Página 1 dos resultados de 2281 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Comparative study of wax glands in four Meliponini bees (Hymenoptera, Apidae) producing different quantities of wax

Cavalcante, Vagner Melo; Oliveira, Vagner Tadeu Paes de; Cruz-Landim, Carminda da
Fonte: Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul Publicador: Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 193-198
ENG
Relevância na Pesquisa
37.33%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); The developmental degree of the wax glands was compared in four Meliponini bees, that produce different quantities of wax. The histological data and height average of the wax epithelium during the time in which the maximum production of wax is expected, are in accordance with the rates of wax produced by the species. In Lestrimelitta limao (Smith, 1863) a species which has cleptobiotic habits, and frequently rob wax from the attacked colonies, the height of wax epithelium was the lowest among the studied species. The cells seem to show an abnormal vacuolated cytoplasm, in the phase in which they would be producing wax.

Effect of constituents of the foliar wax of Didymopanax vinosum on the foraging activity of the leaf-cutting ant Atta sexdens rubropilosa

Salatino, Antonio; Sugayama, Regina L.; Negri, Giuseppina; Vilegas, Wagner
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 261-266
ENG
Relevância na Pesquisa
37.14%
Leaf epicuticular waxes may affect substrate selection by leaf-cutting ants, and host recognition by several phytophagous insects. The influence of the crude epicuticular wax of Didymopanax vinosum E. March. (Araliaceae), and its major constituents lupeol and free primary alcohols, on substrate selection by the leaf-cutting ant Atta sexdens rubropilosa Forel, was investigated. Two ant colonies were used in laboratory bioassays. Corn flakes (zea) were impregnated with chloroform solutions of the substances being tested and fed to the adults. One of the colonies gave results, in most of the tests, not significantly different from the controls. The other colony, however, discriminated against the crude wax, a strong deterrent effect being observed from the first of a series of eight trials. The same colony was able to discriminate against lupeol after the second trial. The fraction of primary n-alcohols (22% C28, 66% C30 and 12% C32) deterred feeding only after the fifth trial. The results demonstrate that some constituents of epicuticular waxes may deter the foraging activity of A. sexdens rubropilosa, depending, however, on the colony under observation. It is suggested that lupeol, of the foliar wax of D. vinosum, is an important deterrent to leaf-cutting ants...

Interference of epicuticular wax from leaves of grasses in selection and preparation of substrate for cultivation of symbiont fungus by Atta capiguara (Hym. Formicidae)

Garcia, Marise G.; Forti, Luiz C.; Verza, Sandra S.; Noronha Jr., Newton C.; Nagamoto, Nilson S.
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 937-947
ENG
Relevância na Pesquisa
37.23%
The selection of plants is one of the stages of foraging behavior, executed by leaf-cutting ants for the cultivation of symbiont fungus. Anatomical, biochemical and physiological characteristics of vegetal species are some of the factors that influence selection of substrate; however, most studies described in the literature refer to leaf-cutting ants. Due to the scarcity of studies on the role of epicuticular waxes of grasses in relation to foraging behavior of monocotyledonous leaf-cutters, we completed three experiments with the ant species Atta capiguara in which we analyzed: the attractiveness or selectivity of leaves of Saccharum officinarum (sugarcane) and/or Hypharrenia rufa (capim jaraguá), with and without epicuticular wax in relation to the worker of this ant species, their processing and elimination in the form of pellets of epicuticular wax from the referred fragments removed by the workers for cultivation of symbiont fungus. We observed that vegetal fragments without wax were those most transported by workers to the inside of the nests; that they processed the fragments equally with as much as without wax, and eliminated, in the form of pellets, wax removed from the same into garbage chambers of the colonies, leading us to conclude that for monocotyledonous leaf-cutters...

Obtenção e caracterização de cera de cana-de-açucar e suas frações.; Production and characterization of sugarcane wax and its fractions.

