Página 1 dos resultados de 2591 itens digitais encontrados em 0.044 segundos

Tamanho da subamostra e representatividade da fertilidade do solo no sistema plantio direto; Subsample size and soil fertility representavity in the no tillage system

Schlindwein, Jairo Andre; Anghinoni, Ibanor
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
106.21%
Os corretivos e fertilizantes, quando aplicados de forma localizada, mantêm-se ao longo das linhas de cultivo no sistema plantio direto. Isto se reflete no aumento da variabilidade horizontal dos atributos químicos do solo, causando dificuldades para a coleta de amostras representativas do seu estado de fertilidade. Este trabalho foi desenvolvido em dois estudos, em solos cultivados no sistema plantio direto. O primeiro foi com objetivo de relacionar o tamanho da amostra e a variabilidade de fósforo e potássio disponíveis. Para isto, amostrouse o solo de um experimento e de uma lavoura, em diferentes tamanhos de subamostras e camadas, em Latossolo Vermelho com adubação a lanço. O segundo estudo foi conduzido para testar a eficiência de equipamentos de amostragem com diferentes tamanhos, através da variabilidade dos atributos de fertilidade do solo e o seu efeito no número de subamostras para compor uma amostra composta, dentro de determinados limites de precisão. Para isto, amostraram-se duas lavouras em Latossolo Vermelho, na profundidade de 0-10cm, com trado de rosca e pá de corte; esta no tamanho de 5/10cm (espessura/largura) na lavoura de adubação a lanço e 5cm pela largura da entrelinha na lavoura de adubação em linha. As amostras retiradas com trado de rosca apresentaram menores teores de matéria orgânica e potássio disponível na lavoura de adubação em linha e de fósforo disponível em ambos os modos de adubação. Nesta situação...

Perdas de solo e água por erosão hídrica influenciadas por métodos de preparo, classes de declive e níveis de fertilidade do solo; Soil and water losses by rainfall erosion influenced by tillage methods, slope-steepness classes, and soil fertility levels

Cogo, Neroli Pedro; Levien, Renato; Schwarz, Ricardo Altair
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
106.28%
A erosão é a forma mais prejudicial de degradação do solo. Além de reduzir sua capacidade produtiva para as culturas, ela pode causar sérios danos ambientais, como assoreamento e poluição das fontes de água. Contudo, usando adequados sistemas de manejo do solo e bem planejadas práticas conservacionistas de suporte, os problemas de erosão podem ser satisfatoriamente resolvidos. Com o propósito de obter informações quantitativas sobre o assunto, para servirem de guia nos planejamentos conservacionistas de uso da terra, realizou-se um experimento de erosão sob chuva natural, em Latossolo Vermelho distroférrico típico textura muito argilosa, no município de Santo Ângelo, região das Missões (RS), de dezembro de 1994 a maio de 1996, objetivando quantificar as perdas de solo e água causadas por erosão hídrica. Os tratamentos consistiram dos métodos de preparo do solo convencional, reduzido e semeadura direta, avaliados sob as condições “solo com fertilidade corrigida” nas classes de declividade de 0-0,04; 0,04-0,08 e 0,08-0,12 m m-1 (com gradientes médios de, respectivamente, 0,035; 0,065 e 0,095 m m-1) e “solo com fertilidade atual” na classe de declividade de 0,04-0,08 m m-1. As operações de preparo do solo e semeadura foram efetuadas todas transversalmente ao declive...

Insuficiência do conceito mineralista para expressar a fertilidade do solo percebida pelas plantas cultivadas no sistema plantio direto; Insufficiency of the mineralist concept to express soil fertility as perceived by plants in no-tillage system

