Página 1 dos resultados de 296 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Dimensionamento de profissionais de enfermagem em ambulatório de oncologia e hematologia; Dimensioning of nursing professionals at an oncology and hematology outpatient unit

Martin, Lelia Gonçalves Rocha
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/11/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.36%
Introdução: Os ambulatórios de oncologia vêm atendendo, a cada dia, um número crescente de pacientes que necessitam de cuidados clínicos complexos; todavia, boa parte desses serviços não possui informações que possam dar suporte às decisões relativas ao dimensionamento de profissionais de enfermagem. Objetivos: Identificar e analisar as intervenções / atividades realizadas pelos profissionais de enfermagem e definir parâmetros para dimensionar o quadro de pessoal de enfermagem em ambulatório especializado em oncologia e hematologia. Método: Pesquisa metodológica de campo que utiliza a técnica de amostragem de trabalho realizada em um ambulatório de oncologia e hematologia de uma organização de saúde privada localizada na cidade de São Paulo. Os dados foram coletados de 15 a 19 de abril de 2013 e foram organizados nas etapas seguintes: (1) Construção do instrumento de medida da frequência e do tempo despendido em intervenções de enfermagem; (2) Validação das intervenções / atividades do instrumento; (3) Identificação da frequência e do tempo despendido pelos profissionais de enfermagem em intervenções / atividades; (4) Dimensionamento de profissionais de enfermagem em ambulatório de oncologia e hematologia. Resultados: O instrumento construído e validado englobou 34 intervenções e três atividades. Foram registradas pelos observadores de campo 3694 observações dos profissionais de cada categoria na execução das intervenções / atividades de enfermagem. A documentação foi a intervenção que despendeu maior tempo da equipe (24...

Sala de espera na atenção a crianças que vivem com HIV/AIDS : percepção na equipe de saúde

Poletto, Paula Manoela Batista
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.45%
O estudo objetivou conhecer como a equipe de saúde do serviço de atendimento especializado em DST/aids percebe a sala de espera na atenção às crianças que vivem com HIV/aids. Trata-se de investigação exploratória descritiva com abordagem qualitativa, realizado no ambulatório pediátrico do Hospital da Criança do Grupo Hospitalar Conceição, os participantes foram constituídos de oito profissionais de saúde que prestam cuidado as crianças que vivem com aids no mínimo há um ano, sendo a seleção por meio de convite. Obteve aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa do Grupo Hospitalar Conceição (CEP/GHC) de n° 10.149. A coleta das informações ocorreu por meio de entrevistas semi-estruturadas. Empregando a análise temática, na interpretação das informações, emergiram 4 categorias: cuidado à saúde da criança que vive com aids; a criança na sala de espera; sala de espera: limites e possibilidades; sala de espera como estratégia de cuidado – percepção da equipe de saúde. Destacam-se como aspectos relevantes desta investigação; a compreensão dos profissionais sobre a possibilidade da sala de espera constituir-se como espaço de educação em saúde para as crianças que vivem com aids e seus familiares/cuidadores...

Fatores associados a visitas freqüentes à emergência na asma aguda : estudo comparativo entre os pacientes atendidos na emergência e no Ambulatório de Pneumologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Piovesan, Deise Marcela; Kang, Suzie Hyeona; Fernandes, Andreia Kist; Innocenti, Cassiano; Krost, Daniel Papich; Hoffmann, Cristine Feliciati; Mallmann, Felipe; Franciscatto, Eduardo; Millán, Thaís; Dalcin, Paulo de Tarso Roth
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.36%

Transição do internamento para o ambulatório de adolescentes com anorexia nervosa

