Página 1 dos resultados de 3138 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Biodisponibilidade de fontes orgânicas e inorgânicas de zinco em ovinos; Bioavailability of organic and inorganic zinc sources in sheep

VILELA, F.G.; ZANETTI, M.A.; NETTO, A. Saran; FREITAS JUNIOR, J.E.; YOSHIKAWA, C.Y.C.
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.32%
Compararam-se os efeitos de diferentes fontes e doses de zinco na dieta de ovinos Santa Inês sobre os níveis de zinco plasmático e de fosfatase alcalina. Foram utilizados 40 cordeiros, recém-desmamados, com média de peso de 18,4kg, distribuídos em 10 tratamentos: 1- dieta basal sem suplementação de zinco; 2- dieta basal + 200mg de Zn/kg de MS na forma de óxido de zinco; 3- dieta basal + 400mg de Zn/kg de MS na forma de óxido de zinco; 4- dieta basal + 600mg de Zn/kg de MS na forma de óxido de zinco; 5- dieta basal + 200mg de Zn/kg de MS na forma de zinco aminoácido; 6- dieta basal + 400mg de Zn/kg de MS na forma de zinco aminoácido; 7- dieta basal + 600mg de Zn/kg de MS na forma de zinco aminoácido; 8- dieta basal + 200mg de Zn/kg de MS na forma de zinco proteinato; 9- dieta basal + 400mg de Zn/kg de MS na forma de zinco proteinato; 10- dieta basal + 600mg de Zn/kg de MS na forma de zinco proteinato. A cada 28 dias, os animais foram pesados e tiveram seu sangue colhido para análise de zinco (Zn), análise de fosfatase alcalina e análises de imunoglobulinas G (IgG) e M (IgM). No final do experimento, foram coletadas amostras de fígado para estudo dos níveis de zinco hepático. Não houve diferença entre tratamentos nos níveis de fosfatase alcalina e de zinco hepático...

Proteína láctea e zinco suplementar em dietas de leitões recém-desmamados; Milk protein and supplemental zinc in weaned pigs diets

Tse, Marcos Livio Panhoza
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/08/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.33%
Foram utilizados 120 leitões (60 em cada experimento) da genética Dalland, desmamados aos 21 dias de idade e pesos médios iniciais de 5,43 kg ± 0,46 (Exp. 1) e 5,81 kg ± 0,54 (Exp. 2) com o objetivo de avaliar a presença de proteína láctea ou zinco suplementar (Znaminoácidos) sobre o desempenho, concentrações sanguíneas de IGF-I, GH, zinco, morfologia intestinal e peso relativo do fígado e intestino delgado dos leitões. O delineamento experimental foi o de blocos casualisados, com 14 dias (Exp.1) e 28 dias (Exp.2) de duração em um fatorial 2 x 2 (proteína láctea e zinco suplementar): T1 = Dieta basal constituída de milho e farelo de soja (DB), com proteína láctea (PL) e com Zn suplementar (2000 ppm de zinco - ZnO + 250 ppm de zinco ? Znaminoácidos); T2 = DB com PL e sem zinco suplementar; T3 = DB sem PL e com zinco suplementar; T4 = DB sem PL e sem zinco suplementar. No Exp.1, o zinco suplementar, proporcionou melhor conversão alimentar (CA) para a fase de 1 a 7 dias (P<0,04) e para a fase de 1 a 14 dias, proporcionou maior peso aos 14 dias (P14) (P<0,06) e maior ganho de peso diário (GPD) (P<0,05). A PL, proporcionou aos animais, menor CA para as fases de 1 a 7 dias (P<0,001) e de 1 a 14 dias (P<0,02)...