Nicolodi, Margarete; Gianello, Clesio; Anghinoni, Ibanor; Marre, Jacques Andre Leon; Mielniczuk, Joao
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
106.3%
Fertilidade do solo é a capacidade deste de fornecer nutrientes, em quantidade e proporção adequadas para o desenvolvimento e produtividade das plantas, na ausência de elementos tóxicos. Este conceito, oriundo da teoria mineralista, é amplamente utilizado no mundo. Com a mudança do sistema de cultivo do solo do convencional (SC) para o plantio direto (SPD), é freqüente a obtenção de alta produtividade das culturas no SPD com valores de indicadores da fertilidade considerados inadequados para o crescimento e desenvolvimento das plantas no SC. É possível que a avaliação tradicional e, conseqüentemente, esse conceito não sejam adequados e, ou, suficientes, para expressar a fertilidade percebida pelas plantas em solos cultivados há longo tempo no SPD. Neste trabalho, objetivou-se avaliar a capacidade do conceito mineralista, e de sua avaliação, em expressar a fertilidade percebida por plantas de milho (Zea mays) em solo cultivado por longo período de tempo no SPD com diferentes rotações de culturas. As avaliações, por indicadores da fertilidade do solo e por rendimento de grãos, foram feitas na safra de verão 2005/2006, em dois experimentos irrigados, conduzidos há mais de 20 anos em Eldorado do Sul, RS, com diferentes históricos de cultivo. Os resultados evidenciaram que nem sempre os indicadores químicos da fertilidade do solo detectam a mudança na capacidade produtiva do solo promovida pelos diferentes sistemas de cultivo e rotações de culturas. Esses indicadores tiveram...

Variação estacional de atributos funcionais de Paspalum notatum em diferentes níveis de fertilidade do solo; Seasonal changes in functional attributes of Paspalum notatum at different levels of soil fertility

Fontoura, Rogério Chimanski da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
106.26%
As pastagens nativas do RS são compostas por mais de 3000 espécies vegetais, as quais formam diferentes fisionomias campestres por todo o estado. Essa diversidade de espécies e fisionomias é atribuída, principalmente, às variações de solo, relevo e clima, além da ação antrópica pelo manejo da carga animal e pela adubação do solo. Apesar de toda essa diversidade, o Paspalum notatum é considerado a principal espécie forrageira, sendo a mais frequente em todas as regiões fisiográficas do Rio Grande do Sul e contribuindo de forma expressiva para a cobertura dos campos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influencia da época de crescimento e do nível de fertilidade do solo sobre os atributos área foliar específica (AFE), teor de matéria seca da folha (TMS) e sobre o comprimento específico de raiz (CER) em P. notatum. O experimento foi conduzido na Estação Experimental Agronômica da UFRGS, em Eldorado do Sul – RS, no ano de 2013. Foram utilizados três potreiros com longo histórico de pastejo e com níveis de fertilidade do solo distintos. Em cada potreiro foram escolhidas três unidades experimentais com localização topográfica semelhante, onde foram coletadas em três épocas de crescimento (verão - janeiro...

Perdas de solo e água por erosão hídrica influenciadas por métodos de preparo, classes de declive e níveis de fertilidade do solo

Cogo,N. P.; Levien,R.; Schwarz,R. A.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2003 PT
Relevância na Pesquisa
116.28%
A erosão é a forma mais prejudicial de degradação do solo. Além de reduzir sua capacidade produtiva para as culturas, ela pode causar sérios danos ambientais, como assoreamento e poluição das fontes de água. Contudo, usando adequados sistemas de manejo do solo e bem planejadas práticas conservacionistas de suporte, os problemas de erosão podem ser satisfatoriamente resolvidos. Com o propósito de obter informações quantitativas sobre o assunto, para servirem de guia nos planejamentos conservacionistas de uso da terra, realizou-se um experimento de erosão sob chuva natural, em Latossolo Vermelho distroférrico típico textura muito argilosa, no município de Santo Ângelo, região das Missões (RS), de dezembro de 1994 a maio de 1996, objetivando quantificar as perdas de solo e água causadas por erosão hídrica. Os tratamentos consistiram dos métodos de preparo do solo convencional, reduzido e semeadura direta, avaliados sob as condições "solo com fertilidade corrigida" nas classes de declividade de 0-0,04; 0,04-0,08 e 0,08-0,12 m m-1 (com gradientes médios de, respectivamente, 0,035; 0,065 e 0,095 m m-1) e "solo com fertilidade atual" na classe de declividade de 0,04-0,08 m m-1. As operações de preparo do solo e semeadura foram efetuadas todas transversalmente ao declive...

