Página 1 dos resultados de 11 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

O ACERTO DE CONTAS DE DIDEROT COM O CETICISMO; The settlement of accounts of Diderot with skepticism

PIVA, Paulo Jonas de Lima
Fonte: UNESP-MARILIA Publicador: UNESP-MARILIA
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
16.93%
RESUMO: Este artigo é o segundo de uma tríade que trata do diálogo, mais precisamente do envolvimento, entre a filosofia de Denis Diderot e o ceticismo. O primeiro artigo, intitulado “O jovem Diderot e o ceticismo dos Pensamentos”, foi publicado na revista Dois Pontos, em sua edição dedicada ao tema do ceticismo (cf. PIVA, 2007), e limitou-se a uma análise minuciosa do problema da postura cética nos Pensamentos filosóficos, de 1746. O presente artigo, por seu turno, examina duas questões fundamentais, desta vez em O passeio do cético ou As alamedas, de 1747, último livro em que o ceticismo é evocado com destaque pelo enciclopedista, dois anos antes de ele render-se definitivamente ao materialismo ateu: 1) a interpretação que Diderot desenvolve do ceticismo e 2) sua posição diante dele. Já o terceiro e derradeiro texto da tríade examinará – evidentemente, numa próxima oportunidade – a presença do ceticismo no pensamento diderotiano da maturidade, ou seja, no período que se inicia em 1749, com a redação da Carta sobre os cegos, quando a questão da dúvida cética passa a perder em suas obras a relevância que tinha na origem de suas reflexões, mudando, até mesmo, de registro.; ABSTRACT: This article is the second of a triad that is the dialogue...

A filosofia da religião de Antony Flew : do ateísmo ao deísmo

Queiroz Júnior, Ilton de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
16.93%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Filosofia, 2012.; A presente dissertação trata da análise pormenorizada da filosofia da religião de Antony Flew, das teses ateístas às deístas, apresentadas por ele para justificar sua “conversão”, como ele mesmo denomina esta mudança. Antony Flew é considerado por muitos como um dos grandes filósofos do século XX. Escreveu sobre os mais diversos assuntos dentro da filosofia, principalmente nas áreas da lógica, linguagem, política e religião. Publicou em 1950 o seu primeiro e mais famoso artigo, Theology and Falsification, publicação filosófica mais reimpressa do século passado e citação constante em textos filosóficos ateístas. Aos 81 anos, em uma entrevista realizada em 2004 para a Associated Press, Flew afirmou ter mudado seu entendimento em relação à existência de Deus e que sim, é possível existir uma mente inteligente criadora do universo conhecido. Mas não seria um Deus interventor como as religiões reveladas afirmavam, Flew declarou acreditar no chamado “deus de Aristóteles”. Dividida em três partes, a dissertação trata primeiramente das principais teses filosóficas de Flew em que ele claramente muda de opinião...

Du Bartas, Petrarch, and the Poetry of Deism

Arthos, John
Fonte: Electronic version published by Fondren Library, Rice University, made possible with funding from the Rice Historical Society and Thomas R. Williams, Ph.D., class of 2000. Publicador: Electronic version published by Fondren Library, Rice University, made possible with funding from the Rice Historical Society and Thomas R. Williams, Ph.D., class of 2000.
ENG
Relevância na Pesquisa
16.93%
Paper by John Arthos

David Hume : de la Nueva Metafísica a la Verdadera Religión

Pérez Andreo, Bernardo
Fonte: Universidade de Múrcia Publicador: Universidade de Múrcia
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
16.93%
La crítica de David Hume a la religión y la propuesta de una nueva metafísica son dos elementos inseparables en la obra de Hume, pues la crítica de la metafísica, falsa y adulterada como la llama él, es la base para realizar la crítica que de verdad le interesa a Hume, la crítica de la religión, de las religiones. Todas las religiones, entiende, son las causantes de las guerras y discordias sociales, porque un grupo de privilegiados las utilizan para buscar fines espurios y no para hacer aquello que predican. La solución deberá ser el sometimiento de las distintas sectas religiosas al poder civil, pero sin que este pase a controlarse, simplemente hará de supervisor de las mismas, sin intentar, tampoco, imponer una religión civil al estilo de Rousseau. Proponemos seguir un camino con cuatro jalones. El primero, analizar la vida y la propuesta filosófica de Hume, donde encontramos tanto la negativa impronta religiosa del calvinismo escocés, como la clara determinación de hacer de la filosofía un servicio al hombre y a la sociedad. Un segundo paso será analizar la nueva metafísica de la naturaleza humana. Es una metafísica secularizada, que reduce la razón a sierva de las pasiones y transforma el yo endiosado del racionalismo en un constructo social y natural. Tras esto pasamos a la crítica de Hume a la religión en tres momentos: un primer ataque contra los milagros...

