Página 1 dos resultados de 73 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Análise numérica de vigas "I" de aço em situação de incêndio, sujeitas à flambagem lateral. Contribuição para a validação de uma proposta de revisão do Eurocode 3 - parte 1.2.

Cazeli, R.; Vila Real, P.M.M.; Valdir, P.; Piloto, P.A.G.
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança Publicador: Instituto Politécnico de Bragança
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
17.28%
O presente trabalho documenta as análises numéricas de vigas “1” de aço sujeitas ao fenómeno da flambagem lateral, em situação de incêndio, tendo por base os resultados obtidos do programa SAFIR. O SAFIR é um programa de elementos finitos que faz a análise não-linear geométrica e do material, especialmente desenvolvido para o estudo de estruturas sujeitas à acção do fogo. Os resultados obtidos por esse programa são comparados aos resultados obtidos pelo método simplificado de dimensionamento apresentado na parte 1-2 do EUROCODE 3. Esse último modelo conduz a níveis de segurança que dependem do Índice de esbeltez reduzido dos elementos estruturais, não estando os resultados do lado da segurança para unia certa gama de valores dessa esbeltez, quando comparados aos resultados numéricos. Neste estudo foi considerada toda a gama de perfis da série europeia IPE em aço 5235, para uma viga simplesmente apoiada, submetida exclusivamente ao esforço do momento puro nas extremidades, considerando imperfeição geométrica do tipo senoidal e ainda tensões residuais. Com base neste estudo foi possível analisar também a validade de uma nova proposta de modelo de cálculo simples, que garante resultados mais seguros...

Fire resistance of composite columns made of concrete filled circular hollow sections and with restrained termal elongation

Oliveira, Tiago Ancelmo de Carvalho Pires de
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
ENG
Relevância na Pesquisa
17.28%
Composite columns made of Concrete Filled Circular Hollow (CFCH) sections or CFCH columns become popular principally in high-rise and industrial buildings as a good solution for fire situation due advantages such as high load-bearing capacity, high seismic resistance; attractive appearance, slenderness, fast construction times and reduced costs. Despite several research studies on fire resistance of CFCH columns, its behaviour in fire is not completely understood. Most of these studies did not consider the restraining to column thermal elongation, important parameter for behaviour of the column on fire when that one is inserted in a structure. This thesis presents the results of a series of forty fire resistance tests on CFCH columns with axial and rotational restraining to thermal elongation. Parameters such as the slenderness of the column, its load level, the stiffness of the surrounding structure, the ratio of steel reinforcement and the degree of concrete filling inside the column, were tested. Circular Hollow Sections (CHS) columns (i.e. steel columns) were tested also for comparison. A three-dimensional nonlinear finite element model developed in ABAQUS (2011) to predict the behaviour in fire of these columns is presented and validated in comparison with the fire tests. The model includes the relevant parameters tested experimentally. The research is complemented with a numerical analysis that includes a range of practical values of load level...

Análise experimental da punção em lajes de concreto armado e protendido; Experimental punching shear analysis of reinforced and prestressed concrete slabs

Melges, José Luiz Pinheiro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/03/2001 PT
Relevância na Pesquisa
16.66%
As lajes lisas podem oferecer diversas vantagens quando comparadas ao sistema de lajes, vigas e pilares, sendo, em muitos casos, mais econômicas. O uso da protensão pode oferecer outras vantagens, tais como um melhor controle da fissuração e dos deslocamentos transversais da laje. Como a punção é um dos pontos fracos das lajes lisas protendidas, face à grande esbeltez destas lajes, apresentam-se resultados experimentais de ligações laje-pilar interno, com carregamento concêntrico, com e sem armadura de punção (conectores tipo-pino), com e sem protensão por pós-tração (cabos não aderentes). Os principais aspectos analisados foram as influências da armadura de punção e da protensão na resistência da ligação laje-pilar. Fez-se também uma análise envolvendo a previsão da resistência da ligação, dada por algumas normas e códigos. Observa-se que, de um modo aproximado, a armadura de punção eleva significativamente a resistência do modelo à punção, seja ele de concreto armado ou protendido. Observa-se ainda que, embora diminuindo a taxa de armadura dos modelos de concreto armado, para que se introduzissem as cordoalhas de protensão, os valores experimentais obtidos mostram que a presença da protensão aumentou a resistência da ligação. De um modo geral...

