Página 1 dos resultados de 2 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Sarcopenia e dependência para relaização das atividades básicas da vida diária de idosos domiciliados no município de São Paulo - Saúde, Bem-estar e Envelhecimento (2000 e 2006); Sarcopenia and dependency to perform activities of daily living in elderly domiciled in the city of São Paulo: SABE Survey - Health, Well-being and Aging (2000 e 2006)

Gobbo, Luís Alberto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/03/2012 PT
Relevância na Pesquisa
17.17%
Introdução: A sarcopenia é caracterizada pela redução da força e massa muscular (MM), e acompanhada pelo declínio da capacidade funcional, em idosos, e sua associação com dependência para realização das atividades básicas da vida diária (ABVD) tem sido relatada na literatura internacional, entretanto, há escassez de informações sobre o tema no Brasil. Objetivo: Estimar a associação entre sarcopenia e dependência para a realização das ABVD, em idosos domiciliados no município de São Paulo, segundo sexo. Casuística e métodos: Foram analisados idosos ( 60 anos), de ambos os sexos, do Estudo SABE, longitudinal, epidemiológico e de base domiciliar, realizado no município de São Paulo, em 2000 e 2006, e que, em 2000, não apresentaram dependência. A variável sarcopenia foi definida por meio de três componentes: desempenho no teste de sentar e levantar de uma cadeira (SeL), categorizado em baixo (tempo percentil 75, segundo sexo), e normal (< percentil 75); pela força de preensão manual (FPM), categorizada em baixa (força percentil 25, segundo índice de massa corporal e sexo) e normal (> percentil 25); e massa muscular (MM), categorizada em baixa ( percentil 20, segundo sexo) e normal (> percentil 20)...

Estilo de vida e sua associação com a longevidade de idosos muito velhos de Aracaju, SE; Lifestyle and its association to longevity of very old elderly of Aracaju, SE

Lima, Wilma Resende
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/04/2014 PT
Relevância na Pesquisa
17.17%
A longevidade é um processo inevitável, irreversível e de extrema importância para a civilização. A população de idosos de 80 anos ou mais tem aumentado, demandando atenção e compromisso por parte dos profissionais de saúde. Conhecer o processo de envelhecimento envolve o estudo de vários fatores, dentre eles, o estilo de vida que pode estar relacionado a maior longevidade desses idosos muito velhos. Portanto, o objetivo geral deste estudo foi avaliar o estilo de vida e sua associação com a longevidade de idosos muito velhos do município de Aracaju-SE. Metodologia: estudo descritivo-exploratório, transversal, com abordagem quantitativa. O cenário de estudo foi o município de Aracaju, uma das capitais do nordeste que apresentou crescimento acelerado do número de idosos nos últimos 40 anos. Os critérios de inclusão para a população foram: idosos cadastrados nas Unidades de Saúde da Família, de ambos os sexos, com 80 anos ou mais, que deveriam atingir o mínimo de 19 pontos no Mini-Exame do Estado Mental (MEEM). Foram realizadas entrevistas estruturadas por meio de três formulários: um com dados do MEEM; outro com dados socioeconômico e demográfico, de saúde, de nutrição e de longevidade e o terceiro com dados do Perfil do Estilo de Vida Individual (PEVI)-Pentáculo do Bem-Estar. Para a análise dos dados...