leitura. Os resultados indicaram correlação positiva entre o desempenho em compreensão da leitura e o grau de escolaridade no GP...

Rodas de leitura na escola: construindo leitores críticos; Reading circles at school: building critical readers.

Jacobik, Fabiana Andréa Dias
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/09/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.72%
Esta pesquisa tem o objetivo de investigar o percurso de construção de competências relativas à leitura de um grupo de estudantes de primeiro ano do ensino fundamental, em uma escola pública do município de São Paulo. O conceito em que se baseia não considera a leitura como uma aprendizagem linear, que vai da decodificação da escrita (estabelecimento da relação letra-som) para a compreensão, mas sugere que as duas aprendizagens ocorrem simultaneamente, a depender das experiências de leitura de cada sujeito, mediadas pela ação de leitores mais experientes. A compreensão leitora, num contexto que considera a linguagem como um processo de interação entre sujeitos, é entendida como o diálogo estabelecido pelo leitor, em diferentes níveis e dimensões, refletindo acerca do texto e de suas relações com outros textos e com suas experiências. Desta forma, a leitura é instrumento de formação num sentido amplo, não apenas nas capacidades de decodificação de palavras ou frases, e nem de aquisição de conhecimentos escolares. A leitura crítica implica num diálogo que busca atingir o discurso que se veicula pelo texto. Para tanto, estabeleceu-se como metodologia a pesquisa-ação, na qual foram realizadas Rodas de leitura buscando proporcionar às crianças momentos de efetivo ler...

Controle por unidades verbais mínimas e extensão da unidade ensinada: o efeito do treino de fonemas na emergência da leitura recombinativa; Minimal verbal units control and extension of the unit taught: effect of the phoneme training upon the emergence of recombinative reading

Inhauser, Luana Zeolla
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/11/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.72%
A leitura é uma habilidade complexa que envolve uma rede de relações entre estímulos e entre estímulos e respostas. Para que um repertório de leitura seja considerado proficiente, o leitor deve apresentar a leitura de novas palavras, não diretamente ensinadas e formadas pela recombinação de unidades aprendidas previamente em outras relações (leitura recombinativa). Um requisito fundamental para o desenvolvimento da leitura recombinativa é, portanto, o estabelecimento de um responder diferencial sob controle das unidades menores, como por exemplo, sílabas, letras ou fonemas, componentes das palavras. O objetivo do presente trabalho foi investigar o efeito do treino direto de fonemas, combinado com um treino de palavras, sobre a emergência da leitura recombinativa de palavras inteiras. Verificou-se também se o momento de inserção do treino de fonemas no procedimento de ensino, se prévio (Condição I) ou sobreposto (Condição II) ao treino de palavras, foi uma variável relevante para a emergência da leitura recombinativa. Os participantes do estudo foram 12 estudantes universitários, com idades entre 18 e 37 anos, e que foram distribuídos igualmente entre três Condições Experimentais: a) Condição I Treino Prévio de Fonemas; b) Condição II Treino Sobreposto de Fonemas; c) Condição IIITreino de palavras. A Condição III foi realizada com o objetivo permitir uma comparação entre o desempenho dos participantes que foram submetidos ao treino de fonemas (Condições I e II) com o dos participantes que foram expostos somente ao treino de palavra (Condição III). Os estímulos utilizados no estudo consistiram de palavras faladas (A) e palavras escritas com um pseudoalfabeto (C)...

Consciência fonêmica, nomeação automática rápida e velocidade de leitura em escolares do ensino fundamental; Phonemic awareness, rapid automatized naming and reading rate in students of elementray school

Soares, Aparecido José Couto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/09/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
A leitura é uma habilidade complexa composta por múltiplos processos interdependentes e envolve a integração de diferentes habilidades linguístico-cognitivas, em particular aquelas relacionadas ao processamento fonológico como a consciência fonológica e a nomeação automática rápida. Nos últimos anos, os pesquisadores brasileiros tem estudado a fluência de leitura, que possui como componentes a velocidade e acurácia, porém utilizando medidas que não consideram as características das palavras, como extensão e estrutura silábica. Nesse sentido, nota-se a importância de investigar mais profundamente qual a relação existente entre as habilidades subjacentes da leitura e seus parâmetros de fluência bem como as possíveis implicações no processo de aquisição e desenvolvimento da leitura. Dessa forma, o objetivo deste estudo foi investigar a influência da consciência fonêmica e da nomeação automática rápida na fluência de leitura de escolares do terceiro e quarto ano do ensino fundamental. Participaram desta pesquisa 29 crianças do terceiro ano (GP1) e 28 do quarto ano do ensino fundamental (GP2), num total de 57 sujeitos. As crianças foram avaliadas quanto à leitura por meio de textos adequados para sua escolaridade...

