Página 1 dos resultados de 7 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

"Estudo da influência do zircônio e gálio nas propriedades magnéticas e na microestrutura dos imãs permanentes à base de praseodímio" ; STUDY OF THE INFLUENCE OF ZIRCONIUM AND GALLIUM ON THE MAGNETIC PROPERTIES AND MICROSTRUCTURES OF PRASEODYMIUM-BASED PERMANENT MAGNETS

Fusco, Alexandre Giardini
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/08/2006 PT
Relevância na Pesquisa
26.55%
Nesse trabalho estudou-se a influência da adição de 0,5 % at. de zircônio (Zr) e gálio (Ga) nos ímãs permanentes à base de praseodímio (Pr) HD sinterizados obtidos por uma mistura de ligas. As ligas utilizadas foram: Pr12,6Fe68,3Co11,6B6Zr0,5Ga1, Pr16Fe75,5B8Zr0,5 e Pr13Fe80,5B6Zr0,5. A investigação foi realizada a partir das medidas das propriedades magnéticas e da microestrutura. Inicialmente, compararam-se as fases das ligas com as fases obtidas nos ímãs sinterizados. Posteriormente, os ímãs foram submetidos a um ciclo de tratamento térmico (de duas horas a 1000º C com resfriamento rápido até 10 horas, em seguida, de cinco horas nas mesmas condições, até 35 horas). Para o entendimento do papel de cada aditivo na fase magneticamente dura (fase Φ), foram analisadas as mudanças na microestrutura e relacionadas com as mudanças nas propriedades magnéticas. O Ga e Zr atuam como refinadores da fase Φ (matriz). O Ga atua no grão da fase Φ possibilitando a estabilidade da sua forma e melhorias das propriedades magnéticas. Para o ímã Pr14,3Fe71,9Co5,8B7Zr0,5Ga0,5 a evolução das propriedades magnéticas, após 15 h de tratamento térmico, foi: remanência de (1,25±0,02) T para (1,30±0,02) T...

Desenvolvimento de métodos de purificação do Gálio-67 e Gálio-68 para a marcação de biomolécula; Development of methods for the purification of 67Ga and 68Ga for biomolecules labeling

Costa, Renata Ferreira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/03/2012 PT
Relevância na Pesquisa
26.4%
Há mais de 50 anos os geradores de 68Ge/68Ga vêm sendo desenvolvidos, obtendo o 68Ga sem a necessidade da instalação de um cíclotron próximo à radiofarmácia ou ao centro hospitalar que tenha um PET/CT. O 68Ga é um emissor de pósitron com baixa emissão de fóton (β+, 89%, 1077 keV) e meia vida de 67,7 minutos, compatível com a farmacocinética de moléculas de baixo peso molecular, como peptídeos e fragmentos de anticorpos. Além disso, a química do Ga permite a ligação estável com agentes quelantes acoplados com peptídeos, como o DOTA. Todas estas características do 68Ga aliado a tecnologia PET/CT permitiram avanços em imagem molecular, como no diagnóstico de doenças de origem neuroendócrina. Entretanto, o eluato de 68Ga proveniente dos geradores de 68Ge/68Ga comerciais, ainda contém altos níveis de contaminantes, como o 68Ge e outros metais que competem quimicamente com o 68Ga, como o Fe3+ e Zn2+ e, como consequência, há redução do rendimento de marcação com biomoléculas. Quanto menor a quantidade de impurezas no eluato, a competição entre o peptídeo radiomarcado e peptídeo não marcado será menor e a qualidade de imagem será melhor, por isso existe a necessidade de diminuir a quantidade destes metais. Portanto...

