Página 1 dos resultados de 15 itens digitais encontrados em 0.054 segundos

Saberes e práticas alimentares em uma comunidade quilombola no Ceará; Eating knowledge and practices of a quilombola community in Ceará

Sá, Maria Lucia Barreto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/11/2010 PT
Relevância na Pesquisa
25.86%
Introdução - As comunidades negras rurais vivem desigualdades sociais de saúde e enfrentam problemas de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN). Este estudo coloca em perspectiva a alimentação das famílias de uma área quilombola em Aquiraz: CE explorando a dimensão alimentar do conceito de SAN sob os aspectos das práticas de consumo, produção, acesso e disponibilidade alimentares. Objetivos - Caracterizar saberes e práticas alimentares relacionados à segurança alimentar nutricional, identificar a alimentação e sua disponibilidade dentro de sistemas produtivos; descrever o perfil antropométrico dos indivíduos e verificar os determinantes socioambientais que constroem essa alimentação; descrever o comércio local; identificar os alimentos disponíveis, as formas de abastecimento e as relações existentes entre comerciantes e quilombolas. Metodologia - Estudo descritivo quanti-qualitativo realizado em distintas etapas, utilizando multimétodos e as técnicas: grupo focal, observação, fotografias, entrevistas e antropometria. Os alimentos de consumo foram identificados através de um questionário alimentar. Resultados - O padrão alimentar das famílias revelou uma boa variedade de alimentos e mostrou singularidades quanto à forma e obtenção de alimentos...

Nutrir-se ou comer: diálogos e dilemas no cotidiano de clientes e de nutricionistas em restaurantes de refeição por peso; Nourish or eat: dialogues and dilemmas in the everyday of customers and nutritionists in meal by weight restaurant

Santelle, Odete
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/03/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.01%
A alimentação é uma necessidade biológica e um fenômeno social. Estudos recentes registram aumento no desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis relacionadas à alimentação. No Brasil, pesquisas tem identificado que a alimentação fora do domicílio tem contribuído para o aumento do sobrepeso e da obesidade O restaurante de refeição por peso tornou-se um ambiente rotineiro de refeições para muitos trabalhadores e apresenta-se como um espaço promissor para ações de promoção da saúde. OBJETIVO: Identificar representações sociais sobre fatores que influenciam as escolhas alimentares de clientes de restaurantes de refeição por peso e apreender a percepção de nutricionistas sobre possibilidades de desenvolvimento de ações de educação nutricional nesses locais. MÉTODO: Estudo transversal, qualitativo, tendo como referencial teórico as representações sociais na ótica da psicologia social de Moscovici. A pesquisa foi desenvolvida em duas etapas: a primeira ocorreu em dois restaurantes comerciais no município de São Paulo com a participação de 60 sujeitos, adultos de ambos os gêneros, e na segunda foram entrevistadas duas nutricionistas que atuam na área de alimentação coletiva. Os dados foram coletados após a aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo e assinatura de Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Utilizou-se entrevista gravada...

Feira de São Cristovão : - a reconstrução do nordestino num mundo de paraibas e nortistas

Pandolfo, Maria Lucia Martins
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
35.85%
A presente dissertação estuda uma feira nordestina, a Feira de são Cristóvao, situada na zona norte do Rio de Janeiro e que se realiza há mais de trinta anos. Mostra o surgimento desta Feira como vinculado ao fenômeno das migrações nordestinas para as grandes cidades do Centro-Sul nos primeiros anos da década de 50. Reconstitui a história da Feira onde se evidencia a existência de formas associativas. Estas, disputaram entre si, através de mecanismos autoritários, o domínio e a exploração da Feira até a sua legalização em 1982. Focaliza a maneira como o nordestino migrante se apropriou do espaço da Feira, registrando as principais características desse espaço. Discute o significado de paraiba e nortista. Paraiba, denominação de cunho depreciativo, é dada ao migrante originário do Nordeste pelos demais habitantes da cidade; nortista, é a autodenominação que o nordestino se atribui para sua identificação. Analisa, como uma das manifestações específicas da Feira, a produção e venda da comida regional. Esta é produzida através de práticas e técnicas sedimentadas na educação do senso comum caracterizando um tipo de saber que é próprio das classes populares. Finalmente, trata de conhecer e interpretar a Feira de São Cristóvão como um espaço de expressão da cultura popular que contribui no processo de reconstrução da identidade do nordestino na cidade que o batizou de paraíba.