Espírito Santo, Andreia Cristina Jales do
Fonte: Instituto Politécnico de Setúbal. Escola Superior de Saúde Publicador: Instituto Politécnico de Setúbal. Escola Superior de Saúde
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.49%
Relatório do Trabalho de Projeto para candidatura ao grau de Mestre em Enfermagem de Saúde Mental e Psiquiatria; A Anorexia Nervosa é uma patologia complexa, desafiante, que necessita de uma intervenção multidisciplinar. Com ela surgem múltiplas complicações físicas e psicológicas, assim como tem associadas diversas comorbilidades. Implica a necessidade de resposta a vários níveis de cuidados, nomeadamente internamento hospitalar e ambulatório. Colocando a hipótese de várias transições se apresentarem ao mesmo tempo, particularmente de desenvolvimento (adolescência), de saúde-doença (diagnóstico de anorexia nervosa) e situacional (transição do internamento para o ambulatório); e a importância de melhor as conhecer, com o intuito de promover o sucesso da transição, pretendemos compreender como decorre o processo de transição do internamento para o ambulatório. A partir daqui desenhámos um projeto de intervenção em serviço utilizando a metodologia de trabalho projeto. Este implicou a realização do diagnóstico de situação, definição de objetivos, planeamento, execução, avaliação e divulgação dos resultados. Na compreensão da problemática em estudo foram realizadas entrevistas semiestruturadas a adolescentes com o diagnóstico de anorexia nervosa em ambulatório...

Vantagens da transposição de cirurgias em regime de internamento para cirurgias em regime de ambulatório no sector privado

Matos, Rui Miguel Benfeitas de
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.53%
Este trabalho insere-se no âmbito de redução de custos no pagamento aos hospitais privados portugueses. Como gestores devemos promover a eficiência produtiva dos hospitais criando incentivos que levem os diferentes prestadores de cuidados de saúde destas instituições a minimizar os custos e a manter, simultaneamente um determinado padrão de qualidade. O enorme sucesso das cirurgias efectuadas em regime de ambulatório no sector público foi o impulsionador para a realização deste trabalho. O trabalho tem como objectivo verificar se a produção hospitalar nos hospitais privados em regime de ambulatório é mais benéfica ao nível dos custos e sem prejuízo da qualidade. São abordados os custos inerentes ao pagamento de cirurgias efectuadas em internamento que poderiam fazer parte de custos de cirurgias realizadas em ambulatório.

Recreação para crianças em sala de espera de um ambulatório infantil

Poleti,Lívia Capelani; Nascimento,Lucila Castanheira; Pedro,Iara Cristina da Silva; Gomes,Thaila Paiva de Souza; Luiz,Flávia Mendonça Rosa
Fonte: Associação Brasileira de Enfermagem Publicador: Associação Brasileira de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2006 PT
Relevância na Pesquisa
46.29%
O objetivo deste estudo é relatar a vivência de graduandos na implantação de um grupo de recreação que utiliza o brincar/brinquedo como estratégia terapêutica de intervenção na assistência às crianças que permanecem em sala de espera de um ambulatório infantil. As atividades foram desenvolvidas no período que antecede a esse atendimento, e englobam desenhos, jogos, histórias infantis, dentre outras. Através dessa intervenção, pode-se utilizar o brincar/brinquedo como instrumento facilitador da comunicação entre equipe cuidadora e criança e como estimulador do desenvolvimento global. Este recurso pode ser importante para que o profissional compreenda o momento pelo qual a criança está passando, pois além de lhe dar a oportunidade de liberação de temores e ansiedade, proporciona lazer enquanto esta espera o atendimento.

Anemia e insuficiência cardíaca na comunidade: comparação com um ambulatório especializado

Santos,Eduarda Barcellos dos; Tello,Bolívar Saenz; Villacorta,Humberto; Sales,Ana Luisa Ferreira; Wiefels,Christiane; Teixeira,Pedro Soares; Lima Filho,Luis Costa; Mesquita,Evandro Tinoco
Fonte: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC Publicador: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.4%
FUNDAMENTO: A anemia é comum em pacientes com insuficiência cardíaca (IC). Sua prevalência em pacientes com IC na comunidade é desconhecida em nosso meio. OBJETIVO: Avaliar a prevalência e características de pacientes com anemia em uma população não selecionada com IC na comunidade, comparando-a a uma população com IC atendida em um ambulatório especializado. MÉTODOS: Estudo transversal, prospectivo, observacional, realizado de janeiro de 2006 a março de 2007. Os pacientes com IC preenchiam os critérios de Boston, com pontuação >8. Anemia foi definida pelos critérios da Organização Mundial de Saúde, como valores de hemoglobina <13 g/dl para homens e <12 g/dl para mulheres. Foram selecionados aleatoriamente pacientes atendidos em um programa de atenção primária na comunidade e pacientes atendidos em um ambulatório de insuficiência cardíaca em um hospital universitário. RESULTADOS: Avaliados 206 pacientes com média de idade de 61,3±13,1 anos, 53,4% do sexo feminino. A prevalência da anemia na comunidade (n=114) foi de 21% e no ambulatório (n=92), de 25% (p=0,50). Os pacientes da comunidade apresentavam menor taxa de disfunção renal (TFG<60 ml/min/1,73-5), predominância de IC com fração de ejeção normal e sexo feminino. Parâmetros de função renal (uréia ou cretinina) relacionaram-se de modo independente com a anemia...

