Página 1 dos resultados de 6 itens digitais encontrados em 0.012 segundos

Influência dos sistemas de contabilidade e controlo de gestão na formação do capital financeiro e do capital social das ONG(D)s: o caso da OIKOS

Reis, Eduardo; Novas, Jorge
Fonte: Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas Publicador: Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas
Tipo: Aula
POR
Relevância na Pesquisa
56.17%
Nos últimos anos tem existido uma preocupação dos Estados, através de novas políticas governamentais, para dotar as OSFL de instrumentos e meios que confiram maior transparência e credibilidade à gestão. Os sistemas de contabilidade e controlo de gestão (SCCG) constituem um desses meios, que em muitos casos substituíram os processos informais de gestão e em algumas situações complementaram a sua ação. A importância da utilização dos SCCG é o objetivo central da presente pesquisa. O trabalho desenvolvido centra-se nessa relação, através da análise da importância (perceção) das informações produzidas pelos SCCG e pelas consequências da implementação dos sistemas de controlo de gestão nas diversas etapas de gestão da OIKOS. Pretende-se analisar a importância da informação e aplicação dos SCCG na criação de capital financeiro e capital social, através da análise das funções planeamento e eficácia operacional. O enquadramento do modelo faz-se através do sistema de alavancas de Simons, representativo do equilibrio entre aplicação de controlos e sistemas de crenças e limites. A investigação envolveu a realização de um estudo de caso. A informação foi recolhida através de entrevistas semi-estruturadas...

Influência dos sistemas de contabilidade e controlo de gestão na formação do capital financeiro e do capital social das ONG(D)s: o caso da OIKOS

Reis, Eduardo; Novas, Jorge
Fonte: Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas Publicador: Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas
Tipo: Aula
POR
Relevância na Pesquisa
56.17%
Nos últimos anos tem existido uma preocupação dos Estados, através de novas políticas governamentais, para dotar as OSFL de instrumentos e meios que confiram maior transparência e credibilidade à gestão. Os sistemas de contabilidade e controlo de gestão (SCCG) constituem um desses meios, que em muitos casos substituíram os processos informais de gestão e em algumas situações complementaram a sua ação. A importância da utilização dos SCCG é o objetivo central da presente pesquisa. O trabalho desenvolvido centra-se nessa relação, através da análise da importância (perceção) das informações produzidas pelos SCCG e pelas consequências da implementação dos sistemas de controlo de gestão nas diversas etapas de gestão da OIKOS. Pretende-se analisar a importância da informação e aplicação dos SCCG na criação de capital financeiro e capital social, através da análise das funções planeamento e eficácia operacional. O enquadramento do modelo faz-se através do sistema de alavancas de Simons, representativo do equilibrio entre aplicação de controlos e sistemas de crenças e limites. A investigação envolveu a realização de um estudo de caso. A informação foi recolhida através de entrevistas semi-estruturadas...

Influência dos sistemas de contabilidade e controlo de gestão na formação do capital financeiro e do capital social das ONG(D)s: o caso da OIKOS

Reis, Eduardo; Novas, Jorge
Fonte: Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas Publicador: Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
56.17%
Nos últimos anos tem existido uma preocupação dos Estados, através de novas políticas governamentais, para dotar as OSFL de instrumentos e meios que confiram maior transparência e credibilidade à gestão. Os sistemas de contabilidade e controlo de gestão (SCCG) constituem um desses meios, que em muitos casos substituíram os processos informais de gestão e em algumas situações complementaram a sua ação. A importância da utilização dos SCCG é o objetivo central da presente pesquisa. O trabalho desenvolvido centra-se nessa relação, através da análise da importância (perceção) das informações produzidas pelos SCCG e pelas consequências da implementação dos sistemas de controlo de gestão nas diversas etapas de gestão da OIKOS. Pretende-se analisar a importância da informação e aplicação dos SCCG na criação de capital financeiro e capital social, através da análise das funções planeamento e eficácia operacional. O enquadramento do modelo faz-se através do sistema de alavancas de Simons, representativo do equilíbrio entre aplicação de controlos e sistemas de crenças e limites. A investigação envolveu a realização de um estudo de caso. A informação foi recolhida através de entrevistas semi-estruturadas...

