Página 1 dos resultados de 433 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Análise morfológica da evolução da captura do rio Guaratuba (Bertioga-SP) através da técnica de datação por luminescência opticamente estimulada (LOE); Morphological analysis of the evolution of the Guaratuba River Capture (Bertioga SP) using the Optically Stimulated Luminescence (OSL) dating technique

Neves, Fernanda Volpon
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.49%
A Serra do Mar pertence ao complexo litorâneo brasileiro, preenchendo todo o litoral desde Santa Catarina até o Rio de Janeiro. As feições de seu relevo são peculiares, resultantes de um tectonismo recente com acelerado processo de intemperismo, que acarreta em feições distintas ao longo de todo o complexo da Serra do Mar. A evolução deste relevo tem como fator resultante a adequação da drenagem às falhas e rupturas presentes nas rochas. Desta forma a evolução da Serra do Mar e compreensão das anomalias de drenagem, tal como a Captura Fluvial do alto rio Guaratuba, passa a ser ponto de investigação desta pesquisa, utilizando datação por Luminescência Opticamente Estimulada (LOE). Para o desenvolvimento da pesquisa foi proposta uma divisão do relevo em três compartimentos geomorfológicos (Planalto, Planície do alto rio Guaratuba, Bordas e escarpa da Serra). A compartimentação foi elaborada respeitando as morfologias e a drenagem local, baseada na teoria de AbSaber (1969) sobre a forma de se estudar o Quaternário. Foram elaboradas cartas temáticas (declividade, hipsometria, orientação das vertentes, etc.) para um embasamento visual da teoria discutida no trabalho, vinculando a elas os pontos de coleta das amostras. A partir da compartimentação do relevo desenvolveu-se atividade de campo para coleta de material sedimentar de possíveis trechos do antigo leito fluvial. As amostras coletadas foram trabalhadas em laboratório por datação através da técnica de LOE...

Estudo dos centros luminescentes de cristais de quartzo aplicados à datação de sedimentos por luminescência opticamente estimulada; Investigations of luminescence centers of quartz crystals and its application to sediments dating by OSL

Rocca, René Rojas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.37%
O presente trabalho tem como objetivo principal o estudo da Termoluminescência (TL) e a Luminescência Opticamente Estimulada (LOE) de cristais de quartzo retirados de sedimentos localizados no litoral do Estado do Maranhão. Foi efetuada uma análise do comportamento da TL e da LOE do quartzo em relação à irradiação com radiação gama e beta, pré-aquecimentos e exposição à luz solar. Esta análise foi feita visando comparar os resultados obtidos por TL e LOE para aplicação na datação de cristais de quartzo. Os centros paramagnéticos da amostra foram analisados e identificados através de medidas de Ressonância Paramagnética Eletrônica (RPE), uma correlação dos centros de TL e LOE foi encontrada. Na datação por grão único observamos um comportamento inesperado, sendo um indício de que os centros responsáveis pela TL e a LOE não são os mesmos. As idades obtidas por LOE dependem apenas dos grãos que têm maior intensidade, por outro lado idades obtidas por TL resultam da contribuição de todos os grãos. As medidas de Difração de Raios-X (DRX), feitas no Laboratório Nacional de Luz Sincroton (LNLS), confirmaram que os grãos eram de quartzo apesar de apresentarem propriedades de emissão LOE diferentes...

Datação de fenômenos lexicais e expressões idiomáticas na obra de Juó Bananére: subsídios para o estudo diacrônico do português brasileiro; Dating lexical phenomena and idiomatic expressions in Juó Bananéres work: subsidies to diachronic studies of Brazilian Portuguese