Estado nutricional relativo ao zinco de crianças com fissura labiopalatina; Nutritional status of zinc in children with cleft lip palate

Mattos, Camila Frazão Nogueira de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/11/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.28%
A Fissura Labiopalatina é uma doença multifatorial que tem interferência sobre a qualidade da alimentação da criança, visto que na maioria das vezes os pacientes têm dificuldades de mastigação e deglutição. O zinco está envolvido em diversos processos fisiológicos, tem importante relação com mecanismos antioxidantes, imunitários, replicação celular e de transcrição protéica. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, o zinco é o micronutriente mais importante para o desenvolvimento corporal e cognitivo da criança. Considerando a interferência da Fissura Labiopalatina sobre a qualidade da alimentação, e a importância do zinco para o desenvolvimento da criança, este estudo se propôs a avaliar o estado nutricional relativo ao zinco de crianças de 6 a 10 anos com Fissura Labiopalatina atendidas no Centro de Atendimento Integrado ao Fissurado Labiopalatino de Curitiba - PR. Foram dosadas as concentrações de zinco plasmático, eritrocitário e urinário. A quantidade de zinco dietético foi avaliada por meio dos métodos de recordatório de 24h e três registros alimentares. Foram avaliados peso e estatura, como dados antropométricos, e comparados ao escore Z. O estudo foi do tipo casocontrole. A concentração média de zinco plasmático...

Avaliação de fontes, absorção foliar e translocação de zinco (68Zn) em laranjeiras; Sources evaluation, foliar uptake and zinc translocation (68Zn) in Orange

Guedes, Elaine Maria Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/09/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.3%
Os estudos de adubação com zinco foliar em citros desenvolvidos no Brasil são na maioria das vezes limitados às informações das quantidades dos nutrientes absorvidos pelas folhas, porém o transporte do zinco das folhas para outras partes das plantas ainda precisa ser esclarecido. A maioria das investigações sobre tal assunto é vasta de resultados conflitantes. Em vista disso, o uso da técnica com isótopos estáveis é uma ferramenta viável para auxiliar na determinação direta da absorção e translocação de zinco aplicado via foliar no citros. O presente estudo tem como objetivos determinar (i) os teores de zinco nas folhas durante três dias após a pulverização; na fase de floração e frutificação do citros: (ii) teores e acúmulos de zinco nas folhas e frutos; (iii) concentração de zinco nos pluviolixiviados das folhas; (v) absorção e translocação do zinco proveniente das fontes nas folhas; (vi) translocação do zinco proveniente das fontes nos frutos; (vi) concentrações de zinco nos pluviolixiviados das folhas provenientes das fontes.Foram conduzidos dois experimentos na Estação Experimental de Citricultura de Bebedouro-SP. No primeiro experimento foram avalidas cinco fontes foliares de zinco, EDTA...

Avaliação de crescentes  teores de zinco dietético no metabolismo do cobre e na prevenção de intoxicação cúprica em ovinos; Evaluation of increasing dietary zinc on copper metabolism and in the prevention of cumulative cooper poisoning in sheep

Minervino, Antonio Humberto Hamad
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.26%
Esse trabalho objetivou avaliar o efeito de crescentes quantidades de zinco dietético no metabolismo do cobre e na prevenção de intoxicação cúprica em ovinos. Foram utilizados 40 ovinos, machos, mestiços da raça Santa Inês, distribuídos em 5 grupos experimentais de 8 animais cada, submetidos a diferentes tratamentos com cobre (Cu) e zinco (Zn). Os grupos A, B, C e D receberam diariamente 12 mg de Cu por kg de PV sendo que adicionalmente o grupo A recebeu 1 mg de zinco por kg de PV/dia, o grupo B 4 mg de zinco por kg de PV/dia e o grupo C recebeu 8 mg de zinco por kg de PV/dia. O grupo H (controle), recebeu apenas a dieta basal. O experimento teve duração de 14 semanas. Foi realizada biópsia hepática ao início do estudo e sacrifício dos animais ao término do período experimental para coleta de tecidos e flúidos. Foram determinadas as concentrações de cobre e zinco no fígado, bile e sangue total. Semanalmente foram coletadas amostras de sangue para determinações bioquímicas e hematológicas, bem como realizada pesagem dos animais. Nenhum animal do grupo controle (H) e do grupo C (alto zinco) apresentou manifestação clínica, enquanto um animal dos grupos A, B e D, respectivamente, apresentou quadro clínico característico de intoxicação cúprica acumulativa (lCA). Observou-se uma elevação dos valores de cobre no fígado em todos os grupos experimentais entre o início e o final do experimento...