Factors influencing consumer decision in crowdfunding

Rodrigues, Ricardo Felipe Ferreira
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
EN_US
Relevância na Pesquisa
15.86%
Crowdfunding é um método recente e emergente de captar dinheiro para desenvolvimento de projetos (tanto orientados a lucro ou não) sem a intermediação tradicional de instituições financeiras, liberando empreendedores de custos, regulações e burocracia associada a essa prática. Além disso, também é um método de pré-testar novos produtos com um público selecionado e entusiasmado. O objetivo dessa dissertação é entender que fatores estão influenciando a decisão do consumidor de investir em projetos. A literatura contribui com: (1) fatores intrínsecos, como desejo de patronagem; (2) fatores extrínsecos, como a apresentação do projeto; e (3) pressão social. Há ainda fatores associados com o nível atual de captação e número de investidores, assim como tipo de projeto envolvido, sendo ele de caridade ou não. Além disso, atitudes também possuem um papel em afetar a decisão de compra. Para responder a pergunta de pesquisa, uma metodologia de duas fases foi usada: uma entrevista de profundidade para capturar intenção de investir e motivação, de forma a construir um processo de decisão que englobasse todas as possibilidades descritas pela literatura. Após essa pesquisa qualitativa, uma pesquisa quantitativa foi feita para validar as informações coletadas pela fase anterior e coletar dados adicionais para gerar uma associação entre intenção de investir e comportamento. Dentre as informações geradas pela fase qualitativa...

Turismo rural, modos de vida em mudança e percepções do rural : um estudo a partir das práticas alimentares de famílias rurais em contexto de interação com turistas

Beber, Ana Maria Costa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
26.14%
A partir da observação das práticas alimentares, entendidas enquanto constituintes de patrimônio familiar e como produto de consumo no turismo rural, esta tese analisa mudanças socioculturais em contexto de interação entre visitantes e visitados. Essas mudanças são entendidas a partir da noção de hibridismo cultural, que se realiza quando costumes herdados da população receptora tornam-se também produto de consumo para o turista, ou seja, quando ocorre a interação entre visitantes e visitados, situação de culturas em contato. Ainda, o espaço rural é aqui entendido como um rural plural, na perspectiva da multifuncionalidade. É nesse quadro que se coloca como objetivo apreender, a partir da observação das práticas alimentares, as percepções do rural e as mudanças nos modos de vida de famílias rurais em contexto de interação com turistas. Os dados empíricos foram obtidos por meio de pesquisa etnográfica, utilizando observação participante e entrevistas semiestruturadas. O olhar concentrou-se na família proprietária da Pousada Fazenda do Amor e em duas famílias vizinhas, que mantêm com a primeira, além de elo de parentesco, relações de compra, venda e troca de alimentos servidos na pousada. A análise dos dados permitiu a discussão sobre as mudanças nos modos de vida a partir da inter-relação entre familiares da Pousada Fazenda do Amor e turistas. Assim...

Alimentar ou ser alimentado?: a expansão da agroindústria canavieira e a soberania alimentar em Flórida Paulista/SP

Valério, Valmir José de Oliveira
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
35.86%
Devido às características de uso e ocupação do território nas últimas duas décadas, marcadas pela substituição da heterogeneidade da paisagem camponesa pela monotonia dos mares verdes do agronegócio, o município de Flórida Paulista contempla elementos representativos para analisarmos algumas das resultantes entre a expansão da cana-de-açúcar e a produção de alimentos voltados ao abastecimento dos locais próximos. Com isso buscamos entender, com base no recorte eleito para estudo, o percurso do alimento no espaço, desde as pequenas propriedades camponesas que ainda resistem à imposição do formato único, até os diversos pontos de venda/aquisição de alimentos disponíveis na área urbana, além do CEASA de Presidente Prudente/SP, responsável pela distribuição da maior parte dos produtos alimentícios encontrados nas bancas do município. A expansão das áreas monocultoras encontra-se sintonizada aos imperativos da lógica do abastecimento alimentar referenciado no movimento do alimento no espaço, no qual áreas antes policultoras, produtoras de alimentos, são sobrepostas pela geometria monocultural dos canaviais, o que diminui as possibilidades de abastecimento local e reforça o discurso de que os alimentos devam ser garantidos a partir de sujeitos estranhos ao lugar. Alimentar ou ser alimentado...