Relações entre variáveis psicossociais e cognitivas e o desempenho em leitura em crianças de uma coorte populacional

Piccolo, Luciane da Rosa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.73%
A leitura é um processo complexo, consequência de interações entre fatores ambientais, biológicos e cognitivos. Este estudo visou a investigar a relação entre fatores psicossociais (socioeconômicos e familiares) e cognitivos (memória de trabalho) e o desempenho em leitura de crianças participantes de uma coorte populacional. Foram realizados dois estudos relacionando o desempenho em leitura a: 1) fatores psicossociais e 2) fatores cognitivos. As 65 crianças avaliadas (9-11 anos) eram estudantes de 2ª a 5ª séries de escolas públicas de Porto Alegre-RS. Suas mães participaram de entrevistas sobre dados psicossociais da mãe e de desenvolvimento da criança, feitas aos 4 meses, 2 anos e 5/6 anos de idade das crianças. As crianças foram avaliadas em leitura, QI e memória de trabalho. No estudo 1, correlações significativas negativas foram encontradas entre morbidade psiquiátrica (escore do SRQ-20) da mãe e total de acertos na leitura de palavras irregulares da criança e entre o número de familiares que moravam em casa e o escore total na leitura de palavras da criança. Além disso, a renda familiar correlacionou-se significativa e positivamente com o escore em compreensão de leitura textual da criança. Nas análises de regressão linear apenas o número de familiares que moravam na mesma casa que a criança foi preditor do desempenho em leitura de palavras. Pode-se entender que quanto mais pessoas habitam uma mesma residência...

Praticas de leitura na infancia : do limite a trangressão

Leila Cristina Borges da Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/11/2004 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
O presente estudo teve por objetivo compreender as práticas, as imagens e as representações da leitura construídas na inrancia. Busquei entender como as crianças fazem uso da leitura no cotidiano em que vivem, dentro ou fora da escola. Baseando-me nos estudos de Certeau (1994) sobre as práticas culturais, escolhi pesquisar meu próprio trabalho de professora da Educação Infantil. Ao construir uma relação com os estudos da História Oral (Thompson: 1992, Pollack: 1992 e Portelli: 1997) busquei entender os relatos das crianças e de suas famílias à luz das pressões sociais que os envolvem, ou ainda, como nos diz Bakhtin (2002), procurando estar atenta ao contexto enunciativo em que eles foram produzidos. Ancorando-me nos estudos da História Cultural (Chartier: 1996 e Hébrard: 1996) pude entender os discursos escolares e extra-escolares os quais tentam revelar, exortar e prescrever a "boa - leitura". As histórias de leitura vividas pelas crianças e por suas famílias revelaram uma preocupação com a continuidade da experiência vivida na escola e o desejo de se estabelecer elos entre essa experiência e o cotidiano vivido fora da instituição. No ato de reconduzir os sujeitos às suas operações, pude perceber que eles não se identificam com uma imagem de não-leitores...

