Página 1 dos resultados de 4388 itens digitais encontrados em 0.010 segundos

Reabilitação vestibular em um hospital universitário; Vestibular rehabilitation in a university hospital

TAVARES, Flávia da Silva; SANTOS, Maria Francisca Colella dos; KNOBEL, Keila Alessandra Baraldi
Fonte: ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial Publicador: ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.15%
A Reabilitação Vestibular visa melhorar o equilíbrio global, a qualidade de vida e orientação espacial dos pacientes com tontura. OBJETIVOS: Traçar o perfil dos pacientes atendidos no Ambulatório de Reabilitação Vestibular do Setor de Otoneurologia de um hospital universitário e verificar os resultados obtidos no período de novembro/2000 a dezembro/2004. MATERIAL E MÉTODO: Levantamento de dados contidos nas fichas dos 93 pacientes submetidos à Reabilitação Vestibular no período. FORMA DE ESTUDO: Clínico retrospectivo. RESULTADOS: A média etária dos pacientes foi de 52,82 anos, 56 do sexo feminino e 37 do sexo masculino. O número médio de atendimentos foi 4,3, sendo maior para os pacientes com distúrbios otoneurológicos centrais (média de 5,9). Dentre os pacientes que concluíram o tratamento proposto, 37 (60,7%) obtiveram melhora significativa, 14 (22,9%) tiveram melhora parcial e 10 (16,4%) não referiram benefícios significativos. Os pacientes que mais se beneficiaram com a Reabilitação Vestibular tinham distúrbios otoneurológicos periféricos. CONCLUSÃO: A maior parte dos pacientes era do sexo feminino, com idade média de 52,8 anos. Cinqüenta e um pacientes (83,6%) tiveram benefício com a terapia confirmando a eficácia do tratamento.; The aim of vestibular rehabilitation is to improve total balance...

Reabilitação vestibular da vertigem postural paroxística benigna de canal posterior em idosos; Vestibular rehabilitation of benign posterior canal postural vertigo in the aged

André, Ana Paula do Rego
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2003 PT
Relevância na Pesquisa
37.16%
A Reabilitação Vestibular (RV) é um programa de tratamento realizado por exercícios, associado a um conjunto de medidas relacionadas à mudança de hábitos e esclarecimentos sobre os sintomas associados à alteração do equilíbrio. É um método de terapia fisiológico, inócuo e coerente, que pretende trabalhar o paciente vertiginoso aliviando os sintomas e aumentando seu limiar de sensibilidade para a vertigem. A Vertigem Postural Paroxística Benigna (VPPB) é a mais comum das vestibulopatias periféricas em adultos, principalmente em idosos do sexo feminino, apresentando como etiologia mais comum a degeneração da mácula utricular. Nos idosos, caracteriza-se por tontura rotatória e nistagmo posicional à mudança de posição da cabeça ou por determinada posição do corpo e, como conseqüência, pode ocorrer quedas e limitações na qualidade de vida dos mesmos, tornando-os limitados físico e emocionalmente. O presente estudo teve como objetivo avaliar prospetivamente a Reabilitação Vestibular como tratamento da VPPB com acometimento de canal semicircular posterior e seu efeito na qualidade de vida em indivíduos idosos. Participaram do estudo 23 voluntários com hipótese diagnóstica otorrinolaringológica de VPPB de canal semicircular posterior por ductolitíase...

Efeito da reabilitação vestibular sobre a qualidade de vida de idosos portadores de labirintopatias de origem vascular e metabólica; Vestibular rehabilitation ´s effect over the qualit y of life of geriatric patients w ith labyrinth disease of vascular and met abolic origin.

