Página 2 dos resultados de 5559 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Avanços na fruticultura tropical no Brasil

Meletti, Laura Maria Molina; Sampaio, Aloísio Costa; Ruggiero, Carlos
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 73-75
POR
Relevância na Pesquisa
36.63%
Os principais aspectos que marcaram a evolução técnica das culturas do abacaxizeiro, mamoeiro e maracujazeiro no Brasil foram discutidos. em abacaxizeiro, tem-se constatado uma inovação no sistema de comercialização da cv. Smooth Cayenne, que consiste no uso de caixas de papelão ondulado para o mercado interno, cujo objetivo é propiciar uma garantia de sabor inserida em uma marca. O recente lançamento de cultivares resistentes à fusariose, pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) (Imperial e Vitória) e IAC (Fantástico), traz novas perspectivas de produtividade. em maracujazeiro, a maior contribuição aos pomares foi dada pelo melhoramento genético, inicialmente voltado apenas para ampliação da produtividade da cultura. No início dos anos 2000, o lançamento das primeiras cultivares de maracujá - mais produtivas e com qualidade de fruta diferenciada para os dois segmentos de mercado (frutas frescas e agroindústria), transformou o cenário produtivo brasileiro. Com a criação de um sistema organizado de produção e comercialização de sementes e mudas selecionadas, ampliou-se significativamente a qualidade dos pomares. Atualmente, a disponibilidade de novas cultivares tolerantes à virose (VEFM) e cultivares regionais passou a representar um diferencial para a cultura. em mamoeiro...

Distribuição geográfica e diversidade varietal de frutíferas e nozes de clima temperado no Estado de São Paulo

Barbosa,Wilson; Pommer,Celso Valdevino; Ribeiro,Mariângela Drugovick; Veiga,Renato Ferraz de Arruda; Costa,Antonio Alberto
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2003 PT
Relevância na Pesquisa
36.63%
Pesquisaram-se, de 1998 a 2002, os locais e as áreas de cultivo, o número de plantas e as principais espécies e cultivares comerciais de frutíferas e nozes de clima temperado do Estado de São Paulo. Para tanto, analisaram-se os dados do Projeto LUPA (Levantamento Censitário de Unidades de Produção Agrícola do Estado de São Paulo) e de consultas aos fruticultores de diversas regiões paulistas. Verificou-se a existência de 6 famílias botânicas, 11 gêneros e 12 principais espécies de frutíferas e uma de noz de clima temperado. São elas, em ordem decrescente do número de plantas: videira rústica, videira fina, pessegueiro (incluindo nectarineira), figueira, caquizeiro, nogueira-macadâmia, macieira, ameixeira, pereira européia, pereira asiática, nespereira, quivizeiro e marmeleiro, sendo as duas primeiras responsáveis por 51% de toda a área ocupada com as referidas culturas de clima temperado. Constatou-se que esse segmento da fruticultura está sendo praticado em 9.510 propriedades de 65% dos municípios paulistas, englobando todas as 40 regionais agrícolas da CATI (Coordenadoria de Assistência Técnica e Integral), existentes no Estado. A videira e a pereira foram as únicas culturas que apresentaram mais de uma espécie botânica sendo cultivada comercialmente. Foram detectadas 53 principais cultivares...

Limitações nutricionais para o cultivo de açaizeiro em latossolo amarelo textura média, Estado do Pará