Leitura compartilhada de contos com prompts baseados nas funções da narrativa : efeitos sobre a compreensão textual

Medeiros, Fabio Hernandez de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.72%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Processos Psicológicos Básicos, Programa de Pós-Graduação em Ciências do Comportamento, 2015.; Leitura compartilhada pode ser definida como a leitura de um texto literário em voz alta por um adulto para uma ou mais crianças. Este estudo teve como objetivo investigar os efeitos da leitura compartilhada intercalada com prompts baseados nas funções da narrativa sobre a compreensão de contos. Vinte e dois contos dos Irmãos Grimm foram lidos a três crianças com idades entre 8 e 13, um por sessão. Na condição Leitura Simples, o texto era lido sem intervenções adicionais. Na condição Leitura Dialógica, a contadora de histórias interrompia a leitura em pontos pré-determinados do texto para fazer perguntas abertas e reforçar diferencialmente respostas verbais das crianças sob controle de funções narrativas importantes. Todos os participantes iniciaram o experimento na condição Leitura Simples seguida da condição Leitura Dialógica, em um delineamento de linha de base múltipla por participante. A compreensão dos textos foi avaliada a partir da porcentagem de eventos e funções da narrativa verbalizadas durante tarefas de recontação livre e recontação dirigida por perguntas. De maneira geral...

Leitura de palavras e pseudopalavras nas dificuldades de leitura

Lopes, Ana Sofia Silva
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.73%
Ser capaz de descodificar uma palavra escrita é uma das competências indispensáveis para um bom desempenho de leitura. Têm sido realizados vários estudos sobre o desenvolvimento normal da descodificação de leitura para Português Europeu mas este estudo permite comparar a leitura de crianças com e sem dificuldades de aprendizagem de leitura. Foram comparados três grupos de crianças (com Dislexia, com dificuldades de leitura e escrita associadas a dificuldades de aprendizagem, e com desempenho escolar normal) relativamente às suas competências de leitura de palavras e pseudopalavras, tendo em conta a sua frequência e extensão. Os participantes têm idades compreendidas entre os 7 anos, 8 meses e os 14 anos e residem no Município de Amarante. Como seria de esperar, as crianças com desenvolvimento normal leem mais rápido e produzem muito menos erros do que as dos outros grupos, embora se tornem leitores fluentes mais tarde do que a literatura refere que seria normativo. As crianças com Dislexia e as crianças com dificuldades de leitura produzem uma quantidade de erros de leitura semelhante, embora haja variação no tipo de erros que ocorrem. O tempo de leitura das crianças com Dislexia vai aumentando com a idade, refletindo um maior esforço no uso da via fonológica...

Aula de leitura: representações em jogo na constituição do sujeito-leitor

Bizzotto, Mírian Pereira Gautério
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.73%
Esta pesquisa teve o objetivo norteador de fazer um levantamento das representações sobre leitura de uma aluna-professora, nas séries iniciais, ensino fundamental, a fim de verificar se a leitura é tratada como um espaço para a produção de sentido. Também procurou interpretar e discutir os dizeres que constituem o discurso da aluna-professora sobre a prática da leitura e as possíveis conseqüências éticas e políticas desses dizeres sobre a formação de seus alunos (3ª série). Como direcionamento, esta pesquisa pautou-se nas seguintes perguntas: quais são as representações sobre leitura que podem ser percebidas nos dizeres da aluna-professora participante da pesquisa? Qual é a concepção de leitura que pode ser percebida a partir dos dizeres da participante? Quais são as possíveis conseqüências éticas e políticas de uma abordagem à leitura com base nas concepções depreendidas, a partir de seus dizeres? Para possibilitar esta discussão, considerou-se o conceito de representação com base em Woodward (2000) e Silva (2000). Em seguida, abordou-se o processo de leitura, tal como tem sido percebido por diferentes correntes. Também foram tratados os temas: identidade, diferença e identificação. Para a coleta dos dados...

Leitura e compreensão de textos em língua inglesa: o papel do conhecimento prévio sobre o assunto

Camilo, Rosângela Aparecida Fernandes
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
O objetivo desta pesquisa de base etnográfica foi analisar o papel do conhecimento prévio sobre o assunto na leitura e compreensão de textos em Língua Inglesa utilizados no Programa Alternativo de Ingresso ao Ensino Superior (PAIES) por alunos que estão cursando a terceira série do Ensino Médio de uma instituição pública estadual de ensino. Para a realização deste trabalho partimos do pressuposto de que a ativação do conhecimento prévio sobre o assunto em aulas de Língua Inglesa em uma escola da rede pública pode influenciar na leitura e compreensão de textos utilizados no PAIES. Os participantes da pesquisa compreendem o professor da turma e dois grupos de 37 alunos que foram denominados grupos “A” e “B”. Os grupos foram selecionados após a leitura de um texto em inglês bem como a realização de uma auto-avaliação de desempenho de leitura. Frente aos dados obtidos inicialmente optamos por desenvolver diferentes atividades de pré-conhecimento antes da leitura dos textos em inglês com os participantes do grupo “B”. Tais atividades foram elaboradas pela pesquisadora que atuou como observadora participante. Já o grupo “A” leu os mesmos textos em inglês, porém sem desenvolver atividades de pré-leitura desenvolvidas com o outro grupo. Os dados referentes a esta investigação foram coletados por meio de Questionário Informativo...