Mantello, Erika Barioni
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.13%
A tontura é um sintoma que acomete a população mundial, sendo observada maior prevalência em idosos devido ao processo de deterioração funcional dos sistemas auditivo e vestibular com o envelhecimento e também devido à alta sensibilidade destes sistemas a problemas clínicos situados em outras partes do corpo humano, comumente relacionados à etiologia vascular e metabólica. A Reabilitação Vestibular (RV) tem se mostrado uma importante e efetiva estratégia no tratamento de indivíduos com desordens do equilíbrio corporal, proporcionando uma acentuada melhora na qualidade de vida. O objetivo deste trabalho foi avaliar prospectivamente o efeito da RV como forma de tratamento das labirintopatias de origem vascular e metabólica sobre a qualidade de vida de indivíduos idosos. O estudo foi delineado como um ensaio clínico prospectivo, longitudinal, observacional, com a participação de 40 indivíduos idosos de ambos os gêneros, com faixa etária entre 60 e 84 anos, divididos em 2 grupos conforme o diagnóstico médico, tontura de origem vascular ou metabólica. Os pacientes passaram por anamnese, aconselhamento, avaliação da qualidade de vida (escala de quantificação da tontura e Dizziness Handicap Inventory brasileiro) e a RV propriamente dita que se baseou no protocolo de Cawthorne e Cooksey. A análise estatística dos dados foi feita através do teste t-Student...

Efeitos da substituição vestibular eletrotátil na reabilitação de pacientes com arreflexia vestibular bilateral; Effects of electrotactile vestibular substitution on rehabilitation of patients with bilateral vestibular loss

Barros, Camila de Giacomo Carneiro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.16%
O presente estudo avaliou a eficácia do equipamento de biofeedback eletrotátil lingual (BrainPort®) como substituto sensorial para o aparelho vestibular em pacientes com arreflexia vestibular bilateral (AVB) que não obtiveram boa resposta à terapia convencional de reabilitação vestibular (RV). Sete pacientes com AVB foram treinados a usar o equipamento. A estimulação na superfície da língua foi criada por um padrão dinâmico de pulsos elétricos e o paciente capaz de ajustar a intensidade de estimulação e centralizar o estímulo na placa de eletrodos. Os pacientes foram orientados a continuamente ajustar a orientação do posicionamento da cabeça e a manter o padrão de estímulos no centro da placa. Tarefas posturais que apresentavam dificuldade progressiva foram realizadas durante o uso do equipamento. A distribuição do índice de equilíbrio do teste de integração sensorial (TIS) pré e pós-tratamento mostrou valores médios de 38.3±8.7 e 59.9±11.3, respectivamente, indicando melhora significante estatisticamente (p=0,01). O aparelho de feedback eletrotátil lingual melhorou significantemente o controle postural no grupo de estudo, superando a melhora obtida com a RV convencional. O sistema de biofeedback eletrotátil foi capaz de fornecer informações adicionais sobre o posicionamento da cabeça em relação à orientação vertical gravitacional na ausência da aferência vestibular...

Achados da acuidade visual estática e dinâmica em pacientes com disfunção vestibular; Findings of static and dynamic visual acuity in patients with vestibular dysfunction

Sales, Renata
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 03/05/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.13%
SALES, R. Achados da acuidade visual estática e dinâmica em pacientes com disfunção vestibular. 106f. Tese (Doutorado) da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto-USP. Ribeirão Preto-SP, 2013. Para a obtenção da visão nítida é necessário que a imagem permaneça estável na retina, mesmo com a movimentação cefálica. As pessoas que sofrem de labirintopatias são mais sensíveis a efeitos visuais, podendo apresentar os sintomas de tontura, enjoo e oscilopsia durante a movimentação cefálica. Esse fato ocorre devido ao conflito sensorial entre o sistema vestibular e visual. O presente estudo objetivou verificar a variação da acuidade visual estática e dinâmica em pacientes com disfunção vestibular. Foram selecionados pacientes de ambos os sexos, com idade entre 14 e 88 anos de idade submetidos ao exame de vetoeletronistagmografia entre os anos de 2009 e 2011. Esses pacientes também foram submetidos ao exame de acuidade visual estática e dinâmica. Na acuidade visual dinâmica, foram pré-determinadas frequências de 0.5, 1.0, 1.5 e 2.0 Hertz para a movimentação cefálica. Os resultados mostraram maior decréscimo da acuidade visual estática e dinâmica entre os pacientes com labirintopatias bilaterais se comparadas com as unilaterais e o grupo controle. Além disso...

