Página 1 dos resultados de 48 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Caracterização morfológica e molecular de ácaros predadores do gênero Euseius (Acari, Phytoseiidae).; Morphologic and molecular characterization of predatory mites of the genus Euseius (Acari, Phytoseiidae).

Noronha, Aloyséia Cristina da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2002 PT
Relevância na Pesquisa
56.19%
Ácaros fitoseídeos são eficientes predadores de ácaros pragas em algumas culturas. A precisa identificação das espécies é o passo inicial na seleção de inimigos naturais em um projeto de controle biológico. Os ácaros são geralmente identificados com base nas características morfológicas, mas aspectos biológicos e ecológicos, e mais recentemente características moleculares vêm sendo usadas nesse processo. Populações dos fitoseídeos identificados como Euseius citrifolius Denmark & Muma provenientes de Arroio do Meio-RS, Campinas-SP e Petrolina-PE, e Euseius concordis (Chant) procedentes de Arroio do Meio, Jaguariúna-SP, Petrolina, Pontes e Lacerda-MT e Viçosa-MG foram estudados em relação a morfologia, compatibilidade reprodutiva e características moleculares. A caracterização morfológica correspondeu as medições de estruturas de fêmeas e machos. A compatibilidade reprodutiva foi avaliada através de cruzamentos e retrocruzamentos homogâmicos e heterogâmicos. A caracterização molecular foi realizada com o seqüenciamento dos espaços internos transcritos (ITS1 e ITS2) do DNA ribossomal. Relações significativas foram observadas dentro de cada população entre o comprimento médio das setas e as respectivas amplitudes de variação. Ambos os sexos de E. citrifolius de Petrolina e E.concordis de Jaguariúna tiveram algumas setas mais curtas que as demais populações da mesma espécie; esta última diferiu marcadamente da população de Petrolina. A comparação das medições das estruturas de cada população e dos espécimes tipo de E. citrifolius e E. concordis confirmaram a identificação morfológica preliminar das populações ao nível de espécie. Medições de machos resultantes de cruzamentos heterogâmicos indicaram que essas espécies se reproduzem por pseudo-arrenotoquia. Incompatibilidade parcial foi observada nos cruzamentos heterogâmicos envolvendo fêmeas de E. citrifolius de Petrolina; descendentes produziram poucos ovos e inviáveis quando retrocruzadas com machos das populações parentais. Machos de Petrolina produziram descendentes viáveis quando cruzados com fêmeas de Arroio do Meio e Campinas. Não ocorreu oviposição nos cruzamentos e retrocruzamentos heterogâmicos envolvendo fêmeas de E. concordis de Petrolina. Nos cruzamentos heterogâmicos envolvendo machos de Petrolina a oviposição foi reduzida e somente machos (viáveis) foram produzidos. Cruzamentos de fêmeas de Pontes e Lacerda e machos de Jaguariúna e vice-versa produziram somente machos. Entretanto o fluxo gênico entre essas populações seria possível indiretamente...

Controle do percevejo-de-renda-da-seringueira (Leptopharsa heveae) com fungos entomopatogênicos.; Control of rubber tree lacebug (Leptopharsa heveae) with entomopathogenic fungi.

Tanzini, Marcel Ricardo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/04/2002 PT
Relevância na Pesquisa
56.14%
Os estudos da epizootiologia foram realizados em Pindorama-SP e em Itiquira-MT durante dois anos. No primeiro local, constatou-se em agosto de 1998 uma epizootia de Sporothrix sp. em ninfas do percevejo. Em Itiquira, quando a infestação atingiu 56 ninfas e 18 adultos/folha, verificou-se a ocorrência natural de Sporothrix sp., reduzindo significativamente a população. Na seleção de fungos entomopatogênicos, testou-se sessenta isolados obtidos de diferentes hospedeiros e localidades sobre ninfas do 4º ínstar. Os melhores isolados foram B. bassiana (619 e 1196) com 56 e 84% de mortalidade com 3 dias após a inoculação, M. anisopliae (1144 e 1104) ambos com 90%, S. insectorum (1229) com 92% e P. fumosoroseus (1200) com 100%. Trichoderma sp., após quatro dias da inoculação causou 78% de mortalidade. Na avaliação de campo, as concentrações superiores a 10 12 e 10 13 conídios/ha foram eficientes para controle do percevejo sendo que os fungos P. fumosoroseus (1200), B. bassiana (447) e M. anisopliae (1175 e 1144) foram eficientes para controle de L. heveae. Nos estudos de toxicidade, as formulações Decis e Nuvacron foram compatíveis com B. brongniartii (619). A maioria das combinações, com exceção da formulação de Decis foi compatível com V. lecanii (972). M. anisopliae (1144) foi muito sensível para todas as formulações. Nuvacron e Stron foram compatíveis com B. bassiana (1196)...

