Página 1 dos resultados de 1192 itens digitais encontrados em 0.010 segundos

Um mestre da crítica: romantismo, mito e Iluminismo em Walter Benjamin; A master of critique: romanticism, myth, and enlightenment in Walter Benjamin

Oliveira, Everaldo Vanderlei de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 27/10/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.46%
O presente trabalho visa investigar os conceitos de crítica e experiência na obra de Walter Benjamin em torno dos anos de 1920, como resultado dos desdobramentos do Programa de 1918, de modo a pôr em relevo seu entrelaçamento com os conceitos de mito e Iluminismo. Para tanto, este trabalho concentra-se no estudo da dissertação de doutoramento do filósofo acerca do romantismo de Iena, bem como seu ensaio crítico sobre As afinidades eletivas de Goethe. Quanto ao primeiro, mostra-se que o conceito de crítica imanente une-se às perspectivas da filosofia e poesia românticas, o que se deve, em especial, ao messianismo presente veladamente no conceito de reflexão. No segundo, tem-se em vista o problema da crítica e da experiência em nova chave, cujos desdobramentos assinalam as relações entre mito e Iluminismo, o que também inclui uma crítica ao eterno retorno, a concepção mítica do tempo.; The present paper aims to investigate the concepts of critique and experience in the work of Walter Benjamin written in the years around 1920, which was derived from On the program of the coming philosophy written in 1918 and thus to highlight their intertwined relationship with the concepts of myth and Enlightenment. To do so, this paper focuses on Benjamin's doctorate thesis...

Educação e infância em alguns escritos de Walter Benjamin

Schlesener,Anita Helena
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.35%
Este trabalho pretende refletir sobre alguns escritos de Walter Benjamin sobre educação e infância, expressos também na obra Infância em Berlim por volta de 1900. Benjamin coloca em questão a educação burguesa e suas práticas e reflete sobre o imaginário da criança. Relacionando percepção e conceito, Benjamin apresenta conceitos que inserem a educação no contexto da filosofia da historia. O artigo visa a acentuar a originalidade de um autor que, no contexto da sociedade europeia de 1920 até sua morte por suicídio em 1940, colocou relevantes questões sobre educação e sugeriu novos paradigmas de interpretação, conforme a afirmação de Benjamin, método de montagem, como um mosaico ou uma constelação.

O conceito de estetização da política em Walter Benjamin: a mídia e o estado em tempos de barbárie

Vieira, Gabriel do Nascimento
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.54%
Este estudo situa suas reflexões com maior ênfase no segundo período da trajetória filosófica de Walter Benjamin, identificada por Rochlitz como uma fase em que seus escritos colocamse mais incisivamente a serviço do engajamento político. Procuramos destacar de sua teoria estética da arte o percurso de sua análise sobre a estetização da política e a politização da arte. A pretensão é não satisfazer apenas com os escambos que a estetização da política e da vida provocaram nos países capitalistas industrializados, mas vislumbrar as possibilidades de emancipação dos indivíduos. Dessa forma o caminho trilhado passa por uma reflexão sobre a filosofia de Walter Benjamin e análise do processo de destruição da aura das artes descrito em seu ensaio A obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica de1936. Afastando-se de uma ordem cultual essa arte emancipada afirma seu valor de exposição e provoca uma nova percepção estética, de natureza coletiva e muito mais sintonizada com as exigências da sociedade massificada pelos processos de urbanização e industrialização. Vivendo em um tempo onde reina a barbárie da guerra e do totalitarismo político, Walter Benjamin procura imprimir, em sua análise, uma perspectiva dialética no sentido de suscitar uma intervenção revolucionária das massas politizadas por meio do cinema e o teatro épico e da arte de vanguarda amplamente reproduzidas. Objetiva-se...