Análise teórica e experimental de perfis de aço formados a frio submetidos à compressão; Theoretical and experimental analysis of cold-formed steel members under compression

Chodraui, Gustavo Monteiro de Barros
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/08/2006 PT
Relevância na Pesquisa
16.66%
Os perfis de aço formados a frio apresentam, em geral, maior esbeltez local (relação largura-espessura dos elementos) em relação aos clássicos perfis laminados, acentuando a instabilidade local. Além disso, em se tratando de seções abertas com paredes muito delgadas, a rigidez à torção resulta muito pequena, o que torna os modos globais de torção e flexo-torção muitas vezes dominantes em relação aos modos de flexão. Outro modo de instabilidade que pode se manifestar é o modo distorcional, característico nos perfis com enrijecedores de borda. Com relação à análise do modo global, as normas para cálculo de perfis formados a frio têm adotado as mesmas curvas de resistência à compressão desenvolvidas para os perfis laminados e soldados, como a curva do SSRC (Structural Stability Research Council), adotada pela NAS (North American Specification), e as curvas européias, adotadas pela norma brasileira. Embora alguns estudos indiquem que as citadas curvas sejam aceitáveis para os perfis formados a frio, há também referências explícitas quanto à necessidade de um maior aprofundamento na investigação sobre o comportamento estrutural destes perfis, uma vez que apresentam particularidades quanto às tensões residuais...

Análise teórico-experimental de pilares mistos preenchidos de seção circular; Theoretical and experimental analysis of circular concrete-filled steel tubular columns

Oliveira, Walter Luiz Andrade de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/06/2008 PT
Relevância na Pesquisa
16.66%
Os pilares mistos preenchidos são elementos estruturais constituídos por um tubo de aço preenchido com concreto de qualidade estrutural. O objetivo principal do trabalho foi estudar o comportamento dos pilares mistos preenchidos de seção circular. Para isso, foi avaliada a influência da resistência à compressão do concreto (fc), da esbeltez do pilar (L/D), da espessura do tubo de aço (t) e da forma de introdução do carregamento, se no núcleo de concreto ou na seção mista do pilar. Foram feitos ensaios experimentais de 64 pilares mistos preenchidos, submetidos à força de compressão centrada. Os resultados de capacidade resistente obtidos foram avaliados e comparados com os resultados de previsão segundo os procedimentos normativos estrangeiros do EUROCODE 4:2004, ANSI/AISC:2005 e CAN/CSA:2001 e do Projeto de Revisão da Norma Brasileira (PR-NBR 8800, draft 2008). Os resultados previstos foram maiores que os experimentais para os procedimentos do ANSI/AISC e da NBR e menores para os procedimentos do EC4 e do CAN/CSA. A partir da comparação dos valores de capacidade resistente experimentais e normativos, foi desenvolvido um estudo de confiabilidade dos valores de força resistente obtidos segundo as equações de dimensionamento dessas normas...

Análise teórica e experimental do comportamento de modelos de pilares esbeltos de concreto de alta resistência, considerando a ductilidade; Theoretical and experimental analysis of slender high-strength concrete columns, considering the ductility

Aguirre Torrico, Francisco
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
27.28%
Esta tese discute as análises teórica e experimental de pilares de seção retangular, esbeltos, confinados por estribos, de concreto de alta resistência, sujeitos à flexo-compressão, considerando os estados limites últimos de ruptura do concreto ou por deformação excessiva das barras da armadura ou por instabilidade. Foram ensaiados 12 modelos de pilares com esbeltez mecânica igual a 92, compondo três séries de 4 pilares cada uma; os parâmetros estudados foram a excentricidade da força, a taxa volumétrica de armadura transversal e a resistência do concreto. Em uma segunda fase, foram analisados 9 pilares curtos de seção quadrada à compressão concêntrica com o objetivo de avaliar a ductilidade e obter as propriedades do concreto confinado. Para a realização dos ensaios foram empregadas rótulas unidirecionais, que permitiram transferir a força excêntrica ao pilar. Para a obtenção das resistências dos concretos, foram realizados ensaios para a determinação da composição dos materiais e foram traçadas curvas de dosagem. Os resultados experimentais foram comparados com os obtidos com o método exato que considera a não linearidade física e geométrica por meio de programas computacionais elaborados pelo autor. Observou-se que os resultados experimentais se aproximaram dos resultados teóricos. As ruínas dos pilares esbeltos foram por instabilidade...