Ácaros Eriophyoidea (Prostigmata) associados a palmeiras (Arecaceae), com ênfase no ácaro do coqueiro, Aceria Guerreronis Keifer - espectro de hospedeiros e aspectos biogeográficos.; Eriophyoidea mites (prostigmata) associated with palm trees (arecaceae), with emphasis on the coconut mite, aceria guerreronis keifer – host range and biogeographical aspects.

Návia Magalhães Ferreira, Denise
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/04/2004 PT
Relevância na Pesquisa
56.19%
Muito pouco se conhece sobre os ácaros Eriophyoidea associados às palmeiras no Brasil e em outras partes do mundo. O ácaro do coqueiro, Aceria guerreronis Keifer (Prostigmata: Eriophyidae), representa uma das principais pragas desta cultura em diversas regiões produtoras. Informações sobre o espectro de hospedeiros, região de origem e fontes de recentes introduções deste ácaro são importantes para orientar a prospecção de agentes de controle biológico e a adoção de medidas quarentenárias. Levantamentos de ácaros Eriophyoidea em palmeiras podem fornecer novas informações sobre o espectro de hospedeiros de A. guerreronis. O conhecimento da acarofauna associada às palmeiras também pode fornecer subsídios ao reconhecimento futuro destes ácaros em cultivos comerciais de palmeiras. No presente estudo, realizou-se um levantamento de Eriophyoidea em 191 espécies de palmeiras (nativas e introduzidas) de algumas localidades da América. Foram coletadas 38 espécies de Eriophyoidea, mas A. guerreronis não foi encontrada em nenhuma das amostras analisadas, exceto no coqueiro, Cocos nucifera L.. Relatos de novos hospedeiros e novas localidades de ocorrência são apresentados. Dentre os 26 táxons identificados como novos...

Estudos de Bacillus thuringiensis Berliner visando ao controle de Spodoptera frugiperda (J.E.Smith).; Bacillus thuringiensis berliner research applied for the control of Spodoptera frugiperda (J. E. Smith).

Polanczyk, Ricardo Antônio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/03/2004 PT
Relevância na Pesquisa
56.14%
A partir de 24 amostras de solos foram isoladas 461 colônias bacterianas, sendo que destas 190 foram identificadas como Bacillus thuringiensis (Bt). A relação entre as características químicas das amostras de solos e a presença do patógeno pode ser expressa por iBt = -0,4 + 0,6Ca + 0,07Cu + 0,009Fe - 0,53Mg -0,12Mn + 1,26Zn. Dentre os 83 isolados de Bt testados para o controle de Spodoptera frugiperda, o ESALQ 3.7 mostrou-se mais promissor para o controle desta praga, causando 86,6% de mortalidade em lagartas provenientes da população de São Paulo, com uma CL50 estimada de 0,749 x 108 esporos/mL. Esse isolado possui as toxinas Cry1Ac, Cry1C e Cry1E que justificam sua eficiência para S. frugiperda. Toxinas da classe Cry1 foram encontradas em 72% dos isolados testados contra este inseto. Foram observadas diferenças na suscetibilidade entre as três populações (São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul) da lagarta-do-cartucho do milho para 49,4% dos isolados testados e na população de São Paulo, alguns isolados afetaram os parâmetros biológicos das lagartas sobreviventes aos tratamentos. A persistência do Dipel foi superior às outras formulações de Bt, até 27 horas depois da aplicação dos tratamentos (65.772 esporos/mL)...

Moscas-das-Frutas (Diptera: Tephritidae) em pomares de goiaba no norte de Minas Gerais: biodiversidade, parasitóides e controle biológico. ; Fruit flies (diptera: tephritidae) in guava orchards in the north of Minas Gerais state: biodiversity, parasitoids and biological control.

Corsato, Clarice Diniz Alvarenga
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/03/2004 PT
Relevância na Pesquisa
66.24%
A incidência de moscas-das-frutas é um fator de preocupação todos os anos nos perímetros irrigados do norte de Minas Gerais, principalmente em pomares de goiaba, acarretando aumentos nos custos e perdas na produção. Para se estabelecer um programa de controle de moscas-das-frutas, torna-se necessário o prévio conhecimento dos aspectos ecológicos dos tefritídeos e seus parasitóides. Portanto, o presente trabalho teve por objetivo conhecer a biodiversidade de moscas-das-frutas e de seus parasitóides em dois pomares comerciais de goiaba da região, os índices de infestação das moscas-das-frutas e a capacidade de Diachasmimorpha longicaudata parasitar moscas-das-frutas em goiaba no norte de Minas Gerais. Após três anos de coletas, em armadilhas tipo McPhail e em frutos, foram coletados 48.482 tefritídeos, sendo 45.012 exemplares de Anastrepha e 3.470 de Ceratitis capitata. Foram capturadas 18 espécies de Anastrepha, sendo que, A. turpiniae, A. manihoti, A. leptozona e A. barbiellinii estão sendo registradas pela primeira vez no norte de Minas Gerais. A. zenildae e A. fraterculus representaram mais de 90% de todas as moscas coletadas em armadilhas, sendo associadas às classes “super” de dominância, freqüência...