Projetos de vida de adultos jovens portadores de HIV por transmissão vertical: estudo exploratório com usuários de um ambulatório de infectologia

Oliveira,Lédice Lino de; Negra,Marinella Della; Nogueira-Martins,Maria Cezira Fantini
Fonte: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública. Publicador: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.29%
Esta pesquisa teve o intuito de conhecer os projetos de vida de jovens adultos que convivem com o HIV/aids a partir da transmissão vertical, com relação a: estudo, trabalho e constituição familiar. Outro objetivo foi o de conhecer sua vivência no que diz respeito à assistência recebida. Como instrumentos, foram utilizados: questionário sociodemográfico e entrevista semiestruturada. Foram realizadas 16 entrevistas com jovens de idade entre 18 e 22 anos, usuários de um ambulatório de um hospital público especializado na área de Infectologia. O material obtido nas entrevistas foi analisado segundo os princípios da análise temática. Foram encontradas seis categorias temáticas: estudo e escolaridade; trabalho e emprego; sexualidade e constituição familiar; vivência de preconceito; adesão ao tratamento; acolhimento. Os entrevistados referiram que a escola é importante meio para a inserção social e para a conquista da autonomia. O trabalho foi apresentado como principal fonte de subsistência e de independência. O exercício da sexualidade foi marcado pela situação de existência do HIV, determinando cuidados especiais; quanto à conjugalidade, os projetos dos entrevistados são variados: união informal, casamento oficial...

Fatores associados a sintomas depressivos em idosos atendidos em ambulatório público de Geriatria

Suassuna,Patrícia Diógenes; Veras,Renato Peixoto; Lourenço,Roberto Alves; Caldas,Célia Pereira
Fonte: Universidade do Estado do Rio Janeiro Publicador: Universidade do Estado do Rio Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.29%
OBJETIVO: Investigar fatores biopsicossociais associados à presença de sintomatologia depressiva em idosos atendidos em ambulatório público de Geriatria, na cidade do Rio de Janeiro, Brasil. MÉTODO: Estudo retrospectivo, de revisão de prontuários dos idosos atendidos na Policlínica Piquet Carneiro, no período de 1º de maio de 2004 a 31 de abril de 2006. Como instrumento de pesquisa, foi elaborado um roteiro para transcrever as informações contidas nos prontuários.Os dados foram analisados utilizando-se programa SAS version 9.1, e a técnica de regressão utilizada foi a regressão logística multinomial (stepwise). RESULTADOS: Aproximadamente 53% da população apresentaram sintomas depressivos. Na análise multivariada, identificou-se associação significativa entre a sintomatologia depressiva e as variáveis: idade, distúrbio do sono, mobilidade e equilíbrio, e número de enfermidades crônicas presentes. Após o ajuste do modelo, permaneceram as variáveis idade (OR=2,8 IC 95% 3,1 - 2,4) e mobilidade e equilíbrio (OR=1,8 IC 95% 2,0 - 1,52). CONCLUSÃO: A idade, o número de comorbidades e as alterações de mobilidade e equilíbrio estão associados à sintomatologia depressiva neste grupo.