Composição isotópica do zinco em materiais naturais de compartimentos geoquímicos impactados por indústria galvânica : potencial (do zinco) como traçador de contaminação ambiental

Sanberg, Eduardo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.28%
O desenvolvimento dos métodos e equipamentos relacionados à determinação de frações isotópicas de metais de transição vem propiciando reconhecer o comportamento isotópico desses elementos. São ainda escassas e relativamente recentes as informações existentes sobre os isótopos de zinco, em especial, sua aplicação nos estudos ambientais. O presente trabalho visa contribuir para o conhecimento sobre os isótopos estáveis de zinco e testar seu potencial como traçador ambiental. O estudo foi realizado no Município de Nova Santa Rita, RS, onde opera indústria galvânica de zinco de médio porte. As principais fontes de contaminação são emissões atmosféricas a partir da chaminé industrial e efluentes líquidos. Conteúdos totais de zinco, chumbo, cobre e cádmio foram determinados em amostras de solo, material particulado atmosférico, sedimentos de fundo e material em suspensão de águas superficiais com uso de equipamento ICP-MS (induced coupled plasma mass spectrometer). As frações isotópicas de zinco e chumbo foram determinadas com espectrômetro MC-ICPMS (multiple collector inductively-coupled plasma mass spectrometer) Neptune (Termofinnigan) nos laboratórios da Universidade Paul Sabatier em Toulouse (França) e da Universidade Federal do Rio Grande do Sul em Porto Alegre (Brasil). Os resultados referentes às concentrações totais apontam o zinco como sendo o único metal em teores anômalos em todos os compartimentos naturais. Os teores de cobre e chumbo apresentam pouca variação entre as amostras dos mesmos compartimentos geoquímicos. Os teores de cádmio são inferiores à precisão do método analítico em todas as amostras. Os dados obtidos em amostras de solos e sedimentos de fundo apontam origem predominantemente geogênica para os isótopos de chumbo indicando a minimização dos efeitos de contaminação por este metal. O cruzamento dos resultados isotópicos de zinco e chumbo mostra que o comportamento dos dois metais segue padrões semelhantes nos solos. Neste compartimento geoquímico os isótopos de zinco constituem uma promissora ferramenta como traçador ambiental. Nos sedimentos de fundo...

Suplementação de zinco em dietas: desempenho produtivo e resposta hemática e imunológica da tilápia-do-nilo submetida a desafio bacteriano

Teixeira, Caroline Pelegrina
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xi, 94 f. : il., grafs, tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Pós-graduação em Zootecnia - FMVZ; O presente trabalho compõe-se de dois estudos. No primeiro, avaliou-se os efeitos da suplementação de zinco (0, 20, 40, 80, 160 e 320 mg kg-1) na absorção de zinco (Zn), cobre, ferro e manganês de 60 peixes. No segundo estudo, foram avaliados os efeitos do zinco nos parâmetros produtivos de tilápias-do-Nilo. Foram utilizados 288 peixes, com peso de 7,67 ± 0,23 g, distribuídos ao acaso em 36 aquários de 250 L e alimentados com dietas práticas contendo níveis crescentes de zinco suplementar. A fonte de zinco utilizada foi o sulfato de zinco monoidratado. Ao final de 130 dias experimentais, foram avaliados ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar, taxa de retenção proteica, sobrevivência, atividade da fosfatase alcalina, retenção de zinco nos ossos e carcaça. A suplementação de Zn não influenciou a absorção de ferro. O excesso de zinco suplementar prejudicou a absorção de cobre pelo epitélio intestinal dos peixes. A absorção de manganês foi prejudicada quando os animais foram alimentados com dietas suplementadas com 320 mg Zn kg-1. A concentração de zinco na carcaça e atividade da fosfatase alcalina responderam positivamente ao aumento de nível de suplementação dietética de zinco. As análises de regressão segmentada demonstraram que maior ganho de peso...