Marcadores moleculares derivados da Bombesina para diagnóstico de tumores por SPECT e PET; Molecular markers derived from bombesin for tumor diagnosis by SPECT and PET

Pujatti, Priscilla Brunelli
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/06/2012 PT
Relevância na Pesquisa
26.13%
Uma grande variedade de moléculas já foi identificada por apresentar alta afinidade por receptores superexpressos em células tumorais, e a radiomarcação dessas moléculas oferece a possibilidade de novos compostos com aplicações diagnósticas e terapêuticas em medicina nuclear. Dentre essas moléculas, a bombesina (BBN) é uma das que despertam maior interesse, uma vez que um de seus receptores BB2 são superexpressos em células de tumores de próstata, mama, cólon, pâncreas e pulmão, além de glioblastomas e neuroblastomas. Derivados da bombesina, agonistas e antagonistas dos receptores BB2 já foram propostos para essa finalidade e apresentaram resultados promissores em estudos pré-clínicos. Entretanto, a maioria deles apresenta o incoveniente da alta captação em tecidos sadios, como pâncreas e intestino, o que pode prejudicar a eficiência diagnóstica e causar efeitos adversos na terapia. Nesse contexto, o objetivo deste trabalho foi estudar a marcação de uma nova série de derivados da bombesina com índio-111 (111In) e gálio-68 (68Ga), de modo a avaliar seu potencial para diagnóstico de tumores que superexpressam BB2 por tomografia computadorizada por emissão de fóton único (SPECT) ou por emissão de pósitrons (PET). Os peptídeos estudados apresentam estrutura genérica YGn-BBN(6-14)-Q...

Construção e avaliação de um termopar de ouro-platina no Inmetro

Petkovic, Slavolhub Garcia; Silva, Rodrigo da; Vieira, Hamilton Davidson; Quelhas, Klaus Natorf; Monteiro, Marcelo dos Santos; Santos, Paulo Roberto da Fonseca
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
POR
Relevância na Pesquisa
16.13%
6 p. : il.; O termopar tipo S já foi padrão de interpolação da Escala Prática Internacional de Temperatura de 1968 (EPIT-68) na faixa de 630°C a 1064°C. Na escala de temperatura em vigor, a EIT-90, o termômetro padrão de resistência de platina de alta temperatura (TPRPAT) é o padrão empregado para cobrir a faixa de 0°C a 962°C. Antes da adoção da EIT- 90, estudos foram realizados para avaliar a possibilidade de substituir o termopar tipo S, como padrão de interpolação da escala internacional de temperatura, por um termopar de metais nobres puros. Esse termopar seria o de ouro-platina (Au/Pt). Apesar de o termômetro de resistência de platina ter sido escolhido como padrão da EIT-90, o termopar de ouro-platina revelou-se como o termopar mais estável na faixa de 0°C a 1000°C. Em 1987, McLaren e Murdock publicaram um trabalho que estimava em 0,01°C a incerteza do termopar Au/Pt nessa faixa de temperatura. Desde então,muitos artigos foram escritos recomendando o termopar Au/Pt como um padrão alternativo ao termômetro de resistência de alta temperatura em função de custo e operacionalidade, embora o TPRPAT ainda possua uma melhor reprodutibilidade. No final dos anos 90, o Inmetro fez um projeto em parceria com a empresa Consistec para construção e calibração de termopares de metais nobres puros. O termopar de ouroplatina foi o primeiro a ser construído com um fio de ouro com 99...

Desenvolvimento da formulação de um kit liofilizado de dota-toc para marcação com gálio-68 para diagnóstico em tomografia por emissão de pósitrons