Erasmus Darwin’s Deistic Dissent and Didactic Epic Poetry: Promoting Science Education to a Mixed Audience Under the Banner of Tolerance

Martin, KIRSTEN
Fonte: Quens University Publicador: Quens University
Tipo: Tese de Doutorado
EN; EN
Relevância na Pesquisa
17.65%
Erasmus Darwin’s task as a Deistic Dissenter poet who wished to promote science education to a mixed audience was complex. There was mainstream concern over what Deists and Dissenters actually believed about God, their involvement in science, and, especially, how their published works, whatever the subject, might affect public morality and politics. I argue that Darwin’s poetry is primarily in the genre of Lucretian didactic epic but that it also involves elements of other written traditions (literary and non-literary). I focus on English didactic poetry, the theological written traditions of Dissent and Deism, and a particular tradition of erotic satire. The genre of Lucretian didactic epic and the tradition of English didactic poetry are non-identical. In Darwin’s Lucretian didactic epic, resemblances to such poems as Pope’s Essay on Man challenge ideas about what kind of narrative a didactic poem in the English language can deliver. Techniques from the theological written traditions of Dissent and Deism reflect Darwin’s affiliations, signal that science education fits within a larger debate about intellectual freedom, and promote tolerance for differences of opinion about nature. Mimicry of a particular tradition of erotic satire helps to downplay the address to a mixed audience while satirising some common misconceptions about poetry...

La figure du narrateur-voyageur dans les utopies littéraires classiques de Foigny, Veiras et Tyssot de Patot

Baillargeon, Sarah
Fonte: Université de Montréal Publicador: Université de Montréal
Tipo: Thèse ou Mémoire numérique / Electronic Thesis or Dissertation
FR
Relevância na Pesquisa
16.93%
Mémoire numérisé par la Division de la gestion de documents et des archives de l'Université de Montréal

Does Evolution matter?: a case study in Brazil of the effects of an evolutionary-thinking academic atmosphere in postgraduate students' belief in God/religious belief

Dias, Ivan A.; Willemart, Rodrigo Hirata; Marques, Antônio C.
Fonte: Academia Brasileira de Ciências; Rio de Janeiro Publicador: Academia Brasileira de Ciências; Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
27.65%
Although the theory of evolution is more than 150 years old, a substantial proportion of the world population does not mention it when explaining the origin of human beings. The usual alternative conception is offered by creationism, one of the main obstacles to full acceptance of evolution in many countries. National polls have demonstrated that schooling and religiosity are negatively correlated, with scientists being one of the least religious professionals. Herein we analyzed both (1) the profile of 1st semester undergraduate students and (2), thesis and dissertations, concerning religious and evolutionary thoughts from Biology and Veterinary Schools at the largest university of South America. We have shown that students of Biology are biased towards evolution before they enter university and also that the presence of an evolutionary-thinking academic atmosphere influences the deism/religiosity beliefs of postgraduate students.; Embora a teoria da evolução tenha mais de 150 anos, uma proporção substancial da população mundial não se refere a ela para explicar a origem dos seres humanos. A alternativa conceitual usual é oferecida pelo criacionismo, um dos principais obstáculos à aceitação plena da Evolução em muitos países. Pesquisas nacionais demonstraram que nível de instrução e religiosidade estão correlacionados negativamente...