Leone, Juliana Bianchi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/10/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.2%
Esta pesquisa apresenta uma proposta de modelo teórico e metodológico da Etimologia e sua aplicação na datação de fenômenos lexicais e expressões idiomáticas do início do século XX, registrados nas obras de Juó Bananére, pseudônimo de Alexandre Ribeiro Marcondes Machado (1892-1933). Os dados linguísticos coloquiais utilizados por Bananére conferem às publicações do escritor um valor documental e histórico, tornando-as fontes importantes para a reconstrução do português coloquial do início do século XX. Dessa forma, a abonação e retroação dos dados lexicais e sintáticos, realizadas a partir da consulta de obras de referência, informações históricas e corpora paralelos, contribui para o reconhecimento dos textos macarrônicos como excelente fonte para a Linguística Histórica e para a expansão da análise diacrônica acerca do registro popular da língua portuguesa.; This research presents a theoretical and methodological model of etymology and its application in dating lexical phenomena and idiomatic expressions from the beginning of the twentieth century, published in Juó Bananéres work, who is the pseudonymous of Alexandre Ribeiro Marcondes Machado (1892-1933). The linguistic data used by Bananére confers a historical and documental value to his publication which makes them essential to the reconstruction of the colloquial Portuguese language from the beginning of the twentieth century. Thus...

Datação 40K-40Ar de Ilitas associadas a processos hidrotermais em regiões mineralizadas – uma aplicação nas Minas do Camaquã (Bacia do Camaquã, sul do Brasil) Datação 40K-40Ar de Ilitas associadas a processos hidrotermais em regiões mineralizadas – uma aplicação nas Minas do Camaquã (Bacia do Camaquã, sul do Brasil)

Canarim, Denise Moreira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.37%
As Minas do Camaquã são compostas pelas Minas Uruguay e São Luiz, foram produtoras de Cu e localizam-se no extremo sul do Brasil (na região do Escudo Sul-rio-grandense) na chamada Bacia do Camaquã (Neoproterorozoico ao Paleozoico). A região das Minas do Camaquã é classicamente conhecida como “Janela Bom Jardim” e já foi objeto de diversos estudos porém ainda persistem dúvidas principalmente quanto a gênese do minério e a sua relação temporal. As mineralizações ocorrem alojadas em falhas e como disseminações nos arenitos e conglomerados do Alogrupo Santa Bárbara desta Bacia. Os sulfetos presentes incluem a paragênese composta por calcopirita, bornita, calcocita e pirita, aparecendo o Au e a Ag como principais subprodutos. Na Mina Uruguay destaca-se a presença de um conglomerado com seixos zonados de composição granítica decorrentes dos processos de alteração hidrotermal atuantes nessas rochas. Amostras desses seixos foram coletadas em testemunhos de sondagem e analisados por petrografia, por difratometria de raios X e por microscopia eletrônica de varredura mostrando a presença de alteração hidrotermal de composição ilítica principalmente na porção mais central dos seixos. Assim, em 4 amostras coletadas em diferentes profundidades nos testemunhos foram separadas diferentes frações granulométricas (<1; <0...

Datação por luminescência opticamente estimulada (Loe) e por 14C de materiais de uma topossequência de solos na Serra do Espinhaço Meridional - MG: abordagem paleoambiental

Aquino, Aline de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 124 f. : il., gráfs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.2%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Geografia - IGCE; O trabalho trata da cronologia dos sedimentos e das matérias orgânicas que deram origem a uma topossequência de solos. A área de estudo compreende uma porção da Alta Bacia do Rio Preto, no município de São Gonçalo do Rio Preto, na região Centro-Norte de Minas Gerais. Nessa área foi estudada uma topossequência de solos que apresentou complexidade em relação aos seus materiais de origem. Devido a essa complexidade a topossequência de solos foi dividida em três compartimentos: I, II e III. O compartimento I composto por materiais autóctones na base e materiais alóctones sobre os precedentes; o compartimento II formado por materiais autóctones e o compartimento III formado por materiais alóctones, segundo a descrição morfológica. O objetivo do trabalho foi entender a complexidade de evolução da topossequência, sobretudo no que se refere à cronologia dos materiais de origem depositados no decorrer da evolução da encosta e quanto à paleoclimatologia. Os métodos de datação utilizados foram: radiocarbono (14C) e Luminescência Opticamente Estimulada (LOE). Para reconstrução do paleoambiente, foi utilizada a composição isotópica da matéria orgânica. Os solos foram utilizados para as análises...