Amostragem para avaliação da fertilidade do solo em função do instrumento de coleta das amostras e de tipos de preparo do solo

Oliveira,Fábio Henrique Tavares de; Arruda,Jandeilson Alves de; Silva,Ivandro de França da; Alves,Jailson do Carmo
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2007 PT
Relevância na Pesquisa
106.31%
As medidas da média e da variabilidade dos índices de fertilidade do solo podem variar com o instrumento de coleta das amostras e com o tipo de preparo do solo. Assim, é necessário o desenvolvimento de métodos de amostragem de solo que melhor representem as reais condições de fertilidade do solo. Este trabalho teve como objetivos avaliar os efeitos da pá de corte e do trado de caneca nas medidas da média e da variabilidade de índices de fertilidade do solo sob plantio direto (PD) e preparo convencional (PC), estimar o número de amostras simples para formar uma composta e testar a hipótese de que a média aritmética das amostras simples é igual ao resultado da análise química da amostra composta. Foram coletadas amostras de um Luvissolo Crômico Pálico abrúptico em um experimento de comparação de tipos de preparo do solo, semeado com monocultura de milho. Coletaram-se 48 amostras simples de solo em uma parcela de 81 m² sob PD, sendo 24 com pá de corte (perpendicularmente aos sulcos e no espaço compreendido entre os pontos médios entre sulcos) e 24 com trado de caneca, em amostragem localizada (quatro amostras coletadas no sulco de plantio, oito a 10 cm do sulco e 12 no ponto médio entre os sulcos), próximas aos locais das amostras coletadas com pá de corte. Em outra parcela sob PC adotou-se o mesmo procedimento. A partir dessas amostras simples...

Atributos químicos do solo associados à produtividade do trigo em um talhão com diferentes potenciais produtivos

Kramer,Luiz Fernando Machado; Müller,Marcelo Marques Lopes; Tormena,Cassio Antônio; Genú,Aline Marques; Michalovicz,Leandro; Vicensi,Marcelo
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2014 PT
Relevância na Pesquisa
106.21%
Potenciais produtivos distintos têm sido verificados entre talhões, bem como dentro desses, em áreas sob muitos anos de plantio direto (PD). Ferramentas de agricultura de precisão (AP) podem auxiliar a identificar tais diferenças, mas para manejar eficientemente a fertilidade do solo nessas condições a amostragem deve ser representativa. Este trabalho teve como objetivo avaliar a influência de atributos químicos do solo, conforme a camada ou profundidade de amostragem, na produtividade da cultura do trigo, em uma área sob PD de longa duração, utilizando zonas de um talhão com potenciais produtivos distintos. O estudo foi feito em Reserva do Iguaçu, PR, em área com 25 anos de PD e cinco anos de adoção de técnicas de AP. A partir de mapas de colheita anteriores, identificaram-se duas zonas, Z1 (alta produtividade) e Z2 (baixa produtividade), onde se estabeleceram malhas com 16 unidades amostrais. A produtividade do trigo foi estimada em três pontos por unidade, coletando-se amostras de solo de 0,0-0,1 e de 0,1-0,2 m nos mesmos pontos. A produtividade do trigo foi 22 % maior em Z1 do que em Z2, de acordo com os mapas de colheita utilizados. Os teores de carbono orgânico do solo (Corg) foram maiores em Z1, nas duas camadas do solo. Na camada de 0...

Efeito da correção da fertilidade do solo no desenvolvimento da Brachiaria brizantha cv. Marandu em latossolo com diferentes históricos.

OLIVEIRA, I. P. de; CUNHA, R.; SANTOS, R. S. M. dos; FARIA, C. D. de; CUNHA, G. F. da.
Fonte: Pesquisa Agropecuaria Tropical, Goiania, v. 30, n. 1, p. 57-64, jan./jun. 2000. Publicador: Pesquisa Agropecuaria Tropical, Goiania, v. 30, n. 1, p. 57-64, jan./jun. 2000.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
106.08%
Este trabalho tem como objetivo avaliar o efeito de diferentes correções da fertilidade do solo no desenvolvimento da forrageira Brachiaria brizantha, na absorção de nutrientes, na produção de massa verde e matéria seca, nas propriedades químicas e no complexo sortivo do solo.; 2000

Efeito do manejo do solo e das sequências de cultivo na concentração de carbono nos macroagregados do solo.

