Página 1 dos resultados de 150 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Índices de preço para o transporte de cargas: o caso da soja a granel. ; Price indexes for cargo transport: the bulk soybean case.

Gameiro, Augusto Hauber
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/07/2003 PT
Relevância na Pesquisa
27.14%
Esta pesquisa foi motivada pela necessidade de desenvolvimento de uma metodologia para elaboração de índices de preços para os fretes de cargas agroindustriais no Brasil. O estudo das principais fórmulas utilizadas na elaboração dos índices culminou com a apresentação de um ranking segundo sua superioridade no atendimento às aproximações. Concluiu-se que os índices de Fisher e Walsh são aqueles capazes de atender ao maior número de preceitos lógicos, estatísticos e econômicos. Em seguida surgem os índices geométricos de Vartia, Törnqvist e Theil. Os índices de Laspeyres e Paasche, apesar de apresentarem algumas sérias limitações, acabam sendo amplamente utilizados na prática devido à fácil operacionalização. A pesquisa sobre os índices existentes para o transporte ratifica a idéia de que o Índice de Laspeyres é o mais utilizado. Essa análise ainda mostrou que os índices geralmente são elaborados com rotas bem definidas, para modais e tipo de carga bem definidos. A presente pesquisa apresentou um estudo de caso objetivando avaliar as variações nos procedimentos possíveis para a elaboração dos índices. A utilização de um estudo específico é justificada pela necessidade de se avaliar empiricamente os resultados obtidos a partir de índices distintos. Nesse sentido...

Sistema agroindustrial do leite: custos de transferência e preços locais.; Dairy value chain: transfer cost and local prices.

Sbrissia, Gustavo Fischer
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/04/2005 PT
Relevância na Pesquisa
17.97%
O presente trabalho estudou os sistemas de pagamento de leite no Brasil, nos seis principais estados produtores. Analisou e discutiu a diferenciação de preços do leite em decorrência do pagamento de bonificações por volume de 1666 produtores dentro de 62 diferentes linhas de coleta de 5 cooperativas. Cerca de 34% das cooperativas amostradas no Brasil pagam por volume e cerca de 55% das cooperativas utilizam os critérios de volume e qualidade na remuneração dos produtores. Para o pagamento do frete, 58% das cooperativas cobram o frete somente pelo volume entregue, enquanto 23% utilizam os critérios distância e volume no cálculo do frete e 19% das cooperativas cobram o frete dos produtores pela distância percorrida. Na segunda etapa foram selecionadas cinco cooperativas que utilizavam somente o critério volume no pagamento do leite. O volume total captado no mês pela amostra foi de 4.300.810 litros, em 62 linhas de coleta das cinco cooperativas. A média foi de 106 litros/dia por produtor, com um mínimo de 0,6 litros até um valor máximo de 3983 litros/dia para o maior produtor. O trabalho também analisou o frete pago por litro. A média da amostra foi de R$ 0,029/litro, com um pagamento variando desde nenhuma cobrança de frete até R$ 0...

Avaliação econômico-financeira das concessionárias de ferrovia no Brasil: uma análise de precificação de frete; Economical and financial evaluation of Brazilian railway concessionaires: an analysis of the freight pricing

Benini, Rafael Antonio Cren
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.76%
O objetivo deste trabalho foi verificar se as diferentes variações na receita por TKU de cada concessionária de ferrovias resultaram em uma recomposição da margem de lucro ou em uma oportunidade para as concessionárias obterem uma taxa de lucro acima daquela estipulada no momento de concessão, assim como estimar quanto o preço de frete variaria caso as concessionárias obtivessem uma taxa de retorno sobre o capital investido igual ao previsto pelo Governo Federal no edital de desestatização e quanto o preço de frete variaria caso não fosse cobrada a outorga. Para isso, foram criadas quatro hipóteses: o modelo de concessão permite uma grande concentração de mercado na indústria de transporte ferroviário; o modelo de regulação brasileiro, embora conseguisse melhorar a produtividade e aumentar os investimentos, não obteve o mesmo êxito em relação ao preço de frete; as concessionárias brasileiras têm uma margem de lucro maior que a esperada na desestatização; o modelo de regulação conseguiu fazer melhorar o índice de acidentes e a produção mas não conseguiu fazer com que as concessionárias investissem o necessário para atingirem as metas estabelecidas. Para aferir estas hipóteses: foi feita uma revisão de literatura sobre o processo de privatização no Brasil e dos modelos de regulação em outros países; foi calculado o índice de concentração na indústria de transporte ferroviário; foi feito um benchmarking entre as concessionárias de transporte ferroviário no Brasil...