Kelly Moreira Gandra
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/04/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.31%
As ceras apresentam propriedades importantes para a utilização nas indústrias alimentícia, farmacêutica, química, cosmética, de limpeza e polimento. O conhecimento exato de suas características e componentes é essencial para sua aplicação. A cera de cana-de-açúcar (Saccharum officinarum) extraída da torta de filtro, um subproduto da indústria sucro-alcooleira, pode ser uma alternativa às ceras vegetais, animais e sintéticas. Sendo o Brasil o maior produtor de cana-deaçúcar e maior exportador de açúcar do mundo, a quantidade de torta de filtro disponível para a produção de cera é bastante elevada. O objetivo deste trabalho foi estudar os processos de obtenção e purificação da cera bruta de cana-deaçúcar para obter frações específicas e de melhor qualidade tecnológica. Os rendimentos da extração de tortas de filtro de cana orgânica e mista (aproximadamente 30% de cana queimada e 70% de cana não queimada) com hexano foram de 5,9 e 7,0% em cera bruta. As propriedades físico-químicas, térmicas e a composição em ácidos e álcoois graxos das ceras brutas não foram afetadas pela origem da torta. Os rendimentos do processo de purificação, utilizando-se o Método de Álcool Frio, foram de 57,8 a 63...

Obtenção de concentrado de alcoois graxos de cadeia longa a partir de cera de cana de açucar saponificada e acidulada; Production of a long chain fatty alcohol concentrate from saponified and acidulated sugarcane wax

Andrea Leticia Paixão
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.19%
O Brasil, por ser o maior produtor de cana-de-açúcar e o maior exportador de açúcar do mundo, representa um pólo de crescimento para a produção de cera de cana-de-açúcar. Esta cera é obtida a partir da torta de filtro, um subproduto da indústria sucro-alcooleira. A partir da cera é possível se obter concentrados de álcoois e ácidos graxos de cadeia longa, compostos utilizados em diversas aplicações como, por exemplo, em áreas relacionadas à saúde humana. O objetivo deste trabalho foi estudar processos de obtenção do concentrado de álcoois graxos presente na cera de cana-de-açúcar purificada e clarificada a partir dos processos de saponificação, acidulação e lavagem do produto com etanol. O concentrado de álcoois graxos com 68% de pureza foi conseguido através da lavagem da cera saponificada e acidulada, inicialmente com água quente e, em seguida com etanol a frio. A partir da purificação com acetona, o teor dos álcoois graxos chegou a 88%. O produto atual no mercado apresenta uma pureza de 90% e, portanto, comparando os resultados obtidos, pode-se concluir que o processo de concentração do álcool graxo foi eficiente; Brazil, being the world?s greatest sugarcane producer and sugar exporter, represents a potential center for the production of sugarcane wax. This wax is obtained from the filter cakes...

Processo simplificado para obtenção de policosanol a partir de cera de cana-de-açucar clarificada e purificada; Simplified process to obtain policosanol from clarified and purified sugarcane wax

Joeni Keiko Alves Wada
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.31%
A cera de cana-de-açúcar (Saccharum officinarum), consiste em uma mistura de ésteres de cera, triacilgliceróis, ácidos e álcoois graxos; e é obtida a partir da torta de filtro, um sub-produto nas indústrias processadoras de cana. Sendo o Brasil o maior produtor de cana-de-açúcar e maior exportador de açúcar do mundo, a quantidade de torta de filtro disponível para a produção de cera é bastante elevada. Desta maneira, a sua utilização contribuirá para o aproveitamento de um sub-produto na obtenção de um produto de alto valor agregado, as ceras. Além de possuir propriedades importantes para o uso em diversos setores da indústria, a cera de cana-de-açúcar constitui-se em uma importante fonte de álcoois graxos de cadeia longa, denominado ?policosanol?, o qual apresentou, em vários estudos, efeito hipocolesterolêmico, anti-plaquetário e anti-trombótico. Este projeto teve como objetivo principal a obtenção e purificação da fração de álcoois graxos de cadeia longa, através de um processo simplificado: (1) saponificação da cera de cana-de-açúcar clarificada e purificada; (2) extração com etanol anidro a quente para obtenção de ?policosanol 50? e (3) purificação com acetona, para obtenção de ?policosanol 90?. As condições para a reação de saponificação da cera clarificada e purificada de cana-de-açúcar foram: relação cera:solução hidro-alcoólica de NaOH 2M de 1:1 (p/v); temperatura de 80ºC e tempo de 15 minutos. O processo de extração com etanol a quente...