Avaliação sequencial do equilíbrio pré e pós-implante coclear em pacientes com surdez pós-lingual; Sequential study of vestibular function pre- and post cochlear implantation in postlingual deafened patients

Abramides, Patricia Arena
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
37.15%
INTRODUÇÃO: A literatura é discordante com relação à interferência do IC sobre o equilíbrio corporal. Sendo assim, resolvemos avaliar o equilíbrio corporal de pacientes surdos pós-linguais, submetidos a implante coclear unilateral. OBJETIVO: Observar o equilíbrio corporal pré e pós-implante coclear (IC) ao longo de 1 ano. CASUÍSTICA E METODOLOGIA: Estudo prospectivo observacional realizado com 24 pacientes adultos, surdos pós-linguais submetidos à avaliação vestibular antes e depois da cirurgia de implante coclear unilateral. A avaliação vestibular contou com um questionário sobre vertigem, prova calórica (PC), cadeira rotatória (CR) e posturografia dinâmica computadorizada (PDC) aplicados no pré-operatório, 60, 120, 180 dias e 1 ano após a cirurgia de IC. RESULTADOS: A tontura foi referida por 13 (54,2%) pacientes pré-IC, enquanto 11 (45.8%) não apresentaram a queixa. Ao final do estudo 11 sujeitos (84,6%) referiram melhora da tontura, em 1 (7,7%) permaneceu inalterada e em 1 (7,7%) piorou. Dos 24 pacientes apenas 5 indivíduos (20,8%) desenvolveram tontura no pós-operatório imediato com resolução completa após um mês. A prova calórica identificou 7 (29,2%) sujeitos normorreflexos, 8 (33,3%) com hiporreflexia ou arreflexia unilateral ...

Síndrome vestibular em cães e gatos

Negreiros, Daiane de Oliveira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.25%
A síndrome vestibular é um distúrbio neurológico relativamente comum em Medicina Veterinária, sendo uma condição frequentemente observada em cães e gatos. É definida como o conjunto de sinais clínicos associado a uma doença do sistema vestibular, o qual tem por função traduzir as forças de gravidade e movimento em sinais neurológicos utilizados pelo encéfalo para a determinação da posição da cabeça no espaço e para a coordenação dos movimentos da cabeça com os reflexos motores responsáveis pela estabilidade postural e ocular. Dessa forma, afecções do sistema vestibular resultam em alterações posturais da cabeça e do corpo, descoordenação motora e ataxia, além de alterações nos movimentos oculares. O sistema vestibular é constituído por dois componentes funcionais: o periférico e o central. O primeiro envolve receptores periféricos na orelha interna e a porção vestibular do VIII par de nervos cranianos, e o segundo compreende os núcleos e tratos do tronco cerebral. Dessa forma, a síndrome vestibular pode se apresentar de duas formas, periférica ou central, e a sua diferenciação clínica é importante para um plano diagnóstico e terapêutico correto, assim como para o estabelecimento de um prognóstico. De modo geral...