A instabilidade de perfis formados a frio em situação de incêndio.; Buckling of cold-formed steel in fire.

Pierin, Igor
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 07/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
16.66%
A utilização de perfis formados a frio na construção civil tem sido motivada pela elevada eficiência estrutural, expressa pela relação entre capacidade resistente e peso, e pela facilidade de fabricação, caracterizada pela possibilidade de produção de elementos com diferentes seções transversais. Devido à alta esbeltez dos elementos que os constituem, o projeto desses perfis, à temperatura ambiente ou em situação de incêndio, é governado pelos fenômenos de instabilidade local, distorcional e global. O objetivo dessa Tese é o desenvolvimento de ferramentas computacionais que possibilitem a avaliação do comportamento estrutural de pilares de aço formados a frio em situação de incêndio. Para esse fim são desenvolvidos dois programas de computador. O primeiro programa, denominado de ATERM, tem o objetivo de determinar o campo de temperaturas em regime transiente, de estruturas bidimensionais formadas por qualquer material, submetidas a qualquer curva temperatura-tempo de incêndio, com base no método dos elementos finitos. A esse programa acopla-se o programa ATERM-DIM para o dimensionamento em regime plástico de vigas de aço continuamente travadas, em situação de incêndio. Resultados obtidos do ATERM são comparados aos obtidos do programa sueco de computador Super Tempcalc. O segundo programa...

Avaliação estatística do erro de modelos de resistência para elementos lineares de concreto armado da ABNT NBR 6118:2007; Statistical evaluation of resistance modelling error for linear elements of concrete structures of ABNT NBR 6118:2007

Santos, Eunice Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
16.66%
Um projeto de estruturas deve considerar incertezas intrínsecas às variáveis presentes na estrutura e na concepção estrutural, como intensidade e distribuição das ações, propriedades mecânicas dos materiais, parâmetros geométricos da estrutura e modelos de cálculo e de análise estrutural. Desta forma, a segurança estrutural só pode ser medida em termos probabilísticos. O presente estudo aborda uma análise estatística da variável aleatória erro de modelo para a previsão da capacidade resistente de elementos lineares (vigas e pilares) segundo requisitos das normas de estruturas de concreto ABNT NBR 6118:2003 e ACI 318-2002. A variável erro de modelo é obtida pela razão entre observações dos valores reais e os valores obtidos segundo os requisitos normativos. Os valores reais de resistência dos pilares de concreto armado foram obtidos a partir de uma base de dados experimentais levantada de pesquisas sobre este elementos. O principal objetivo deste trabalho é avaliar a influência de cada parâmetro considerado, como resistência média a compressão do concreto, taxa de armadura, esbeltez dos pilares, altura útil e domínios de ruína das vigas, deformação dos elementos concreto e aço, sobre a resistência última dos elementos. Os resultados obtidos demonstram que os modelos da norma brasileira são conservadores e tendenciosos em relação os parâmetros estudados.; In a design of structures...

Sobre perfis de aço formados a frio compostos por dupla cantoneira com seção "T" submetidos à compressão; About cold-formed double angles back-to-back under compression