Efeito da remoção da fonte de zinco da mistura salina da dieta sobre o ganho de peso de ratos wistar e o valor nutritivo da caseina : influencia de adições crescentes de acido fitico; Effect of the removing zinc source of the saline mixture of the diet on profit of weight of Wistar rats and the nutritional value of the casein: influence of increasing additions of phytic acid

Karina Ribeiro Rios
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/08/2003 PT
Relevância na Pesquisa
37.28%
O zinco é um mineral que desempenha inúmeras funções biológicas, como catalisador para a atividade de mais de 300 enzimas, constituinte estrutural de muitas proteínas e como regulador na prevenção da formação de radicais livres. Dado a esta multiplicidade funcional, a deficiência de zinco é especialmente crítica em estádios de rápido crescimento e desenvolvimento onde seu requerimento é aumentado, na ingestão alimentar deficiente ou quando ocorre baixa biodisponibilidade do zinco. Com a descoberta da deficiência do mineral em humanos na década de 60 devido ao elevado consumo de ácido fítico por populações do Oriente Médio, os estudiosos acreditavam ser este um fato isolado, até que na década de 90 foi reconhecido como um problema de carência nutricional de ocorrência freqüente em países desenvolvidos. Com vistas a determinar a influência da fonte de zinco da mistura mineral da dieta AIN-93G e de adições de ácido fítico no crescimento e estado nutricional de zinco em ratos Wistar, estudou-se o efeito da suplementação com carbonato de zinco (56 % Zn) e ácido fítico na forma de hexafosfato de mioinositol (IP6), utilizando-se adições crescentes na dieta de caseína. Os resultados mostraram que apesar de o carbonato de zinco (56 % Zn) ter sido removido por 32 dias...

Propriedades ópticas e estruturais de óxido de zinco contendo enxofre; Structural and optical properties of sulfur-containing zinc oxide

Gabriela Zanotto Bosshard
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/07/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.26%
O objetivo deste projeto foi investigar a síntese de óxido de zinco contendo enxofre obtido a partir de sulfeto de zinco nas fases wurtzita (hexagonal) e blenda de zinco (cúbica), assim como fazer a caracterização e estudar as alterações estruturais e ópticas dos materiais sintetizados e compará-las às propriedades do óxido de zinco sintetizado a partir de hidroxicarbonato de zinco. O método de síntese utilizado permite a obtenção de sulfeto de zinco hexagonal ou cúbico a baixa temperatura, permitindo um estudo comparativo da influência da estrutura cristalina do sulfeto de zinco na formação do óxido de zinco. Os estudos por difração de raios X mostram que há leve variação nos parâmetros de rede do material obtido, principalmente quando a síntese parte da fase hexagonal do ZnS. Somado a isso, a análise da luminescência dos materiais obtidos mostra emissão em torno de 520 nm, que pode ser atribuída a transição eletrônica entre defeitos de Frenkel (Zni e VZn") que foram formados a temperaturas inferiores à requerida para a formação deste tipo de defeito, indicando, portanto alterações na rede do óxido de zinco contendo enxofre.; This project aimed to investigate the synthesis of sulfur-containing zinc oxide obtained from zinc sulfide in the wurtzite (hexagonal) or zinc blende (cubic) phases...