Processo simplificado para a produção de concentrado de acidos graxos de cadeia longa (D-003) a partir da cera de cana-de-açucar (Saccharum officinarum L.); Simplified process to production of concentrated long chain fatty acids from sugar cane wax (Saccharum officinarum L.)

Julice Dutra Lopes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.26%
A cera de cana-de-açúcar (Saccharum officinarum L.) obtida da torta de filtro, um subproduto da indústria de açúcar e álcool, tem despertado grande interesse devido ao grande potencial de aplicação em diversos segmentos industriais, incluindo a indústria farmacêutica. O Brasil é o maior produtor de cana e maior exportador de açúcar do mundo, o que o torna um potencial produtor de cera de cana dado o grande volume de torta de filtro disponível. A cera de cana é composta de uma mistura de ésteres de cera, triacilgliceróis, esteróis, ácidos e álcoois graxos de cadeia longa, apresentando alto ponto de fusão e composição química extremamente complexa, o que dificulta seu manuseio e análise. É uma fonte de ácidos graxos alifáticos primários de cadeia longa, os quais têm apresentado efeitos antiplaquetários, antitrombóticos e de redução do colesterol sanguíneo, comprovados através de diversos estudos realizados em animais e humanos. Neste trabalho foi estudada a obtenção de um Concentrado de Ácidos Graxos de Cadeia Longa (CAGCL), denominado D-003, através de um processo simplificado contendo 3 etapas: saponificação da cera, extração com etanol anidro a quente e acidulação dos sais de ácidos graxos para obtenção do concentrado. Foram avaliados o rendimento e pureza dos concentrados obtidos e estes derivatizados por três metodologias distintas para posterior análise cromatográfica. Houve variações nos resultados entre as metodologias de derivatização utilizadas...

Estudo da viabilidade técnica da produção de biodiesel a partir do óleo de cera de cana-de-açúcar; Study on the technical feasibility of biodiesel production from cane wax oil

Raquel Silveira Porto Oliveira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.29%
O óleo de cera de cana-de-açúcar constitui 25% da cera bruta. O aproveitamento da fração óleo representa uma necessidade urgente que garanta o destino deste material e sua valorização, pois se trata da fração menos nobre e de menor valor agregado em relação às frações contidas na cera. O programa de biocombustíveis brasileiro requer grandes quantidades de óleos para a produção de biodiesel. A proposta deste trabalho foi estudar a viabilidade em transformar o óleo de cera de cana-de-açúcar em ésteres etílicos (Biodiesel) através de uma catálise ácida. Este estudo envolveu as etapas de caracterização do óleo de cera de cana-de-açúcar, reação de esterificação, otimização da reação de esterificação pelo monitoramento da redução da acidez, tentativa de determinação dos ésteres etílicos e a investigação de outros componentes lipídicos presentes no óleo de cera de cana-de-açúcar que poderiam ter efeito na eficiência da reação de esterificação. O óleo apresentou como principais ácidos graxos, os ácidos palmítico (31,8%), linolênico (28,7%), linoléico e oléico (21,2%) e triacontanóico (7,8%). Os monoacilgliceróis e os ácidos graxos livres são predominantes neste material...

Obtenção e caracterização de organogéis de óleo de soja preparados com cera de cana-de-açúcar e suas franções; Obtainment and characterization of organogels of soybean oil prepared with sugarcena wax and its fractions

Julio Cesar Barbosa Rocha
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.19%
Os óleos e gorduras representam um papel nutricional chave na alimentação humana e apresentam importância como estrutura de muitos produtos alimentícios que consumimos, como margarinas, por exemplo. Gorduras sólidas, ricas em ácidos graxos saturados foram, durante muito tempo, utilizadas para obter produtos com as características tecnológicas desejáveis de textura e dureza, sendo substituídas por gorduras ricas em ácidos graxos trans. Com a descoberta dos efeitos negativos dos ácidos graxos trans para a saúde esses materiais foram substituídos por gorduras de alta tecnologia obtidas por processos químicos de interesterificação que novamente se utilizam da presença de ácidos graxos saturados. Alternativas tecnológicas visando à redução dos teores de ácidos graxos saturados se fazem necessárias. Sendo o óleo de soja de baixo custo, elevada disponibilidade e baixo teor de ácidos graxos saturados, ele se mostra adequado ao desenvolvimento de novas gorduras tecnológicas utilizando ceras vegetais como agentes estruturantes, para a obtenção de organogéis. Organogéis são misturas com capacidade de se auto-sustentarem, formadas por uma fase contínua líquida e um agente estruturante, neste caso a cera. A cera de cana- de-açúcar tem seu interesse elevado devido ao alto potencial produtivo brasileiro...