CRUZ, L. C. J. da; ZATORRE, N. P.; FRANCHINI, J. C.; BERBARA, R. L. L.; BODDEY, R. M.
Fonte: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 29.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 13.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 11.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 8., 2010, Guarapari. Fontes de nutrientes e produção agrícola: modelando o futuro: anais. Viçosa: SBCS, 2010. 4 p. Trab. 847. 1 CD-ROM. FERTBIO 2010. Publicador: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 29.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 13.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 11.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 8., 2010, Guarapari. Fontes de nutrientes e produção agrícola: modelando o futuro: anais. Viçosa: SBCS, 2010. 4 p. Trab. 847. 1 CD-ROM. FERTBIO 2010.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
106.09%
A utilização de sistema não conservacionista, pode afetar a dinâmica do carbono reduzindo as taxas de acúmulo ou provocando a redução dos estoques de carbono orgânico e nitrogênio total devido ao menor aporte de resíduos vegetais ao solo. O objetivo do trabalho foi determinar a contribuição do carbono total nas frações dos macroagregados do solo, ao longo prazo, em sistema de plantio direto e convencional. O trabalho foi realizado em Londrina, PR, na área experimental da Embrapa Soja. O solo é classificado como Latossolo Vermelho, com textura muito argilosa. A partir da safra de inverno de 1995 as áreas foram divididas em sistemas de plantio direto e plantio convencional, que envolvem as seguintes plantas de cobertura: trigo, soja, milho, aveia-preta e tremoço-branco e nabo forrageiro. Este experimento foi amostrado na época da safra de inverno, 2010, no sistema de plantio direto e convencional em cada rotação de cultura R1 e R2. As análises realizadas foram quantidade de carbono do solo em quatro frações de agregados, em diferentes profundidades. O sistema de plantio direto, independentemente do tipo de rotação de culturas, apresentou maior incremento de carbono nos macroagregados do solo quando comparados ao sistema de plantio convencional.; 2010

Avaliação de extratores de boro em solo cultivado com alfafa.

MOREIRA, A.; MORAES, L. A. C.; FOLONI, J. S. S.; ZANINETTI, R.
Fonte: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 30.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 14.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 12.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 9.; SIMPÓSIO SOBRE SELÊNIO NO BRASIL, 1., 2012, Maceió. A responsabilidade socioambiental da pesquisa agrícola: anais. Viçosa: SBCS, 2012. 3 p. Trab. 939. Publicador: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 30.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 14.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 12.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 9.; SIMPÓSIO SOBRE SELÊNIO NO BRASIL, 1., 2012, Maceió. A responsabilidade socioambiental da pesquisa agrícola: anais. Viçosa: SBCS, 2012. 3 p. Trab. 939.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
106.07%
Apesar do limite de deficiência e toxidez do B ser na maioria das culturas estreita, na alfafa a faixa utilizada para determinar o nível crítico é ampla, variando de 20 a 80 mg de B kg-1, porém, esses valores foram estabelecidos em condições de clima temperado e com cultivares diferentes da utilizada no Brasil. O objetivo deste trabalho foi verificar a eficiência de extratores [B (Mehlich 1, Mehlich 3, água quente, KCl 1,0 mol L-1, Manitol 0,05 mol L-1 + CaCl2 0,01 mol L-1, Ca(H2PO4)2.H2O 0,01 mol L-1, HCl 0,05 mol L-1] na determinação da disponibilidade do B do solo. Os resultados mostraram que para obtenção das maiores produções de MSPA, os teores de B disponível solo nas seis épocas de amostragem, variam de 0,21 a 0,49 mg kg-1 => B-H2Oq; 0,59 a 1,19 mg kg-1 => B-KCl; 1,74 a 3,45 mg kg-1 => B-M1; 1,81 a 2,54 mg kg-1 => B-M3; 0,47 a 0,84 mg kg-1 => B-CaPO4; 0,33 a 0,71 mg kg-1 => B-CaCl2; 0,67 a 1,06 mg kg-1 => B-HCl; Os extratores B-M1 e B-M3 apresentam maior capacidade de recuperação do B disponível no solo do que B-H2Oq, B-CaPO4, B-CaCl2 e B-KCl e B-HCl;; 2012; Fertbio.

Relações entre atributos microbiológicos e bioquímicos do solo com a produtividade de soja em sistema de plantio direto.