Viégas,Ismael de Jesus Matos; Frazão,Dilson Augusto Capucho; Thomaz,Maria Alice Alves; Conceição,Heráclito Eugênio Oliveira da; Pinheiro,Eurico
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2004 PT
Relevância na Pesquisa
36.63%
A região amazônica apresenta condições edafoclimáticas favoráveis ao desenvolvimento de sistemas de cultivos utilizando fruteiras tropicais. O açaizeiro (Euterpe oleracea, Mart.) desponta como uma das espécies de grande importância econômica para a fruticultura regional. A produção de fruteiras ainda é limitada pela carência de conhecimentos sobre diversos segmentos dos sistemas de produção, especialmente com relação a estudos sobre nutrição mineral de plantas. Dessa forma, em amostras superficiais de até 30 cm de profundidade de Latossolo Amarelo textura média do Município de Belém, Estado do Pará, conduziu-se experimento, em casa de vegetação, com plantas de açaizeiro, com o objetivo de identificar os nutrientes limitantes ao seu desenvolvimento, mediante a técnica do elemento faltante. O delineamento experimental foi inteiramente ao acaso, com quatro repetições e 14 tratamentos: completo (calagem, macro e micronutrientes), NPK; omissão de N; de P; de K; de Ca; de Mg; de S; de B; de Cu; de Fe; de Mn; de Mo e de Zn. Os resultados obtidos neste trabalho permitiram concluir que os macronutrientes mais limitantes para o crescimento de açaizeiros, em Latossolo Amarelo textura média, foram o fósforo, o nitrogênio...

Germoplasma de fruteiras

Ferreira,Francisco Ricardo
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.63%
A fruticultura é um segmento muito importante do agronegócio, contribuindo com cifras significativas para produção tanto internacional como nacional. O Brasil é um dos principais países produtores de frutas do mundo. Essa posição de destaque deve-se a vários fatores, como a alta diversidade de clima e de espécies frutíferas que nosso País ostenta, o voraz mercado interno, dentre outros, mas principalmente pelos programas de melhoramento bem-sucedidos, que têm como matéria-prima a variabilidade genética existente nos bancos de germoplasma. A Embrapa conta com uma rede de bancos de germoplasma de fruteiras distribuídos em todas as regiões do País, rede essa complementada pelas empresas e institutos estaduais de pesquisa agrícola e por algumas universidades federais e estaduais. Para as principais espécies frutíferas, especialmente aquelas de clima tropical e subtropical, o Brasil detém os maiores e melhores bancos de germoplasma do mundo, tais como: abacaxi, banana, citros, maracujá, videira, dentre muitos outros. Esses bancos de germoplasma são dinâmicos e estão constantemente em processos de enriquecimento, caracterização e avaliação, e principalmente utilização nos programas de melhoramento de cada espécie.

Mudanças climáticas e a fruticultura

Blain,Gabriel Constantino
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.63%
O objetivo do estudo é descrever evidências estatísticas de mudanças climáticas que podem impactar as atividades agrícolas, em especial a fruticultura. Embora tenham sido utilizados diversos estudos realizados em distintas partes do globo, foi dada especial atenção aos conduzidos sob as condições climáticas do Estado de São Paulo, Brasil. Nas séries de temperaturas mínimas atmosféricas, são encontradas significativas tendências de aquecimento. Contudo, nenhuma elevação consistente pode ser verificada nos valores de temperatura máxima do ar. As análises estatísticas também não têm sido capazes de indicar uma coerência espacial na variabilidade temporal associada à precipitação pluvial. Entretanto, alguns resultados estatísticos, obtidos para o Estado de São Paulo, parecem indicar um recorrente atraso na retomada da estação chuvosa.

Diversificação produtiva e as possibilidades de desenvolvimento: um estudo da fruticultura na região da Campanha no RS

Rathmann,Régis; Hoff,Debora Nayar; Santos,Omar Inácio Benedetti; Padula,Antônio Domingos
Fonte: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural Publicador: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.76%
Estudos apontam para a existência na metade sul do Rio Grande do Sul de uma situação de subdesenvolvimento, diretamente correlacionado com a crise da pecuária e da orizicultura. Estes sofrem com as políticas macroeconômicas ligadas à abertura da economia e com as pressões por ampliação da competitividade. Este processo faz com que a região venha apresentando desempenhos inferiores à média estadual quando analisados indicadores como PIB e renda per capita. Visando a diminuição destas desigualdades, setores governamentais vêm elaborando estratégias de desenvolvimento via aproveitamento tanto da vocação regional agrícola, quanto da inserção de cadeias diferenciadas no agronegócio local, sendo uma destas experiências a do Programa de Desenvolvimento da Fruticultura Irrigada na Metade Sul/RS. Neste contexto, este artigo tem como objetivo apresentar os resultados observados no PIB e no IDH de dois municípios localizados na Região da Campanha do RS, além de apresentar os efeitos observados sobre a qualidade de vida dos produtores após a implantação da fruticultura em suas propriedades. Com base nos dados coletados e na metodologia escolhida pode-se dizer que a diversificação produtiva das propriedades rurais contribui para melhorar a qualidade de vida dos produtores...