Panorama do transporte rodoviário de madeira bruta e em toras na região do Arco de Desflorestamento na Amazônia; Overview of road transport of wood raw and logs in the Arc of Deforestation in Amazonia

Lima, Mariana Peres de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/10/2014 PT
Relevância na Pesquisa
17.44%
A madeira é uma commoditie de extrema importância no Brasil e possui grande diversidade de utilização sendo matéria-prima para obtenção de energia, na forma de carvão e biomassa, produção de celulose e papel, construção civil, indústria farmacêutica etc. O modal rodoviário é a principal forma de transporte de carga florestal no Brasil, como também na região deste estudo denominada como "Arco de Desflorestamento". O objetivo deste trabalho foi elaborar um panorama do transporte rodoviário de madeira bruta e em toras, possibilitando o entendimento e a melhor compreensão da atividade de forma a subsidiar discussões a cerca da legislação e políticas públicas visando sua adequação à realidade da região em questão. O trabalho se estruturou em torno de um capítulo introdutório sobre o panorama atual, seis capítulos com estudos científicos e um capítulo contendo uma revisão bibliográfica geral de contextualização do cenário proposto. Os resultados destacaram a detecção de agentes internos: condutor, empresa, terceiros e externos: instituições fiscalizatórias, sociedade civil, e o mercado de madeira são componentes que interferem direta ou indiretamente na atividade. Críticas no processo de formação de preço do frete foram constatadas e novas metodologias para esta formação foram elaboradas. Novas equações para a determinação do frete foram propostas inserindo as variáveis quantitativas: volume de madeira (m³)...

Modelo de Previsão de Preços de Frente Marítimo

Penedo, Theo
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.44%
O frete marítimo tem sido um componente cada vez mais relevante na economia mundial, provocando alterações no comércio internacional, principalmente no transporte de longa distância. O presente estudo tem como objetivo analisar o comportamento do mercado de frete de cargas a granel de grandes navios através de um modelo de previsão de preços para o período 2008-2012. Os resultados sugerem uma forte redução dos preços nos próximos anos, influenciada pelo vigoroso crescimento na produção de novos navios na China.

A decisão de compra de frete rodoviário internacional : o caso da carga seca, modalidade fechada, porta a porta

Alano, Fernando
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
27.44%
O comércio bilateral do Brasil com Argentina, Chile e Uruguai implica a aquisição de mais de 200 mil serviços de frete rodoviário por parte das empresas exportadoras e importadoras, representando um mercado potencial de US$ 320 milhões/ano disputados por quase 500 pequenas, médias e grandes empresas transportadoras. A empresa líder não tem mais que 7% deste mercado, mostrando um setor bastante fragmentado e com baixas barreiras de entrada. Isto torna a seleção de transporte crítica para o comprador industrial como forma de obter altos níveis de serviço, economias de custo e eficiência em toda a cadeia de suprimento. Este estudo exploratório busca entender como se dá o processo de decisão de compra de frete rodoviário internacional nas organizações. Para tanto, dados primários foram obtidos através de 28 entrevistas de profundidade, qualitativas, realizadas face a face no Brasil e na Argentina, com os executivos que contratam individual ou coletivamente este tipo de serviço para cargas gerais, na modalidade fechada, porta a porta. O estudo constatou que ainda é muito baixa a utilização de processos estruturados para a compra deste serviço, e apresenta os principais critérios de seleção e fontes de informação utilizadas pelos compradores organizacionais para selecionar os seus fornecedores.

Estudo sobre o modelo de frete utilizado pela Burckmak®: loja de móveis para escritório

Ouriques, Ederson Martins
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
27.14%
Este trabalho foi desenvolvido com o intuito de servir como uma interessante referência de pesquisa adicional àqueles que tem interesse na área de logística, mais especificamente no transporte de mercadorias, buscando definir a melhor opção que atenda tanto as necessidades dos clientes mais exigentes quanto à satisfação dos empresários relativa aos custos e à qualidade de serviços. Os dados contribuintes para este estudo foram adquiridos por entrevista direta com um diretor da Burckmak ® e com um dos freteiros que esta empresa indica para seus clientes transportarem as mercadorias lá adquiridas. Este não é um estudo de caso, é uma inspiradora validação dos conhecimentos empíricos sob análise quantitativa e qualitativa referenciada na base científica e bibliográfica da Administração. Oportunamente este trabalho valeu-se de estudos sobre a terceirização com a apreciação da teoria de custos desenvolvida por Bowersox, Cooper e Closs (2006) em consonância com a importância e a qualidade dos serviços ao cliente esclarecida por Ballou (2006). Completa o trabalho a definição da melhor escolha acerca da terceirização do sistema de frete para empresas que se identificarem com a empresa modelo definida neste trabalho...