SOUZA, D. I.; CERVANTES, V. N. M.; CEREZINI, P.; FAGOTTI, D. S. L.; NAKATANI, A. S.; HUNGRIA, M.; NOGUEIRA, M. A.
Fonte: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 30.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 14.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 12.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 9.; SIMPÓSIO SOBRE SELÊNIO NO BRASIL, 1., 2012, Maceió. A responsabilidade socioambiental da pesquisa agrícola: anais. Viçosa: SBCS, 2012. 4 p. Trab. 1772. Publicador: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 30.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 14.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 12.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 9.; SIMPÓSIO SOBRE SELÊNIO NO BRASIL, 1., 2012, Maceió. A responsabilidade socioambiental da pesquisa agrícola: anais. Viçosa: SBCS, 2012. 4 p. Trab. 1772.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
116.14%
O sistema de plantio direto (SPD) permite maior conservação do solo e da água, melhoria da fertilidade do solo e da atividade biológica, garantindo maior sustentabilidade ao sistema de produção. O objetivo desse trabalho foi identificar atributos microbiológicos e bioquímicos do solo que auxiliem a explicar níveis de produtividade de soja cultivada sob SPD, por meio de métodos multivariados. As amostragens foram realizadas em janeiro e setembro de 2011 em Ponta Grossa, PR, em áreas de cultivo comercial de grãos. Foram coletadas 4 amostras compostas de solo, na profundidade 0-10 cm, em 6 áreas agrícolas com histórico de diferentes níveis de produtividades de grãos. Foram avaliadas a respiração basal (RB), biomassa microbiana de carbono (BMC) e nitrogênio (BMN), atividade das enzimas desidrogenase, celulase, glutaminase e fosfatase ácida. Calculou-se o quociente metabólico (qCO2) pela razão entre RB e BMC. Os dados foram submetidos à análise de componentes principais (ACP) e análise canônica discriminante (ACD). Na ACP, os bioindicadores avaliados foram relacionados principalmente às áreas de alta produtividade de grãos. A ACD evidenciou a capacidade da BMC e da atividade enzimática em discriminar as áreas de acordo com os níveis de produtividade. Conclui-se que os bioindicadores BMC e atividade das enzimas celulase...

Características Químicas do Solo Como Resultado do Corte e Trituração de Capoeira em Porto Velho, Rondônia.

LOCATELLI, M.; GONÇALVES, E. L.; MARCOLAN, A. L.; FERNANDES, S. R.; PEQUENO, P. L. DE L.; VIEIRA, A. H.; MARCANTE, P. H.
Fonte: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 30.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 14.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 12.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 9.; SIMPÓSIO SOBRE SELÊNIO NO BRASIL, 1., 2012, Maceió. A responsabilidade socioambiental da pesquisa agrícola: anais. Viçosa, MG: SBCS, 2012. 1 CD-ROM. FERTBIO 2012. Publicador: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 30.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 14.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 12.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 9.; SIMPÓSIO SOBRE SELÊNIO NO BRASIL, 1., 2012, Maceió. A responsabilidade socioambiental da pesquisa agrícola: anais. Viçosa, MG: SBCS, 2012. 1 CD-ROM. FERTBIO 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
106.1%
A queimada do roçado causa efeito direto sobre a estrutura do solo, agindo diretamente sobre os atributos químicos, atuando na saúde nutricional do solo bem como sua resposta às exigências por nutrientes essenciais para as plantas. Foi avaliado a influencia do corte e da trituração da capoeira comparando com os métodos convencionais de queima sobre os atributos químicos do solo. O estudo foi realizado em Porto Velho, num Argissolo VermelhoAmarelo álico, utilizando três sistemas de manejo da capoeira: contínua, triturada e queimada. O sistema de manejo com corte e trituração da capoeira propiciou maiores teores de potássio trocável e menores teores de alumínio trocável, em relação ao sistema com queima da capoeira. O sistema de manejo com queima da capoeira propiciou aumento de cálcio trocável e da saturação por bases do solo e diminuiu a acidez potencial (H+Al), em relação aos sistemas com capoeira continua e com capoeira triturada. Os sistemas de manejo não propiciaram diferenças de pH em água, fósforo extraível (Mehlich), magnésio trocável e matéria orgânica do solo. Os teores de cálcio e magnésio trocáveis e matéria orgânica e a saturação por bases do solo foram maiores na camada superficial do solo (0-5 cm) e menores na camada de 20 a 40 cm...

Relações espaciais entre fertilidade do solo e produtividade de culturas sob sistema de plantio direto.

GUEDES FILHO, O.; VIEIRA, S. R.; GREGO, C. R.
Fonte: In: FERTBIO 2008: desafios para o uso do solo com eficiência e qualidade ambiental. 2006, Londrina, PR. Anais... [S.l.]: 2008. Publicador: In: FERTBIO 2008: desafios para o uso do solo com eficiência e qualidade ambiental. 2006, Londrina, PR. Anais... [S.l.]: 2008.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 4 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
116.19%
O objetivo deste trabalho foi analisar a variabilidade espacial de atributos de fertilidade do solo e sua influência na produtividade de culturas sob o sistema de plantio direto. o experimento está localizado no Centro Experimental Central do Instituto Agronômico, Campinas, SP, onde foram determinados os dados de produtividade (kg ha -1) das safras de labelabe, milho, triticale e mamona e dados de fertilidade do solo na profundidade de 0,0-0,20 m. A estatística descritiva foi utilizada para avaliar a variabilidade espacial. Todas as variáveis apresentaram dependência espacial e tiverem seus semivariogramas ajustados ao modelo esférico. Os mapas construídos com valores interpolados por krigagem indicam que a parte lateral esquerda da área apresentou a maior relação espacial entre produtividade e os atributos de fertilidade do solo, favorecendo o manejo diferenciado na área.; 2008

