Página 1 dos resultados de 102 itens digitais encontrados em 0.000 segundos

Fractais : da geometria à videoarte

Domingos, António Manuel Fonseca
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
27.72%
Dissertação de Mestrado em Expressão Gráfica e Audiovisual apresentada à Universidade Aberta; A descoberta da geometria fractal é datada de meados do séc. XX. É conhecida como a geometria da natureza já que permite descrever muitos fenómenos naturais que apresentam irregularidades que são impossíveis de descrever através dos princípios da geometria tradicional. O aparecimento de novas tecnologias digitais veio alterar o modo como a arte é encarada. Este trabalho pretende demonstrar possibilidades de integração da geometria fractal e a Teoria do Caos na criação de videoarte, baseando-se em meios informáticos e tecnologias digitais. Visamos assim explorar as potencialidades artísticas oferecidas por software gerador de composições visuais como forma de expressão videográfica. Para a criação de vídeos desenvolveu-se e implementou-se um artefacto digital baseado no programa Apophysis 3D Hack, disponível gratuitamente, tendo como finalidade a criação de videoarte fractal. As características estéticas, as ropriedades e inúmeras aplicações dos fractais, levaram-nos a realizar este trabalho de experimentação, baseado na geometria fractal e Teoria do Caos, que consiste na criação de vídeo através da aplicação informática. Para o efeito foi criado um blogue disponível em: http://galeriafractal.blogspot.pt...

"Uma casa em desmancho. Teatro monótono: 1992-2007. Ações poéticas no espaço urbano"; "Una casa en desguace. Teatro monótono: 1992-2007"

Thomaz, Vera Lucia Didonet
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/03/2007 PT
Relevância na Pesquisa
17.21%
Com este Projeto denominado Uma casa em desmancho. Teatro monótono: 1992-2007, pretende-se perceber e identificar as atuais dimensões de espaço e tempo com a finalidade de estabelecer novas e profundas relações poético-visuais partindo do fenômeno da desconstrução-construção do acontecer total na estética do cotidiano. Apresento o Diário de pesquisa e os Entrópicos fotográficos como resultados da fragmentação e da montagem, focando a desordem no sistema da casa localizada à Rua Dr. Trajano Reis, 571, em Curitiba, Paraná, onde foram observados deslocamentos e transformações até o esvaziamento e o desmancho. Penetrar na síntese como possibilidade de ver, em movimento, mediante os recursos ambíguos da videoarte; o destino se encaminha por meio de ações poéticas no espaço urbano.; Con este Proyecto nombrado Una casa en desgugace. Teatro monótono: 1992-2007, se pretiende percibir e identificar las actuales dimensiones de espacio y tiempo con la finalidad de establecer nuevas y profundas relaciones poético-visuales partiendo del fenómeno de la desconstrucción-construcción del acontecer total en la estética del cotidiano. Presento el Diario de pesquisa y los Entrópicos fotográficos como resultados de la fragmentación y del montaje...

Objetos tecnopoéticos : transmutações de imagens do repulsivo

Semeler, Alberto Marinho Ribas
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
27.21%
A proposta artística Objetos Tecnopoéticos: Transmutações de Imagens do Repulsivo aborda a experimentação poética entre a pintura digital, a videoarte, o computador e interfaces de controle. Nesta tese, as tecnopoéticas usam os princípios como a representação numérica, modularidade, automação, variabilidade e transcodificação. A tecnologia é investigada como ferramenta para a criação dos objetos tecnopoéticos. No que tange ao tratamento das imagens, essas operações ocorrem com técnicas de pós-produção, bem como pela aplicação de scripts. Com esses procedimentos, as imagens são pintadas quadro a quadro convertendo-se em “pintura animada”. A iconografia do inseto foi re-apropriada de minha produção artística anterior. Todas as animações foram construídas a partir de pinturas de insetos digitalizadas, vídeos e fotografias de vísceras humanas, retiradas de exames anatomopatológicos. Tanto as animações quanto os vídeos foram tratados com técnicas do croma-key, bem como pelo uso de erros produzidos propositadamente no sinal de vídeo através de métodos recursivos e programáveis como maquilagens digitais e efeitos que criam a ilusão de materialidade na imagem. O resultado da mixagem entre a iconografia e tratamento aplicado às animações e vídeos busca evocar um efeito repulsivo no espectador. A análise abjeta do processo criativo afirma que o mesmo origina-se na paixão e repulsa primordial pela imagem. Sua manifestação estética na produção artística contemporânea decorre de uma afirmação dos aspectos estético-sensoriais e representacionais da arte em negação à arte vista apenas como abstração filosófica. Nesta pesquisa artística o repulsivo se manifesta tanto na escolha de imagens quanto nas operações poéticas. O “tecnorrepulsivo” é a operação artística que busca evitar as soluções prontas dos softwares comerciais. O objeto tecnopoético surge de alguns cruzamentos: primeiro pela característica modular das linguagens de programação e dos produtos dos novos meios focados na noção objeto; segundo porque reativa o conceito de experimento e laboratório reivindicado pela arte de vanguarda que via no objeto a marca diferencial entre o atelier e a fábrica. E...