Reabilitação vestibular em um hospital universitário

TAVARES, Flávia da Silva; SANTOS, Maria Francisca Colella dos; KNOBEL, Keila Alessandra Baraldi
Fonte: ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial Publicador: ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.13%
A Reabilitação Vestibular visa melhorar o equilíbrio global, a qualidade de vida e orientação espacial dos pacientes com tontura. OBJETIVOS: Traçar o perfil dos pacientes atendidos no Ambulatório de Reabilitação Vestibular do Setor de Otoneurologia de um hospital universitário e verificar os resultados obtidos no período de novembro/2000 a dezembro/2004. MATERIAL E MÉTODO: Levantamento de dados contidos nas fichas dos 93 pacientes submetidos à Reabilitação Vestibular no período. FORMA DE ESTUDO: Clínico retrospectivo. RESULTADOS: A média etária dos pacientes foi de 52,82 anos, 56 do sexo feminino e 37 do sexo masculino. O número médio de atendimentos foi 4,3, sendo maior para os pacientes com distúrbios otoneurológicos centrais (média de 5,9). Dentre os pacientes que concluíram o tratamento proposto, 37 (60,7%) obtiveram melhora significativa, 14 (22,9%) tiveram melhora parcial e 10 (16,4%) não referiram benefícios significativos. Os pacientes que mais se beneficiaram com a Reabilitação Vestibular tinham distúrbios otoneurológicos periféricos. CONCLUSÃO: A maior parte dos pacientes era do sexo feminino, com idade média de 52,8 anos. Cinqüenta e um pacientes (83,6%) tiveram benefício com a terapia confirmando a eficácia do tratamento.; The aim of vestibular rehabilitation is to improve total balance...

A influência da reeducação vestibular nas medidas objetivas e subjetivas em pacientes com défice vestibular periférico unilateral

Correia, Anabela Domingos
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.15%
Mestrado em Fisioterapia.; A reeducação vestibular (RV) tornou-se o principal método de tratamento para indivíduos com sintomatologia vestibular e muitas das terapias pressupõem relações entre a incapacidade e a estabilidade, relações que não estão clarificadas. O objetivo deste estudo foi comprovar a eficácia deste programa de RV na incapacidade percebida através do Dizziness Handicap Inventory e na estabilidade postural através do teste clínico modificado de interação sensorial no equilíbrio e relacioná-las na avaliação inicial e na sua variação após RV. É um estudo descritivo, com uma amostra de quatro mulheres com défice vestibular periférico unilateral e sintomatologia de vertigem e/ou desequilíbrio. No início e após RV foi avaliada: a situação clínica geral, a perceção da incapacidade e a estabilidade postural. Foram realizadas seis sessões de RV, duas vezes por semana durante 30 a 40 minutos, personalizados a cada indivíduo. O programa consistiu num conjunto de exercícios de estabilização do olhar, estimulação optocinética, exercícios de estabilidade postural em plataforma e exercícios de equilíbrio. Verificou-se uma melhoria, de todos os indivíduos, na estabilidade postural e na perceção de incapacidade. Não foi detetada qualquer tendência entre a estabilidade postural e incapacidade percebida. As melhorias da incapacidade percebida após RV enquadram-se nos resultados obtidos por outros autores...

Síndrome vestibular em canídeos

Ferreira, Ricardo Filipe da Silva
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em 15/12/2009 POR
Relevância na Pesquisa
37.3%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; A síndrome vestibular é uma apresentação neurológica relativamente comum em Medicina Veterinária. É definida como o conjunto de sinais clínicos associados a uma doença do sistema vestibular. A função do sistema vestibular é traduzir as forças de gravidade e movimento em sinais neurológicos utilizados pelo encéfalo para a determinação da posição da cabeça no espaço, e para a coordenação dos movimentos da cabeça com os reflexos motores responsáveis pela estabilidade postural e ocular. Desta forma, afecções do sistema vestibular resultam, frequentemente, em alterações posturais da cabeça e corpo, descoordenação motora e ataxia, e alterações nos movimentos oculares. O sistema vestibular é constituído por dois componentes funcionais: o componente periférico, localizado no ouvido interno e no qual se incluem os receptores sensoriais localizados no labirinto membranáceo e a porção vestibular do nervo craniano VIII; e o componente central, localizado no tronco cerebral e cerebelo, e no qual se incluem os núcleos e feixes vestibulares. Os cães com doença vestibular central apresentam, tipicamente, sinais clínicos adicionais que reflectem envolvimento do tronco cerebral. Estes podem incluir défices dos nervos cranianos...