Datação de Cerâmicas Arqueológicas do Noroeste Paulista pelo Método da Termoluminescência

Umiji, Reinaldo Massayuki
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 70 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
37.57%
Pós-graduação em Ciência dos Materiais - FEIS; The insertion of the physical sciences has provided great contribution to archaeology with the most distinct studies dating techniques, allowing all kinds of materials can be found dated and consequently establish the relationship between cultures and their chronology. The thermoluminescence dating technique considers that pottery materials have in their composition thermoluminescent crystals that were exposed to ionizing radiation, due to the presence of cosmic rays and radionuclides, which accumulate this energy in the so called metastable levels, and when heated thermoluminescence intensity emitted by the sample is proportional to the time that it has been exposed to the radiation. Thus, the present study deals with the absolute dating of ceramic fragments from the Archaeological Sites Aguinha, Célia Maria, Pernilongo, Ragil, Turvo III and V, by applying dating by Thermoluminescence (TL). As a consequence, this study well provide subsidies to establish a chronology for archaeological occupations, comparing the present results with dating already performed. Comparing the results obtained in this work, we observe that already carried the fragment Site Ragil, results showed that neither confirms archaeological interpretation. However the remaining fragments allowed even confirm the time of occupation; A inserção das ciências físicas tem proporcionado grande contribuição aos estudos arqueológicos com as mais distintas técnicas de datação...

Datação por U-Pb em rutilos de rochas de metamorfismo de alta pressão do grupo Araxá na região de São Sebastião do Paraíso - MG

Silvestre, Mariana Diniz
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 64 f.
POR
Relevância na Pesquisa
37.37%
Although several studies of Araxá Group in the region of Passos, just a few works deal with the age of metamorphism of this group. The current work aims to determine the cooling age of these rocks by in situ U-Pb dating in rutiles. Interestingly, the region of São Sebastião do Paraíso shows a condensed lithostratigraphic column from the Passos Nappe and exposes the higher metamorphic grade rocks described for this unit. The use of rutile as a geochronometer is based on its ability to incorporate U in its structure, facilitating the calculation of the age of the isotope ratio by U-Pb. Furthermore, the use of in situ dating technique with Laser Ablation has been a reliable and advantageous study because the analysis are punctual, and do not destroy the whole sample to be analyzed. The analyses of this work were made at the University of Gothenburg - Sweden and obtained 238U/206Pb ages between 608-566 ± 10 Ma and 235U/207Pb between 627-572 ± 10 Ma, showing that these ages are concordant with the literature in the area and are interpreted as the cooling age of metamorphism; Apesar de vários estudos do Grupo Araxá na região de Passos, pouco se sabe sobre a idade do metamorfismo das rochas presentes nesse grupo, portanto com esse trabalho buscase a determinação das idades de resfriamento dessas rochas através da datação in situ por UPb em rutilos. O interessante na região de São Sebastião do Paraíso é que esta apresenta de maneira condensada toda a coluna litoestratigráfica da Nappe de Passos...

Estudo da datação por traços de fissão em epídoto

Eduardo Augusto Campos Curvo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/09/2002 PT
Relevância na Pesquisa
37.57%
O epídoto é um mineral de aplicações promissoras dentro do Método do Traços de Fissão (MTF). Dentre elas pode-se ressaltar a sua formação em zonas de falhas geológicas e sua alta temperatura de fechamento frente ao mineral atualmente mais estudado, a apatita. Na década de 70 chamou a atenção da comunidade científica envolvida com o MTF, sendo abandonado no início da década seguinte devido a uma série de dificuldades carregadas consigo. Variação do conteúdo de urânio entre grãos da mesma amostra, diversos tipos de imperfeições nos cristais do mineral, variação da forma dos traços com a face observada, são algumas delas. Também não há concordância quanto a um ataque químico que revele traços em todas as amostras de epídoto. O que se fez neste trabalho foi resgatar a metodologia necessária para o trato do epídoto e a realização de alterações nessa metodologia visando uma aplicação efetiva do MTF. No tocante a isso encontrou-se uma "janela de traços de fissão", que é a realização da contagem de traços que possuem características especiais, aqui representados por traços mais opacos e com reduzida distribuição angular. A utilização desses traços escuros diminuiu a largura das distribuições de densidade obtidas...