Produção e caracterização de micropartículas lipídicas obtidas por spray cooling compostas por cera de caranaúba, ácido oleico e lecitina na encapsulação de solução de glicose e glicose sólida; Production and characterization of lipid microparticles obtained by spray cooling contaning carnauba wax, oleic acid and lecithin encapsulating glucose solution and solid glucose

Silvia Cristina Anaya Fernandez
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/04/2014 PT
Relevância na Pesquisa
37.07%
Apesar da facilidade da produção e da possibilidade de fabricação em escala industrial, as micropartículas lipídicas apresentam desvantagens como a baixa capacidade de encapsula-ção e a possibilidade de expulsão do material de recheio durante o armazenamento. Foram propostas micropartículas lipídicas contendo lipídios sólidos e líquidos como mate-riais de parede com o objetivo de minimizar a expulsão do material de recheio. Desta forma o presente trabalho teve como finalidade estudar a formação de microcápsulas lipídicas produzidas pelo processo Spray Cooling, compostas por misturas, em diferentes proporções de ácido oleico, linolênico e cera de carnaúba como matriz, lecitina de soja como surfactante e solução de glicose e glicose sólida como materiais de recheio. O objetivo foi aumentar a eficiência de encapsulação, avaliando e verificando o efeito da composição e estrutura da matriz lipídica, testando o comportamento da partícula com a inclusão de um novo compo-nente na matriz lipídica como é a cera de carnaúba. Nas micropartículas foram avaliadas a morfologia de superfície e microestrutura por microscopia eletrônica de varredura, tamanho e distribuição de partícula, quantidade de glicose superficial (não encapsulada)...

Comparative study of wax glands in four Meliponini bees (Hymenoptera, Apidae) producing different quantities of wax

Cavalcante,Vagner Melo; Oliveira,Vagner Tadeu Paes de; Cruz-Landim,Carminda da
Fonte: Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul Publicador: Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2000 EN
Relevância na Pesquisa
37.33%
The developmental degree of the wax glands was compared in four Meliponini bees, that produce different quantities of wax. The histological data and height average of the wax epithelium during the time in which the maximum production of wax is expected, are in accordance with the rates of wax produced by the species. In Lestrimelitta limao (Smith, 1863) a species which has cleptobiotic habits, and frequently rob wax from the attacked colonies, the height of wax epithelium was the lowest among the studied species. The cells seem to show an abnormal vacuolated cytoplasm, in the phase in which they would be producing wax.

Fruit development, pigmentation and biochemical properties of wax apple as affected by localized Application of GA3 under field conditions

Khandaker,Mohammad Moneruzzaman; Boyce,Amru Nasrulhaq; Osman,Normaniza; Golam,Faruq; Rahman,M. Motior; Sofian-Azirun,M.
Fonte: Instituto de Tecnologia do Paraná - Tecpar Publicador: Instituto de Tecnologia do Paraná - Tecpar
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2013 EN
Relevância na Pesquisa
37.14%
This study investigated the effects of gibberellin (GA3) on the fruit development, pigmentation and biochemical properties of wax apple. The wax apple trees were rubbing treated with 0, 20, 50 and 100 mgGA3/l under field conditions. The localized application (rubbing) of 50 mg GA3/l significantly increased the fruit set, fruit length and diameter, color development, weight and yieldcompared to the control. In addition, GA3 treatments significantly reduced the fruit drop. With regard to the fruit quality, 50 mg/l GA3 treatment increased the juice content, K+, TSS, total sugar and sugar acid ratio of wax apple fruits. In addition, higher vitamin C, phenol, flavonoid, anthocyanin, carotene content, PAL and antioxidant activities were recorded in the treated fruits. There was a positive correlation between the peel colour and TSS content and between the PAL activity and anthocyanin formation in the GA3-treated fruit. It was concluded that rubbing with 50 mg/L GA3 at inflorescence developing point of phloem once a week from the tiny inflorescence bud until the flower opening resulted in better yield and quality of wax apple fruits and could be an effective technique to safe the environment from excessive spray.