Modelagem estatística do frete da madeira no Uruguai

Simões, Danilo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xiii, 68 f. : il. color., gráfs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
28.02%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA; A dificuldade para estimar o frete da madeira é decorrente da grande quantidade de fatores que abrangem a operação de transporte. A magnitude dos valores econômicos envolvidos impõe a necessidade de empregar procedimentos que expressem as condições reais da operação e, que possibilitem identificar as principais covariáveis explicativas do frete. Assim sendo, pelo fato do frete apresentar uma distribuição assimétrica faz-se necessário utilizar um teste estatístico paramétrico. Neste estudo testou-se a hipótese de que o frete da madeira poderia ser estimado por meio do conceito de Modelo Linear Generalizado. Para isso f oi utilizada a distribuição de probabilidade gama por ser mais robusta à variabilidade e possibilitar a incorporação da assimetria. Os objetivos deste estudo foram propor a estimativa do custo operacional das Combinações de Veículos de Carga por meio do método contábil e aprimorar o processo d e decisão do frete da madeira com a utilização de metodologia estatística, utilizando covariáveis explicativas. Confirmando a hipótese desse estudo, o Modelo Linear Generalizado...

Logística e transporte na hidrovia Tietê-Paraná: custos e análise ambiental

Bravin, Luís Fernando Nicolosi
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: iii, 92 f. : il. color., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
17.44%
Pós-graduação em Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA; O objetivo do trabalho é avaliar o estágio em que se encontra a logística no agronegócio brasileiro.Tem como foco a hidrovia Tietê-Paraná, suas características técnicas, as transformações recentes com a evolução à logística integrada e as vantagens competitivas obtidas na operação desse modal integrado com outro meio de transporte para a redução do custo final de frete. No desenvolvimento do trabalho foram estudadas rotas de transporte de cargas agrícolas do Estado de Goiás e Mina Gerais com destino ao Estado de São Paulo, que é o maior mercado consumidor do Brasil e estão inseridos na bacia hidrográfica dos rios Tietê e Paraná. A rota selecionada tem percursos com distâncias médias de 720 quilômetros que são atendidas pelos modais de transporte rodoviário, ferroviário e hidroviário. Para o estudo do modelo logístico foram comparados dados do custo de frete do modelo utilizado atualmente - rodoviário e ferroviário ao do modelo proposto no trabalho - hidroviário.Analisou-se também as vantagens ambientais e operacionais, o seu tempo de percurso no transporte de cargas e as interferências causadas pelas plantas aquáticas no leito navegável da hidrovia. Os valores de fretes praticados pelo modal rodoviário são de R$.t 0...

Carroça puxada a cavalo

Berenhauser, Henrique
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Imagem
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.14%
fotografia em P&B; Carroça de frete no porto. Fotografia que registra o cotidiano da Ilha de Santa Catarina, foto antiga, sem a data aproximada. Ítem da coleção Florianópolis, mais fotos em http://galeria.ufsc.br/BU/florianopolis/

Custo logístico na importação: uma análise comparativa entre modais de transporte

Bertan, Ramon Ventura
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 65 f.| il., tabs.
Relevância na Pesquisa
17.44%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Ciências Contábeis.; Frente à competitividade do mercado atual, a importação de mercadorias, sejam elas insumos, produtos para revenda ou bens para o ativo imobilizado, são alternativas utilizadas pelas empresas para ampliar seus negócios. Entre as vantagens que colaboram com o aumento da importação, pode-se citar a baixa cotação do dólar, a disponibilidade de produtos com preço inferior quando comparado ao mercado nacional e a criação de benefícios fiscais e incentivos por parte das esferas governamentais que procuram agilizar a chegada da mercadoria importada ao seu destino final. No entanto, os problemas do sistema logístico do Brasil prejudicam o desenvolvimento do processo de importação, aumentando os custos logísticos de empresas que o utilizam. Diante dessa realidade, o presente estudo tem como objetivo Analisar o custo logístico de um produto importado na abordagem de dois modais de transporte internacional (aéreo e marítimo). Foi realizado um estudo de caso em uma empresa da Grande Florianópolis - Santa Catarina. Foram identificados os custos logísticos de uma operação de importação via frete aéreo e outra via frete marítimo...