Prevalência de síndrome metabólica em idosos atendidos em um ambulatório de clínica médica de hospital universitário do sul do Brasil e associação com declínio cognitivo

Pereira, Adriane Miró Vianna Benke
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.36%
Introdução: A Síndrome Metabólica (SM) é um transtorno complexo que se associa a aumento da ocorrência de doenças cardiovasculares e Diabetes. Recentemente sua associação com o declínio cognitivo (DC) em idosos tem sido descrita.Objetivos: Determinar a prevalência de SM e de DC em idosos atendidos no ambulatório 37 de Clínica Médica do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná e verificar se existe associação da SM e seus componentes individuais com DC.Métodos: estudo observacional, transversal, descritivo-analítico que investigou amostra aleatória de 133 idosos (60 anos e mais) atendidos no Ambulatório 37 de Clínica Médica do HC-UFPR no período de 01/03/2010 e 30/10/2010. Para a caracterização de SM utilizou-se o critério estabelecido pelo National Cholesterol Education Program Adult Treatment Panel III (NCEP- ATPIII). O rastreamento do DC foi feito através do Mini Exame do Estado Mental e as informações sociodemográficas, culturais e de saúde foram obtidas através da aplicação de questionário geral específico para a pesquisa. Os dados coletados foram armazenados em banco de dados desenvolvido para o projeto em Access 2007. A análise dos dados, feita através do software estatístico SPSS versão 17. 0...

Fatores de risco e acidentes ocupacionais em integrantes da equipe de enfermagem em ambulatório de especialidades de um hospital universitário; Risk factors and occupational accidents in members of a nursing team in an outpatient service in a university hospital

Valente, Neide Maria de Lourdes de Morais
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde (FM); Faculdade de Medicina - FM (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde (FM); Faculdade de Medicina - FM (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.36%
Nursing work exposes workers to risks that can lead to accidents and/or diseases. However, few studies investigate these risks and their consequences for nursing staff in outpatient services. The overall objective was to investigate the risk factors referred to by members of the nursing staff who work in outpatient specialties of a university hospital in the Midwest of Brazil. This cross-sectional, prospective, descriptive study, the data collection was performed using an instrument containing semi - structured questions administered at the time and place of work of the employee. The study included 76 nurses, with a mean age of 50 years, with time working in nursing for 17 years and working in outpatient service nine years. The results consisted of 410 responses concerning the exposure of professionals to risk factors, among which 133 were biological, psychosocial 133, 93 ergonomics, 32 physical and chemical 19. Approximately 90% of professionals reported using some type of Personal Protective Equipment, with gloves and masks the most used. Concern about occupational risks is insufficient to avoid them. New investigations on the subject are essential, as well as investments in preventive measures, such as physical infrastructure and continuing education.; O trabalho da enfermagem expõe seus profissionais a riscos que podem originar acidentes e/ou doenças. No entanto...

Relatório de Estágio Curricular – Serviços Farmacêuticos do Centro Hospitalar Cova da Beira E.P.E (Covilhã)

Tavares, Raquel
Fonte: Escola Superior de Saúde da Guarda Publicador: Escola Superior de Saúde da Guarda
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
36.5%
O Estagio Profissional I é realizado no âmbito do 4.° Ano / 1.° Semestre do Curso de Farmácia 1º Ciclo da Escola Superior de Saúde, pertencente ao Instituto Politécnico da Guarda. Este estágio realizou-se no período de 1 de Outubro de 2013 a 17 de Janeiro de 2014, de segunda a sexta-feira num total de 8 horas diárias. Este estágio decorreu nos Serviços Farmacêuticos do Centro Hospitalar da Cova da Beira, EPE sob a orientação da Técnica de Farmácia Vera Nascimento. O estágio permitiu uma vez mais conciliar os conhecimentos teóricos em contexto real, tal como permitir uma maior compreensão da vida profissional na área da Farmácia Hospitalar. O circuito do medicamento continua a representar a etapa mais importante de todo o trabalho efetuado na farmácia, desde a sua aquisição, receção e armazenamento e finalizando pela sua correta dispensa aos serviços clínicos e ao doente com devida informação prestada, caso seja possível. Neste estágio foi possibilitada a participação em diversas áreas, iniciando-se pela Distribuição em Dose Unitária, seguido da Receção e Armazenamento dos medicamentos tal como da Distribuição Tradicional, Reposição por Níveis e Reposição de Pyxis®. Posteriormente, seguiu-se a área da Farmacotecnia...