Topical antiinflammatory activity and chemical composition of the epicuticular wax from the leaves of Eugenia beaurepaireana (Myrtaceae)

Magina,Michele Debiasi Alberton; Pietrovski,Evelise Fernades; Gomig,Franciane; Falkenberg,Daniel de Barcellos; Cabrini,Daniela Almeida; Otuki,Michel Fleith; Pizzollati,Moacir Geraldo; Brighente,Inês Maria Costa
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Ciências Farmacêuticas Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Ciências Farmacêuticas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2009 EN
Relevância na Pesquisa
37.07%
In order to verify the topical antiinflammatory effect of epicuticular wax from leaves of Eugenia beaurepaireana, it was tested in mice croton oil-induced inflammation. Our findings show that topical application of Eugenia beaurepaireana epicuticular wax was significantly active in inhibiting both oedema (Inhibitory dose 50 % (ID50) = 0.31 (0.26 - 0.39) mg.ear -1, inhibition = 79 ± 6 %) and tissue myeloperoxidase activity (indicative of polymorphonuclear leukocytes influx) (ID50 =0.34 (0.20 - 0.41) mg.ear -1, inhibition = 77 ± 4 %) in mice ear treated with croton oil. Two main compounds were detected on epicuticular wax of E. beaurepaireana. These compounds were identified as α- and β-amyrin by flame ionization detection (GC-FID) and spectroscopic methods (IR, NMR ¹H and 13C). In conclusion, the results indicate a topical antiinflammatory activity for the Eugenia specie studied and, that, at least in part, α- and β-amyrin are responsible for this activity.

Modelagem e simulação da deposição de parafinas em escoamento turbulento; Modeling and simulation of wax deposition in turbulent flow

Aum, Yanne Katiussy Pereira Gurgel
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química; Pesquisa e Desenvolvimento de Tecnologias Regionais Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química; Pesquisa e Desenvolvimento de Tecnologias Regionais
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.23%
The flow assurance has become one of the topics of greatest interest in the oil industry, mainly due to production and transportation of oil in regions with extreme temperature and pressure. In these operations the wax deposition is a commonly problem in flow of paraffinic oils, causing the rising costs of the process, due to increased energy cost of pumping, decreased production, increased pressure on the line and risk of blockage of the pipeline. In order to describe the behavior of the wax deposition phenomena in turbulent flow of paraffinic oils, under different operations conditions, in this work we developed a simulator with easy interface. For that we divided de work in four steps: (i) properties estimation (physical, thermals, of transport and thermodynamics) of n-alkanes and paraffinic mixtures by using correlations; (ii) obtainment of the solubility curve and determination the wax appearance temperature, by calculating the solid-liquid equilibrium of parafinnic systems; (iii) modelling wax deposition process, comprising momentum, mass and heat transfer; (iv) development of graphic interface in MATLAB® environment for to allow the understanding of simulation in different flow conditions as well as understand the matter of the variables (inlet temperature...

Obtenção de cera de cana-de-açucar a partir de subproduto da industria sucro-alcooleira : extração, purificação e caracterização.; Wax attainment of sugar cane-of-sugar from by-product of the sucro-alcooleira industry: extration, purificação and characterization.

Thais Maria Ferreira de Souza Vieira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 03/10/2003 PT
Relevância na Pesquisa
37.26%
As ceras possuem propriedades importantes para o uso nos setores alimentício, cosmético, de limpeza e polimento. O conhecimento de suas características é essencial para sua aplicação. A cera de cana-de-açúcar (Saccharum officinarum) extraída da torta de filtro, um resíduo da indústria sucro- lcooleira, pode ser uma alternativa às ceras de carnaúba, abelha e ceras sintéticas. Considerando a larga disponibilidade de torta de filtro nos países produtores de cana, o potencial de produção desta cera é bastante grande. Neste trabalho foram estudadas as etapas de extração e fracionamento de cera de cana-de-açúcar com solventes. Os rendimentos da extração de dois tipos de tortas filtro com hexano foram de 4,32 e 7,11% em cera bruta. Os índices analíticos apresentados pelas ceras purificadas de cana foram comparáveis aos das ceras comerciais de abelha e carnaúba. As ceras purificadas apresentaram alta pureza quanto à composição em classes de lipídios, observada pelas análises de DSC, cujas curvas de fusão e cristalização mostraram picos únicos e estreitos. As propriedades térmicas dessas ceras (temperatura de pico de fusão entre 80,9 e 81,7ºC) aproximaram-se das da cera de carnaúba (picos de fusão a 82...