La lengua (super)viviente: las teorías de la traducción de Walter Benjamin en la traducción de l’Odissea de Carles Riba

López Vilar, Marta
Fonte: Universidad Carlos III de Madrid Publicador: Universidad Carlos III de Madrid
Tipo: info:eu-repo/semantics/publishedVersion; info:eu-repo/semantics/bookPart; info:eu-repo/semantics/conferenceObject
Publicado em //2014 SPA
Relevância na Pesquisa
66.34%
Este artículo comparará la teoría de la traducción de Walter Benjamin de su libro La tarea del traductor y la Nota preliminar a una segona traducció de l”Odissea” de Carles Riba. Se mostrará, pues, la importancia definitiva del sentido subterráneo de las palabras en la traducción. Es lo que he denominado la “lengua (super)viviente”, es decir, aquello que queda durante el proceso de pérdida que se inicia con la traducción. La imposibilidad de encontrar sinónimos de lo real mientras se traduce hace que cobre importancia el descenso al origen indemne de la palabra para, de esta forma, acercar el nombre al verdadero sentido interno de esa misma palabra. El acto de traducción, pues, se convierte en un reflejo de aquello que fue dicho, en una (super)vivencia en la catástrofe del lenguaje que vive en su propia insuficiencia.; This article will compare the theory of translation by Walter Benjamin on his book “The translator’s task” and “Nota preliminar a una segona traducció de l’’Odissea” by Carles Riba. Therefore, it will show the definite importance of the underground sense of the words in the translation. It is what I have called the ‘survivor language’, in other words, it is what remains through the loss process initiated by the translation. The impossibility of finding synonyms of reality while translating...

Walter Benjamin e a experiência infantil: contribuições para a educação infantil

Santos,Sandro Vinicius Sales dos
Fonte: UNICAMP - Faculdade de Educação Publicador: UNICAMP - Faculdade de Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2015 PT
Relevância na Pesquisa
66.38%
ResumoEste estudo tem como eixo norteador a teoria crítica da cultura e da modernidade de Walter Benjamin. Partindo da polissemia do conceito de experiência no texto benjaminiano, o autor busca elementos conceituais que auxiliem na elaboração da noção de experiência infantil (composta por um misto de complexidade e sutileza). A análise se desenvolve a partir de textos do próprio Benjamin e de textos de comentaristas da teoria crítica da cultura e da modernidade. Ao apresentar as contribuições de Walter Benjamin para a construção de um olhar diferenciado para a criança e sua educação, o autor conclui enfatizando a importância delas para a área da educação infantil e, de modo mais amplo, para o desenvolvimento da infância contemporânea.

Lenguaie y tiempo histórico Una ¡nvestigación en torno a Walter Benjamín

Sánchez Díaz, Luis Carlos
Fonte: Pontifícia Universidade Javeriana Publicador: Pontifícia Universidade Javeriana
Tipo: masterThesis; Tesis de Grado Maestría Formato: pdf
Relevância na Pesquisa
66.46%
Esta investigación parte de la exploración del carácter técnico del oficio de historiador. A partir de esa exploración se construye un problema muy particular, cual es el de la relación entre el carácter lingüístico de la historia y la noción de tiempo histórico. Ahora, al explorar el carácter lingüístico de la historia, se cae la idea según la cual la historia es un cierto tipo de lenguaje, del mismo modo en que, al elaborar la noción de tiempo histórico, se vuelve inaceptable la idea de que la historia es una ciencia del pasado. Con el fin de articular los términos del problema, se procedió a hacer un comentario a algunos textos de Walter Benjamin. El comentario parte de la comprensión benjaminiana del lenguajecomo medio puro de la significación, pasa por la determinación de las relaciones entre los hombres y el lenguaje, luego desarrolla el concepto de origen y culmina con la construcción simultáneamente dialéctica y mesiánica de la noción de tiempo histórico y de la figura del historiador materialista. Las consecuencias de la investigación no se circunscriben al oficio del historiador, pues la articulación del punto de vista de la historia libera un dominio ético y político sobre la base de una nueva y particular relación con las cosas.; This research draws from the analysis of the historian's techniques focusing on the relationship between the linguistic character of historv ...