Relatório de Estágio Curricular – Centro Hospitalar St. António, EPE (Porto)

Gonçalves, Rui
Fonte: Escola Superior de Saúde da Guarda Publicador: Escola Superior de Saúde da Guarda
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
36.38%
Os objetivos de Estágio Profissional I, a decorrer nos Serviços Farmacêuticos do Hospital de Santo António são os seguintes: - Compreender todas as etapas do aprovisionamento e gestão de stocks (seleção e aquisição, receção e conferência de encomendas e seu armazenamento); - Compreender os diferentes tipos de distribuição de medicamentos e/ou dispositivos médicos em contexto de Farmácia Hospitalar; - Reconhecer a importância do setor da farmacotecnia em contexto de Farmácia Hospitalar, bem como a sua dinâmica. Ao longo do Estágio Profissional I foi-me permitido adquirir mais conhecimentos a nível da farmácia hospitalar nos setores da Distribuição Clássica, Distribuição Individual Diária, Reposição de Stocks Nivelados, Unidade de Produção Não Estéreis e Reembalagem e Identificação de Medicamentos, sendo estas as unidades que tive oportunidade de contatar durante o Estágio I nos Serviços Farmacêuticos do Centro Hospitalar de São João, EPE (Porto) em maio e junho de 2012. A oportunidade de estagiar nos SF do HSA foi muito enriquecedora em todos os aspetos, ao lado de uma equipa fantástica e incansável que me integrou de forma exemplar, permitindo adquirir novos conhecimentos acerca da filosofia Kaizen e dos seus métodos de implementação logística em Farmácia Hospitalar (sistema HLS)...

Diabetes Mellitus felina : proposta de protocolo de monitorização da glicemia em ambulatório

Morouço, Paulo Jorge Frade
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
36.53%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária.; A Diabetes Mellitus (DM) é definida como um grupo de doenças metabólicas caracterizadas por hiperglicemia, que resultam de defeitos na secreção de insulina, acção da insulina, ou ambos. É uma das endocrinopatias mais comuns no gato, e a sua prevalência tem vindo a aumentar ao longo dos tempos. A classificação actual divide a DM em Tipo 1, Tipo 2 e Outros Tipos Específicos. O gato é uma das poucas espécies que desenvolve uma forma de DM que é clínica e histologicamente análoga à DM Tipo 2 Humana, verificando-se essa analogia em 80-95% dos casos. Com base na necessidade de terapia com insulina para controlar a glicemia, evitar cetoacidose e sobreviver, podemos classificar a diabetes em DM Dependente de Insulina (DMDI) e DM Não Dependente de Insulina (DMNDI). Para o seu diagnóstico podemos recorrer à história pregressa do animal, exame físico e alguns exames complementares, como o painel bioquímico sérico e a urianálise. Uma redução da hiperglicemia e da hiperlipidemia maximiza as hipóteses de preservação da função das células β pancreáticas, e obtenção da remissão diabética. As principais terapias para gatos com DM não complicada são a administração de insulina e/ou hipoglicemiantes orais...

Procedimento de validação de distribuição clássica no Centro Hospitalar de São João, EPE

Santos, Ana Patricia; Ferreira, Sónia; Galvão, Cláudia; Carvalho, António; Carinha, Paulo Horta
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto; Centro Hospitalar de São João. Serviços Farmacêuticos Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto; Centro Hospitalar de São João. Serviços Farmacêuticos
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
46.3%
Introdução: Em linhas gerais, a Distribuição Clássica baseia-se na distribuição de medicamentos para um determinado Serviço Clínico que efectua um pedido de reposição de stock, electrónico ou manual. Esse pedido tem por base um stock previamente definido entre Serviços Farmacêuticos e Serviços Clínicos, no que respeita aos medicamentos e produtos farmacêuticos que irão constituir esse stock fixo, bem como as respectivas quantidades. O presente trabalho incide no procedimento de validação de requisições efectuadas segundo este sistema de distribuição no Centro Hospitalar de São João, EPE, efectuado por um Técnico de Farmácia, sistematizando-o, de forma a demonstrar os diferentes processos envolvidos na actividade de interpretação e validação de requisições de Distribuição Clássica, conforme o tipo de requisição efectuada. Material e Métodos: Foi realizado um estudo observacional descritivo simples, incidindo no processo que decorre entre a recepção do pedido de reposição de stock pelos Serviços Farmacêuticos e a dispensa da medicação. Resultados: Os resultados do estudo foram representados na forma de esquemas com os quais se pretendeu sintetizar os seguintes procedimentos de validação: validação de requisições on-line...

