Página 1 dos resultados de 942 itens digitais encontrados em 0.057 segundos

A influência da tradição na tradução e interpretação de Isaías 52.13-53.12; The influence of tradition in the translation and interpretation of Isaiah 52.13-53.12

Ribeiro Neto, Jose
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 07/05/2014 PT
Relevância na Pesquisa
86.17%
Esta pesquisa procura analisar a influência da tradição na tradução e interpretação da perícope de Isaías 52.13-53.12. Inicialmente esta pesquisa discute a teoria de Eugene A. Nida, que tem sido a principal teoria nas discussões de tradução da Bíblia. Juntamente com a análise da teoria de Nida analisou-se também as principais discussões sobre tradução de outras vertentes acadêmicas e o uso das mesmas pelas principais tradições religiosas: judaicas, católicas e protestantes. Por meio de estudo de casos específicos de tradução dessas diversas correntes religiosas analisou-se as influências teológicas na tradução de textos tais como Isaías 14.12 na tradição protestante, Isaías 9.5-6 na tradição judaica. A pesquisa abordou o uso da paráfrase como meio utilizado pelas tradições religiosas para defender suas doutrinas em textos sensíveis da Bíblia Hebraica, bem como o poder da tradição interpretativa como interferência na produção de traduções alinhadas às posições teológicas das respectivas tradições. A pesquisa procura delinear de forma breve, a história dos princípios de interpretação da tradição cristã e do judaísmo rabínico. As principais versões produzidas por essas tradições interpretativas: LXX...

Tradução e adaptação de The Fall of the House of Usher: um estudo comparativo

Barros, Thaiza do Amaral
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
76.07%
The aim of this work is to analyze the short-story The Fall of the House of Usher by Edgar Allan Poe, and two of its versions into Portuguese: A Queda da Casa de Uhser, a translation by Brenno Silveira, published in 1959 by Abril, and the adaptation by Clarice Lispector, with the same title, published in 1975 by Ediouro. The original short-story was first published in 1840, in Tales of the Grotesque and Arabesque, translated into Portuguese as Histórias Extraordinárias. In this work, we will identify the differences between a translation and an adaptation, as well as the construction of the grotesque universe in those different texts. By means of a comparative analysis from the selected corpus, we will deploy the ways each one constructs the effect wanted by Poe, highlighting the main semantic and structural differences present in the translation and the adaptation of the short-story in relation with the original. Lastly, we will try to show the losses and gains of an adaptation; O objetivo desse trabalho é analisar o conto The Fall of the House of Usher, de Edgar Allan Poe, e duas de suas versões para o português: A Queda da Casa de Usher, uma tradução de Brenno Silveira, publicada em 1959 pela editora Abril, e a adaptação de Clarice Lispector...

Entre brumas e chuvas : tradução e influencia literaria

Ricardo Meirelles
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2003 PT
Relevância na Pesquisa
76.07%
Este trabalho consiste na reunião das diversas traduções de poemas do livro Les Fleurs du mal, de 1857, do poeta francês Charles Baudelaire, publicadas no Brasil até o lançamento da primeira edição completa do mesmo livro, em 1958. Procurei ainda refletir sobre a relevância de tais traduções dentro da história da literatura brasileira e sobre qual é o posicionamento por elas manifestado em relação à obra francesa. Tendo em vista que a tradução é elemento significativo de crítica literária e determinante cultural, procurei analisá-las e compará-las, levando em conta aspectos lingüísticos, históricos e culturais que poderiam vir a ser depreendidos de cada texto. Com isso pude apontar as seguintes conclusões: não há tradução perfeita, absolutamente correta, eterna e unanimemente aceitável; a fidelidade ao texto diz respeito a uma interpretação do texto de partida, que será sempre produto da língua, da cultura e da subjetividade do tradutor; a tradução é sempre uma recriação.; Not informed.