Aplicação da dosimetria de neutrons através de filmes finos de urânio natural e tório na datação pelo método dos traços de fissão

Pedro José Iunes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/10/1999 PT
Relevância na Pesquisa
37.49%
Nesta tese foi proposta uma dosimetria de neutrons que se mostrou bastante apropriada para a datação de minerais com o Método dos Traços de Fissão (MTF). Esta dosimetria, baseada em filmes finos de urânio e de tório naturais, permite que o MTF possa ser utilizado como uma calibração absoluta. Além disto, ela torna possível a obtenção da razão Th/U do mineral a ser datado. A dosimetria de neutrons proposta foi aplicada na datação de uma amostra padrão e rendeu idades compatíveis com outros métodos de datação; A neutron dosimetry , which was found to be very suitable for mineral dating through the Fission Track Method (FTM), was proposed in this doctoral thesis. This dosimetry , that is based on natural uraniun and thorium thin films, allows the use of the FTM as an absolute calibration. Besides, it makes possible to obtain the Th/U ratio of the mineral to be dated. The proposed neutron dosimetry was applied to date a standard sample, yielding ages that are compatible with other dating methods

Estudos de datação de peças de ferro arqueológias por técnicas espectroscópicas

Matos, Rita Pereira de, 1975-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
37.49%
Tese de mestrado em Química Aplicada ao Património Cultural, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2010; A datação de objectos arqueológicos de ferro é crucial na arqueologia mas também na conservação, na medida em que permite enquadrá-los como objectos representativos, a preservar. Essa datação tem sido feita om base no contexto arqueológico e pelo estudo de amostras, por métodos metalográficos e de radiocarbono. No presente estudo é empregue uma metodologia usando técnicas espectroscópicas para analisar e quantificar os diferentes produtos de corrosão, removidos do exterior para o interior de cada objecto estudado. Estudaram-se comparativamente pregos de dois sítios arqueológicos representativos, respectivamente, da artesania do ferro romana e da artesania indígena, pré-romana: Torre de Palma, uma villa romana ocupada durante os séc. I a IV d.C. e Cabeça de Vaiamonte, um povoado fortificado da II Idade do Ferro (1000-550 a.C.) intermitentemente ocupado até ao séc. I d.C. As amostras de pregos recolhidas foram analisadas por difracção de raios-X (DRX) de pós para identificação das fases cristalinas presentes em cada camada. Foram igualmente analisadas por microanálise de raios-X (SEM-EDS)...

Datação por termoluminescência de cerâmicas do sítio arqueológico Aldeia do Carlos (PI)

Libonati de Azevedo, Renata; Jamil Khoury, Helen (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.37%
O princípio do método de datação por Termoluminescência (TL) baseia-se na propriedade que alguns cristais (quartzo e feldspato), presentes na cerâmica, possuem de acumular dose devido à radiação. Quando a argila foi queimada para a produção dos artefatos, a TL presente nestes cristais foi apagada, eliminando a radiação acumulada nestes cristais até aquele momento. Posteriormente, estes cristais vão acumular dose devido à radiação ambiental até o momento da sua coleta. Quando estes cristais forem aquecidos em laboratório irão emitir certa quantidade de luz proporcional à dose acumulada (Dac), ao longo dos anos, devido à radiação ambiental. Relacionando esta Dac com a taxa de dose anual do local onde a amostra foi encontrada, pode-se determinar a idade dos materiais cerâmicos. Na determinação da taxa de dose anual para materiais cerâmicos considera-se além da taxa de radiação ambiental proveniente do solo e raios cósmicos (Dose Externa) a taxa de radiação do próprio cerâmico (Dose Interna). Este trabalho apresenta os resultados das datações por TL de 12 fragmentos cerâmicos provenientes do sítio arqueológico Aldeia do Carlos, localizado no sudoeste do Piauí, no Parque Nacional Serra da Capivara. A Dac foi determinada através do método de Doses Regenerativas no qual a intensidade TL natural é comparada com a intensidade TL de doses artificiais fornecidas em laboratório...