Emerg?ncia de leitura recombinativa de frases em crian?as de escolas p?blicas

VALE, Juliana Ba?a do
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Uma das principais queixas acad?micas refere-se ? dificuldade de compreens?o de leitura, apresentada por uma parcela consider?vel do corpo estudantil brasileiro, em diversos n?veis de ensino. O paradigma de equival?ncia tem contribu?do para o entendimento dos processos comportamentais envolvidos na aquisi??o do repert?rio de leitura de textos com compreens?o. Os objetivos do estudo foram, por meio de replica??o sistem?tica: 1) verificar o efeito do ensino das discrimina??es de s?labas na emerg?ncia da leitura textual de palavras e frases de ensino e recombinadas; 2) investigar o efeito de um procedimento de ensino de discrimina??o de palavras ditadas e impressas (AC) na emerg?ncia da leitura com compreens?o de palavras e frases de ensino e recombinadas; 3) programar um procedimento de ensino que produza poucos ou nenhum erro; 4) aprimorar os procedimentos utilizados por estudos anteriores, tornando-os mais eficientes e econ?micos e com menor variabilidade de desempenho entre participantes. Os est?mulos foram auditivos, visuais e auditivo-visuais (s?labas, palavras e frases faladas e impressas e figuras impressas). Foi realizado o ensino das discrimina??es condicionais entre palavras/ frases faladas e figuras (rela??o AB) s?labas/ palavras/ frases faladas e est?mulos impressos (rela??es AC). Foram programadas seis fases experimentais. A unidade de leitura foi ampliada gradualmente durante as fases...

Ensino de discrimina??es de s?labas e a emerg?ncia da leitura recombinativa em crian?as pr?-escolares

BARROS, Samuel do Nascimento
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Estudos t?m demonstrado que o ensino da leitura de palavras com recombina??o de s?labas, sem procedimentos especiais, estabelece o controle parcial pelas s?labas, dificultando a generaliza??o da leitura. Uma revers?o desse controle tem sido promovido por meio de procedimentos especiais de ensino ou ap?s a exposi??o a um longo programa de ensino. O ensino expl?cito de discrimina??o de s?labas pode promover prontamente a leitura recombinativa, sem estabelecer o controle parcial por um de seus componentes. O presente estudo investigou o efeito do ensino de discrimina??es condicionais entre s?labas na emerg?ncia da nomea??o oral dessas s?labas e de novas s?labas com recombina??o das letras das s?labas de ensino. Verificou-se, tamb?m, a emerg?ncia da leitura textual e com compreens?o de palavras com sentido e inventadas formadas pelas s?labas de ensino e recombinadas e, ainda, a emerg?ncia do desempenho em ditado e c?pia. Cinco crian?as da pr?-escola participaram do presente estudo que foi dividido em tr?s etapas. Na Etapa I, foram ensinadas as discrimina??es das s?labas NO, BO, NA, DO, NE e TO por meio do procedimento de emparelhamento com o modelo e testada a leitura das s?labas de ensino e recombinadas (BA, BE, DA, DE, TA e TE). Na Etapa II...