Tradutores e tradutoras com e sem formação academica em tradução e suas relações com a teoria e a pratica da tradução poetica

Potyra Curione Menezes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/03/2004 PT
Relevância na Pesquisa
76.04%
Esta dissertação tem por objeto discutir a dicotomia entre teoria e prática de tradução, especialmente no que se refere à tradução poética, já que via de regra esta é considerada por muitos teóricos da tradução e por tradutores / tradutoras como o extremo da (in)traduzibilidade e, portanto, da problemática que envolve o ato tradutório no que se refere à relação entre teoria e prática. Partindo do pressuposto de que as concepções tradicionais que versam sobre a tradução são calcadas na dicotomia teoria e prática de tradução, e que este fato transparece na formação acadêmica de tradutores / tradutoras, pretendemos neste trabalho, mediante a comparação das diferenças e semelhanças entre os mesmos com e sem formação acadêmica em tradução, mostrar que tanto tradutores / tradutoras que têm formação quanto os que não têm apresentam, ainda que implicitamente, rastros de teorias de tradução em seu ato tradutório, revelando a relação intrínseca que se estabelece entre o traduzir e a teoria de tradução. Para tanto, nos pautaremos na visão de linguagem e de tradução presentes no pós-estruturalismo, que traz a concepção de multiplicidade dos significados, de participação dos indivíduos na construção destes...

Performances de tradução para a Língua Brasileira de Sinais observadas no curso de Letras-Libras

Souza, Saulo Xavier de
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 174 p.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
76.2%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2010; O curso de licenciatura em Letras-Libras da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) surge em 2006, como alternativa de inclusão social de surdos, por meio da oferta de uma formação acadêmica na área de ensino de línguas e como resposta prática à visibilidade que a Libras vem conquistando no espaço educacional brasileiro de nível superior. Nesta pesquisa, descreve-se como acontece a atividade tradutória de um texto escrito em português, na modalidade gráfico-visual, para um texto oral em Libras, na modalidade espaço-visual, mediante a identificação e análise de performances desenvolvidas por uma surda tradutora-atriz integrante da equipe de tradução do curso de Letras-Libras. Realizamos reflexões sobre conceitos adotados de tradução e de interpretação e esboçamos um mapeamento da presença da língua de sinais nos Estudos da Tradução para estabelecer a localização teórica. Assim, neste estudo de caso observacional, descritivo e exploratório com estrutura de análise interdisciplinar, o objeto de pesquisa fora delimitado ao conteúdo formado pelo hipertexto em português e pelas re-textualizações em Libras da seção de apresentação da unidade 02 da disciplina de Aquisição da Linguagem...

Tradução/interpretação de língua de sinais no Brasil

Santos, Silvana Aguiar dos
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 313 p.| il., grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
76.14%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2013.; Existe uma escassez de trabalhos que abordam o estado da arte da pesquisa sobre Tradução e Interpretação de Língua de Sinais (TILS) no Brasil. O referencial teórico desta pesquisa pautou-se em Metzger (2010), Napier (2010), Grbic (2007), Pereira (2010), Souza (2010) e Vasconcellos (2010), que realizaram levantamentos sobre o estado da arte da pesquisa sobre TILS. A presente tese analisa as categorias que emergem das teses e dissertações sobre TILS no período de 1990 a 2010. Como metodologia de análise, consideramos os estudos já realizados por Pereira (2010) e, especialmente, por Metzger (2010), que realizou uma investigação semelhante no contexto estadunidense com base nas categorias apresentadas por Pöchhacker (2004): assuntos, metodologias e paradigmas. Aplicamos e analisamos essas categorias no contexto brasileiro e constatamos a emergência de novos aspectos a serem problematizados no percurso das pesquisas sobre TILS. Além disso, realizamos a extração de palavras (de conteúdo) frequentes dessas teses e dissertações sobre TILS por meio da ferramenta WordList do software WordSmith Tools. O resultado das análises confirmou que os pontos nevrálgicos na pesquisa sobre TILS são: caracterização do papel do intérprete de língua de sinais em sala de aula; conflito de identidades entre "professor/intérprete" e "intérprete"; trajetórias de formação; condições de trabalho; processos de tradução aplicados em contextos literários e técnicos...

Português brasileiro e libras

Domingos, Franz Kafka Porto
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 159 p.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
76.2%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2013.; Este estudo apresenta uma investigação acerca dos elos coesivos na tradução para o Português Brasileiro do primeiro artigo acadêmico redigido em Língua Brasileira de Sinais. De autoria de Marianne Rossi Stumpf e Ronice Muller de Quadros, o trabalho é intitulado "Tradução e Interpretação da Língua Brasileira de Sinais: Formação e Pesquisa", publicado no periódico Cadernos de Tradução nº 26 - 2010/2. O arcabouço teórico informado na pesquisa é constituído pelo modelo de elos coesivos, proposto por Baker (2011), com base na Gramática Sistêmico-Funcional. Este trabalho concentra-se nos mecanismos de coesão, exemplificados pelos elos de ligação , e . O objetivo da pesquisa é duplo: apresentar a tradução do referido artigo e as reflexões retrospectivas sobre o fazer tradutório. A metodologia de trabalho inclui: (i) Tabela de Tradução de Glosa; (ii) Procedimentos adotados para a condução da Entrevista; (iii) Categorias adotadas: análise dos Elos Coesivos. Esta dissertação sobre Escrita de Sinais busca contribuir para a consolidação da pesquisa em Língua Brasileira de Sinais...