Avaliação comportamental e do estresse oxidativo em ratos expostos ao malation e/ou zinco

Brocardo, Patrícia de Souza
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: viii, 81 f.| il., grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.27%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Biológicas. Programa de Pós-graduação em Neurociências.; O presente estudo avaliou o efeito da exposição de doses aguda e repetidas (3 e 7 dias) do organofosforado malation e/ou cloreto de zinco sobre parâmetros comportamentais e bioquímicos. Os testes comportamentais utilizados foram o teste do nado forçado (TNF) e do campo aberto. As medidas bioquímicas avaliadas foram a lipoperoxidação e a atividade das enzimas acetilcolinesterase (AChE) cerebral, glutationa redutase (GR), glutationa transferase (GST), glutationa peroxidase (GPx), glicose-6-fosfato-desidrogenase (G6PDH), e os níveis de glutationa total (GSH t) em hipocampo e córtex de ratos Wistar fêmeas adultas. Os tratamentos com malation tiveram efeitos consistentes: a) promoveram aumento do tempo de imobilidade no TNF; b) promoveram peroxidação de lipídios, mensurada indiretamente por substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS), em córtex cerebral e hipocampo, e c) reduziram a atividade da AChE que é uma efetiva marcadora de exposição a organofosforados (OF). Os tratamentos com malation que apresentaram estes efeitos foram: tratamento agudo nas doses de 250 e 500 mg/kg...

Biodisponibilidade de zinco de ostras (Crassostrea gigas) cultivadas em Florianópolis/SC

Caetano, Roberta
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 90 f.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Nutrição; O zinco é um mineral essencial para várias funções orgânicas e está amplamente distribuído no corpo humano. Sua deficiência pode causar anorexia, cicatrização lenta, disfunções imunológicas, desordens de comportamento, entre outras conseqüências. Os alimentos diferem no seu conteúdo de zinco, sendo as ostras consideradas entre as melhores fontes. Este trabalho tem como objetivo avaliar a biodisponibilidade de zinco de dieta contendo ostras Crassostrea gigas cultivadas em região de Florianópolis, SC, em ratas (Rattus norvegicus). As ostras foram coletadas na Fazenda Marinha Atlântico Sul localizada no Ribeirão da Ilha, Baía Sul da Ilha de Santa Catarina. O ensaio biológico durou 49 dias, sendo os animais, com idade média de 50 dias, distribuídos em três grupos: G1: dieta controle (AIN-93M), G2: dieta isenta de zinco (AIN-93M modificada); G3: dieta isenta de zinco e acrescida de ostras. Ao final do experimento foram coletados os fêmures dos animais para análise do teor de zinco. Com as análises das ostras in natura, verificamos 85,21g% de umidade; 1,6g% de cinzas, 6...

Suplementação de zinco em mães de bebês prematuros

Figueiredo, Carmen Silvia Martimbianco de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2006.; Objetivos: Neste estudo avaliamos as concentrações de zinco e cobre no leite materno de mães de bebês prematuros, que foram suplementadas com uma dose diária de 50 mg de zinco, comparando-as com mães não suplementadas,e o efeito dessa suplementação nas medidas antropométricas e nos níveis de zinco no sangue dos bebês. Métodos: Trinta e oito mães e seus bebês prematuros participaram do estudo. Dezoito mães receberam a suplementação e vinte não receberam. As avaliações de zinco, cobre e medidas antropométricas foram realizadas a cada 15 dias, desde o momento que os bebês atingiram dieta plena com leite materno, até a idade pós-natal corrigida para 40 semanas. Determinações de cobre no leite materno e de zinco no leite materno e sangue dos bebês foram realizadas por espectrofotometria de absorção atômica. Resultados: Não houve diferença estatisticamente significativa para os valores de zinco no leite materno dos dois grupos. Durante o seguimento, as concentrações de zinco e cobre do leite reduziram para os dois grupos. Foi encontrada uma maior diminuição de cobre no leite de mães suplementadas com zinco...