Leal, Davi Fagundes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
17.28%
Atualmente, dentre os perfis de aço formados a frio (PFF) mais utilizados em sistemas estruturais correntes, merecem destaque aqueles compostos por duas cantoneiras ligadas entre si por meio de presilhas, apresentando seção na forma de "T". Embora tenha utilização bastante difundida, pouco se sabe sobre o comportamento estrutural deste tipo de perfil, principalmente em relação aos modos de instabilidade a ele associados. No presente trabalho, são desenvolvidos, com base em ferramentas disponibilizadas no código computacional ANSYS, modelos numéricos em elementos finitos com a finalidade de se investigar o comportamento estrutural dos referidos perfis submetidos à compressão e, com isso, contribuir para futuras revisões nas especificações da ABNT NBR 14762:2010 referentes aos PFF compostos. Por meio de análises não-lineares, foi investigada a influência de diversos fatores na resposta estrutural dos perfis, como: a forma de introdução do carregamento (compressão centrada ou excêntrica), as condições de vinculação, a esbeltez global, as imperfeições geométricas iniciais, a espessura das cantoneiras e o número de presilhas. Os resultados numéricos indicam que os valores de força normal de compressão resistente...

Instabilidade lateral de vigas pré-moldadas em situações transitórias; Lateral stability of precast concrete beams during transient situations

Krahl, Pablo Augusto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/04/2014 PT
Relevância na Pesquisa
27.8%
O objetivo desta pesquisa é apresentar procedimentos de verificação da estabilidade lateral de vigas de concreto em situações transitórias e com eles realizar análises paramétricas. As fases transitórias estudadas são içamento, transporte e pré-serviço com e sem contraventamento nos apoios. As formulações apresentadas contém cálculo de carga crítica de instabilidade lateral, momento crítico e fator de segurança. São apresentados exemplos numéricos e a partir deles realizadas análises paramétricas com intuito de determinar limites de segurança. Os parâmetros variados foram fck, imperfeições geométricas, vão, largura da mesa comprimida e espessura da alma fazendo uma comparação entre vigas I e retangular. Com os resultados, foram obtidas esbeltezes geométricas limite para fases transitórias, relações entre carga crítica e carga devido ao peso próprio e uma relação entre momento crítico elástico e momento último de flexão para a fase transitória anterior à execução do tabuleiro com contraventamento nos apoios, especificamente. Na comparação entre vigas I e retangular, constatou-se que os dois tipos de seção apresentam limites de segurança distintos. As análises mostraram que os limites de esbeltez geométrica recomendados...

Simulação computacional do comportamento de estruturas de aço sob incêndio

Souza Júnior, Valdenir de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.66%
A análise do comportamento estrutural sob incêndio constitui uma parte importante da engenharia de proteção contra incêndio, especialmente no caso de estruturas de aço, por sua alta condutividade térmica e relativa esbeltez das seções. As dificuldades econômicas e práticas, associadas à avaliação do comportamento estrutural, por meio de ensaios em escala real, têm estimulado o desenvolvimento e uso de métodos de simulação numérica. Esta tese trata da simulação numérica do comportamento de estruturas de aço sob condições de incêndio e se divide em três partes. As duas primeiras partes foram desenvolvidas na Universidade de Liége, na Bélgica, usando-se o programa SAFIR como ferramenta numérica. A terceira parte foi desenvolvida de forma independente, na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Na primeira parte, é feito um estudo comparativo entre o uso de elementos finitos de viga e de casca, na modelagem de vigas simplesmente apoiadas, sujeitas a flambagem lateral por torção. Os esforços de torção, presentes no caso de flambagem lateral, podem levar a uma plastificação da seção transversal e à conseqüente redução da rigidez à torção da seção. Da mesma forma, a degradação das propriedades do material...

Diagramas para verificação de pilares retangulares em concreto armado submetidos à flexão composta normal

Ribeiro, Kleyser
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 308 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
17.28%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil, Florianópolis, 2011; Neste trabalho, apresentam-se tabelas e diagramas para a verificação de de esbeltez até noventa. Além da verificação da capacidade portante da seção transversal, as tabelas e os diagramas desenvolvidos realizam a verificação da estabilidade dos pilares, sendo agrupados em diferentes níveis de esbeltez, considerando-se a não-linearidade física e a ãolinearidade geométrica. Apresenta-se uma revisão bibliográfica dos principais trabalhos nacionais e internacionais acerca do tema, incluindo-se uma comparação entre a norma brasileira (ABNT NBR 6118: 2007) e a norma européia (EN 1992: 2004). Para a construção dos diagramas, foram desenvolvidos algoritmos computacionais e implementados na linguagem REALbasic. Em todo o trabalho, foi adotado o método geral, em razão de sua precisão, sendo que os programas executam os procedimentos iterativos relativos à obtenção da relação momento-curvatura e ao cálculo dos efeitos de segunda ordem. Ao final, são apresentados exemplos de aplicação e comentários acerca da utilização das tabelas e dos diagramas, concluindo-se que o uso destes pode ser útil tanto aos projetistas quanto aos estudantes da área de engenharia civil...