O espaço em camadas de parabolic people

Octavio Lima Mendes Lacombe
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 08/06/1998 PT
Relevância na Pesquisa
17.21%
Esta dissertação de mestrado trata de questões relativas ao vídeo e a videoarte, levantadas a partir da obra da autora carioca Sandra Kogut. Aborda a constituição da imagem vídeo e seu espaço e a condição da videoarte. Analisa a trajetória da obra de Sandra Kogut e centra-se no estudo de um de seus trabalhos: Parabolic People. A partir deste, propõe relações com o cubismo e com a metrópole: sua imagem, seu espaço e sua poética; This disserationdeals with issues related to the video and videoart, raised from the works of Sandra Kogut. It dwells on the constitution of video image and its space and the videoart condition. Analise Sandra kogut?s trajectory and centers on the study of one of her works: Parabolic People. From this work, proposes relations with the cubism and with the metropolis: its image, its space and its poetic

Personae «masculinas» na videoarte de mulheres

Furtado, Teresa
Fonte: Edições Afrontamento Publicador: Edições Afrontamento
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.53%
Partindo de uma perspectiva feminista e de uma metodologia desconstrutivista, este artigo explora o modo como, desde a década de 60 até ao presente, diferentes videoartistas europeias e norte-americanas, incorporaram «masculinidades» na sua arte. Na década de 70, no âmbito da videoarte e da performance,experimentaram diferentes personae e trocaram os papéis culturais atribuídos ao género baseado na dicotomia masculino/feminino. Nos anos 80, as artistas da década precedente foram rejeitadas como “essencialistas” pelas teóricas do feminismo. A partir de meados da década de 80 até ao presente, assistimos a um ressurgir da paródia, do prazer e do corpo, sobretudo em vídeos de jovens artistas lésbicas que não se colocam à margem do tecido social, mas, pelo contrário, afirmam a sua alteridade com convicção e sem sentirem necessidade de validação da sua identidade de género, enquanto parte integrante do mesmo.

O território feminino da videoarte: o espelho não exclusivo

Furtado, Teresa
Fonte: Editora Nova Delphi Publicador: Editora Nova Delphi
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
27.21%
Partindo de uma perspectiva feminista, este artigo explora as características do vídeo que levaram muitas mulheres a escolhê‐lo, de forma recorrente, como suporte do seu trabalho artístico, desde os anos 60 até aos nossos dias. O vídeo tornou‐se rapidamente o suporte eleito para reflectir a subjectividade de mulheres artistas pelo facto de ser uma tecnologia recente com uma história não exclusiva, e pelas suas características de reflexividade e recursividade, a sua natureza híbrida e doméstica e a possibilidade de se tornar num espelho electrónico para registar auto‐biografias e performances.

A letra e a imagem: Gary Hill, videoarte e psicanálise

Rivera,Tania
Fonte: Associação Brasileira de Psicologia Social Publicador: Associação Brasileira de Psicologia Social
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.53%
O artigo examina as relações entre imagem e linguagem, privilegiando o conceito de letra em Jacques Lacan. São tecidas considerações sobre esta articulação no sonho e na videoarte, examinando-se particularmente dois trabalhos do artista americano Gary Hill: Around and About (1980) e Ura Aru (1985-86). Defende-se a existência de dois pólos de incidência da letra: aquele de um encontro com a imagem e aquele de uma forte tensão em relação à imagem. Este último pode levar a uma quebra do funcionamento especular em prol de uma espécie de reviramento do imaginário, deixando entrever o que chamamos de "avesso do imaginário". Nesta virada, surge o sujeito em sua condição utópica, pois sem lugar e remetido a um devir imprevisível.