Fertilidade do solo de várzea amazônica e cultivo sustentável de feijão caupi (Vigna unguiculata (L.) Walp.).

GONÇALVES, J. R. P.; FONTES, J. R. A.
Fonte: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 28.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 12.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 10.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 7., 2008, Londrina. FertBio 2008: desafios para o uso do solo com eficiência e qualidade ambiental: anais. Londrina: Embrapa Soja: SBCS: IAPAR, UEL, 2008. 1 CD-ROM. Publicador: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE FERTILIDADE DO SOLO E NUTRIÇÃO DE PLANTAS, 28.; REUNIÃO BRASILEIRA SOBRE MICORRIZAS, 12.; SIMPÓSIO BRASILEIRO DE MICROBIOLOGIA DO SOLO, 10.; REUNIÃO BRASILEIRA DE BIOLOGIA DO SOLO, 7., 2008, Londrina. FertBio 2008: desafios para o uso do solo com eficiência e qualidade ambiental: anais. Londrina: Embrapa Soja: SBCS: IAPAR, UEL, 2008. 1 CD-ROM.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
106.12%
Este trabalho teve por objetivo avaliar o comportamento de 20 genótipos de feijão caupi de porte prostrado e semi-prostrado, sem o uso de corretivos e fertilizantes, nas condições de ecossistema de várzea amazônica do Rio Solimões, no município de Iranduba-AM.; 2008

Efeito de adubações e especies forrageiras na composição quimica da planta e palhada e na fertilidade do solo em area degradada pela mineração do xisto

Favaretto, Nerilde, 1969-
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
106.18%
Este trabalho foi realizado com o objetivo de analisar a fertilidade do solo e a composição química da planta e palhada em área degradada pela mineração do xisto após a revegetação com espécies forrageiras submetidas a diferentes adubações. O experimento foi conduzido durante 12 meses no município de São Mateus do Sul-PR na Petrobrás-SIX em área reconstituída após a mineração do xisto. O delineamento foi o de blocos ao acaso com parcelas subdivididas envolvendo 3 parcelas referentes às adubações e 3 subparcelas com as forrageiras, totalizando 36 unidades experimentais. As adubações utilizadas foram: I- Adubação mineral com permanência da parte aérea; II- Adubação mineral e orgânica com exportação da parte aérea; III- Adubação mineral com exportação da parte aérea. As forrageiras constituíram diferentes sistemas com gramíneas e leguminosas perenes e anuais de inverno e verão da seguinte forma: Sistema I- pensacola, trevo branco, trevo vermelho e comichão; Sistema II- hemartria, trevo branco, trevo vermelho e comichão; Sistema III- azevém, ervilhaca e trevo vesiculoso no inverno; sorgo forrageiro e crotalária no verão. Foram aplicados 44 kg ha-1 de N, 160 de P2O5, 150 de K2O (adubação mineral) e 13.160 kg ha-1 de esterco bovino (adubação orgânica). Efetuou-se também adubação de cobertura (80 kg ha-1 de N) e calagem (1.248 kg ha-1 de calcário com 100% de PRNT). As avaliações realizadas envolvendo características da planta foram peso da matéria seca...