Desenvolvimento de uma dieta artificial para a criação de Nezara viridula (L., 1758) e Euschistus heros (F., 1798) e sua relação com trissolcus basalis (Wollaston, 1858); Development of an artificial diet to Nezara viridula (L., 1758) and Euschistus heros (F., 1798) rearing and its relation to Trissolcus basalis (Wollaston, 1858)

Fortes, Priscila
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 08/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
56.19%
A partir dos estudos biológicos de Nezara viridula (L., 1758) e Euschistus heros (F., 1798) objetivou-se, neste trabalho, desenvolver uma dieta artificial para a criação destes pentatomídeos, visando à obtenção de grande número de insetos, semelhantes àqueles da natureza, possibilitando a criação de inimigos naturais (especialmente de ovos) para a liberação em campo, com diminuição da mão-de-obra para a criação massal destes percevejos. Testou-se como substrato alternativo de postura, para os percevejos, plantas verdes de material plástico. Verificou-se o efeito das dietas artificiais, utilizadas na criação dos percevejos da soja, sobre o parasitismo de Trissolcus basalis (Wollaston, 1858), como forma de avaliar a qualidade nutricional das mesmas. Assim, realizou-se o estudo da biologia de N. viridula e E. heros em condições controladas de temperatura (25?1?C), umidade relativa (60?10%) e fotofase de 14 horas. Três dietas artificiais secas foram testadas e comparadas com a dieta natural (sementes de soja e amendoim e fruto de ligustro). Nas dietas artificiais, os adultos foram alimentados com sementes de girassol. Os resultados mostraram que as dietas artificiais secas permitiram o desenvolvimento completo de N. viridula e E. heros. Os estudos de biologia...

Efeito de cianobactérias e algas eucarióticas na resistência de plantas de fumo contra o Tobacco mosaic virus (TMV); Effect of cyanobacteria and eukaryotic algae on the resistance of tobacco plants against Tobacco mosaic virus

Beltrame, André Boldrin
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/01/2006 PT
Relevância na Pesquisa
56.19%
As algas produzem uma grande diversidade de compostos com atividade biológica, inclusive que agem diretamente sobre vírus ou como indutores de fitoalexinas. Em vista disso, foi investigada a redução de sintomas causados por Tobacco mosaic vírus (TMV) em plantas de fumo tratadas com cianobactérias ou algas eucarióticas, além de se tentar elucidar o modo de ação das algas no patossistema estudado. Quando as plantas de fumo foram tratadas dois dias antes da inoculação, foi verificado que suspensões dos isolados 004/02, 008/02, 061/02, Anabaena sp. e Nostoc sp. 61, bem como as preparações do conteúdo intracelular do isolado 004/02 (4 C) e do filtrado do meio de cultivo do isolado 061/02 (61 M) apresentaram efeito na redução dos sintomas de TMV em plantas de fumo, cultivar TNN. Além disso, foi estudado o efeito direto das algas sobre as partículas de vírus. Os resultados mostraram que os isolados Anabaena sp., Nostoc sp. 21, Nostoc sp. 61 e 090/02 apresentam compostos que agem diretamente sobre o TMV. Para tentar elucidar o mecanismo de ação das algas no patossistema estudado, diversos parâmetros bioquímicos foram investigados. Foi detectado que a preparação 4 C aumentou a atividade de peroxidases e que todos os tratamentos analizados reduziram a atividade de β-1...