Índice de inovação: hierarquização dos produtores do arranjo produtivo local de fruticultura irrigada, estado do Ceará

Campos,Kilmer Coelho; Carvalho,Fátima Marília Andrade de
Fonte: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural Publicador: Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.76%
Enquadrou-se a proposta de identificar e analisar grupos homogêneos de produtores com diferentes níveis produtivos e inovativos, possibilitando seu melhor desenvolvimento no arranjo produtivo local de fruticultura irrigada localizado nos municípios de Limoeiro do Norte e Russas, no estado do Ceará. Utilizou-se a técnica de análise fatorial para a definição dos fatores e a análise de agrupamentos para a formação dos grupos homogêneos. Constatou-se que o desenvolvimento do arranjo produtivo local de fruticultura irrigada da microrregião do Baixo Jaguaribe no estado do Ceará é sustentado por um grupo de produtores mais integrados e intensivos nos processos de produção, inovação, cooperação e aprendizado interativo e pelas relações desenvolvidas em termos locais.

Utilização de técnicas estatísticas em duas revistas de fruticultura

Cantuarias-Avilés,Tatiana; Dias,Carlos Tadeu dos Santos
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.76%
Neste trabalho são descritas as técnicas de análise estatística utilizadas e a acessibilidade estatística em uma amostra dos artigos originais publicados no período 1996-2006 em duas revistas de pesquisa na área de fruticultura: a Revista Brasileira de Fruticultura (RBF) e a revista francesa Fruits. No total foram classificados 986 artigos em 16 categorias de análise estatística, ordenadas em grau ascendente de complexidade. No período analisado, foi constatado um aumento no uso de análises mais sofisticadas ao longo do tempo em ambos as revistas. Os trabalhos publicados pela RBF aplicaram com maior freqüência técnicas estatísticas mais complexas, com maior utilização de delineamentos em blocos aleatorizados, arranjos fatoriais, parcelas subdivididas e modelos hierárquicos, e do teste de Tukey para comparações múltiplas de médias. Nos trabalhos publicados pela revista Fruits, predominou o uso de outros testes paramétricos e do teste de Duncan. O pacote estatístico SAS foi o mais utilizado nos artigos publicados em ambas as revistas. Os leitores da revista RBF precisaram de um nível de conhecimento estatístico mais elevado para ter acesso à maior parte dos artigos publicados no período, em comparação com os leitores da revista francesa.

Balanço da 4a Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura.

BORGES, A. L.
Fonte: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 4., 2010, Cruz das Almas. [Anais...]. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2010. (Embrapa Mandioca e Fruticultural. Documentos, 190). 1. CD-ROM. Publicador: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 4., 2010, Cruz das Almas. [Anais...]. Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2010. (Embrapa Mandioca e Fruticultural. Documentos, 190). 1. CD-ROM.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.76%
No período de 15 a 17 de setembro de 2010, em parceria com a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), como parte da Reunião Regional da SBPC, foi realizada a 4a Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura. Foram apresentados 91 trabalhos na forma de pôsteres, com a participação de 36 pesquisadores orientadores. Dos 91 trabalhos apresentados, 77 estavam diretamente relacionados a culturas (sendo um trabalho abordando duas culturas), situação natural para uma Unidade de Produto. A banana foi a cultura com maior número de trabalhos relacionados, 23, correspondendo a 30 % dos trabalhos apresentados por culturas (Figura 1). Destaques para as culturas de abacaxi e maracujá que, em relação à 3a Jornada Científica em 2009, tiveram um aumento de 50 % e 67 %, respectivamente, no número de trabalhos apresentados.; 2010

Produtividade de novos híbridos de maracujazeiro amarelo desenvolvidos pela Embrapa Mandioca e Fruticultura.