Reabilitação vestibular em idosos com tontura

Zanardini,Francisco Halilla; Zeigelboim,Bianca Simone; Jurkiewicz,Ari Leon; Marques,Jair Mendes; Martins-Bassetto,Jackeline
Fonte: Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda. Publicador: Pró-Fono Produtos Especializados para Fonoaudiologia Ltda.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.13%
TEMA: o envelhecimento populacional é um processo natural, manifesta-se por um declínio das funções de diversos órgãos. A reabilitação vestibular (RV) é um processo terapêutico que visa promover a redução significativa dos sintomas labirínticos. OBJETIVO: verificar os benefícios dos exercícios de RV por meio da avaliação pré e pós-aplicação do questionário Dizziness Handicap Inventory (DHI) - adaptação brasileira. MÉTODO: participaram deste estudo oito idosos com queixa de tontura, na faixa etária de 63 a 82 anos, três do sexo masculino e cinco do sexo feminino. Realizaram-se os seguintes procedimentos: anamnese, inspeção otológica, avaliação vestibular por meio da vectoeletronistagmografia (VENG), aplicação do questionário DHI e dos exercícios de RV de Cawthorne (1944) e Cooksey (1946). RESULTADOS: com relação as queixas auditivas e vestibulares, observou-se a incidência do zumbido, da hipoacusia, da vertigem postural e do desequilíbrio; na avaliação da função vestibular, constataram-se alterações em todos os idosos; as alterações foram na sua maioria na prova calórica com predomínio da hiporreflexia uni e bilateral; constataram-se, no exame vestibular, três casos de síndrome vestibular periférica deficitária unilateral...

Reabilitação vestibular no tratamento da tontura e do zumbido

Zeigelboim,Bianca Simone; Rosa,Marine Raquel Diniz da; Klagenberg,Karlin Fabianne; Jurkiewicz,Ari Leon
Fonte: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia Publicador: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.15%
OBJETIVO: Verificar a efetividade dos exercícios de reabilitação vestibular na melhora do zumbido e da tontura por meio de avaliação pré e pós-aplicação do questionário Dizziness Handicap Inventory (DHI) e Tinnitus Handicap Inventory (THI), ambos adaptados à população brasileira. MÉTODOS: Avaliaram-se seis pacientes (dois do sexo masculino e quatro do sexo feminino), na faixa etária de 43 a 70 anos. Os pacientes foram submetidos aos seguintes procedimentos: anamnese, inspeção otológica, avaliação vestibular por meio da vectoeletronistagmografia e aplicação dos questionários pré e pós-reabilitação vestibular, utilizando-se o protocolo de Cawthorne e Cooksey. RESULTADOS: a) com relação às queixas mais referidas, observou-se desequilíbrio à marcha (83,3%), dor de cabeça (66,6%) e depressão (66,6%); b) no exame vestibular todos os pacientes apresentaram alteração na prova calórica, sendo a maior freqüência das síndromes vestibulares periféricas irritativas (83,3%); c) constataram-se no exame vestibular dois casos de síndrome vestibular periférica irritativa, dois casos de síndrome vestibular periférica irritativa unilateral; um caso de síndrome vestibular periférica irritativa bilateral e um caso de síndrome vestibular periférica deficitária unilateral; d) na aplicação do DHI...

Interação entre as áreas funcionais do sistema visual e do sistema vestibular: estudo com RMF e EGV

Justina, Hellen Mathei Della
Fonte: Curitiba Publicador: Curitiba
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
37.28%
The static body equilibrium is controlled by three sensory systems: the vestibular system, responsible for informing the position and the movements of the head; the visual system, which informs the spatial objects position relative to the body; and the proprioceptive system, which controls posture and body movements. These three systems must always work in harmony, otherwise the individual will present balance problems. Thus, it is important to characterize the cortical regions, as well as their interactions, involved in this process. For this it is necessary to use functional neuroimaging techniques, the functional magnetic resonance imaging (fMRI) is one of the most used techniques in this field nowadays. However, a large fMRI experiments require the use of electronic devices for producing somatosensory stimulation in the human body, where the main difficulty is its hostile environment for electronic circuits. The galvanic vestibular stimulation is one of the most used methods to stimulate the vestibular system. This stimulation consist of applying a low current amplitude directly on vestibular afferents, which acts firing the primary vestibular neurons, affecting the otolithic afferents and the semicircular canals fibers. The objective of this work is to evaluate and analyze the brain areas involved with visual and galvanic vestibular stimulations and their interactions using fMRI. Therefore...