Avaliação de agentes bióticos e abióticos na indução de resistência e no controle pós-colheita de antracnose (Colletotrichum gloeosporioides) em mamão (Carica papaya); Evaluation of biotic and abiotic agents on the resistance induction and on the postharvest control of anthracnose (Colletotrichum gloeosporioides) in papaya fruits (Carica papaya)

Cia, Patricia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
56.16%
Este trabalho teve como principais objetivos avaliar os efeitos dos agentes bióticos (Saccharomyces cerevisiae, Bacillus thuringiensis, Lentinula edodes e Agaricus blazei), e abióticos (UV-C, irradiação gama, acibenzolar-S-metil, quitosana, ácidos acético e salicílico) na proteção de mamões contra C. gloeosporioides, bem como estudar os mecanismos bioquímicos de resistência ativados no tecido vegetal, em resposta ao tratamento com os agentes de maior eficiência, além de investigar os efeitos destes sobre o desenvolvimento in vitro do fungo. Para tanto, mamões cv. Golden foram inoculados com C. gloeosporioides através de injeção subcuticular de 15 µL da suspensão de esporos e, após 10 h, tratados com os diferentes agentes bióticos e abióticos. Para avaliar a possibilidade de indução de resistência pelos agentes, mamões foram também inoculados após 24, 48 e 72 h dos tratamentos. Os frutos foram armazenados a 25 ºC / 80 %UR por 7 dias e, avaliados diariamente quanto a incidência e severidade da podridão. Ao final do período de armazenamento, efetuou-se a avaliação dos parâmetros físico-químicos (cor de casca e de polpa, firmeza, sólidos solúveis, pH e acidez total). Quando de interesse, as atividades de peroxidase...

Estudo de fungos entomopatogênicos para o controle de ninfas do psilídeo Diaphorina citri Kuwayama (Hemiptera: Psyllidae); Study of entomopathogenic fungi for the control of of Diaphorina citri Kuwayama (Hemiptera: Psyllidae) nymphs

Padulla, Luiz Fernando Leal
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
56.12%
Avaliou-se a patogenicidade de diversas espécies de fungos entomopatogênicos a ninfas de 2º a 4º ínstares do psilídeo Diaphorina citri. Assim foram feitos bioensaios com Beauveria bassiana, Metarhizium anisopliae, Lecanicillium muscarum, L. longisporum, Paecilomyces fumosoroseus, P. farinosus, Syngliocladium sp. na concentração de 5x107 conídios/mL para cada patógeno, com exceção de Hirsutella thompsonii que foi aplicado na concentração de 2,8x107 conídios/mL. Utilizou-se mudas de murta, Murraya paniculata, infestadas com ninfas do inseto que foram pulverizadas com as suspensões conidiais. Os fungos B. bassiana, M. anisopliae, H. thompsonii, L. muscarum e P. fumosorosus foram patogênicos para as ninfas do psilídeo. O isolado mais promissor foi o Esalq-PL63, de B. bassiana, que causou mortalidade de aproximadamente 72% das ninfas, sete dias após a inoculação. Esse fungo também afetou o processo de metamorfose das ninfas. A concentração letal média (CL50) foi calculada em 2,3 x 107 conídios/mL. O ciclo de infecção de B. bassiana sobre as ninfas do psilídeo foi estudado pulverizando-se a suspensão de 3x108 conídios/mL do fungo e, em seguida, observado em microscopia de luz e microscopia eletrônica de varredura...

Efeito do controle microbiano em insetos sugadores em três sistemas de manejo de pragas de citros; Microbiological control effects on sucking insects in three citrus management pest systems

Guarín Molina, Juan Humberto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/11/2007 PT
Relevância na Pesquisa
56.26%
O presente estudo foi desenvolvido com 22 espécies de insetos sugadores e seus controladores em citros, na fazenda Cambuhy, município de Matão, estado de São Paulo, Brasil, durante o período novembro de 2004 a abril de 2006. Inicialmente foram determinados os indicadores ecológicos desse agroecossistema e feita a avaliação da diversidade de espécies nos três sistemas de controle sendo, controle microbiano de pragas (CMP) com uso de fungos entomopatogênicos, manejo ecológico de pragas (MEP) com uso de agrotóxicos seletivos a fungos entomopatogênicos, e manejo integrado de pragas (MIP) com uso padrão de pesticidas. Determinou-se que a diversidade foi maior no CMP e que os sistemas MEP e MIP foram semelhantes (80%) e não ocorreu impacto ambiental nos três sistemas, em função dos períodos de observação. Orthezia praelonga, no período total de seis estações, foi controlada nos tratamentos CMP e MEP, pelos fungos Syngliocladium sp. e Lecanicillium longisporum , com maior prevalência do primeiro e comportamento distinto dos dois entomopatógenos nas diferentes estações. Dialeurodes citri foi o principal hospedeiro de Aschersonia aleyrodis com mais de 80% de incidência do patógeno. No sistema MEP determinou-se associação inversa entre população de O. praelonga e o número de unidades formadoras de colônia (UFC) do fungo Lecanicillium obtendo-se...