SANTOS, L. R. dos; OLIVEIRA, E. J. de; FREITAS, J. P. X. de; CRUZ NETO, A. J. da; NEVES, C. G.; DIAS, NAIRA PIRES
Fonte: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 5., 2011, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2011. Publicador: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 5., 2011, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2011.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.; 1 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.76%
A produtividade média nacional de maracujazeiro está em torno de 14,1 t ha-1, que é considerada baixa devido ao uso de cultivares e tecnologias de produção inadequadas. O uso de cultivares melhoradas a exemplo de híbridos pode ser uma solução, pois em geral, tendem a apresentar maior produtividade resultante do efeito heterótico. Nesse sentido o objetivo do trabalho foi avaliar a produtividade de novos híbridos de maracujazeiro amarelo desenvolvidos pela Embrapa Mandioca e Fruticultura, em ensaios de competição agronômica.; 2011; PDF. 082-11.

Procedimentos básicos do Laboratório de Fitopatologia da Embrapa Mandioca e Fruticultura.

LUZ, E. M.; CAROLLO, E. M.; OLIVEIRA, A. A. R.; SANTOS FILHO, H. P.; BARBOSA, C. de J.; SANTOS, J. F.
Fonte: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 5., 2011, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2011. Publicador: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 5., 2011, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, 2011.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-EOM.; 1 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.76%
O laboratório de fitopatologia da Embrapa Mandioca e Fruticultura dispõe de uma infraestrutura que possibilita execução e desenvolvimento de pesquisas e prestação de serviços aos produtores rurais. Apresenta grande potencial para realizar atividades rotineiras de diagnose direta de doenças, isolamento e identificação de microrganismos fitopatogênicos, preservação e manutenção de coleções de culturas de fungos.; 2011

Transferência de mudas de variedades de banana lançadas pela Embrapa Mandioca e Fruticultura.

SANTOS, J. F. S. dos; SILVA, L. C.; LUCENA, C. C. de; CARDOSO, C. E. L.
Fonte: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 6., 2012, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012. Publicador: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 6., 2012, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.76%
Na fruticultura, e em especial na bananicultura, a muda deve ter identidade genética comprovada e resistência às principais doenças da cultura. Entretanto, muitos agricultores por uma série de fatores (poder econômico, desinformação, resistência, escassez de mudas, dentre outros) acabam utilizando mudas de baixa qualidade genética e fitossanitária oriundas de seu próprio bananal e ou de pomares vizinhos, aumentando o risco de ocorrência de doenças no bananal a ser implantado.; 2012

Balanço da 6a Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura.

BORGES, A. L.
Fonte: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 6., 2012, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012. Publicador: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA, 6., 2012, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2012.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.76%
No período de 29 a 31 de agosto de 2012, no auditório I da Embrapa Mandioca e Fruticultura foi realizada a 6a Jornada Científica da Unidade. O evento contou com a apresentação de 103 trabalhos, correspondendo a 91% do total de 113 que foi submetido ao Comitê Local de Publicações (CLP). Daqueles trabalhos, 49 foram apresentados oralmente e 54 na forma de pôsteres (Figura 1), tendo a participação de 43 pesquisadores orientadores.; 2012

Balanço da 7ª Jornada Científica da Embrapa Mandioca e Fruticultura.

BORGES, A. L.
Fonte: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA TROPICAL, 7., 2013, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013. Publicação online. Publicador: In: JORNADA CIENTÍFICA EMBRAPA MANDIOCA E FRUTICULTURA TROPICAL, 7., 2013, Cruz das Almas. Anais... Cruz das Almas: Embrapa Mandioca e Fruticultura, 2013. Publicação online.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.76%
No período de 14 a 16 de agosto de 2013 no auditório I da Embrapa Mandioca e Fruticultura foi realizada a 7a Jornada Científica da Unidade. O evento contou com a apresentação de 89 trabalhos, correspondendo a 90% do total de 99 que foi submetido ao Comitê Local de Publicações (CLP). Daqueles trabalhos, 56 foram apresentados oralmente e 33 na forma de pôsteres (Figura 1), tendo a participação de 44 pesquisadores orientadores e um analista orientador.; 2013

A importância da técnica do inseto estéril (TIE) para a fruticultura nordestina.