O complexo nuclear vestibular do sagui (callithrix jacchus): caracterização citoarquitetônica e neuroquímica

Brandão, Adriana Jussara de Oliveira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia; Movimento e Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia; Movimento e Saúde
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.2%
To the vertebrates, maintain body balance against the gravitational field and be able to orient themselves in the environment are fundamental aspects for survival, in which the participation of vestibular system is essential. As part of this system, the vestibular nuclear complex is the first central station that, by integrating many information (visual, proprioceptive), and the vestibular, assumes the lead role in maintaining balance. In this study, the vestibular nuclear complex was evaluated in relation to its cytoarchitecture and neurochemical content of cells and axon terminals, through the techniques of Nissl staining and immunohistochemistry for neuronal specific nuclear protein (NeuN), glutamate (Glu), substance P (SP), choline acetyltransferase (ChAT) (enzyme that synthesizes acetylcholine-Ach) and glutamic acid decarboxylase (GAD) (enzyme that synthesizes gamma-amino butyric acid-GABA). The common marmoset (Callithrix jacchus) was used as experimental animal, which is a small primate native from the Atlantic Forest in the Brazilian Northeast. As results, the Nissl technique, complemented by immunohistochemistry for NeuN allowed to delineate the vestibular nucleus superior, lateral, medial and inferior (or descending) in the brain of the common marmoset. Neurons and terminals immunoreactive to Glu and ChAT and only immunoreactive terminals to SP and GAD were seen in all nuclei...

A paráfrase no vestibular: uma prática de (re)formulação do dizer

Santos, Hélder Sousa
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.21%
Sob a perspectiva teórica da Linguística da Enunciação, analisamos a questão da subjetividade implicada à prática de paráfrase em contexto de vestibular. Especificamente, analisamos oito redações produzidas por vestibulandos. Nessas redações, o candidato deveria parafrasear enunciados do texto motivador (TM) que compõe a prova de redação de vestibular. Cumpre ressaltar que tais paráfrases “obedecem” a injunções que o manual do candidato procura explicitar ao vestibulando. Dissemos “obedecem” entre aspas, visto que nossa análise mostra que há efeitos de sentidos, (re)velando sentidos-outros, os quais são oriundos da tentativa do vestibulando de produzir um “mesmo sentido” para, dessa forma, cumprir a tarefa de produzir um texto em que haja paráfrase de formas linguísticas que compõem o TM. Esses sentidosoutros produzem uma tensão entre os sentidos aceitos pelos corretores, em sua leitura do TM, e os sentidos expurgados, não aceitos. Nessa tensão, a subjetividade implicada à prática de paráfrase se faz visível, o que torna relevante considerar a paráfrase um fato enunciativo, relativo à semântica do dizer, em detrimento da abordagem formal que o vestibular imputa à paráfrase. Para estudar a paráfrase sob uma perspectiva enunciativa...

Estudo da contextualização em provas de química: um olhar sobre o vestibular da universidade federal de Uberlândia e o exame nacional do ensino médio

Hipólito, Aline Fernandes
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.15%
Este trabalho apresenta uma análise qualitativa e quantitativa de cunho documental, das questões de química do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e do vestibular da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), no período de 2.001 a 2.010. Após mapeamento das provas e montagem de um banco de dados, analisamos o material enfocando quais as abordagens contextuais que incidiam nas questões de química, bem como os possíveis tangenciamentos interdisciplinares e transversais. Utilizamos vários autores para fundamentação de nossas discussões, que buscam investigar: Como as abordagens contextuais estão dispostas nas questões de química do vestibular da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e no Exame Nacional do Ensino Média (Enem)? Qual foco, temática e interesse revelam essas abordagens e como elas se relacionam com o conteúdo químico presente nesses processos? Para tal, dividimos a análise em algumas partes, em que observamos, inicialmente, a relação entre fenômeno, teorias e representações químicas, buscando entender como emerge o conhecimento químico a partir da estrutura do conhecimento científico, correlacionando, assim, os níveis da química e as relações que envolvem os eixos constitutivos fundamentais: as transformações químicas...