Filosofia para crianças e considerações sobre educação infantil a partir de Walter Benjamin

Lima, Gleisson da Costa
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.34%
Os alunos do sistema educacional do Distrito Federal apresentam algumas dificuldades em relação ao seu processo de ensino-aprendizagem quanto à crítica, reflexão, exposição de opiniões pessoais, busca pelo saber, que fazem parte da constituição de um cidadão autônomo. Percebe-se que estas características se identificam com as desenvolvidas pelo ensino filosófico que, por sua vez, possui outras distinções que se assemelham com algumas atitudes intrínsecas à infância. Desta forma, a filosofia encontra na educação infantil um espaço no qual pode ser realizado o início de um ensino que prioriza o saber, desenvolve habilidades de indagação, crítica e reflexão, contribuindo, assim, para a formação de um cidadão autônomo, sendo este o principal objetivo da educação brasileira. Desenvolvendo-se a filosofia para crianças, ou seja, o ensino filosófico a partir das séries iniciais e não somente a partir do ensino médio, como é regra no sistema educacional, possivelmente algumas dificuldades identificadas no processo ensino-aprendizagem podem ser sanadas e o objetivo de se constituir um cidadão autônomo terá melhores meios para ser concretizado. Porém, deve-se atentar às peculiaridades apresentadas na infância...

Educação e infância em alguns escritos de Walter Benjamin; Educación e infancia en algunos escritos de Walter Benjamin; Education and childhood in some writings of Walter Benjamin

Schlesener, Anita Helena
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.59%
Este trabalho pretende refletir sobre alguns escritos de Walter Benjamin sobre educação e infância, expressos também na obra Infância em Berlim por volta de 1900. Benjamin coloca em questão a educação burguesa e suas práticas e reflete sobre o imaginário da criança. Relacionando percepção e conceito, Benjamin apresenta conceitos que inserem a educação no contexto da filosofia da historia. O artigo visa a acentuar a originalidade de um autor que, no contexto da sociedade europeia de 1920 até sua morte por suicídio em 1940, colocou relevantes questões sobre educação e sugeriu novos paradigmas de interpretação, conforme a afirmação de Benjamin, método de montagem, como um mosaico ou uma constelação.; La finalidad de este trabajo es discutir algunos escritos de Walter Benjamin sobre la educación y la infancia, emitidos en la obra Berliner Kindheit um Neunzehnhundert. Benjamin pone en tela de juicio la educación burguesa y la práctica y reflexiona sobre la imaginación del niño. Relacionando percepción y concepto, Benjamin introduce los conceptos que forman parte de la educación en el contexto de la filosofía de la historia. El artículo tiene por objeto la originalidad de un autor que, en el contexto de la sociedad europea desde 1920 hasta su muerte en 1940...

The silenced medium: theoretical re-flections on a media theory of Walter Benjamin; O medium silenciado: re-flexões teórico-comunicacionais sobre uma teoria dos media em Walter Benjamin

Liesen, Maurício
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Peer-reviewed Article Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 17/12/2014 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
66.47%
This paper presents a communicational and theoretical reflection on the conceptual difference between medium (Medium) and means (Mittel) proposed by Walter Benjamin in his essay On Language as Such and on the Language of Man, written in 1916. The present text discusses that such terminological refinement  grounds a communication theory in opposition to the arbitrariness of the linguistic sign. Through a revision of the Brazilian versions of some Benjamin’s texts, this paper intends to restate the question of the medium in the work of the German philosopher: question that is often silenced in the national translations.; Este artigo apresenta uma reflexão teórico-comunicacional sobre a divisão conceitual entre medium e meio proposta por Walter Benjamin em seu ensaio Sobre a linguagem em geral e sobre a linguagem humana, escrito em 1916. Argumenta-se aqui que tal refinamento terminológico fundamenta uma teoria da comunicação contrária à arbitrariedade do signo linguístico. Por meio de uma revisão das versões brasileiras de alguns dos mais influentes textos de Benjamin, busca-se recolocar a questão do medium na obra deste filósofo alemão, muitas vezes silenciada nas traduções nacionais.