Custo logístico na importação: uma análise comparativa entre modais de transporte

Bertan, Ramon Ventura
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: f.; 65 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.63%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Curso de Ciências Contábeis; Frente à competitividade do mercado atual, a importação de mercadorias, sejam elas insumos, produtos para revenda ou bens para o ativo imobilizado, são alternativas utilizadas pelas empresas para ampliar seus negócios. Entre as vantagens que colaboram com o aumento da importação, pode-se citar a baixa cotação do dólar, a disponibilidade de produtos com preço inferior quando comparado ao mercado nacional e a criação de benefícios fiscais e incentivos por parte das esferas governamentais que procuram agilizar a chegada da mercadoria importada ao seu destino final. No entanto, os problemas do sistema logístico do Brasil prejudicam o desenvolvimento do processo de importação, aumentando os custos logísticos de empresas que o utilizam. Diante dessa realidade, o presente estudo tem como objetivo Analisar o custo logístico de um produto importado na abordagem de dois modais de transporte internacional (aéreo e marítimo). Foi realizado um estudo de caso em uma empresa da Grande Florianópolis - Santa Catarina. Foram identificados os custos logísticos de uma operação de importação via frete aéreo e outra via frete marítimo...

Caracterização do mercado de fretes rodoviários para produtos agrícolas

Soares,Marcelo Gimenes; Caixeta Filho,José Vicente
Fonte: Universidade Federal de São Carlos Publicador: Universidade Federal de São Carlos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/1997 PT
Relevância na Pesquisa
27.76%
O mercado de frete rodoviário no Brasil não sofre nenhum tipo de controle governamental, significando que os preços são formados a partir da negociação direta entre a oferta e a procura pelo serviço. Os transportadores não estão, necessariamente, atualizados sobre todas as variáveis de seu custo para estarem aptos a negociar com os demandantes. Tais demandantes, por outro lado, podem desempenhar maior poder de negociação para obter descontos no valor do frete. Tendo em vista o aprimoramento da qualidade das informações sobre fretes, tanto para ofertantes quanto demandantes pelo serviço de transporte, foi realizado levantamento de valores para produtos agrícolas selecionados, assim como identificadas as principais características do escoamento rodoviário de cargas agrícolas. Dessa forma, ficou evidenciada a diferenciação do valor do frete de acordo com o tipo de produto e verificou-se que a estrutura do mercado de frete para granéis sólidos (açúcar, milho, soja e farelo de soja) é bastante distinta, mais pulverizada e talvez menos profissional que a estrutura observada para os granéis líquidos estudados (suco de laranja e óleo de soja).

Mensuração do custo social subjacente à atual frota autônoma de caminhões da agropecuária nacional - um estudo de caso: soja, café e boi em pé

Ronchi,Rodrigo Daniel Caudullo; Moura,Graziele Araujo; Rocha,Carlos Henrique
Fonte: Sociedade Brasileira de Planejamento dos Transportes Publicador: Sociedade Brasileira de Planejamento dos Transportes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
17.63%
Este trabalho tem por objetivo estimar os custos pagos pela sociedade impostos pela atual frota autônoma de caminhões da agropecuária nacional. Para isto, foram consideradas as seguintes externalidades negativas: poluição ambiental, especialmente, a poluição do ar, e acidentes nas estradas. Somando-se a essas externalidades foi considerado o valor do frete pago pelos usuários dos serviços de transporte como uma pseudoexternalidade. O artigo interessa-se por três commodities agrícolas: soja, café em saca e boi em pé. Para o cômputo da externalidade proveniente da poluição ambiental foi utilizado o método dos custos evitados (gastos preventivos). Com relação aos custos sociais dos acidentes nas estradas foram adotados resultados do relatório realizado pelo IPEA (2006). O custo relativo ao frete foi calculado pela diferença entre o valor do frete para a frota na idade de 23 anos e o valor do frete para a frota na idade econômica, isto é, pode-se considerar essa diferença como um fator de ineficiência. Enfim, os três custos somados montam, aproximadamente, R$ 27 mil por caminhão/ano, correspondendo a aproximadamente 15% do preço de um caminhão novo com tecnologia não-poluidora.