Ácaros Rhodacaroidea (Acari: Mesostigmata) do Estado de São Paulo e seu potencial como agentes de controle biológico de pragas edáficas, com ênfase em Ologamasidae; Rhodacaroidea mites (Acari: Mesostigmata) of the State of São Paulo and their potential as biological control agents of edaphic pests, with emphasis on the Ologamasidae

Silva, Edmilson Santos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/04/2007 PT
Relevância na Pesquisa
76.36%
Os ácaros são Arthropoda muito numerosos em diversos ambientes e substratos. No Brasil os ácaros de plantas cultivadas são relativamente bem conhecidos, porém pouco se conhece sobre os ácaros edáficos. Esse fato deve-se em parte ao restrito número de especialistas e de trabalhos que sintetizam as informações taxonômicas sobre estes. Há atualmente grande interesse na redução da utilização de agroquímicos para o controle de pragas agrícola, que é a maneira mais utilizada de controlá-las. Isto é função da preocupação com os efeitos ambientais e a resistência de pragas aos produtos utilizados, além do elevado custo dessa forma de controle. Todos estes fatores levaram à busca de novas táticas de controle de pragas, incluindo o uso de ácaros predadores. Ologamasidae e Rhodacaridae, já relatados em solos brasileiros como grupos freqüentes e abundantes, se alimentam de uma série de organismos edáficos, alguns dos quais são pragas potenciais em culturas; dentre estes estão os colêmbola, moscas da família Sciaridae, tripes, ácaros da família Acaridae e nematóides. Em todo mundo pouco se sabe sobre a biologia dos Rhodacaroidea. Os objetivos do presente trabalho foram: elaborar uma lista de informações taxonômicas de Ologamasidae do mundo; identificar espécies de Rhodacaroidea coletadas em solo e folhedo da Mata Atlântica e Cerrado do Estado de São Paulo; elaborar uma chave taxonomica para auxiliar na separação de gêneros e/ou espécies correspondentes àqueles ácaros; descrever algumas das espécies novas de Ologamasidae determinadas no presente estudo; estudar o potencial de 3 espécies de Rhodacaroidea comuns nos ambientes estudados como agentes de controle biológico de diferentes organismos edáficos. Foram realizadas buscas em bancos de dados para a detecção de referências taxonômicas sobre Ologamasidae...

Bases biológicas para utilização de Trichogramma pretiosum Riley, 1879(Hymenoptera: Trichogrammatidae) para controle de Pseudoplusia includens (Walker, 1857) e Anticarsia gemmatalis Hübner, 1818 (Lepidoptera: Noctuidae) em soja; Biological base for using Trichogramma pretiosum Riley, 1879 (Hymenoptera: Trichogrammatidae to control Pseudoplusia includens (Walker, 1857) and Anticarsia gemmatalis Hübner, 1818 (Lepidoptera: Noctuidae) in soybean

Bueno, Regiane Cristina Oliveira de Freitas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 11/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.24%
Com o objetivo de avaliar o potencial de utilização de Trichogramma pretiosum Riley, 1879 (Hymenoptera: Trichogrammatidae) no manejo de Pseudoplusia includens (Walker, 1857) e Anticarsia gemmatalis Hübner, 1818 (Lepidoptera: Noctuidae), foram realizados diferentes bioensaios incluindo seleção de linhagens, avaliação das características biológicas, capacidade de parasitismo, exigências térmicas, determinação do número ideal de parasitóide a ser liberado por ovo da praga, capacidade de dispersão e tempo de permanência no campo do parasitóide e seletividade dos agroquímicos ao parasitóide. Através da seleção de espécies/linhagens de Trichogramma e Trichogrammatoidea verificou-se que T. pretiosum, linhagem coletada em Rio Verde, GO (RV) apresentou melhor desempenho biológico dentre as demais. A duração do período de desenvolvimento de T. pretiosum linhagem RV, criado em ovos de ambas as pragas apresentou relação inversa com o aumento de temperatura. A emergência da referida linhagem em ovos de A. gemmatalis não foi afetada na faixa de temperatura estudada, porém quando criada em ovos de P. includens, a temperatura de 32oC afetou tal parâmetro biológico. O limiar térmico inferior de desenvolvimento de T. pretiosum linhagem RV foi menor em ovos de P. includens (10...