Evidence for a reference frame transformation of vestibular contributions to voluntary reaching movements

Moreau-Debord, Ian
Fonte: Université de Montréal Publicador: Université de Montréal
Tipo: Thèse ou Mémoire numérique / Electronic Thesis or Dissertation
EN
Relevância na Pesquisa
37.13%
Les estimations des mouvements de soi provenant des signaux vestibulaires contribuent à la planification et l’exécution des mouvements volontaires du bras lorsque le corps se déplace. Cependant, comme les senseurs vestibulaires sont fixés à la tête alors que le bras est fixé au corps, les signaux vestibulaires doivent être transformés d’un système de référence centré sur la tête à un système centré sur le corps pour pouvoir contribuer de façon appropriée au contrôle moteur du bras. Le but premier de ce travail était d’étudier l’évidence d’une telle transformation. La stimulation galvanique vestibulaire (SGV) a été utilisée pour activer les afférences vestibulaires et simuler une rotation autour d’un axe naso-occipital fixe pendant que des sujets humains faisaient des mouvements du bras dans le plan horizontal, avec la tête dans différentes orientations. Une transformation des signaux vestibulaires implique que la SVG devrait simuler une rotation autour d’un axe horizontal lorsque la tête est droite et autour d’un axe vertical lorsque la tête est en flexion antérieure. La SGV devrait ainsi perturber les mouvements du bras en fonction de l’orientation de la tête. Nos résultats démontrent que les signaux vestibulaires contribuant aux mouvements d’atteinte sont effectivement transformés en un système de référence centrée sur le corps. Le deuxième but de ce travail était d’explorer les mécanismes utilisant ces signaux vestibulaires transformés. En comparant les effets de la SGV appliquée avant ou pendant les mouvements d’atteinte nous avons montré que les signaux vestibulaires transformés contribuent à des mécanismes de compensation distincts durant la planification des mouvements d’atteinte comparativement à l’exécution.; Vestibular signals provide self-motion estimates that contribute to the planning and execution of voluntary reaching movements during body motion. However...

Anatomische und mikrochirurgische Aspekte der Eröffnung des inneren Gehörgangs zur Behandlung von Vestibularisschwannomen über den retrosigmoidalen Zugang unter besonderer Berücksichtigung des endolymphatischen Systems – eine prospektive Studie; Anatomical and microsurgical aspects of the opening of the internal auditory canal for treatment of vestibular schwannomas via the retrosigmoid approach in due consideration of the endolymphatic system- a prospective study

Kleiter, Maximilian Xaver
Fonte: Universidade de Tubinga Publicador: Universidade de Tubinga
Tipo: Dissertação
DE_DE
Relevância na Pesquisa
37.17%
Heutzutage können Vestibularisschwannome über den retrosigmoidalen Zugang mit geringen Morbiditäts- und Mortalitätsraten entfernt werden. Dabei ist ein zentraler Schritt die Eröffnung des inneren Gehörgangs. Dies erfordert unter anderem die detaillierte Kenntnis der Strukturen des Felsenbeins, deren topographische Lage im Verhältnis zur Öffnung des inneren Gehörgangs durch den Tumor möglicherweise verändert wird. Eine besondere Bedeutung kommt dabei den endolymphatischen Innenohrstrukturen Ductus und Saccus endolymphaticus als Homöostaseorgane zu. Eine Verletzung dieser Strukturen kann ursächlich für einen Hörverlust sein. Ziele dieser Studie waren die Beschreibung der anatomischen Verhältnisse und die Vermessung der Topographie relevanter Strukturen, um den inneren Gehörgang in der gesunden Situation sowie beim Vorliegen eines Vestibularisschwannoms zu erfassen. Dazu wurden mittels hochauflösender Computertomographie die anatomischen Gegebenheiten und das operative Vorgehen am Felsenbein von Personen mit einem einseitigen Vestibularisschwannom erfasst. Ein weiteres Ziel war die Erhebung der Inzidenz chirurgisch verursachter Integritätsverletzungen des endolymphatischen Systems, sowie die Untersuchung klinischer Parameter der Patienten. Dadurch sollten Zusammenhänge zwischen Tumor bedingten Veränderungen der Anatomie...