Custos e fretes praticados no transporte rodoviário de cargas: uma análise comparativa entre autônomos e empresas

Araújo,Maria da Penha S.; Bandeira,Renata Albergaria de Mello; Campos,Vania Barcellos Gouvea
Fonte: Sociedade Brasileira de Planejamento dos Transportes Publicador: Sociedade Brasileira de Planejamento dos Transportes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2014 PT
Relevância na Pesquisa
17.76%
O presente estudo tem como principal propósito investigar a hipótese de que existem diferenças entre os valores de fretes praticados pelos principais atores envolvidos no transporte rodoviário de cargas no Brasil (empresas e autônomos), sendo o principal problema o valor pago ao autônomo, que, na maioria das vezes, é contratado por empresas transportadoras. Além de investigar esta hipótese de pesquisa, o estudo também se propõe a analisar se a diferença entre os fretes pagos é indevida ou não, identificando as principais causas para esta suposta diferença. A importância deste estudo está no fato de que este tipo de análise, apesar de relevante, ainda não ter sido observado na literatura nacional. Desta forma, a partir de um estudo das metodologias de formação de preços de frete e de uma pesquisa de campo com 20 empresas transportadoras e 96 autônomos, procurou-se identificar as possíveis diferenças em relação ao valor do frete pago e o valor dos custos inerentes à operação do transporte, tomando-se como objeto de análise o eixo São Paulo a Rio de Janeiro no transporte de carga geral. A pesquisa de metodologias de cálculo de frete possibilitou identificar os custos envolvidos nesta operação, bem como todas as características e peculiaridades deste ofício...

ICMS sobre transporte marítimo e os contratos de fretamento

Tôrres, Heleno Taveira
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.44%
Demonstra que Fretamento TCP é contrato de utilização de navio e não contrato de transporte, pois não tem como objeto o deslocamento de pessoas ou bens de um ponto a outro mediante remuneração - frete freight -, mas tem por finalidade o uso e gozo do navio - gestão comercial - pelo afretador, adicionado do conjunto de serviços a este inerentes - gestão náutica, mantida pelo fretador -, em troca de certa contraprestação, que é o frete - hire.

Análise do custo do transporte rodoviário de madeira roliça através da composiçao de suas variáveis

Mendes Neto, João
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
17.76%
Algumas empresas do setor madeireiro enfrentam grande dificuldade com a administração do transporte, mais precisamente com a definição do valor do frete a ser pago. Isso geralmente ocorre por falta de uma ferramenta prática e eficaz para calculá-lo. A dificuldade continua quando existe a necessidade de correção do valor do frete, que poderá ocorrer por qualquer motivo, como aumento dos pneus, do combustível, ou mudança das condições a que serão submetidos os caminhões. Normalmente as empresas para fazer frente a esta situação, utilizam algumas fórmulas caseiras, como por exemplo: Algumas seguem como parâmetro a relação entre o gasto com combustível e o faturamento bruto; outras reajustam conforme as empresas vizinhas e do mesmo ramo reajustaram, outras ainda, utilizam tabelas de frete pré-elaboradas com distâncias fixas. Portanto, este estudo teve como objetivo analisar e avaliar as variáveis que influem no custo do transporte rodoviário de madeira roliça, com a finalidade de obter informações úteis para o cálculo do valor do frete. Para obtenção de uma planilha eficaz e que produza resultados que espelhem a realidade das condições locais e que seja de fácil utilização, foram pesquisadas as seguintes fontes...

Plano medio, tomado en exterior, donde se destaca una mujer en una moto con un niño de corta edad en sus brazos, en la llanta de repuesto de la moto un aviso de venta de zumo de uva, al frete una nevera de color rojo; BD\CCV\194.7