Seleção de linhagens e efeito da temperatura e do alimento no desempenho de Trichogramma galloi Zucchi, 1988 (Hymenoptera: Trichogrammatidae) para o controle de Diatraea saccharalis (Fabricius, 1794) (Lepidoptera: Crambidae) em milho; Strains selection and effect of temperature and food in the performance of Trichogramma galloi Zucchi, 1988 (Hymenoptera: Trichogrammatidae) for the control of Diatraea saccharalis (Fabricius, 1794) (Lepidoptera: Crambidae) in corn

Geremias, Leandro Delalibera
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/02/2009 PT
Relevância na Pesquisa
56.14%
O objetivo da presente pesquisa foi fornecer subsídios, visando ao controle de Diatraea saccharalis (Fabricius, 1794) em milho, com o parasitóide de ovos Trichogramma galloi Zucchi, 1988. Foram realizados estudos do parasitóide, incluindo seleção de linhagens, efeito de fatores abióticos (temperatura e alimento) sobre parâmetros biológicos e de parasitismo, bem como comportamento de postura de D. saccharalis em milho. A seleção de linhagens foi conduzida nas temperaturas de 25 e 30°C e o efeito da temperatura sobre a longevidade e a capacidade de parasitismo foi estudado em 15 condições térmicas (na faixa de 10 a 38°C). O efeito de quatro tipos de alimentos foi avaliado sobre a longevidade e a capacidade de parasitismo. O comportamento de postura de D. saccharalis foi observado em dois níveis de infestação (dois e dez casais por planta). Constatou-se que a linhagem G16080 foi a mais adequada para liberações visando ao controle de D. saccharalis, com base na capacidade de parasitismo e na duração do ciclo e por ter apresentado desempenho equivalente na faixa de 25 a 30°C. A maior capacida de de parasitismo de T. galloi linhagem G16080 ocorreu entre 20 e 28°C, embora ten ha havido parasitismo em todas as temperaturas na faixa de 10 a 38ºC. Não houve correlação entre a longevidade e parasitismo...

Mecanismos de ação de compostos orgânicos voláteis antimicrobianos produzidos por Saccharomyces cerevisiae sobre o desenvolvimento de Guignardia citricarpa, agente causal da pinta preta dos citros; Action mechanisms of antimicrobial volatile organic compounds produced by Saccharomyces cerevisiae on the development of Guignardia citricarpa, causal agent of the citrus black spot

Fialho, Mauricio Batista
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/01/2009 PT
Relevância na Pesquisa
46.19%
A pinta preta dos citros tem como agente causal o fungo G. citricarpa. A doença causa depreciação estética dos frutos e praticamente inviabiliza a exportação de laranja in natura principalmente para a União Européia, por ser considerada uma doença quarentenária. Frutos colhidos contendo infecções quiescentes, embora sem sintomas, podem desenvolvê-los durante o processo de exportação. A utilização de fungicidas é o principal método de controle utilizado em pré e pós-colheita. No entanto, o custo do controle químico é significativamente alto e já foi relatado o surgimento de isolados resistentes. A levedura S. cerevisiae é capaz de inibir o desenvolvimento in vitro de G. citricarpa e o antagonismo se deve a produção de compostos orgânicos voláteis de ação fungistática. Em virtude da procura por novos métodos de controle menos danosos à saúde humana e meio ambiente, dos prejuízos causados pela doença e do potencial dos compostos voláteis no controle da doença na pós-colheita, o trabalho visou identificar os compostos voláteis produzidos pela levedura e elucidar os mecanismos envolvidos na inibição do fitopatógeno. Esse conhecimento é fundamental para o desenvolvimento de técnicas inovativas de controle. A produção de compostos voláteis antimicrobianos por S. cerevisiae foi dependente do substrato utilizado para o seu cultivo...

Parâmetros bioecológicos de Gryon gallardoi (Brethes) (Hymenoptera: Scelionidae) e modelagem da dinâmica espaço-temporal da sua interação com Spartocera dentiventris (Berg) (Hemiptera: Coreidae) através da simulação de múltiplos agentes

Silva, Celson Roberto Canto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.24%
Estudos referentes à dinâmica espaço-temporal da interação hospedeiro-parasitóide são de fundamental importância para o desenvolvimento de técnicas de manejo de insetos em agroecossistemas. Uma recente abordagem têm sido o estudo de populações através da simulação computacional dos indivíduos que a compõem. Este método tem possibilitado a incorporação de importantes características como individualidade e estrutura espacial nos modelos teóricos. Neste sentido, o presente estudo visou a elaboração de um modelo baseado no comportamento individual para simular a dinâmica espaço-temporal da interação Spartocera dentiventris (Berg) (Hemiptera: Coreidae), inseto associado à cultura do fumo, e de seu inimigo natural, o parasitóide de ovos Gryon gallardoi (Brethes) (Hymenoptera: Scelionidae). Para a elaboração do modelo, estudos sobre a bioecologia de G. gallardoi foram desenvolvidos, de modo a investigar (i) o efeito da temperatura no seu desenvolvimento e viabilidade, (ii) a mortalidade de imaturos em campo, (iii) os parâmetros reprodutivos e a longevidade dos adultos, (iv) os padrões de dispersão em campo e (v) a resposta funcional e a interferência mútua dos parasitóides em diferentes densidades de ovos de S. dentiventris. No intuito de avaliar a capacidade de predição do modelo elaborado...