Lírica e dialética na amizade entre Walter Benjamin e Bertolt Brecht; Lyric poetry and dialectics in Walter Benjamin's and Bertold Brencht's friendship

Mazzari, Marcus Vinicius
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 06/12/2002 POR
Relevância na Pesquisa
66.43%
Este texto procura contextualizar os comentários que Walter Benjamin dedicou à poesia de Bertolt Brecht nas circunstâncias históricas dos anos 30 (ascensão e consolidação do nacional-socialismo na Alemanha), as quais marcaram decisivamente a vida de ambos. Seguem ao texto a introdução e algumas amostras da abordagem benjaminiana.; This text seeks to contextualise the comments which Walter Benjamin made about Bertold Brecht's poetry in the historical context of the 1930's (the rise and consolidation of natinal-socialism in Germany), which decisively marked the lives of both. The text is followed by an introduction and some samples of the Benjaminian approach.

O pesadelo mortal de John Carpenter projetado nas idéias de Walter Benjamin; John Carpenter's letal nightmare projected in Walter Benjamin's studies

Ferraraz, Rogério; Magno, Maria Ignês Carlos
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.47%
Nossa proposta visa retomar os estudos de Walter Benjamin para verificar se ainda são atuais e recorrentes algumas de suas temáticas nas mais diferentes áreas da produção cultural massiva e midiática. Neste artigo, escolhemos três temas tratados por Benjamin, o da aura, o da coleção e o da experiência, para discutirmos um exemplo da produção audiovisual contemporânea, o telefilme de horror Pesadelo mortal, do cineasta John Carpenter, feito para a série Mestres do Terror, em 2005. Consideramos pertinente essa discussão não só porque favorece um debate maior sobre os gostos e os repertórios estéticos na cultura midiática, vista como um espaço de mediação entre o massivo e o popular, mas porque possibilita também, através do estudo de um caso exemplar do audiovisual contemporâneo – um filme de gênero dirigido por um cineasta autoral para uma série de televisão –, a revisão e a atualização dos estudos culturais e da teoria da cultura de massa, através de um de seus principais pensadores.; Our proposal aims to resume the studies of Walter Benjamin to verify that applicants are still present and some of their themes in different areas of cultural production and mass media. In this paper we choose three themes studied by Benjamin...

Tempo e história: algumas aproximações acerca do presente em Walter Benjamin e Martin Buber; Time and History: some approximations concerning the present in Walter Benjamin and Martin Buber

Cromberg, Monica Udler
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 24/12/2002 POR
Relevância na Pesquisa
66.49%
O conceito de "presente" de Martin Buber e o de Walter Benjamin parecem equivaler-se. O de Buber é referido como "Gegenwart", termo que quer dizer tanto "presente" (temporal) como "presença", e o de Benjamin com "Jetztzeit". Ambos implicam um tempo qualitativo e não linear e cronológico e consideram o presente como uma ruptura - seja na cadeia da causalidade, seja no determinismo das leis naturais e historicistas - e um entrecruzamento de temporalidades, onde o passado e o futuro se fundem.; The concepts of "present" by Martin Buber and Walter Benjamin seem to be equivalent. Buber´s is refered as "Gegenwart", a word that means both "present" (in a temporal sense) and "presence". Benjamin´s is refered as "Jetztzeit". Both them implicate a qualitative time, not a linear, chronological one, and regard the present as breakthrough - as much in the chain of causality as in the determinism of natural and historicist laws - and crossroad of temporalities, where past and future join together.