Vantagens da transposição de cirurgias em regime de internamento para cirurgias em regime de ambulatório no sector privado

Matos, Rui Miguel Benfeitas de
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.53%
Este trabalho insere-se no âmbito de redução de custos no pagamento aos hospitais privados portugueses. Como gestores devemos promover a eficiência produtiva dos hospitais criando incentivos que levem os diferentes prestadores de cuidados de saúde destas instituições a minimizar os custos e a manter, simultaneamente um determinado padrão de qualidade. O enorme sucesso das cirurgias efectuadas em regime de ambulatório no sector público foi o impulsionador para a realização deste trabalho. O trabalho tem como objectivo verificar se a produção hospitalar nos hospitais privados em regime de ambulatório é mais benéfica ao nível dos custos e sem prejuízo da qualidade. São abordados os custos inerentes ao pagamento de cirurgias efectuadas em internamento que poderiam fazer parte de custos de cirurgias realizadas em ambulatório.

Associação de tontura e desequilíbrio com síndrome metabólica em idosos atendidos em um ambulatório geriátrico universitário

Bastos, Carina Corrêa
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.36%
Introdução : o envelhecimento favorece o aparecimento de diversas doenças como as cardiovasculares, metabólicas, sensoriais e vestibulares. Entre as doenças metabólicas, será abordada neste estudo a síndrome metabólica que se caracteriza por um complexo transtorno que engloba um conjunto de fatores de risco cardiovascular.Objetivo : verificar a ocorrência de tontura e desequilíbrio e sua associação com síndrome metabólica (SM) em idosos atendidos no ambulatório do Serviço de Geriatria do Hospital São Lucas da PUCRS.Métodos : estudo transversal, descritivo analítico com 80 idosos com idade igual ou superior a 60 anos, os quais estiveram em primeira consulta ou retorno no ambulatório de Geriatria de novembro de 2009 a agosto de 2010. Os instrumentos utilizados foram um questionário geral, um protocolo clínico funcional, as escalas de equilíbrio de Berg e o teste funcional de TUGT, avaliação otoneurológica, a realização de vectoeletronistagmografia, audiometria tonal e vocal e imitanciometria. Na análise estatística, foram utilizadas frequências, médias e desvios- padrões, teste exato de Fisher, teste t de Student, teste do qui-quadrado e o coeficiente de correlação de Pearson. Os dados foram digitados em um banco desenvolvido em ACCESS e analisados através do pacote estatístico SPSS versão 17.Resultados : no presente estudo...

Démarche estratégica em unidade materno infantil hospitalar; Démarche estratégica en unidad materna infantil hospitalaria; Strategic Démarche in a mother and child hospital unit

Andrade, Maria Angélica Carvalho; Artmann, Elizabeth
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/02/2009 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
36.54%
OBJETIVO: O enfoque démarche estratégica problematiza a dissociação entre direção estratégica da instituição e nível operacional, em busca do planejamento contínuo e flexível de projetos. O objetivo do trabalho foi descrever a aplicação deste enfoque na avaliação de unidade hospitalar. PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS: Foi realizada aplicação adaptada do enfoque na unidade materno-infantil de hospital público estadual, localizado no município da Serra, ES, como análise da gestão hospitalar, com envolvimento indireto dos atores institucionais que se constituíram nos informantes-chave no período de abril a julho de 2006. Além de reuniões com atores-chave, os dados foram obtidos nas fontes: livros de registros de internações do centro obstétrico, da maternidade e do berçário, faturamento do hospital, relatório estatísitico dos resultados perinatais da unidade materno infantil; livros de atendimento do ambulatório de aleitamento materno, considerando o ano de 2005. RESULTADOS: Os segmentos mais valorizados foram: unidade intensiva neonatal, centro cirúrgico obstétrico e centro obstétrico. Também obteve alta valorização o Programa de Atenção Humanizada à Mãe e ao Recém-nascido. Os principais pontos fracos evidenciados foram: baixa articulação com a rede (parceria com a rede municipal); insuficiência de leitos e de investimento tecnológico necessários para atender a demanda; rotatividade profissional devido aos vínculos temporários; e deficiente implementação da humanização comprometendo os fatores estratégicos de êxito dos segmentos. CONCLUSÕES: Os resultados mostram o potencial do método para problematizar a missão e para a análise da gestão hospitalar apontando estratégias para melhoria da qualidade e competitividade dos segmentos e para maior inserção e integração na rede de serviços.; OBJETIVO: El enfoque démarche estratégica enfoca el problema de la disociación entre dirección estratégica de la institución y nivel operacional...