OS SISTEMAS DE CONTABILIDADE E CONTROLO DE GESTÃO E A FORMAÇÃO DO CAPITAL FINANCEIRO E DO CAPITAL SOCIAL NAS ORGANIZAÇÕES SEM FINS LUCRATIVOS: O CASO DA OIKOS

Reis, Eduardo; Novas, Jorge
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
76.41%
Nos últimos anos tem existido uma preocupação dos Estados, através de novas políticas governamentais, para dotar as organizações sem fins lucrativos de instrumentos e meios que confiram maior transparência e credibilidade à gestão. Os sistemas de contabilidade e controlo de gestão (SCCG) constituem um desses meios, que em muitos casos substituíram os processos informais de gestão e em algumas situações complementaram a sua ação. O trabalho desenvolvido centra-se na análise da importância das informações produzidas pelos SCCG e pelas consequências da implementação dos sistemas de controlo de gestão nas diversas etapas de gestão da organização sem fins lucrativos OIKOS. Analisa-se a importância da informação e da aplicação dos SCCG na criação de capital financeiro e do capital social, através da análise das funções planeamento e eficácia operacional. O enquadramento do modelo faz-se através do sistema de alavancas de Simons, representativo do equilíbrio entre aplicação de controlos e sistemas de crenças e limites. A investigação envolveu a realização de um estudo de caso. A informação foi recolhida através de entrevistas semi-estruturadas, com análise de conteúdo. Os resultados mostram que a informação dos SCCG para captação de capital financeiro e criação de capital social é muito valorizada e de utilização muito frequente pelos públicos internos da OIKOS. Existe a perceção que são financiadores externos e internos os principais criadores de capital financeiro e que é a qualidade dos vínculos relacionais internos à própria OIKOS que mais cria capital social

Importância dos sistemas de contabilidade e controlo de gestão na formação do capital financeiro e do capital social das organizações não-governamentais:o caso da OIKOS

Reis, Eduardo Manuel Godinho dos
Fonte: Instituto Politécnico de Santarém Publicador: Instituto Politécnico de Santarém
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 06/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.22%
Dissertação, Mestrado, Contabilidade e Finanças, Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Gestão e Tecnologia, 2014; Nos últimos anos tem existido uma preocupação dos Estados, através de novas políticas governamentais, para dotar as organizações sem fins lucrativos (OSFL) de instrumentos e meios que confiram maior transparência e credibilidade à gestão. Os sistemas de contabilidade e controlo de gestão (SCCG) constituem um desses meios, que em muitos casos substituem os processos informais de gestão e em algumas situações complementam a sua ação. A importância da utilização dos SCCG é um elemento central da presente pesquisa. O trabalho desenvolvido centra-se na análise da importância (perceção) das informações produzidas pelos SCCG e pelas consequências da implementação dos sistemas de controlo de gestão nas diversas etapas de gestão da OIKOS, uma organização sem fins lucrativos para a cooperação e desenvolvimento. Pretende-se analisar a importância dos SCCG na ação das OSFL e na possível formação (captação e criação) de capital financeiro e na formação de capital social por estas. Procurou-se organizar uma teia de relações através da construção de um modelo conceptual sustentado no modelo de alavancas de controlo de Simons (1994)...

Gestão de riscos estratégicos : action research numa empresa de tecnologias de informação

Oliveira, Luís Fernando Fonseca de
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
86.2%
Mestrado em Gestão e Estratégia Industrial; Objetivo da investigação: Este estudo pretende determinar de que forma a gestão dos riscos estratégicos e o planeamento estratégico e controlo de gestão podem ser integrados, de forma a contribuir para a sustentabilidade e criação de valor nas organizações. Metodologia: A investigação baseou-se na realização de action research numa empresa de média dimensão que atua na área das TIC. Os resultados foram obtidos através de um processo iterativo, baseado na análise da teoria disponível sobre gestão estratégica e gestão de risco, realização de experiências e reflexão sobre os resultados obtidos. Resultados: Os riscos estratégicos foram definidos como os riscos internos ou externos, que podem ocorrer tanto na definição como na implementação da estratégia e com potencial para alterar significativamente a posição competitiva da organização. Do estudo resultou um modelo conceptual de integração dos processos de gestão dos riscos estratégicos e de planeamento estratégico e controlo de gestão. O modelo sugere que a incorporação de sistemas de controlo especialmente dedicados à gestão da incerteza promove a antecipação estratégica, a aprendizagem e o aparecimento de estratégias emergentes. Implicações teóricas: Os resultados obtidos são de natureza qualitativa e baseados numa investigação conduzida numa organização singular. A generalidade do modelo proposto pode ser testada com a realização de estudos de caso de aplicação noutras organizações. Originalidade: O estudo explicita uma forma clara de integrar a gestão estratégica com a gestão dos riscos estratégicos...