Nabinger, Patrícia Machado
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.71%
O Gálio-68 (68Ga), um radionuclídeo emissor de pósitrons extremamente promissor, apresenta grandes vantagens quando comparado a outros radionuclídeos para uso em Tomografia por Emissão de Pósitrons (PET), como o flúor-18 e carbono-11. Diferentemente destes radionuclídeos, que são produzidos em cíclotrons, o 68Ga é produzido em gerador a partir de um radionuclídeo de longa vida útil, o Germânio-68 (68Ge), o que permite sua distribuição mesmo em centros de Medicina Nuclear que se localizem muito distantes de cíclotrons. Apesar de a radiofarmácia com 68Ga ter se desenvolvido muito nos últimos anos em todo o mundo, o Brasil ainda tem somente quatro centros que possuem essa tecnologia disponível. Isto se deve especialmente à dificuldade de utilização, já que os peptídeos necessários para a marcação dos radiofármacos são importados. Dentre os radiofármacos que estão sendo mais utilizados no mundo, destacam-se os DOTA-peptídeos, análogos da somatostatina utilizados no diagnóstico de tumores de origem neuroendócrina. Diante do cenário atual, este trabalho teve por objetivo o desenvolvimento de um kit diagnóstico de DOTA-TOC para marcação com 68Ga, com altos rendimento de marcação e pureza radioquímica...

Avaliação clínica do tratamento da hiperestesia dentinária com laser de baixa potência de Arseniato de Gálio-Alumínio - AsGaAl; Clinical evaluation of dentin hypersensitivity treatment with the low intensity Gallium-Aluminum-Arsenide laser - AsGaAl

Gentile, Luciana Chucre; Greghi, Sebastião Luiz Aguiar
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2004 ENG
Relevância na Pesquisa
26.55%
A hiperestesia dentinária trata-se de uma condição dolorosa bastante prevalente nas populações mundiais. Várias são as modalidades de tratamento para tal condição, entre elas, os lasers de baixa potência. A proposta deste estudo foi a de verificar a efetividade do laser de diodo de Arseniato de Gálio-Alumínio no tratamento desta condição dolorosa, utilizando-se um placebo como controle. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram selecionados 32 pacientes, 22 do sexo feminino e 10 do sexo masculino, com idades entre 20-52 anos. Os 32 pacientes foram distribuídos de maneira aleatória em dois grupos, um tratado e outro controle, um total de 68 dentes compôs a amostra, sendo que 35 compuseram o grupo tratado, e 33 o grupo controle. O grupo tratado foi submetido a seis sessões sucessivas de irradiações em intervalos de 48 a 72 horas, o grupo controle recebeu como placebo aplicações de luz do fotopolimerizador. RESULTADOS: observou-se redução significativa na sensação dolorosa entre a fase inicial e após as seis sessões de tratamento com laser, porém tal redução, também pode ser observada para o grupo controle, submetido ao placebo. CONCLUSÃO: a terapia com laser de baixa potência de AsGaAl induz redução estatisticamente significante da sensação dolorosa...

Estudo da marcação com Indio-111 e Gálio-68 de derivados da bombesina e avaliação das propriedades biológicas para aplicação em SPECT e PET; Study of labelling of bombesin derivatives with 111-indium and 68-galium and evaluation of biological properties for application in SPECT and PET

Oliveira, Ricardo de Souza
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.88%
Receptores para o peptídeo liberador de gastrina (GRPr) são super expressos em vários tipos de células cancerígenas, incluindo câncer de mama e próstata. A Bombesina é um análogo do peptídeo GRP de mamíferos que se liga com alta especificidade e afinidade aos receptores do peptídeo liberador de gastrina (GRPr). Significantes pesquisas têm sido realizadas para desenvolver e radiomarcar um análogo da bombesina para diagnóstico de tumores de próstata e mama, utilizando-se técnicas de SPECT e PET, com radionuclídeos como 111In e 68Ga. O objetivo deste trabalho foi estudar a marcação com 111In de uma série inédita de peptídeos derivados de bombesina e determinar o potencial de aplicação no diagnóstico de tumores de próstata em modelos animais. Vários estudos foram realizados para padronizar o procedimento de marcação, variando-se temperatura, tempo de marcação, massa do peptídeo e atividade do radionuclídeo. Os resultados demonstraram que os análogos da bombesina estudados podem ser marcados com índio-111 com alto rendimento de marcação e alta atividade específica. Os estudos de biodistribuição em animais normais demonstraram que o derivado de BBN com espaçador aminoacídico Gly5 apresentou captação pancreática e intestinal expressiva...