Walter Benjamin's concept of aura and the cultural industry; O conceito de aura, de Walter Benjamin, e a indústria cultural; El concepto de aura de Walter Benjamin y la industria cultural

Araújo, Bráulio Santos Rabelo de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2010 POR
Relevância na Pesquisa
66.57%
Trata-se de uma análise do texto A obra de arte na era da reprodutibilidade técnica, de 1935, de Walter Benjamin, no qual o autor analisa as alterações provocadas pelas novas técnicas de produção artística na esfera da cultura, e desenvolve, como elemento principal, a tese de a reprodutibilidade técnica provocar a superação da aura pela obra de arte. Tendo como apoio o contraste do texto de Benjamin com o texto A indústria cultural: O esclarecimento como mistificação das massas, de Theodor Adorno e Max Horkheimer, de 1947, e a observação da produção do cinema, da música e do livro (artes necessariamente reprodutíveis), este artigo (a) analisa a tese da superação do conceito de aura pela obra de arte na era da reprodutibilidade técnica, (b) contrasta essa tese com a reflexão sobre indústria cultural de Adorno e Horkheimer e com as características da obra de arte produzida no decorrer do século 20 e início do século 21, e (c) apresenta as contribuições que podem ser retiradas dessa análise para a atual reflexão a respeito dos impactos da Internet e das tecnologias digitais sobre a produção cultural contemporânea. Como resultado principal e do qual decorre outras conclusões, o artigo considera que as técnicas analisadas por Benjamin...

Walter Benjamin e Paris: individualidade e trabalho intelectual

Ortiz, Renato
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/05/2000 POR
Relevância na Pesquisa
66.43%
Este artigo é uma leitura do texto de Walter Benjamin Paris capital do século XIX. A partir do conjunto de anotações que Benjamin faz de diversos livros consultados, principalmente durante sua pesquisa na Bibliothèque Nationale, o autor pretende trabalhar a noção de indivíduo vinculando-a a dois temas. Primeiro, a emergência do flâneur como tradução do espírito de mobilidade que se inaugura com a modernidade. Para isso a discussão sobre a noção de espaço, particularmente no que diz respeito a cidade de Paris, é importante. O flâneur surge assim como um indivíduo desenraizado que se locomove através do espaço urbano remodelado. Segundo, uma aproximação entre o ato da flânerie e o trabalho intelectual. Considerando a flânerie como uma atividade intelectual o autor mostra como os temas do distanciamento e da construção do objeto são relevantes tanto para o flâneur-detetive quanto para a reflexão nas ciências sociais.; This paper is an interpretation of Walter Benjamins Paris, Capital of the 19th Century. Based on the notes Benjamin made on several books he read, mainly during his research at the Bibliotèque Nationale, the author discusses the notion of the individual linking it to two themes. First, to the emergence of the flâneur as a translation of the spirit of mobility which starts with modernity. The discussion on the notion of space...

A redução ao gesto: Mira Schendel encontra Walter Benjamin; The reduction to the gesture: Mira Schendel meets Walter Benjamin

do Valle, Ana Maria; Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro; Gondar, Jô; Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.
Fonte: Eduff Publicador: Eduff
Tipo: ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 10/10/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.49%
O artigo analisa o trabalho da artista plástica suíço-brasileira Mira Schendel a partir de um conceito proposto por Walter Benjamin. Em Schendel, a busca por uma experiência primordial – um núcleo não representável que habita toda representação – se expressa pela redução a um gesto fundante, gesto este que costuma estar encoberto, nas artes em geral, por um excesso de adornos, metáforas e sentidos figurados. Este procedimento, descrito por Benjamin em seu ensaio sobre Kafka, foi por ele nomeado como redução ao gesto.O artigo procura explorar a potência deste conceito, trabalhando o modo como Schendel foi capaz de formalizá-lo plasticamente em sua obra.; The article uses a concept proposed by Walter Benjamin for understanding the artwork of Swiss-Brazilian painter Mira Schendel. In Schendel, the search for a primordial experience - a non representable core that inhabits each representation - is expressed by the reduction to a foundational gesture which is usually concealed by an excess of ornamentation, metaphors and figurative meanings. This procedure was described in Benjamin´s essay on Kafka, where he calls it reduction to the gesture. The article tries to explore the power of this concept, working the way Schendel coul formalize it in her artwork.