Caracterização de feldspatos para aplicação na datação por técnicas luminescentes

Torres de Santana, Sérgio; Jamil Khoury, Helen (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.57%
Nas últimas décadas, os métodos de datação por Termoluminescência (TL) e Luminescência Opticamente Estimulada (LOE) vêem se destacando como alternativas ao método do carbono-14, apresentando uma série de vantagens sobre este. Dentre os materiais que se pode utilizar nesses métodos, destaca-se o feldspato, por fazer parte da matéria prima de vários utensílios dos homens antigos e por ser o mineral mais abundante na crosta terrestre. Entretanto, a grande variedade e complexidade do sinal luminescente desse mineral fazem com que sejam necessários diversos cuidados na sua utilização em datação. O objetivo deste trabalho é estudar as características da resposta LOE, visando à sua aplicação na datação. Foram analisados três tipos de feldspatos de diferentes procedências, sendo um do tipo sódico e um potássico, oriundos de Parelhas (RN), e outro potássico, de Solonópole (CE). A caracterização mineralógica dessas amostras foi por meio de análise por DRX e FRX para identificação mineral e da composição, respectivamente. Também foi estudado o comprimento de onda de emissão luminescente, o desvanecimento do sinal luminescente quando as amostras são irradiadas em laboratório, o efeito do pré-aquecimento após essa irradiação...

As dunas eólicas de Natal/RN: datação e evolução

Silva, Elisangela Alves de Jesus
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Geodinâmica e Geofísica; Geodinâmica; Geofísica Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Geodinâmica e Geofísica; Geodinâmica; Geofísica
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.37%
The main purpose of this study is to present complementary information on eolian systems that occur in the Center-South portion of the city of Natal, Rio Grande do Norte State, Brazil. The investigation focused on the identification of eolian units, absolute luminescence dating of eolian sediments, to geophysical analysis by Ground Penetrating Radar (GPR), as well as qualitative identification of the use and terrain occupation in the study area. A map was elaborated in order to separate eolian geological units, and describe their deposicional and erosional characteristics, by aerial photo-interpretation. The study lead to the identification of six main units: Unit I - Blowouts (BW), Unit II - Active dunes field (DA), Unit III - Fixed dunes field (DF), Unit IV - Parabolic dunes field (DP), Unit V - Red parabolic dunes field (DV) and Unit VI - Devastated dunes surface (SD). Were analised by Termoluminescense (TL) Method Eight samples from units I, III, IV and V. The largest number of samples with similar or close resulted yielded ages about 15,000 years. Two GPR profiles were obtained in areas of the Dunes Park, near the "Natal s Conventions Center". Results showed the migration a new dune generation over on older one, the geologic contact between dunes and the Formação Barreiras (FB)...

Análises in situ de U e Pb em zircão por SHRIMP II por controle remoto e de Hf por LA-ICP-MS: um exemplo de datação e da evolução genética de zircão através da razão 176Hf/177Hf em amostra da pedreira Ita no Complexo Atuba, SE Brasil; In situ isotopic analyses of U and Pb in zircon by remotely operated SHRIMP II, and Hf by LA-ICP-MS: an example of dating and genetic evolution of zircon by 176Hf/177Hf from the Ita quarry in the Atuba Complex, SE Brazil