Resposta de cultivares de milho a zinco em solução nutritiva

Furlani,Angela Maria Cangiani; Furlani,Pedro Roberto
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1996 PT
Relevância na Pesquisa
37.26%
Este trabalho, desenvolvido em solução nutritiva, em casa de vegetação, no Centro Experimental de Campinas, Instituto Agronômico, objetivou definir parâmetros para avaliação e diferenciação de cultivares de milho quanto à exigência em zinco. Desenvolveram-se 24 cultivares durante 30 dias em solução nutritiva completa, com dois níveis de zinco (0,125 e 0,350 mg/L de Zn). O experimento seguiu o delineamento em blocos ao acaso, com parcelas subdivididas, com duas repetições por parcela e quatro plantas de cada cultivar por parcela. Os níveis de zinco ocuparam as parcelas e os cultivares, as subparcelas. Determinaram-se as seguintes variáveis: altura de planta, produção de massa seca da parte aérea, teores e conteúdos de zinco na parte aérea. Observaram-se reduções na produção de massa seca, na altura das plantas e nos teores e conteúdos de zinco, para o nível inferior do micronutriente na solução nutritiva. Os cultivares D-468, ICI-791152 e C-701 mostraram as menores reduções em altura em função do baixo nível de zinco e, C-808, Hatã-2000, OC-5045-6 e BR-201, as maiores respostas ao nível mais alto de zinco. A variação na altura das plantas (sintoma característico da deficiência de zinco) revelou alta correlação (r = 0...

Biodisponibilidade de fontes orgânicas e inorgânicas de zinco em ovinos

Vilela,F.G.; Zanetti,M.A.; Netto,A. Saran; Freitas Junior,J.E.; Yoshikawa,C.Y.C.
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.32%
Compararam-se os efeitos de diferentes fontes e doses de zinco na dieta de ovinos Santa Inês sobre os níveis de zinco plasmático e de fosfatase alcalina. Foram utilizados 40 cordeiros, recém-desmamados, com média de peso de 18,4kg, distribuídos em 10 tratamentos: 1- dieta basal sem suplementação de zinco; 2- dieta basal + 200mg de Zn/kg de MS na forma de óxido de zinco; 3- dieta basal + 400mg de Zn/kg de MS na forma de óxido de zinco; 4- dieta basal + 600mg de Zn/kg de MS na forma de óxido de zinco; 5- dieta basal + 200mg de Zn/kg de MS na forma de zinco aminoácido; 6- dieta basal + 400mg de Zn/kg de MS na forma de zinco aminoácido; 7- dieta basal + 600mg de Zn/kg de MS na forma de zinco aminoácido; 8- dieta basal + 200mg de Zn/kg de MS na forma de zinco proteinato; 9- dieta basal + 400mg de Zn/kg de MS na forma de zinco proteinato; 10- dieta basal + 600mg de Zn/kg de MS na forma de zinco proteinato. A cada 28 dias, os animais foram pesados e tiveram seu sangue colhido para análise de zinco (Zn), análise de fosfatase alcalina e análises de imunoglobulinas G (IgG) e M (IgM). No final do experimento, foram coletadas amostras de fígado para estudo dos níveis de zinco hepático. Não houve diferença entre tratamentos nos níveis de fosfatase alcalina e de zinco hepático...

Estado nutricional relativo ao zinco de crianças que frequentam creches do estado da Paraíba

Pedraza,Dixis Figueroa; Rocha,Ana Carolina Dantas; Queiroz,Everton Oliveira de; Sousa,Carolina Pereira da Cunha
Fonte: Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.28%
OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional relativo ao zinco de crianças assistidas em creches do Estado da Paraíba. MÉTODOS: O estado nutricional relativo ao zinco de 235 crianças pré-escolares foi avaliado através de sua concentração no soro, da ingestão dietética de zinco e da estatura para idade, como recomendado pelo International Zinc Consultative Group. As concentrações séricas de zinco foram determinadas por espectrofotometria de absorção atômica de chama, considerando deficiência de zinco valores <65µmol/L. O consumo alimentar foi registrado mediante o recordatório de 24 horas, considerando a alimentação da criança no dia anterior e o consumo de alimentos na creche, e foi analisada a inadequação dietética de zinco de acordo com as necessidades médias estimadas de zinco segundo etapa da vida e tipo de dieta estabelecido pelo International Zinc Consultative Group. Adotou-se o Padrão de Crescimento Infantil da Organização Mundial da Saúde para o índice estatura para idade, considerando-se com deficit de estatura as crianças que apresentaram esse índice dois escores-Z abaixo do valor mediano da população de referência. Empregou-se o teste t ou análise de variância na análise estatística, programa Statistical Package for the Social Sciences-16.0. RESULTADOS: As prevalências de deficiência de zinco no soro...