Convergências teóricas entre as críticas ao capitalismo, ao mito do progresso e ao movimento nacional socialista alemão em Walter Benjamin

Leite, Augusto Bruno de Carvalho Dias
Fonte: Programa de Pós-Graduação em História Publicador: Programa de Pós-Graduação em História
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 22/10/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.38%
Há um comprometimento de Walter Benjamin com a crítica política que é indissociável de sua obra. Seu trabalho monumental e inconcluso, a obra das Passagens, sinaliza que a crítica antiburguesa de seus textos de juventude sobrevive enquanto crítica anticapitalista em alguns textos dos anos de 1920 e 1930, marcados, neste aspecto, pela obra de Karl Marx e seu engajamento político, mesmo restrito à escrita. A crítica anticapitalista, no entanto, não se restringe ao aspecto econômico, mas de forma original penetra a teoria da história. E é ao refletir sobre a história que Benjamin vaticina, em seu derradeiro texto, o destino da Europa moderna: a ruína construída pela ideologia do Progresso que, sob a tutela da razão técnica, pavimentou o caminho percorrido pelo Nacional Socialismo alemão. Esse pequeno artigo, portanto, desenvolve as relações entre as variadas críticas dirigidas, por Walter Benjamin, à sociedade de mercado.

Furio Jesi’s mythological machine and the quote to Walter Benjamin; La máquina mitológica de Furio Jesi y la cita a Walter Benjamin

Ruvitoso, Mercedes; UNIPE/CIF/CONICET
Fonte: Núcleo de Estudos Literários & Culturais (NELIC-UFSC) Publicador: Núcleo de Estudos Literários & Culturais (NELIC-UFSC)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Avaliado pelos pares Formato: application/pdf
Publicado em 19/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.43%
In his cognitive model called “mithological machine”, Furio Jesi proposes to circumscribe the concept of “myth” by means of a technique of critical composition of data and doctrines about the myth and the mythology. The model not only seeks to brave scientific-methodological reasons but also ethical-political ones. It’s about avoiding all the evocation and instrumentalization of myth in view of a political interest. This work analyzes the way as the model of Jesi resumes and develops two motives of Walter Benjamin’s work: (1) the one known as method of the quote without quotation marks and (2) the criticism of the reactionary theories of myth, specifically regarding the rehabilita­tion of Bachofen in the German culture from 1920’s and 1930’s.; http://dx.doi.org/10.5007/1984-784X.2014v14n22p104En su modelo cognoscitivo llamado “máquina mitológica” Furio Jesi se propone circuns­cribir el concepto de “mito” mediante una técnica de composición crítica de datos y doctrinas sobre el mito y la mitología. El modelo no sólo busca afrontar razones de tipo científico metodológicas sino también ético-políticas. Se trata de evitar toda evocación e instrumentalización del mito en vistas a un interés político. Este trabajo analiza el modo en que el modelo de Jesi retoma y desarrolla dos motivos de la obra de Walter Benjamin: (1) el llamado método de la citación sin comillas y (2) la crítica a las teorías reaccionarias del mito...

Fotografie, Aura, Übertragung: Von Walter Benjamin Zu Thomas Struth, Gregory Crewdson Und Carlos Goldgrub; Photography, aura, transmission: from Walter Benjamin to Thomas Struth, Gregory Crewdson and Carlos Goldgrub; Fotografie,aura, übertragung: von Walter Benjamin zu Thomas Struth, Gregory Crewdson und Carlos Goldgrub

