Página 1 dos resultados de 6 itens digitais encontrados em 0.029 segundos

Sistema de Informação para a Gestão do Cuidado na Rede de Atenção Domiciliar (SI GESCAD): subsídio à coordenação e à continuidade assistencial no SUS

Pires,Maria Raquel Gomes Maia; Gottems,Leila Bernarda Donato; Vasconcelos Filho,José Eurico; Silva,Kênia Lara; Gamarski,Ricardo
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
35.87%
Este artigo discute o desenvolvimento de uma versão inicial do Sistema de Informação para a Gestão do Cuidado na Rede de Atenção Domiciliar (SI GESCAD) que auxilia na clínica ampliada, na coordenação e na continuidade assistencial ao paciente em atenção domiciliar (AD), sua família e ao cuidador. Objetiva-se, ainda, refletir sobre a contribuição, os limites e as possibilidades do SI GESCAD na perspectiva da Rede de Atenção Domiciliar do SUS (RAS-AD). Pesquisa de produção tecnológica referenciada em protocolo de estudo multimétodo. Engenharia de software e Interação Humano-Computador-IHC com a adoção do design centrado no usuário, modelos evolucionários e interativos de processo de software (prototipagem e espiral). Finalizou-se um protótipo funcional do GESCAD que permite a gestão do cuidado ao paciente em AD nas dimensões do contexto sociofamiliar e do cuidador; da Atividade de Vida Diária (AVD); da clínica e do monitoramento de variáveis associadas ao tipo de AD2. O SI GESCAD permite a horizontalidade dos processos de trabalho das equipes de AD nos níveis de atenção da RAS-AD/SUS...

Acoplamentos: um estudo sobre a intera????o entre humanos e computadores

Carvalho, Paulo Sergio de
Fonte: Paulo Sergio de Carvalho Publicador: Paulo Sergio de Carvalho
Tipo: Tese/Disserta????o
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
106.34%
Este estudo investiga a intera????o dos humanos com os computadores pessoais. A partir dos inc??modos produzidos por esses encontros, na primeira parte estuda-se a produ????o da m??quina ???amig??vel??? ??? que insinua compara????es com a mente humana ??? e seus fortes efeitos nas transforma????es culturais do final do s??culo XX. Na segunda parte do trabalho, a partir de entrevistas de trabalhadores falando sobre sua aprendizagem b??sica do uso de computadores pessoais, faz-se uma an??lise das principais concep????es sobre a rela????o homem-t??cnica que est??o influenciando a intera????o humano-computador. Com isso fica evidenciado o papel do computador na crise do sujeito moderno, e afirma-se a necessidade de se pensar a subjetividade para al??m da cl??ssica divis??o sujeito-objeto, homem m??quina, natureza-artif??cio... o que aponta para a id??ia de acoplamentos flex??veis entre humanos e computadores e pede por uma no????o de aprendizagem que acolha a cria????o de problemas como seu aspecto mais rico.; This study investigates the humans' interactions with personal computers. In the first part, starting from the abashment produced by those encounters, it is studied the production of the ???friendly machine??? ??? that suggests comparisons with the human mind ??? and its strong achievements in the cultural transformations of the end of the XX Century. In the second part of this study...

A REALIDADE AUMENTADA EM SMARTPHONES NA EXPLORAÇÃO DE INFORMAÇÕES ESTATÍSICAS E CARTOGRÁFICAS

PINTO, FABIANA SILVA; IBGE; CENTENO, JORGE ANTONIO SILVA; UFPR
Fonte: Universidade Federal do Paraná-UFPR Publicador: Universidade Federal do Paraná-UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 29/06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
15.88%
A Realidade Aumentada é uma nova forma de interação homem-máquina, que permite aos usuários examinar a realidade mediante a visualização/inclusão de informação adicional, previamente selecionada, relevante para a solução de um determinado problema, em tempo real junto com a realidade percebida pelo ser humano. Basicamente, uma camera de vídeo proporciona cenas em tempo real e umsistema de computador adiciona à imagem real a informação virtual, como por exemplo a inserção de nomes de elementos geográficos como rios e montanhas os quais não são visíveis a olho nú e podem ser inseridos como informação virtualsobre à imagem real. O objetivo deste trabalho é explorar o uso da realidade aumentada em smartphones na visualização e representação de dados do Censo e Banco de Nomes Geográficos do Brasil, logo informações estatísticas ecartográficas respectivamente, ambos disponibilizados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE...