Interação competitiva do zinco e ferro após administração oral e venosa de zinco em crianças eutróficas

Antunes, Maria de Fátima Rebouças
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
The aim of this study was to assess the acute and chronic effects of zinc in serum iron profile of children aged 6-9 years in relation to nutritional status and dietary intake. The study participants were 11 children regardless of sex, aged 6-9 years. They were selected from three public schools of the city of Natal, Brazil. Body mass index was used to assess nutritional status. In order to determine the patterns of childhood growth and ideal weight we used the standards of the World Health Organization. The dietary intake assessment was based on information from a three-day prospective food survey. The variables were energy intake, protein, lipids, carbohydrates, fiber, calcium, iron and zinc. All children underwent an intravenous administration of zinc (IVAZn) before and after oral administration of zinc (OAZn) (5 mg Zn / day) for three months. We measured serum iron, hematocrit, hemoglobin and total protein, before and after the use of oral zinc. The analysis of hematocrit, hemoglobin and total protein was performed using standard methods of clinical laboratory. Zinc levels and serum iron were measured by atomic absorption spectrophotometry. The project was evaluated and approved by the Ethics in Research Committee of Federal University of Rio Grande do Norte. Results: All children had normal weight. The consumption of energy...

Estudo cinético na caracterização do status corporal de zinco na Síndrome de Berardinelli-Seip

Santos, Maria Goretti do Nascimento
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.27%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; A Síndrome de Berardinelli-Seip (SBS) é uma doença muito rara caracterizada, sobretudo, pela extrema escassez de tecido adiposo subcutâneo, hipoleptinemia, hipertrigliceridemia e diabetes insulino resistente ou lipoatrófico. Sua etiologia envolve implicações hipotalâmicas e pituitárias, alterações nos receptores de insulina e mutações nos genes AGPAT2, Gng3lg, CAV1 e PTRF. A predisposição à deficiência de zinco e a distúrbios renais, relacionados ao diabetes lipoatrófico, motivou a investigação do status de zinco e da sensibilidade da cinética de zinco em portadores dessa síndrome. Nesse sentido, foram avaliados 10 pacientes com a SBS e 10 indivíduos saudáveis. Uma única dose de 25 mg (382,43 μmol) de zinco foi administrado via intravenosa antes e após 3 meses de suplementação oral de zinco oral (25 mg Zn/dia). Amostras de sangue foram coletadas, no braço contralateral, em 0, 30, 60, 90 e 120 min após a injeção de zinco. Sangue total e soro foram obtidos para medição de parâmetros hematológicos e bioquímicos. A urina foi coletada para medir creatinina, proteína e zinco. Diferente do zinco sérico basal que apresentou concentração semelhante nos dois grupos do estudo...

Zinco Sérico e parâmetros farmacocinéticos na determinação do estado corporal de zinco em crianças

Vale, Sancha Helena de Lima
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.31%
O zinco é um micronutriente fundamental para as funções vitais de qualquer organismo vivo e sua deficiência em humanos pode causar alterações na expressão gênica, crescimento e desenvolvimento infantil, e proteção antioxidante. Devido à sua importância, as concentrações corporais de zinco são estritamente controladas por processos homeostáticos complexos. Este controle reflete no fato da deficiência grave de zinco ser detectada apenas após privação crônica. Embora se estime que a deficiência leve seja comum, os métodos existentes para avaliação individual do estado corporal de zinco são limitados e pouco eficazes. O objetivo deste trabalho foi avaliar o zinco sérico basal e os parâmetros farmacocinéticos na determinação do estado corporal de zinco em crianças, estabelecendo relação entre esses índices. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em pesquisa do Hospital Universitário Onofre Lopes (CEP-HUOL) e 129 crianças, eutróficas e aparentemente saudáveis, entre 6 e 9 anos de idade, foram avaliadas antes e após a suplementação oral de zinco (5 mg Zn/dia) durante 3 meses. No início e fim do período houve a administração venosa de zinco (0,06537 mg de Zn/kg de peso) em 40 destas crianças para avaliação dos parâmetros farmacocinéticos por meio de três diferentes fórmulas de clearance de zinco. Os limites do CI (95%) para o zinco sérico basal variaram entre 0...