Análise experimental e numérica de pilares de concreto armado submetidos a flexão composta reta; Experimental and numerical analysis of reinforced concrete columns subjected to combined axial and bending loads

Santos, Galileu Silva
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
17.28%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Civil e Ambiental, 2009.; Este trabalho apresenta um estudo teórico e experimental sobre o comportamento de pilares de concreto armado submetidos a flexão composta reta, visando contribuir para uma melhor compreensão do assunto. A análise teórica consistiu na adaptação de um programa computacional denominado CACODI, elaborado pelo Professor Yosiaki Nagato (NAGATO, 1987), para a criação de um novo programa, batizado de FLECO 2. O programa foi usado na estimativa de flechas e deformações de pilares de concreto armado sob flexão composta reta durante todas as fases do carregamento até a ruína levando-se em conta os efeitos de segunda ordem. O programa experimental envolveu o ensaio de 14 modelos no Laboratório de Estruturas da Universidade de Brasília. As variáveis principais foram a excentricidade do ponto de aplicação de carga e o índice de esbeltez dos pilares, sendo mantidas constantes as dimensões das seções transversais e a taxa de armadura. A resistência especificada para o concreto foi de 40 MPa. Os resultados estimados pelo programa tiveram uma excelente aproximação dos resultados experimentais, sendo adequada a sua utilização na verificação de ensaios de elementos submetidos a flexão composta reta. Uma curva de tendência de forma exponencial para a carga última relativa (υ) em função da excentricidade relativa (e/h) foi encontrada...

Critérios normativos sobre influência da relação Aw/Af e esbeltez de alma no cálculo da resitência à flexão de vigas esbeltas em elementos de estruturas de aço.; Normative criteria of influence of the Aw / Af and slenderness of soul in the calculation of the resistance to bending of beams slim in elements of steel structures.

FERNANDES, Rodrigo
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Engenharia Civil; Engenharias Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Engenharia Civil; Engenharias
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
27.8%
This work contains a theoretical analysis of the behavior of plate girders. A plate girder has been calculated based on the criteria of the American standard Manual of Steel Construction Load and Resistance Factor Design (AISC, 1994), and checked by the Brazilian standard NBR 8800: Projeto e execução de estruturas de aço de edifícios (método dos estados limites) (ABNT, 1986), the revision project of the Brazilian standard Projeto de Revisão da NBR 8800: Projeto e execução de estruturas de aço e de estruturas mistas aço-concreto de edifícios (ABNT, 2003), the revision project of the Brazilian standard Projeto de Revisão da NBR 8800: Projeto de estruturas de aço e de estruturas mistas de aço e concreto de edifícios (ABNT, 2007) and the European standard Eurocode 3: Design of steel structures Part 1.1: General rules and rules for buildings (CEN, 1992). PFEIL (1989) has calculated a plate girder by using the Brazilian standard NBR 8800/86. The calculated dimension have been checked by the mentioned standards. NARAYANAN (1992 apud OWENS, KNOWLES E DOWLING, 1992) has dimensioned a plate girder by using the British standard BS 5950: Structural use of steelwork in building. Part 1: Code of practice for design in simple and continuous construction: hot rolled sections (BSI...