Sato, Kei; Siga Jr, Oswaldo; Silva, Josiane Aline da; McReath, Ian; Dunyi, Liu; Iizuka, Tsuyoshi; Rino, Shuji; Hirata, Takafumi; Sproesser, Walter; Basei, Miguel Angelo Stipp
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Geociências Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Geociências
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2009 ENG
Relevância na Pesquisa
37.2%
Operar o espectrômetro de massa SHRIMP à distância, remotamente via Internet, é sem dúvida uma técnica alternativa de grande interesse para a datação de cristais de zircão. Embora não represente avanço no método geocronológico U-Pb em zircão, a técnica de operação remota traz, além de facilidade, grande economia nesse tipo de análise. Foi executada pela primeira vez em análises espectrométicas envolvendo dois laboratoratórios internacionais (São Paulo, Brasil - Beijing, China) possibilitando a obtenção de resultados em tempo real. O procedimento foi aplicado em três amostras de rochas gnáissico-migmatíticas da pedreira Ita (próxima à cidade de Curitiba - Paraná - Brasil) pertencentes ao Complexo Atuba. Tais rochas, quando analisadas através do método U-Pb (TIMS) demonstraram uma evolução complexa, com idades bastante imprecisas. A presença de importantes heranças arqueanas e paleoproterozoicas, neste complexo, foram confirmadas nas zonas internas de cristais de zircão obtidas em leucossomas neoproterozoicos. Análises adicionais realizadas em rochas dioríticas indicaram ser intrusivas, e não encaixantes, e apresentaram idades relacionadas às colisões continentais (0.6 Ga) envolvidas durante a assembléia de Gondwana...

Datação Th-U-PbT com microssonda eletrônica, parte I. Monazita: procedimentos analíticos e tratamento de dados; Th-U-PbT dating by electron probe microanalysis, part I. Monazite: analytical procedures and data treatment

Vlach, Silvio Roberto Farias
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Geociências Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Geociências
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2010 ENG
Relevância na Pesquisa
37.49%
A metodologia de datação de minerais portadores de Th e/ou U com microssonda eletrônica (EPMA), com ênfase em monazita, adquiriu enorme importância em literatura, devido a sua alta resolução espacial e versatilidade, que permitem correlacionar processos petrológicos, por vezes registrados apenas em microescala em minerais e rocha, com idades absolutas. Embora a acurácia seja até uma ordem de grandeza inferior à alcançada com os métodos isotópicos convencionais, o EPMA é o equipamento que resulta na melhor resolução espacial, alcançando alguns poucos µm³ sob algumas condições. A quantificação de elementos menores e em traços com precisão e acurácia adequadas envolve estratégias instrumentais, analíticas e de tratamento de dados específicas e significativamente mais rigorosas quando comparadas com as empregadas em análises convencionais. A datação Th-U-PbT é um exemplo destes casos. Cada EPMA é um aparelho único em função de suas características instrumentais e sistema de automação e, desta forma, os procedimentos analíticos devem ser ajustados para as especificidades de cada laboratório. As estratégias analíticas e de tratamento de dados adotadas no Laboratório de Microssonda Eletrônica do Instituto de Geociências da Universidade de São Paulo...

A duna consolidada de Oitavos, a Oeste de Cascais, região de Lisboa : a sua datação pelo método do radiocarbono

Soares, A. M. Monge; Moniz, Catarina; Cabral, João
Fonte: Laboratório Nacional de Energia e Geologia Publicador: Laboratório Nacional de Energia e Geologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 POR
Relevância na Pesquisa
37.49%
A duna consolidada de Oitavos, atribuída ao Quaternário, situa-se junto ao litoral, a oeste de Cascais. Apresenta-se o programa de datações pelo radiocarbono que permitiu a datação dessa duna e discute-se a fiabilidade das datas obtidas. Processaram-se amostras de Helix provenientes não só da duna de Oitavos, mas também da duna consolidada de Magoito, localizada cerca de 16 km para norte e já devidamente datada por aquele método de datação absoluta, e ainda amostras de um contexto arqueológico da Encosta de Sant'Ana (Baixa da cidade de Lisboa), com o objectivo de aferir a validade das datações de Oitavos sobre Helix. Também o paleossolo existente na base da duna de Oitavos foi objecto de datação. Determinou-se assim uma data de elevada fiabilidade para a geração da duna de Oitavos, indicando que esta se terá formado no intervalo 33-30 ka BP, provavelmente durante o interestadial que precede a fase final do OIS 3.