Resistência de genótipos de tomateiro a Tuta absoluta (Meyrick, 1917) (Lepidoptera: Gelechiidae) e efeito no comportamento e desenvolvimento de podisus nigrispinus (Dallas, 1851) (Hemiptera: Pentatomidae)

Bottega, Daline Benites
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: vi, 83 p. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
46.24%
Pós-graduação em Agronomia (Entomologia Agrícola) - FCAV; O objetivo deste trabalho foi avaliar a resistência de genótipos de tomateiro a Tuta absoluta (Meyrick,1917) (Lepidoptera: Gelechiidae), identificar os tipos de tricomas existentes em cada genótipo, bem como, a interação entre resistência de plantas e controle biológico, através da avaliação da atratividade, dos aspectos biológicos, predação e comportamento de Podisus nigrispinus (Dallas, 1851) (Heteroptera: Pentatomidae) alimentados de lagartas de T. absoluta criadas em diferentes genótipos de tomateiro, e avaliar a eficiência de controle da praga. Os experimentos foram desenvolvidos na Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias – UNESP, Jaboticabal (SP), no Departamento de Fitossanidade, no laboratório de Resistência de Plantas a Insetos. Foram realizados ensaios em laboratórios e casa de vegetação. Nos experimentos para avaliar a resistência de tomateiro, utilizou-se os seguintes genótipos: Solanum lycopersicum L. (cv. Santa Clara e três híbridos: Débora Victory, Lana e Sophia), Solanum habrochaites S. Knapp & D.M Spooner (Linhagem PI 134417) e Solanum pimpinellifolium L. (linhagens NAV 1062 e PI 126931). Foram realizados testes de não preferência para alimentação com e sem chance de escolha e antibiose a T. absoluta. Nos experimentos sobre a influência de genótipos de tomateiro sobre os aspectos biológicos de P. nigrispinus em relação a presa T. absoluta...

Indução de resistência por rizobactérias como mecanismo de controle biológico de doenças do arroz; Induction of resistance by rhizobacteria as a mechanism for biological control of rice

SCHAFER, Jaqueline Tavares
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Agronomia; Programa de Pós-Graduação em Fitossanidade; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Agronomia; Programa de Pós-Graduação em Fitossanidade; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.35%
The rice crop is subject to the occurrence of various diseases that cause yield losses of crops. Currently is seeking alternative ways to control these diseases, and biocontrol a viable possibility. The aim of this study was to compare the control of brown spot and leaf scald of rice provided by rhizobacteria isolated and combined, their impact on grain production, as well as the involvement of induced resistance associated with the activity of catalases and peroxidases. We used the DFs185 rhizobacteria (Pseudomonas synxantha) DFs223 (P. fluorescens), DFs306 (not identified), and DFs416 DFs418 (Bacillus sp.). And some combinations of these. Rice seeds of El Paso 144L were immersed in suspensions (A540 = 0.5) for each of the bacterial treatments and agitated for 30'/10°C. Seeds immersed in saline and saline plus fungicide were used as control. The experiment was conducted in a greenhouse, with assessment of disease severity in two separate trials. The first was conducted by the production and second, plants were collected at three different times to check the enzyme activity (0 h before inoculation, 24 and 168 h after). The experimental design was completely randomized. In general, the bacterial treatments were able to control both diseases...

Patogênese de Aspergillus niger e biocontrole da podridão vermelha do sisal por Trichoderma spp.

Sá, Jefferson Oliveira de
Fonte: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia Publicador: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
Relevância na Pesquisa
46.35%
O sisal é uma cultura de extrema importância para a região semi-árida do nordeste brasileiro, contribuindo na geração de emprego e renda em regiões com poucas alternativas para a produção agrícola. A podridão vermelha do caule do sisal causada pelo fungo Aspergillus niger é o principal problema fitossanitário da cultura, causando o seu declínio contínuo, expresso em redução da área cultivada, da produção e produtividade. O controle biológico é uma alternativa viável e fungos do gênero Trichoderma spp. têm sido destacados em trabalhos como agentes de controle de diversas fitomoléstias. A cultura do sisal ainda é muito pouco estudada e, para a adoção de medidas de controle da podridão vermelha, torna-se necessário conhecer esta doença. Sendo assim, este trabalho teve os seguintes objetivos: avaliar alguns componentes do patossistema sisal - A. niger, em mudas de sisal e selecionar isolados de Trichoderma spp. para o controle da podridão vermelha do sisal. Constatou-se que os sintomas da podridão vermelha só se expressam em plantas com lesões no caule, e que isolados de A. niger não oriundos de plantas doentes e nem da região sisaleira são patogênicos ao sisal, na presença de lesões no caule, porém com baixa agressividade. Foi desenvolvida a metodologia para testes de antagonismo para a seleção de isolados de Trichoderma spp....