Comportamiento mecánico de materiales compuestos de matriz metálica y refuerzo de partículas : un enfoque basado en celdas multipartícula

Zahr Viñuela, Jorge Alonso
Fonte: Universidade Carlos III de Madrid Publicador: Universidade Carlos III de Madrid
Tipo: info:eu-repo/semantics/doctoralThesis; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis Formato: application/octet-stream; application/octet-stream; application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
17.28%
En esta Tesis Doctoral se estudia el comportamiento mecánico de los materiales compuestos de matriz metálica y refuerzo de partículas cerámicas (PMMCs). En su mayor parte, el método empleado consiste en el análisis de celdas multipartícula por el método de los Elementos Finitos, aunque en algunos aspectos, se ha complementado sus resultados mediante el uso de determinados modelos analíticos seleccionados de la literatura. Los aspectos del comportamiento mecánico de PMMCs estudiados en este trabajo fueron, esencialmente tres: (a) la determinación de constantes elásticas efectivas a partir de las propiedades de las fases y de información microestructural, (b) el comportamiento efectivo en régimen elásto-plástico cuando una de las fases del material compuesto posee este tipo de comportamiento y, finalmente, (c) la influencia que los eventos de decohesión entre matriz y partículas tienen sobre la respuesta mecánica efectiva del material. Como herramienta operacional, se ha desarrollado un algoritmo para la generación de distribuciones aleatorias de partículas prismáticas en el espacio tridimensional, permitiendo el control por parte del usuario de parámetros microestructurales como la fracción volumétrica de refuerzo y la esbeltez de las partículas...

Efectos de esbeltez en elementos sometidos a compresión

Alfonso Barrios García; Universidad del Norte
Fonte: Universidad del Norte Publicador: Universidad del Norte
Tipo: article; publishedVersion Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
27.6%
Se pretende con este artículo aclarar los procedimientos básicos que deben seguirse para tener en cuenta los efectos de esbeltez evaluados según las disposiciones de las Normas Colombianas de Diseño y Construcciones Sismo Resistente NSR-98, siguiendo paso a paso un diagrama de flujo, concatenando el articulado de las Normas. Como propósito fundamental se tiene el de llenar un vacío en el proceso de la enseñanza de este tema, pues si bien la bibliografía referente al mismo es bastante amplia y fundamentada, está basada en códigos foráneos, particularmente el del American Concrete Institute ACI-318- 95, que a pesar de ser el sostén primario del Título C de nuestra Norma, temas como el de los efectos de esbeltez o de segundo orden son tratados con diferencias importantes que imposibilitan su total adaptación. El diagrama de flujo tiene pues propósitos académicos, pero se puede convertir en un algoritmo eficiente, introduciéndole algunas sentencias menores, para que pueda desarrollarse en un programa de computadora. Debe entenderse que el flujograma sólo se usará como complemento de la Sección c.10.10 de la Norma y para nada se pretende remplazarla; por el contrario, se debe analizar su contenido para proponer una mejor forma de adaptar y complementar la secuencia del diagrama.

Análise da seção de pilares de concreto armado – estudo de caso

Clasen, Arthur
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso - TCC
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.28%
Artigo submetido ao Curso de Engenharia Civil da UNESC - como requisito parcial para obtenção do Título de Engenheiro Civil.; Construções em concreto armado sejam elas de pequeno ou de grande porte, três elementos estruturais são os mais comuns: as lajes, as vigas e os pilares. Os benefícios dessa estrutura, como economia, conservação e impermeabilidade, fazem com que o concreto armado seja utilizado em grande escala em todo o mundo. Um desses elementos estruturais é o pilar, que é de grande importância na composição do sistema estrutural, onde a sua ruptura pode levar a danos irreversíveis e progressivos a estrutura como um todo. Os pilares têm a função de suportar e transmitir os esforços da estrutura até as fundações. O presente estudo, tem o objetivo de avaliar as variações das dimensões das faces dos pilares executados em comparação aos projetados, influenciando diretamente no índice de esbeltez dos pilares. Desta forma foram analisadas as seções dos pilares executados in loco e verificou sua fidelidade ao que foi projetado. Os dados foram coletados com o auxílio de um taqueômetro e analisados conforme o projeto e a NBR 6118/2007. Os resultados coletados mostraram que para construção estudada os defeitos geométricos não foram relevantes.