Avaliação da Acessibilidade das Funções de Privacidade do Facebook com Pessoas com Deficiência Visual.

Pessini, Adriano; UDESC; Citadin, Jucilane; UDESC; Kemczinski, Avanilde; UDESC; Gasparini, Isabela; UDESC
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção – UFPR Publicador: Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção – UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 10/05/2013 POR
Relevância na Pesquisa
35.98%
A forte presença das redes sociais on-line nas interações e relações humanas tem estimulado a reflexão de diversos pesquisadores, inclusive na comunidade de Interação Humano-Computador (IHC). Uma das maiores preocupações das redes sociais está na questão da privacidade e, em relação à inclusão social e digital, na questão da acessibilidade. Assim, este artigo relata a avaliação da acessibilidade das funções de privacidade do Facebook com usuários cegos que usam o aplicativo por meio de leitores de tela. A pesquisa foi realizada utilizando-se uma abordagem qualitativa, através de entrevistas, observação direta das atividades propostas aos participantes e anotações, apontando uma série de dificuldades no uso dos recursos de privacidade do Facebook por este público-alvo.

O programa de inclusão digital do Governo brasileiro: análise sob a perspectiva da interseção entre Ciência da Informação e interação humano-computador

Silva Neto, Calixto; Carvalho, José Oscar Fontanni de
Fonte: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia Publicador: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion;
Publicado em 14/05/2008
Relevância na Pesquisa
76.26%
Apresenta uma análise do Programa de Inclusão Digital do Governo Brasileiro sob uma perspectivaresultante da intersecção entre as áreas da Ciência da Informação e da Interação Humano-Computador.Desenvolve os principais conceitos dos itens em questão. Discute a Interação Humano-Computadorcomo componente do processo de disseminação e recuperação da informação por meio decomputadores e promove uma aproximação entre a Área e a Ciência da Informação. Pesquisa, pormeio de levantamento de dados e questionários aplicados em escolas de Ensino Fundamental, algunsdos resultados da aplicação do Programa de Inclusão Digital do Governo Brasileiro, visando subsidiara análise desenvolvida. Acesso ao texto completo (PDF)

Sistema de Informação para a Gestão do Cuidado na Rede de Atenção Domiciliar (SI GESCAD): subsídio à coordenação e à continuidade assistencial no SUS

Pires,Maria Raquel Gomes Maia; Gottems,Leila Bernarda Donato; Vasconcelos Filho,José Eurico; Silva,Kênia Lara; Gamarski,Ricardo
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
35.87%
Este artigo discute o desenvolvimento de uma versão inicial do Sistema de Informação para a Gestão do Cuidado na Rede de Atenção Domiciliar (SI GESCAD) que auxilia na clínica ampliada, na coordenação e na continuidade assistencial ao paciente em atenção domiciliar (AD), sua família e ao cuidador. Objetiva-se, ainda, refletir sobre a contribuição, os limites e as possibilidades do SI GESCAD na perspectiva da Rede de Atenção Domiciliar do SUS (RAS-AD). Pesquisa de produção tecnológica referenciada em protocolo de estudo multimétodo. Engenharia de software e Interação Humano-Computador-IHC com a adoção do design centrado no usuário, modelos evolucionários e interativos de processo de software (prototipagem e espiral). Finalizou-se um protótipo funcional do GESCAD que permite a gestão do cuidado ao paciente em AD nas dimensões do contexto sociofamiliar e do cuidador; da Atividade de Vida Diária (AVD); da clínica e do monitoramento de variáveis associadas ao tipo de AD2. O SI GESCAD permite a horizontalidade dos processos de trabalho das equipes de AD nos níveis de atenção da RAS-AD/SUS...