A recombina??o de letras no ensino e emerg?ncia da leitura generalizada recombinativa em crian?as da pr?-escola

MAU?S, Alfredo de Souza
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Estudos t?m demonstrado a leitura de palavras com recombina??o de s?labas em crian?as pr?escolares. No entanto, nesses estudos tem ocorrido o controle parcial pelas s?labas, dificultando a generaliza??o da leitura. O presente estudo investigou o efeito do ensino de discrimina??es condicionais entre s?labas na emerg?ncia da leitura textual dessas s?labas e de novas s?labas com recombina??o das letras das s?labas de ensino, evitando o estabelecimento do controle parcial. Verificou-se, ainda, a emerg?ncia da leitura textual e com compreens?o de palavras com sentido e inventadas formadas pelas s?labas de ensino e recombinadas. Cinco crian?as da pr?-escola participaram do estudo que foi dividido em tr?s etapas. Na Etapa 1, foram ensinadas por meio de emparelhamento com o modelo as s?labas NO, BO, NA, DO e NE, e testada a leitura das s?labas recombinadas BA, DA, DE e BE. Na Etapa II, foi verificada a leitura textual e com compreens?o das palavras com sentido DADO, DEDO, BEB? e BOBO. Na Etapa III, foi verificada a leitura textual e com compreens?o das palavras inventadas NEBA, NODE, BEDO e DABO. Todos os participantes apresentaram a emerg?ncia da nomea??o oral das s?labas de ensino e recombinadas. Os cinco participantes apresentaram prontamente a leitura com compreens?o de todas as palavras com sentido e inventadas...

O impacto da leitura extensiva no 1º ciclo – 3º ano de escolaridade: estratégias para o seu desenvolvimento.

Souto, Sónia Sofia Silva Ferreira
Fonte: Universidade Portucalense Publicador: Universidade Portucalense
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2007 POR
Relevância na Pesquisa
36.73%
Pretendeu-se com este estudo salientar a importância da leitura e intervir na promoção e no desenvolvimento desta competência essencial e imprescindível a todos os cidadãos. Analisámos a leitura quanto aos seus modelos de compreensão, bem como a sua finalidade. Abordámos as várias teorias de aprendizagem relacionando-as com a aprendizagem da leitura, expondo algumas estratégias para esse fim. Destacou-se a importância da escola que, de acordo com os princípios que orientam a acção educativa e o papel fundamental dos professores, contribuem para a aprendizagem, desenvolvimento e promoção da leitura, competência fundamental para o sucesso do aluno. Tendo em vista esse sucesso, procurou-se definir algumas das mais importantes estratégias de promoção do desenvolvimento da leitura em contexto de sala de aula. Desta forma, planificou-se e implementou-se uma actividade de leitura: o Clube da Leitura Silenciosa, visando o desenvolvimento da leitura extensiva, em sessões de leitura silenciosa de obras infantis de qualidade e interesse para os leitores. Este projecto de investigação – acção foi implementado numa turma de 3º ano, turma experimental, tendo-se comparado os dados obtidos pelos vários instrumentos...

Processamento fonológico, leitura e escrita em crianças com dislexia do desenvolvimento e crianças com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade; Phonological processing, reading, writing in children with developmental dyslexia and children with attention déficit hyperactivity disorder

Tais de Lima Ferreira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/07/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.74%
O objetivo geral deste estudo foi verificar o processamento fonológico, leitura e escrita em crianças com dislexia do desenvolvimento e em crianças com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade. O objetivo específico foi comparar o desempenho de processamento fonológico, leitura, escrita entre a dislexia do desenvolvimento e o transtorno do déficit de atenção e hiperatividade e levantar quais os aspectos diferenciam os sujeitos entre si. Participaram 51 crianças, de ambos os gêneros, com idades entre 8 e 14 anos, divididas em três grupos: GDD ¿ 17 crianças com o diagnóstico de Dislexia do Desenvolvimento; GTH ¿ 17 crianças com o diagnóstico de Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade; GC ¿ 17 crianças sem dificuldades de aprendizagem ou atencionais. As crianças de GDD e GTH foram avaliadas no Ambulatório de Neuro-Dificuldades de Aprendizagem do Hospital de Clínicas/UNICAMP e as crianças do GC foram avaliadas em duas escolas públicas na cidade de São Carlos (SP). Foram realizadas avaliações individuais utilizando os instrumentos: Instrumento de Avaliação Sequencial (CONFIAS), Prova de Nomeação Automática Rápida (RAN), Protocolo de Avaliação de Memória de Trabalho (PMT), Prova de Nível de Leitura...