Migraciones Visuales: análisis del fenómeno migratorio a través del videoarte

Riboulet,Célia
Fonte: Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (INTERCOM) Publicador: Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (INTERCOM)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 ES
Relevância na Pesquisa
37.53%
Este ensayo explora los modos en los que la migración se desplaza (en el espacio y en el tiempo) a través de las problemáticas relativas a la habitación (la casa), lengua, memoria, identidad y arquitectura. También analiza las diferentes modificaciones que generan los desplazamientos en diferentes tiempos y territorios. Porque "el arte contemporáneo se encuentra en la frontera que separa la información de la ficción, frontera entre el documental y la puesta en abismo de nuestra sociedad" (Renard, 2007, p.17) y está elegido (y más específicamente el videoarte) como soporte posible para el análisis del tema estudiado: migraciones. Las nociones de fronteras, territorios, exilios, cuestionamientos identitarios y espaciales están en medio de los procesos artísticos de varios artistas "migrantes" o "no migrantes". Algunos rechazan la definición de artista migrante, no obstante sus historias personales nutren sus creaciones; otros "no migrantes" han tratado el tema como un fenómeno de relevante importancia política, social, histórica, etc.

Vídeo no brasil 1950-1980: novos circuitos para a arte

Mello, Christine
Fonte: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia Publicador: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
17.21%
Análisis de la experiencia del video en Brasil en el período comprendido entre los años 1950 y 1980 como una estrategia de pluralismo, hibridación cultural y apertura de nuevos circuitos para el arte. Esa forma de percepción es observada a partir de un conjunto de prácticas discursivas heterogéneas y no-hegemónicas existentes en el ambiente creativo brasileño durante ese período. El abordaje teórico da énfasis a las tendencias que acompañan el contexto de la producción artística brasileña en sus transiciones del modernismo a la contemporaneidad, así como a movimientos como la antropofagia, el tropicalismo, el conceptualismo y el video independiente. El vídeo como práctica de arte en Brasil tiene origen en 1956 por cuenta de la intervención y performance del artista Flávio de Carvalho en la televisión brasileña. A partir de prácticas precursoras como esa, el presente articulo promueve un análisis sobre la escena experimental en medios electrónicos en Brasil. La visión del hibridismo es aquí utilizada tanto en el sentido de procesamiento cultural como en el de las acciones limítrofes del video en sinergia con el sistema del arte. Es de esa manera que el video, un arte híbrido y en constante diálogo con los otros medios...

15 Miradas al Videoarte en la Imagen Pensativa /Pedro Ortuño. Exposición, seminario y mediación (www.miradasalvideoarte.es): Reseña bibliográfica.

Espín Sáez, María José; Sánchez Muñoz, Antonio
Fonte: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia Publicador: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia
Tipo: Revisão Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
27.21%
La Imagen Pensativa es el título de la exposición que reúne a quince videoartistas en el Centro Cultural Puertas de Castilla, dentro del programa Miradas al Videoarte, que viene desarrollándose desde el año 2007 y que pretende ser un lugar de exhibición, investigación y divulgación del medio videográfico

El fin del videoarte. Un cruce de narrativas culturales entre Occidente y España/Menene Gras: Reseña bibliográfica

Ortuño Mengual, Pedro
Fonte: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia Publicador: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia
Tipo: Revisão Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
27.21%
Exposición Crossing East West Narratives by the End of Video Art (2000-2011) celebrada en Madrid, con un programa de videoarte español y asiático

Confluencias feministas entre arte y tecnología; Feminist confluences between art and technology

Ballester Buigues, Irene
Fonte: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia Publicador: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
17.21%
Para las feministas, Internet ha constituido una red de empoderamiento cyberfeminista, un medio de comunicación y un entorno nuevo sobre el que actuar, además de un entorno desde el que subvertir los mecanismos de poder. Una herramienta tecnológica feminista como ha sido el videoarte, ha otorgado una oportunidad única para desarticular los roles y los estereotipos de género denunciados por el feminismo y a través de la cual las mujeres artistas han podido reivindicar la capacidad de convertirse en sujetos activos construyendo espacios de iguales no sujetos a estructuras patriarcales que delimiten la libertad. Internet y el videoarte han permitido que se hable que se visualice la violencia de género y el feminicidio, además de actuar como plataformas desde las que denunciar y concienciarse.; ABSTRACT: For feminists, Internet has created a network of cyberfeminist empowerment, a mass media and a new environment on which to act, as well as an environment from which to subvert the mechanisms of power. A technological tool is feminist video art, which has provided a unique chance to dismantle roles and gender stereotypes reported by feminism and through which women artists have claimed the ability to become active subjects of the same building space not subject to patriarchal structures that delimit freedom. Internet and video art have allowed to be displayed discuss gender violence and femicide...