PARANHOS, B. J.; ALVES, R. M. de A.; BARBOSA, F. R.; HAJI, N. P.; NASCIMENTO, A. S.; VIANA, R.; CORSATO, C. A.; SAMPAIO, R.; MALAVASI, A.; WALDER, J. M. M.
Fonte: In: CARVALHO, J. M. M. de (Org.). Apoio do BNB à pesquisa e desenvolvimento da fruticultura regional. Fortaleza: Banco do Nordeste do Brasil, 2009. Publicador: In: CARVALHO, J. M. M. de (Org.). Apoio do BNB à pesquisa e desenvolvimento da fruticultura regional. Fortaleza: Banco do Nordeste do Brasil, 2009.
Tipo: Capítulo em livro técnico-científico (ALICE) Formato: cap. 2, p. 29-51.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.76%
2009

Ciclos econômicos recentes e perspectivas para a região do submédio Vale do São Francisco com ênfase na fruticultura irrigada

Sabino Santiago Galvão, Alberto; de Farias Costa, Écio (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.76%
Este trabalho propôs apresentar os ciclos econômicos recentes predominantes na região do Submédio Vale do São Francisco, com ênfase na fruticultura irrigada. Como marco legal para efeito de investigação, foi considerado a criação da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (SUDENE), no final dos anos de 1950. O estudo também investiga o momento atual, onde se observa o predomínio de uma exploração frutícola tecnificada, em grande parte com culturas permanentes e voltadas, em parcela considerável para o mercado exportador. Aborda algumas projeções para o futuro, fundamentadas em alternativas econômicas já incipientes na região, iniciando com uma revisão bibliográfica com foco na fruticultura mundial e brasileira, mostrando, principalmente, a fraca participação do Brasil nas exportações mundiais de frutas frescas, mesmo estando posicionado como o terceiro maior produtor mundial de frutas. Em seguida, apresenta a ascensão e decadência de duas culturas de ciclo produtivo curto, predominantes entre os anos de 1970 e 1990, o tomate e o melão. Discorre sobre o agronegócio da uva e da manga no Brasil e na Região alvo, apresentando seu crescimento, suas dificuldades atuais e prováveis perspectivas, e...

O processo de compressão expansão do tempo espaço no pólo xérico de fruticultura irrigada Petrolina Juazeiro

de Lacerda Barros, Maêlda; José de Sá, Alcindo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.76%
Este trabalho tem como objetivo analisar o processo de compressão-expansão do tempo-espaço no pólo xérico de fruticultura irrigada Petrolina-Juazeiro. A compressão do tempo-espaço é um conceito correspondente aos processos que vêm modificando consideravelmente as qualidades objetivas do espaço e do tempo e se configura, na atualidade, como um fenômeno de grande importância para a análise geográfica. No entanto, faz-se necessário, antes de tudo, estabelecer quais preocupações teóricas compreendem o conceito definido como compressão do tempo-espaço e estabelecer, também, sob o ponto de vista desse conceito, quais contradições são engendradas por essa nova dinâmica de reprodução da dimensão espacial; dinâmica essa que pode ser interpretada através da consideração do princípio materialista dialético de que o espaço é o objetivo do incessante desenvolvimento do capitalismo. Sendo assim, é necessário apreender quais fatores derivam atualmente dessa condição e compõem o quadro conceitual definido como compressão do tempo-espaço e precisar qual é a base que estrutura a existência desse conceito. Dessa forma, se entendermos que o espaço geográfico se define para além das coordenadas - porque se configura como um produto de relações - a questão realmente séria é que o espaço é mais do que distância...