Influ?ncia da varia??o sazonal de atributos de fertilidade do solo sobre a biomassa microbiana em uma cronosseq?encia de plantio de palma de ?leo (Elaeis oleifera (Kunth) Cort?s) no Nordeste Paraense

SILVA JUNIOR, Alberto Cruz da
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
106.18%
O Brasil possui cerca de 32 milh?es de hectares de ?reas com aptid?o para a expans?o da cultura da palma de ?leo e mais de 90% destas est?o na Amaz?nia. H? necessidade de compreender a intera??o de novos plantios e de seu desenvolvimento com o meio ambiente. Este estudo foi conduzido em plantios comerciais da empresa Dend? do Par? SA (DENPASA) em Castanhal ? Par? e avaliou o efeito da varia??o sazonal da precipita??o sobre a fertilidade do solo e desta sobre a biomassa microbiana do solo em uma cronosseq?encia de plantios de palma de ?leo com 5, 8 e 12 anos e floresta secund?ria. Foram mensurados/estimados e correlacionados os atributos do solo carbono da biomassa microbiana (CBMS), carbono total (CTOTAL), nitrog?nio (NTOTAL), respira??o basal (RBS), quociente metab?lico (qCO2), rela??o carbono da biomassa microbiana/ carbono total (CBMS:CTOTAL), rela??o carbono/nitrog?nio (C/N), umidade gravim?trica (Ug), f?sforo (P), pot?ssio (K), c?lcio (Ca), magn?sio (Mg), alum?nio (Al), capacidade de troca efetiva de c?tions (CTC) e satura??o por alum?nio (m). O CBMS foi o atributo mais sens?vel para diferenciar as ?reas do estudo e os per?odos seco e chuvoso. Os atributos qu?micos de fertilidade do solo e a biomassa microbiana do solo apresentaram correla??es significativas mais fortes e em maior n?mero no per?odo chuvoso. Os ?ndices microbianos qCO2 e CBMS:CTOTAL comprovaram que ?reas de plantio convencional podem ser relativamente eficientes em rela??o ? din?mica do C em compara??o a ?rea de floresta secund?ria.; ABSTRACT: Brazil has about 32 million hectares of areas with capability to oil palm?s expansion and more than 90% of these are in the Amazon. There is need to understand the interaction of new plantations and its development with the environment. This study was conducted in Dende do Par? SA (DENPASA)...

Fertilidade do solo da área ciliar da sub-bacia hidrográfica Mariana, para fins de conservação ambiental

Camargo, Mairo Fabio; Roque, Cassiano Garcia; Umetsu, Ricardo Keichi; Pierangeli, Maria Aparecida Pereira; Silva, Thiago Rodrigo Cardoso da
Fonte: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Publicador: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
106.15%
O presente trabalho teve como objetivo realizar a caracterização química e granulométrica do solo da área ciliar da sub-bacia hidrográfica Mariana, localizada no extremo norte do Estado de Mato Grosso, sob as coordenadas geográficas 56º8’0’’W, 56º5’0’’W e 9º56’30’’S, 9º59’30’’S. Os atributos químicos e físicos avaliados foram: pH (CaCl2), MO, K + , P, Ca +2 , Mg +2 , H + , Al +3 , V%, m%, SB, CTC pH 7,0, CTC efetiva e granulometria. Foram instaladas nove parcelas de 20 × 50 m, distribuídas de forma a representar toda a extensão da sub-bacia. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com 5 repetições para cada profundidade. As análises foram realizadas seguindo metodologia descrita pela EMBRAPA para avaliação da fertilidade do solo. Foram formadas cinco amostras compostas de cinco sub-amostras em cada parcela, nas profundidades de 0-0,1 e 0,1-0,2 m. Os valores obtidos foram submetidos à análise de variância, as médias testadas a 5% pelo teste de Tukey e as correlações efetuadas pelo teste T. Os resultados demonstram que a textura predominante é franco arenosa. Os valores dos atributos químicos do solo foram classificados entre baixa e média fertilidade.; ABSTRACT - This work aimed to characterize the soil chemical and particle-size of the riparian area of Mariana sub-basin in Mato Grosso state...

Rendimento de graos de soja afetado pelo espacamento entre linhas e fertilidade do solo; Soybean grain yield affected by row spacing and soil fertility

Thomas, Andre Luis; Costa, Jose Antonio; Pires, Joao Leonardo Fernandes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
106.24%
Foram realizados dois experimentos com soja, na Estação Experimental Agronômica da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, município de Eldorado do Sul - RS. Na safra de 1994/95, utilizou-se duas cultivares (FT-Saray e OCEPAR 14 - ciclo precoce e hábito de crescimento determinado), em dois espaçamentos entre linhas (20 e 40cm) e solo com dois níveis de fertilidade de fósforo (muito baixo e suficiente), numa densidade de 40 plantas m'. Na safra de 1996/97, utilizou-se a cv. FTSaray, com espaçamentos entre linhas de 20 e 40cm, três níveis de, fertilidade do solo (fertilidade atual, adubação recomendada e o dobro da adubação recomendada) e as populaç0es de 30 e 40 plantas m'. Quando a fertilidade do solo atendeu as exigências da cultura, de acordo com as recomendações técnicas, a redução do espaçamento de 40 para 20cm aumentou o rendimento de grãos de 3554 para 4104kg ha ' i+ 15%), no primeiro ano, e de 4322 para 5420kg h&' (+ 25%), no segundo. Entretanto, quando a ,fertilidade do solo ficou abaixo da recomendada, a diminuição do espaçamento de 40 para 20cm reduziu o rendimento de 1842 para 1520kg ha- ¹ (- 17%).; Two soybean experiments were perfbrmed at the Agronomic Experimental Farm of the Federal University of Rio Grande do Sul...