CONTROLE BIOLÓGICO DA MOSCA-DO-MEDITERRÂNEO Ceratitis capitata UTILIZANDO NEMATOIDES ENTOMOPATOGÊNICOS EM LABORATÓRIO

Santos de MINAS, Ramon; Universidade Estadual do Norte Fluminense; DOLINSKI, Claudia; Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro, Campos dos Goytacazes, RJ; Silva CARVALHO, Rômulo da; Embrapa; Moreira de SOUZA, Ricardo; Universidade Estadual
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 11/10/2013 POR
Relevância na Pesquisa
56.33%
O presente trabalho avaliou em laboratório, a utilização de diferentes linhagens de nematoides entomopatogênicos (NEPs) individualmente e combinadas visando ao controle biológico da mosca-do-Mediterrâneo, Ceratitis capitata Wied. (Diptera, Tephritidae). No primeiro bioensaio foram utilizadas oito linhagens individualizadas de NEPs (Steinernema carpocapsae NCALL, Heterorhabditis bacteriophora HP88, H. baujardi LPP7, H. indica LPP1, H. indica LPP14, H. sp. LPP9, H. sp. LPP17 e H. sp. LPP12) sendo que para cada tratamento foram utilizados 20 tubos de ensaio cada um contendo areia,10 larvas L3 de C. capitata e 100 juvenis infectantes (JIs) diluídos em 1 cm3 de água destilada. No tratamento controle foi adicionado 1 cm3 de água destilada. No segundo bioensaio, foram utilizadas cinco larvas de C. capitata e as linhagens de nematoides foram combinadas duas a duas num total de 100 juvenis por repetição (50 JIs de cada linhagem) Os bioensaios foram conduzidos a 28 ºC, 80% UR e 12 de fotoperíodo. A mortalidade média das larvas foi avaliada pelo teste de Tukey a 1%. Individualmente as linhagens H. baujardi LPP7, H. indica LPP14, H. sp. LPP17 e H. sp. LPP12 foram as mais eficientes e causaram mortalidade entre 75 e 98,5%. As combinações mais eficientes foram H. indica LPP14 + H. sp. LPP9 e H. sp. LPP17 + H. sp. LPP12 com mortalidade de larvas L3 de 60 e 82%...

Características biológicas de Trichospilus diatraeae (Hymenoptera: Eulophidae) nos hospedeiros Bombyx mori (Lepidoptera: Bombycidae) e Diatraea saccharalis (Lepidoptera: Crambidae)

Rodrigues Ferreira Calado, Vanessa; Faculdade de Ciências Agrárias -FCA, Universidade Federal da Grande Dourados-UFGD; Fagundes Pereira, Fabricio; Faculdade de Ciências Biológicas e Ambiental - FCBA, Universidade Federal da Grande Dourados-UFGD; Leite
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/01/2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.3%
http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2014v27n1p71 Trichospilus diatraeae Cherian & Margabandhu, 1942 (Hymenoptera: Eulophidae) é um endoparasitoide pupal de lepidópteros e tem sido estudado como agente potencial no controle biológico de pragas. Para o desenvolvimento de técnicas de criação de parasitoides, é necessária a escolha do hospedeiro alternativo adequado, assim, o objetivo deste artigo é avaliar as características biológicas de T. diatraeae em relação aos hospedeiros Bombyx mori Linneaus (Lepidoptera: Bombycidae) e Diatraea saccharalis (Fabricius) (Lepidoptera: Crambidae), em laboratório. Doze pupas de B. mori e doze pupas D. saccharalis, com 72 e 24 h de vida, respectivamente, foram expostas ao parasitismo por 21 fêmeas parasitoides a 25 ± 1ºC, com umidade relativa de 70 ± 10% e fotofase de 14 h. A duração do ciclo de vida (ovo – adulto) de T. diatraeae foi de 19,44 ± 0,12 dias em pupas de D. saccharalis e 18,00 ± 0,05 dias em pupas de B. mori, a emergência de progênie do parasitoide foi 66,60% em pupas de D. saccharalis e 75,00% em pupas de B. mori. A progênie de T. diatraeae foi de 354,50 ± 43,21 por pupa de D. saccharalis e 469,11 ± 15,19 por pupa de B. mori. Trichospilus diatraeae demonstrou adequabilidade ao hospedeiro e sua capacidade de parasitar diferentes hospedeiros.