O surdo e a contação de histórias

Felício, Márcia Dilma
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 137 p.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
76.17%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2013.; Os contos em língua de sinais são performances visuais que constituem uma rede complexa de informações linguísticas e semióticas, gestos e expressões corporais. A presente investigação aborda um estudo de caso de interpretação simultânea, uma narrativa recontada por uma poetisa surda. O objeto de análise apresentado neste trabalho é um conto tecido em LIBRAS intitulado "Sinais no metrô". A tradução e interpretação dessa produção literária visual contribui para a difusão cultural da arte que os surdos vêm desenvolvendo. Nesse sentido, o tradutor-intérprete é um mediador cultural e tem em sua tarefa múltiplos desafios, entre eles o de construir no texto de voz os aspectos visuais inerentes à língua de sinais. Fatores como a presença do público e de avaliação do que necessita ou não ser expresso verbalmente são variáveis para a composição textual. Marcações não-manuais, classificadores e gestos fazem parte da construção do texto em língua de sinais e são elementos que podem possibilitar o acesso direto do público aos significados. Na narrativa emergiram artefatos culturais...

“Tous passeurs infatigables" : tradução e exigência fragmentária em Maurice Blanchot, tradutor de Paul Celan

Casal, Amanda Mendes
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
76.04%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, 2013.; Este trabalho pretende acompanhar a trajetória de Maurice Blanchot, apresentando um aspecto ainda pouco abordado pela crítica: sua atividade inconfessa de tradutor, que desenvolveu em toda sua obra em virtude de sua proximidade com escritores de língua alemã. Desse aspecto, destacaremos a publicação de Le Dernier à parler [O último a falar], no qual se apresenta a tradução da poesia de Paul Celan, e o lugar ocupado por este ensaio-livreto na obra de Blanchot. Não de modo fortuito, ele vem a público no momento anterior a Le Pas au-delà (1973) e L‟Écriture du desastre (1980), sucedendo L‟Attente l‟oubli (1962), L‟Entretien infini (1969) e L‟Amitié (1971). Em um primeiro momento, trataremos dos discursos sobre a tradução e, como ponto de recusa, abordaremos o jogo subversivo exercido pela atividade de tradução diante da posição secundária que a crítica e a atividade criadora lhe imputaram. Com base nessa tensão, evidenciaremos que a tradução Ŕ atividade desempenhada por Blanchot Ŕ alimentou a aventura da exigência fragmentária...

A tradução e interpretação de provérbios e expressões idiomáticas em língua gestual: equivalentes linguísticos e culturais

Freire, Maria José Duarte
Fonte: Escola Superior de Educação de Coimbra Publicador: Escola Superior de Educação de Coimbra
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
76.18%
Trabalho apresentado no II Congresso Nacional de Pesquisa em Tradução e Interpretação de Língua de Sinais Brasileira, Universidade Federal de Santa Catarina/Florianópolis, em Novembro 2010, e no II Encontro Internacional do Ensino do Português, ESEC/Instituto Politécnico de Coimbra, em Fevereiro 2011.; A tradução e interpretação de expressões idiomáticas ou provérbios em língua gestual coloca diversas questões de carácter linguístico e cultural que o intérprete deve conhecer e aplicar para que tenha um bom desempenho. Neste trabalho são analisados os diferentes contextos em que este tipo de enunciados pode surgir e as diferentes alternativas de tradução e interpretação pelas quais se pode optar. Serão dados exemplos que permitirão estabelecer, ou não, um paralelo entre expressões idiomáticas e provérbios da língua gestual portuguesa e da língua portuguesa. Finalmente, dar-se-á conta dos resultados de um estudo sobre a existência, ou não, de provérbios na Língua Gestual Portuguesa (LGP) e de que modo as pessoas surdas se relacionam com esta forma de expressão.; Translating and interpreting idioms or proverbs into sign language raises several issues of linguistic and cultural nature that the interpreter must be aware of and apply in order to guarantee a good interpreting performance. This paper analyses different contexts where we can find this type of expressions and the different translation and interpretation alternatives we can choose from to render their content. Several examples will allow us to establish a parallel...