O buldogue de Darwin

Porto, Gabriel Pereira
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
16.93%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-graduação em Filosofia, Florianopolis, 2010; Auto-intitulado o Buldogue de Darwin, Thomas Huxley ficou bastante conhecido como um fiel defensor do darwinismo, principalmente em âmbito não-especializado. Porém, sua advocacia nesse sentido teve como pano de fundo seu posicionamento filosófico, ao qual denominou cunhando o termo agnosticismo. Esse termo é comumente mal-interpretado e utilizado de forma inadequada, muitas vezes sendo entendido como um posicionamento religioso intermediário entre o deísmo e o ateísmo. Tal perspectiva está totalmente em desacordo com aquilo que Huxley tinha em mente quando cunhou o termo em uma reunião da extinta Metaphysical Society, onde, fortemente apoiado pelas filosofias de David Hume e Imannuel Kant, buscou exprimir sua posição perante os assuntos ali debatidos. O Agnosticismo é melhor compreendido como uma posição filosófica que defende a suspensão de juízo em relação a assuntos que transcendem à experiência, isto é, como uma reivindicação sobre as limitações e o escopo das faculdades cognitivas humanas. Ele deve ser utilizado como uma espécie de princípio de parcimônia epistemológico...

Does Evolution matter?: a case study in Brazil of the effects of an evolutionary-thinking academic atmosphere in postgraduate students' belief in God/religious belief

Dias,Ivan A.; Willemart,Rodrigo H.; Marques,Antonio C.
Fonte: Academia Brasileira de Ciências Publicador: Academia Brasileira de Ciências
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 EN
Relevância na Pesquisa
27.65%
Although the theory of evolution is more than 150 years old, a substantial proportion of the world population does not mention it when explaining the origin of human beings. The usual alternative conception is offered by creationism, one of the main obstacles to full acceptance of evolution in many countries. National polls have demonstrated that schooling and religiosity are negatively correlated, with scientists being one of the least religious professionals. Herein we analyzed both (1) the profile of 1st semester undergraduate students and (2), thesis and dissertations, concerning religious and evolutionary thoughts from Biology and Veterinary Schools at the largest university of South America. We have shown that students of Biology are biased towards evolution before they enter university and also that the presence of an evolutionary-thinking academic atmosphere influences the deism/religiosity beliefs of postgraduate students.

Life, the Universe, and almost Everything: Signs of Cosmic Design?

Vaas, Ruediger
Fonte: Universidade Cornell Publicador: Universidade Cornell
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 29/10/2009
Relevância na Pesquisa
16.93%
Why did the big bang occur, why do the laws and constants of nature as well as the boundary conditions seem so fine-tuned for life, what is the role of intelligence and self-consciousness in the universe, and how can it escape cosmic doomsday? The hypothesis of Cosmological Artificial Selection (CAS) connects those questions and suggests a far-reaching answer: Our universe might be understood in terms of vast computer simulations and could even have been created and transcended by one. - This essay critically discusses some of the premises and implications of CAS and related problems both with the proposal itself and its possible physical realization: Is our universe really fine-tuned, does CAS deserve to be considered as a convincing explanation, and which other options are available to understand the physical laws, constants and boundary conditions? Is life incidental, and does CAS revalue it? And is intelligence and self-consciousness ultimately doomed, or might CAS rescue it? Keywords: origin of the universe, big bang, fine-tuning, laws of nature, physical constants, initial conditions, intelligent life, cosmological natural selection, cosmological artificial selection, artificial cosmogenesis, deism, natural theology, far future of the universe...

Além do cânon: mão invisível, ordem natural e instituições

Santos, Antonio Tiago Loureiro Araújo dos; Bianchi, Ana Maria
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2007 POR
Relevância na Pesquisa
16.93%
O artigo propõe um entendimento não canônico da mão invisível de Adam Smith, que implicou uma leitura atenta dos textos originais e sua inserção no contexto histórico e intelectual da época. Para atingir esse objetivo, identificamos a conexão entre mão invisível e noções correlatas (ordem natural, conseqüências não intencionais) e discutimos o deísmo e o papel das instituições no pensamento de Smith. A discussão é precedida por breve apresentação dos fundamentos comportamentais da teoria smithiana, com a qual procuramos melhor amparar nossas conclusões.; The article proposes a non-canonical understanding of Adam Smith´s invisible hand, which implied a careful reading of the original texts and their framing in the historical and intelectual context of their time. To reach this goal, we identify the connection between the invisible hand and correlated notions (natural order, non-intentional consequences) and we discuss deism and the role of institutions in Smith´s thought. The discussion is preceded by a brief exposition of the behavioral foundations of the Smithian theory, in which we looked for a better support to our conclusions.