O brincar em sala de espera de um ambulatório infantil na perspectiva de crianças e seus acompanhantes; Jugando en la sala de espera de un servicio ambulatorio infantil bajo la perspectiva de niños y sus acompañantes; Playing in the waiting room of an infant outpatient clinic from the perspective of children and their companions

Pedro, Iara Cristina da Silva; Nascimento, Lucila Castanheira; Poleti, Livia Capelani; Lima, Regina Aparecida Garcia de; Mello, Débora Falleiros de; Luiz, Flávia Mendonça Rosa
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/04/2007 ENG; POR; SPA
Relevância na Pesquisa
46.44%
O brincar é uma das formas que a criança tem para se comunicar com o mundo que a rodeia. O objetivo deste estudo descritivo-exploratório foi compreender a experiência do brincar para a criança e seu acompanhante, que permanecem em sala de espera ambulatorial. Realizaram-se entrevistas semi-estruturadas com 12 crianças e seus acompanhantes. A análise dos dados permitiu a identificação de três temas: tempo de espera: "não tem jeito, tem que esperar"; aproveitando para brincar: tornando o ambulatório um espaço agradável e o brinquedo como mediador das relações. O brincar mostra-se como uma efetiva estratégia de intervenção da enfermagem pediátrica, para auxiliar a criança na superação de barreiras impostas pelo atendimento. É um recurso facilitador do processo de comunicação entre as crianças, acompanhantes e profissionais, que muito contribui para a melhoria do cuidado prestado.; Jugar es una de las formas que el niño tiene para comunicarse con el mundo que lo rodea. La finalidad de este estudio descriptivo-exploratorio fue comprender sobre la experiencia que el niño y su acompañante tienen con relación al jugar mientras permanecen en la sala de espera. Se realizaron entrevistas semi-estructuradas con 12 niños y sus responsables. Mediante el análisis de los datos fue posible identificar tres temas: tiempo de espera: "no se puede hacer nada...

Life projects of young adults with HIV acquired by vertical transmission: an exploratory study with patients of an infectious diseases' outpatients department; Projetos de vida de adultos jovens portadores de HIV por transmissão vertical: estudo exploratório com usuários de um ambulatório de infectologia

Oliveira, Lédice Lino de; Negra, Marinella Della; Nogueira-Martins, Maria Cezira Fantini
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
46.29%
This research had the intention to understand the life projects of young adults living with HIV/Aids infected through vertical transmission: how they deal with studies, work and with building a family. Another objective was to know their experiences regarding health assistance received. The research method was: socio-demographic questionnaires and semi-structured interviews. Sixteen interviews were performed with people between eighteen and twenty two years-old who were users of a public out patients service specialized in Infectious Diseases. Data from the interviews was analyzed according to the principles of thematic analysis. Six thematic categories were found: study and schooling; labor and employment; sexuality and family building; experiences of prejudice; adherence to treatment and reception at the health service.I Interviewees appointed the whole education ambient as an important way to reach social inclusion, as well as autonomy. They presented their working life as the first source of subsistence and independence. The exercise of their sexuality was marked by HIV, implicating in special care. Regarding conjugality, the interviewees' projects were varied: informal union, legal marriage and life without partner. The projects involving maternity/paternity were strongly influenced by the presence of HIV...