O fenómeno do Fansubbing em inglês: principais normas de tradução e legendagem

Sousa, Inês Fernandes e
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
86.01%
Tese de mestrado, Tradução, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2012; Este trabalho enquadra-se no âmbito dos Estudos Descritivos de Tradução, mais concretamente, nos conceitos de norma e estratégia de tradução e teve como objectivo estudar algumas das principais estratégias e regularidades evidenciadas pelo fenómeno de “fansubbing”. Este fenómeno corresponde ao trabalho de equipas amadoras especializadas na tradução para legendagem predominantemente em inglês de desenhos animados japoneses (“anime”), que é disponibilizado gratuitamente na Internet. Este estudo centrar-se-á nas traduções para inglês quer porque se tratam de traduções directas do japonês quer porque, por este motivo, são reconhecidas pela comunidade de fãs como o modelo a seguir no “fansubbing” em outras línguas. Sendo um fenómeno grupal relativamente recente, o primeiro capítulo deste trabalho dedica uma breve apresentação aos motivos que conduziram ao aparecimento do “fansubbing”, aos participantes envolvidos nesta actividade e às etapas de produção da mesma. Tecem-se, também, algumas considerações acerca da ética do “fansubbing”. No segundo capítulo, é apresentado o corpus constituído para este trabalho: electrónico...

To see with serpent and eagle eyes : tradução e literatura chicana; To see with serpent and eagle eyes : translation and Chicano literature

Thaís Ribeiro Bueno
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2012 PT
Relevância na Pesquisa
86%
Historicamente, a tradução tem sido pensada em função de pares dicotômicos (original/tradução; autor/tradutor; domesticação/estrangeirização; língua-fonte/línguaalvo), raciocínio que revela a crença na possibilidade de uma língua homogênea e estanque. Contudo, em comunidades cuja política e sociedade são fortemente marcadas por fatores de heterogeneidade étnica e linguística, tal crença fica abalada, sobretudo, quando se nota a enorme diversidade de línguas decorrente dessa heterogeneidade, tanto nas interações entre os falantes quanto na literatura. Esse é o caso da literatura chicana, que constitui o corpus desta pesquisa, sendo representada por Gloria Anzaldúa e Rolando Hinojosa, autores de Borderlands/La Frontera - The New Mestiza e Dear Rafe/Mi Querido Rafa, respectivamente. Tais obras, guardadas suas singularidades, apresentam marcas de heterogeneidade linguística (a escrita construída a partir do inglês, do espanhol e até mesmo do nahuatl, língua falada no império asteca; o codeswitching [ou alternância de código]; o braiding languages [ou entrelaçamento de línguas]; a subversão dos limites dos gêneros textuais) que desafiam qualquer projeto tradutório que se paute por noções tradicionais de língua e tradução. Com base nesse panorama...

Português europeu e mundial na tradução e interpretação: um presente do passado para o futuro

Anacleto-Matias, Maria Helena
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
76.06%
A língua portuguesa é uma das línguas mais faladas a nível mundial em termos de número de falantes nativos, se tivermos em consideração todas as Nações cuja língua oficial é o Português e as Comunidades Lusas espalhadas pelo mundo. Há muitas traduções e interpretações para a nossa língua, tendo em conta todas as instituições e organizações internacionais em que o Português é uma língua oficial ou, pelo menos, uma língua de trabalho. Baseada na experiência de formadora de tradutores e intérpretes durante sete anos em Portugal e na minha própria experiência enquanto intérprete nas Instituições Europeias, bem como com base na leitura atenta de autores interessados no Multiculturalismo e a importância do Português na Europa e no Mundo, chamo a atenção para algumas das problemáticas daí decorrentes, como por exemplo a importância do Português como lingua franca e como ponte de ligação entre culturas. Partilho algumas preocupações quanto à formação de tradutores e intérpretes cuja língua materna é o Português ou, pelo menos, que têm Português na sua combinação linguística. Algumas estratégias relativas ao treino desses "mediadores linguísticos de culturas" são apontadas, assim como os desafios europeus e mundiais que se colocam ao ensino da tradução e particularmente da interpretação.