Effect of the carbon dioxide modifier on the lipid composition of wool wax extracted from raw wool

Domínguez Fernández, Carmen; Jover Comas, Eric; Bayona Termens, Josep María; Erra Serrabasa, Pilar
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Artículo Formato: 22195 bytes; application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
37.23%
10 pages, 5 figures, 3 tables.-- Available online Dec 5, 2002.; Wool wax or lanolin is a unique substance secreted by sheep and forms a natural protective coating on wool fibres. It is widely used in pharmaceutical and cosmetic formulations. However, different systems of wool wax recovery from scouring liquour provide a dark impurified greasy product. This product has a lipid composition that differs from the wool wax present on wool fibres. The wool wax extraction method from raw wool with pressurised CO2 and different modifiers at constant pressure and temperature was studied. Thin-layer chromatography coupled to an automated flame ionisation detection system (TLC/FID) was used to analyse the different lipid classes present in the collected extracts. Moreover, a detailed structural comparison of the cholesteryl esters and hydroxycholesteryl esters was carried out by means of sub-ambient pressure chromatography mass spectrometry in the electron impact and in the ammonia positive chemical ionisation modes. For comparison, qualitative and quantitative analyses of the lanolin extracted in Soxhlet with dichloromethane and commercial cosmetic lanolin were carried out. Differences in the quantity of wool wax extraction and in the lipid composition of different wool wax extracts were detected by changing the modifier polarity.; This research was supported by “Comisión Interministerial de Ciencia y Tecnología (CICYT)” project no. 2FD97-0509. Authors are grateful to Praxair España...

Epicuticular wax content and morphology as related to ethylene and storage performance of ‘Navelate’ orange fruit

Cajuste, Jacques F.; González Candelas, Luis; Veyrat, Ana; García Breijo, Francisco J.; Reig Armiñana, José; Lafuente, María Teresa
Fonte: Elsevier Publicador: Elsevier
Tipo: Artículo Formato: 865666 bytes; application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
37.26%
8 pages, 6 figures, 1 table. -- Available online 15 September 2009.; The effect of ethylene (2 μL L−1) on total and soft epicuticular wax content and wax morphology has been investigated in mature ‘Navelate’ (Citrus sinensis, L. Osbeck) oranges held under non-stressful environmental conditions (22 °C and constant high relative humidity (90–95% RH)). In addition, the objective of the study was to understand whether the ethylene-induced changes in epicuticular wax might participate in the beneficial effect of ethylene reducing non-chilling peel pitting, by modifying peel water, osmotic or turgor potential, or disease incidence caused by Penicillium digitatum (Pers.:Fr.) Sacc. Ethylene increased total and soft epicuticular wax content in ‘Navelate’ fruit and induced structural changes in surface wax that might be related to the formation of new waxes. Changes in epicuticular wax morphology, but not in its content, might be involved in the protective role of ethylene reducing non-chilling peel pitting, although the beneficial effect of the hormone is not related to water stress. Cell water and turgor potentials in freshly harvested fruit and fruit stored in air under non-stressful conditions suggest that water stress is not a limiting factor leading to the development of this physiological disorder. In addition...

Cera total e perfi l dos p-alcanos de frutos e folhas de Ocnrkijkc"incdtc"L.; Total wax and n-alkane profiles from fruit and leaf waxes of Malpighia glabra L.