Espacialização e correlação entre os nutrientes do solo de Machadinho D' Oeste, RO.

GREGO, C. R.; VALLADARES, G. S.; BATISTELLA, M.; MIRANDA, E. E. de.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 31., 2007, Gramado. Conquistas e desafios da ciência do solo brasileira: anais. Porto Alegre: SBCS, 2007. 1 CD-ROM. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 31., 2007, Gramado. Conquistas e desafios da ciência do solo brasileira: anais. Porto Alegre: SBCS, 2007. 1 CD-ROM.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 4 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
106.16%
Tanto o planejamento quanto a sustentabilidade agrícola de projetos de assentamento rural, como o de Machadinho d' Oeste, podem ser beneficiados com informações espaciais da fertilidade do solo. O objeto do trabalho foi identificar a dependência espacial dos macro e micronutrientes do solo de Machadinho d"Oeste, RO, e a existência de correlação entre eles. Foram utilizados 76 pontos de amostragem e determinados os macros e micronutrientes a uma profundidade de 0-10 cm. Para analisar a variabilidade espacial, usou-se a geoestatística, por meio da análise de semivariogramas, interpolação dos dados por "krigagem" e construção de mapas de isolinhas. Para identificar a correlação entre duas variáveis foram construídos e ajustados os "cross" semivariogramas. Os resultados indicam baixo nível de fertilidade devido ao baixo teor de bases e a presença de alumínio e hidrogênio. Houve correlação espacial positiva significativa entre soma de bases com cálcio e magnésio, entre alumínio e hidrogênio e entre pH CaCl2 e pH em água. Já entre alumínio e PH CaCl2 ocorreu correlação negativa e não houve correlação significativa entre os micronutrientes, decorrentes as pequenas manchas com valores máximos discrepantes. A espacialização decorrente da correlação espacial existente evidenciou a baixa fertilidade na maior parte da área de Machadinho d"Oeste...

Avaliação dos atributos químicos do solo em função do tipo de manejo agrícola no semiárido cearense.

MENESES, F. M. N.; PRIMO, A. A.; VIEIRA, L. V.; MELO, M. D.; FERNANDES, J. K. S.; SOUZA, H. A. de
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 35., 2015, Natal. O solo e suas múltiplas funções: anais. Natal: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, 2015. 4 f. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 35., 2015, Natal. O solo e suas múltiplas funções: anais. Natal: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, 2015. 4 f.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
116.08%
Resumo: O objetivo desse estudo foi comparar sistemas de manejo tradicional e agrossilvipastoris por meio da avaliação dos atributos químicos do solo em sistemas implantados e consolidados no semiáridos cearense. A avaliação de atributos químicos do solo pode auxiliar no manejo e na escolha de sistemas mais conservacionistas, principalmente, em situações em que há baixo emprego de insumos externos. Comparou-se os seguintes sistemas: agrossilvipastoril (culturas agrícolas: milho, sorgo com posterior entrada de caprinos e ovinos na área e árvores nativas perfazendo incidência luminosa de 80%); silvipastoril (pastagem nativa e árvores nativas perfazendo incidência luminosa de 60%); tradicional (área cultivada com consórcio de milho e feijão sem uso de insumos e atualmente em pousio por 7 anos); mata nativa (área de referência ? vegetação Caatinga). Os atributos químicos do solo foram mensurados no fim da estação chuvosa de 2013 (maio/junho) manejos. O esquema experimental adotado foi em parcelas subdivididas, sendo as parcelas os manejos e as subparcelas as profundidades (0-0,10 e 0,10-0,20 m); com cinco repetições. Os sistemas agrossilvipastoril e silvipastorial apresentarem maiores valores de fertilidade do solo em detrimento a manejos tradicionais.; 2015