Tradução e legendagem do documentário Fárria

Barros, Elisabete Maria Nogueira
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
76.1%
Trabalho de Projeto Apresentado ao Instituto de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Tradução e Interpretação Especializadas, sob orientação da Mestre Graça Chorão e coorientação da Mestre Paula Almeida; Como projeto final do Mestrado em Tradução e Interpretação Especializadas, foi-me proposta, no seguimento de uma parceria com a Escola Superior de Música, Artes e Espetáculo, a legendagem de um documentário de português para inglês, denominado Fárria, com o objetivo de ser mostrado no festival de cinema de Avanca. Fárria era o nome que as gentes da Terra davam à atividade de exploração de minério nas minas da Borralha, na região de Montalegre. A narrativa deste documentário gira em torno da história do contrabando de volfrâmio e de um homem de seu nome Manulo, mais conhecido na aldeia por “rei dos farristas”, que foi morto à porta da mina. A legendagem deste documentário permitirá a preservação dos testemunhos e a sua divulgação junto de outros povos e outras culturas. O trabalho possui duas componentes teóricas. A primeira discorre acerca das diferentes modalidades da tradução audiovisual, e ainda das normas e das estratégias de tradução e legendagem. A segunda componente teórica centra-se no nascimento do cinema documental...

Formação_de_tradutores@iscap.ipp.pt – perspectivas sobre o uso integrado da e-tradução e das ferramentas electrónicas

Albuquerque, Alexandra; Silva, Manuel Moreira da
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2004 POR
Relevância na Pesquisa
76.03%
Tendo na sua génese a análise de um estudo realizado entre os alunos de Tradução Assistida por Computador (TAC), disciplina leccionada pela primeira vez no ano lectivo 2003/2004, no 1º ciclo do curso de Línguas e Secretariado do ISCAP, este artigo procurará reflectir sobre o(s) percurso(s) da formação para os novos tradutores. Para tal apoiar-se-á, também, nas impressões e reacções dos docentes do ramo da Tradução e Interpretação Especializadas (TIE), nomeadamente daqueles que leccionam ou leccionaram os seminários de Tradução Assistida por Computador, de Ferramentas Electrónicas para Tradução e de Tradução e Novas Tecnologias. A nossa atenção recairá, assim, sobre o processo de ensino-aprendizagem da tradução, tendo como pano de fundo o projecto de formação de tradutores do ISCAP e, em particular, a disciplina de TAC – onde se procura que os alunos adquiram competências que, muitas vezes, apenas são conseguidas fora do âmbito da formação académica, no exercício da profissão, tal como acontece com a aquisição de conhecimentos de software de Tradução Automática e Assistida, de Ferramentas Electrónicas, de noções de pesquisa em linha e de capacidade de trabalho em grupo. Neste sentido...

Competência em interpretação - um breve estudo da interpretação em língua B; Competence in interpreting: a brief study into a B language interpreting

Camargo, Patrícia Gimenez
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 15/10/2014 POR
Relevância na Pesquisa
76.14%
This paper analyses the interpretation into a B language using the study of PACTE’s translation competence model (2003) and Gile’s Effort Model (1995), in order to answer the question: are competences in translation and in interpreting from the same nature? The main objective here is to verify if translation and interpreting use the same sub-competences and, additionally, if these sub-competences act in the same way in both processes.; O presente artigo analisa a interpretação em língua B a partir do estudo do modelo de competência tradutória do PACTE (2003) e do Modelo dos Esforços de Gile (1995), para responder à indagação: as competências empregadas na tradução e na interpretação são da mesma natureza? O objetivo principal é verificar se a tradução e a interpretação utilizam as mesmas subcompetências e, além disso, se essas subcompetências atuam de mesma forma em ambos os processos.

Performance of educational interpreter: partnership with teachers and authorship; Atuação do intérprete educacional: parceria com professores e autoria

Santos, Lara Ferreira dos; Universidade Federal de São Carlos; Lacerda, Cristina Broglia Feitosa de; Universidade Federal de São Carlos
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 24/10/2015 POR
Relevância na Pesquisa
76.15%
This research aim to analyze and discuss the work of the Educational Interpreter (IE), which is a recent professional in our country in the field of deaf educacion, and the currently researches on their performance in the classroom are incipient. This article aimed to discuss in addition to the work of interpretation from one language to another (Brazilian Sign Language/Portuguese), their relationship of partnership with the teacher and how this may influence interpretation practices, and also the possibilities of creation and discursive authoring by professional IE. For this purpose, this research is based mostly on Bakhtinian theoretical frameworks (2009, 2010), and authors in the field of deafness, translation and interpretation. The data selected for this study was done in tape-recorder and subsequently transcribed, in a History classroom with the presence of interpreter, on the 6th year of elementary school that proposed be inclusive bilingual for the deaf. The analysis on the IE’s performance demonstrated that the work of Educational Interpreter is not restricted to the utterances translation and interpretations:  he is co-author of the discourses delivered by teachers in classroom, and your practices are connected with the teacher’s practice work development.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7968.2015v35nesp2p505Este estudo visa analisar e discutir o fazer do Intérprete Educacional (IE)...