Bases para o planeamento de estratégias de educação sanitária alimentar em Moçambique (confecção, venda e consumo de alimentos no espaço público)

Alves, Teresa Maria da Barca
Fonte: Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz Publicador: Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
86.34%
Dissertação para obtenção do grau de Mestre em Segurança Alimentar e Saúde Pública; Garantir a segurança dos alimentos é essencial para proteger a saúde humana e melhorar a qualidade de vida de todos os povos ou de todas as sociedades. Nas sociedades com menores índices de desenvolvimento, a venda de “alimentos de rua tem-se configurado como uma actividade com importância socioeconómica, sanitária e nutricional. Principalmente nos países em desenvolvimento, este comércio constitui relevante fonte de renda, sendo favorecido pelos elevados índices de desemprego, escassez de postos de trabalhoformais, baixo poder aquisitivo da população, acesso limitado à educação e ao mercado de trabalho formal, além das migrações campo-cidade.O hábito de ingerir refeições fora de casa é uma tendência que cresce a cada dia, seja pela necessidade de comer no posto de trabalho ou num local próximo, seja pela falta de tempo associado aos preços baixos que são aplicados na oferta deste tipo de refeições. Este comportamento vem provocando o aumento do número de estabelecimentos de alimentação colectiva (barracas) em mercados ambulantes e outras formas de venda e distribuição nos grandes centros urbanos, sendo uma actividade económica que emprega centenas de pessoas. Nas sociedades em vias de desenvolvimento...

Comida de rua e intervenção: estratégias e propostas para o mundo em desenvolvimento

Cardoso,Ryzia de Cassia Vieira; Santos,Sandra Maria Chaves dos; Silva,Edleuza Oliveira
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.28%
Este trabalho tem por objetivo abordar estratégias de intervenção apresentadas para o segmento de comida de rua, com base em estudos e relatos nacionais e internacionais. Segundo a literatura, verifica-se um caráter abrangente das estratégias de intervenção, contemplando ações voltadas para vendedores, consumidores, recursos humanos da administração pública e para o desenvolvimento de tecnologias apropriadas. Em relação aos vendedores, as estratégias evidenciam a necessidade de regulação da atividade, do estabelecimento de normas, diretrizes ou códigos sanitários para a atividade e do treinamento para manipuladores e vendedores. Para os consumidores, as ações compreendem principalmente o desenvolvimento de programas educativos. Na esfera da administração pública, as estratégias voltam-se para a capacitação de recursos humanos. Quanto às tecnologias apropriadas, são identificadas duas possibilidades: a construção de centros especializados para venda da comida de rua e a melhoria dos pontos de venda já existentes. Conclui-se que, diante da expansão do comércio de comida de rua e do potencial de risco sanitário inerente, a literatura aponta estratégias para organização do setor, que podem subsidiar o desenvolvimento de políticas sociais para o segmento no Brasil.

Caracterização do vendedor e do consumidor de churrasquinho de rua no município de Maceió, AL

Andrade, Janaína Freitas de
Fonte: Universidade Federal de Alagoas; BR; Nutrição; Programa de Pós-Graduação em Nutrição; UFAL Publicador: Universidade Federal de Alagoas; BR; Nutrição; Programa de Pós-Graduação em Nutrição; UFAL
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.38%
; O comércio de alimentos por vendedores ambulantes vem crescendo ano após ano em todas as cidades do Brasil, isso se deve principalmente ao desemprego que atinge a população brasileira. Alimentos comercializados por ambulantes têm custo acessível à maioria da população, por isso a procura é grande. Devido à falta de conhecimento os vendedores ambulantes não têm noções de práticas higiênico-sanitárias com os alimentos, tornando-os fontes de toxinfecções alimentares. Um exemplo de alimento de rua que vem crescendo muito no comércio informal de Maceió é o churrasquinho. Os pontos de venda de churrasquinhos vêem atraindo muitos consumidores, onde passam a ser uma opção barata de lazer para essas pessoas. A fiscalização para o controle sanitário dos alimentos vendidos nas ruas é bastante precária devido o número crescente de vendedores ambulantes. Em Maceió-AL, são poucas as informações sobre a qualidade dos alimentos comercializados na rua, por isso, esse trabalho teve como objetivo caracterizar os vendedores e consumidores de churrasquinho de rua, quanto aos hábitos, conhecimentos e percepção de risco da comida de rua e qualidade dos alimentos. Os dados foram coletados em 100 pontos de venda de churrasquinho e com 75 consumidores...