Padilla, Amparo Mercado
Fonte: Biblioteca Departamental Jorge Garces Borrero Publicador: Biblioteca Departamental Jorge Garces Borrero
Tipo: historicalDocument; other; Documento histórico Formato: JPEG; Número de bits
SPA
Relevância na Pesquisa
27.14%
Plano medio, tomado en exterior, donde se destaca una mujer en una moto con un niño de corta edad en sus brazos, en la llanta de repuesto de la moto un aviso de venta de zumo de uva, al frete una nevera de color rojo. Al fondo una estación de gasolina.; El Archivo del Patrimonio Fotográfico y Fílmico del Valle del Cauca es responsabilidad de la Biblioteca Departamental del Valle Jorge Garcés Borrero, por convenio de cooperación suscrito con la Secretaria del Cultura Departamental, con el fin de aunar esfuerzos para su conservación, preservación y divulgación del Archivo entre la comunidad Vallecaucana, especialmente entre los estudiantes e investigadores que visitan la Biblioteca, propiciando el su uso y consulta permanente. La universidad Icesi es un colaborador en el proceso de difusión, facilitando la tecnología que permite la consulta de las imágenes.; Valle del Cauca, Gobernación; Fundación Función Visible; Archivo del Patrimonio Fotográfico y Fílmico del Valle del Cauca - Biblioteca Departamental Jorge Garces Borrero; Barrio: Manuel María Buenaventura; Comuna: 9; Barrio: Se evitará en la medida de lo posible el acceso a los negativos y los positivos impresos. Los positivos de exposición serán manipulados teniendo en cuenta las recomendaciones expresadas en el Reglamento Interno del Archivo. Al servicio del público quedan las copias en CD.; Nota del archivista: Los criterios técnicos y conceptuales para la descripción del Fondo Cali Ciudad Visible 2005...

Formação de preços no transporte de carga

Castro, Newton de
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Pesquisa e Planejamento Econômico (PPE) - Artigos
PT-BR
Relevância na Pesquisa
27.63%
Este artigo visa analisar os preços praticados em serviços de transporte de carga, no Brasil. A análise é efetuada por segmento representativo — tipo de carga, distância de transporte e modalidade — e abrange uma discussão da estrutura tarifária das empresas do subsetor rodoviário, por segmento relevante, tais como carga fracionada e carga inteira, e a estimação de funções de frete para três modais representativos, de forma a permitir a análise das relações entre o frete e as características operacionais dos serviços. Os resultados obtidos confirmam as referências teóricas de que os valores de frete tendem a apresentar uma ampla margem de variação, mesmo quando a competição força as tarifas a se alinhar com os custos marginais de longo prazo. Sendo o rodoviário o modal dominante em praticamente todo o território nacional, os demais modais ocupam nichos específicos, tarifando de acordo com as possibilidades permitidas pela demanda e pela concorrência intermodal. No tocante aos atributos operacionais, como distância e preço do óleo diesel, constataram-se não-linearidades e efeitos cruzados significativos, o que enfatiza as implicações para a política dos preços públicos de óleo diesel e de pedágios.; p. 167-189 : il.

Simulação computacional para análise do frete no transporte de cana-de-açúcar – um estudo de caso no estado do Rio de Janeiro; Computational simulation for analysis of the freight in the sugar cane transportation – a case study in the Rio de Janeiro state; Computational simulation for analysis of the freight in the sugar cane transportation – a case study in the Rio de Janeiro state

Rangel, João José de Assis; UCAM-CAMPOS; Cunha, André Prado; UCAM-CAMPOS; Pacheco, Alex Paranhos; UCAM-Campos; Morgado, Ivan Ferreira; UFRRJ; Montané, Fermín Alfredo Tang; UCAM-Campos
Fonte: Universidade Federal Fluminense - LATEC Publicador: Universidade Federal Fluminense - LATEC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2009 POR
Relevância na Pesquisa
27.63%
Este trabalho apresenta uma análise, feita por simulação computacional, da distribuição dofrete no sistema de abastecimento de cana-de-açúcar em uma usina sucroalcooleira. Osistema de abastecimento das usinas é composto basicamente pelas operações de corte,carregamento e transporte (conhecido como CCT). Os custos destas operaçõesrepresentam em média 27% dos custos diretos de produção por hectare. Somente otransporte representa aproximadamente 55% do custo total do CCT por hectare. EmCampos dos Goytacazes, no norte do estado do Rio de Janeiro, a atividade sucroalcooleiraé tradicional e de grande importância, demandando aperfeiçoamento contínuo destasoperações. O objetivo do trabalho foi desenvolver um modelo de simulação para avaliar arelação do custo do frete no CCT com a distância do fornecedor de cana-de-açúcar até ausina. Foram feitas simulações de diversos cenários hipotéticos construídos para permitirrelacionar os diversos fornecedores com relação ao frete pago. Os resultados foramvalidados com dados da literatura e com informações fornecidas em usinas locais,permitindo determinar o impacto do frete nos custos operacionais diretos do CCT.; This work presents an analysis of the freight distribution in the sugar cane supply system in a mill made by computational simulation. The mill supply system is compound basically by the cut...