Atividades de leitura literária no ensino médio de Brasília : um estudo em perspectiva dialógica

Stephani, Adriana Demite
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Programa de Pós-Graduação em Literatura, 2014.; O presente estudo propõe, no âmbito das atividades de ensino de Língua Portuguesa, a perspectiva bakhtiniana de leitura como o espaço de interação entre a voz do autor instaurado no texto e a do aluno-leitor. Para a configuração de tal proposta, são retomadas algumas entre as tantas teorias existentes sobre leitura. Faz-se uma retrospectiva da origem da relação entre leitura e escola, buscando compreender como essa relação se deu ao longo do tempo e buscando, acima de tudo, localizar as concepções de leitura que foram se sedimentando e determinando os modos de se conceber, no Brasil, o ensino de Língua Portuguesa como devendo passar ao largo da leitura literária. Em seguida, é introduzida a proposta da leitura como resposta, tornada efetiva pela atuação eficaz do professor mediador. São apresentadas discussões sobre o conceito bakhtiniano de leitura como interação verbal, bem como a relevância do professor como mediador dessa leitura/diálogo nas escolas e de sua adequada formação para esse trabalho. Com intuito de realizar uma análise sobre a realidade do trabalho com o texto literário nos espaços escolares...

Programa "Leitores do futuro" : automodelagem e leitura assistida na promoção da fluência na leitura oral

Agostinho, Ana Lúcia Correia
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia da Educação e da Orientação), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2012; A fluência na leitura oral constitui uma componente crítica da leitura proficiente, uma vez que contribui para a compreensão. Até ao 3.º ano, todos os alunos devem desenvolver competências de fluência, para que depois possam utilizar a leitura como ferramenta de aprendizagem. Torna-se, assim, imperativo identificar os alunos que apresentam dificuldades na leitura, de modo a adequar a resposta educativa às suas necessidades, prevenindo o desenvolvimento de futuras dificuldades e atitudes negativas face à leitura. O presente estudo envolve a conceção, implementação e avaliação de um programa de intervenção desenhado para promover a fluência na leitura de alunos do 2.º ano "em risco" de dificuldades na leitura, o programa "Leitores do Futuro". Este combina procedimentos de leitura assistida, para apoiar o desenvolvimento da fluência, e procedimentos de vídeo self-modeling (VSM), que permitem que estes alunos se observem a ler textos desafiantes com sucesso. Após a observação de uma turma de alunos do 2.º ano de um colégio privado na zona da Grande Lisboa (N= 25), identificaram-se três alunos em risco de dificuldade na leitura...

Avaliação da fluência de leitura oral em alunos de 2º ano do 1º ciclo

Tristão, Flora Saudan Correia
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Tese de mestrado, Psicologia (Psicologia da Educação e da Orientação), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2009; Tendo como ponto de partida a literatura sobre a fluência de leitura oral e a sua pertinência no âmbito da avaliação da leitura, o presente estudo teve como objectivo explorar a aplicabilidade e utilidade de vários procedimentos de avaliação da fluência de leitura oral pouco empregues em Portugal. A avaliação com base no currículo, tem vindo a ser referida como complemento viável aos testes padronizados mais tradicionais em Psicologia Educacional. Pretendeu-se ainda analisar a dispersão das medidas obtidas. As principais variáveis em estudo foram a velocidade na leitura (palavras correctamente lidas por minuto), a correcção na leitura (percentagem de palavras correctamente lidas) e a qualidade na leitura (medida através da ELO). A amostra consistiu numa turma de segundo ano do ensino básico do conselho de Sintra (21 dos 22 alunos da turma participaram no estudo) e a respectiva professora. A professora respondeu a um questionário. Os alunos responderam à escala de atitudes perante a leitura e leram dois textos, a sua leitura foi registada em vídeo e posteriormente analisada. Foram encontrados bons resultados ao nível da precisão das medidas. Os dados de dispersão da turma permitem tecer algumas considerações e sugere-se a aplicação dos procedimentos a uma amostra representativa da população para o estabelecimento de normas portuguesas de fluência de leitura oral. Relativamente à correlação entre variáveis verificou-se uma correlação significativa entre a velocidade de leitura e a qualidade na leitura. A avaliação global da leitura pela professora também se mostrou significativamente correlacionada com as variáveis de velocidade de leitura e a qualidade de leitura. Com o presente trabalho pretende-se apelar para o desenvolvimento de mais estudos na área temática da fluência de leitura oral em Portugal.; Ailant comme point de départ la littérature sur le thème de la fluence de lecture orale et son intérêts dans le cercle de l'évaluation de la lecture...