Santos, Déborah Yara Alves Cursino dos; Egydio, Anary Priscila Monteiro
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Biociências Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Biociências
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2010 ENG
Relevância na Pesquisa
37.31%
Malpighia glabra L., conhecida popularmente como acerola, é uma espécie economicamente importante devido ao elevado nível de ácido ascórbico (vitamina C) em seus frutos. A cera cuticular afeta o armazenamento do fruto pós-colheita. No entanto, não há dados disponíveis sobre a composição das ceras nessa espécie. Teor de cera total e perfil de n-alcanos foram estudados em três genótipos diferentes de acerola. A quantidade de cera total variou de 11 µg.cm-2 a 24 µg.cm-2 nas folhas e nos frutos de 10 µg.cm-2 a 30 µg.cm-2. Dois dos três genótipos apresentaram diferenças significativas entre os teores de cera dos frutos e das folhas. O tipo A (epicarpo amarelo) apresentou a maior quantidade de cera tanto nas folhas como nos frutos. O perfil de n-alcanos nos frutos variou de C18-C34, sendo n-pentacosano (C25) o homólogo principal na maioria dos indivíduos. A cera cuticular foliar apresentou um perfil de n-alcanos com distribuição mais restrita, com os homólogos C22-C33 como componentes majoritários. Os homólogos de cadeia curta foram detectados sempre em quantidades menores do que 1%. O n-hentriacontano (C31) foi o n-alcano principal na cera foliar. Implicações econômicas e ecológicas relacionadas à quantidade das ceras cuticulares e ao perfil de n-alcanos são discutidas.; Malpighia glabra L....

GIBBERELIC ACID ALONE OR ASSOCIATED WITH WAX IN THE POST-HARVEST OF “TAHITI” LIME; ÁCIDO GIBERÉLICO ISOLADO OU ASSOCIADO COM CERA NA CONSERVAÇÃO PÓS-COLHEITA DA LIMA ÁCIDA ‘TAHITI’

BIASI, Luiz Antonio; ZANETTE, Flávio
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 26/10/2004 ENG
Relevância na Pesquisa
37.23%
The colour conservation of the peel green of the lime ‘Tahiti’ is very important for its commercial value and it’s possible by application of products that avoid the chlorophyll degradation. ). With the aim to study the effect these products in fruit rippening, to increased the fruit conservation, this work was carried out with fruit collected in a orchard located in Marília, SP and installed at 07/11/1998 in Curitiba, PR. The treatments were the following: 1) control; 2) GA3 (100 mg.L-1); 3) GA3 (200 mg.L-1); 4) GA3 (400 mg.L-1); 5) GA3 (100 mg.L-1)+ wax; 6) GA3 (200 mg.L-1) + wax; 7) GA3 (400 mg.L-1) + wax. The experimental desing was completely randomized with three replicates and 16 fruits per plot. The GA3 was applicated by immersion for two minutes in the solutions and the wax was applicated six hours after. The fruits were stored in polyethylene bags with 16 perforations at 7ºC. The evaluations were maded each 15 days. The GA3 and wax application had no effect in the juice biochemistry characteristics (pH, soluble solids and acidity). There was an acidity decrease and a pH increase during the storage period in all treatments. The GA3 application was efficient to delay the degreening. All the concentrations of GA3 were higher than control and didn’t differ among theyself in relation the total chlorophyll. The degradation of chlorophyll showed the same tendency in all treatments with quadratic comportment. The degradation was 50% in the first 15 days. The fruits treated with GA3 showed about 33% of chlorophyll degradation at 30 days...

Cuticular Wax Composition of Coconut Palms and their Susceptibility to Lethal Yellowing Disease

Arroyo-Serralta,Gabriela A.; Zizumbo-Villareal,Daniel; Escalante Erosa,Fabiola; Peña-Rodríguez,Luis M.
Fonte: Sociedad Química de México A.C. Publicador: Sociedad Química de México A.C.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2012 EN
Relevância na Pesquisa
37.19%
A number of metabolites isolated and identified from cuticular waxes have been used as chemotaxonomical markers and to explain the role of the wax layer in plant-insect and plant-pathogen interactions. Chromatographic analysis of the cuticular wax from pinnae of five coconut palm ecotypes showed that the three main components (I, II, III) in the wax can be used as chemotaxonomical markers for classification. The positive correlation found between the content of metabolites I, II, and III in the wax from the various ecotypes and their resistance or susceptibility to the lethal yellowing disease of coconut palms, did not coincide with the results obtained in an antifeedant assay. The results suggest that while the individual components do not play a significant role in the palm-insect interaction, the full composition of the cuticular wax does.