Videoarte en contextos educativos. Las nuevas narrativas audiovisuales y su inclusi??n curricular en los programas de educaci??n art??stica desde una perspectiva a/r/t/ogr??fica

Garc??a Rold??n, ??ngel
Fonte: Granada: Universidad de Granada Publicador: Granada: Universidad de Granada
Tipo: Tese de Doutorado
SPA
Relevância na Pesquisa
27.21%

Entre cinema e videoarte : procedimentos disjuntivos de montagem e narrativas sensoriais

Gobatto, Marcelo Roberto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/zip; application/zip; application/zip; application/zip; application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.53%
A presente pesquisa parte da análise dos procedimentos implicados na criação de obras em vídeo e videoinstalações produzidas entre 2004 e 2008. A valorização dos aspectos sensoriais da imagem - como as descrições do espaço e da paisagem que aparecem em vários vídeos desse período – transforma as relações entre espaço e tempo nessas narrativas, que vão se caracterizando pelo aparecimento de espaços vazios e por uma crescente autonomia das imagens e dos sons. Na montagem, os intervalos entre as imagens, a descontinuidade, a dissociação entre a imagem e o som, as repetições/recorrências, são procedimentos que constroem uma lógica disjuntiva (inclusiva), paratática e ligada a um pensamento paradoxal (não-causal e não-racional). Nas videoinstalações a disjunção se apresenta com o uso de múltiplos televisores/projetores, criando novas ressonâncias entre as imagens. As narrativas desses vídeos apresentam uma ambivalência entre imagens significantes e não-significantes e operam num regime sensório-temporal - marcado pelo tempo, pela montagem disjuntiva e pela potência pura das imagens. Além da análise de nossas obras buscamos referências na filosofia de Bergson para entender a imagem além da representação e as relações entre corpo e consciência além da fenomenologia. Com o conceito de imagem-movimento forjado por Deleuze (que caracteriza nossa experiência de mundo) podemos mostrar como as imagens cinematográficas (e também a imagem-vídeo)...

Da janela do meu quarto: diálogos (im)prováveis; From my bedroom window: unlikely dialogues

Borges, Rafael de Almeida Tavares
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2011 POR
Relevância na Pesquisa
27.21%
A partir de uma análise do curta-metragem Da janela do meu quarto (2004), do cineasta e artista plástico Cao Guimarães, pretendemos refletir sobre a probabilidade de diálogos entre o domínio documental e a videoarte. Nesse contexto de pesquisa pretendemos considerar as influências dessas conversações, e suas implicações, para o que na contemporaneidade tendemos a nomear como documentário experimental.  ; Analyzing the short movie Da janela do meu quarto (2004), by the filmmaker and plastic artist Cao Guimarães, we intend to study the dialogic probabilities between the documental environment and the video art. Regarding this research context we shall infer the implications and influences of such conversations to what we contemporarily tend to understand as experimental documentary.

Imagem em movimento e movimento da imagem: vídeoarte na coleção de Regina Vater

de Paula, Arethusa Almeida
Fonte: PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG Publicador: PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 28/11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
27.21%
O estudo da produção em vídeoarte no Brasil e sua interface com projetosde instalação, work in progress, documentário e demais proposições poéticasdemanda uma pesquisa acurada nos acervos dos artistas que produziram,principalmente, nas décadas de 1960 a 1980. Regina Vaterfoi pioneira nouso das novas tecnologias como linguagem artística no meio artísticolatino americano; sua coleção particular se estabelece como uma grandefonte de pesquisa sobre esta produção e sobre como a arte se articulavadentro deste contexto histórico. Este artigo faz parte da tese de doutoradointitulada Comigo ninguém pode: a voz e o lugar de Regina Vater.