Perfil do risco sanitário de alimentos comercializados em feiras especiais de Goiânia - GO; Sanitary risk profile of foods sold at street markets in the central region of Brazil

Agostinho, Tânia Maria de souza
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Nutrição e Saúde (FANUT); Faculdade de Nutrição - FANUT (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Nutrição e Saúde (FANUT); Faculdade de Nutrição - FANUT (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
75.86%
The itinerant sale of food ensures the access to food for the low income urban population. This informal activity, despite its contribution to food access due to the low cost and the convenience of its offer, is an alternative source of food which can pose health risks to the population. Therefore, it is positive due to its socio-economic and cultural importance and satiety of hunger but negative with regard to hygienic and sanitary issues. This study aims to establish the risk profile of ready-to-eat foods sold at street markets in the central region of Brazil. On the preparation of the risk profile, the information gathered must objectively and concisely describe the most relevant knowledge about the problem identified which can propose future actions. The study was a cross-sectional and descriptive with a quantitative approach at 22 street markets registered with the Municipal Economic Development Secretariat of Goiânia, Goiás, Brazil. The data collection occurred in two phases (phase 1 and 2) interspersed by a training course. The data collection procedure involved the application of a checklist based on health legislation at the selected street markets stalls and sample collection of eight food groups for microbiological analysis. Participated in this study 229 points of sale of ready-to-eat food products and/or foods prepared at the place of consumption...

P?e tapioca, p?e farinha d??gua?: gastronomia do a?a? e identidade socioespacial e cultural na Grande Bel?m

ANDRADE, Soraya Souza de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
35.99%
O presente trabalho teve como objetivo principal analisar as mudan?as nas formas de venda e consumo do a?a? na Regi?o Metropolitana de Bel?m (RMB), e sua rela??o com a identidade de lugar de seus consumidores. O interesse pelo tema teve origem na observa??o da ocorr?ncia da globaliza??o do a?a?, alimento base da dieta das popula??es amaz?nicas de origem ribeirinha que hoje ? largamente consumido fora da Regi?o Amaz?nica, em padr?es muito diferentes daqueles nela estabelecidos. A escolha da RMB como l?cus de pesquisa se justifica pelo fato de que nela se concentra alto consumo de a?a?, nos padr?es tradicionais e nos modernos, suscitando questionamentos sobre os efeitos dessa conviv?ncia na vida cotidiana dos que a habitam. Teoricamente, a pesquisa articula a defini??o de identidade de lugar de Abe-Lima (2012) com as elabora??es de Henri Lef?bvre (1991) sobre a vida cotidiana no mundo moderno e com teoria dos circuitos econ?micos de Milton Santos (2008). Metodologicamente, foi adotada uma estrat?gia multim?todos, envolvendo pesquisa documental, um painel de especialistas com 5 entidades de acompanhamento da produ??o de a?a?, observa??es pautadas na etnografia urbana em 9 locais de venda e entrevistas semiabertas com 40 consumidores de a?a?...

Perfil nutricional e avaliação do comportamento alimentar entre voluntários da cidade do Gama-DF com ênfase para as novas tendências na alimentação

Rocha, Laís Amorim
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
35.86%
As novas tendências da alimentação confirmam a magnitude do fenômeno de como a forma de se alimentar e de pensar no alimento mudou com o passar dos séculos, o que gerou uma nova cultura alimentar. Este estudo foi realizado com o intuito de avaliar questões relacionadas à alimentação, nutrição e qualidade de vida entre voluntários, a fim de identificar opiniões, reações, sensações, hábitos e atitudes, incluindo dificuldades encontradas para seguir um plano alimentar e a percepção da população quanto à associação do acompanhamento clínico e nutricional ao fornecimento de porções alimentares adequadas à dieta proposta por meio de porções alimentares congeladas light. O instrumento utilizado foi um questionário estruturado com 16 itens, aplicado na praça de alimentação de dois shoppings da cidade do Gama/DF. A amostra foi composta por 126 voluntários, com maior frequência de adultos jovens, idade entre 18 e 39 anos (72%), e mulheres (69%). A maioria, entre homens e mulheres (74% e 54%, respectivamente), relataram nunca terem feito qualquer tipo de acompanhamento nutricional. Entre aqueles que o fizeram, 65% das mulheres e 60% dos homens tiveram dificuldade em seguir a dieta proposta pelo nutricionista...