THE VESTIBULAR SYSTEM: ITS ROLE IN POSTURAL CONTROL AND ITS FUNCTIONAL ASSESSMENT USING SPATIAL ORIENTATION

Zhang, FANG
Fonte: Quens University Publicador: Quens University
Tipo: Tese de Doutorado
EN; EN
Relevância na Pesquisa
37.16%
The vestibular system plays a role in postural control and spatial orientation. Ageing adversely affects vestibular function, postural control and the ability to maintain accurate spatial orientation. Study I investigated the interaction of vestibular input with lower limb somatosensory and visual inputs for head and trunk control during normal walking (NW) and narrow-based walking (NBW) and the effect of age on these interactions. The association of clinically measured functions of the vestibular system, lower limb somatosensation and vision with head/trunk control in the frontal plane during NW and NBW, and the impact of age were also examined. Study II evaluated the inter-trial reliability of three tools which can be used to screen for vestibular dysfunction via assessing spatial orientation, in young and older participants, and their sensitivity of these tools to age-related difference in vestibular function. In Study I, 15 young [25.40(3.56) years, 7 females and 8 males] and 15 older [72.60(5.33) years, 8 females and 7 males] were asked to perform NW and NBW. Vestibular, lower limb somatosensory and visual information was manipulated using galvanic vestibular stimulation, medium density foam and blurring goggles respectively; either concurrently or individually. The variables representing head control were more affected by visual and vestibular manipulation. The variables representing trunk control were more affected by lower limb somatosensory manipulation. Further...

Vestibular Findings in Military Band Musicians

Zeigelboim,Bianca Simone; Gueber,Crislaine; Silva,Thanara Pruner da; Liberalesso,Paulo Breno Noronha; Gonçalves,Claudia Giglio de Oliveira; Faryniuk,João Henrique; Marques,Jair Mendes; Jurkiewicz,Ari Leon
Fonte: Fundação Otorrinolaringologia Publicador: Fundação Otorrinolaringologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2014 EN
Relevância na Pesquisa
37.15%
Introduction Exposure to music is the subject of many studies because it is related to an individual's professional and social activities. Objectives Evaluate the vestibular behavior in military band musicians. Methods A retrospective cross-sectional study was performed. Nineteen musicians with ages ranging from 21 to 46 years were evaluated (average = 33.7 years and standard deviation = 7.2 years). They underwent anamnesis and vestibular and otolaryngologic evaluation through vectoelectronystagmography. Results The most evident otoneurologic symptoms in the anamnesis were tinnitus (84.2%), hearing difficulties (47.3%), dizziness (36.8%), headache (26.3%), intolerance to intense sounds (21.0%), and earache (15.7%). Seven musicians (37.0%) showed vestibular abnormality, which occurred in the caloric test. The abnormality was more prevalent in the peripheral vestibular system, and there was a predominance of irritative peripheral vestibular disorders. Conclusion The alteration in vestibular exam occurred in the caloric test (37.0%). There were changes in the prevalence of peripheral vestibular system with a predominance of irritative vestibular dysfunction. Dizziness was the most significant symptom for the vestibular test in correlation with neurotologic symptoms. The present study made it possible to verify the importance of the labyrinthine test...