A Utilização do Método de Luminescência Opticamente Estimulada para a Datação de Sedimentos de Dunas Costeiras do Nordeste Setentrional do Brasil; Stimulated Optical Luminescence Applied to Dating Coastal Sediments in Northeastern Brazil

Luiz P. Maia; Universidade Federal do Ceará; Francisco G. C. Gastão; Universidade Federal do Ceará; Sônia H. Tatumi; Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza; Luiz D. Lacerda; Universidade Federal do Ceará
Fonte: Revista Virtual de Química Publicador: Revista Virtual de Química
Tipo: ; Formato: binary/octet-stream
Publicado em 01/07/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.2%
Neste trabalho foi utilizado o método de Luminescência Opticamente Estimulada (LOE) para a datação de sedimentos costeiros situados na região do litoral setentrional do nordeste do Brasil. As idades obtidas revelaram que a evolução dos depósitos eólicos daquela região pode ser divida em quatro estágios, e que estes estão relacionados às mudanças no clima ocorridas durante o período Quaternário, impulsoras de eventos de subida e decida do nível do mar, moldando a linha de costa desde o fim do Pleistoceno Superior até os dias atuais. O primeiro estágio foi datado de 108.000 ± 11.000 anos e 103.000 ± 9.000 anos A.P (Antes do Presente), e está relacionado ao máximo da Penúltima Transgressão, no Pleistoceno Médio, por volta de 123.000 anos, evento marcado por erosão dos depósitos mais antigos. O segundo estágio revelado pelas idades de 25.000 a 18.100 anos A.P, está relacionado à formação do vasto campo de dunas, que alcançaram cerca de 160 km da linha de costa e que foi imobilizdo no terceiro estágio (14.000 a 12.000 anos A.P). O quarto estágio é representado pelas dunas móveis dos Lençóis Maranhenses, que podem ter se formado há pelo menos 3.000 anos A.P. DOI: 10.5935/1984-6835.20110015; Stimulated optical luminescence (SOL) was applied in dating coastal sediments in northeastern Brasil and revealed that the evolution of aeolic deposits in the region can be divided in 4 stages related to climate changes occurred during the quaternary leading to sea level changes...

DATAÇÃO DE SOTERRAMENTO UTILIZANDO OS ISÓTOPOS COSMOGÊNICOS 10Be E 26Al: SÍNTESE METODOLÓGICA E BREVE REVISÃO DE SUAS APLICAÇÕES EM GEOCIÊNCIAS

Laureano, Fernando V.; Granger, Darryl E.; Karmann, Ivo; Novello, Valdir F.
Fonte: Centro de Pesquisa Professor Manoel Teixeira da Costa - IGC - UFMG Publicador: Centro de Pesquisa Professor Manoel Teixeira da Costa - IGC - UFMG
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
37.2%
Isótopos cosmogênicos são formados na atmosfera, na superfície e nos primeiros metros da crosta terrestre através da colisão de partículas sub-atômicas com núcleos de elementos químicos ali existentes. Entre um largo espectro de isótopos gerados 10Be e 26Al produzidos no interior do mineral quartzo podem ser utilizados para calcular o soterramento de sedimentos e superfícies geológicas previamente expostos aos raios cósmicos. Três diferentes abordagens podem ser evocadas na obtenção de idades: (i) o soterramento simples para quando há um soterramento completo das amostras (> 10m); (ii) idades máximas e mínimas quando as amostras não se encontram a uma profundidade suficiente para interromper a produção pós-soterramento destes isótopos e (iii) o método da isócrona derivado de uma solução gráfica onde múltiplas amostras de uma mesma camada são utilizadas para obtenção de uma idade. Além das idades em si o emprego destes isótopos carrega outro importante resultado em estudos geomorfológicos, quer seja a taxa de erosão pré-soterramento. O método possui um alcance compreendido entre 100 mil e 4-5 milhões de anos antes do presente e uma resolução nunca inferior a 60 mil anos. A literatura registra a obtenção de idades em sedimentos de caverna...