El principal destino agr??cola de los inmigrantes extranjeros en Catalu??a: la fruticultura leridana

D??az Diego, Jos??; M??rquez Dom??nguez, Juan Antonio; Jurado Almonte, Jos?? Manuel; Gordo M??rquez, Mercedes
Fonte: Universidad de Granada Publicador: Universidad de Granada
Tipo: Parte de Livro
SPA
Relevância na Pesquisa
36.76%
La agricultura de la provincia de L??rida (Espa??a) comenz?? a especializarse en la fruticultura con vocaci??n de mercado a finales de la d??cada de 1950 del siglo XX. Ten??a como base una cultura campesina centenaria conocedora del manejo de los frutales, especialmente localizada en la conocida como ???Horta de Lleida???. El n??cleo primigenio de la posterior fruticultura de vanguardia ser??a el conformado por los municipios de L??rida, Sudanell, Torres de Segre y Balaguer. Actualmente, los frutales tienen un papel fundamental en las agriculturas de las comarcas del Segri??, el Pla de Urgell, la Noguera, el Urgell y las Garrigues. La producci??n anual de manzanas, peras, melocotones y nectarinas sit??an a la provincia de L??rida en el primer puesto a nivel de Espa??a. No obstante, una serie de amenazas, como la falta de relevo generacional de los productores, puede poner en peligro esta primac??a en las pr??ximas d??cadas. Como consecuencia de este dinamismo agr??cola L??rida es uno de los principales soportes territoriales espa??oles en contrataci??n de mano de obra temporera para recoger las cosechas. Esta fuerza de trabajo no siempre est?? disponible en el mercado nacional interno, de ah?? que con frecuencia se recurra a jornaleros extranjeros contratados en sus pa??ses de origen.; The agriculture of the province of Lerida (Spain) began to specialize in the fruit-growing with vocation of market at the end of the decade of 1950 of the 20th century. It took as a base a rural centenary knowledgeable culture of the managing of the fruit trees...

INCENTIVOS À PRODUÇÃO DE FRUTAS E AS MUDANÇAS NA AGRICULTURA DA REGIÃO NORTE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

BAHIENSE,DOUGLAS VIANNA; SOUZA,PAULO MARCELO DE; PONCIANO,NIRALDO JOSÉ
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.76%
A economia agrícola da região Norte Fluminense é, historicamente, dependente da atividade sucroalcooleira. Na tentativa de reduzir tal dependência, vêm sendo adotados incentivos ao desenvolvimento da fruticultura na região, particularmente através do “Programa Frutificar”. O presente trabalho visa a avaliar os impactos desse programa, sob a óticade sua contribuição para elevar a produção de frutas e diversificar a agricultura regional. A análise foi efetuada mediante o emprego do modelo , shift-sharede taxas geométricas de crescimento, e do Índice de Diversificação. De mão dessas análises, pode-se concluir que foi constatada a redução da área agrícola da região, particularmente associada à queda nas áreas cultivadas com cana-deaçúcar, arroz, milho e feijão. Por outro lado, no período sob estímulo do “Programa Frutificar”, verificouse aumento do cultivo das fruteiras: abacaxi, banana e coco-da-baía. Esta constatação é um indicativo da contribuição da fruticultura como fator de diversificação da economia agrícola regional. Cabe ressaltar que a economia da região Norte Fluminense é ainda fortemente dependente do setor sucroalcooleiro.

La Sociedad Nacional de Agricultura (SNA) y el desarrollo de la fruticultura en Chile, 1838-1933

Lacoste,Pablo; Aranda,Marcela; Yuri,José Antonio; Castro,Amalia; Garrido,Aldo; Rendón Bibiana,Bibiana
Fonte: Mundo agrario Publicador: Mundo agrario
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 ES
Relevância na Pesquisa
36.76%
A partir de su fundación, la Sociedad Nacional de Agricultura (1838) comenzó a publicar revistas sobre temas agrarios. Generó así un singular corpus documental, dentro del cual el presente trabajo examina los textos dedicados a fruticultura. Se detectaron cerca de 300 artículos sobre el tema, referidos, principalmente, a la forma de cultivar las plantas, enfermedades y plagas, conservación de frutas y exportación. Se detectan relaciones con publicaciones agrarias extranjeras, sobre todo de EE.UU. y Argentina. La influencia de la SNA contribuyó a cambiar el paisaje de la fruticultura en Chile, según se reflejó en el censo agrícola de 1936