Beil, Ulrich Johannes; Universidade de Zurique
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 30/10/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.52%
In diesem Aufsatz handelt es sich um den Versuch, drei international anerkannte Fotografen – Carlos Goldgrub aus Brasilien, Gregory Crewdson aus den USA und Thomas Struth aus Deutschland –, die in den letzten beiden Jahrzehnten hervorgetreten sind, am Beispiel ausgewählter Arbeiten mit Benjamins Essay Kleine Geschichte der Photographie in Beziehung zu setzen und zu zeigen, dass sie die dort erörterte 'Aura' auf je eigene Weise in den Blick nehmen und kreativ thematisieren. Dabei wird angenommen, diese Fotografen hätten Benjamins Text gelesen und sie hätten insbesondere dessen Ausführungen über die Aura jeweils in ihre Werke zu übertragen versucht.; The following article enters into the question if and how three well-respected contemporary photographers – Carlos Goldgrub from Brasil, Gregory Crewdson from the USA and Thomas Struth from Germany – refer to the works of Walter Benjamin. The article tries to show that the Benjaminian idea of „aura“, especially in the essay A short History of Photography, can be found in some works of the photographers and that they reflect and thematize this concept in different creative ways. The suggestion is: These photographers tried to transfer and to realize the conception of „aura“ in some examples of their work.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7968.2014v3nespp50Este artigo tenta examinar de que modo a obra de três importantes fotógrafos contemporâneos – Carlos Goldgrub (Brasil)...

En torno al vínculo entre derecho y violencia: Tentativas de una discusión entre Walter Benjamin y Axel Honneth

Abril,Francisco Manuel
Fonte: Revista Pilquen Publicador: Revista Pilquen
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 ES
Relevância na Pesquisa
66.37%
Mi trabajo gira en torno a tres ejes fundamentales. En primer lugar busco clarificar el vínculo entre violencia y derecho que establece Walter Benjamin en su escrito "Para una crítica de la violencia". En segundo lugar, me detengo en la interpretación que realizó Axel Honneth en un artículo del año 2006. Su interpretación es crítica y carga tintas contra la concepción totalizadora del derecho articulada en el texto de Benjamin. La conclusión es que Benjamin incurriría en un concepto "terrorista" del derecho que se complementa con una idea "teocrática" de violencia y una visión "escatológica" de la historia. La impresión que suscita la lectura de Honneth es que difícilmente "Para una crítica…" contribuya a la comprensión de los procesos de lucha social que en la actualidad remiten a la ampliación de derechos. Por último, señalo algunos problemas que encuentro en la lectura de Honneth y las desarticulaciones que operan al interior de la producción intelectual de Benjamin, clausurando otras tentativas de lectura, lo cual no significa dejar de reconocer las dificultades que presenta el texto de Benjamin para comprender las relaciones entre derecho, violencia y lucha social.

Walter Benjamin e a experiência infantil: contribuições para a educação infantil

Santos, Sandro Vinicius Sales
Fonte: Pro-Posições Publicador: Pro-Posições
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ;
Publicado em 22/12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.47%
Este estudo tem como eixo norteador a teoria crítica da cultura e da modernidade de Walter Benjamin. Partindo da polissemia do conceito de experiência no texto benjaminiano, o autor busca elementos conceituais que auxiliem na elaboração da noção de experiência infantil (composta por um misto de complexidade e sutileza). A análise se desenvolve a partir de textos do próprio Benjamin e de textos de comentaristas da teoria crítica da cultura e da modernidade. Ao apresentar as contribuições de Walter Benjamin para a construção de um olhar diferenciado para a criança e sua educação, o autor conclui enfatizando a importância delas para a área da educação infantil e, de modo mais amplo, para o desenvolvimento da infância contemporânea.AbstractThis article reflects on Benjamin’s critical theory of culture and modernity as a contribution for professionals and researchers of child education. Exploring the polysemy of the concept of experience in Benjamin work, it develops the idea of child experience (consisting of a mixture of complexity and subtlety), with the help also of texts produced by the critics of the culture and modernity theory. It ends emphasizing Walter Benjamin’s contributions for the childhood education field...