Translation and interpretation of sign language in the postgraduate context: problematizing positions; Tradução e interpretação de língua de sinais no contexto da pós-graduação: problematizando posições

Dinarte, Luiz Daniel Rodrigues; Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Russo, Angela; Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Pesquisa Empírica; Formato: application/pdf
Publicado em 24/10/2015 POR
Relevância na Pesquisa
96.09%
This article aims, based in sign language translation researches, and at the same time entering discussions with inspiration in contemporary theories on the concept of "deconstruction" (DERRIDA, 2004 DERRIDA e ROUDINESCO, 2004 ARROJO, 1993), to reflect on some aspects concerning to the definition of the role and duties of translators and interpreters. We conceive that deconstruction does not consist in a method to be applied on the linguistic and social phenomena, but a set of political strategies that comes from a speech community which translate texts, and thus put themselves in a translational task performing an act of reading that inserts sign language in the academic linguistic multiplicity.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7968.2015v35nesp2p174Este artigo tem como objetivo, a partir de pesquisas sobre tradução e interpretação de língua de sinais, e, paralelamente, inserindo discussões com inspiração nas teorias contemporâneas afinadas ao conceito de “desconstrução” (DERRIDA, 2004, DERRIDA E ROUDINESCO, 2004, ARROJO, 1993), refletir sobre alguns aspectos relativos à definição do papel e das atribuições dos tradutores e intérpretes. Concebemos que a desconstrução não consiste em um método a ser aplicado sobre os fenômenos linguísticos e sociais...

Sign language translation and interpreting studies: a new academic field?; Os estudos da tradução e da interpretação de línguas de sinais: novo campo disciplinar emergente?

Rodrigues, Carlos Henrique; Universidade Federal de Santa Catarina; Beer, Hanna; Universidade Federal de Juiz de Fora Universidade Federal de Santa Catarina
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Revisão de Literatura com reflexão sobre dados; Formato: application/pdf
Publicado em 05/10/2015 POR
Relevância na Pesquisa
76.3%
Considering that Brazilian researches on translation and interpreting from/into/between sign languages can be combined into what is known as Sign Language Translation and Interpreting Studies (SLTIS), we carry out a reflection on the emergence of this new academic field and its direct connection to Translation Studies (TS) and Interpreting Studies (IS). Hence, we shall present the interdependence and fundamental distinction between TS and IS, search for references in the interpreting and translation of sign languages in major TS and IS writings, and reflect on the SLTIS in Brazil. This reflection is based on sign language translation and interpreting research carried out in graduate school and on the four editions of the National Conference on Sign Language Translation and Interpreting Research. We have observed that while the SLTIS stand out for involving a visual-gestural language, they also maintain an undeniable and necessary link to their origins, since they have no existence beyond the TS and IS academic fields.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7968.2015v35nesp2p17Considerando que as pesquisas brasileiras sobre a tradução e a interpretação de/para/entre línguas de sinais podem ser reunidas sobre o que se apresenta como Estudos da Tradução e da Interpretação de Línguas de Sinais (ETILS)...

INTERPRETAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DE FRASES EM ALEMÃO ATRAVÉS DE DESENHOS

Bauer, Greice; Lima, Ronaldo
Fonte: Cultura e Tradução Publicador: Cultura e Tradução
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/07/2012 POR
Relevância na Pesquisa
76.09%
Partindo de frases pontualmente elaboradas para orientar a composição de desenhos realizados por crianças bilíngues, investigam-se nesta pesquisa duas questões principais: (i) a troca de sentido entre modalidades semióticas: verbal e não-verbal; (ii) o grau de leitura e, por conseguinte, de interpretação e representação do conteúdo das frases. As bases teóricas para a investigação centram-se na Teoria Interpretativa proposta por Seleskovitch e Lederer (1993). Os procedimentos metodológicos se baseiam nas propostas de Moore (2010). Finalmente, o caráter interdisciplinar da pesquisa conduz à evocação de saberes de áreas como a Tradução, a Interpretação, a Linguística e as Artes.