Diseño racional a cortante de trabes acarteladas de concreto reforzado

Archundia Aranda,Hans I.; Tena Colunga,Arturo
Fonte: Instituto Mexicano del Cemento y del Concreto, A.C. Publicador: Instituto Mexicano del Cemento y del Concreto, A.C.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 ES
Relevância na Pesquisa
27.28%
A Mörsch (1909) se le atribuye la primera fórmula desarrollada a partir de la teoría de vigas para cuantificar la demanda de cortante en trabes acarteladas de concreto reforzado (TACR). Su ecuación es la base de varios métodos seccionales que ignoran la interacción flexión-cortante. Las TACR también se pueden diseñar con campos de esfuerzo y modelos de armadura. Estas técnicas permiten diseñar tramos de elemento en los que se toma en cuenta dicha interacción. Dilger y Langohr (1997) desarrollaron un método de diseño por secciones para trabes de sección variable sustentado en un modelo de armadura. Con base en sus resultados, concluyeron que los métodos afines a la teoría de vigas son inseguros. En este trabajo se presenta un método de diseño a cortante para TACR basado en campos de esfuerzo y modelos de armadura, que demuestra que los métodos basados en la teoría de vigas también son seguros. La propuesta incorpora definiciones racionales para la sección crítica por cortante, la esbeltez y las regiones B-D.

Sección crítica, esbeltez y regiones B-D para diseño a cortante de trabes de concreto reforzado

Archundia Aranda,Hans I.; Tena Colunga,Arturo
Fonte: Instituto Mexicano del Cemento y del Concreto, A.C. Publicador: Instituto Mexicano del Cemento y del Concreto, A.C.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2015 ES
Relevância na Pesquisa
37.8%
Entre los parámetros que definen el comportamiento y diseño a cortante de las trabes de concreto reforzado, están: i) la sección crítica, ii) la esbeltez y, iii) las regiones B-D. La sección crítica y la esbeltez fueron propuestas a partir del ensaye de trabes sin refuerzo transversal, por lo que su extensión y aplicación en trabes con estribos es cuestionable. Por otra parte, es común subdividir los elementos estructurales en función de las trayectorias de los esfuerzos principales elásticos (regiones B-D), y con ello diseñar el estado límite de falla. Estas inconsistencias han oscurecido el entendimiento del mecanismo resistente a cortante y los métodos de diseño de las trabes de concreto reforzado. En un intento por corregir esta situación, se desarrollaron definiciones para los tres parámetros arriba mencionados usando de manera consistente campos de esfuerzo y modelos de armadura. Con estas definiciones se analizaron algunos resultados experimentales disponibles en la literatura, lo que permitió: i) validar el método de diseño original para trabes esbeltas del reglamento ACI-318 e, ii) identificar una anomalía estructural que se denominó seudoesbeltez. La seudoesbeltez puede evitarse si se atienden recomendaciones sencillas para distribuir el acero de refuerzo transversal.

Efecto de la esbeltez en la resistencia de muros de mampostería confinada

Pérez Gavilán,Juan José; Flores,Leonardo; Alcocer,Sergio
Fonte: Sociedad Mexicana de Ingeniería Sísmica A.C. Publicador: Sociedad Mexicana de Ingeniería Sísmica A.C.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 ES
Relevância na Pesquisa
27.28%
Se presentan los resultados de un estudio experimental consistente en el ensayo de siete muros de mampostería confinada de barro a escala natural con relaciones de aspecto (H/L) que van desde 0.3 hasta 2.2. Se investigó el posible cambio de la rigidez lateral, antes del primer agrietamiento, con la carga vertical, y la degradación de la rigidez y resistencia laterales de los muros ante carga lateral cíclica. Los resultados muestran que la carga vertical y la relación de aspecto no tuvieron un efecto significativo en la rigidez lateral relativa a la teórica. Asimismo, que el comportamiento inelástico de los muros, caracterizado por medio de la degradación de la rigidez normalizada contra la demanda de ductilidad, puede estimarse, con buena precisión, con una función bilineal para valores de demanda de ductilidad hasta de 4.5. Se observó un incremento sustancial de la resistencia al agrietamiento normalizada con respecto a la resistencia nominal, con la reducción de la relación de aspecto. Se dedujo una expresión para estimar la resistencia al agrietamiento en función de la relación de aspecto, que coincide razonablemente con los resultados experimentales. Se propone una nueva expresión para el cálculo de la fuerza cortante de agrietamiento para diseño.