A leitura como fonte de prazer e/ou desprazer

Oliveira, Lucimar Soares de; Nascimento, Maria de Jesus Barbosa; Lobo, Maria Gilvan de Sousa; Bruno, Maria Jos?? de Oliveira; Nunes, M??nica de Freitas
Fonte: Centro Universitário de Brasília Publicador: Centro Universitário de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.73%
O Trabalho de Conclus??o de Curso que tem por tema ???A LEITURA COMO FONTE DE PRAZER E/OU DESPRAZER???, aborda a tem??tica que atualmente tem sido alvo de debates e discuss??es, que ?? o desenvolvimento da leitura em sala de aula e fora dela. Observa-se que, nos dias atuais, os alunos n??o demonstram interesse pelas atividades de leitura, assim como os professores n??o apresentam motiva????o para realizar este trabalho, que ?? fundamental para a forma????o do cidad??o cr??tico. Percebe-se que o trabalho com a leitura tem sido feito de forma tradicional, mec??nico e fora da realidade das crian??as. A leitura em sala de aula tem sido transformada em uma obriga????o did??tica, e consequentemente uma fonte de desprazer. Visando a incentiva????o ?? leitura, na tentativa de resgatar o gosto pela mesma e transform??-la em uma atividade prazerosa, foi desenvolvida a pesquisa - a????o com abordagem qualitativa, com o intuito de coletar e analisar dados sobre como est?? sendo realizada a leitura na escola, bem como o interesse e a motiva????o de alunos e professores. Al??m disto, a pesquisa propiciou a fundamenta????o te??rica sobre a pr??tica prazerosa de leitura; o resgate do interesse, da motiva????o e do h??bito de leitura; a promo????o de momentos de leitura com diferentes g??neros liter??rios; o desenvolvimento de din??micas e de t??cnicas de leitura compartilhada; a ludicidade nas atividades a fim de resgatar o gosto pela leitura e o est??mulo ?? imagina????o e a criatividade. A pesquisa foi desenvolvida por professoras das S??ries Iniciais do Ensino Fundamental de cinco Escolas P??blicas do Distrito Federal...

A contribui????o da leitura para a forma????o de leitores cr??ticos e reflexivos

Novaes, Marisa Paiva
Fonte: Centro Universitário de Brasília Publicador: Centro Universitário de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.74%
A escola ?? considerada a principal institui????o respons??vel em repassar conhecimentos para a forma????o dos educandos e, neste sentido, surgiu a necessidade de compreender a import??ncia e contribui????es que a leitura pode trazer para a forma????o de leitores cr??ticos e reflexivos e quais as metodologias s??o utilizadas pelos professores nesse processo. A leitura pode ser um importante instrumento de conscientiza????o e de transforma????o das estruturas sociais. Esta Monografia baseou-se em um estudo de caso qualitativo e foi realizada em duas escolas p??blicas das regi??es administrativas de Ceil??ndia e Plano Piloto. O instrumento de pesquisa escolhido foi a entrevista, aplicada a quatro professores das s??ries iniciais do ensino fundamental, buscando-se compreender quais as contribui????es e dificuldades encontradas no processo de forma????o do leitor cr??tico e reflexivo. As categorias escolhidas para an??lise e discuss??o dos dados foram: contribui????es da leitura no processo de aprendizagem; objetivos ou compet??ncias e habilidades trabalhadas; trabalhos e atividades realizados; tipos de leituras utilizados; contribui????es do educador para a leitura; e dificuldades encontradas. Os resultados da pesquisa enfatizam que: a leitura e a interpreta????o do texto podem favorecer o enriquecimento do vocabul??rio e das informa????es; os professores trabalham com m??todos semelhantes para a realiza????o da leitura...