DESENVOLVIMENTO DO MÉTODO DE DATAÇÃO QUÍMICA U-Th-Pb DE MONAZITA POR MICROSSONDA ELETRÔNICA NA UFMG

Chaves, Alexandre de Oliveira; Oliveira, Elizabeth Kerpe de; Garcia, Luiz Rodrigues Armoa
Fonte: Centro de Pesquisa Professor Manoel Teixeira da Costa - IGC - UFMG Publicador: Centro de Pesquisa Professor Manoel Teixeira da Costa - IGC - UFMG
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.37%
O método de datação química U-Th-Pb (não-isotópica) de monazita por microssonda eletrônica vem sendo desenvolvido há pelomenos 20 anos e já tem o reconhecimento da comunidade geológica por apresentar resultados que se equivalem à geocronologia isotópicaU-Pb. Este mineral contém quantidades negligenciáveis de chumbo comum, guardando apenas Pb radiogênico proveniente do Th e U destemineral. O desenvolvimento deste método no Laboratório de Microanálises do Departamento de Física da Universidade Federal de MinasGerais mostra que os dados químicos de U, Th e Pb de cristais de monazita fornecidos por sua microssonda eletrônica produzem idadesnão-isotópicas para eles que se equiparam às idades isotópicas U-Pb produzidas pela técnica LA-ICP-MS. Grãos de monazita de placersmarinhos de Buena (RJ) isotopicamente datados pelo método U-Pb com idades entre 530 e 580 Ma foram quimicamente datadas na UFMGentre 505 e 580 Ma. Estes resultados são consideravelmente compatíveis e colocam o referido laboratório a disposição da comunidadegeocientífica para obtenção de idades de cristais de monazita.Palavras-Chave: MONAZITA, DATAÇÃO QUÍMICA, MICROSSONDA ELETRÔNICA, UFMG ABSTRACTDEVELOPMENT OF THE MONAZITE U-Th-Pb CHEMICAL DATING METHOD BY USING ELECTRON MICROPROBE AT UFMG. Themonazite U-Th-Pb chemical dating method (non-isotopic) by electron microprobe has been developed for about 20 years and has theacceptance of the geological community by presenting results that are equivalent to the isotope U-Pb geochronology. This mineral containsnegligible amounts of common lead...

On the dating of você, ocê and senhorita; Sobre a datação de você, ocê e senhorita

Menon, Odete Pereira da Silva; Universidade Federal do Paraná
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Linguística - UFSC Publicador: Programa de Pós-Graduação em Linguística - UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; avaliado por pares; pesquisa histórica; pesquisa documental Formato: application/pdf
Publicado em 04/11/2009 POR
Relevância na Pesquisa
37.37%
Knowing the date when a word first appeared in the language is not only helpful for linguistic dating purposes. This information is important because it can guide studies about the actuation problem and evaluation stages (WEINREICH; LABOV; HERZOG, 1968) of linguistic changes. The present study is an attempt to locate, historically and socially, the behavior of forms to address the interlocutor, using more grammaticalized variants of the pronoun (honorific form) vossa mercê, first in Portugal (você — you, en English) then in Brazil (você and ocê/cê — contracted forms of você ), correcting, updating and fixing the appearance dates of these occurrences. By referring to literature authors born between the 17th Century and the beginning of the 20th Century it was also possible to anticipate by half a century the dating of the noun senhorita (Eng. mistress), maybe an indicator of a new statute for women.; http://dx.doi.org/10.5007/1984-8412.2009v6n1p45Conhecer a data em que uma palavra figurou, pela primeira vez, na língua não serve só para efeitos de datação. Essa informação é importante, pois pode balizar os estudos sobre as etapas implementação e avaliação (WEINREICH, LABOV; HERZOG...