Suplementação oral de zinco pode diminuir o perfil sérico de ferro em crianças saudáveis

Brito, Naira Josele Neves de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.3%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Zinco e ferro são micronutrientes essenciais para inúmeros processos fisiológicos em humanos. O risco de interações entre esses micronutrientes deve ser considerado em suplementações, uma vez que essas interações interferem na absorção e biodisponibilidade dos mesmos. Levando-se em consideração o efeito inibitório do zinco sobre o processo de absorção de ferro trinta crianças saudáveis com idades entre 8 e 9 anos foram avaliadas com o objetivo de verificar o efeito da suplementação oral de zinco, durante 3 meses, sobre o estado de ferro. Este estudo se caracterizou por um ensaio clínico randomizado duplo-cego, com grupos pareados formados por um processo de amostragem não probabilística (amostra de conveniência), onde os participantes foram divididos em grupos controle e experimental. Crianças do grupo controle (n=15) foram suplementadas com solução placebo e crianças do grupo experimental (n=15) foram suplementadas com 10 mg Zn/dia, durante 3 meses. Antes e após a suplementação de zinco, as crianças foram submetidas à administração venosa de zinco (0.0653 mg Zn/kg de peso corporal) e amostras de sangue foram coletadas aos 0, 60, 120...

Nível sérico de zinco e sua associação com deficiência de vitamina A em crianças pré-escolares

Ferraz,Ivan S.; Daneluzzi,Júlio C.; Vannucchi,Hélio; Jordão Jr.,Alceu A.; Ricco,Rubens G.; Del Ciampo,Luiz A.; Martinelli Jr.,Carlos E.; Engelberg,Alexander A. D'Angio; Bonilha,Luis R. C. M.; Custódio,Viviane I. C.
Fonte: Sociedade Brasileira de Pediatria Publicador: Sociedade Brasileira de Pediatria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.27%
OBJETIVOS: Identificar a prevalência da deficiência de zinco em uma população com alta prevalência de deficiência de vitamina A; verificar se a deficiência de zinco apresenta associação com deficiência de vitamina A; verificar a influência de alguns fatores de risco (idade, sexo, diarréia e febre) na gênese da deficiência de zinco. MÉTODOS: Estudo transversal com 182 crianças saudáveis com idades > 24 meses e < 72 meses. Obtiveram-se amostras de sangue periférico em jejum para dosagem dos níveis séricos de zinco. Também foram obtidas informações sobre a presença de diarréia e/ou febre nos 15 dias precedentes à pesquisa. A identificação da deficiência de vitamina A foi realizada através do teste de dose-resposta após 30 dias a uma suplementação com vitamina A -+S30DR. RESULTADOS: Das crianças estudadas, 0,5% (1/182) apresentou nível sérico de zinco < 65 µg/dL; entretanto, 74,7% (136/182) apresentavam deficiência de vitamina A. Não houve correlação entre os níveis séricos de zinco e os de retinol. Episódios febris e/ou diarréicos não alteraram os níveis de zinco. Não houve também diferença entre os níveis de zinco entre os sexos. As crianças com idade entre > 48 e < 60 meses de idade tenderam a apresentar menores níveis de zinco do que as demais faixas etárias. CONCLUSÃO: A prevalência de deficiência de zinco foi baixa e não representou fator de risco para deficiência de vitamina A. As crianças com idades entre > 48 e < 60 meses tenderam a apresentar menores médias de nível sérico de zinco do que as demais faixas etárias. Febre e/ou diarréia prévios ao estudo não alteraram os níveis séricos de zinco.