Análise estética da videoarte O meu corpo no corpo do outro

Ribeiro, Regilene Sarzi
Fonte: PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG Publicador: PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 31/05/2014 POR
Relevância na Pesquisa
27.21%
Para empreender uma analise estética da videoarte Entre de Nina Galanternick, o artigo parte da premissa de que os simulacros do corpo fragmentado nas videoartes possuem elevado índice poético, geradores de múltiplos sentidos estésicos. Conhecer as relações entre visibilidade e interação, corpo e vídeo, permitiu compreender como se constroem o significado das coisas do mundo e das coisas da vida, da cultura e dos corpos.

As características da pós-modernidade como influência estética da videoarte contemporânea

Freitas, Susy Elaine da Costa; Universidade Federal do Amazonas (Ufam)
Fonte: Núcleo de Pesquisa em Informática, Literatura e Linguística (NuPILL) Publicador: Núcleo de Pesquisa em Informática, Literatura e Linguística (NuPILL)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 12/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.72%
http://dx.doi.org/10.5007/1807-9288.2012v8n2p68 O presente artigo tem como objetivo principal traçar um paralelo entre os elementos mais marcantes da pós-modernidade, levando em consideração a complexidade na conceituação do termo, e as características mais proeminentes observadas na videoarte contemporânea. Para tal, faz-se necessário apresentar a conceituação e caracterização a ser adotada para a videoarte e para a pós-modernidade, além de contextualizar estes termos para poder compreender de que maneira eles se apresentam relacionados. Posteriormente, o presente artigo busca identificar as características mais presentes nas diferentes visões acerca da pós-modernidade, de acordo com autores como Perry Anderson, Zygmunt Bauman, Stuart Hall, dentre outros, em diferentes obras realizadas por videoartistas.

Habitando otros mundos: Propuesta por un análisis del videoarte en América Latina

Riboulet,Celia
Fonte: Universidad Autónoma de Baja California, Instituto de Investigaciones Culturales-Museo Publicador: Universidad Autónoma de Baja California, Instituto de Investigaciones Culturales-Museo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 ES
Relevância na Pesquisa
27.21%
Entre las abundantes imágenes producidas en América Latina recientemente en el campo del video, la fotografía, el net.art, esta investigación se centra particularmente en aquellas en las que podemos percibir un "habitar" que relaciona un cuerpo (un ser) con un espacio y un tiempo en los que se desarrolla. Este habitar relacionado al gesto (gestare) se inicia en escenas bastantes cotidianas en las que el cuerpo encuentra una armonía, especie de "gracia", entre el ser del humano y el ser de las cosas que pueblan el mundo. Este habitar se entiende como una manera que resulta de un conjunto de gestos, miradas, copresencias. Si el habitar permite abrigarse, no siempre permite establecerse en el sentido de un "habitar verdadero". Significa que se volvió simplemente, por muchos factores, muy difícil de hacer "uso del mundo". Los videos estudiados, en este sentido, nos muestran y demuestran cómo los cuerpos que habitan este mundo −mediante la reutilización de mitos, historias, formas, pensamientos, rumores que construyen en silencio la interpretación de este mundo− pueden encontrar una fragilidad y una singularidad esenciales en la concepción actual de nuestras sociedades a través del medio tecnológico.

Personae «Masculinas» na videoarte de mulheres

Furtado,Teresa
Fonte: Associação Portuguesa de Estudos sobre as Mulheres - APEM Publicador: Associação Portuguesa de Estudos sobre as Mulheres - APEM
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.53%
Partindo de uma perspectiva feminista e de uma metodologia desconstrutivista, este artigo explora o modo como, desde a década de 60 até ao presente, diferentes videoartistas europeias e norte-americanas, incorporaram «masculinidades» na sua arte. Na década de 70, no âmbito da videoarte e da performance, experimentaram diferentes personae e trocaram os papéis culturais atribuídos ao género baseado na dicotomia masculino/feminino. Nos anos 80, as artistas da década precedente foram rejeitadas como «essencialistas» pelas teóricas do feminismo. A partir de meados da década de 80 até ao presente, assistimos a um ressurgir da paródia, do prazer e do corpo, sobretudo em vídeos de jovens artistas lésbicas que não se colocam à margem do tecido social, mas, pelo contrário, afirmam a sua alteridade com convicção e sem sentirem necessidade de validação da sua identidade de género, enquanto parte integrante do mesmo.