Transformations of the alimentary intolerances in São Paulo, 1850-1920; TRANSFORMAÇÕES DAS INTOLERÂNCIAS ALIMENTARES EM SÃO PAULO, 1850-1920

de Sant’Anna, Denise Bernuzzi
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 10/03/2006 POR
Relevância na Pesquisa
35.84%
The article analyses some food habits transformations in São Paulo, between 1850 and 1920: old cleanness conceptions concerning to spaces and produces directly connected to food, the developpement of the industrial food taste, determined meals intolerance at some meals and dainties and their relationships with the social importance of producers and tradesmen. According to a study analysing different documents, it intends to know the food habits history and also to consider the place of the natural time and space perceptions that took up buying and saling food.; Este artigo analisa algumas transformações dos hábitos alimentares em São Paulo, entre 1850 e 1920: antigas concepções quanto à limpeza dos espaços e quanto aos produtos relacionados diretamente à alimentação, o desenvolvimento do gosto pela comida industrializada, as intolerâncias a determinados pratos e quitutes e suas relações com a importância social dos seus produtores e comerciantes. Com base no estudo de diferentes tipos de documentos, pretende-se apresentar a historicidade dos hábitos alimentares, considerando também as influências das referências naturais de tempo e espaço na compra e venda de alimentos.

Comida de rua e intervenção: estratégias e propostas para o mundo em desenvolvimento

Cardoso,Ryzia de Cassia Vieira; Santos,Sandra Maria Chaves dos; Silva,Edleuza Oliveira
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.28%
Este trabalho tem por objetivo abordar estratégias de intervenção apresentadas para o segmento de comida de rua, com base em estudos e relatos nacionais e internacionais. Segundo a literatura, verifica-se um caráter abrangente das estratégias de intervenção, contemplando ações voltadas para vendedores, consumidores, recursos humanos da administração pública e para o desenvolvimento de tecnologias apropriadas. Em relação aos vendedores, as estratégias evidenciam a necessidade de regulação da atividade, do estabelecimento de normas, diretrizes ou códigos sanitários para a atividade e do treinamento para manipuladores e vendedores. Para os consumidores, as ações compreendem principalmente o desenvolvimento de programas educativos. Na esfera da administração pública, as estratégias voltam-se para a capacitação de recursos humanos. Quanto às tecnologias apropriadas, são identificadas duas possibilidades: a construção de centros especializados para venda da comida de rua e a melhoria dos pontos de venda já existentes. Conclui-se que, diante da expansão do comércio de comida de rua e do potencial de risco sanitário inerente, a literatura aponta estratégias para organização do setor, que podem subsidiar o desenvolvimento de políticas sociais para o segmento no Brasil.

O comércio de comida de rua no centro histórico de Salvador – BA: caracterização da oferta de alimentos e aspectos higiênico-sanitários

Rodrigues, Bianca Ferreira; Góes, José Ângelo Wenceslau; Cardoso, Ryzia de Cássia Vieira; Souza, Walter Moraes; Ferreira, Tereza Cristina Braga
Fonte: Segurança Alimentar e Nutricional Publicador: Segurança Alimentar e Nutricional
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Descritiva. Formato: application/pdf
Publicado em 23/02/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.23%
Este trabalho teve como objetivo caracterizar a oferta de alimentos e as condições higiênico-sanitárias dos pontos de venda do comércio de comida de rua, no Distrito Sanitário do Centro Histórico de Salvador (BA). Trata-se de um estudo transversal e descritivo com aplicação de formulário semi-estruturado junto a 226 vendedores desse segmento. A maioria da população era do sexo masculino (55,2%) e com ensino fundamental completo/incompleto (55%). Os alimentos mais comercializados no segmento foram as bebidas (42%). A maioria dos pontos de venda foi classificada como Regular (64,2%), quanto à higiene geral; em 30,8% deles observou-se a presença de animais e/ou pragas; 64,1% dos vendedores manipulavam o alimento diretamente com as mãos. Apenas a minoria dos vendedores estava de acordo com os requisitos de higiene que são preconizados, como ausência de adornos (49,8%), unhas limpas (44,6%), uso de luvas (7,6%), vestuário limpo (32,2%) e proteção do cabelo (29,4%). De modo geral, foi observado que as condições sanitárias desse segmento eram inadequadas e não atendiam às recomendações dos órgãos legisladores. Sendo assim, se faz necessária uma intervenção por parte das autoridades governamentais, a fim de trazer melhorias ao segmento.